VIOMUNDO

Diário da Resistência


Política

Em Minas, os tucanos impedem qualquer CPI. Conheçam as provas


13/07/2011 - 22h58

aecio2

da Redação 

No debate realizado no SBT nessa quinta-feira 16, o candidato à presidência Aécio Neves (PSDB) disse que o governo da candidata Dilma Rousseff (PT) age para barrar CPIs no Congresso Nacional.

Como cara de pau, Aécio é um bom ator.

Durante o período em que foi governador de Minas, de 2003 a 2010, Aécio impediu todas as CPIs propostas para investigar irregularidades de seu governo.

Levantamento feito em 2013 pelo Minas Sem Censura e publicado pelo Viomundo comprova: em toda a história republicana da Assembleia Legislativa, os oito anos de governo Aécio/Anastasia foram os que menos investigaram e apuraram denúncias, indícios, suspeitas e irregularidades que dizem respeito aos interesses do povo mineiro.

Como muitos desconhecem esse levantamento, nós o republicamos hoje, 17 de outubro, às 13h18.

***********

Minas Sem Censura comprova ditadura tucana

do Bloco Minas Sem Censura

Para muitos, falar em “Estado de Exceção” em Minas Gerais, constitui um exagero. Não porque os tucanos não o queiram, mas porque vivemos numa Federação e, mesmo que tenham tais pretensões, não poderiam atropelar a ordem constitucional, no plano nacional.

Mas, além da coerção econômica sobre veículos de imprensa comerciais, comprando a adesão (como denuncia o deputado Sávio Souza Cruz), e além dos mecanismos de cooptação de agentes de poderes e órgãos de fiscalização, vamos apresentar alguns indicadores que deixarão boaquiabertos os que acham exagerada a crítica ao “Estado de Exceção”.

Trata-se de uma comparação simples entre a realização de Comissões Parlamentares de Inquérito e Comissões de Sindicância (predecessoras das CPIs) na ALMG, desde os tempos do Regime Militar e nos oito anos de governo Aécio/Anastasia.

De 1965 até 1984 aqui foram realizadas 30 CPIs. Sobre os mais variados temas da administração pública direta, indireta, dos setores mais dinâmicos da economia (mineração), meio-ambiente, habitação, sistema prisional etc.

Do ano do famigerado AI5, 1968, até 1984 foram 26 CPIs. Ou seja, mais de uma por ano. Enquanto que nos dois governos de Aécio/Anastasia foram apenas duas durante os oito anos: ou  seja 0,25 CPI por ano!

Mesmo no governo do tucano Eduardo Azeredo (1995-1998) foram 10. No de Itamar Franco (1999-2002) foram 17.

Isso sem contar milhares de requerimentos solicitando informações aos poderes constituídos, coisa que no atual governo Anastasia é sumariamente vetado ao Bloco Minas Sem Censura.

Afirmamos claramente: em toda a história republicana da Assembleia Legislativa, os oito anos de governo Aécio/Anastasia foram os que menos investigaram e apuraram denúncias, indícios, suspeitas e irregularidades que dizem respeito aos interesses do povo mineiro.

Veja abaixo a lista das CPIs desde 1965:

Gerência-Geral de Documentação e Informação

Relação de Comissões Parlamentares de Inquérito (CPI’s) e Comissões de Sindicância instaladas a partir de 1963:

Só estão listadas as comissões que possuem relatório final no Arquivo da ALMG

Base: 29/06/2005

CPIs 1963 a 1966 (5ª  LEGISLATURA)

1 — CPI – IPES  — 1963 — Relatório Final — sem data de publicação.

2 — CPI – HIDROMINAS — 1963 – Relatório Final — sem data de publicação.

Comissões de Sindicância 1963 a 1966  (5ª LEGISLATURA)

3 — COMISSÃO DE SINDICÂNCIA – REFORMA E AMPLIAÇÃO DO PRÉDIO DA ALMG – PALÁCIO DA INCONFIDÊNCIA  — Relatório Final  de 14/06/65  sem data de publicação.

4 — COMISSÃO DE SINDICÂNCIA – MANESSMANN – 1965 – Relatório Final  — 17/12/65.

5 – COMISSÃO DE SINDICÂNCIA – DENÚNCIAS DEP. ATHOS VIEIRA DE ANDRADE – PERSEGUIÇÃO POLÍTICA  — 1966 — Relatório Final  sem data de publicação.

Comissões de Sindicância 1967 a 1970 (6ª  LEGISLATURA)

6 – COMISSÃO DE SINDICÂNCIA – CRISE DA MANTEIGA E DERIVADOS DO LEITE – 1968 — Relatório Final sem data de publicação.

7 – COMISSÃO DE SINDICÂNCIA  – JAPONAS — 1968/69 — Relatório Final sem data de publicação.

8– COMISSÃO DE SINDICÂNCIA – ACESITA – 1967 – Relatório Final sem data de publicação.

9 –  COMISSÃO DE SINDICÂNCIA – MANGANÊS / MG – 1965 – Relatório Final sem data de publicação.

CPIs 1971 a 1974 (7ª LEGISLATURA)

10 — CPI – POLUIÇÃO  — RIO SÃO FRANCISCO – 1972 – Relatório Final sem data de publicação.

Comissões de Sindicância 1971 a 1974 (7ª LEGISLATURA)

11 — COMISSÃO DE SINDICÂNCIA – DIVERSIFICAÇÃO (LIVROS DIDÁTICOS/UNIFORMES/MG) – 1973 — Relatório Final sem data de publicação.

12 — COMISSÃO SINDICÂNCIA – COLÔNIA SANTA ISABEL – 1972 – Relatório Final sem data de publicação.

CPIs 1975 a 1978 (8 ª LEGISLATURA)

13 — CPI – MBR/SERRA DO CURRAL – 1975 – Relatório Final em 11/06/75.

14 — CPI – CARTÉIS – 1975 – Relatório Final  publicado DL em 23/11/75.

15 — CPI – CANA DE AÇÚCAR – 1976 – Relatório  Final  em 18/08/76.

16 — CPI — RIO DAS VELHAS E PARAOPEBA – 1978 – Relatório Final  sem data de publicação.

17 — CPI – AGENCIAMENTO/RECLAMAÇÕES TRABALHISTAS – LEOPOLDINA – 1978 – Relatório Final sem data de publicação.

Comissões de Sindicância 1975 a 1978 (8 ª LEGISLATURA)

18 – COMISSÃO SINDICÂNCIA – SECA NORTE DE MINAS – 1976 – Relatório Final publicado DL em 27/08/76.

19 – COMISSÃO DE SINDICÂNCIA – INPS – 1977 – Relatório Final sem data de publicação.

20 – COMISSÃO DE SINDICÂNCIA – TORTURA/VIOLÊNCIA – POLÍCIA CIVIL – AO OPERÁRIO JORGE DEFENSOR – 1977 – Relatório Final sem data de publicação.

21 – COMISSÃO DE SINDICÂNCIA – REMOÇÃO IMAGENS DO ACERVO HISTÓRICO DE MINAS GERAIS PARA O RIO DE JANEIRO – 1978 – Relatório Final  sem data de publicação.

CPIs 1979 a 1982 (9ª LEGISLATURA)

22 — CPI – TERRORISMO / MG – 1980 – Relatório Final publicado DL em 10/10/1980.

23 — CPI – VÍTIMA DAS ENCHENTES – 1979  — Relatório Final sem data de publicação.

24 — CPI – COHAB – 1982 – Relatório Final publicado em 23/09/1982.

25 — CPI – DENÚNCIAS DO GAL. JOSÉLIO LOPES BRAGANÇA  — 1980 — Relatório Final em 23/08/1980.

Comissões de Sindicância 1979 a 1982 (9ª LEGISLATURA)

26 – COMISSÃO DE SINDICÂNCIA — BARRAGEM DE TRÊS MARIAS – 1980 – Relatório Final em 05/12/1980.

27 — COMISSÃO SINDICÂNCIA – RÁDIO INCONFIDÊNCIA – 1980 – Relatório Final em 26/11/1980.

28 – COMISSÃO DE SINDICÂNCIA – TRANSPORTE COLETIVO – AUMENTO DE TARIFAS – 1981 – Relatório Final sem data de publicação.

 CPIs 1983 a 1986 (10ª LEGISLATURA)

29 — CPI – PRESÍDIO SANTA TEREZINHA/JUIZ DE FORA – 1983 – Relatório Final publicado DL em 18/11/1983.

30 — CPI – TRANSBORDAMENTO DO RIO ARRUDAS – 1983 – Relatório final sem data de publicação.

31 — CPI – BNH  — 1983 – Relatório Final publicado DL em 10/12/1983.

32 — CPI – PENITENCIÁRIA  AGRÍCOLA DE NEVES – 1984 – Relatório Final publicado DL em 07/06/1984.

33 — CPI – SISTEMAS PENITENCIÁRIOS – 1985 – Relatório Final sem data de publicação.

34 — CPI – RURALMINAS – 1985 – Relatório Final publicado “DL” em 27/06/1985.

35 — CPI – TORTURAS A MENORES NA DELEGACIA ESPECIALIZADA DE ORIENTAÇÃO A MENORES – 1986 – Relatório Final publicado DL em 17/05/1986.

CPIs 1987 a 1990 (11ª LEGISLATURA)

36 – CPI CANA DE AÇÚCAR:  Relatório Final — Resolução  n º 4386/87 – Publicação: DL em 04/12/87, pág. 20, col. 1.

37 – CPI REFORMA ADMINISTRATIVA: Constituída  em 10/04/87 — Relatório Final – Resolução n º 4447/87 — Publicação: DL em 14/11/87.

38 – CPI GRUPOS OMETTO E AGRIVALE  — Projeto Jaíba: Constituída em 30/05/87 – Relatório Final – Publicação DL em 20/04/88.

39 – CPI DER – Constituída em 12/11/87 – Relatório Final – Publicação em 16/04/88.

40 – CPI FIAT – Constituída em 27/03/87 – Relatório Final – Resolução n º 4372/87 – Publicação DL em 30/09/87, pág. 35, col.1.

41 – CPI LOTERIA DO ESTADO DE MG: Constituída em 22/10/87 – Relatório Final – Publicação DL em 29/03/88.

42 – CPI METROBEL: Constituída em 26/03/87 – Relatório Final – Resolução nº 4387/87 – Publicação DL em 04/12/87, pág. 20, col.1.

43 – CPI CEMIG I: Constituída em 26/04/88 – Relatório Final – Resolução 5024/88 – Publicação DL em 14/10/89.

44 – CPI EDITORA LEMI: Constituída em 17/03/88 – Relatório Final – PRE 1004/88 – Publicação DL em 23/08/88 – ERRATA publicada em 24/08/88.

45 – CPI FAZENDA MAQUINÉ: Constituída em 11/08/88 – Relatório Final – Resolução 5057/90 – Publicação DL em 22/05/90, pág. 04, col. 1.

46 – Resolução 6518/89 — VAGAS NA REDE ESTADUAL DE ENSINO: Constituída em 08/04/89 – Relatório Final  – Publicação DL em 10/11/89.

47 – CPI  IEF: Constituída em 21/04/89 – Relatório Final – Publicação DL em 12/12/89.

48 – PIROCLORO/NIÓBIO EM ARAXÁ: Constituída em 16/03/90 – Relatório Final – Resolução 5089/90 – Publicação DL em 28/12/90, pág. 43. , col. 1.

49 – AIRP (ASSESSORIA DE IMPRENSA E RELAÇÕES PÚBLICAS DO GOVERNO) — CPS  transformada em CPI – Relatório Final – Publicação DL em 07/08/90.

50 – CAMIG/METAMIG: Constituída em 15/05/90 – Relatório Final – publicação DL em 13/10/90.

51 – TRANSPORTE COLETIVO INTERMUNICIPAL: 1990 92 – Relatório Final sem data de publicação.

CPIs 1991 a 1994 (12ª LEGISLATURA)

52 — CPI PARA  APURAR DENÚNCIAS DE IRREGULARIDADES NO PAGAMENTO DO  PESSOAL DA FUNDAÇÃO RURAL  MINEIRA — RURALMINAS —  -DESVIO DE  DOCUMENTAÇÃO E  PROVÁVEIS IRREGULARIDADES NA ALIENAÇÃO DE  BENS PATRIMONIAIS  E DE  TERRAS PÚBLICAS  DA ENTIDADE, A REQUERIMENTO DO DEPUTADO RAUL MESSIAS. RELATÓRIO FINAL  PUBLICADO NO DIÁRIO DO LEGISLATIVO EM 27/08/1991, PÁGINA 48, COLUNA 3.

53 — CPI PARA  INVESTIGAR OS  FATORES QUE  DETERMINAM O CÁLCULO DAS TARIFAS, A EXPLORAÇÃO DOS  TRANSPORTES INTERMUNICIPAIS  PELAS CONCESSIONÁRIAS E O DIREITO DE EXPLORAÇÃO, PARA A ADTER, DO  TERMINAL RODOVIÁRIO  DE BELO  HORIZONTE,  A REQUERIMENTO DO DEPUTADO MARCOS HELÊNIO. RELATÓRIO FINAL  PUBLICADO NO DIÁRIO DO LEGISLATIVO EM 30/10/1991, PÁGINA 50, COLUNA 3.

54 — CPI PARA APURAR POSSÍVEIS IRREGULARIDADES PRATICADAS PELO PODER EXECUTIVO DURANTE A CAMPANHA ELEITORAL PARA ELEIÇÃO DE PREFEITOS E VEREADORES,  A REQUERIMENTO DO DEPUTADO GUALTER MONTEIRO. RELATÓRIO FINAL PUBLICADO NO DIÁRIO DO LEGISLATIVO EM 12/10/1991, PÁGINA 49, COLUNA 1.

55 — CPI PARA APURAR OS  FATOS QUE DERAM ORIGEM À LIQÜIDAÇÃO EXTRAJUDICIAL DA MINASCAIXA, A REQUERIMENTO DO DEPUTADO GERALDO REZENDE. RELATÓRIO FINAL  PUBLICADO NO DIÁRIO DO LEGISLATIVO EM 21/09/1991, PÁGINA 48, COLUNA 3.

56 — CPI PARA APURAR POSSÍVEIS  IRREGULARIDADES NO PROGRAMA PRÓ-HABITAÇÃO, A CARGO DA COMPANHIA HABITACIONAL DE MINAS GERAIS — COHAB-MG, A REQUERIMENTO DO DEPUTADO JOSÉ MILITÃO. RELATÓRIO FINAL PUBLICADO NO DIÁRIO DO LEGISLATIVO EM 07/03/1992, PÁGINA 52, COLUNA 3.

57 — CPI PARA APURAR POSSÍVEIS  IRREGULARIDADES NA PRIVATIZAÇÃO DA CAMIG E EM TODO O  PROCESSO DE  PRIVATIZAÇÃO PRATICADO PELO GOVERNO MINEIRO DESDE 1987, A REQUERIMENTO DO DEPUTADO JOSÉ MILITÃO. RELATÓRIO FINAL  PUBLICADO NO DIÁRIO DO LEGISLATIVO EM 12/05/1993, PÁGINA 14, COLUNA 2.

58 — CPI PARA APURAR O  ENVOLVIMENTO DE  POLICIAIS LIGADOS À QUINTA DELEGACIA REGIONAL DE  POLÍCIA DE  GOVERNADOR VALADARES,  NA FORMAÇÃO  DE UMA  QUADRILHA DESTINADA A  PRÁTICAS CRIMINOSAS,  TAIS COMO ASSASSINATO DE PESSOAS, TORTURA E CORRUPÇÃO, DENOMINADA  PELA IMPRENSA  DE “COMANDO DE MORTE”, A REQUERIMENTO DO DEPUTADO MARCOS HELÊNIO. RELATÓRIO FINAL  PUBLICADO NO DIÁRIO DO LEGISLATIVO EM 21/05/1993, PÁGINA 27, COLUNA 3.

59 — CPI PARA APURAR O ENVOLVIMENTO DE  POLICIAIS CIVIS  LOTADOS  NA  OITAVA DELEGACIA REGIONAL DE POLÍCIA DE MONTES CLAROS EM POSSÍVEIS IRREGULARIDADES DENUNCIADAS PELO REPRESENTANTE DO MINISTÉRIO  PÚBLICO NO MUNICÍPIO, A REQUERIMENTO DO DEPUTADO ROBERTO AMARAL. RELATÓRIO FINAL  PUBLICADO NO DIÁRIO DO LEGISLATIVO EM 07/07/1993, PÁGINA 39, COLUNA 2.

60 — CPI PARA INVESTIGAR, NO PRAZO DE 120 DIAS, A EXISTÊNCIA DE ESCRAVIDÃO POR DÍVIDAS DE  TRABALHO NO  DESMATAMENTO E PRODUÇÃO DE  CARVÃO VEGETAL NA REGIÃO NORTE DE MINAS. RELATÓRIO FINAL PUBLICADO NO DIÁRIO DO LEGISLATIVO EM29/12/1994, PÁGINA 69, COLUNA 2.

CPIs 1995 a 1998 (13ª LEGISLATURA)

61 — CPI PARA INVESTIGAR A  PROSTITUIÇÃO INFANTIL  NA REGIÃO  NORTE DE  MINAS GERAIS, A REQUERIMENTO DO DEPUTADO DIMAS RODRIGUES E OUTROS. RELATÓRIO FINAL  PUBLICADO NO DIÁRIO DO LEGISLATIVO EM 22/09/1995, PÁGINA 6, COLUNA 2.

62 — CPI PARA INVESTIGAR A DESAPROPRIAÇÃO REALIZADA PELA CODEVASF NA IMPLANTAÇÃO DO PROJETO GORUTUBA, NA REGIÃO NORTE DE MINAS. RELATÓRIO FINAL  PUBLICADO NO DIÁRIO DO LEGISLATIVO EM 18/11/1995, PÁGINA 3, COLUNA 4.

63 — CPI PARA INVESTIGAR A EXISTÊNCIA DE ESCRAVIDÃO POR DÍVIDAS DE TRABALHO NO DESMATAMENTO E PRODUÇÃO DE CARVÃO VEGETAL NA REGIÃO DO NORTE DE MINAS. RELATÓRIO FINAL PUBLICADO NO DIÁRIO DO LEGISLATIVO EM 02/04/1996, PÁGINA 4, COLUNA 1.

64 — CPI PARA APURAR DENÚNCIAS CONTRA A CHAMADA “MÁFIA DO CARVÃO”, QUE VEM ATUANDO PRINCIPALMENTE NO NORTE DE MINAS. RELATÓRIO FINAL PUBLICADO NO DIÁRIO DO LEGISLATIVO EM 17/04/1996, PÁGINA 16, COLUNA 2.

65 — CPI PARA PROCEDER A ESTUDOS SOBRE O PROCESSO DE APURAçÃO DOS ÍNDICES DO VALOR ADICIONADO FISCAL – VAF, DOS MUNICÍPIOS DE MINAS GERAIS E  APURAR AS  VARIAÇÕES NO VAF DOS MUNICÍPIOS DE CONTAGEM, CONGONHAS E VARGINHA. RELATÓRIO FINAL PUBLICADO NO DIÁRIO DO LEGISLATIVO EM 01/11/1996, PÁGINAS 14 E 15.

66 — CPI PARA APURAR DIVERSAS DENÚNCIAS QUE ENVOLVEM O SISTEMA PENITENCIÁRIO DO ESTADO. RELATÓRIO FINAL PUBLICADO NO DIÁRIO DO LEGISLATIVO EM 13/09/1997, PÁGINA 35, COLUNA 4.

67 — CPI PARA INVESTIGAR A FALTA DE REPASSES DO TESOURO ESTADUAL AO IPSEMG. RELATÓRIO FINAL PUBLICADO NO DIÁRIO DO LEGISLATIVO EM 19/02/1998, PÁGINA 15, COLUNA 2.

68 — CPI PARA APURAR A DESTINAÇÃO DOS ARQUIVOS DO DEPARTAMENTO DE ORDEM POLITICA E SOCIAL — DOPS, A REQUERIMENTO DO DEP. ADELMO CARNEIRO LEAO E OUTROS. RELATÓRIO FINAL PUBLICADO NO DIÁRIO DO LEGISLATIVO EM 16/06/1998, PÁGINA 28 COLUNA 4.

69 — CPI PARA PROCEDER A APURAÇÃO DE DENÚNCIAS DE IRREGULARIDADES NO FUNCIONAMENTO DOS BINGOS EM MINAS GERAIS, A REQUERIMENTO DO DEPUTADO DURVAL ANGELO E OUTROS. RELATÓRIO FINAL PUBLICADO NO DIARIO DO LEGISLATIVO EM 03/07/1998 PÁGINA 75 COL 2.

70 — CPI PARA APURAR A INSTALAÇÃO E EXPLORAÇÃO DE GARIMPOS NOS RIOS DO TERRITÓRIO DO ESTADO DE MINAS GERAIS E SEUS EFEITOS DEVASTADORES E CORRUPTORES, A REQUERIMENTO DO DEP. RAUL LIMA NETO. RELATÓRIO FINAL PUBLICADO NO DIÁRIO DO LEGISLATIVO EM 14/08/1998, PÁGINA 28 COLUNA 3.

71 — CPI PARA APURAR A ENTRADA DE MEDICAMENTOS FALSOS NA REDE HOSPITALAR PÚBLICA E PRIVADA, BEM COMO A COMERCIALIZAÇÃO DOS MESMOS NO ESTADO, A REQUERIMENTO DO DEP. IRANI BARBOSA E OUTROS. RELATÓRIO FINAL PUBLICADO NO DIÁRIO DO LEGISLATIVO EM 23/12/1998, PÁGINA 30 COLUNA 1.

CPIs 1999 a 2002 (14ª LEGISLATURA)

72 — COMISSÃO PARLAMENTAR DE INQUÉRITO PARA APURAR POSSÍVEIS IRREGULARIDADES NA ALIENAÇÃO DE 33% DAS AÇÕES DA CEMIG (CPI DA CEMIG). RELATÓRIO FINAL PUBLICADO NO DL EM 18/09/1999, PAG 27 COL 1.

73 — COMISSÃO PARLAMENTAR DE INQUÉRITO PARA APURAR POSSÍVEIS IRREGULARIDADES NA EMISSÃO DE CARTEIRAS DE HABILITAÇÃO DE MOTORISTAS PELO DETRAN DE MINAS GERAIS, BEM COMO O ENVOLVIMENTO DE POLICIAIS CIVIS NAS DENÚNCIAS. CPI DA CARTEIRA DE HABILITAÇÃO. RELATÓRIO FINAL PUBLICADO NO DL EM 01/10/1999,  PÁG 26 COL 1.

74 — COMISSÃO PARLAMENTAR DE INQUÉRITO PARA APURAR POSSÍVEIS DESVIOS DE RECURSOS PERTENCENTES AOS FUNDOS DO PODER EXECUTIVO E DE RECURSOS VINCULADOS TRANSFERIDOS PELA UNIÃO AO ESTADO. CPI DOS FUNDOS. RELATÓRIO PUBLICADO NO DL EM 23/10/1999, PAG 30 COL 4.

75 — COMISSÃO PARLAMENTAR DE INQUÉRITO PARA PROCEDER À APURAÇÃO DO DESVIO DE REPASSES DE CONTRIBUIÇÕES PREVIDENCIÁRIAS DEVIDAS AO INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES MILITARES DO ESTADO DE MINAS GERAIS – IPSM, TANTO AS PARCELAS DESCONTADAS DOS SEGURADOS QUANTO AS DEVIDAS PELO ESTADO DE MINAS GERAIS E, AINDA, DA CORREÇÃO NA GESTÃO FINANCEIRA DA ENTIDADE, ESPECIALMENTE SUA POLÍTICA DE BENEFÍCIOS. CPI DO IPSM. RELATÓRIO FINAL PUBLICADO NO DL EM 23/03/2000, PÁG 18 COL 2.

76 — COMISSÃO PARLAMENTAR DE INQUÉRITO PARA PROCEDER À APURAÇÃO DE MALVERSAÇÃO DE RECURSOS NA CONSTRUÇÃO DE PEQUENOS BARRAMENTOS NA REGIÃO AFETADA PELAS SECAS EM MINAS GERAIS, NO NORTE DE MINAS, VALE DO JEQUITINHONHA E DO MUCURI. CPI  DAS BARRAGENS. RELATÓRIO FINAL PUBLICADO NO DL EM 27/05/2000, PÁG 53 COL 4.

77 — COMISSÃO PARLAMENTAR DE INQUÉRITO PARA INVESTIGAR O PROCESSO DE AJUSTE E AS TRANSFORMAÇÕES NO SISTEMA FINANCEIRO ESTADUAL NA DÉCADA DE NOVENTA, COM DESTAQUE PARA A PRIVATIZAÇÃO DO BEMGE.CPI DOS BANCOS OU CPI DO SISTEMA FINANCEIRO. RELATÓRIO FINAL PUBLICADO NO DL EM 27/06/2000, PÁG 22 COL 3.

78 — COMISSÃO PARLAMENTAR DE INQUÉRITO PARA APURAR O TRÁFICO DE DROGAS NO ESTADO. CPI DO NARCOTRÁFICO. RELATÓRIO FINAL PUBLICADO NO DL EM 20/12/2000, PÁG 29 COL 3.

79 — COMISSÃO PARLAMENTAR DE INQUÉRITO PARA APURAR AS POSSÍVEIS IRREGULARIDADES NOS PROCESSOS LICITATÓRIOS REALIZADOS COM DISPENSA OU INEXIGIBILIDADE  DE LICITAÇÃO PELO GOVERNO DO ESTADO DE MINAS GERAIS A PARTIR DE JANEIRO DE 1995. CPI  DAS LICITAÇÕES. RELATÓRIO FINAL PUBLICADO NO DL EM 10/05/2001, PÁG 18 COL 2.

80 — COMISSÃO PARLAMENTAR DE INQUÉRITO PARA APURAR AS DENÚNCIAS DE FAVORECIMENTO  NOS PAGAMENTOS FEITOS NO PERÍODO DE JULHO A DEZEMRO DE 1998, A CONSTRUTORAS QUE MANTINHAM CONTRATOS COM O ESTADO. CP I DAS CONSTRUTORAS. RELATÓRIO FINAL PUBLICADO NO DL EM 27/06/2000, PÁG 22 COL 2.

81 — COMISSÃO PARLAMENTAR DE INQUÉRITO PARA APURAR AS  POSSÍVEIS  IRREGULARIDADES NA EXECUÇÃO DE OBRAS MUNICIPAIS FINANCIADAS COM RECURSOS DO FUNDO SOMMA. CPI DO FUNDO SOMMA. RELATÓRIO FINAL PUBLICADO NO DL EM 17/05/2001, PÁG 18 COL 2.

82 — COMISSÃO PARLAMENTAR DE INQUÉRITO PARA APURAR AS DENÚNCIAS DE MÁ UTILIZAÇÃO E DESVIOS DAS VERBAS  DO FUNDEF — FUNDO DE MANUTENÇÃO E DESENVOLVIMENTO  DO ENSINO FUNDAMENTAL E VALORIZAÇÃO DO MAGISTÉRIO — EM MUNICÍPIOS MINEIROS. CPI  DO FUNDEF. RELATÓRIO FINAL PUBLICADO NO DL EM 10/05/2001, PÁG 16 COL 2.

83 — COMISSÃO PARLAMENTAR DE INQUÉRITO PARA APURAR AS  DENÚNCIAS SOBRE CORRUPÇÃO  NA SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE, APONTADAS PELO EX-SECRETÁRIO, DEP. ADELMO CARNEIRO LEÃO, ABRANGENDO DESDE EMISSÃO DE NOTAS FALSAS A SUPERFATURAMENTO NA FUNED, ALÉM DA TERCEIRIZAÇÃO DESNECESSÁRIA PARA A LAVAGEM DE ROUPAS NA FHEMIG. CPI DA SAÚDE. RELATÓRIO FINAL PUBLICADO NO DL EM 20/09/2001, PÁG 16 COL 3.

84 — COMISSÃO PARLAMENTAR DE INQUÉRITO PARA APURAR DENÚNCIAS DE IRREGULARIDADES ENVOLVENDO O CONTRATO DE EXPLORAÇÃO DO TERMINAL RODOVIÁRIO ISRAEL PINHEIRO FILHO, MANTIDO ENTRE O DER-MG E A EMPRESA ADTER CPI DA RODOVIÁRIA. RELATÓRIO FINAL PUBLICADO NO DL EM 22/12/2000, PÁG 25 COL 1.

85 -– COMISSÃO PARLAMENTAR DE INQUÉRITO PARA APURAR OS MECANISMOS DE FORMAÇÃO DO PREÇO DO LEITE NA INDÚSTRIA E NO COMÉRCIO E INVESTIGAR INDÍCIOS EXISTENTES DE CARTELIZAÇÃO. CPI DO PREÇO DO LEITE. RELATÓRIO FINAL PUBLICADO NO DL EM 18/04/2002 PÁG 23 COL 1.

86 — Comissão Parlamentar de Inquérito para investigar as Condições de Trabalho dos Profissionais que Atuam na Indústria Extrativa de Minas Gerais. CPI das Carvoarias. RELATÓRIO FINAL PUBLICADO NO DL EM 05/09/2002,  21 col 1.

87 — Comissão Parlamentar de Inquérito para apurar possíveis irregularidades nas minas exploradas pela Mineração Morro Velho Ltda., com Sede no Município de Nova Lima, no que se Refere a Condições de Trabalho nas Minas, Acordos Individuais e Coletivos de Trabalho, Valores e Forma de Pagamento das Indenizações aos Portadores de Silicose e Grau de Dano Social Causado pela Doença na Região. CPI da Mineração Morro Velho. RELATÓRIO FINAL PUBLICADO NO DL EM  30/05/2002, pág 41 col 3.

88 — Comissão Parlamentar de Inquérito para apurar o funcionamento do sistema prisional do Município de Ribeirão das Neves e outros, verificando a possível participação do poder público com grupos criminosos organizados, no esquema de facilitação de fuga, tráfico de droga, liberdade e soltura extra-legal. CPI do Sistema Prisional. RELATÓRIO PUBLICADO NO DL EM 19/12/2002, PÁG 29 COL 4.

89 — Comissão Parlamentar de Inquérito para apurar possíveis irregularidades no processo de arrecadação, por parte do Poder Público, de custas e emolumentos devidos por serviços prestados pelos Serviços Notariais e de Registro no Estado, doravante denominada CPI DOS CARTÓRIOS. RELATÓRIO FINAL PUBLICADO NO DL EM  19/12/2002, PÁG 27 COL 1.

CPIs 2003 a 2006 (15ª LEGISLATURA)

90 — Comissão Parlamentar de Inquérito para investigar denúncias de atuação de quadrilhas de crime organizado no desaparecimento de milhares de sacas de café no Estado de Minas Gerais, bem como a sonegação fiscal e prejuízo ao erário. CPI DO CAFÉ. RELATÓRIO FINAL PUBLICADO NO DL EM 18/12/2004, PÁG 64 A 69

91 — Comissão Parlamentar de Inquérito para apurar a regularidade dos processos de licenciamento prévio, instalação e de operação das atividades da MBR no Estado de Minas Gerais, bem como do julgamento dos recursos dos autos de infração atribuídos àquela mineradora. CPI da Mina Capão Xavier. RELATÓRIO FINAL PUBLICADO NO DL EM 22/09/2005, PÁG 41 COL 3.

Leia também:

Nepotismo e bafômetro estrelam propaganda de Dilma na TV

A mídia descontrolada: Episódios da luta contra o pensamento único
A mídia descontrolada

O livro analisa atuação dos meios de comunicação.

A publicação traz uma coletânea de artigos produzidos por um dos maiores especialistas do Brasil no tema da democratização da comunicação.

Por Laurindo Lalo Leal Filho



58 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

carlos

18 de outubro de 2014 às 12h03

É a justiça brasileira que está tentando ocultar um cadaver chamado Aético Never o justiça corporativista, meu Deus.

Responder

Os escândalos tucanos: Quem foi preso, afinal? Ninguém | MANHAS & MANHÃS

18 de outubro de 2014 às 06h33

[…] Em Minas tucanos impedem qualquer CPI. Vejam as provas […]

Responder

Urbano

17 de outubro de 2014 às 20h56

Para tantas sujeiras políticas, espera-se que o Estado das Minas Gerais possua mananciais de água bem mais robustos do que os de São Paulo, que não suportou a demanda para tais…

Responder

Os escândalos tucanos: Quem foi preso, afinal? Ninguém « Viomundo - O que você não vê na mídia

17 de outubro de 2014 às 19h51

[…] Em Minas tucanos impedem qualquer CPI. Vejam as provas […]

Responder

Fernando Lopes

17 de outubro de 2014 às 15h36

Várias partes do sistema de informática do governo do estado estão fora do ar. Até para renovar um empréstimo de livro na biblioteca publica tive de fazer pessoalmente assinando um papel.
Estranho né? Tudo fora do ar… Será que estão “limpando” os Hds para que o Pimentel não ache nada??

Responder

Dilma apura e pune a corrupção, já o governador Anastasia (PSDB/MG) abafa « Dilma Presidente – @Porra_Serra_

10 de agosto de 2011 às 16h36

[…] Bloco Minas Sem Censura comprova a ditadura tucana […]

Responder

Minas Sem Censura: Dilma apura e pune, Anastasia abafa | Viomundo - O que você não vê na mídia

10 de agosto de 2011 às 12h08

[…] Bloco Minas Sem Censura comprova a ditadura tucana: os oito anos de governo Aécio/Anastasia foram …   […]

Responder

João Paulo

17 de julho de 2011 às 00h08

Anastasia fora da lei zom bou hoje dos professores mineiros dizendo que pensou que eles estavam homenageando Harry Potter. É bom ele fazer isso mesmo, porque na hora que nós tivermos ganho de causa ele vai ter de nos pagar tudo de uma vez, inclusive os atrasados retroativos a janeiro de 2010. E ao mesmo tempo nós vamos quebrar a espinha dorsal do Aécio. O mal que não queremos para Minas não devemos desejar para o Brasil.

Responder

Gisa

15 de julho de 2011 às 20h03

Eu amo meu Estado MG, minha profissão: professora, mas no momento odeio o momento político de Minas Gerais… Os tucanos são mentirosos, arrogantes, vaidosos, não discutem salários, mas criam cargos comissionados, constroem uma cidade administrativa, mas não dão moradia digna. Querem ficar bema as custas da miséria dos outros por isso desse ano de 2011 em diante, digo não ao PSDB e se for por minha orças de comunicação, nunca Aécio vai ser presidente, aí quero que ele caia mesmo do cavalo!!!

Responder

Gerson

15 de julho de 2011 às 14h14

Censura pra todo lado:

Filho do guitarrista do Pink Floyd é condenado por participar de protesto

Londres, 15 jul (EFE).- Charlie Gilmour, filho do guitarrista do Pink Floyd David Gilmour, foi condenado nesta sexta-feira por um tribunal britânico a 16 meses de prisão por comportamento ofensivo durante um protesto estudantil em Londres no ano passado.

Charlie Gilmour, de 21 anos, participou no final de 2010 de uma manifestação contra o aumento das taxas universitárias e foi visto agitando uma bandeira britânica no principal monumento do país em homenagem aos soldados mortos em combate.

O jovem, que estuda na Universidade de Cambridge, foi condenado pelo tribunal de Kingston (sudoeste de Londres) por provocar desordem durante as manifestações.

Durante a audiência, foi dito que Gilmour tinha consumindo LSD e álcool no dia do protesto.

"Semelhante comportamento escandaloso e ofensivo é um claro sinal de que estava fora de controle. (Seu comportamento) causou, com razão, indignação", disse o juiz Nicholas Price.

Gilmour, que pediu desculpas diante do juiz, admitiu que no dia da manifestação não se deu conta do significado que o monumento tinha, mas a corte não aceitou esse argumento.

"O senhor mostrou uma falta de respeito pelos que se sacrificaram e morreram para defender este país", afirmou o juiz.

Responder

Taiguara

15 de julho de 2011 às 10h27

Combater o Baladeiro do Baixo Leblon aqui em Minas é uma questão de bom senso, amor próprio e cidadania. Combatê-lo no plano nacional é PATRIOTISMO. __O PERIGO MORA EM MINAS . E, pior……dirige bêbado.

Responder

Eugênio L.da Costa

15 de julho de 2011 às 07h57

Para mim Aécio não é um cara confiável, nunca votaria nele para presidente. Depois que passaram-se as eleições está se descobrindo a face desse playboy. O Aécio tem um problema edipiano, ele nunca deixou de usar o "cadaver" do avô para fazer polico, dizem que nem no nome ele tem "Neves". E a negociata da compra da LIGHT pela CEMIG via Globo? Quer dizer os mineiros pagaram por uma LIGHT falida, e ainda vão arcar com os prejuizos. Por que não abriram os boeiros para ver o perigo?

Responder

SILOÉ -RJ

15 de julho de 2011 às 02h16

ENGRAÇADÍSSIMO ESSE BATE-TECLAS ENTRE OS eunaosabias!!!

Responder

SILOÉ -RJ

15 de julho de 2011 às 02h08

Aécio já era. É carta fora de baralho. Quanto mais lhe derem" incentivo" mais vezes ele cairá do cavalo com a boca na póeira da estrada.
É só cortar os barbantes com que a irmã controla o fantoche sequelado, do jeito que ela sempre fez, que ele se desfaz.
A pressão tem mais é que ser em cima dela.
Para presidente pelo PSDB nem Aécio nem FHC, vem ai….o John-John "PALADINO DA JUSTIÇA" FARDADO e montado em seu cavalo 'baio".
POTOTÍ – POTOTÓ – POTOTÍ – POTOTÓ!!!

Responder

Bruno Moura

14 de julho de 2011 às 22h16

Será que a Google está censurando o site Minas Sem Censura na barra da pesquisa? (hehehe) A turma do Aécio/Anastasia pode usar o jargão: "Nunca na história" de Minas… (hehehe) O caso é de luta e o povo despertará como está ocorrendo nas greves recentes e que Sá, nas próximas eleições também. Isso caso a aliança de oposição não apresentar nenhum candidato mais ou menos como em 2010… vocês me entendem o que eu chamo de mais ou menos, né!

Responder

Eduardo Guimarães

14 de julho de 2011 às 17h32

É uma grande luta, a desse pessoal do Minas sem Censura. Conheci-os no blogprog MG e tive ótima impressão deles.

Responder

    Taiguara

    15 de julho de 2011 às 11h09

    Caro Eduardo, estive com você lá no BlogProg/MG. Precisamos que os blogs de fora de Minas repercutam a luta do Minas Sem censura e todo o descalabro que essa quadrilha do Aócio pratica aqui. É uma advertência. Se o Baladeiro do Baixo Leblon chegar ao Planalto, o que se vê em Minas, hoje, será ampliado em escala exponencial. O PERIGO MORA EM MINAS E, pior….dirige Bêbado.

Luiz Nunes

14 de julho de 2011 às 16h05

Imagine tudo isso acontecendo numa administração petista…… Como a Mirian Leitão e o PIG em geral estariam tratando o caso….

Responder

Gilson

14 de julho de 2011 às 15h42

Se gritar pega ldrão….

Responder

EUNAOSABIA

14 de julho de 2011 às 15h40

Aí… tem um troll da esquerda querendo se passar por mim… nao ligo… vai entender esses caras…

Chamou o Aécio de ""pão""… loucos… pobres diabos mesmo…

Responder

    Panambi

    14 de julho de 2011 às 18h23

    EUNUCOSABIA – coisinha mais amor, fã do "pãozinho"(de farinha?) do Aecim…

    EUNAOSABIA

    14 de julho de 2011 às 18h47

    Vamos defender o Aécio Neves(o governador mais gato do Brasil) desses comunas!!!!!!!

carlos eduardo luz

14 de julho de 2011 às 15h30

O Aécim…vai incluir o pózim no programa farmácia popular…

Responder

Ludmila Guimarães

14 de julho de 2011 às 11h25

Pelo visto a máscara do senador Aécio Neves caiu e a sociedade ainda pode esperar por mais falcatruas deste aspirante a presidente da república em 2014. Parabéns ao Bloco Minas sem Censura!!!

Responder

Paula

14 de julho de 2011 às 11h19

Não, no meio do caminho não tinha uma pedra, tinha o Bloco Minas Sem Censura no caminho de Aécinho e Anastasia.

Responder

EUNAOSABIA

14 de julho de 2011 às 10h57

O fato de não ter CPIs em Minas é a prova inconteste de que o governador Aécio Neves é sério, além de ser um pão!

Responder

    Luis

    14 de julho de 2011 às 12h15

    e papai noel existe!

    Zhungarian Alatau

    14 de julho de 2011 às 12h18

    Sim, o novo Fernando "Bollor" de Mello.

    Fernando Lopes

    17 de outubro de 2014 às 15h30

    Por fora bela viola , por dentro pão bolorento !!! KKKKK

    EUNAOSABIA

    14 de julho de 2011 às 16h24

    Ô meu… dá um tempo… usando meu nick??

    EUNAOSABIA

    14 de julho de 2011 às 20h56

    Aécio Neves é lindo!!Ai!!Ai!!

Zhungarian Alatau

14 de julho de 2011 às 10h46

O PSDB vai seguir o exemplo do PFL: logo logo vão se juntar ao DEM e criar uma nova sigla engana-trouxa. O Tea-Party Brazil continua atirando a esmo.

Responder

Edivaldo

14 de julho de 2011 às 10h37

O PSDB só existe devido ao apoio da mídia.Apoio recíproco por sinal.

Responder

Julio Silveira

14 de julho de 2011 às 09h50

Realmente o que me impressiona é ter gente comum, cidadão comum, devotado a ordem dos plumados bicudos e cabeça pequena.
O Povo mineiro passa a mão na cabeça do Aécio já a muito tempo, certamente por cultuar histórias plantadas que costumam vestir politicos, que não são isso tudo, como tudo isso.
A verdade é que estamos sendo estimulados a cultuar os falsos principios, onde alguns politicos bem relacionados são mestres.

Responder

EUNAOSABIA

14 de julho de 2011 às 09h46

"" Tenho convicção absoluta que ela sabia de tudo o que estava acontecendo.”

Luiz Antonio Pagot.

Parece que a teoria do ""eu não sabia"" e ou…""eu fui traído""" não vai colar dessa vez, no mais, Dilma não é Lula, e somente a Lula é dado o dom da infabilidade e da verdade suprema…. Lula pode mentir com a maior desfaçatez e sem o menor pudor que fica por isso mesmo… a peble ignara anestesiada pelas bolsas da vida faz de conta que acredita no que o mestre supremo diz, outra parcela, mais escolorazida, foi transformada em braço do patrtido, são os pelegos a soldo e que vivem nas tetas da nação, foram todos comprados, como a UNE e Centrais Sindicais por exemplo, mantidas e compradas a peso de ouro em troca de obsequioso silêncio, seguem sua vida engordano o máximo que podem, pois sabem que esse período de fartura pode ser efêmero, ou seja, com uma peble ignara amorfa e incapaz de ler e interpetrar um texto, mantida na base das bolsas e os que poderiam vir a protestar puro e simplesmente mamando de forma voraz na grande teta chamada Brasil… pra quê protestar??? deixa a vida me levar….

Responder

    Panambi

    14 de julho de 2011 às 11h23

    EUNUCOSABIA – a prova de que a trollagem e a idiotice possuem o mesmo DNA.

    Clucster

    14 de julho de 2011 às 13h22

    Caro EUNAOSABIA, dado o seu polimento linguístico, permita-me pequena correção ortográfica: onde se lê engordano, se escreve engordando – v. engordar.

    Antônio Carlos

    14 de julho de 2011 às 15h51

    O engraçado é que antes do governo Lula existia essa grande massa de analfabetos e por coincidência o FHC se elegeu duas vezes presidente. O mais interessante é que no governo FHC foi criado essa Bolsa Família que você e eles tanto criticam. Criaram uma coisa e quando alguém resolveu utilizar saíram criticando!!!!!!

    Sir Roderick

    14 de julho de 2011 às 21h50

    O governo bolchevique que a mais de 8 anos atormenta a nação, comprou as centrais sindicais e a UNE usando os petrodólares de Caracas e o ouro de Pyongyang. A gentalha comprada com o bolsa esmola, e o espúrio governo comunista que permite que qualquer miserável que nunca leu um livro tenha um carro, transformam o país numa república de bananas onde o mérito dos bens nascidos e bem educados não é respeitado. Uma lástima.

Sergio Alexandre

14 de julho de 2011 às 09h00

Se fizermos algo semelhante com relação aos 16 anos tucanos no estado de São Paulo iremos encontrar números semelhantes ou até piores ainda do que a falta de fiscalização tucana de Minas Gerais.

Responder

Mariano

14 de julho de 2011 às 08h54

Quantas CPI's nos 8 anos de Lula, só para constar?

Responder

    Luis

    14 de julho de 2011 às 09h34

    Devem ser poucas. Mas a fiscailização da oposição, o TCU, a PGR, o Partido da Folha de São Paulo (PSFP), Partido do Estadão, do Globo, a própria postura republicana da CGU garantem a presença do contraditório e da fiscalização. Em MG nada disso existe! Grande parte dos "furos" do PFSP e similares estão nos sites do governo federal, nos relatórios da CGU e nas decisões dos "ministros" do TCU.

Luis

14 de julho de 2011 às 08h36

Fica fácil saber porque Aécio é um produto de marketing, somado à operações de ocultação de verdades políticas. Ele teme CPIs. CPIs e qualquer requerimento sobre seu governo.
Basta comparar:
-o TCU em relação ao governo Dilma e o TCE em relação aos governos tucanos em Minas (neste, os relatórios tecnicos mostrando irrregularidades são sempre "derrubados" pelos conselheiros).
-Proc Geral da Rep X Proc Geral do Estado-MG
-Espaços à oposição no Congresso X limitações da oposição em Minas
CPI sob seu governo é vedado. Deputados de sua base que apoiarem alguma sofre retaliação na hora.
O que teme Aécio Neves? Ora, uma simples blitz revelou coisas (rádio Arco Íris) que ninguem imaginava. Imaginem uma CPI?

Responder

Klaus

14 de julho de 2011 às 08h27

Hum, já no governo federal o PT apoia qualquer CPI, né? Qual governo é a favor de CPI, meu deus? Vamos lá, vamos nos unir e exigir a CPÌ do DNIT?

Responder

    Gerson Carneiro

    14 de julho de 2011 às 10h32

    Hum, já no governo de Sun Palo é uma CPI atrás da outra acontecendo, né?

    Tanta CPI na ALESP que não deixa o PSDB governar. Isso já é bullying.

    Coitadinhos do Alckmin e do Zébolinha.

    <img src=http://4.bp.blogspot.com/-uD-PbFGLXNg/TZuCBE5BlPI/AAAAAAAARhw/3H_HWPwaYAE/s1600/z%25C3%25A9bolinha.jpg>

operantelivre

14 de julho de 2011 às 08h04

Interessante este índice.
Alguém tem algo assim sobre outras capitanias tucanas?

Responder

EUNAOSABIA

14 de julho de 2011 às 07h51

Tchau golpistas…. não sou a favor de Aécio.. mas que vocês não vão conseguir nada com essa campnaha não vão não.. aliás ontem o Aécio já deu uma boa detonada no fura fila a Dilma no senado, o megalomaníaco e dantescamente incompetentre do tal de Trem Bala… …

Responder

    Gerson Carneiro

    14 de julho de 2011 às 10h44

    Bahhh… que campanha!Tudo que eu quero saber é aonde posso ver os gols de domingo.

    EUNAOSABIA

    14 de julho de 2011 às 20h57

    Aécio é maravilhoso!!Ui!UiQue gato!Ai!Ai!

Carlos Mundim

14 de julho de 2011 às 06h25

Uma das máximas do mass marketing, segundo Edward Bernays, é que mensagem é mais importante do que a qualidade do produto e o Aécio pelo visto deve ter estudado o sobrinho do Freud a fundo.

O interessante é que este tipo de critica que estamos a fazer só é possivel hoje no Brasil por causa dos chamados blogs sujos, já que a grande imprensa é submissa e dependente das verbas publicitárias e favores dos governos do dia. Vide Minas e Sao Paulo, para nao dizer quase todos os estados brasileiros.

O mais interessante é saber que um governo dito ser de cunho popular, como o da Presidenta Dilma e do PT, dizer que nao tem verba para o PNBL ou para a Nova Telebrás, um programa tão importante quanto a Bolsa Familia e que poderá democratizar a informacao e ser o veículo além de impulsionador do progresso, um divulgador para estes tipos de noticias que poderão finalmente chegar aos milhões de brasileiros hoje quase que totalmente dependentes das televisões e jornais da grande imprensa para a sua informacão.

Vergonha, vergonha, vergonha Presidenta – para pagar estes juros estratosféricos para a banca internacional e seus agentes nacionais o Brasil sempre tem dinheiro, mas para libertar o povo de suas amarras da ignorancia e subserviencia, aí falta verba. E viva a elite brasileira.

Leio comentários neste e em outros blogs que criticar este governo é fazer a politica da direita – Amigos, os chamados partidos de centro e direita no Brasil, para estarem no poder se alinhariam até ao Stalin, Hitler ou Kim Jong Il e a única ideologia ou politica que eles possuem é a de estar no poder, nao importando as matizes políticas dos aliados ou como chamamos agora, da base de sustentacão ao governo, e o mesmo parece ser verdadeiro com a Nova Esquerda Brasileira.

Nós sociedade temos o dever de criticar e lembrar os nossos governantes a cada minuto que a razão de que eles estão vivendo em palácios é que o povo os elegeu para defender o interesse do povo brasileiro e não dos seus clubes partidários ou de organismos estranhos ao corpo da nossa sofrida nacão brasileira.

O Aécio fez e faz o que bem entende para se manter no poder, porque ele sabe que informacoes como estas se chegarem ao grande público eleitor, chegará a uma fatia minima, a agenda positiva de seu governo mostrada pela grande mídia tem um poder muito maior de impacto junto ao eleitorado desavisado do que as falcatruas ou negociatas mostradas pelos Blogs sujos ou progressistas. O Aécio sabe perfeitamente disto e ao seu favor tem uma cara simpática de bom moco e é charmoso para com todos. Duvida? Então pergunte ao Ciro Gomes, Lula ou a Presidenta Dilma.

A televisao é a droga que os governantes viciaram o povo e a internet é ainda um luxo de uma pequena minoria no Brasil.

Responder

Alexei_Alves

14 de julho de 2011 às 05h40

Aécio é o sonho da direita…. mas um dia vai virar o pesadelo tucano
Seu poder está fundamentado no controle que tem sobre o seu estado natal, (como era com Serra) mas não conseguirá repetir o feito fora de sua região. Quando ele sair na chuva todos verão que ele tem telhado de vidro. A candidatura dele vai ser o barco furado derradeiro do tucanato

Responder

Roberto Locatelli

14 de julho de 2011 às 01h22

Se o PSDB lançar Aébrio Neves, será um movimento muito arriscado, pois esse moço tem um telhado que não é de vidro, é de cristal de um milímetro de espessura.

Por isso alguns aventam a opção de lançar FHC como candidato, na esperança de que a memória curta dos brasileiros ajude a angariar votos para o Pavão da USP.

Responder

    Zhungarian Alatau

    14 de julho de 2011 às 10h43

    Ué, cadáver já pode ser candidato? Então o PSDB pode lançar o do Itamar, que, mesmo morto, ainda é mais inteligente e político do que FHC alerta.

    Aline C Pavia

    14 de julho de 2011 às 18h56

    Falou e disse. Uau comentário 6 estrelas. Parabéns.

Kátia

14 de julho de 2011 às 00h33

Mas e aí? Não dá pra denunciar em algum órgão, comissão, conselho… lá no exterior? Enquanto eles estão preocupados com Chaves, na Venezuela, Cuba e o Oriente Médio. Estão se esquecendo do país chamado Minas Gerais . Aqui os coronéis fazem e só cumprem as suas próprias leis. Os "home" tão podendo! Não dá pra oferecer estas denuncias e outras que circulam por aqui, aos grandes jornais do exterior como um furo de reporagem? Será que ñ vai interessar a ninguém por lá? Acho que o PSDB, principalmente o faraó Aecim, ainda ñ conseguiu contra o silencio da imprensa mundial, ñ ( só depois de ser presidente é que o dindim vai dar). "Em Minas foi facim: uns milhãozim daqui, otros milãozim dali, ta todo mundo caladim e acabo o plim-plim. Se denunciar em Minas tá "mortinzim"! Vai viver de vento." Ihhhh.. falei!!! Agora tenho que correr!!! Bye, bye!

Responder

Polengo

14 de julho de 2011 às 00h18

Quando os tucanos estão no poder, a grande preocupação deles é melar com tudo.
Porque, pra eles, tá tudo ótimo.

Depois, quando perdem, são tão bonzinhos, coitados…

Responder

wagner m. martins

13 de julho de 2011 às 23h33

Minas não há mais, José, e agora?!

Responder

    Haroldo

    14 de julho de 2011 às 02h12

    No meio do caminho tinha uma pedra…


Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding
Loja
Compre aqui
A mídia descontrolada

O livro analisa atuação dos meios de comunicação e traz uma coletânea de artigos produzidos por um dos maiores especialistas do Brasil no tema da democratização da comunicação.