VIOMUNDO

Diário da Resistência

Sobre


Gleisi rebate CNI por excluir representante de Lula em sabatina: “Não há qualquer razão legal”; leia a nota do PT
Ricardo Stuckert
Política

Gleisi rebate CNI por excluir representante de Lula em sabatina: “Não há qualquer razão legal”; leia a nota do PT


04/07/2018 - 16h36

Ricardo Stuckert

Nota do PT: CNI exclui ideias de Lula em sabatina

Ao excluir um representante de Lula, a CNI deixou de conhecer as propostas de quem reúne as melhores condições de retomar o caminho do desenvolvimento

PT-Brasil

Ao excluir um representante do ex-presidente Lula da sabatina de hoje (4) com os pré-candidatos à Presidência da República, a Confederação Nacional da Indústria (CNI) deixou de conhecer as ideias e propostas de quem reúne as melhores condições de pacificar o país e retomar o caminho do desenvolvimento.

O governo Lula promoveu o mais longo e estável período de crescimento econômico da história, ao longo do qual o PIB cresceu constantemente.

Nenhum governo investiu tanto no financiamento e modernização da indústria, na competitividade e na abertura de mercados internacionais.

O setor industrial brasileiro conhece Lula e sabe do que ele é capaz, principalmente em situações de crise, como aquela que o mundo enfrentou em 2008 e que superamos por meio do diálogo entre o governo e os representantes empresariais.

É dessa experiência, dessa capacidade de diálogo e desse compromisso que o Brasil precisa, especialmente neste dia em que o IBGE anuncia uma retração de 10,4% na produção industrial do país.

Foi uma grande decepção, portanto, saber que a CNI realizou sua tradicional sabatina com os pré-candidatos sem ter convidado o PT a designar um representante daquele que lidera todas as pesquisas.

Temos sido convidados por outras organizações nacionais e contribuído para o debate por meio de cartas do Lula e do programa de governo.

Não há qualquer razão de ordem legal para excluir Lula de debates ou sabatinas.

A candidatura do ex-presidente será registrada pelo PT no dia 15 de agosto e somente uma decisão posterior da Justiça Eleitoral, se provocada, poderá levantar a hipótese de inelegibilidade.

Até lá, ele é pré-candidato como qualquer de seus adversários e tem o direito de expor suas ideias.

Gleisi Hoffmann, Presidenta Nacional do PT





2 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

JULIO CEZAR DE OLIVEIRA

05 de julho de 2018 às 12h15

INFELISMENTE CHEGO A CONCLUSÃO QUE NÃO TEMOS MAIS HOMENS ÍNTEGROS NESTE PAÍS,UM PAÍS QUE DEIXA UM CANALHA COMO ESTE TEMER E SUA GANGUE ENTREGAS AS RIQUEZAS DO PAÍS PARA ELES MESMOS SEM NENHUMA CONTESTAÇÃO,MERECE PASSAR POR QUE ESTÁ PASSANDO.
SÓ QUERO VER O QUE VAI DAR ISSO,UM PAÍS DE ESCRAVOS DOS AMERICANOS.

Responder

Julio Silveira

04 de julho de 2018 às 19h13

O que me surpreende é o PT esperar algo de um dos principais antros do golpismo, a tal CNI, onde se reunem Skaff e seus patos, alem de outros do mesmo tipo, que pleitearam o golpe para botar grana nos seus bolsos beneficiando os States e fragilizando os trabalhadores com a velhacaria do governo de um seu corrupto, que entrega direitos dos trabalhadores do país, e, pior, até os bens do país.
O PT continua errando no mesmo ponto, nunca precisou do CNI para crescer, precisou sim do trabalhadores, vitimas do CNI. Que continuem buscando falar com sua “clientela” por que a esses dias já deveriam saber com quem poderiam contar.

Responder

Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding