VIOMUNDO

Diário da Resistência


Política

Os suplentes milionários de Demóstenes


06/04/2012 - 13h13

por Jarbas Rodrigues, no jornal O Popular, enviado por e-mail por Jairo Falcucci Beraldo

Depois de pedir desfiliação do DEM, a expectativa em Brasília, é que o próximo passo do senador Demóstenes Torres seria renunciar ao mandato para evitar um processo de cassação no Conselho de Ética do Senado, com a consequente perda dos seus direitos políticos. Outra possibilidade seria Demóstenes pedir licença de 120 dias do Senado por “motivos pessoais”. Portanto, os dois suplentes do ex-democrata, que estão de prontidão, têm algo em comum: são milionários e nunca exerceram mandato político.

O primeiro suplente é o empresário Wilder Morais, 42 anos, cuja esposa o abandonou para viver com Carlinhos cachoeira, declarou patrimônio de R$ 14,5 milhões ao TSE em 2010, sendo R$ 2,2 milhões em dinheiro vivo, a maior parte formada pela sociedade na construtora Orca. O segundo suplente é o pecuarista José Eduardo Fleury, 59 anos, que declarou um patrimônio mais modesto: R$ 1,4 milhão, sendo seu maior bem uma grande fazenda (mais de 800 hectares) em Quirinópolis, no sudoeste goiano.Curiosamente, não declarou em 2010 nem uma cabeça de gado ou qualquer atividade produtiva no imóvel rural. Já em 2002, quando foi suplente pela primeira vez de Demóstenes, Fleury declarou ao TSE patrimônio de R$ 5,7 milhões, o que incluia cerca  de 2 mil cabeças de gado.

Se compararmos os patrimônios dos suplentes com o declarado pelo senador em 2010, a vida de Demóstenes chega a ser franciscana: o ex-democrata teria apenas R$ 374 mil, valor bem inferior ao que supostamente teria recebido do empresário Carlinhos Cachoeira, segundo conversas telefônicas gravadas pela Polícia Federal na Operação Monte Carlo.

Filiado ao DEM, Wilder Morais disse no sábado que não gostaria de assumir o mandato do senador “nestas condições” e que só deixaria o governo de Goiás se “fosse por algo maior”. Especulava-se na semana passada que o empresário, secretário de Infraestrutura do governador Marconi Perillo (PSDB), tivesse demonstrado vontade de deixar o setor público. No domingo (01/04), o empresário esteve em Brasília reunido com o senador Demóstenes.





13 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Agnelo A Nascimento

11 de abril de 2012 às 21h17

Esse País está podre,só tem corruptos e ninguém faz nada.
Os três Poderes fedem se fizer uma limpeza não fica ninguém.

Responder

valcir barsanulfo

07 de abril de 2012 às 15h34

Com um senado acovardado e e de joelhos diante da vergonhosa atitude do DEMOstenes de enganar a tudo e a todos, como é que ficamos. Cristovão Buarque fez o Leonel Brizola rolar no túmulo, o Pedro Taques também é colega do DEMOstenes, nem conheceu o Brizola, o Rolemberg do DF sujou a boca com m..da. O casal Suplicy do PT paulista, onde não escapa ningém e ainda o Inácio Arruda tambem se deu mal. Será que algum destes matraqueiros irá se redimir e pedir a cassassão deste [email protected] dido no conselho de ética(ética existe) no senado?

Responder

Marcos

07 de abril de 2012 às 11h16

Como exterminar?

Responder

@JASSRS62

07 de abril de 2012 às 10h18

Alguém pode me dizer, quando com um Senado assim e não muito distante na Câmara Federal, vamos conseguir passar a reforma política no país.
Porque não realizar um Plebiscito e deixar o povo definir, qual reforma política queremos. Porque não chamar uma Constituinte para tratar deste tema.

Responder

renato

06 de abril de 2012 às 20h32

Se ele fez leis que auxiliavam diretamente o cachoeira, estas leis não devem ser revistas novamente?
Feliz Pascoa.

Responder

Carlos

06 de abril de 2012 às 20h26

Os bons sempre serão bênçãos; mas parece que os maus serão sempre como pragas.

Responder

pperez

06 de abril de 2012 às 19h39

Suplentes milionarios e certamente ricos de interesses daninhos ao País como todos os DEMOcratas!

Responder

Marat

06 de abril de 2012 às 18h40

Digo e repito: tinha mais respeito (mas nunca admiração!) ao ACM. Ele era um pilantra e deixava transparecer o tempo todo. Os malandrões, moedeiros-falsos que se passam por honestos e vestais da lei e da ordem dão um asco enorme. Que nosso povo perceba nos olhares fingidos, nos sorrizinhos marotos o pilantra que existe em grande número dentre os candidatos a cargos tão importantes!

Responder

Sr_Andante

06 de abril de 2012 às 17h28

É interessante observar as emendas parlamentares (qual a atuação de Demóstenes nas emendas?) para obras (Ex.: construção de casas populares na cidade de Nerópolis-GO), cujas licitações foram vencidas pela Construtora Orca. Uma daquelas coincidências que só o mundo político tem a capacidade de conceber.

Responder

Altamiro Ferreira

06 de abril de 2012 às 17h15

Aposto que este Suplente vai assumir o lugar do Demóstenes tão logo ele for cassado. O argumento será :Se é para o bem da Nação eu assumo.
Estamos "ferrados" Sai um "Sacripanta entra outro, se não pior, mas igual!

Responder

FrancoAtirador

06 de abril de 2012 às 15h29

.
.
!!! FICA DEMÓSTENES !!!
.
.
!!! QUADRILHA !!!

Veja/Demóstenes/Mendes/Perillo/Cachoeira

!!! CPI JÁ !!!
.
.

Responder

Marat

06 de abril de 2012 às 15h15

Demóstenes, homem honrado e honesto, está rodeado de pessoas do mais alto gabarito. Quanto orgulho!!!

Responder

Gerson Carneiro

06 de abril de 2012 às 15h07

E não adianta
Vir me detetizar
Pois nem o DDT
Pode assim me exterminar
Porque você mata uma
E vem outra em meu lugar…

Mosca Na Sopa
Raul Seixas

Responder

Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding