VIOMUNDO

Diário da Resistência


Julian Rodrigues: Por que o PSB quer tanto a Federação com o PT?
Política

Julian Rodrigues: Por que o PSB quer tanto a Federação com o PT?


05/01/2022 - 02h47

Fazer FEDERAÇÃO com o PSB é ruim pra Lula e para o PT

Por Julian Rodrigues*

1) A legislação sobre Federação foi aprovada há 3 meses apenas. Ela MUDA TUDO no sistema eleitoral e partidário. E temos até março para deixar tudo pronto.

2) Criar uma Federação é criar um novo partido. Direção comum, Estatuto e programa próprios. Candidaturas comuns em todo o Brasil: para presidente, governador, senador, federal, estadual, prefeito e vereadores (em 2024).

3) A lei foi feita para ajudar o PCdoB e Rede (e eventualmente o PSOL): a ideia era salvar os partidos ideológicos da extinção.

4) As pessoas estão confundindo federação com coligação e aliança. O PT não precisa fazer Federação com PSB ou qualquer Partido para que venham a apoiar Lula – são papos totalmente distintos.

5) O PT votou contra coligações proporcionais. Um dos motivos é que, historicamente, o PT ajudava a eleger. candidaturas de outros partidos!

6) Quanto mais forte estiver o PT, mais forte estará a campanha e o governo Lula. Precisamos eleger muitos deputados federais e senadores!!!!

7) Não confundir aliança com Federação. Uma coisa não está implicada com outra.

8) Não há nenhum estudo que mostre que fazer Federação melhora o desempenho do PT e mesmo da esquerda de conjunto.

9) Não há NENHUM debate acumulado que permita, em apenas 3 meses, construir um PROGRAMA, um ESTATUTO e uma DIREÇÂO COMUM com o PSB. Para não falar em chapas comuns de deputado federal, deputado estadual, senador e governador em TODOS estados do país.

10) Uma Federação com PSOL E PCdoB, apesar de complicada, teria alguma lógica. Foram dois partidos contra o golpe, que caminham juntos com o PT.

11) FEDERAÇÃO COM O PSB NÃO TEM LÓGICA NENHUMA.

12) Primeiro, é preciso lembrar: o PSB apoiou Aécio Neves em 2014.

13) A Executiva Nacional do PSB orientou sua bancada a votar a favor do golpe contra Dilma. 29 Deputados votaram pelo golpe. Só 3 votaram contra.

14) O PSB não apoiou Haddad em 2018, apenas se absteve do processo nacional.

15) A bancada do PSB no Congresso tem pelos menos um terço de deputados que vota com Bolsonaro e o “centrão” sistematicamente. Foram fundamentais para aprovar a PEC dos Precatórios. Mas, esses todos aí apoiam a Federação com o PT, por que será?

16) Fazer uma Federação sem discussão nenhuma, em tempo recorde terá consequências PROFUNDAS. Pro PT e pro governo Lula. É um jeito de puxar o PT à direita.

17) O PSB vai sugar votos do PT. Vamos eleger gente ligada ao Márcio França, ao Beto Albuquerque, a um bando de direitista do PSB com nossos votos.

18) Imaginem o PT ter que colocar suas decisões para serem referendadas pela direção do PSB. Imaginem uma Federação com PSOL, PSB e PCdoB. Não seria natural que todos se juntassem contra o PT?

19) Vamos abrir mão da candidatura Haddad em São Paulo? Da candidatura do Contarato no Espírito Santo? Vamos apoiar o PSB no Rio Grande do Sul e retirar a candidatura do Edegar Preto que sobe como um foguete?

20) O PSB está entusiasmado com a Federação. É um jeito de “chupinhar” votos do PT e INFLUENCIAR A CAMPANHA E O GOVERNO LULA À DIREITA.

21) Não tem nenhuma CONTA que seja boa para o PT. Nem eleitoral, nem política. Quem diz o contrário que mostre aí um estudo nacional. Não tem.

