Prêmio Santo Dias homenageia imprensa que combateu ditadura

Tempo de leitura: 2 min

da Comissão de Direitos Humanos da Alesp, via e-mail

A Comissão de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, por meio de seu presidente, o deputado Adriano Diogo (PT), entrega nesta sexta-feira, 13, o 17° Prêmio Santo Dias de Direitos Humanos a representantes da sociedade civil ligados a veículos de comunicação alternativa que combateram a ditadura militar.

A premiação ocorre no Plenário Juscelino Kubitschek, às 19h, durante solenidade que lembrará os 45 anos do AI-5.

O jornalista Raimundo Pereira, do jornal Movimento, D. Angélico Sandalo Bernardino, os jornais O São Paulo e Grita Povo, ligados à igreja católica progressista, o editor do jornal O Berro, de Ribeirão Preto, Vanderley Caixe (in memoriam), Áurea Moretti e Madre Maurina (in memoriam), apoiadoras de O Berro serão os grandes homenageados da noite.

A Comissão de Direitos Humanos também concederá menções honrosas aos jornalistas vítimas da violência policial e de manifestantes quando cobriam os protestos que ocorreram em São Paulo a partir de junho deste ano. O grupo que denuncia adoções irregulares de crianças na cidade de Itaquaquecetuba, na Grande São Paulo, também receberá menção honrosa da Comissão.

Significado

O Prêmio Santo Dias de Direitos Humanos é uma das mais importantes honrarias brasileiras. Seu nome se inspira no metalúrgico assassinado pela Polícia Militar durante a greve da categoria, em 1979, na capital paulista.

O operário Santo Dias integrava o comando de greve, liderava piquetes e mobilizava os trabalhadores para a paralisação. Era visto como inimigo pela ditadura.

O líder que incomodava os militares foi executado pelo PM Herculano Leonel, no dia 30 de outubro de 1979, em frente à antiga fábrica de lâmpadas Sylvania, na região de Interlagos, zona sul de São Paulo.

Serviço:

Entrega do 17° Prêmio Santo Dias

Quando: Sexta-feira, 13 de dezembro, às 19h

Onde: Plenário Juscelino Kubitschek da Assembleia Legislativa de São Paulo, avenida Pedro Álvares Cabral, 201, Ibirapuera

 Leia também:

Apoie o jornalismo independente


Siga-nos no


Comentários

Clique aqui para ler e comentar

Mário SF Alves

E viva a História. Só ela nos permite definir os rumos em relação ao futuro.

Deixe seu comentário

Leia também