Mino Carta: Se Lula entrar na briga, vai provar sua condição de líder do povo brasileiro

Tempo de leitura: 3 min

lula 1970

Trinta e cinco anos depois, este cenário talvez se repita em ponto maior

Cuidado com ele

Recado aos senhores: se Lula entrar na briga, vai provar sua condição de líder do povo brasileiro

por Mino Carta, em CartaCapital

A situação de caos que o País vive precipita um grande equívoco e duas urgências. Destas, uma investe Dilma Rousseff. Esgota-se o tempo que lhe sobra para tentar rever posturas, orientações, escolhas.

Não esqueço a última vez em que estive com ela, em companhia de Sergio Lirio e André Barrocal, para entrevistá-la às vésperas das últimas eleições.

Impressionou-me o isolamento da presidenta sobrepujada pelo álgido cenário fascistoide transplantado para o Trópico no Palácio da Alvorada, enorme redoma de solidão. A outra urgência diz respeito a Lula. O ex-presidente chegou a uma peremptória encruzilhada e tem de escolher a saída que mais lhe convém.

Recordo o dia, mais ou menos recente, em que ouvi de Lula a seguinte frase: “Um presidente considera-se bem-sucedido quando se reelege, e digno da excelência quando elege seu sucessor”. Inviável o impeachment de Dilma sonhado por muitos opositores, é difícil, nas circunstâncias atuais, deixar de imaginar um final melancólico para o segundo mandato da presidenta. Se for assim, ela não fará seu sucessor.

Como observava Mauricio Dias em sua Rosa dos Ventos, na edição passada, faltam para a sucessão quadros potáveis no governo e no PT. Resta mirar em Lula. A própria oposição ajusta a alça. Eis o verdadeiro inimigo, antes de qualquer outro.

O que a elite brasileira mais teme é a volta por cima do ex-presidente. O ex-operário, de novo!? Vaias e panelaços que de uns tempos para cá lhe são reservados, além de patéticos, não escondem o medo, e não exagero no emprego da palavra. Resta ver se Lula pretende, ou não, transformar o Brasil em uma infinda Vila Euclydes.

Ele pode, é o único, verdadeiro líder do povo brasileiro, se quiser, enche as praças. Ao longo de dois mandatos realizou avanços importantes, inferiores a meu ver, àqueles que poderia e deveria realizar. Bastou, contudo, para deixar a Presidência com altíssima aprovação, nunca dantes navegada.

O que pretende a partir deste momento não está claro. Evidente é sua irritação. Não contemplo somente os comportamentos midiáticos, as acusações de envolvimento em escândalos variados, os apupos do preconceito elitista, como prova seu discurso no evento da CUT promovido em São Paulo dia 1º de maio. De fato, abala-se também a críticas ao governo Dilma, a rigor as primeiras públicas.

Estamos na encruzilhada e o equívoco seria a consequência, a depender da escolha de Lula ao determinar seu caminho. Se decidir, em lugar da aposentadoria, pela disputa do poder, assistiremos a um imperioso retorno à ribalta, mesmo que agora não seja seu objetivo descer à liça em 2018.

Quanto ao equívoco, suponho ser geral, da oposição, da chamada elite, da mídia, bem como do PMDB, do próprio PT, e do governo que o partido haveria de sustentar.

Lula tem todas as condições, e mais algumas, de reassumir uma liderança avassaladora, em parte abandonada para deixar espaço a Dilma Rousseff. Quem supõe que, ao sabor do dito petrolão, da tibieza governista e do martelar midiático, Lula esteja encurralado, engana-se além da conta. Quem se ilude, corre o risco de, como se diz, cutucar a fera com vara curta.

O Brasil vai mal, graças a um acúmulo de erros e desmandos, de resto encadeados no decurso das décadas de sorte a se tornarem mal endêmico, mas o jogo, o trágico enredo que entrega o País ao caos, não está encerrado.

Diz um antigo provérbio italiano: non destar il cane che dorme. Não desperte o cão que dorme.

Leia também:

Chico de Oliveira: Lula vai ter de voltar a fazer política de forma mais contundente 

Apoie o jornalismo independente


Siga-nos no


Comentários

Clique aqui para ler e comentar

Romanelli

sabe qual é o problema ? ..dos OUTROS eu nunca esperei NADA ..de LULA, por uns tempos, guardei esperanças e acreditei ..e tal qual comigo me frustrando, hoje nem 30% lhe dão crédito
.
Não acredito que LULA tenha forças, depois de DILMA, pra se re erguer ..seus projetos não vieram, seus milagres não aconteceram, suas promessas hoje são chacotas, o BRASIL do seu futuro durou pouco e já é passado ..o ufanismo e a crença deu lugar pra depressão e a desconfiança ..nem suas bravatas mais convencem
.
não conheço sabão político que consiga limpar em tão pouco tempo a alma dum povo que se sente traído e ferido por um dos seus .afinal, LULA não era um deles, era ?
.
Tenho comigo que um movimento pendular já esta presente e veio pra ficar ..saído duma esquerda que já não era nenhuma brastemp (não pela falta de radicais, mas sim de IDÉIAS novas capazes de efetivamente nos revolucionar) ..um pendulo se direcionando com velocidade pra um ponto mais à direita ..agora só resta saber que badalo ele nos trará

Lucas

Lula de novo? onde vcs encheram esperança, eu tenho é calafrios do que nos espera. Lula hoje não é o lula de 2002, e nem o PT. Essa nostalgia não nos faz pensar em alternativas à cartografia política atual, que está mofada. Apostar em Lula em 2018 não é uma jogada de sorte, e sim pura falta de opção, o que demonstra a imobilidade da esquerda brasileira atualmente.

    Ricardo

    Lucas, Leo, Zoinho Virado, e semelhantes, estou cansado de ler suas babaquices aqui no blog do Viomundo.
    Vcs só fica martelando, insistindo que o PT/Lula/Dilma é o problema do Brasil. Todo mundo já sabe que vcs tem um ódio mortal por eles. Mas me façam um favor, troquem o disco. Em vez de falar deles, falem qual é a solução.
    Quem, pra vcs, é o “cara”/partido que deve entrar lá pra salvar o Brasil?

Leo

Lula é o cara! O chamado “Grupo do Futuro”, que se reúne no Instituto Lula periodicamente, já tem instruído o ex presidente quanto aos passos que ele deve seguir rumo a 2018. Mas, como nada muda neste país, participa desse grupo de notáveis o ilustríssimo senhor Antonio Palocci.
.
E a história se repete…

Rodrigo

Só que até quando o PT vai viver de Lula? Votaria nele em um possível 3º mandato, mas em mais ninguém ligado a estrelinha vermelha.

Só que é depois? Se ele morrer, o PT morre junto, pois não vejo mais ninguém com cacife para disputar e ganhar uma nova eleição em cima da tucanada.

Que o Sapo Barbudo engula o Picolé de Chuchu em 18. Só ele tem goela para tanto.

Leo

Impressionante: ainda ha pessoas que idolatram o Lula. É, no mínimo, desanimador. Lamentável!
.
Estou esperando, desde 2005, que Luis Inacio dê nomes às pessoas que ele chamou de traidoras. E, mesmo assim, ainda sou obrigado a ouvir louvores entoados ao ex presidente.
.
Por favor! Lula é líder de quem!?

    Ulisses

    De mais de 80% do povo brasileiro. Acha pouco?

    Leo

    Ulisses, que povo brasileiro é este, meu caro? 80%!? Não nos faça rir!
    .
    O Lula é uma das maiores desilusões que o Brasil já teve. Aliás, Lula e FHC levam o debate político deste país para o lixo.
    .
    É preciso refazer suas contas, Ulisses. E, por favor, não as relativize, pois, caso contrário, você continuará nesse sonho furado de 80%. Conseguiu entender alguma coisa do que eu disse?
    .
    Abraços.

    Vinicius

    Metade do Brasil continua a ver Lula como seu líder,mesmo com toda a bateria anti-PT.

    Alexandre

    O PT vai se destruir sozinho com as medidas desesperadas e Dilma que conseguiu …quem diria!!!ser pior que o demonio FHC e cia!!!!quem vence Lula em 2018?????Qualquer um que queira o bem do pais com propostas claras e nao ufanistas pois o governo atual de mentiras e falsas promesas ja perdeu a confianca na administracao atual e antes que me condenem eu voto nulo!!!!

Afonso Guedes

Mino é um temendo jornalista. São pouquíssimos os da sua estirpe. Mais uma vez acerta na mosca.

mineiro

a situaçao chegou a esse ponto por culpa do proprio lula que inventou essa desgovernada que nao da conta de nada, esse poste de pres. , e do pior de todos o pt bundao , que ajoelha e entrega a mae pela ta governabilidade. eu no começo tambem nao acreditava que o brasil iria chegar a esse , que tinha que fazer politica , isso toda vida eu sou a favor. nao vive na vida publica ou em qualquer parte da sociedade sem fazer politica, nao exsite isso. todos lugar existe politica e politicagem , no trabalho, no esporte, nas religioes , em tudo que nos podemos pensar existe politica e politicagem. so o pt bundao que teve a capacidade ou melhor a imbecilidade , de dizer que nao existe luta de classes, eu vou governar para todos , todos serao gratos a nos. é tai a gratidao. o lula errou feio nessa questao de nao enfrentar o debate e inventar essa ai que diz ser pres. do brasil. agora o pt , se tornou qualquer partido da direita , sem diferença e vergonha na cara.

Carlos Elísio

Em todo caso, não importa: #minhaTVvaiEstarDesligada

Francisco

Bom texto, mas…

Só voto em outro petista se ele me apresentar DATA E HORA da regulamentação:

1) dos plebiscitos e referendos;
2) da Lei de Mídia;
3) do imposto sobre herança e fortuna e;
4) da Reforma Política (a ser aprovada por referendo).

Sempre votei no PT e em Lula, mas NÃO CONFIO MAIS em conversa fiada, “correlação de forças” e outras palhaçadas e embustes.

Não sou idiota, não quero mais ser enrolado: se é para não fazer, deixe caminho para outro.

PS. Depois de Lula (4 ou 8 anos) restará o quê? Eu sozinho com Eduardo Cunha, Gilmar Mendes e a Rede Globo! O povo precisa de ferramentas para o pós PT (Lula já será, então, carta fora do baralho).

    Gerson Carneiro

    Francisco, depois me passa o nome do candidato não petista que você vai votar e que irá fazer tudo isso aí que você listou sob alegação de que o PT não fez, que eu voto também. Mas eu te digo de antemão: esse candidato não existe.

    MANREL

    Francisco, não se preocupe, você terá boas alternativas, vá enfrente com toda essa sua objetividade.
    Lembre-se, você está no Brasil, pais que tem um partido chamado P M D B.

Gerson Carneiro

Fala-se pelos cantos que terça-feira, 19.05.2015, FHC na propaganda do PSDB, ingenuamente vai atacar pessoalmente o Lula. Estou torcendo para que seja verdade.

    Carlos Elísio

    Mas será que este subnitrato de merda vai acusar o Lula de comprar a reeleição? rs

    Caracol

    Nesse caso, prezado Gerson, não se fala pelos cantos, mas sim canta-se pelos falos.

Deixe seu comentário

Leia também