Emílio Rodriguez, sobre a pesquisa CNT/MDA: Lula tem razão, nada está ganho. Vamos baixar a bola, gente!

Tempo de leitura: 3 min

Da Redação

Na segunda-feira, 21-02, foi divulgada nova pesquisa CNT/MDA sobre eleição presidencial deste ano.

Para Emilio Rodriguez, mestre em história social pela USP, ela mostra que Lula está certo: a eleição deste ano está muito longe de ser resolvida e, como disse lá atrás o ex-governador da Bahia, Jacques Wagner, é preciso colocar as sandálias da humildade.

No vídeo acima, Emílio Rodriguez analisa a pesquisa.

Seguem os principais pontos destacados:

“A primeira imagem mostra crescimento de Lula na resposta espontânea, que é o voto certo. Pula de 30,1% para 32,8%.

Mas também mostra o crescimento do Jair Bolsonaro de 20,1% para 24,4%; crescimento de 3,3%.

Sergio Moro e Ciro Gomes também crescem dentro na margem de erro.

A segunda imagem, que foi a mais divulgada, é a da pesquisa estimulada, quando os nomes são mostrados no cartão.

Lula cresce quase dez pontos em relação à pesquisa espontânea. Em julho de 2021, Lula estava com 41,3%. Em dezembro, foi a 42,8%. E, agora, tem 42,2%. Está praticamente estável.

Mas o crescimento de 2,4% é de Jair Bolsonaro, de 25,6% para 28%.

Ciro Gomes cresce 1,8%. Sergio Moro cai de 8,9% para 6,4%. E João Doria continua com 1,8%.

Quanto à possibilidade de voto em Bolsonaro para presidente da República:

Votaria nele com certeza: pulou de 22,3% para 25,6%.

— Poderia votar: foi de 14,8% para 17%.

— Não votaria nele jeito nenhum: em julho de 2021, era 61,8%; em dezembro, 59,2%; e, agora, 55,4%.

Portanto, a rejeição a Bolsonaro está caindo. É um dado apontado.

Em relação à possibilidade de voto em Lula para presidente, a situação está praticamente estável.

— Votaria com certeza: cai de 40% para 39%

— Poderia votar: subiu de 15,7% para 19,2%

— Não votaria de jeito nenhum: continua no mesmo percentual de dezembro de 2021 40,5%

João Doria tem o maior percentual de rejeição: 66,5% A rejeição de Moro está em 58%.

Quanto ao segundo turno, a intenção de voto estimulada: Lula pulou de 52,7% para 53,2%. Mas Bolsonaro cresceu de 31,4% para 35,3%

Avaliação do governo Bolsonaro: em julho de 2021 foi a maior avaliação negativa, 48%; e, agora, ela caiu 5%; está em 43%

Avaliação negativa da figura de Jair Bolsonaro continua muito elevada: 61% desaprovam.

Um outro slide importante é o que mostra, e talvez explique, a subida de Jair Bolsonaro, além do auxílio emergencial, é a expectativa de que vai melhorar a situação do emprego nos próximos seis meses. Subiu de 36,8 % em dezembro para 42,1%.

O mesmo acontece em relação à renda mensal nos próximos 6 meses.

A expectativa de de que vai melhorar subiu de 36,8% para 42,1%. E de que vai piorar caiu de 27,2% para 18,4%

Só que a situação econômica não é boa. Há um crescimento praticamente irrisório do PIB. Então, tudo isso pode fazer com que essa expectativa da população agora se frustre lá na frente. E até a rejeição do Jair Bolsonaro aumente.

Tem um outro fator: a questão da terceira via, que vai ter que concentrar fogo em Bolsonaro para chegar ao segundo turno.

Então, nós ainda vamos assistir muita coisa pela frente.

A esquerda tem que ficar muito atenta porque, em política, não há “já ganhou”.

A gente tem que trabalhar sério até o final, em outubro.

Vamos evitar o salto alto, gente!

Nós temos que ocupar a rua, que é o lugar da esquerda. Atacar o bolsonarismo e atacar a terceira via, especialmente Sergio Moro, para mantê-los na defesa.

Alguns companheiros se iludem com a ideia de que Lula está eleito. É bom baixar a bola. Primeiro, a gente elege depois a gente discute o que vai fazer depois no governo.”

Leia também:

Maria Carolina Trevisan: Rejeição de Bolsonaro racha evangélicos


Siga-nos no


Comentários

Clique aqui para ler e comentar

Sandra

“A média das intenções de votos de maio/2021 a fevereiro/2022 é: Lula 44% e Bozonaro 23%. O que indica a vitória de Lula no Primeiro Turno.” (Marcos Coimbra Presidente Instituto Vox Populi)
#LulaNoPrimeiroTurno
https://twitter.com/sandroka131/status/1496982119335215111?s=21

Zé Maria

É é preciso lidar com Dados Concretos.

Segundo Respostas Espontâneas à Sondagem MDA,
LULA, com 32,8% das Intenções de Voto agora na
última Pesquisa de Fev/2022, tem um Crescimento
Sustentável, desde as Anteriores (Jul/2021 = 27,8% e
Dez/2021 = 30,1%).

Considerando que a Avaliação Pessoal do Presidente
Bolsonaro Genocida é absolutamente Negativa (61,4%)
e que só 24,4% respondem espontaneamente que
votam nesse Asno Criminoso; e sabendo que existem
28,3% de Eleitores Indecisos, faltando 7 meses para
o 1º Turno da Eleição, há, convenhamos, muito pouco
espaço para crescimento do Sociopata do Planalto.

Os Demais Candidatos somam 6,6% (Ciro=2,6%; Moro=2,1%;
Janones=0,5%; Doria=0,3%; Outros=1,1%), na mesma Pesquisa
Espontânea.

Ainda que, no Estertor, a Margem de Erro de 2,2% o favoreça,
Bozo só conseguirá aumentar a Votação, se tirar Votos de Lula,
o que é, afinal, improvável.

LULA, portanto, continua Favorito para vencer no 1º Turno.

https://cdn.cnt.org.br/diretorioVirtualPrd/c88581b3-9881-4549-8238-9f236f2b9339.pdf

    Zé Maria

    CNT/MDA
    Fevereiro/2022
    Avaliação Bolsonaro e Desgoverno
    Resumo

    Desempenho Pessoal
    do presidente Jair Bolsonaro:

    Aprova: 33,9%

    DESAPROVA: 61,4%

    Não souberam/não responderam: 4,7%
    .
    .
    Avaliação do [des]governo
    do presidente Jair Bolsonaro
    em relação aos Governos Anteriores:

    Está melhor: 31,0%

    Continua de forma semelhante: 21,9%

    ESTÁ PIOR: 45,4%
    .
    .
    Avaliação da ECONOMIA no [des]governo
    do presidente Jair Bolsonaro
    em relação aos Governos Anteriores:

    Está melhor: 17,9%

    Continua de forma semelhante: 19,8%

    ESTÁ PIOR: 60,4%
    .
    .

    https://cdn.cnt.org.br/diretorioVirtualPrd/3190eb18-1711-44b9-bbf5-117fccfa67ca.pdf

Zé Maria

O Valor do Dólar caiu no Brasil.
O desgoverno vai reduzir
o Preço dos Combustíveis?

Zé Maria

“No Brasil, a nudez é castigada,
a falta de vergonha na cara, não”

Jornalista Bob Fernandes

https://youtu.be/Q22oES4v164

Deixe seu comentário

Leia também