22) Enfraquecer o PT é enfraquecer Lula e enfraquecer a esquerda. Simples assim. É trazer muita gente de direita para nossa casa dizendo o que podemos ou não fazer.

23) Quem vai escrever o estatuto, o programa e montar a direção da Federação? Entre janeiro e março??? Quem vai:?

24) A base petista será ouvida??

25) Quem vai definir a lista deputados nos Estados?? E a de vereadores nas cidades?

26) Resumindo: SIM às alianças! Não À FEDERAÇÃO COM PSB (podemos discutir com o PSOL e PCDoB).

*Julian Rodrigues é jornalista, militante do PT e ativista de Direitos Humanos e do movimento LGBTI





10 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

marcos

08 de janeiro de 2022 às 12h05

Darci, vc foi desonesto. O autor deixa muito claro que defende a Federação com partidos realmente ideologicamente honestos, o que não é o caso do PSB, que não passa de um partido de direita travestido de socialista. Pessoas como vc são, infelizmente, maioria no Brasil. Intelectualmente desonestos.

Responder

Darcy Brasil

08 de janeiro de 2022 às 09h34

Querido Jair, você desconhece a heterogeneidade do PSB e a sua intimidade na ação com o PCdoB. Pretender julgar o PSB por alguns de seus membros seria o mesmo que avaliar o PT pelo que dizem e fazem gente como o Quaquá, mais recentemente, ou Pallocci, mais remotamente. O PSB abriga grandes quadros e militantes socialdemocratas, muito mais valorosos que o Quaquá e muitos filiados ao PT por puro oportunismo. Falar em federação com o PCdoB é admitir implicitamente a presença do PSB. O ideal, para esses próximos 4 anos, prazo de validade mínimo de vigência da Federação, seria um bloco de partidos de centro-esquerda, unidos para combater o fascismo, que é a principal ameaça (a principal contradição, em linguagem dialética) a ser vencida. Parte expressiva da esquerda negligência essa ameaça, acreditando que a queda de popularidade de Bolsonaro em pesquisas de opinião são indicadores suficientes para que um golpe fascismo esteja descartado. Isso é absolutamente falso. A ameaça de golpe de estado fascista persistirá na agenda nacional mesmo que Lula vença a eleição no 1° turno. Os fascistas buscarão permanentemente radicalizar a luta com uma eventual presença de Lula na presidência. O enfrentamento do fascismo exige uma Frente Ampla no plano da luta institucional, integrada por partidos e entidades da sociedade civil que devem ser considerados pela sua capacidade de oferecer resistência ao fascismo no presente e não pelas atitudes que tomaram em relação ao PT no passado. Trata-se de aliar-se àqueles que eventualmente foram adversários no passado para conjugar forças que possibilitem derrotar um inimigo comum extremamente perigoso no presente. Essa Frente Ampla, por sua vez, deve ser nucleada por todos os partidos e organizações que têm expressão nos movimentos sociais. O centro de gravidade da luta contra o fascismo e contra o neoliberalismo deverá ser deslocado para os movimentos sociais, sendo ou não Lula o candidato eleito. Não poderemos voltar a cometer o erro que levou a rebaixar as lutas dos movimentos sociais por causa da presença de Lula e Dilma na Presidência. A independência dos movimentos sociais, a radicalidade de suas lutas não poderão ser renunciadas como ocorreu durante os 13 anos de governos petistas. Pelo menos é assim que deveriam ver as coisas os que somos revolucionários e não reformistas. A Federação não equivale a um partido. Essa é uma leitura equívoca desse novo instituto. Um partido se organiza em função de seu programa máximo, aquele que resultaria na produção de uma sociedade em que os interesses de classe que esse partido representa se tornariam hegemônicos. A Federação se organiza segundo um programa mínimo, que representa os interesses comuns dos partidos que a integram em um determinado período histórico. Os partidos, sua fisionomia própria, não desaparecem ao se federalizarem. Fora do compromisso inscrito no programa mínimo, têm toda independência e liberdade para se opor a uma matéria não prevista nesse programa mínimo. PS: lamentável que o Viomundo publique um comentário sem assinatura. Como poderia responder a um covarde que, tenho certeza, sequer conseguiu ler o que escrevi, com a quantidade absurda de parêntesis que usei (desculpem, pois tenho pouco tempo e escrevo na hora digitando num celular tela de quatro, sem tempo para rever e corrigir erros gramaticais ou de coesão).

Responder

José Ramos Sobrinho

07 de janeiro de 2022 às 17h56

Foda-se o PSB. E o PT, etc., precisam mobilizar a população faminta, incluindo as classes médias cretinas, contra a destruição total do Brasil país colônia já esquartejado. Ninguém passava informações massivas, nem politiza, nem mobiliza, todos estão a reboque das gangues entreguistas nazifascistas militares e civis.

Responder

Edmilton Rocha Nunes

06 de janeiro de 2022 às 10h38

Belo Maciel e Darcy BRASIL,parabenizo a ambos,embora possuam visões divergentes!!!!!! Acho que a CONJUNTURA ATUAL merece uma ANÁLISE MAIS PROFUNDA……. Na política, não pode haver espaços ETERNOS para se ficar com RANCORES, MÁGOAS, REVANCHISMOS,SENTIMENTOS MENORES QUE NOS AMEACEM SUCUMBIR ,ABRAÇADOS OU NÃO, DIANTE DE UM INIMIGO MAIOR E AINDA PODEROSO, QUE É O EXTREMISMO ODIOSO E ODIENTO DE DIREITA!!! É FATO!!! PORTANTO, CONVÉM OS LÍDERES E ANALISTAS DE CADA PARTIDO JUNTAREM-SE,SENTAREM-SE À MESMA MESA,FAZEREM UM FEEDBACK DESSES 3 ANOS PRETÉRITOS, APRESENTAREM SUAS PERSPECTIVAS FUTURAS A CURTO,MÉDIO E LONGO PRAZOS, COM ABRANGÊNCIA ESPACIAL PARA TODOS, EXATAMENTE TODOS, QUE COMUNGAM DE UM PENSAMENTO FUTURISTA INCLUSIVO E PROGRESSISTA PRA TODOS NÓS, É MINHA SINGELA OPINIÃO DE LEIGO!!!!!!! PORTANTO, NEM TANTO O CÉU, QUE UTOPICAMENTE TODOS ALMEJAMOS,NEM TANTO O INFERNO, QUE TODOS NÓS INFELIZMENTE ATRAVESSAMOS!!!!! TENHO DITO!!!!! 👁👀🤔🤔🤔

Responder

    Elena

    08 de janeiro de 2022 às 21h28

    Sr. Edmilton, gostei do seu comentário. Nota 1.000!! E citei um trecho em um comentário que fiz no Brasil247.

Márcio Espanha

05 de janeiro de 2022 às 18h30

Se o PSB tivesse força para se eleger sozinho em SP não estava precisando que o Alckmin, o Haddad, o Boulos e o Quercia desistissem da eleição.
O PSB não tá com essa bola toda e mais atrapalha do que ajuda.

Responder

Belo Maciel

05 de janeiro de 2022 às 18h20

É uma estupidez do Lula fazer “aliança” com quem já BRIGOU com ele.
O Lula vai eleger ou reeleger um monte de traíra do PSB que foi tudo a favor do impeachment da Dilma.
É um tiro no próprio peito, é bem pior que um tiro no próprio pé.
Vai terminar igual o Getúlio qdo voltou.

Esses deputados e senadores do PSB só estão interessados em pegar o vácuo do cometa LULA para se re-eleger na eleição de 2022.
ONDE ESTAVA O PSB QDO O LULA FOI PRESO ?
ALGUMA VEZ FORAM VISITAR O LULA NA CADEIA ?
Qual deles foi visitar o Lula na cadeia ?
O Flávio Dino não vale pq ele era do PC do B.

