VIOMUNDO

Diário da Resistência


Política

Dutra: Jornal Nacional omitiu entrevista


16/09/2010 - 22h29

por Conceição Lemes

“É incrível como as denúncias de um ex-presidiário (Rubnei Quícoli), processado por receptação de carga roubada e falsificação de dinheiro, mereçam toda a credibilidade da mídia e o que nós dissemos, não”, afirma ao Viomundo José Eduardo Dutra, presidente do PT.

Hoje, a Globo esteve na coletiva que Dutra concedeu à imprensa, em Brasília, e Jornal Nacional não deu nada. Na longa matéria que fez sobre o caso, o JN se limitou a falar da nota oficial do PT. Foi como se tivesse ido ao site do partido e pegado a nota.

“É absurda a insinuação de que o ‘consultor’ não teria conseguido empréstimo para o projeto de R$ 2,3 bilhões que apresentou ao BNDES, porque não teria pago a suposta taxa de sucesso ao filho da Erenice”, prossegue Dutra. “Eu liguei para o BNDES. O empréstimo não saiu, porque a empresa dele é pequena e não tinha garantia para assumir um valor tão grande.”

“É ínconcebível enxovalhar uma instituição, como o BNDES, e ainda tentar forjar uma relação com a nossa campanha”, diz, indignado. “Nós não vamos aceitar essas calúnias. Vamos processá-lo.”

*****

Comunicado do BNDES

Em função de reportagem publicada na edição desta quinta-feira, 16 de setembro, do jornal Folha de S. Paulo, o BNDES vem a público declarar que:

Repudiamos a insinuação de que o Banco poderia estar envolvido em um suposto esquema de favorecimento para a obtenção de empréstimos junto à instituição e consideramos que a tese demonstra um total desconhecimento quanto ao funcionamento do BNDES. O projeto em questão foi rejeitado pelo Comitê de Enquadramento e Crédito do BNDES, órgão interno do Banco, formado por seus superintendentes. A aprovação por esse colegiado é condição básica e necessária para que qualquer pedido de apoio financeiro seja encaminhado para análise.

Na reunião semanal do Comitê ocorrida em 29 de março deste ano — e na qual o projeto em questão foi apenas um dos itens discutidos —, o pedido foi negado. A decisão foi tomada pelos 14 superintendentes presentes à reunião, todos funcionários de carreira da instituição.

O projeto da EDRB foi encaminhado ao BNDES por meio de carta-consulta, solicitando R$ 2,25 bilhões (e não R$ 9 bilhões como afirma a reportagem) para a construção de um parque de energia solar. O BNDES considerou que o montante solicitado era incompatível com o porte da referida empresa. Além disso, a companhia não apresentou garantias e não havia local definido para a instalação do empreendimento (essencial para o licenciamento ambiental), não atendendo, portanto, a pré-requisitos básicos para a concessão do crédito.

Qualquer aprovação de financiamento pelo BNDES passa por um processo de análise que envolve mais de 30 técnicos de carreira da instituição, além da consulta à Diretoria do Banco. Esse rigor técnico tem como consequência um índice de inadimplência de 0,2%, muito inferior à média do sistema financeiro brasileiro, público e privado.



103 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

luiz

24 de setembro de 2010 às 00h55

Quanto ao factoide do Tamiflu : medicamento para o tratamento da gripe, após ela instalada, sendo seu fabricante unico a Roche. Graças ao terror midiatico (lembram o JN…."Hoje morreram 2 pessoas… etc ", o governo teve de fazer compras emergenciais de um produto que estava sumindo do mercado. Nessa época (2009) NAO existia vacina, a qual foi desenvolvida no fim desse ano e aplicada aqui no Brasil este ano na maior campanha mundial do genero, sendo extremamente elogiada no mundo inteiro pela logistica capacidade de vacinar tantas pessoas. Porem a partir doo momento da vacinação a maioria ja nao ficara mais doente e o tamiflu (apesar de poder ser usado para qualquer virose RNA) não tera tanta necessidade. Assim, quando falamos de VIDAS humanas, melhor pecar pelo excesso de zelo que por falta de medicamento que poderia levar a milhares de mortes. Nesse aspecto acertou o governo

Responder

Leonardo Câmara

18 de setembro de 2010 às 01h04

As pesquisas têm mostrado que quem usa baixaria perde pontos. Não tem porque mexer em nada. Isso é cair no jogo sujo deles. Depois das eleições decididas tem de ira pra cima deles com tudo. Com uma lei de imprensa séria, pra botar pra quebrar. Noticiou de forma irresponsável, corta a verba e processo.

É preciso que a nova lei de mídia tenha em vista a seguinte coisa: Quem promove noticia irresponsável não pode ter verba pública. Noticiou mentira? Não tem fonte segura? Então paciência, fique aí com uns cinco anos sem verba pública de publicidade.

Crie-se uma comissão séria sobre o assunto e pronto. Rapidamente a responsabilidade e o bom senso retornam aos noticiários. Fácil, fácil.

Pessoalmente estou muito preocupado com o que fez a carta capital. Ela tem fonte segura? Tem gravação da conversa? Se não tiver como provar o que disse, não deveria ter noticiado, mesmo que convencida da verdade. Está trilhando um caminho sinuoso, pode acabar virando imprensa marrom assim. Uma tal lei pegaria ela de cheio nesse caso.

Mais responsabilidade, estamos em meio a uma eleição. Eles que se refestelem em baixarias, nós não.

Responder

Paulo Rick

17 de setembro de 2010 às 21h24

Parece que estamos assistindo um flime pornô de baixa qualidade, depois ainda falam em demcracia, ética, etc…

Responder

Digger

17 de setembro de 2010 às 20h09

É estarrecedora e muito preocupante, a forma com que o PIG está procedendo nesta campanha eleitoral! Eles perderam totalmente os escrúpulos – se qualificaram e capacitaram, na profissão indigesta de denuncistas caluniadores e acolhedores de elementos criminosos, para praticarem infâmias contra os seus desafetos políticos.
Assumiram descaradamente, o papel de polícia investigativa tendenciosa e oposição raivosa, ao mesmo tempo.
As graves denúncias com farta documentação comprobatória, contra o seu candidato, Zé Dossiê Quebra de Sigilo e sua filha Verônica, são ocultados de maneira irresponsável, tornando-os cúmplices do ato desabonador.

Responder

monge scéptico

17 de setembro de 2010 às 18h50

chegaram tarde! isso já é velho na globobo. só não omite o que lhe interessa

Responder

Francisco

17 de setembro de 2010 às 18h17

Causa pasmo! a justiça eleitoral está completamente desmoralizada com a conivência despudorada que mantem com o pig e os tucanos.
O novo congresso nacional vai precisar investigar esses canalhas.

Responder

DESINFORMAÇÃO NÃO! » Blog Archive » O padrão JN/Kamel de notícias

17 de setembro de 2010 às 17h14

[…] Do Viomundo […]

Responder

Marco

17 de setembro de 2010 às 15h12

Podem esperar. Vem mais coisa por aí. E a justiça? Onde está o direito de resposta? Vamos ficar o tempo todo reclamando da midia golpista? O PT está se saindo muito mal…

Responder

    Jairo_Beraldo

    17 de setembro de 2010 às 17h56

    Madame Cureau já mostrou a cara da imparcial justiça tupiniquim. Mandou intimação a Mino Carta, do semanário Carta Capital.

    Edmar

    18 de setembro de 2010 às 09h50

    Marco, acho que o PT até tá se saindo até bem nesse massacre midiático. Quem está absoluta e irremediavelmente desmoralizados, ao menos na minha visão e de quem eu conheço, é o JUDICIÁRIO e o MINISTÉRIO PÚBLICO. No futuro governo DILMA, devem ser nomeados pros tribunais superiores e pra Procurador Geral apenas "juristas" filiados ao PT e que tenham participado efetivamente da vida partidária e dado provas de afinação com nossa ideologia pluralista e popular. Vão dizer que é aparelhamento? SIFô! Hoje toda a máquina federal (TCU, STF, TSJ, TSE, PGR, RECEITA FEDERAL, etc) segue aparelhada, como a deixou Fernando Henrique, em favor do PSDB! E ainda dizem que o PT é que faz aparelhamento. Por mim, acho que não é adequado mas tem se demonstrado necessário. ENTÃO,JÁ QUE A MIDIA TÁ DIZENDO QUE É, QUE SEJA!

monge scéptico

17 de setembro de 2010 às 14h35

acredito! sou crédulo e estúpido por natureza ………………….
nada de estranho; é uma associação de iguais, onde qualquer coisa vale. qualquer coisa………………..

Responder

Marinho

17 de setembro de 2010 às 14h28

Porque ninguém do PT diz claramente que a grande mídia está do lado do Serra, já que a eles decidiram escancarar de vez!? Mostrem para o povo brasileiro essa relação promíscua entre o PIG e o tucanos!

Responder

    Henrique Finco

    17 de setembro de 2010 às 16h15

    Prezado, acredito realmente que não seja necessário alguém do PT (ou mesmo de fora dele) dizer que a mídia está do lado de Serra. É um fato evidente por si só – e, ao contrário do que a mídia sempre afirma – as pessoas têm memória, sim, e lembram do que foi o governo tucano do FHC. Esta coisa de ficar desencavando escândalos em cima das eleições já é truque manjado: não cola mais. Acredito que pouquíssimos caiam nesta, se é que alguém ainda vai cair nesta esparrela.

    Anah Cardoso

    17 de setembro de 2010 às 18h04

    Mas dizer por qual canal? A gente diz e eles não publicam.

Carlos J.Ribeiro

17 de setembro de 2010 às 14h19

O sr. Dutra, presidente do PT, confia muito no seu taco ou não percebe o que está se passando. Diz que esse assunto não vai alterar o programa do PT na TV e no rádio. Tudo bem. Mas o PT precisa, já, já, começar a alertar o eleitorado sobre o golpe que está em andamento. Comenta-se que no último dia antes da eleição, depoimentos de parentes de vítimas dos "subversivos", com fotos de pessoas mortas, serão mostradas. Muito choro. E não haverá tempo para retrucar. É preciso que o próprio presidente Lula apareça no programa fazendo esses alertas. E mais: o PT precisa URGENTEMENTE convocar a imprensa internacional e mostrar o que a imprensa velha daqui está fazendo. Ou deixando de fazer. E ele, Dutra, ainda fica indignado com a Globo!! Esperava o quê? É a tal história: os dirigentes do PT, seus deputados e senadores morrem de medo da imprensa, principalmente da Globo. Que fique indignado, mas que tome atitudes contra o jornalismo que eles praticam. Não adianta ficar indignado pelas costas e nada fazer… estou farto dessa inação do PT.

Responder

    Edmar

    18 de setembro de 2010 às 09h58

    Carlos, acho que não precisa convocar a imprensa internacional. Ela tá vendo e alguns correspondentes, quando estrangeiros, estão relatando essa imoralidade lá fora. Nós não sabemos porque não repercutem aqui. Talvez o que se devesse fazer era convocar obervadores internacionais pra monitorar e inibir o comportamento parcial da nossa justiça(?) eleitoral. Tô com muita vergonha do nosso TSE e da nossa PGR. Achava que com o atual presidente do TSE e o atual procurador geral da república teríamos uma quadra eleitoral menos suja e mais propositiva. São uns irreponsáveis que estão pondo em risco nossa frágil democarcia e equilibrio social e econômico de nossa nação.

IV Avatar

17 de setembro de 2010 às 13h27

A alta-espionagem de Serra, um submundo no qual ele sempre trafegou com desenvoltura, tramou juntamente com a Folha e o Quícole, que acabou de sair da cadeia, para aprontar essa prá cima da Dilma. Esperamos que o povo não caia no conto destes vigaristas. Pelo menos os paraenses não vai cair nessa, pois mais de 50 mil correraram para ver Lula em Belém, e olhe lá, sem show pirotécnico ou de artista famoso, segue link http://www.vermelho.org.br/pa/noticia.php?id_noti
Blogosfera começa a desmontar denúncia da Folha para atingir Dilma http://www.redebrasilatual.com.br/temas/politica/

Responder

Bonifa

17 de setembro de 2010 às 12h53

Sugiro ao Jornal Nacional entrevistar o Tartufo, do Moliére. Interrompe a peça, sobe no palco e faz com que ele diga alguma coisa contra a Dilma

Responder

    william porto

    17 de setembro de 2010 às 14h21

    Vilela, você está certo, mas acho que o maior erro está na covardia da campanha de Dilma que não tem coragem de peitar o PIG. Por isso é que respeito Chavez. A covardia do nosso lado revolta.

c vilela

17 de setembro de 2010 às 12h51

O problema maior é a covardia dos dois lados. Da imprensa, com seu engajamento político para favorecer a candidatura Serra e do PT/ Lula, que nunca enfrentaram esta mídia com medo de represálias, como se não as tivesse. É a hora da equipe da candidata Dilma expor ao povo, através do horário eleitoral, as verdadeiras intenções da coligação política mídia/Serra. E o presidente Lula, no auge da popularidade e término de mandato, tem o dever de mostrar a cara e refutar todas as calúnias e colocar as cartas na mesa. Vingir que é apenas desespero do opositor poderá custar caro.

Responder

Valentin

17 de setembro de 2010 às 12h39

Azenha

Adivinhem quem vai pagar as custas dos processos do Rubinei Quicóli???????????????????????????

Responder

    Leonardo Câmara

    18 de setembro de 2010 às 01h12

    O povo do estado de São Paulo …

ANTONIO

17 de setembro de 2010 às 12h38

"Me preparei a vida toda para ser presidente" diz o Serra, toda criança quer ser médico, engenheiro, professor, bombeiro, aviador, o Serra já nesceu arrogante, querendo ser presidente, não pode terminar bem um negócio desses, esse cara tem uma idéia fixa e essa idéia pode levar a extremos inimagináveis.

Responder

Laet

17 de setembro de 2010 às 11h54

O Jornal da Globo apresenta o depoimento da Dilma com o som truncado e inadiável, seria uma falha técnica proposital porque o mesmo depoimento saiu límpido e translúcido no jornal do SBT. É mais que cerceamento ao direito de defesa, é a manipulação criminosa dos fatos.

Responder

Marcus

17 de setembro de 2010 às 11h51

Espero que processe, pois dentro do processo pode-se pedir a quebra do sigilo bancário, quem sabe a gente não acha quem está por trás desses depoimentos…

Digo isso porque eles ainda fazem esses absurdos sem se preocupar com uma investigação futura.

Responder

    Antonio Silva

    17 de setembro de 2010 às 13h22

    O que você quer dizer com este tal de processe ? .
    Aqui no Brasil só conheço microprocessador da wallita .

    Já era companheiro, infelizmente estamos vivendo em terra de mallboro, um faroeste caboclo .

    Que Lula tome coragem e convoque observadores da ONU, OEA, UNASUL, Comunidade Européia e atá aquela Rainha da Suécia (nascida no Brasil) para constatarem in loco, o criminoso golpe engendrado por uma dúzia de barões da mídia contra mais de 100milhões de brasileiros .

Go Oliveria

17 de setembro de 2010 às 11h40

O PiG vai bancar também o advogado do 'empresário' criminoso, além do por-fora que ele já deve ter recebido para se expor assim sem um trunfo no bolso, a não ser o ódio cotido que agora explode favorecido por esta padrinhança toda e a cara de Pedágio do Zé Caluniador.

Responder

Urbano

17 de setembro de 2010 às 11h39

Omitir é uma das coisas mais pueris que eles fazem.

Responder

ValmontRS

17 de setembro de 2010 às 11h25

Não foi só o JN. O jornal da TV Brasil ("tv pública" :o) também omitiu a fala de Dutra.
O Repórter Brasil é de uma fidelidade impressionante!
Mostrou muito bem as matérias da Folha de São Paulo.
A reportagem está aqui http://tvbrasil.ebc.com.br/reporterbrasil/video/9

Responder

    Edemar Motta

    17 de setembro de 2010 às 13h05

    Caro Valmont,

    Obrigado por confirmar uma sensação que já percebera. O temor que o governo e a cúpula do PT tem do Pig se mostra até no jornal da TVBrasil, aqui (Fortaleza) apresentado de maneira irregular quanto a horários e com sinal de péssima qualidade. Durma-se.

    Antonio Silva

    17 de setembro de 2010 às 13h30

    Nós não temos nenhuma instituição para defender os interesses de 1000 milhões de brasileiros que querem a continuidado do projeto lulista .
    Falta rádio púb lica, falta TV Pública, falta um Chaves, falta um Brizola .

    VONTADE POPULAR = DEMOCRACIA, em construção !
    MÍDIA BRASILEIRA + JUSTIÇA ELEITORAL BRASILEIRA, VERGONHA MUINDIAL !

    luiz pinheiro

    17 de setembro de 2010 às 16h23

    Eu também assisti, Valmont, e fiquei com a mesma impressão. O jornal da TV Brasil deixou de dizer que o corpo tecnico do BNDES rejeitou o projeto por unanimidade, por total incompatibilidade com a estrutura da empresa. É uma informação importante, porque mostra o absurdo da acusação de lobby. O BNDES é uma instituição séria, jamais aprovaria uma picaretagem desse naipe. Mas os jornalistas da TV Brasil não mostram isso, omitem o essencial da nota do BNDES, seguem a pauta do PIG. Lamentável, ministro Franklin Martins e jornalista Tereza Cruvinel.

Thomas Staudinger

17 de setembro de 2010 às 11h03

O pior ainda está por vir, a oposição fajuta do Brasil fará de tudo para ir para o segundo turno. Pasmem, hoje recebi um email comunicando que a Dilma e Michel Temer são enviados pelo satanás e vão destruir o Brasil e acabar com a religião católica. PREPAREM-SE pois nos próximos quinze dias o jogo vai ficar mais sujo ainda, é preciso que o Presidente Lula se licencie para ficar no pelotão de defesa da nossa futura presidente que corre até riscos de atentado desses cretinos sem pudor e vergonha na cara..

Responder

Julio Silveira

17 de setembro de 2010 às 10h37

Nenhuma novidade essa promiscuidade afinal para ser considerado criminoso eles se utilizam de um critério todo especial. Se o meliante, sendo considerado pela justiça como tal, servir aos interesses desses grupos ele adquire imediata reputação ilibada maqueteada como tal ignorando-se os fatos.
O Contrário, també ocorre em profussão basta que qualifiquem como contrários aos seus interesses, imediatamente serão julgados pelo juizado especial das doze familias.

Responder

Tomudjin

17 de setembro de 2010 às 10h34

É mais fácil encontrar, na internet, a foto de uma cabeça de bacalhau do que a foto do verdadeiro autor desse suposto lobby.
O PIG está mais preocupado em conter, ou retardar, a vitória da Dilma, do que mostrar a face do verdadeiro protagonista de todo esse epsódio.
Pena que este Jornal, que sempre questionou o passado "duvidoso" de Dilma, seja o mesmo jornal que hoje dá ouvidos a uma testemunha que acabou de sair da cadeia por ter se envolvido com atos ilícitos.

Responder

Luiz Fabiano

17 de setembro de 2010 às 10h00

Eu acho que nossa amiga Erenice Guerra dará uma entrevista a um programa de TV com grande audiência no domingo desmontando toda esta história. Coisa que não poderia fazer se fosse ministra. Vamos ter calma gente, Lula sabe o que faz. Quem tem que desmascarrar o PIG não é ele e sim outra emissora (vocês lembra dos ataques a Rede Record ano passado) . Eu acho que vocês estão me entendendo? Daí o furo de PHA sobre a saída da Erenice.

Responder

sergio

17 de setembro de 2010 às 09h39

CHEGOU A HORA DE LULA ,DEIXAR O CARGO POR DUAS SEMANAS E CAIR DE CORPO E ALMA NA CAMPANHA DE DILMA.
OS TUCANOS TEM MEDO DE LULA,SE BORRAM DE MEDO DE SUA POPULARIDADE.
COM LULA NA CAMPANHA DE FORMA MAÇIÇA, ESVAZIAREMOS O NOTICIARIO GOLPISTA.
BASTA DE Pedagios,inSegurança,Desemprego e Baixaeducação!

Responder

    luiz antonio

    17 de setembro de 2010 às 13h45

    concordo plenamente, lula deveria se licenciar do governo usar de sua popularidade para esclarecer a população as inverdades do PSDB para tentar ir para o segundo turno

    Edmar

    18 de setembro de 2010 às 10h06

    Também acho. E nem é pela eleição em sí. Disso a CLASSE da DILMA tá dando conta. É pra garantir que a imagem desses bandidos emplumados nos partidos (PSDB, PPS, PV e outros) ou na mídia (globo, band, sbt, folha, estadão, veja, isto é, época e outros) junto ao povão seja, ao final do processo eleitoral, a verdadeira. Bandidos apátridas, mentirosos contumazes, manipuladores sujos. Depois é dissiminar banda larga (até grátis, se preciso) pra acabar de vez com essas manipulações da informação.

Leonardo

17 de setembro de 2010 às 09h31

Dutra, pelo amor de Deus, use o horário eleitoral para desmascarar esses crápulas!!!! Parece até que o PT está querendo um segundo turno….

Responder

    Alonso Muchon

    17 de setembro de 2010 às 12h48

    Leonardo, compartilho da sua opinião, pois parece que o PT faz força para ir ao segundo turno, fica com esse olhar de paisagem. Vamos à luta.

    Edmar

    18 de setembro de 2010 às 10h14

    Leonardo, o PT não deve usar o horário eleitoral pra isso não. Naquele espaço deve permanecer apenas a Classe da nossa candidata. Nada de baixarias! Talvez em São Paulo, onde gostam tanto dessas baixarias, o Mercadante devesse mostrar os bandidos usados pelo PSDB e a mídia e aquelas fotos do Alkimim abraçado ao LAVADOR de grana do PCC, candidato a deputado na coligação dos tucanos paulistas e que voltou a ser preso! Aqui no norte, conheço pessoas que mudaram da Marina pra DILMA apenas em função do dizem ser a CLASSE com que a DILMA tem suportado as agressões sem reações de mesmo tom. As pessoas mais humildes acham que a DILMA tá mostrando equilíbrio (emocional, acho eu) que a mostra a mais preparada pra encarar com serenidade os problemas que vai encarar na presidência.

Panambi

17 de setembro de 2010 às 08h57

Se toda a blogosfera, capitaneada por PHA, Azenha, Nassif, Brizola, Vianna, Miro, etc… fizesse uma manifestação democrática, dirigida aos patrocinadores do JN, comprovando a imparcialidade do jornalismo da Globo e manifestando a insatisfação das pessoas bem informadas que se sentem lesadas no seu direito de não serem manipuladas pela midia, que atende simplesmente à liberdade de imprensa de seus proprietáriosd(04 famílias no Brasil todo), tenho certeza que seria o início de alguma coisa que poderia dar certo. Uma carta aberta subscrita por todos os blogueiros e simpatizantes destes blogs daria um volume absurdo. Mas acredito que para isto acontecer, e acho que poderia mesmo, somente se tiver a liderança de todos os citados acima. Se fosse redigido um manifesto e cada internauta enviasse via e-mail ao SAC dos patrocinadores do JN, isto chegaria aos diretores das empresas, com certeza. A idéia não é minha, já vi isto em um comentário no Viomundo e acredito que realmente pode dar certo. Porque alguém não levanta isto no encontro do Barão de Itararé. Se a idéia não for viável, tudo bem.

Responder

Gerson Carneiro

17 de setembro de 2010 às 08h39

Por outro lado, é incrível também o fato de que as denúncias de um ex-presidiário e a reportagem de uma revista (que cremos nós já está desacreditada) tiveram o poder de fazer com que a Ministra da Casa Civil pedisse demissão. E em seguida Irmão e filho desta fossem exonerados, por um governador do PSDB, de empregos públicos ganhos por indicação política.

Inicialmente uma negação; depois promessa de ajuizamento de processo; em seguida uma atitude que insinua recuo? Eu não consigo entender. Sinceramente.

Então, estamos sim diante de uma zona cinzenta. Primeiro que esse negócio de filho e irmão em empregos públicos ganhos por indicação política está errado. Eu não gosto disso no DEM, no PSDB e etc… e também não gosto disso no PT. O vacilo está aí. Parente, quando se trata da coisa pública, deve ser mantido afastado justamente para evitar esse tipo de imbróglio. Então é uma coisa que o Eduardo Dutra, presidente do PT, precisa esclarecer também porque para o eleitor da Dilma aqui está, no mínimo, confuso.

Responder

    mariazinha

    17 de setembro de 2010 às 10h19

    Ela foi clara, Gerson.
    Como se defender de muitas acusações ao mesmo tempo, trabalhando como Ministra, sem tempo para tomar pé de uma enxurrada de agressoes? Ninguém, em sã consciência conseguiria trabalhar. Eu, por muito menos, estou com a cabeça a mil por uma contestação no pequenas causas.
    Precisamos esperar para condenar, mesmo OS parentes pois ela é de uma época em que todos que estudavam, um pouquinho mais, queriam passar em concursos públicos. Se não engano-me são funcionários de carreira. Ela, começou sua carreira no GDF e são muitos anos de carreira, com 'N' atribuições ao longo do tempo. Quando a mídia venal a atinge quer mesmo é atingir D. DILMA.
    Entre ELA e a mídia podre, ainda sou ELA . Mesmo pq as acusações estão fragilmente assentadas, como sempre acontece com a parte podre da mídia qdo. quer derrubar alguém.

    Gerson Carneiro

    17 de setembro de 2010 às 11h40

    Acho que daria para segurar por mais duas semanas, depois saísse. Sair nesse momento é satisfazer o PIG, e o PIG não perdoa. Era tudo que o Serra queria. Agora ele propaga que a saída dela apenas confirma a tese da oposição. Portanto, acho que escolheu a pior estratégia, mas… quem sou eu?

    Denise

    17 de setembro de 2010 às 13h48

    Gerson, acho que a permanência dela seria pior. Assim eles ficam chafurdando lá no poço onde caíram, com o submundo da polícia, da economia e da política. Há quase um mês que o jardineiro daqui da vizinhança me disse isso: tá saindo sujeira porque eles caíram no fundo do poço". E me pareceu uma imagem muito boa. Vão chafurdar, mas não me parece que haja qualquer consistência nessas acusações todas e, se houver, o trunfo é de que "ao haver denúncia houve o afastamento". Se ela seguisse ministra, iriam dizer que há conivência. A única ligação provada que há é que o tal escróque era ou é filiado ao PSDB.

    Gerson Carneiro

    17 de setembro de 2010 às 12h30

    Apenas para conluir a linha de raciocínio dos meus recentes comentários, e eu parar de encher a paciência: se a denúncia é tão banal, se o denunciador é um reles ex-presidiário, por que morder a isca? Então temos um tubarão sendo içado por um anzol de piaba?

    Por isso acho que a Erenice deveria esperar por duas semanas para deixar o cargo, se fosse preciso. Mesmo porque ela não está sozinha para se defender. Ela conta com um aparato, inclusivive do governo já que a denúncia envolve uma repartição do governo a seu cargo.

Marcos Simões

17 de setembro de 2010 às 07h54

Só a democratização da imprensa nos libertará desses viralatas

Responder

mariazinha

17 de setembro de 2010 às 07h10

Para 'eles', pegar mais quatro anos com PT seria a morte; usarão qqer. subterfúgio para conquistarem o Poder. Agora, depende de nós.
À luta, minha gente. Vamos mostrar a essa gente demoníaca que brasileiro não engole sapo.
Sabíamos que aconteceria; estamos preparados e não deixaremos que os vermes ganhem de nós.
O Brasil precisa dos brasileiros, mais do que nunca pois os alienígenas estão atacando de todos os lados. A imprensa brasiliera, comandada pelas quatro ou cinco famílias alienígenas são os inimigos da pátria brasileira. Vamos acabar com eles, nessa eleição!

Responder

    Iolanda

    17 de setembro de 2010 às 09h39

    Acabei de comentar igualzinho no Facebook…TEM TODA RAZÃO AMIGA!

    mariazinha

    17 de setembro de 2010 às 16h36

    Estamos juntas, Iolanda, venceremos. Basta que não nos deixemos contaminar pelo veneno dos vanpiros e sanguessugas que querem voltar ao Poder de qqer. jeito.
    Abração!

Arlindo

17 de setembro de 2010 às 06h56

É a natureza dos caras, eu tinha certeza que eles não iam deixar barato essa eleição. E pode preparar que vem mais coisa por ai.

Arlindo.

Responder

Cássio

17 de setembro de 2010 às 06h55

Temos que dar um basta a esta imprensa golpista.

Responder

ceci

17 de setembro de 2010 às 06h54

Que a verdade seja dita e processo neles!

Responder

Antonio Silva

17 de setembro de 2010 às 06h50

Que o Zé Eduardo esqueça um pouco o Botafogo e está focando neste momento em que a campanha eleitoral tá pega fogo .

Responder

pereira

17 de setembro de 2010 às 05h26

Esta na hora de usar o mesmo veneno.

Responder

Gerson Carneiro

17 de setembro de 2010 às 04h38

É o que venho dizendo: o pessoal da campanha da Dilma tem um vasto material que desmente o Serra e o PIG, mas não sabe usar. Por exemplo: o Serra vem dizer que em seu governo (ele como presidente) não haverá corrupção na Casa Civil. Daí é só pegar aquela imagem dele declarando "vote em um careca e leve dois" e mostrar o segundo careca esparramado no sofá recebendo o dinheiro da propina.

Isso é um fato, gravado com imagens e som. Se o pessoal da campanha da Dilma utilizasse isso não estaria insinuando uma situação mas apenas revelando, e desmentindo o Serra. Ao contrário da campanha do Serra que explora essa denúncia da Erenice Guerra mostrando que "a Erenice era o braço direito da Dilma". Isso eles sabem usar muito bem, muito embora para o mal. Já o PT não sabe.

Responder

Gerson Carneiro

17 de setembro de 2010 às 04h21

O PIG aderiu à campanha do governo de dar emprego a um ex-presidiário.

Responder

    Jairo_Beraldo

    17 de setembro de 2010 às 08h46

    Na verdade, esta campanha foi criada pelo STJ. Bem explicado o porque, já que era presidente o Supremo ex Supremo presidente do Supremo TF. Nada contra por quem pagou por seus erros. Acho que as pessoas de bem, é que não estariam dispostos a fazer parte de tais sandices, e daí foi feito algo para que se de credibilidade a tipos como o referido na FSP.

PAULO GILBERTO

17 de setembro de 2010 às 04h12

É preciso mais clareza nessa questão. Se a mídia golpista boicota Dilma e esconde a verdade dos fatos, ela deve usar o seu programa eleitoral para isso e as inserções diárias ao longo da programação das emissoras. Concordo com o Lúcio: o povo já sabe das realizações de Lula. Precisa urgentemente ser esclarecido sobre essas questões, senão o golpe para levar Serra ao 2° turno vai funcionar.

Responder

    Orlando Bernardes

    17 de setembro de 2010 às 07h52

    Concordo com você. A campanha da Dilma está dormindo de toca. Esta " estratégia " de não responder, não se defender nos meios de comunicação de massa é furada. Estão deixando o PIG tomar toda a iniciativa, e não respondem à altura.
    ACORDA PT!

    MAGNO

    17 de setembro de 2010 às 09h31

    Enquanto, a escadalização não atingir o favoritismo de Dilma , a campanha dela não fará nada, infelizmente…

    Iolanda

    17 de setembro de 2010 às 09h41

    O MEU MAIOR RECEIO É ESSE MESMO, DO PT DEIXAR PASSAR EM BRANCO E AGIR À ALTURA

    ValmontRS

    17 de setembro de 2010 às 12h37

    Tem razão, Paulo. Mas não é hora de ficar na defensiva. Tem que denunciar a armação do PIG.
    Urgentemente.

    Baixada Carioca

    17 de setembro de 2010 às 14h40

    E basta umas duas horas na blogosfera pra ter um puta material pra responder didaticamente o golpe da mídia de maneira a esculhamba-la mais ainda. Aqui no Azenha, no Nassif, na Carta Capital, Vermelho e outros, tá tudo explicado e esmiuçado. É só fazer um clipping e fazer um filme de 5, 7 minutos e o estrago no PIG será daquele tamanho.

IV Avatar

17 de setembro de 2010 às 02h17

Do jeito que o Instituto Millenium, através do Reinaldo Azevedo/Veja, recomendou: não deem voz à outra parte, à vítima
É o que está ocorrendo
E olhe lá que a Globo, como concessionária de serviço público, ao fazer isso, comete vários crimes, e não apenas o de caráter eleitoral

Responder

O_Brasileiro

17 de setembro de 2010 às 02h15

Essa mídia golpista é sórdida, inescrupulosa e vil.
Se o povo brasileiro tem um pingo de dignidade, vai dar a resposta a eles em 3 de outubro!

Responder

Giovani Montagner

17 de setembro de 2010 às 01h19

é isso aí, chega de "lulinha paz e amor", "lulinha conciliador", tá na hora de serem firmes. cobrar pela via judicial, ainda que esta demore, os devidos direitos de resposta e da apresentação da verdade.

Responder

Sergio

17 de setembro de 2010 às 00h59

Temos que organizar uma representação ao TSE ou MPE como aquela do MSM.

Responder

GeorgeLuckas

17 de setembro de 2010 às 00h52

eles estão apelando…

desesperados, angustiados, vão se debater e dizer qualquer coisa que qualquer um diga…
isso até terem algo aparentemente mais consistente…

e vem mais…eles não vão cair de joelhos…

si vis pacem…

Responder

José Vitor

17 de setembro de 2010 às 00h46

Eu acho que a justiça eleitoral está se omitindo vergonhosamente diante de tudo que está acontecendo.

Responder

Geraldo

17 de setembro de 2010 às 00h46

Nenhum banco quis emprestar? NENHUM?!!! Como o filho de Erenice é poderoso. Se estava tudo ok, qlqr outro banco poderia emprestar, não?

Responder

Baixada Carioca

17 de setembro de 2010 às 00h42

Eles (tucanos e PIG) não se importam com as instituições brasileiras. Não querem saber de credibilidade ou qualquer outro título que engrandeçam nosso patrimônio. O negócio deles é vender a preços aviltantes todo o nosso bem para deixar o povo na mais completa miséria.

A Rede Globo e afiliadas, Estadão e grupo, Globo, Veja, Folha e outros comparsas de mídia jamais dariam atenção a qualquer denúncia que possa atingir o candidato que eles escolheram para defender. Qual a surpresa? O que temos que fazer é uma campanha para que o governo e estatais deixe de anunciar nestes veículos. Um ano sem publicidade do governo e essa porcariada toda pede falência. Aliás, em que situação previdenciárias esses porcalhões se encontram? Taí uma coisa legal pra gente investigar e espalhar na rede…

Responder

Bira

17 de setembro de 2010 às 00h24

Gente, por favor, uma semana é tão pouco tempo.
UMA SEMANA SEM A GLOBO, JÁ! http://twitter.com/ubira13

Responder

Carmen Pires

17 de setembro de 2010 às 00h12

E a globo pegou grana do BNDES para construir o Projac e investir na Net. Já pagou? Tá em dia?

Responder

    Carlos

    17 de setembro de 2010 às 12h07

    … Folha, Abril,… todos quites com a Previdência e com o FGTS?
    Se estão/continuam em débito, como podem receber anúncios da Petrobrás, BB, CEF,…?

    Quites também com Receita estadual de SP?

Relmont

17 de setembro de 2010 às 00h12

Quem tem um informante falsificador e receptador não tem credibilidade,e tem gente que paga para ser assinante de Veja,Folha,Globo,Abril, se eu fosse os assinantes pedia meu dinheiro de volta!e danos moral!é causa ganha na hora!

Responder

Tania R Guimaraes

17 de setembro de 2010 às 00h10

Nao cabe nem ao governo nem aos partidos exterminarem com esta midia pigosa, vergonhosa, cabe ao povo. O povo tem de se manifestar. Tem que fazer boicotes aos patrocinadores de programas mentirosos. Tem de fazer demonstracoes perante os empresarios de mentiras. Tem de fazer demonstracoes perante as autoridades e instituicoes encarregadas de regulamentacoes. Tem de criar midia alternativa alem da internet… Em fim, ficar so denunciando e processando nao da. Processos na justica tem de serem defendidos, mais a justica leva tempo em todo lugar do mundo. Temos de exigir uma mudanca no nivel strutural juridico politico economico social etc. Mais tem de ser o povo, nao ficar apontando dedos

Responder

    Baixada Carioca

    17 de setembro de 2010 às 00h46

    Mas o governo pode dar uma mãozinha. Se parar de anunciar lá eles passam a depender muito dos leitores. Estes já não estão muito a fim de pagar pra ler essa porcaria a que chamam de jornalismo.

    Gerson Carneiro

    17 de setembro de 2010 às 04h30

    O problema não é deixar de ler a revista Veja. Esta o povo não lê. O problema é se livrar da crença de que tudo que passa no JN é verdade. E o JN repercute com maior intensidade a "verdade" da Veja. O problema é fazer com que fatos como o narrado no texto aí chegue ao conhecimento do povo tal qual chega o que o JN divulga.

duducoutinho

17 de setembro de 2010 às 00h05

http://antidemocratico.wordpress.com/2010/09/17/a… a evolução que fez Cesar Maia perder o sono

Responder

Urbano

16 de setembro de 2010 às 23h53

A parceria do pig nessa área é extensa.

Responder

Glecio_Tavares

16 de setembro de 2010 às 23h48

Tem que entrar com processo contra a midia, nada adianta entrar contra o acusador somente. Tanto veja, folha quanto globo estão envolvidas e não ha como dizer o contrario. Tem que processar o PiG.

Responder

Sérgio Vianna

16 de setembro de 2010 às 23h36

Ainda sobre a indignação do Jose Eduardo Dutra, presidente nacional do PT:

Enquanto os petistas de alto escalão continuarem bajulando os Globo/Folha/Veja/Estadão, em busca de uma materiazinha qualquer, serão pisoteados na hora da verdadeira disputa, a que se dá no processo eleitoral, única via para o PT conquistar ou manter um governo.
E só não estamos em piores condições porque os jornalistas corajosos que construiram blogs alternativos, como este do Azenha, além de vários outros, nos oferece informação verdadeira para sopesar essa guerra suja dessa mídia que está defendendo seu próprio osso.
A mídia é um negócio como outro qualquer.
E nós sabemos o lado que eles defendem.
O PT tem que sair do esconderijo e enfrentar a situação de peito aberto, discutindo as alternativas com a população.

Esclarecida, a população apoiará as mudanças necessárias, a exemplo de uma proposta do Nassif, no seu Twitcam de ontem: Trazer o "capitalismo" para a disputa de mercado na mídia brasileira.

Responder

rodrigo

16 de setembro de 2010 às 23h34

Dutra, melhor assim. Factóides devem ser tratados como tal. Desmentidos curtos, providências judiciais e não ampliar mais a repercussão. Depois é só esperar esvaziar e se distanciar do contexto eleitoral.

Responder

    MAGNO

    17 de setembro de 2010 às 09h34

    ATÉ O PROXIMO FACTÓIDE DO DIA…

Sérgio Vianna

16 de setembro de 2010 às 23h32

A indignação do José Eduardo Dutra não é compatível com o trabalho do Partido dos Trabalhadores nestes últimos oito anos para criar alternativas de informação à população, a qual sempre foi tratada como um "joguete" para os pseudo-donos-do-poder.
Ou o PT enfrenta a situação de frente, como fizeram outros governantes, inclusive o Obama nos Estados Unidos, quando apontou o próprio dedo para um veículo de mídia que lhe fazia oposição torpe, ou vai continuar na defensiva e sendo vítima dessas loucuras praticadas pelas quatro "famiglias" detentoras do Globo, Estadão, Folha e Veja.

Enquanto os petistas de alto escalão continuarem bajulando esses mesmos veículos, em busca de uma materiazinha qualquer, serão pisoteados na hora da verdadeira disputa, a que se dá no processo eleitoral, única via para o PT conquistar ou manter um governo.

Responder

    Baixada Carioca

    17 de setembro de 2010 às 00h45

    Eu penso que o PT esperava que a velha mídia mudasse seu comportamento diante de um bem sucedido governo onde todo mundo ganhou: pobre, classe média e ricos. Essa turma deve acreditar que existe mula-sem-cabeça, saci-pererê etc.

    Gerson Carneiro

    17 de setembro de 2010 às 04h24

    É ingenuidade esperar que a TV Globo exiba alguma defesa do PT. Assim como é ingenuidade achar que a velha mídia mudou. O Instituto Millenium taí: livre, leve e solto.

    ValmontRS

    17 de setembro de 2010 às 11h06

    O processo eleitoral não garante a manutenção do poder, Sérgio.
    Considerando que o vice Michel Temer é da elite paulista e, em passado recente, compôs com os seus atuais adversários, não seria surpresa um golpe posterior, no sentido de apear Dilma do poder, em conchavo com os barões da mídia.
    Ele será o cavalo de troia do governo.

    Sérgio Vianna

    18 de setembro de 2010 às 02h31

    Prezado ValmontRS, eu não fiz referência a PODER. Leia lá: "… a que se dá no processo eleitoral, única via para o PT conquistar ou manter um governo.".
    Não faço confusão de PODER com GOVERNO.
    O filósofo popular já dizia: "uma coisa é uma coisa, outra coisa e outra coisa". (Acho que foi o Juarez Soares).
    Grande abraço, do Sérgio.

Alexandre Tambelli

16 de setembro de 2010 às 23h15

Azenha e Pessoal! Hoje, felizmente, o horário eleitoral da DILMA encaminhou-se bem, comparando o Governo FHC com a estagnação, desemprego, submissão, crise, FMI, etc. e o de LULA com a soberania, emprego, desenvolvimento, consumo, grandes obras, etc. É preciso politizar o programa! Só mostrar obras feitas e mostrar seriedade é pouco. A DILMA tem toda chance de ganhar no 1 turno, se politizar a campanha!

Responder

    Justino Franco

    16 de setembro de 2010 às 23h27

    Tive a mesma impressão!

    Acho que devemos comparar.

    Mostrar os dois lados!

    Sem essa de discursso bonito. Pode-se atacar, sem usar de artifícios baixos!

    jose marinho

    17 de setembro de 2010 às 09h29

    Tambem tive esta impressão , embora estou como se tivesse tomado im porre e ainda estou de ressaca.

Josnei Di Carlo

16 de setembro de 2010 às 23h07

Entre 2005 e 2006, morei sem tevê. Quando queria ver um filme, tinha o monitor do computador. Quando queria me informar, lia algumas revistas e blogs. Quando queria ver uma partida de futebol, ia para o botequim. Descobri como a qualidade de vida melhora quando você não tem uma máquina de fazer doido.

Hoje, tenho uma tevê, mas só vejo jogos de futebol e filmes. Noticiário? Nem pensar. É um alívio, pois sempre assistia aos noticiários irritado com as manipulações. Minha queimação de estômago parou.

Hoje, apenas me divirto com as manipulações dos noticiários. Vivo o mundo real, menos feio do que o mundo virtual dos noticiários.

Responder

    Marinilda Carvalho

    16 de setembro de 2010 às 23h38

    Josnei, concordo plenamente. Não vejo a Globo desde 89 (salvo os jogos exclusivos da seleção), mas sofro o dia inteiro com Globonews e Bandnews. Os blogs sujos precisam se organizar urgentemente para conquistar uma concessão de TV. Somos muitos e temos o direito a uma programação honesta.

Francisco

16 de setembro de 2010 às 23h00

Sinceramente não entendo a surpresa do presidente do PT Eduardo Dutra. O que ele espera ainda da velha mídia, espaço? Ora, o PT, especialmente de SP ainda tenta compor com a grande midia, vivem uma ilusão e por isso apanham sem piedade. Isso vai perdurar por muito tempo. Não adianta dizer que as corporações da grande imprensa brasileira se tornaram um partido, que estão na opisição porque "a oposição propriamente não faz seu trabalho", não adianta dizer ou mostrar que tais grupos estão na ofensiva muito antes da vitória de Lula e do PT em 2002, que blindam e continuarão a blindar o PSDB (espionagem tucana no RS, as denúncias de Carta Capital, etc), nada disso importa aos petistas do discurso do "paulistismo" adotado pela candidatura do Mercadante. Eles (o PT) sonham em em ter esses grupos de midia do seu lado. o PT majoritário se tornou, com o perdão da expressão, "mulher de malandro".

Responder

Lucio

16 de setembro de 2010 às 22h49

Sugestão aos ilustres marketeiros. Agora que no horário eleitoral todos já conhecem Dilma e sabem que ela é a candidata de Lula façam um contraponto. Um 'JORNAL NACIONAL" correto. Que tal um formato de telejornal com apresentador,entrevistas e até comentaristas? Esse pessoal parece competente. Dá pra fazer isso sem apelação.Separando a propaganda política do "informativo". Se estão com medo do povo ser levado pela imprensa, que tal um contraponto inteligente? Se forem competentes mesmo sai tão bom que a pessoa se esquece que é apenas um horário eleitoral e vai prestar atenção tanto quanto supostamente presta ao jornal nacional da Globo.

Responder

    Lucio

    16 de setembro de 2010 às 22h55

    Não tenho idéia das limitações impostas pela legislação eleitoral aos formatos de programas, mas se for viável estão perdendo tempo. As obras, as propostas de Dilma, etc. já foram exaustivamente mostradas. Acho que é hora de "politizar" isso aí.

    Denise

    17 de setembro de 2010 às 13h58

    Aliás, os nanicos PCO, PSTU e PSOL, PCB, com os limites de tempo e a ressalva ao discurso, estão tentando fazer isso. Onde foi parar a formação política do PT ?

    Carlos

    17 de setembro de 2010 às 11h55

    Ótima idéia, mas depende. dos limites da legislação, suponho

    Leonardo Câmara

    18 de setembro de 2010 às 01h08

    Querido, sinceramente, você só pode estar de brincadeira, né? Se houvesse oposição séria tudo bem, mas com o Zé Baixaria você acha que iria haver alguma discussão séria em segundo turno. Realiza….


Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding
Loja
Compre aqui
O lado sujo do futebol

Tudo o que a Globo escondeu de você sobre o futebol brasileiro durante meio século!