VIOMUNDO
O VIOMUNDO só é possível também através de anunciantes, e detectamos que você utiliza um AdBlock, bloqueador de anúncios.
Por favor considere ajudar o VIOMUNDO desativando o bloqueador para este site.
Cartas de Minas
Cartas de Minas

Folha da Tarde: O jornal que “matava” nas manchetes

26 de outubro de 2010 às 20h51

folha da tarde

Jornalista leu a notícia da morte do pai, que estava vivo

Atualizado em 27 de fevereiro de 2009 às 08:19 | Publicado em 16 de fevereiro de 2008 às 16:24

do Viomundo antigo

O jornalista brasileiro Ivan Seixas soube pela “Folha da Tarde” que o pai ia morrer. Os dois estavam presos no DOI-CODI, em São Paulo, sob tortura. Levado pelos torturadores para a simulação de fuzilamento num parque de São Paulo, ele leu na capa do jornal que o pai, ainda vivo, tinha morrido em confronto. Ivan agora se dedica a denunciar a tortura.

Ivan.wma

 

34 Comentários escrever comentário »

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Paulo Ribeiro

29/04/2013 - 19h24

Não era ainda DOI-CODI, era OBAN – Operação Bandeirantes.

Responder

Ivan Seixas: Ministro da Educação não leu o Folha Explica - Viomundo - O que você não vê na mídia

29/04/2013 - 10h59

[…] Ivan Seixas: O jornal que “matava” nas manchetes” […]

Responder

Eduardo Guimarães: Na Folha, Mercadante afronta vítimas da ditadura | Blog do Mauro Alves da Silva

29/04/2013 - 09h47

[…] Ivan Seixas: O jornal que “matava” nas manchetes” Compartilhe este post:TwitterFacebookDiggStumbleUponRedditEmailImprimirCurtir isso:Curtir Carregando… Esse post foi publicado em Abusos de autoridade, Clube dos Milionários, Direitos Humanos. Bookmark o link permanente. ← Monteiro Lobato: um racista fracassado – Leitor errante. […]

Responder

Paulo Nogueira: Pede para sair, Mercadante! - Viomundo - O que você não vê na mídia

28/04/2013 - 07h53

[…] Ivan Seixas: O jornal que “matava” nas manchetes” […]

Responder

Eduardo Guimarães: Mercadante lambe botas da Folha e afronta vítimas da ditadura - Viomundo - O que você não vê na mídia

26/04/2013 - 13h22

[…] Ivan Seixas: O jornal que “matava” nas manchetes” […]

Responder

Projeto de Nabil Bonduki afeta Frias e Marinho? - Viomundo - O que você não vê na mídia

25/04/2013 - 14h54

[…] Ivan Seixas: O jornal que “matava” nas manchetes” […]

Responder

Comissão rejeita reparação ao dedo-duro Anselmo « Viomundo – O que você não vê na mídia

22/05/2012 - 23h33

[…] Ivan Seixas, sobre a Folha da Tarde: O jornal que matava nas manchetes […]

Responder

Bernardo Kucinski: E quem foi mesmo que financiou a repressão? « Viomundo – O que você não vê na mídia

21/05/2012 - 17h22

[…] Ivan Seixas, sobre a Folha da Tarde: O jornal que matava nas manchetes […]

Responder

lia vinhas

15/07/2011 - 23h05

O "gande sociólogo", que mal se entende quando fala suas besteiras, que enrolou com seu inglês macarronico, o "grande poliglota", na entrtevista em que foi bombardeado pelo excedlente repórter da BBC. Que diferença de postura e de respostas entre as entrevistas do Lula e do Farol, e o evidente enstusiasmo com que o repórter (que póe TODOS os nossos no cihinelo) apertou a mão do nosso Lula. Não há troll que posssa apagar a realidade, a admiração que o ex-torneiro mecânico despertou em todos os países do mundo (minha filha, que faz doutorado na França diz que o Lula é adorado porlá, seu retrato giogantesco foi reproduzido no metrô de Paris), as dezenas de prêmios que recebeu e continua recebendo (para o trol ignorante, o título de Doutor Honoris Causae é concedido pelos grandes feitos em benefício de seu povo e da Humanidade) e o fato de dezenas de países em todos os continentes estarem copíando políticas sociais de seu govberno. Falta muito? Falta. Foram mais de seis séculos de capitalismo selvagem e explorador.

Responder

    Nedi

    04/01/2012 - 09h40

    Lia, bom dia,
    Peça a sua filha, se o retrato ainda existir lá, que bata uma foto e solte na internet. Valeu.

marcelo

18/12/2010 - 07h58

Tem também um ótimo vídeo de Ivan Seixas discursando em frente à Folha. http://www.youtube.com/watch?v=7jInMYofct0

Responder

@andregoth

28/10/2010 - 19h05

#folhamente…e os carros da Folha, que destino tinha na "ditabranda"?

Responder

mauro

28/10/2010 - 11h24

Ouço e leio muitas críticas ao Estadão. Acho-as injustas. O Estadão sempre assumiu sua posição direitista claramente. Eu jamais comprei esse jornal e não o leio nem na parte de esportes porque sei de sua posição. Para mim o grande perigo é a Folha, a Veja e, principalmente a rede GLOBO que, sendo tão direitistas quanto o Estadão, jamais assumem isso e,às vezes, dão até notícias inócuas contra a direita para enganar os trouxas.

Responder

darci

28/10/2010 - 08h58

Estou concordando com a companheira Luanay. Não podemos ficar de braços cruzados esperando o nocaute. Vamos a luta.

Responder

Candido

28/10/2010 - 01h53

Azenha, posta estas palavras do Antônio Ermírio de Morais.
Um forte abraço.

O cavalo manco e o puro sangue por Antonio Ermírio de Moraes
http://www.aldeianago.com.br/content/view/4045/3/

Responder

SérgioFerraz

27/10/2010 - 23h56

Eles, o PIG (Folha/Globo/Estadão/Veja) , também vão ter que responder: onde estavam em 64 ?

Responder

Leo

27/10/2010 - 23h20

Acho que estes vídeos merecem maior divulgação…

[youtube 2_3xc0__xnA http://www.youtube.com/watch?v=2_3xc0__xnA youtube][youtube ZUfjexs9cmg http://www.youtube.com/watch?v=ZUfjexs9cmg youtube][youtube bsTttAWTB2U http://www.youtube.com/watch?v=bsTttAWTB2U youtube][youtube 9sriet0J1jU http://www.youtube.com/watch?v=9sriet0J1jU youtube]

Responder

Marcus

27/10/2010 - 22h54

Pois é, essa mídia é um escárnio.

Sempre que acham um gato pingado contra o Lula, publicam, vira colunista, é entrevistado…

Mas um Manifesto de 5000 professores universitários contra a política de educação de Serra…. nada.

Grande post PHA!!!

Vamos disseminar esse a rodo!!!

Vale também lembrar do Manifesto dos 5000!!! (professores universitários contra a educação de Serra)

PIG: Vale mais 1 professor na mão que 5000 se manifestando http://midiaimparcial.blogspot.com/2010/10/pig-va

Responder

Nizinha

27/10/2010 - 22h51

Penso que vale à pena assistir aos vídeos que os estudantes da UNB fizeram sobre Serra. É jovem, alegre, inteligente e, sobretudo, muito animador. Muito bom o pronunciamento do Cristovão Buarque.

Responder

Luis Arthur

27/10/2010 - 22h20

Por falar em jornais conservadores, vejam essa denúncia do Sindicato dos Jornalistas do Ceará a respeito do maior jornal em circulação no Ceará, o Diário do Nordeste:

"26 de outubro de 2010
Editor do DN é demitido por fazer matéria sobre livro que fala de Marxismo

No momento em que a grande mídia distorce e critica o projeto de indicação aprovado na Assembleia Legislativa do Ceará, que propõe a criação do Conselho Estadual de Comunicação – sob a alegação de que vai "cercear a liberdade de expressão" -, o jornal Diário do Nordeste demitiu de forma arbitrária, no último dia 18 de outubro, o jornalista Dalwton Moura, por ter escrito e editado matéria no Caderno 3 sobre as revoluções marxistas que marcaram os séculos XIX e XX. O caderno especial, de seis páginas, foi considerado pela direção da empresa "panfletário" e "subversivo", além de "inoportuno ao momento atual".Tendo, entre outras fontes, o filósofo Michael Löwi, que estaria em Fortaleza para lançar o livro "Revoluções" (com imagens que marcaram os movimentos contestatórios decisivos para a história dos últimos dois séculos), a matéria foi pautada pelo editor-chefe do jornal, Ildefonso Rodrigues, tendo sido sugerida pela historiadora e professora Adelaide Gonçalves, da Universidade Federal do Ceará (UFC). No entanto, ao comunicar a demissão do jornalista, o editor-chefe se limitou a dizer que "não sabia o conteúdo da reportagem até vê-la publicada".

O caso do jornalista Dalwton Moura não se trata de demissão por delito de opinião, pois ele não emitiu, em qualquer momento, juízo de valor sobre o conteúdo da pauta. Perdeu o emprego muito menos por incompetência ou negligência na sua função. Ironicamente, o trabalhador foi dispensado simplesmente por cumprir uma pauta que, depois de publicada, percebeu-se ser contra os interesses da empresa. A direção do jornal não pode alegar, no entanto, que desconhecia o conteúdo da matéria, pois além de ter sido pautado pelo editor-chefe, o assunto foi relatado em, pelo menos, quatro reuniões de pauta que antecederam sua publicação.

A demissão do então editor do Caderno 3 expõe o abismo entre o discurso da grande mídia conservadora, que se diz ameaçada em sua liberdade de expressão – inclusive atacando com este falso argumento o projeto do Conselho de Comunicação do Estado -, e suas práticas cotidianas, restritivas ao exercício profissional dos jornalistas, bem como à livre opinião de colaboradores e leitores. "O Sindicato dos Jornalistas do Ceará protesta contra esta demissão arbitrária e mantém sua luta pela verdadeira liberdade de expressão para os jornalistas e para todos os brasileiros, manifestada em projetos como o do Conselho de Comunicação", afirma o presidente do Sindjorce, Claylson Martins "
http://www.sindjorce.org.br/blog/sindjorce-notici

Responder

ruypenalva

27/10/2010 - 21h49

Isso me lembra muito o que me disse um policial civil de Salvador enquanto o atendia num ambulatório. Ele me disse que toda vez que a polícia queria matar um bandido ela dava cartaz e manchetes a ele nos jornais. A ditadura fez atrocidades e isso não pode e não deve ser anistiado, é crime contra humanidade. Lembro-me que quando militava em movimento estudantil e chegavam notícias que a imprensa não noticiava: Militantes cegados. Mulheres estrupadas. Situações vexatórias. Tudo isso me dava um calafrio enorme com o medo de ser preso. Felizmente na Bahia houve pouca tortura até porque tudo na Bahia se sabe, até que Serra não presta. Meu amigo Zé Sérgio Gabrielli, que foi da AP, deve estar puto da vida de ver que Serra também pertenceu a AP.

Responder

maisquesaco

27/10/2010 - 21h01

Azenha, esse é um comentário para o texto do Nicolelis. Lá não tô conseguindo abrir o Intense Debate!]
http://terratv.terra.com.br/especiais/noticias/44

Basicamente, é a crua realidade descrita pelo Professor… dessa vez, lá nos EUA… mas com os mesmos Georges Bushes genéricos…

Responder

Sergio Silveira F

27/10/2010 - 20h25

Já li boatos que vão acusar Dilma de delatora, inclusive a folha já tinha arranjado um ex-preso politico pra fazer as acusações…Vamos agardar..

Responder

Lúcia Bernardes

27/10/2010 - 18h50

Azenha,

Estão preparando matéria sobre Dilma nos tempos da ditadura (ou ditabranda, segundo o jornal). Nem sei se é bom publicar esse meu comentário, mas olha o que acabou de sair no Noblat:

"A folha de S. Paulo procurou Dilma para ouvi-lá sobre sua participação na luta armada c/a ditadura de 64. Dilma negou-se a falar". half a minute ago via TweetDeck

Tô achando que isso vai ser manchete amanhã.

Responder

Baixada Carioca

27/10/2010 - 15h41

Será que um dia vamos abrir a caixa preta da FSP e os comparsas responsabilizados criminalmente? Sonho com isso…

Responder

Urbano

27/10/2010 - 14h08

Essa é uma dentre tantas 'pérolas' da falha de São Paulo.

Responder

Miguel Oliveira

27/10/2010 - 12h54

Há blogs desconfiados, com razão, que esta denúncia da Folha seja para dar credibilidade a algo que vai publicar sobre o passado de Dilma, que vai ser publicado na véspera da eleição. Acho que o PT tem que ter pronto um contra ataque mostrando o horror que foi a revolução, que atingiu figuras importantes como JK, a bomba do Riocentro, a supressão dos direitos civis, os exílios de Chico Buarque, Caetano, Gilberto Gil e muitos outros e mais muitas outras coisas que vocês conhecem muito mais que eu.Acrescento Brizola,Miguel Arraes, de que me lembro agora.

Responder

    Mário SF Alves

    23/05/2012 - 20h59

    Acrescente aí: Paulo Freire; o irmão do Henfil; e, …

José Alberto-SSA BA

27/10/2010 - 08h36

Luanay.
Concordo integralmente.
Pelo que acompanhei a Min.Carmen Lucia está dando andamento urgentíssimo. Muito estranho que tenha dado ontem prazo de 24hs ao STM, improrrogável, e no caso da não resposta que o processo lhe seja reencaminhado para decisão. A questão é se a Min. vai decidir sozinha sobre o assunto e isso pode se dar hoje ou amanhã. No caso de decisão favorável dá tempo ao consórcio FSP/Globo fazerem o estrago.
Honduras se fará repetir aqui.
Um GOLPE BRANCO, sob a nossa complacência. O PT (com o lerdo do Palocci na coordenação da campanha) e Dilma não estão percebendo a gravidade disso?
Correr atrás, depois de publicado o resultado das urnas favorável a Serra será tarde demais.

Responder

Pedro

27/10/2010 - 02h06

Lembro do repórter Azenha trabalhando como jornalista da Rede Globo na campanha de 89 para presidente, você estava perto do Lula no palanque em São José dos Campos. Naquele dia estava ali com esperanças. Confesso que naquele dia olhei pra você várias com o mesmo sentimento que tinha em relação a Globo, " desconfiança/descrédito" , fora outros sentimentos. Fico feliz por você provar que o meio não é ponto determinante para corromper um Homem.
Sabemos que a Globo continua a mesma, mas mesmo por esperteza ela não consegue ser diferente… a fábula do escorpião e o peixe explica o comportamento dela.
Já faz tempo que visito este espaço, mas hoje me deu vontade de te pedir desculpas pelo olhar equivocado de 89.
Parabéns Azenha, tenho orgulho do profissional, mas principalmente do Azenha cidadão.

Responder

Luanay

26/10/2010 - 21h00

Sabe o que me deixa mais exasperada nestas eleições? não é apenas a ação criminosa da velha imprensa, e sim a triste constatação de que a passividade ainda impera na blogosfera. Com todo o esforça hercúleo de abnegados como você, Azenha, no cômputo geral o que prevalece é a espera passiva pelos golpes, para só então reagir.
Todo mundo já sabe, neste momento, que a folha está preparando uma matéria atacando a Dilma sob o ponto de vista dos torturadores da ditadura. O panfleto está há muitos dias tentando obter os dados, por motivos torpes, óbvios para todo mundo. E eu acabo de circular por pelo menos 5 "blogs sujos' e não vi nada, zero, nenhuma linha de prevenção, com a verdade, para ao menos tentar neutralizar o que vem por aí. Não apenas dizendo que a Folha prepara ataques, mas divulgando notícias honestas sobre Dilma na ditadura,, vídeos, que possam neutralizar mais uma iniquidade da folha.
Há muita, mas muita passividade na blogsfera. Espera-se o golpe para depois reagir, mesmo sabendo do golpe com antecedência, como é o caso (e isso vale para a campanha da Dilma, principalmente.
Eu sei que todo mundo trabalha demais, atualiza o blog quando dá. Mas eu sonho com um dia em que esta blogosfera terá condições de sair da defensiva.
Vou fazer o que posso e divulgar no Twitter o video da Dilma respondendo àquele verme Agripino, no congresso, sobre o que é ser torturada http://www.youtube.com/watch?v=ydzxMpYAKZE
Um abraço e obrigada, porque sem o seu blog e alguns outros, quero nem pensar.
a propósito; o tele-calúnia contra Dilma troa há dias, diariamente, no Brasil todo. Nada, nenhum alerta em massa da parte da campanha de Dilma. E eu tenho um pressentimento que o telemarketing foi quem elegeu o Aloysio Nunes – foi massivo no dia 2).

Responder

    Nelson de souza

    27/10/2010 - 09h17

    Parabéns pela matéria, apesar da vantagem de Dilma nas pesquisas a gente fica muito apreensivo, pois é tanta canalhisse e ainda temos que ver esta midia conservadora falando de liberdade de imprensa, será que eles e o povo sabe que a mídia é uma consessão do ESTADO, portanto , não poderia se manisfetar com tando cinismo falando como um partido politico. Somente quando tivermos no mínimo 100 milhões de brasileiros com acesso a Banda larga, vai acabar esta bandalheira dos jornalecos e revistas como veja. Temos que ficar atentos e não baixar a guarda até o final da eleição. Após sim ir pra Av. Paulista e soltar o grito!!

Deixe uma resposta