Espera esses deputados se reelegerem sozinhos e depois se compõe com eles. É melhor esperar os traíras receberem um chute na bunda e pegar gente nova eleita que entre com as ideias arejadas.
Golpista só vai dar problema.
Uma vez traíra, sempre traíra.

Responder

Darcy Brasil

05 de janeiro de 2022 às 17h27

Aqui temos um ideólogo do exclusivismo petista,sujeito politicamente nefasto, sempre com tendência a afunilar, simplificar, artificialmente a luta política. “O PT não precisa da Federação”. Por que? Porque, no raciocínio do petista exclusivista, necessita apenas da coligação em apoio a Lula. Que beleza de argumento!. Como devem proceder, então, os partidos de esquerda e de centro-esquerda (incluindo, entre eles,aqueles que são revolucionários e não socialdemocratas como o PT) que precisam (nesse momento histórico e não para sempre) e podem (por um período mínimo de 4 anos, não por interesses fisiológicos, mas por conta das similaridades de interesses que defendem, em torno de um programa de combate ao neoliberalismo e principalmente ao fascismo que insinua aplicar um golpe de estado com suas milicias armadas com fuzis que disparam balas de verdade, capazes de perfurar cabeças, inclusive, as que abrigam o pensamento exclusivista petista) constituir uma federação para fazer frente aos que produziram barreiras como a legislação eleitoral draconiana, precisamente para alijar os revolucionários do jogo, reduzindo a estrutura partidária a 3 ou 4 partidos “da ordem”, eliminando os “radicais” comunistas do PCdoB, do PCB, da UP, do Psol, entre outros, do jogo institucional? Se o PT não precisa da federação (na visão política simplista do articulista que faz conta de somar e subtrair, em vez de dividir a sociedade em classes e interesses de classe, com partidos que lhes representam, configurando estruturas organizativas muito mais robustas e complexas que o PT, para travar a luta de classes em todos os niveis e não apenas para disputar eleições), então, que se lance sozinho, como defende o próprio articulista. Os partidos que precisam se unir em uma federação para superar os obstáculos que os legisladores da plutocracia criaram para adaptar a democracia liberal aos seus interesses, tal como fizeram em outros paises como a Inglaterra, deveriam, então, fazê-lo sem o PT, produzindo uma federação integrada, nesse momento histórico, pelo PSB, PCdoB, Psol, PDT, Rede, Cidadania, extendendo o convite à UP e ao PCB, para que todos tenham condições de eleger representantes nos parlamentos burgueses federal e estaduais. Teriam, por coerência em relação a essa federação sem o PT que dela não necessita segundo os exclusivistas petistas, que apoiar no 1° turno a candidatura de Ciro Gomes, nesse caso, apenas para enriquecer o debate democrático, posto que sabemos, como assegura o autor do texto que comento, que o PT e Lula são imbatíveis e autosuficientes, não precisando desses partidos sem voto para vencer as eleições.

Responder

    Darcy usa

    06 de janeiro de 2022 às 10h11

    Ótimo texto, tirando o comentário do imbecil acima, Darcy, vai dar a bunda que tu melhora

    Jair

    06 de janeiro de 2022 às 19h51

    Querido Darci, porque essa desonestidade intelectual ao afirmar que o articulista defende a supremacia absoluta do PT? Tá bem claro no artigo que ele defende a federação com o PCdoB, psol, pcb. Menos com o psb. De fato, os golpistas do psb querem apenas sobreviver. E a prova cabal disso é o posicionamento dse sua bancada, desde o golpe, sempre contra os interesses dos trabalhadores e do povo. Se Lula tiver o mínimo de vergonha na cara, não tentará fazer vingar essa ideia de maluco da federação com o psb. Ru, filiado petista, ficarei imensamente feliz com uma federação envolvendo PT, psol, PCdoB, pcb, up, pco. O resto vá se juntar a Paulinho da força (ops, da farsa) e ao bozo, com quem passaram os últimos 5 anos de braços dados.


Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding