VIOMUNDO

Diário da Resistência

Sobre


Você escreve

Mauro Carrara: O paralelo entre Dilma e Marta


20/04/2010 - 19h16

E Dilma vai virando outra Marta

Teimosia, arrogância e indolência na campanha de 2010

Mauro Carrara

Meu Deus! Chega de “mimimi”, garotada. Quem não sabia? Quem foi pego de surpresa pela operação Tempestade no Cerrado? Quem imaginava céu de brigadeiro na voo de Dilma ao Planalto?

Há décadas, o roteiro de destruição de reputações é o mesmo. E a reação da cúpula de comunicação do PT, o partido sem mídia, é sempre a mesma. Mistura teimosia, arrogância e indolência. Invariavelmente, dá com os burros n’água.

Erudina, por exemplo, fez excelente trabalho na prefeitura de São Paulo, mas foi duramente fustigada pelos jornalões.

O Estadão, por exemplo, pagava um repórter para buscar, durante 24 horas, informações que a prejudicassem.

Alberto Luchetti Neto, sujeito de cultura e talentos limitados, aproveitou a oportunidade e virou peixe grande na imprensa. Fez amigos poderosos.

Pouco depois, virou diretor executivo da Rádio Bandeirantes. Mais tarde, dirigiu o programa do Faustão, na Globo.

Os fatos oferecem uma ideia de como a direita brasileira valoriza o trabalho tático de destruição de imagens. Erundina não fez seu sucessor, e os barões paulistas consideraram ter contraído uma dívida eterna com Luchetti.

Anos depois, Marta Suplicy realizou belas obras à frente da prefeitura paulistana, mas também sofreu pesadíssimo bombardeio da imprensa elito-fascista da Capital.

Em 2008, havia uma memória popular residual dos benefícios obtidos durante a gestão da petista. E, assim, a loura ocupou, de cara, o topo das pesquisas de opinião por meses e meses.

Bastou o primeiro lugar temporário para que os teimosos, arrogantes e indolentes desenhassem a trilha de mais um fracasso eleitoral.

Negligentes, não foram capazes de erigir uma barreira midiática de proteção à candidata. E, assim, todos os rótulos negativos foram novamente (e facilmente) colados à petista, pintada na Internet como “perua”, “vagabunda”, “ladra”, “adúltera” e “incompetente”.

O sandeu Kassab pôde então nadar de braçada, e ganhou de goleada, até mesmo na periferia, tradicional reduto vermelho.

Há várias semanas, denunciamos a deflagração da operação “Tempestade no Cerrado“, logo após o encontro dos barões da imprensa no Instituto Millenium.

Afinal, tudo vazou de imediato nas redações. Os editores foram obrigados a adestrar cada repórter para a ação destrutiva em curso.

Também avisamos sobre a fábrica de “hoaxes” graeffista. E, de lá para cá, dezenas e dezenas de pessoas foram arregimentadas para divulgar peças difamatórias na Internet.

O rapaz do “xerox”, aqui perto de casa, no Brás, já recebeu uma dessas bombas virtuais.

Até a mulher da quitanda já leu. Ela não tem Internet, mas uma sobrinha tratou de imprimir o texto que aponta Dilma como “assaltante de bancos” e “prostituta de guerrilheiros”.

Paralelamente, até os entes minerais já sabiam que a grande imprensa mandaria às favas qualquer escrúpulo, antecipando a campanha serrista. E está aí, na propaganda institucional da Globo (suspensa) e na capa escandalosa de “Veja”.

E, dessa forma, sem qualquer oposição organizada, as forças reacionárias vão colando tudo que há de ruim à imagem de Dilma Rousseff. Vai virando outra Marta…

Há um padrão repetitivo de erros nas ações estratégicas de comunicação do PT e de seus aliados. E são cinco:

– No poder há 7 anos, a esquerda não foi capaz de criar um jornal eclético, multitemático, dirigido às massas ou à classe média leitora. Até os confusos comunistas italianos têm; aqui, não temos nada.

– Tampouco há um portal de Internet, também eclético e multitemático, capaz de difundir a versão correta dos fatos políticos e divulgar as conquistas do governo Lula. A juventude de classe média, por exemplo, é altamente conectada, mas tem a pior visão possível da esquerda.

– 90% dos conteúdos da chamada “blogosfera lulista” circulam dentro dos próprios redutos da esquerda. As denúncias, correções e defesas raramente chegam ao povo votante. Temos de valorizar esses guerreiros midiáticos, mas os resultados, em termos midiáticos, são extremamente modestos.

– Não existe uma ação planejada e efetiva de caça aos difusores de calúnias na Internet. Aparentemente, a esquerda não tem advogados, desconhece a lei e considera inevitável a ação dos criminosos virtuais.

– O PT e seus aliados continuam com medo da imprensa monopolista. Não a denunciam, não a desmascaram. Vergonhosamente ajoelhados, reagem com vagas lamúrias, dirigidas aos próprios algozes. São incapazes de se comunicar diretamente com a população, de modo a desmascarar os barões midiáticos.

Vale lembrar ainda que pouquíssimos militantes têm feito a lição de casa. Entre os comentaristas dos sites dos grandes jornais, a malta reacionária está sempre em vantagem.

Em média, para cada comentário favorável a Dilma Rousseff e Lula, há 10 contrários.

Prova que não temos um Graeff do bem. E que nossos batalhões também são indisciplinados e, muitas vezes, preguiçosos.

Se o destino de Dilma pode ainda ser diferente daquele de Marta, há que se produzir uma mudança no curso das ações de comunicação e propaganda.

Se a candidata não pode ser estigmatizada, é preciso que essa operação de iluminação informativa comece agora, e já.

E esse trabalho de defesa estratégica precisa urgentemente gerar saber político extensivo. Precisa impactar o sujeito do xerox e a senhora da quitanda.

E chega de “mimimi”!

Ajude o VIOMUNDO a sobreviver

Nós precisamos da ajuda financeira de vocês, leitores, por isso ajudem-nos a garantir nossa sobrevivência comprando um de nossos livros.

Rede Globo: 40 anos de poder e hegemonia

Edição Limitada

R$ 79 + frete

A mídia descontrolada: Episódios da luta contra o pensamento único

R$ 40 + frete

Pacote de 2 livros - A mídia descontrolada e Rede Globo

Promoção

R$ 99 + frete

A gente sobrevive. Você lê!


175 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

ZKFonseca.

23 de abril de 2010 às 19h57

Belo texto, análise lúcida, a não ser pela referência à Marta,que tem a vocação para a vulgaridade. Eduardo, que lhe empresta o nome, é um lord. Eu teria botado a boca no trombone, o que depois foi muito bem feito pela namorada dele à época. Marta, voce está, politicamente, morta!

Responder

    Juliano

    24 de abril de 2010 às 04h09

    Marta foi a melhor e maior executiva da cidade e do estado de São Paulo em décadas. É tudo.

Ubaldo

23 de abril de 2010 às 02h05

Como animador de auditório ou coordenador de meninas estandartes de bandeiras petistas nas esquinas, o texto está bom.
Esse Mauro Carrara é um ótimo torcedor.

Responder

    Daniel

    23 de abril de 2010 às 19h37

    Não alimentem os trolls.

Eduardo Di lascio

22 de abril de 2010 às 19h47

O PT enfrenta uma crise de quadros com potencial eleitoral. Depois que os Zés (Genoíno e Dirceu), o Palocci, a Marta, o Mercadante, e o Suplicy se queimaram por motivos variados, o PT cada vez mais se confronta com uma erosão de dentro para fora. Triste isso.

Responder

Armando do Prado

22 de abril de 2010 às 14h24

É tudo verdade, sim! Continuamos acreditando no destino manifesto e que somos os donos da história. Daí a indolência. A direita está nadando de braçada na internet, e o PT tem medo de denunciar, medo da mídia predadora.
O recente caso da Globo e a propaganda subliminar só caiu porque houve reação da blogosfera e de um assessor do PT, mas de forma isolado. Teve a atenção chamada pela sua atitude. Ainda é tempo de reagirmos.

Responder

    jbmartins

    22 de abril de 2010 às 18h25

    Acho que a jogada do PT esta correta, a oposição sem Rumo esta provocando, para ter na reação do PT a comprovação do que inventam.

lucas k.

22 de abril de 2010 às 17h17

Só um porém. Há uma parte importante do debate político que se dá fora do mainstream. Quando se discute mídia no Brasil, pouco se fala sobre a maturidade e influência que as rádios comunitárias vêm alcançando. Metade delas (a outra metade está de fato nas mãos de políticos ou igrejas) são feitas por lideranças sociais, jovens, tiozinhos ou adultos bem vividos politicamente que escolhem lado muito claramente: são a favor dos pobres, dos trabalhadores e votam em governos com propostas populares. Nosso povo produz comunicação para além da "tradicional" imprensa de esquerda: Brasil de fato, Caros Amigos, Rede Brasil Atual, blogs, etc. Ora bolas. quantos locutores indignados nos microfones das rádios comunitárias discutindo os problemas da quebrada e do país! E são cada vez mais escutados nos bairros afinal, estão cada vez mais multimídia, elaborando vídeos, reportagens aprofundadas de rádio, fazendo entrevistas. A diferença é que parte desses caras das rádios comunitárias cobram muito Lula e o PT pois a repressão à eles continua massacrante. Ou seja, melhor ainda, são de esquerda mas alguns não babam ovo pro Lula. Cobram ele. A campanha para eleger Dilma, portanto, deve não só colar a IMAGEM do presidente a dela, mas sim a das conquistas sociais dos últimos anos. Dilma só precisa mostrar que significa continuidade. Se conseguir isso, não haverá campanha difamatória que quebre suas pernas e nosso povo, como em 2002 e 2006, novamente vai eleger o candidato não preferido da grande mídia.

Responder

francisco.latorre

22 de abril de 2010 às 13h58

peraí.

o que acontece mesmo com o lobo da história?…

o caçador-lenhador… crau nele… finished.

..

chapéuzinho vermelho?… foi eleita em primeiro turno.

..

Responder

    francisco.latorre

    22 de abril de 2010 às 14h15

    chapéuzim vermelho..

    ops..

    será esse o mito-arquétipo da eleição?…

    história… épico fabulástico. eterno retorno do demais humano.

    ..

    lobo… chapéuzim vermelho… caçador-lenhador?…

    fácil essa.

    ..

J. Gilberto

22 de abril de 2010 às 16h28

Nem todos os petista tem medo do PIG. Os que administram a Petrobrás souberam fazer a brindagem e desmacará os folhetins da direita via blog fatos e dados.

Responder

Marcelo Gonçalves

22 de abril de 2010 às 15h25

As vezes da raiva do PT. Ontem na festa do Correio Braziliense, o governo foi atacado na frente do Lula. A reação do Lula? Preferiu ir embora…

Responder

    Carlos

    23 de abril de 2010 às 11h48

    Seria o caso do Lula bater boca na casa do dono da festa?
    Acho que não, melhor, tenho certeza que não.

Jhumberto

22 de abril de 2010 às 15h17

Totalmente de acordo com voce Carrara. O PT e a esquerda em geral precisam acordar desta letargia. Muitos politicos do PT tem uma postura oportunista e nao querem entrar em confronto com a midia.

Responder

Henrique

22 de abril de 2010 às 14h59

Quando a Marta fez os CEUS o Lula disse que ela criaria um estigma grande na sua carreira política em São Paulo – realmente foi o que aconteceu!
Quando a Dilma fala em casas para pessoas que ganham até 3 mínimos, creches educacionais para crianças de 0-3 anos, que o governante tem que botar o pé na estrada para ver as necessidades do povo e dos empresários, etc…, aqui em SP isto não cola porque o preconceito de classe é muito grande além da alienação midiática!
Quem sabe com um programa educacional, que a Dilma citou, venha a tirar o cabresto dos eleitores paulistas!

Responder

Giovanni Gouveia

22 de abril de 2010 às 14h46

O problema é o PT Paulista, principalmente da capital e região metropolitana (infelizmente quem tem as rédeas do partido), que tem essa síndrome de vira latas…

Responder

@LuizAlaca

22 de abril de 2010 às 14h40

Azenha esse post aqui serve como uma resposta ao Maurohttp://sandaliasdopirata.blogspot.com/2010/04/o-t

Responder

Luiz Claudio

22 de abril de 2010 às 14h32

Este artigo é uma das melhores coisas já publicadas. É um alerta considerável para todos nós, para que nos unamos e passemos a divulgar uma contraintormação a respeito da desinformação divulgada (há muito tempo) pela direita. O pior é que isso cumpre um papel subliminar para, aos poucos, ir fazendo a cabeça de eleitores e até de simpatizantes, que ficam (ou podem ficar) abalados em suas convicções. Realmente, a blogsfera também não seja suficiente para conter a onda da direita, apesar de importante. Pergunta: o que poderemos fazer, de forma mais organizada, para participarmos da contra-propaganda da direita. Sou todo ouvidos.

Responder

José

22 de abril de 2010 às 14h14

No segundo turno da eleição para prefeito de Curitiba em 2000, candidato do PFL/PSDB – Cássio Taniguchi – e curriola atacou durante mais de um mês, com acusações pesadíssimas, mas o candidato do PT preferiu ler poemas do Leminski, como se não fosse com ele.
Quando tentou reagir – 3 dias antes da eleição – era tarde demais…

Responder

francisco.latorre

22 de abril de 2010 às 13h58

esse episódio globo 45 é o sinal.

a guerra será total.

precisa se ligar no fogo amigo. identificar. marcar.

e nos infiltrados 'do bem'. aqueles com patinhas de lobo cobertas de algodão doce.

..

globo 45.

vai pegar.

..

Responder

Benedito

22 de abril de 2010 às 13h28

O PT sempre foi uma lástima em comunicação midiática. E aqueles petistas que têm alguma simpatia dos jornalões por serem oriundos da pequena ou alta burguesia, como Mercadante e Suplicy, comportam-se como avestruz. Acorda PT!!

Responder

francisco.latorre

22 de abril de 2010 às 13h23

dilma não é marta. e o brasil não é são paulo. não mesmo.

marta foi turbinada nas pesquisas em 2008. serra escolheu marta. pra perder.

dilma… ao contrário… tem tudo pra ganhar. por isso as pesquisas fajutas contra ela.

a história é outra.

não há que ignorar o furor golpista.

mas o povo não é bobo. o povo sabe.

não subestimem o povo brasileiro.

..

Responder

    Artur

    22 de abril de 2010 às 16h51

    se dependesse do povo, os militares até hoje estavam no poder. A ditadura caiu de podre. Infelizmente o povo brasileiro é alienado politicamente. Vamos ser sinceros.

    francisco.latorre

    23 de abril de 2010 às 18h14

    alienada é a classe média encabrestada.

    que se acha.

    ..

    maria

    24 de abril de 2010 às 11h48

    concordo com vc Francisco, ainda bem que até o povo da periferia está deixando de ser tupiniquim mal informado, dai a preocupaçao em fazer com muito cininso declarações de preocupação com relação a mídia e o PT, mal sabem que agora quanto mais mal falam do Lula mais ele cresce e isso está acontecendo tambem com a DILMA.Se no Brasil nascessem apenas filhos de virgens como nasceu meu irmão Jesus Cristo eu me mataria com o cordão umbilical vamos deixar de hipocrisia,falar da vida pessoal de alguem é no minimo dar atestado de incompetencia a si mesmo poupem-se disso, não cola mais.
    Maria Teresinha

Marc

22 de abril de 2010 às 13h03

Esse negócio de oferecer a outra face é idiotice.
Tem que partir pra guerra. Se jogarem baixo, joguemos tb…
Petista hoje em dia virou sinônimo de COVARDE…
Infelizmente…

Responder

Henrique Teles

22 de abril de 2010 às 13h00

Vejo todo mundo exercitando seu talento de "especialista" no diagnóstico das falhas do PT no enfrentamento da situação. De fato, estão corretas tais divagações, mas o que me chama atenção no texto de Carrara é o retrato da nossa inércia.
Dados convincentes da atuação torpe da grande mídia estão disponíveis para que qualquer um de nós edite um "power point" e espalhe para nossos destinatários de caixa de correios, edite e publique um vídeo no youtube, publique o vídeo em nossas páginas no orkut, links no tweeter e o escambal.
O varejo faz uma grande diferença, sim. Temos que arregaçar as mangas, pegar na alça do caixão e enterrar o morto.
Sim, temos um morto teimoso a ser enterrado, que administrou o país por 500 anos com grandes prejuízos: são eles os donos da grande mídia, e são eles mesmos que não permitiremos que saiam do caixão que eles entraram em 2002.
Toca o enterro! Pá de cal neles! Nosso caminho é outro.
Que vença o movimento político liderado pelo PT, e que seu tempo também vença quando for a sua hora. Mas aí já teremos outros desafios para serem tocados por gente que saiba que uma nação forte não existe sem povo vitaminado.
Por enquanto iremos atuar dentro do que podemos, fazendo pequenos atos que somados serão muito mais significativos à democracia que qualquer movimentação do próprio PT.
Começarei pelo meu blog.
Mãos à obra.

Responder

Arnaldo

22 de abril de 2010 às 12h43

Lembro como atacaram a Marta por causa das chuvas em São Paulo. Ela praticamente perdeu uma eleição por causa disso. Agora, as mesmas chuvas causaram estragos bem maiores, São Paulo ficou mais de 3 meses debaixo d´água e, o que vimos, culpa do pobre São Pedro, que nem está aqui para se defender. Aconteceu o mesmo agora com Rio e SP. Em menos de um mês, o discurso mudou totalmente. Arrumam desculpas para tudo, a fim de acobertar a incompetência da dupla DEMo-tucanalhas. Zé Alagão é maior de idade. Por que passam tanto a mão na cabeça dele? É um incompetente mesmo. Não voto nele nem para síndico de condomínio.

Responder

Carlos

22 de abril de 2010 às 11h34

É isso aí, Carrara!
"O PT e seus aliados continuam com medo da imprensa monopolista. Não a denunciam, não a desmascaram. Vergonhosamente ajoelhados, reagem com vagas lamúrias, dirigidas aos próprios algozes. São incapazes de se comunicar diretamente com a população, de modo a desmascarar os barões midiáticos."
.
Enfrentar os barões da mídia e correr o risco de ficar na 'geladeira" ou ser alvo de ataques?
Jamais, jamais, jamais!

Responder

lorival magnoni

22 de abril de 2010 às 11h06

Parábens, Mauro pelo a alerta. Que sirva para a alta cúpula petista prestar mais atenção nas ações sincronizadas do ¨"PIG" .
Sou pequeno empresário na Zona Leste de São Paulo e a amioria de meus funcionários-diariamente – chegam com novos factóides contra Dilma Russef . Isto me faz repensar : será o que temos feito até agora pra combater o Serra tem
sido suficiente. Acho que não, posso dizer pelos os meus funcionários e vizinhos.

Lorival Magnoni

Responder

Alexandre Araújo

22 de abril de 2010 às 10h07

Concordo plenamente com essa crítica ao grupo de comunicação que assessora Dilma: eles são muito lerdos. Porém, como alguém bem comentou aqui, hoje a história é outra. Com a internet para desmentir as culhadas que os veículos de comunicação inventam todos os dias, não basta mais, para ganhar uma eleição, pagar a um repórter pra ficar perseguindo. Já disse várias vezes que o povão sente no bolso e na barriga os efeitos dos oito anos de governo Lula e, a não ser que haja uma impugnação de candidatura, é quase impossível, pelas vias democráticas, Lula não eleger seu sucessor.

Responder

Adilson

22 de abril de 2010 às 04h47

Em pleno advento da blogosfera não creio que a impren$$$a tenha poder de formar opinião pública, como tinha há 10 anos atrás, tanto é verdade que a Rede Globo retirou do ar aquela peça publicitária a favor do Serra, em razão da indignação veemente dos internautas, que criaram um blog para demonstrar de maneira inequívoca a postura antidemocrática da Veja, em face da sua última capa, observem a página criada na internet em forma de protesto contra a tendenciosa e partidária capa da Veja:http://meiguiceserra.tumblr.com/page/1.
Não obstante, eles dirão que a Ministra Dilma é isso e aquilo, mas o fato de ser dito pela tal "massa cheirosa" retira o conteúdo de verdade da mensagem, ou será que alguém tem dúvidas que o PIG é contra a Ministra Dilma Rousseff?

Responder

    jose carlos lima

    22 de abril de 2010 às 05h44

    Antigamente o PT se preocupava muito com a formação política,,,os filiados e simpatizes do PT poderiam ser multiplicadores de saberes,,levar o conhecimento ao povo,,no entanto somos uma massa ociosa quando há muita gente querendo saber o que é uma Constituição Federal,,vamos morrer levando para o tumulo o nosso saber sem termos transmitido isso ao povo, o que seria uma ótima vacina contra esta campanha que a mídia fez contra a Marta e agora a repete contra Dilma,conforme mostra Carra neste ótimo texto

Marisa Ribeiro

22 de abril de 2010 às 04h38

Parabéns, Azenha, pela publicação desse ótimo texto, carregado de incômodas verdades.

O professor Mauro Carrara mais um vez foi direto ao ponto, falando da realidade, sem puxação de saco de líderes partidários.

Elas vão machucar alguns cegos e vacas de presépio da máquina partidária, algumas delas já se manifestando desrespeitosamente aqui.

Esse salto alto já nos custou retrocessos impressionantes na luta política.

E vale explicar que Dilma não é Lula. Completamente equivocados esses que acreditam que ela tem os mesmos trunfos que nosso grande presidente. Não tem. Portanto, é preciso de ação já.

Responder

@macfa

22 de abril de 2010 às 04h28

Muito ruim este texto. Totalmente fora da realidade. I

Responder

    Daniel Soares

    22 de abril de 2010 às 12h43

    Discordo. Foi justamente por pensar dessa forma (fora de realidade) que o "massacre" sobre a Marta ocorreu na última eleição. É preciso se organizar sim, sair desse "ostracismo" que a direção petista está inserida e ir à luta! Os tempos são outros e já passou da hora desse caras sairem da sua zona de conforto e começar a fazer algo que realmente informe e resposta aos ataques estão sendo feitos.

    Excelentes comentários!

Gabriel

22 de abril de 2010 às 04h24

A gente pode até ficar furioso com os rumos da imprensa e dos jornalistas, mas veja bem. O cara (jornalista) está numa grande empresa de (des)informação. Ai o chefe chega e diz: nosso objetivo é triturar a candidatura governista (Dilma) e espremer o partido dela e aliados. O cara com essa missão, 99% vai tentar cumprir seu objetivo. Já trabalhei num conselho de medicina como webmaster e na grande maioria das vezes na elaboração (designer) do boletim eletrônico eu tinha que fazer meu trabalho com "notícias" que eu via que não condizia com a verdade. O boletim informativo estava sendo usado com panfleto de pressão. Ainda bem que não faço mais esse trabalho. E antes que me perguntem se fui demitido. Respondo que não. Propus uma quebra de contrato amigável já que existia multa. Hoje em dia o boletim continua com o mesmo editorial. Sujo e fazendo do seu presidente um fantoche de novo ditador. Obs. Trabalhei em três gestões, mas essa última… Politicagem pura.

Responder

Fernando Oliveira

22 de abril de 2010 às 04h03

A estratégia do "Lulinha paz e amor" foi providencial e muito bem sucedida. Eu diria até, fundamental, na eleição de 2002. Mas… já rendeu o que deveria render, já deu o que tinha que dar… Lula e o seu competente Governo não precisam provar mais nada nem coisa nenhuma, pra quem quer que seja. Já passou da hora de seguir em frente e encarar novos(?) desafios. Pode ser mais cedo, ou mais tarde… mas uma coisa é certa: para qualquer governo que ouse um Brasil melhor, por quanto mais justo, o confronto com determinados dejetos que teimam e conspiram pelos subterrâneos esgotos, é mais que presumível… é fatal, é inevitável.

Responder

Eugênio

22 de abril de 2010 às 03h56

Nada de marqueteiros picaretas e de importar, a peso de ouro, assessores de obamas e quetais, q se limitam a reproduzir as fórmulas e os conceitos da direita. Se o partido estivesse realmente interessado em discutir comunicação, tenho certeza q encontraríamos fórmulas criativas e viáveis, pois temos uma legião de pessoas para isso. Mas alguém ou alguma coisa precisa aglutinar e direcionar esse potencial, por q, do contrário, ficaremos eternamente nesses movimentos erráticos de militantes de boa vontade q tentam fazer o trabalho, q por obrigação, é do partido.

Responder

Eugênio

22 de abril de 2010 às 03h55

Só o fato do PT ter q disputar com o Serra, já seria motivo suficiente para preocupação num partido q leva a comunicação a sério. Certamente esse ñ é o caso do PT, q acha normal uma nulidade como essa, cevada nos porões da mídia, disputar voto a voto com a Dilma.
Definitivamente o PT ñ aprende com a experiência e quer ver repetido em escala nacional o q está acontecendo aqui no RS. As lideranças desse partido precisam entender q a comunicação é estratégica, é mais importante do q respirar. E precisam se compenetrar de q é inadiável a organização d uma política de comunicação, fazendo um chamamento a todas as cabeças pensantes do nosso campo ideológico. Mas só as cabeças pensantes, gente q tem realmente alguma coisa a dizer.

Responder

Eugênio

22 de abril de 2010 às 03h54

O q falta as lideranças petistas e os responsáveis pela comunicação do partido (o PT tem isso???) é fazer o q fazem todos os mortais: pegar um ônibus, o metrô, ir as quitandas e barbearias e ouvir o q diz o nosso "çabio" povo sobre a política. Ou criar um departamento para receber todo o lixo raivosamente anti-petista, q eu (e outros) recebo pela internet, na maioria das vezes, de conhecidos com formação universitária. É simplesmente impossível rebater todas essas merdas, q, quer o PT acredite ou ñ, calam fundo na alma de nossa gente. Quando tu tentas debater sobre isso, o q vomitam sobre ti como "argumento" é a repetição desse lixo disseminado pela direita

Responder

Ubaldo

22 de abril de 2010 às 03h53

Será que o PT que tem 30% do eleitorado não tem um nome melhor que a Dilma para concorrer?

Responder

    Flavio

    22 de abril de 2010 às 13h48

    tá com medo né camarada, hehehehe, nem começou a campanha e ela já tem 30%, imagina quando o ótimo candidato do psdb começar a aparecer no primeiro debate, tem muita gente boa no PT que poderia ser candidato, cada partido escolhe o seu, no seu caso vc quer escolher o nosso, mas não vai!!!, infelizmente para vc terá que aceitar calado mais uma derrota desta direitona.

Eugênio

22 de abril de 2010 às 03h53

Tirando essa enfiada de lugares comuns, como esses do comentário do Mauro, a quase totalidade dos comentaristas expressa uma grande e procedente preocupação com a inépcia e a letargia do PT. Realmente, as lideranças desse partido são de uma soberba irritante quando se trata de considerar a ameaça da mídia. Confiam cegamente q o "povo" terá discernimento na hora de votar, mesmo quando sepultado pela avalanche de mentiras disseminadas pela mídia e seus capangas.

Responder

Beto Crispim

22 de abril de 2010 às 03h36

Carrara, que ótimo. Estou falando isso a anos dentro do PT e de outros espaços. Ainda há Diretórios do Partido que assinam Veja, Isto É, època, Folha, Estado de Minas, Estadão e não assinam nenhuma publicação da esquerda ou com uma linha editorial mais progressista. Nem mesmo a Teoria e Debate, revista do PT. Fico surpreso quando apareço perto de alguns ditos "dirigentes" com a Carta Capital, Fórum ou a Revista do Brasil e o "sujeito" pergunta – "esta revista é boa?", As vezes respondo indignado – não, boa mesmo é a Veja. Pior quando falo de blogs como o viomundo, Nassif, Conversa Afiada, e a pessoa diz que não conhece. Mas o "lixo" da imprensa brasileira, eles compram e ainda propaga. Pior que muitos usam aquele argumento mais simplorio – temos de saber o que eles pensam. Imagina, se preciso gastar dinheiro com a Folha, Veja, Época ou qualquer outra porcaria similar para saber o que pensa a direita golpista desse país?

Responder

Luciene

21 de abril de 2010 às 23h09

perdão, exemplo com X , digitei errado !

Responder

Luciene

21 de abril de 2010 às 23h08

E se todas as pessoas que estão aqui se organizassem – suponhamos, numa lista de discussão – para rebater estes ataques à imagem da Dilma ?
Uma lista de discussão, por esemplo, pode ser centralizadora. Algo que não tome muito tempo de ninguém, mas que tenha impacto.

Fica aqui à idéia, quem gostar , entre em contato para conversarmos à respeito.
Abraços.

Responder

    maria

    24 de abril de 2010 às 12h01

    achei a ideia legal, eu topo, vamos fazer o que pudermos para defender não só a Dilma e o PT, mas para tentar acabar com essa hipocrisia de qualquer mulher que se destaque no meio político-social seja tratada como algo sem qualquer valor e respeito, pois até as prostitutas merecem todo respeito, pois são mulheres, que tiveram opção por trabalharem com seu próprio corpo.e eu não tenho nada com isso. sou do PT de Taubaté, S.P
    maria

akram

22 de abril de 2010 às 01h29

O PT tem pavor de ser chamado de autoritario pela imprensa golpista,nao compra briga com ela,apesar de ser fustigado diaramente,alias quer governar agradando a gregos e troianos dai o equivoco em muitas frentes(economicos, politicos,e de comunicacao),esse estilo de paz e amor tem vida util curta,a medida que a direita vai radicalizando o PTestaria numa encruzilhada: entregar o poder ou enfrentar,a direita hoje em dia radicaliza o discurso suavisando-o,a imprensa aprendeu de seus erros,nao adianta bater em frente pensa os gurus dos jornaloes,tem mais e divulgar o candidato deles,criticar indiretamente sem produzir escandalos,mas aposto que se o Serra ganhar,vai produzir ele e a imprensa dele,tantos escandalos para derrubar uma vez por todas,o LULA e o PT,para nunca mais nesse pais um metalurgico qualquer ,ou um esquerdista que seja ousar pensar em ser presidente.
Alias ouvi dizer que a DILMA estve reunida com os Frias,o Civita nada vazou mas aposto que ela foi la repetir a ladainha do PT que o partido nunca estve contra a liberdade de imprensa ,isso que e o auto flagelo que o PT o impos a se mesmo.

Responder

Ali Kômiko

22 de abril de 2010 às 01h13

Prás bandas de cá
Esse é o Slogan:

O Brasil Pró Dilmais.

Responder

Carlos Henrique

22 de abril de 2010 às 00h33

Precisamos fazer o PT entender isso definitivamente. Por "entender" leia-se "forçar o partido a adotar essa prática, obrigando-o a assumir o compromisso históriCO que tem em suas mãos : a chance de aprofundar o processo de mudança, começado por Lula, ou entregar o país àqueles que querem impedir que nossa Sociedade evolua, perpetuando a desigualdade, mantendo os privilégios escandalosos de uma elite fascista. NÃO PODEMOS PERMITIR QUE A DIREITA IMPONHA SEU CANDIDATO A 190 MILHÕES DE BRASILEIROS. TEMOS A TAREFA DE APENAS NÃO DEIXAR QUE A COVARDIA DO PT, SUA INCAPACIDADE DE REAÇÃO, IMPEÇAM QUE O SUCESSO DO GOVERNO LULA, O CARISMA DO PRESIDENTE E AS EXCELENTES PROPOSTAS DE DILMA MOSTREM AOS BRASILEIROS QUAL O PAÍS QUE ELES ESCOLHERÃO EM OUTUBRO, QUE CANDIDATO DEFENDE UMA SOCIEDADE VOLTADA PARA TODOS OS CIDADÃOS.

Responder

Geraldo Mendes

22 de abril de 2010 às 00h09

Já disse e repito que Dilma vai arrasar o Serra nos debates. Mas não deixa de ser revoltante a postura omissa da direção do PT em relação à sociedade entre o PIG e Serra/PSDB. Desmobiliza a militância. Talvez seja isso que eles querem. Acham a militância dispensável porque Lula vai aparecer na TV pedindo votos para Dilma e toda essa coisa de vinheta dos 45 anos, pesquisas fajutas e capas de Veja irão para o beleléu. E pior. Se precisar da militância ela vai para a campanha feita cachorrinho, abanando o rabo.

Responder

Edimilson

21 de abril de 2010 às 23h58

Muita calma nesta hora, o ZÈ piruta não sai do lugar. ne fevereiro ele tinha trinta e seis porcento , quase dois meses depois ele tem os mesmos trinta e seis, mesmo com toda ajuda do pig, então podemos concluir que não ha motivo para preucupação, do outro lado sim, porque eles batem todo dia no lula e não adianta ele só sobe, então amigos da web esta tudo sobre controle, O BOM CAÇADOR NÃO USA MUNIÇÂO ANTES DA HORA.

Responder

Flavio

21 de abril de 2010 às 22h55

Se este artigo de Mauro Carara fosse uma tese defendida na inicial de uma ação judicial seria inepta, isto é careceria de veracidade no nascimento, o discorrer do artigo até que parece ter uma sustentação, entretanto é totalmente baseado em um fato distorcido, é uma avaliação da opiniao da midia paulista, berço do tucanato e de jornalões que distorcem há anos as questoes politicas do Brasil, note que os exemplos usados são duasmulheres persolnalidades do PT paulista, somados a isto o interesse dos globail, estamos falando de um fenomeno de manada que parece estar desaparecendo a cada eleição, salvo são paulo que é um estado atipico, até mesmo onde o PT tem profundas desavenças, a internet vem para equilizar opiniões, ou seja, um meio mais democrático e de fácil expressões de idéias como a minha e esta que questiono. ah são paulo nao é Brasil é apenas um estado da federação.

Responder

    dukrai

    22 de abril de 2010 às 00h43

    ô Flávio, vc tem razão, mas SP tem em torno de 25% dos eleitores do país e merece uma olhada específica de como reage o eleitorado. O IPEA tem dados interessantes sobre a desindustrialização de SP, o desemprego no estado e otras cositas que parece estar empurrando essa galera pra turma da direita, vide os 700 mil votos do Maluf.

Sebastião Ferreira

21 de abril de 2010 às 22h44

O PT ainda não sabe lidar com a libertinagem de imprensa, que aliás pode ser criminalizada. Liberdade de imprensa não é liberdade de empresa jornalistíca distorcer os fatos e manipular pesquisas. Se o partido e seus aliados não adotarem a prática do nada sem resposta, a Dilma pode sim, ser prejudicada por falta de um esquema de contra-informação.

Responder

maria ferreira

21 de abril de 2010 às 22h38

Por favor leiam "O trunfo de Dilma Roussef" emhttp://sandaliasdopirata.wordpress.com/, acho que oferece um contraponto aos nossos receios.

Responder

Geloca

21 de abril de 2010 às 22h36

Que texto lúcido. Não quero ser arrogante ao elogiar, como se a minha avaliação fosse importantíssima. O que eu quero, mesmo, é dizer que o Mauro fez uma análise que respondeu ao que eu sentia mas não conseguia expressar. A competência da direita é infinitamente maior do que a da esquerda para utilizar tudo ao seu dispor, para criar, divulgar e fortalecer seu ideário junto à polulação em geral. A esquerda, ao contrário, além de amadora, não usa o que lhe é disponível (instrumentos legais), não conta com uma mídia minimamente decente, e parece paralisada..

Responder

    oswaldo

    22 de abril de 2010 às 01h11

    Não é competência, é sim eco, eco, eco, eco, eco na grande mídia que o PT não tem.
    Cada palavra demotucana é elevada a dez, do PT subtraída, distorcida, manipulada, omitida.
    Só a responsabilidade do cidadão em saber, discernir o que é o que, fará a diferença, nem tudo pode fazer um político, um partido, um governo, um presidente, uma candidata.

amilton alavarce

21 de abril de 2010 às 21h46

Realmente essa paralisia do PT, nos deixa estupefatos,vivi a campanha da Erundina, e da Marta em SP,por mais que quizesse argumentar contra, sempre era voto vencido ou como disse o amigo la em cima, era até estigmatizado quando procurava defender essa candidatura. Hoje já recebi emails os mais apocrifos possives sobre a Dilma e NENHUM do Inacabado…..logico que não deverimos agir damesma forma. mas deveriamos ao menos responder,com a mesma força que fomos atacados.
O PT tem que reagir rapido, a história vai se repetir.

Responder

dvorak

21 de abril de 2010 às 21h43

Buá, buá, buá…Eita chororô…E ainda tem coragem de dizer que a "Martaxa" realizou belas obras à frente da prefeitura.É um brincalhão!!!

eheheheheheehehe

Responder

    Ricardo

    22 de abril de 2010 às 01h47

    Não entendo essa alcunha a que chamas a Marta…
    Foi ela quem cercou todas os municípios de São Paulo?
    O ex-atual governante acabou com as taxas que Marta criou? Não criou nada emm seu lugar? Não aumentou o IPTU e IPVA de maneira aviltante?
    Tsc tsc, Ô peninha de quem não quer ver os fatos…

Marco

21 de abril de 2010 às 21h34

Azenha, quero que preste atenção no seguinte: em primeiro lugar, não é segredo para nenhum de nós que a direita brasileira usará de todas as artimanhas possíveis e imagináveis para sabotar a campanha de Dilma. E como a oposição sabe que, se o eleitorado brasileiro estiver ciente de que é ela a candidata de Lula, ficará muito difícil para Serra, estão agindo também neste sentido, tentando obter a maior desinformação possível em relação a ela. Até agora, vão muito bem neste quesito: segundo a última pesquisa DataFolha, apenas 27% sabem que Serra é o candidato do PSDB, e menos da metade conhecem que Dilma é a candidata do PT.

Feita esta introdução, lembro que, há poucas semanas atrás, foi apresentada no Jornal da Record matéria que denunciava que sucessivos governos tucanos de São Paulo permitiram que a TV Globo anexasse valioso terreno público, que fica contíguo à sua sede, na capital paulista. Naquele domingo, vários internautas reportaram que retransmissoras da TV Record do interior de São Paulo ficaram fora do ar justamente no momento da exibição daquela matéria.

Pois bem: na tarde deste feriado, 21 de abril, justamente a poucos minutos de iniciar o programa do Datena, na Band, que hoje entrevista Dilma Roussef, estranhamente, as duas retransmissoras que repetem em sinal aberto a emissora paulista ficaram sem sinal, aqui em minha região, no interior do RS. Ora, uma das retransmissoras cair, justamente a poucos minutos de começar o programa, vá lá, uma infeliz coincidência. Mas AS DUAS RETRANSMISSORAS, QUASE AO MESMO TEMPO, ficarem impossibilitadas da transmissão? Isso já é coincidência demais.

Por isso, faço este alerta aos dirigentes do PT: acordem enquanto é tempo. O horário eleitoral gratuito é a única chance de tornar ciente o grande eleitorado brasileiro de que Dilma é a candidata de Lula, a continuidade de seu projeto. Se começarem a tirar as retransmissoras do ar durante o horário eleitoral, poderão obter um prejuízo fatal para a candidatura de Dilma. Portanto, façam seus departamentos jurídicos funcionar, investiguem tais casos, e tomem as providências necessárias. Já está mais do que na hora!

Responder

    Ubaldo

    21 de abril de 2010 às 22h43

    Marco,
    Você também é adepto da teoria da conspiração?
    Quem iria tirar retransmissoras do ar só para impedir pessoas de assistirem uma entrevista com a Dilma se isso representa sempre o risco que ela tem de cometer uma gafe ao vivo ou sempre apresenta a possibilidade dela perder alguns votos?

    Bonifa

    22 de abril de 2010 às 00h45

    Muito engraçadinho, Ubaldo. Você é um menino engraçadinho. Ah…Ah…Ah…!

Augusto

21 de abril de 2010 às 20h44

Eu não sei o que acontece com o PT. Parece que o partido ignora que a esmagadora maioria das pessoas é extremamente ignorante e pobre intelectualmente. E agora, tem mais essa de que o PT censurou o coordenador da campanha de Dilma pelo comentário feito sobre a propaganda da Globo. Não sei se procede, mas se for verdade é o fim mesmo. Eu também já estou ficando cansado. Não precisaria me envolver nisso, não. Não ganho nada e o Governo para mim é desnecessário. Faço porque sei que a maior parte dos brasileiros depende da saúde pública, da educação pública, de um Estado mais atuante na vida das pessoas. Mas logo, logo, vou acabar desistindo. E o que é mais preocupante é que se o PT perder agora, vai levar uns vinte anos ou mais para voltar ao poder central, tempo o suficiente para a direita se recuperar. O partido está apostando tudo no presidente Lula. Um erro grave sem dúvida alguma.

Responder

Augusto

21 de abril de 2010 às 20h44

Contra o Graeff e seu time, bastava o PT acionar a Polícia Federal. Coisa simples de fazer. Uma folha e meia de papel seriam o suficiente. O caso é de crime. Agora, que essa campanha insidiosa de fato funciona não há duvida. Aqui onde eu trabalho, Dilma Rousseff é associada a ridículo, a atraso, a ignorância, a MST. Todas as vezes que eu tentei mostrar a meus colegas o contrário, fui zombado, ridicularizado. Se você não for cuidadoso, até se afastam de você. E olha que as pessoas aqui tem nível superior e algumas supostamente com alto nível educacional. E a razão é que eles são bombardeados diariamente com informações como as que atingiram o rapaz do xerox e a mulher da quitanda.

Responder

Werner Piana

21 de abril de 2010 às 20h34

sugestão ao vi o mundo: os comentários deveriam seguir a lógica disposição do primeiro aparecendo primeiro e assim sucessivamente… é meio cansativo começar do fim e ir subindo, em especial quando há vários comentários dentro de outros. Considerem esta correção. o blog do nassif é assim e a leitura flui – com obvia lógica, como convém.
abraço e parabéns pelo trabalho excelente em qualidade e de inestimavel valor para a democracia.

Responder

    Tavaresdemello

    21 de abril de 2010 às 23h19

    Apoiado!

O vice do Lula?

21 de abril de 2010 às 19h59

A diferença do PT de ontem e o de hoje é que o de ontem tinha militantes dirigidos por um ideal socialista,não pagos,trabalhavam dentro das empresas,tinham os seus salarios,embora haviam correntes politicas,era um por todos,todos por um,e os de hoje,não passam de ciborgs,bonecos alugados e alienados segundo os desejos mercenários de seus dirigentes. E tem mais,assessores,dinheiro,graficas e toda uma infra estrutura a "esquerda" tem,agora só falta estes "revolucionários" de gabinete começar a trabalhar.

francisco.

Responder

DECO

21 de abril de 2010 às 19h19

A estratégia de campanha da candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, não está agradando a cúpula do partido. Em uma reunião realizada na terça-feira, lideranças petistas pediram aos coordenadores de campanha da ex-ministra da Casa Civil que priorizem a apresentação de novas propostas ao invés de insistir na comparação entre os governos de Fernando Henrique Cardoso e Luiz Inácio Lula da Silva. Éh moçada, Dilma tem voltar para a prancheta. O slogan do Zé Alagão- O Brasil pode mais – vez um tremendo estrago na campanha da petista. O Azenha disse que não vale xingar.

Responder

    Leonardo Oliveira

    21 de abril de 2010 às 20h19

    Realmente o slogan muito criativo e "copiativo" do "Brasil pode mais" ta fazendo um maior sucesso.

    Nas ruas, só se fala disso. É um tal de Brasil pode mais daqui, dali. É um clamor absoluto.

    Até o Datafolha seguindo esse clamor se confundiu na pesquisa. Deu maior peso a São Paulo e a região sudeste. Que coisa, hein? Esse tal de Brasil pode mais ta pegando geral.

    Na globo, os atores da platinada estão em êxtase, fizeram até um clip super espontâneo. O Brasil quer mais, muito mais.

    Agora, quem deve ta feliz são os marqueteiros do Obama, já pensou se essa turma resolve cobrar royalties do slogan super criativo?

    Mas tem um personagem que ainda não entrou na disputa eleitoral, sabia? Ainda não pediu votos. Vou dar uma dica: ele tem mais de 80% de popularidade. Que chato, né, a existência do cara? Só lamento.

Apolo

21 de abril de 2010 às 16h07

Azenha,

É evidente que existe um impulso saudosista nessa oposição que está com o Serra.

São aqueles que têm saudades do dólar nas alturas e suspiram ao lembrar do tempo em que o comércio com os USA representava mais de 50% da pauta das exportações brasileiras.

Do tempo em que os pobres não pegavam avião e que os negros não frequentavam a universidade pública.

Do tempo em que no nordeste, os sertanejos morriam de fome e havia, todo ano, lamúrias contra a sêca.

Quem se lembra disso?

Eles querem tudo isso de volta.

Responder

    Lina

    21 de abril de 2010 às 19h26

    É por isso que o que os petistas pregam não cola. Quem gosta de ver alguém passando fome, sem educação, saúde etc?

Paulo Ribeiro

21 de abril de 2010 às 19h06

Azenha, o momento é de guerra e precisamos estar preparados para todo tipo de ataque. Se preciso for, mancharemos nossa mão de sangue na defesa de Dilma Rousseff. Serra é um retrocesso, é volta do fascismo, do homem que incendeia favelas em São Paulo e defende o extermínio dos nordestinos. Tombar em defesa da liberdade é um compromisso que temos que assumir!

Responder

Gerson Carneiro

21 de abril de 2010 às 18h15

ALERTA: Vamos votar nos comentários. O Capitão-do-Mato está zerando os nossos.

Desconfio de um Capitão-do-Mato que vaga por aqui e quando a gente o encurrala com perguntas ele faz exatamente igual ao ídolo dele: foge.

Responder

Fabiano

21 de abril de 2010 às 17h38

Foi o melhor texto que li por aqui. É exatamente isso, o PT é incapaz de minimizar o efeito da imprensa; ficam "vergonhosamente ajoelhados, reagem com vagas lamúrias, dirigidas aos próprios algozes."

Responder

douglas

21 de abril de 2010 às 17h29

Concordo plenamente com as colocações do Mauro Carrara, acho incrível que o partido, o PT, até hoje não tenha um meio de comunicação próprio para lutar contra a difamações contra Lula e a Dilma . O governo nunca se preocupou em ter um canal direto para desmentir as falsificações da mídia. Muito bem colocado. E chega mesmo de punhos de renda!!

Responder

Neo

21 de abril de 2010 às 17h23

.
A CIA tem todos os melhores recuros do mundo para planejar uma estratégia
.
de retomada pela direita do Brasil e tem motivação. Está chegando a um pico
.
de produção de petróleo no mundo que virá até 2015. Com um governo de
.
centro esquerda nacionalista, pode ser que eles não tenham tanto
.
privilégio em relação ao nosso petróleo e outras riquezas.
.
.
É mister para os EUA interromper nossos acordos com a França e a China
.
que são muito mais soberanos ao nosso interesse e pouco vantajosos
.
ao tio Sam.
.
.
Mas fiquem tranquilos, se o PT continuar dormindo o Serra ganha e ajusta
.
tudo ( acaba com o Mercosul, inicia a ALCA e flexilbiliza pró USA a
.
Petrobrás ).
.
.
Eles connhecem o PT e sabem que tudo se decide em longas plenárias
.
e reuniões. Sabem que não tem agilidade. Falta escolher uns três
.
generais de guerra ( lideranças com poderes especiais ) para o PT tentar
.
se contrapor a armadilha montada…
.
O Lula já está muito ocupado conduzindo o Brasil !!!

Responder

Airton

21 de abril de 2010 às 17h17

O PT sofre com o estígma de "partido radical". Qualquer ação de ataque ou mesmo de simples defesa é alardeada como "radicalismo petista".
Isto gerou um acovardamento por parte do partido, que tenta se mostrar cada vez mais "manso", não rebatendo o bombardeio de calúnias da imprensa golpista e não atacando os adversários, com as armas que eles mesmos colocam a disposição do PT.

Responder

    Alcindo

    22 de abril de 2010 às 00h58

    Acabaram com o PT lá atrás, quando liquidaram com o Genuíno e o Zé Dirceu. Restou um PT light, quase tucano.

Sormani

21 de abril de 2010 às 14h07

O Post do Carrara não é pessimista, mas sim elucidativo e provocativo.
Acima de tudo visa mexer com a direção do PT nacional.

Afinal de contas, cadê esse especialista americano que assessorou o Obama?
Cadê o trabalho do grupo de especialistas em internet contratados pelo PT?

Sou petista. Contudo vejo que esses emails contra a Dilma fazem um estrago danado. Aqui em Mineiros, Goiás, onde moro, a FM local, de maior audiência, retransmite uma crônica política diária do Alexandre Garcia. Podem ter certeza o cara é pior que na globo. A Dilma apanha dia sim e o outro também.

Ah, como o Brizolla faz falta à esquerda nacional. A nossa direção nacional é tão refém da mídia.
Basta ver o Palloci no seminário do Instituto Millenium. Pior dando razão aos brucutus da direita.

Fico angustiado com a inércia da esquerda nesse quesito da calúnia da direita.
Não pra dá ficar achando que por ser absurda ninguém nela vai acreditar.

Aguardo ansioso email a favor da Dilma. Ainda não recebi nenhum. Mas contra. Um montão.

Responder

Mauro Carrara: O paralelo entre Dilma e Marta | Notícias do Ceará, Fortaleza e Interior

21 de abril de 2010 às 13h54

[…] Azenha, Viomundo AKPC_IDS += "412,";Popularity: unranked […]

Responder

Vladimir

21 de abril de 2010 às 16h30

Análise perfeita.

Serra será o novo presidente.

Responder

    Leider_Lincoln

    21 de abril de 2010 às 21h19

    Você entendeu isso do texto? Putz… Me diz uma coisa: o que entendeu d'O Pequeno Príncipe? Que o essencial é invisível para os olhos? Me diz aí: prefere o Cury ou o Paulo Coelho?

    Gerson Carneiro

    22 de abril de 2010 às 02h22

    Ele prefere é a revista Capricho. Aquela que traz na capa o emo de 68 anos. Foi por lá que ele se baseou.

Edinho

21 de abril de 2010 às 16h05

Certas coisas no PT são, de fato, inconcebíveis!
A sua prostração frente à ação da mídia é pública, notória e deprimente.
É incrível o que a elite preconceituosa paulistana fez com Erundina e Marta, e mesmo assim o partido não moveu uma única palha para corrigir o CRIME cometido contra a imagem das duas ex-governantes. E o "mensalão"!? Até hoje o mensalão anda na conta do PT enquanto passa célebre pela porta do tucanato, que finge não conhecê-lo por dentro… lamentável!
A continuar nesse trote, o PT estará destinado a existir enquanto existir Luiz Inácio Lula da Silva. Depois…………………?

Responder

marcelo batista

21 de abril de 2010 às 16h03

O Psdb processa o SENSUS, porque o PT ou outro partido aliado não processa o Datafolha?

Responder

Apolo

21 de abril de 2010 às 15h56

O meu slogan predileto é o:

É Dilma e pronto !!!,

Responder

JSB

21 de abril de 2010 às 15h53

Caríssimo Mauro Carrara,

Muito boa a sua análise. Só faltou um pequeno e insignificante esclarecimento que peço a sua paciência e tolerância para esclarecer a nós, incautos e inocentes: Como foi que Lula por duas vezes impactou o sujeito do xerox e a senhora da quitanda?

Na primeira, talvez seja mais fácil explicar. Os barões estavam distraídos, provavelmente de férias e ocupados com seus prazeres e acharam que as forças enviadas no combate ao "grande perigo comunista" – o estrago esperado da Regina Duarte ou dos milhares de empresários que abandonariam o país não foi tão grande assim. Agora vamos para a segunda vez – desta feita vieram com toda a cavalaria. Não consigo imaginar nenhuma outra ação aniquiladora possível nesta campanha (a não ser talvez uma violência física de grande proporções – que acredito que foi até cogitada e só não colocada em marcha pela reação internacional). Como foi possível, diante desta reação, que enfartou muita gente, inclusive este que te escreve, Lula ter tido mais voto no segundo turno do que no primeiro? Qual foi o contra-ataque do PT, dos seus advogados ou da nossa (in)justiça eleitoral? Não tenho a resposta as esta perguntas e a estou buscando com sinceridade. Acho que a mais plausível é a que tem sido o que acredito seja a convicção de Lula: o povo brasileiro, no seu conjunto, é muito mais esperto do que se imagina(va).

Responder

    vinicius souza

    21 de abril de 2010 às 18h52

    A questao eh que a Dilma nao eh Lula. Ele sim tem um canal direto com o povo que nem a grande midia consegue bloquear totalmente. Mas a Dilma, nao!!! Se o povo fosse tao inteligente como diz o Lula, nao teria votado no Kassab pra prefeito, embalados por pouco mais que um jingle pegajoso e os ataques midiaticos aa adversaria (contando inclusive com o tiro no pe de conjecturas sobre a sexualidade do prefeito). Carrara estah coberto de razao e a prova disse eh a cupula da campanha desautorizando as criticas do Marcelo Branco ao comercial da Globo e precisar de neto do Brizola pra ter uma acao na justica eleitoral para verificacao das pesquisas (de todas as pesquisas). A Marta (e por extensao o PT) deveria ter aprendido com o Datafraude que a tirou do segundo turno pro governo contra o Maluf e deixou o estado de bandeja nas maos do PSDB (na epoca Covas) que nunca mais largou o osso… Nao se enganem, essa eleicao de 2010 o que serah o Brasil para o mundo e para os brasileiros no minimo pelos proximos 20 anos!!!!

    @marisps

    21 de abril de 2010 às 19h34

    Kassab é São Paulo e São Paulo (infelizmente para mim que sou paulista) é um caso à parte. Não dá para se basear só por aí.

    Leider_Lincoln

    21 de abril de 2010 às 21h21

    Concordo: os paulistanos são para o Brasil o que são os habitantes de Utah para os Estados Unbidos…

    Francisco Mattos

    21 de abril de 2010 às 19h10

    O que inverteu foi a comunicação direta e massiva com o povo realizada pelo próprio Lula e pela militância na mídia, principalmente denunciando o caráter privatista dos Demo-Tucanos e sus aliados. e o Alckimim ainda ajudou dizendo quee ia vender o aero-Lula, o que o lula aproveitou muito bem. Soube por minha irmã que estes emails tem chegado aos montes aos novos usuários da Grande rede. A mim não chegam, imagino que tenham filtros que já identificaram quem não deve receber. Pois qdo recebia algo desse tipo em 2006, respondia com serenidade e apresentando argumentos (é o que sempre devemos fazer) e acredito que acões como essa ajudam muito a quebrar este terrorismo que eles estão fazendo.
    Precisamos urgente ter acesso à lista de pessoas que recebem estes textos para retrucarmos. Solicitem às pessoas que recebem para encaminharem tais emails a cada um de nóes para que possamos contra-argumentar com fatos!!!
    Outra coisa que percebi é que meus comentários nos Blogs do PIG, mesmo ponderados e baseados somente em argumentos, não são mais publicados. Este é outro problemaa que enfrentamos: a tal `a espera de aprovação`

Roberto Locatelli

21 de abril de 2010 às 15h43

Tenho postado poucos comentários nos blogs ditos "de esquerda". O tempo que ganhei uso para postar comentários na CBN, Estadão, Folha, UOL, Terra, etc.

Todos esses sites são visitados por centenas de milhares de pessoas sem opinião formada, buscando notícias, informações. Acho que todos nós deveríamos fazer o mesmo. É a Operação Guerreiros da Internet. Isso faz uma ENORME diferença.

Além disso, deveríamos mandar e-mails para amigos e parentes (não mais que 2 por mês) falando sobre economia, política, etc. Por exemplo, Abilio Diniz apoia Dilma, como ele mesmo declarou ao Estadão. Mas pouca gente sabe disso, pois o próprio Estadão colocou escondido.

Fiz uma compilação de notícias positivas sobre o Governo Lula e Dilma. São textos pequenos, em formato doc. Estão emhttp://www.adrive.com/public/39dbe24a3405105ccb0c
Que tal baixar esse arquivo zipado e ir usando o bom e velho CtrlC – CtrlV?

Responder

    Eduardo B P Melo

    21 de abril de 2010 às 18h28

    Roberto, baixei os arquivos, descompactei e não consigo abrir em formato doc. Tenho o Word instalado e mesmo assim não consigo ler. Alguma dica ?

    Almerindo

    22 de abril de 2010 às 13h03

    Pode ser a versão de seu Word, que talvez seja anterior à que ele tem. Sujiro que o Roberto salve os arquivos na versão 97-2003. Vc pode também tentar abrir os arquivos dentro do google docs

Zilda

21 de abril de 2010 às 15h31

Concordo com Carrara. No mês de março na cidade de Gurupi-To, ouvi de uma senhora, com formação superior, admiradora de Lula, eleitora dele, inclusive, mas disse que não votará em Dilma de jeito nenhum porque ela é assassina. "Já matou gente na época da guerrilha". Semana passada ouvi de um odontologista, aqui em Goiânia, que na Venezuela até as notas dos alunos são divididas por dois. Se um aluno sai bem e tira nota boa e o outro sai mal, divide a nota mais alta para os dois. Dá para acreditar em uma idiotice dessa envergadura? Pois ele acredita. e daí para dizer que se Dilma for eleita acontecerá o mesmo é uma questão de tempo e oportunidade. Enquano isso o PT dorme em berço esplêndido.

Responder

    O vice do Lula?

    21 de abril de 2010 às 19h30

    Pois é Zilda,quando o PT era de esquerda ele atuava nas portas das fabricas,orientando politicamente a classe trabalhadora,por isso virou partido de massas,os candidatos eleitos prestavam contas de quanto era os seus vencimentos,isso mesmo mostravam o hollerit em assembléia interna no diretório na cidade que moro.Pelo jeito vamos ter que construir outro partido de esquerda e de massas,que faça trabalho de base na periferia,porta das escolas e empresas e discutir politica com a massa assalariada.Hoje ha um abismo entre os "partidos de esquerda" e a classe que dizem que representam,enquanto isso vamos adquirindo "consciencia politica", via rede esgoto de televisão,Plim,Plim!!

    francisco.

A.L.Mirri

21 de abril de 2010 às 15h20

Acho que o alcance dessa guerrilha máfio-midiática demo-tucanizada é restrito, não alcança nosso grande Brasil. A internet é um campo fértil para os crime editorial, sub-editorial, para-editorial, etc… mas isso não alcança o Brasil. O que pega mesmo é a TV, mas ainda assim as eleições de 2006 mostraram que a maioria dos brasileiros não se deixou enganar pela raivosa aliança da mídia com os demo-tucanos. Quando a campanha eleitoral estiver em curso, duvido que nosso povo deixará de levar em conta o apelo da continuidade de um governo que eles apoiam quase que incondicionalmente desde o seu início. Não é tarefa fácil ser oposição ao Governo Lula hoje em dia, não será fácil caluniar Dilma impunemente. O crime não triunfará!

Responder

Ana Clara

21 de abril de 2010 às 14h57

Acho que vai ser muito dificil a Dilma enfrentar os podres ,anti éticos e bandidos barões da midia brasileira! O Lula enfrentou porque tem carisma e fala direto ao povo. Vai ser dificil para ela. Faltam novos rostos na politica brasileira! Tudo bem, eles tem o Serra que possui déficit de carisma, mas com a maquiagem, a blindagem da imprensa nefata do Brasil…pode ser mesmo que tenhamos que amargar a vitória do vampirão!!! Triste quadro. Quem perde é o Brasil, que volta para trás!

Responder

@wilsoncjunior

21 de abril de 2010 às 14h21

O texto tem análises consistentes. E a Dilma, que é novata nesse jogo, precisa entender o que está jogando. Tem um perfil desconhecido da grande maioria do povo que a imprensa quer moldá-lo a seu jeito. Dilma não é Lula.

Responder

Carlos Marques

21 de abril de 2010 às 14h17

De início, nesta manifestação, deixo claro duas coisas: não sou petista, mas simpatizo com as forças políticas que buscam verdadeiramentre uma sociedade menos injusta. Dito isso, digo também que um dos aprendizados que o PT terá que fazer é que arrogância não é altivez. O altivo não se acovarda, o arrogante baixa a cabeça quando é confrontado. A grande mídia, por trás do biombo da "liberdade de imprensa" , confronta sem o mínimo escrúpulo o PT e o governo Lula, que não reagem. Até quando ? O artigo do Mauro Carrara é de uma lucidez e precisão notáveis. E quase desanimador.

Responder

O Brasileiro

21 de abril de 2010 às 13h37

Será que o Brasil é São Paulo?
Não foi em 2006. Por que seria em 2010?

Responder

    @marisps

    21 de abril de 2010 às 15h28

    O Brasil não é São Paulo (Graças a Deus!!!). Já disse isso aqui mesmo no Viomundo, quando tive que engolir a versão piorada de Pinky e Cérebro (na prefeitura e governo de SP).Engolir, mesmo que atravessado e com náuseas, porque afinal estamos numa democracia; coisa que a oposição representada pela "grande" imprensa não respeita e faz questão de esquecer. Não foi em 2006 e não será em 2010. O que não significa que podemos esmorecer. Muito longe disso!

Carlos.

21 de abril de 2010 às 13h28

Quero acrescentar um dado em relação ao que aconteceu a Marta, a tabelinha feita por Serra e o PIG. Logo que assumiu a prefeitura, Serra tratou de manipular contas e dívidas da prefeitura e criou, com amplo auxílio da mídia, a imagem de que Marta foi um desastre. Na campanha de 2008, esta armação foi fartamentte utilizada. Caso serra se eleja presidente, tratarão de fazer o mesmo contra Lula para tentar impedir o inevitável retorno de Lula após a disputa em 2014.

Responder

    Antonio Carlos Silva

    21 de abril de 2010 às 14h48

    Farão pior, podem anotar :

    Caso o Zé alston biruta Chirico seja emPOÇAdo pela mídia ordinária, a partir de 2011 o Presidente Lula e seus assessores próximos serão trucidados pelo conluio mafiomidiático, e possivelmente terão que se exilar na Europa .

    Até 2002 aqui foi o Haiti, em 2011, poderá ser Hondúras, infelizmente .

    Abs.

sonia

21 de abril de 2010 às 13h22

Concordo com o texto.Tambem acho o pT lerdo nas reações. Já vimos este filme antes.
E tambem está dificil mandar comentarios depois da mudança.Ficou mais bonito, sem duvida,mas perdeu a agiilidade.

Responder

Urbano

21 de abril de 2010 às 13h08

Como eu sempre digo que o PT é o Presidente Lula, pois se este sair o PT fecha. A capacidade de luta que eu vejo é só a interna, na qual se vê uma eterna autofagia. Enquanto isso, a facção nazi-fascista demo/tucanalha/pig/villenium deita e rola.

Responder

joaquim

21 de abril de 2010 às 13h06

Na verdade o PT é competente demais para governar mas muito incopetente para divulgar suas ações de governo. A alta popularidade de LULA da uma falta sensação de que a eleição esta ganha e a grande midia nacional "PIG", porca mesmo na tradução literal não deixa por menos, bate forte em todos os lados do governo e se alia aos candidatos que nunca tiveram compromisso social mas sim compromissos com esses meios empresariais com atitude de principalmente descontruir o PT, coisa que em SP é evidente. Esta na hora de acordar PT.

Responder

Maria Efigênia

21 de abril de 2010 às 13h05

Perfeito e é angustiante ao mesmo tempo.Sinto também raiva dessa reação lerda do governo.
A mídia fica econdida no biombo da "liberdade de imprensa" e o governo se acovarda. Por mais
que façamos o trabalho de formiga, há uma sensação de impotência.O jogo é pesado e sujo.

Hoje li que a Dilma falou que está aprendendo a dançar o reboletion, achei isso desnecessário e até
ridículo.

Responder

    Antonio Carlos Silva

    21 de abril de 2010 às 14h37

    Tá faltando coordenação nesta pré-campanha de Dilma .
    A Dilma afirma que o Zé biruta esconde a real intenção em destruir os feitos do Governo Lula
    Um dia depois, o Presidente Lula alardeia em público, que "qualquer" candidato que seja eleito em outubro, não retrocederá em tudo que foi feito por seu governo .
    Ou seja :
    As pessoas que não simpatizam com a Min.Dilma, mas que gostaram do Governo Lula, agora, já se sentem liberados a votarem no Zé biruta Chirico .

    Abs.

Jairo Beraldo

21 de abril de 2010 às 12h46

"90% dos conteúdos da chamada “blogosfera lulista” circulam dentro dos próprios redutos da esquerda. As denúncias, correções e defesas raramente chegam ao povo votante. Temos de valorizar esses guerreiros midiáticos, mas os resultados, em termos midiáticos, são extremamente modestos."
Muito bem colocada esta questão.Mas o problema,não é o PT,e sim os blogueiros de esquerda,que querem pra si e somente pra si,a responsabilidade de divulgar,não deixando espaço,como fazem os da direita,abrindo espaços para crescer a corrente.São de visão micro.Poderiam ter uma visão macro.Se ve constantemente,eles chamando atenção de comentarios/comentaristas,mostrando a pequenez de suas atribuições.Eles para eles,nada contra eles,ou que venha a lhes "importunar".Querem subestimar a inteligencia dos comentaristas,dizendo isso pode,isso não pode,como fazem os autoritários,o que não se ve na blogosfera da direita. Acham que comentaristas,não tem inteligencia suficiente(somente eles tem)para discernir o que é patético e o que é bom.Este é o problema.Sou seu fã,Carrara,e não descobri ainda seu blog/site.

Responder

Franciscão

21 de abril de 2010 às 12h43

Bem, meu comentário um pouco mais extenso parece que não mereceu exposição, serei mais sucinto: Discordo de cabo a rabo!

Responder

leite

21 de abril de 2010 às 12h29

Um texto oportuno de tão histórico e atual. O governo patrocina todos os eventos da grande mídia, contrata gráfica da folha para o ENEM, os ministros do Lula quando veem microfones da globo correm disputando para falar primeiro.
É uma paixão doentia do governo para dar mais musculatura $ à globo, folha, veja etc.
Enquanto isto, nós, companheiros, não marcamos nem audiência para dar sugestões. Grande é o medo dos companheiros pensando que queremos emprego, dinheiro fácil….
É triste, é verdadeiro. Quem assim procede, deixando a globo misturar a sua LOGO MASSA A SERRA, nada fazendo além de chorar, perde eleição e o povo? SE FERRA COM SERRA!!!! ACORDA LULA!!!!!!!!!!!!!!

Responder

Engajarte

21 de abril de 2010 às 12h27

Depois do episódio do Mensalão, o PT adotou uma estratégia, a de que é melhor não se expor, e tem dado excelentes resultados, o PT ainda é o partido com a melhor imagem, o governo e o Lula estão no auge da popularidade.
Só que retranca não ganha o campeonato.
Claro que é confortável para a elite petista ficar apenas no vácuo de Lula, só que assim o partido vai perdendo cada vez mais sua identidade e representatividade.
Alguém no vai ter que assumir o protagonismo neste vácuo político, se o PT não quer, sejamos nós.
Como o Rodrigo Vianna já citou, o Brizola Neto (mais uma vez o "Brizola"), já chamou para si a responsabilidade, vamos com ele.

Responder

    Neo

    21 de abril de 2010 às 13h33

    .
    Brizola para predidente !!! Tal avô, tal neto !!!
    .
    Viva o Brasil !

    Juarez Marques

    21 de abril de 2010 às 14h04

    Num próximo momento é muito interessante esta proposta.

Marcio Leandro

21 de abril de 2010 às 09h25

Existe um fator que faz a grande diferença entre as derrotas de Marta e Erundina com a campanha de Dilma, esse fator é o eleitorado. No caso das duas ex-prefeitas, não podemos esquecer que a população paulistana é extremamente conservadora e preconceituosa, tornando-se fácil uma campanha difamatória, já o restante do Brasil, excetuando-se o sul também conservador e preconceituoso, não reflete nem de perto essas características. Logo uma campanha baseada no preconceito e a difamação não vai surtir o mesmo efeito das campanhas paulistanas. Podem ocorrer estragos, porém uma campanha de Serra nesses moldes dificilmente sairá vitoriosa no Brasil como um todo.

Responder

gilberto silva

21 de abril de 2010 às 11h07

Concordo plenamente , mas vamos ressaltar um ponto ; O PT sempre foi marginalizado pelos barões da midia e da imprensa no geral. Por ser um partido de origem em uma classe que buscava seus interesses ( os metalurgicos ) desde o berço já se opunha a "tudo isso que estava ai ". Com isso, criou muitos inimigos neste meio sujo . È considerado um estorvo mesmo tendo feito os arrogantes mais ricos do pais multiplicar seus bens como" nunca antes na historia deste pais" . Portanto o PT tem medo , mas nós Ptistas não temos . E vamos pra cima deles com tudo fazendo o convencimento de um a um dos eleitores que não votam no PT para ganhar de lavada a eleição no primeiro turno.
Beto guru palpiteiro , vidente e ptista.

Responder

Franciscão

21 de abril de 2010 às 10h39

Em determinados momentos, seu texto tem uma belicosidade que nos remete a lembrança do jovem lobotomizado americano, forte, de ombros largos e movimentos duros que arregimenta recrutas com discursos contundentes para a máquina de guerra santa contra o eixo do mal.

Em outros, o comentarista esportivo que são paulino, jura ser corintiano pra poder meter o pau no Corinthians sem sustos. Sei não, desconfio!

Confesso minha ignorância acerca de quem se trata exatamente a figura do Mauro Carrara, mas tomo a liberdade de achar que ele errou a mão neste aqui. Aliás o blog bem que podia, no final dos artigos, colar umas pistas acerca de quem os escreve, né não?

Responder

Melinho

21 de abril de 2010 às 10h35

Eu assinaria em baixo esta matéria, embora não saiba escrever tão bem quanto o autor. É isso aí: os caras vão envestir pesado na bagunça. Eles sabem que em comparação com o Serra (que é um ventríloco sem ideias) a Dilma é uma gigante. Da minha parte, eu já comecei a fazer campanha nos botecos, no mercado onde eu compro o tomate, e até no elevador do prédio onde moro, sempre fazendo pequenas provocações e discutindo os fatos sem tentar confundir o cidadão. Se ficarem nessa que a internet é o contra-ponto suficiente agente vai se ferrar. Com o meu dinheiro, que é curto, eu vou mandar confeccionar 50 adesivos com a frase: "Dilma Presidente: essa mulher é Dilmais". Ou então: Lula é o Cara, Dilma é a Coroa. Estou em dúvida. A blogosfera ajuda, mas ainda é muito fechada. Vamos nessa, vamos nos movimentar.

Responder

pereira

21 de abril de 2010 às 10h31

O PT e os partidos de esquerda estão deixando tudo por conta do LULA, isto é uma exploração.

Responder

Leonardo Oliveira

21 de abril de 2010 às 10h14

Sobre participar das discussões nos jornalões e revistinhas, não adianta que os comentários não passam. Não é coincidência que é 10 por 1. A participação dos lulistas é muito maior, mas simplesmente não interessa ao moderador equilibrar as opiniões.

Mas a postura do PT é indiscutivelmente tímida e medrosa. Começa pelos parlamentares que deixam o partido ser tratado com soberba, desprezo, quando se trata do maior parte de massa do país.

Os dirigentes não sabem utilizar a justiça contra mentiras. Leonel Brizola sozinho tinha mais capacidade de enfrentar a rede globo, outrora mais poderosa.

A baixaria demotucana não é suficiente para ganhar eleição, mas é meio que um golpe na moral das vitimas em si e nos que nelas acreditam.

Na internet tinha que haver um comando que ditasse a estratégia e a repassasse a todos os cadastrados nos sites de apoio a Dilma ou os cadastrados no próprio site do PT. Indicando o que deve ser feito, padronizando o comportamento dos militantes dentro da web.

Responder

    Roberto Locatelli

    21 de abril de 2010 às 16h02

    Olá, Leonardo.

    É verdade que em alguns sites e blogs há moderação e não passa muita coisa a favor de Dilma. Mas há vários em que não há moderação. Cito alguns: CBN (precisa fazer cadastro Globo gratuito), Estadão (também cadastro gratuito e rápido), Terra, UOL, e outros.

    É importantíssimo postar comentários nesses locais, pois são sites visitados por multidões de desinformados.

Julio

21 de abril de 2010 às 09h21

No já distante ano de 1989 no Riocentro, na convenção que iria decidir o apoio de Brizola à Lula no segundo turno das eleições, o saudoso Leonel Brizola começou seu discurso falando sobre a necessidade de haver no pais, um meio de comunicação de massas para fazer contraponto com a mídia golpista. Passaram-se 21 anos, o Lula esteve no poder por oito anos e o que foi feito em relação a isto? Até a terrível "Hora do Brasil", eles não melhoraram. Ontem por acaso ouvi um trecho do programa. De Arthur Virgilio à uma senadora do PSDB desancando o MST, parecia um programa eleitoral da oposição. O problema do PT é o famoso salto alto e a preguiça.

Responder

    Marcos

    21 de abril de 2010 às 22h14

    Na Voz do Brasil já peguei o protesto de um parlamentar contra o holocausto palestino sendo editado de maneira muito PORCA. Censura mesmo, na cara dura.

    A impressão que eu tenho é que o Lula tem a esperança de que a mídia morra pela língua. É uma aposta, e bem arriscada.

Gerson Carneiro

21 de abril de 2010 às 07h56

Estive pensando exatamente sobre esse tema desde após a noite do último domingo. E a Dilma não pode cair no erro de permanecer na defensiva, permanecer apenas no discurso paz e amor. Tem que colocar em prática toda sua capacidade de resposta efetiva, como a que deu ao Agripino Maia (tendo inclusive causado a impressão de que o deixou atônito). Saber usufruir do vasto material sobre seus oponentes a fim de agregar a suas respostas e contradizê-los.

Quanto a nós, simpatizantes eleitores, sinto que precisamos pensar em uma forma de extrapolar as fronteiras desse nosso ambiente de troca de conhecimento e informação. Apesar de que essa ferramenta já nos deu asas para voarmos até o prato de sopa de quem no passado teve a certeza de que lá nós não pousaríamos. Mas precisamos de fato impactar o sujeito do xérox e a senhora da quitanda.

“a nossa indignação, é uma mosca sem asas; não ultrapassa a janela de nossas casas” Indigna(nação) – Skank.

Responder

Luiz Eduardo

21 de abril de 2010 às 05h19

Perfeito seu comentário. A esquerda tem que denunciar a imprensa. Também precisa passar a recorrer a Justiça quando a imprensa deixar de fazer propaganda antecipada do candidato da oposição. Também precisa ter um jornal que seja livre que não repercute apenas a opinião dos barões da mídia. Eu acredito que a Carta Capital está tentando fazer esse papel. Mas eu percebo que essa imprensa é pouco divulgada dentro da própria esquerda. Além do mais, eu considero a Carta Capital muito sectária. Assim, em função da posição dos seus proprietários, vive insultando a Igreja católica, o que não é bom para a oposição. Além de se fazer com a Igreja o mesmo que as outras mídeas fazem com a oposição.

Responder

Thomas Morus

21 de abril de 2010 às 04h28

No Rio Grande do Sul a afiliada da Globo (RBS) fez dois governadores – Britto e agora Yeda que são os melhores no quesito corrupção. Temos que ter em conta o poder da mídia de direita (PIG).

Responder

João

21 de abril de 2010 às 04h26

O pior de tudo é que este texto está coberto de razão, em todos os pontos. Dias atrás recebi um e-mail do meu chefe, diga-se de passagem que o iluminado é um advogado (leia-se, formado em DIREITO), caluniando a Dilma, chamando-a de guerrilheira, líder de facção, ex-presidiária, "não possui parceiro fixo" (o que dá a entender que ela mantem relações com qualquer um), nunca foi eleita, etc. Diferente de Serra que é muito enaltecido com seus 40 cursos, mestrado, doutorado, eleito 50 vezes, o pai disso, o pai daquilo, o homem que nasceu para ser O presidente deste país… O pior de tudo, volto a repetir, é que o advogado me mostrava o e-mail com um ar de aterrorizado (Regina Duarte: TENHO MEDO!) e dizendo "não voto nessa mulher de jeito nenhum", ou seja, esta estratégia porca realmente funciona.

Responder

Nilva

21 de abril de 2010 às 04h00

Concordo com o Mauro. Tenho ouvido comentários escabrosos sobre a Dilma e recebido e-mails terríveis de amigos que sempre votaram no PT. A eles tenho indicado o Azenha, Nassif, PHA, Rodrigo Viana etc e falado sobre a operação midiática para eleger o Serra. É trabalho de formiguinha mas a guerra está ficando difícil. O PT tem que reagir senão iremos perder e depois será difícil retornar ao poder e perderemos todas as atuais conquistas.
Estou com muito medo.

Responder

mila

21 de abril de 2010 às 03h56

Ou o PT acorda ou será vencido com as ofensas. A direita está unida e age não so na midia convencional mas na internet tambem e usando todos os meios imorais e ilicitos. Não sei se Lula por si so consegue vencer mais uma vez a corja e eleger sua sucessora.

Responder

mila

21 de abril de 2010 às 03h53

Os portais da internet, IG, Terra, UOL, Globo, etc impedem que sejam divulgados comentarios favoráveis ao governo Lula. Permitem inúmeras ofensas a Dilma e Lula e quando reagimos com informações favoráveis ao governo Lula eles no inicio até deixam os comentarios sairem para logo depois bloquear informação favorável e impedir que continuemos postando. E olha que não precisamos nem atacar o outro lado usando ofensas como usam os trols da direita. O simples fato de postarmos comentarios com dados favoráveis ao governo Lula, ou seja, mostrar a verdade factual é suficiente para que em determinado momento sejamos bloqueados pelos censores. Na Globo e Uol nem permitem qualquer comentario favorável. No Terra e IG pemitem no inicio quando detectam que são comentarios favoráveis bloqueiam e pemitem que as ofensas da direita continuem sendo publicada. Reside aí a diferença de 10 comentários negativos para um positivo. É guerra declarada. Getulio foi levado ao suicidio por essa corja. Jango foi defenestrado do poder por essa corja que promoveu o golpe mlitar. Eles não vão largar o osso.

Responder

Fátima-Ba

21 de abril de 2010 às 03h23

Assino embaixo,ainda que concorde em parte com o Mauro,no que toca a força do povo que vive a realidade do governo Lula.Converso muito com as pessoas que me prestam serviços e indago suas opiniões e impressões sobre as pessoas das comunidades mais carentes em que vivem e confirmo que a TV ,jornais e revistas pouca influência exercem.
Do meu jeito "beija-flor" continuo esclarecendo essas pessoas(empregada de casa,manicure,faxineira…),a minha mãe(que virou uma grande multiplicadora em filas de super mercados,bancos,lojas…rrrss) e ao meu círculo de amigos e familiares,mas sinto que o partido pouco se move e tb acho que teme a grande mídia(trauma?complexo?…)

Responder

Leonardo

21 de abril de 2010 às 03h11

Prezados,

Será que eu estou ficando maluco? A Dna. Dilma já empatou com o Serra na última pesquisa (não manipulada, diga-se de passagem) e ainda está crescendo – aliás, a esta altura do campeonato já deve ter superado ele – e o sujeito vem me falar de pessimismo.

Calma lá com o andor seu Mauro, tem muita água pra rolar nessa ponte. Dna. Marta perdeu porque dá bom dia a macaco, essa é a realidade. Ela é uma candidata fraca. Circula pela internet uma foto dela apertando mão de maniquim e depois se assustando.

Ela pode ter todos os mérito, mas tem de esquecer esse negócio de cargo majoritário. PT e população de São Paulo são casos à parte e precisam se reavaliar, ambos. Tem cabimento eleger Maluf e Clodovil? Carrara, com todo o respeito, São Paulo não é Brasil, é só parte dele. E parte cada vez menos importante…

Agora, numa coisas você tem razão a cúpula do PT está perdidinha, aliás, passaram tanto anos ouvindo as besteiras do José Stalin Dirceu que agora não conseguem mais se localizar direito.

No entanto, a campanha da Dilma parece estar fazendo tudo direitinho, não deixa nada sem resposta e continua avançando nas pesquisas.

E Carrara…, com todo e respeito, o Lula deve entender disso tudo melhor do que a gente, você não acha?

Responder

    @marisps

    21 de abril de 2010 às 15h37

    Concordo Leonardo e repito o que já comentei em outro espaco: durante as várias "crises" geradas pelo PIG, muitos cobravam do presidente Lula o confronto, dizendo inclusive que ele tinha medo de enfrentar a "grande" mídia. O presidente provou que estava agindo certo e a maior prova disso a meu ver é ele ter se livrado de todos os golpes e concluir o mandato colocando a candidata do governo com grandes chances de se eleger (nós sabemos que a despeito de alguns institutos de pesquisas e seus resultados escolhidos a dedo, a verdade é essa). Ataque e confronto também tem a hora certa. Da mesma maneira que não devemos subestimar a força da maquiavélica rede Globo, não devemos subestimar o maior partido de esquerda da América Latina. E agora é momento de união entre os cidadãos patriotas brasileiros; não devemos e não podemos nos dividir. Temos que fazer a nossa parte também!

    Carlos

    22 de abril de 2010 às 14h20

    Lula não tem que bater boca, mas os dirigentes e parlamentares dos partidos aliados tem que manifestar-se, colocar em ação os militantes das respectivas campanhas eleitorais.

uberVU - social comments

20 de abril de 2010 às 23h37

Social comments and analytics for this post…

This post was mentioned on Twitter by LulaNews_: Mauro Carrara: O paralelo entre Dilma e Marta http://bit.ly/b1tnKa #Lula #Dilma #PT…

Responder

Marcus

21 de abril de 2010 às 02h30

Excelente plano de ação e diagnóstico do cenário do nosso articulista . Espero que os dirigentes Petistas leiam e reflitam sobre isso . Acho também que o Presidente Lula não utiliza seu direito de horário gratuito nas TV para falar diretamente ao Povo e responder pontualmente cada mentira lançada . Se as mentiras forem diárias o Presidente entra no ar diariamente . Ele tem o que mostrar e acima de tudo tem o dever de fazer chegar a verdade aos seus eleitores.

Responder

Cecéu

21 de abril de 2010 às 02h23

Você tem toda razão, Mauro Carrara. Quando penso em vitória da Dilma, penso nisso APESAR do PT. Os petistas, que para mim sempre significaram a última esperança da burguesia brasileira de fazer um país que desse certo, comportam-se, mal comparando, com os judeus do Estado de Israel. Depois de ver os seus serem massacrados pelos nazistas, querem ser os próprios nazistas. Querem ser os mesmos neoliberais que os tucanos foram. Não entendem a imensa dádiva que foi a presidência da república exercida pelo fundador de seu partido. Querem ascender e serem considerados como legítimos tucanos, evidentemente com as grandes excessões de praxe. Não sabem eles que nada do que conquistaram está ainda garantido e que se o adversário triunfar, eles serão descartados como lixo. menos aqueles que haverão de se rebaixar tanto quanto ou mais do que um membro do PPS. Quanto a mim, confio muito mais para defender a candidatura Dilma no comum dos brasileiros, apartidários e mesmo brasileiros dos partidos de centro. São eles que haverão de, por força de convicções pessoais, encarar o inimigo e destruí-lo. Isto até bom será, porque no acerto de contas, a Dilma nada ficará devendo a esse partido que já foi o partido dos trabalhadores.

Responder

Marat

21 de abril de 2010 às 02h11

O rapaz da xerox, o feirante, a diarista, a dentista e, principalmente, o taxista de SP são pessoas que infelizmente assistem ao Jornal Nacional, o (com o perdão da palavra) Jornal da Globo, ouvem CBN, lêem a veja enquanto esperam ser atendidos pela dentista… essa turma, bbem como nossos colegas de dia a dia precisam ter conversas mais atraentes, discutir o Brasil com mais profundidade. Sempre que posso esparramo exemplares de Carta Capital e Caros Amigos e proponho debates. Para não passar por "código 13" ou "do contra", eu procuro explicar com base em documentação e nos fatos… tem rendido poucos, porém bons frutos, afinal de contas, estamos numa guerra de guerrilha. Somos o Vietnã contra o Tio Sam, mas no fim a gente vencerá!!!

Responder

Marcílio Lucas

21 de abril de 2010 às 02h11

Companheiros! O problema é a nossa candidata! Sejamos honestos, ela é muito ruim, é horrível.

Responder

    Carlos

    22 de abril de 2010 às 14h17

    "Companheiros"?
    Endereço errado.

Joshua Ghosn

21 de abril de 2010 às 02h10

Vamos volta à panfletagem….

Responder

Luciano B. Meneghite

21 de abril de 2010 às 01h58

O PT sempre evitou o confronto direto com a mídia golpista, deixando essa função para Brizola e parte do PDT . Covardia pura? Ou estratégia equivocada? Ainda há tempo de reagir.

Responder

helio silva

21 de abril de 2010 às 01h50

Depois da mudança, o envio de mensagem para amigos e até adversários ficou muito complicado, para não dizer quase impossível. Será que não tem jeito de usar um comando mais ágil e simples, azenha?

Responder

Jorge de Castro

21 de abril de 2010 às 01h46

Parece-me corretíssima a análise do Carrara. Fui testemunha do que essa tucanalha é capaz. Em Juiz de Fora (MG) tivemos uma eleição fraudada por essa direita "sestrosa" com apoio da mídia, com escancarada compra de votos e com uma campanha sórdida contra a candidata do PT, com o mesmo tipo de calúnia e acusações preconceeituosas de que já foram vítimas a Erundina, a Marta e, agora, a Dilma. A denúncia encaminhada à Promotoria Pública deu origem a uma investigação da polícia federal que parece andar a passos de tartaruga com muletas, enquanto a cidade padece sob os desmandos de quem usurpou o poder. A imprensa local nada viu, nada soube, nada tem a noticiar. A mídia tem que responder pela ética. A Globo teve de retirar sua campanha promocional de propaganda subliminar (nem tão subliminar), mas é ainda muito pouco. A blogsfera é um tímido começo, pois deixa muita gente de fora, como a senhora da quitanda.

Responder

Roberto Ribeiro

21 de abril de 2010 às 01h19

O PT tem pavor da grande mídia. Não tem coragem de denunciá-la é a sídrome da liberdade de expressão que a mídia mimada se esconde de maneira covarde quando é denunciada, é isso que causa tanto medo ao PT.

Responder

    Mah_Zinha

    21 de abril de 2010 às 03h28

    Eu não tenho medo…tenho PAVOR !

    Olha isso:http://www1.folha.uol.com.br/folha/brasil/ult96u7

    É meia noite agora e congelaram 3 comentários (de 11 horas atrás) na página principal dessa matéria. Vejamos:

    1º (13:06hs) É engraçado, eles podem tudo. Quando é de outro partido "está fazendo propaganda indevida". Eta gentinha……………..
    Ass. Anti PT

    2º (13:10 hs) O PT deu um tiro no péra os fatos não ha argumentos..A FRASE DO SERRA ACABA DE SE CONSOLIDAR…O Brasil pode mais ..E pode muito mais

    3º (13:59 hs) Isto mostra bem o que PT pretende fazer no Brasil caso vençam a eleição. Acabar com a liberdade de expressão a exemplo da falida Venezuela do bobo da corte Hugo Chávez.

    Avaliações dos "leitores" a estes esplêndidos comentários: 1º (33+) (2-), 2º(18+) (1-), 3º(18+) (2-).

    Olha só a malícia caça-navegante-distraído: no primeiro faltou lembrar que a Globo não é "partido", é concessão pública da "gentinha" para os Marinho. No segundo, "que fatos" cara-pálida?, No terceiro, esquece que o PT já é governo há 8 anos e há plena liberdade de expressão.

    Não é de ter medo mesmo? /o\\

O vice do Lula?

21 de abril de 2010 às 01h16

O problema maior é que a internet de "esquerda" é feita por uma classe média que nunca esteve preocupada em socializar os seus conhecimentos politicos com os moradores da periferia. Moro na periferia,trabalhador de fabrica,e percebo claramente que esta "esquerda" só se aproximou da classe assalariada,no finalzinho da ditadura(1979?) e principios da nova republica(1985?).Esta esquerda veio com nome de PT,com intuito de fazer crescer a consciencia politica da classe trabalhadora,de fato,conseguiu junto com a igreja católica(teologia da libertação),enraizar uma certa visão de esquerda entre os trabalhadores,ou seja,criou raiz na piramide capitalista,quer melhor que isto!!! Assim nasceu o militante social e ideológico socialista,que trabalhava e trabalho para que isto aconteça.Hoje o "trabalho de base" virou trabalho de cabresto,via PT e afiliados,e o militante ideologico virou militante fisiologico profissional, jamais gosta ou gostaria de panfletar,de graça,nas empresas as 5 da manha e pegar no batente as 7, ou seja,alem de militar no partido,mantinha contato diario trabalhando dentro das empresas.Quem se habilita?

francisco.

Responder

Antonio Donato Filho

21 de abril de 2010 às 00h23

PSDB pede a MP eleitoral que investigue a Sensus, e PT vai pedir uma investigação do DataFolha?

Responder

Edu

21 de abril de 2010 às 00h02

E novamente o Carrara manda muito bem, falta o comando do partido ler e levar a sério

Sobre a arrogancia dos comandantes do partido, é fato, tenho mandado e mails direto as secretarias deles, e nenhuma resposta, já mandei até pra Secretaria de Organização do partido aqui em SP, sob a responsabilidade do Jair Tatto, e até agora nenhuma resposta, nenhum comentário, nem rebateram as criticas e as cobranças que foram feitas por mim, em essencia as mesmas feitas pelo Carrara neste texto

Enquanto isso, os tucanos estão partindo pro vale tudo, montndo uma rede integrada, ainda que a soldo, mas que serve pra espalhar mentiras e calunias, basta entrar nos videos da vinheta golpista da globo pra notarem isso, o pessoal já devidamente manipulado malhando o governo e a candidata

A hora de agir (titulo de um dos e mails que mandei) é agora, depois não adianta

Responder

O paralelo entre Dilma e Marta | ESTADO ANARQUISTA

20 de abril de 2010 às 20h58

[…] Mauro Carrara, pelo Viomundo: […]

Responder

Leider_Lincoln

20 de abril de 2010 às 23h52

Disse tudo!

Responder

sergio

20 de abril de 2010 às 23h15

beleza, falta o pt acordar

Responder

Armando Cintra

20 de abril de 2010 às 22h58

Excelente! Perfeito puxão de orelha do velho e sábio jornalista. Mexam-se!

Responder

Julio Silveira

20 de abril de 2010 às 22h52

O PT quer joga para ganhar o Belfort Duarte.
Enquanto isso o adversário bate abaixo da linha da cintura.

Responder

zikzila

20 de abril de 2010 às 22h48

Mais uma do Mauro que bate no cravo e na ferradura.

Nao me eximo de culpa, mas tenho feito um trabalho incansável de rebater calúnias por e-mail. Tenho observado a reedição com novas roupagens de diversas lendas e pulhas virtuais. A qualidade de algumas expanta e é de difícil combate. Misturam ficção e realidade semelhante ao estilo aplicado pelos Integralistas no Plano Cohen. Parece que esse é o fio da meada, mas tem de tudo, desde material certamente originário da Direitalha fascista até coisas feitas nos laboratórios da esquerda inconsequente. Sim, aquela esquerda que o Haroldo Lima disse (com outras palavras) que de tanto ficar com o leme a bombordo acabou parando ao lado da direita.

Responder

JOAO BATISTA

20 de abril de 2010 às 22h46

Muitissimo bem.
Nao se póde perder tempo. É tudo ou tudo.
A sobrevivencia desse projeto de governo está em jogo. Se for derrotado, tão cedo voltaremos ao poder.

Responder

    @jgn1957

    21 de abril de 2010 às 00h18

    Voltaremos, sim, de um jeito ou de outro. As rupturas são necessárias!

    Franciscão

    21 de abril de 2010 às 12h45

    Calma João! Daqui há pouco você vai achar que está na hora de pegar em armas…

Mauro

20 de abril de 2010 às 22h43

Acho que o pessoal do Vi-o-Mundo não consegue se livrar desse medo fulminante da classe média de esquerda… Algumas observações:

1) É o povão quem mais uma vez vai decidir essa eleição
2) A Dilma não é a Marta, não é paulistana, ela é sim mineira
3) O paulistano antipático é o Serra
4) O brasileiro não gosta de mexer em time que está ganhando
5) A falta de rumo da oposição é evidente
6) Essas armações infantis (tipo Datafolha) mostram o desespero
7) Se o vice da Dilma for do PMDB, ela ganha no primeiro turno

Carrara e Azenha, parem de ser tão medrosos…!!!

Responder

    João Carlos Salgado

    20 de abril de 2010 às 23h49

    Prezado Mauro, como cidadão consciente, procuro estar sempre me informando do dia-a-dia político-midiático que chega á larga maioria dos lares brasileiros. Tenho observado que anda fazendo efeito, esse verdadeiro massacre que a mídia escrita e televisiva vem fazendo á muitas pessoas, principalmente ás que não acessam blogs políticos na internet. Estas pessoas ainda são influenciadas, mesmo que parcialmente por notícias mentirosas e/ou distorcidas.Vale lembrar que estamos "em guerra", pois até o dia das eleições, muita água ainda passa por debaixo da ponte. Como se diz aqui em Minas Gerais, "prudência e caldo de galinha não faz mal a ninguém…"

    Mauro

    21 de abril de 2010 às 01h21

    Prudência é sempre bom, mas essa desconfiança em relação ao povo brasileiro combina bem com a elite brasileira, que mais parece um cachorro sabujo em busca de um dono… O povão já mostrou e vai mostrar novamente que se descolou dessa elite fracassada… Quem tiver um pouco de paciência, verá!

    Cecéu

    21 de abril de 2010 às 03h21

    Acredito no que você fala, Mauro. Mas quem vai eleger a Dilma é o povo. Dessa vez o PT vai ficar de fora.

    Fulano

    21 de abril de 2010 às 05h01

    Só uma bala consegue tirar Dilma do planalto.

    O Brasileiro

    21 de abril de 2010 às 13h35

    Não dê idéias… os lambe-botas de generais do jardim botânico estão desesperados e o pessoal da folha da manhã está louco!

    Leonardo

    21 de abril de 2010 às 03h33

    Prezado Mauro,

    Concordo contigo em número, gênero e grau. Desde o final de 2008 que digo que será no primeiro turno. O ponto é que a imprensa ainda trabalha com a teoria da pedra no lago, e muita gente de classe média também. Não vou ficar repetindo os mesmos argumentos, porque não carece. Os menos favorecidos têm dado bananas pra mídia faz muito tempo.

    O que acontece é que tem muita gente cujo círculo de amizades é muito restrito e percebe essa influência midiática com mais intensidade. Pode escrever aí, pobre não entra nessa balela. Afora alguns bunkers reacionários (como SP), o que importa é melhor condição de vida e isso eles sabem que só terão com a Dilma, por que ela está com Lula. Ponto.

    Agora, se a militância ajudar, a coisa vai ficar mais fácil.

    @marisps

    21 de abril de 2010 às 19h57

    Assino embaixo!

    Carlos

    22 de abril de 2010 às 11h59

    Mauro
    População de bairro popular onde moro, tem duas fontes básicas de informações: TV Globo e o jornal "Tribuna do Paraná" , que circula na região metropolitana de Curitiba, voltado ao noticiário policial, esportes (leia-se: futebol) e, nas páginas iniciais, política – Dilma é apresentada como incapaz, inexperiente, … e "lulodependente".
    Pelas conversas com moradores, o massacre permanente, contínuo, diário, surte efeitos
    Dirigentes do PT e aliados lêem tal jornal com o objetivo de saber o que seus leitores do mesmo recebem de informação? Contestam o que é publicado ali?

    Ramon

    21 de abril de 2010 às 00h57

    Me permita discordar de vc Mauro:
    1.) Não existe garantia que o povão seja impermeável às manipulações midiáticas. Lembro que indício não é certeza.
    2) Lula não é paulista mas nasceu politicamente em SP. Esta eleição não é SP x o restante do Brasil, o povo de SP precisa perceber ( e a militância deve trabalhar neste sentido) que Dilma é a melhor escolha para o estado e para o país.
    3) Serra é antipático, e ponto. O fato dele ser paulista ou não é irrelevante e não determinante.
    4) Time que está ganhando também perde campeonato se não descer do salto alto.
    5) O rumo é distruir a reputação de Dilma e acirrar o preconceito e o medo.
    6) Desesperados também vencem eleições
    7) O apoio do PMDB nunca abarca 100% do partido e não garante a eleição no primeiro ou no segundo turno.
    Não existem crianças nesta disputa, e eles não vão facilitar a vida de Dilma, a arrogância e a acomodação, em geral, não conduzem a vitórias.

    Mauro

    21 de abril de 2010 às 01h17

    Permita-me discordar de você Ramon:
    1) Em 2006 muitos da classe média medrosa achavam que o Lula estava morto depois do mensalão de 2005 e o povão entrou em campo para mostrar pros "formadores de opinião" que eles não formavam mais muita coisa…
    2) Nem Lula, nem Dilma são paulistas e isso é sim uma grande vantagem nessa eleição. Não falo isso por preconceito pessoal, pois meu pai é de São João da Boa Vista.
    3) Acontece que os paulistas não são bem vistos pelo resto do Brasil, assim como os estadunidenses não são bem vistos pelo resto do mundo.
    4) Acho que você não entendeu a analogia. O povão é o técnico e mostrou em 2006 que não quer mudar o time que enfrenta a desigualdade social e garante o desenvolvimento mais justo para o povo brasileiro. Por isso não vai mudar o time, sacou agora?
    5) Quanto mais baterem de forma desesperada na Dilma, pior para eles, pois isso identificará ainda mais a Dilma com o Lula, que sempre foi caluniado e continua sendo. É isso o que o Lula quer e os desesperado assim estão fazendo.
    6) Seria bom se você desse um exemplo de um desesperado que venceu eleição.
    7) Não precisa abarcar 100% do partido. A maioria esmagadora é suficiente, além do tempo de televisão.
    Ninguém falou em crianças, fora o Carrara que falou em "mimimi"… A disputa só ficará dura se o Serra conseguir freiar o apoio ao PMDB, o que eu duvido, e se o FHC ficar de bico calado, mas o bico dele é igual a de todo tucano…

Marco Antonio Pires

20 de abril de 2010 às 22h41

Escutem a Radio Terra, que tem longo alcance na RMSP.
Não me lembro o dial, mas está alertando o povão sobre os feitos do governo Lula.

Responder

Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding
Loja
Compre aqui
A mídia descontrolada

O livro analisa atuação dos meios de comunicação e traz uma coletânea de artigos produzidos por um dos maiores especialistas do Brasil no tema da democratização da comunicação.