VIOMUNDO

Diário da Resistência

Sobre


Política

Dilma: “Democrata que se preza não bate em manifestantes”


11/04/2010 - 09h28

Discurso da ex-ministra Dilma Rousseff (PT) durante encontro nesse sábado, 10 de abril, com sindicalistas no Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Bernardo do Campo

“Estou aqui hoje e quero aproveitar este momento para me identificar com maior clareza. Os da oposição precisam dizer quem são. Vocês sabem quem eu sou, e vão saber ainda mais. O que eu fiz, o que planejo fazer e, uma coisa muito importante, o que eu não faço de jeito nenhum. Por isso gostaria de dizer que:

1 Eu não fujo quando a situação fica difícil. Eu não tenho medo da luta. Posso apanhar, sofrer, ser maltratada, mas estou sempre firme com minhas convicções. Em cada época da minha vida, fiz o que fiz por acreditar no que fazia. Só segui o que a minha alma e o meu coração mandavam. Nunca me submeti. Nunca abandonei o barco.

2 Eu não sou de esmorecer. Vocês não me verão entregando os pontos, desistindo, jogando a toalha. Vou lutar até o fim por aquilo em que acredito. Estarei velhinha, ao lado dos meus netos, mas lutando sempre pelos meus princípios. Por um País desenvolvido com oportunidades para todos, com renda e mobilidade social, soberano e democrático;

3 Eu não apelo. Vocês não verão Dilma Rousseff usando métodos desonestos e eticamente condenáveis para ganhar ou vencer. Não me verão usando mercenários para caluniar e difamar adversários. Não me verão fazendo ou permitindo que meus seguidores cometam ataques pessoais a ninguém. Minhas críticas serão duras, mas serão políticas e civilizadas. Mesmo que eu seja alvo de ataques difamantes.

4 Eu não traio o povo brasileiro. Tudo o que eu fiz em política sempre foi em defesa do povo brasileiro. Eu nunca traí os interesses e os direitos do povo. E nunca trairei. Vocês não me verão por aí pedindo que esqueçam o que afirmei ou escrevi. O povo brasleiro é a minha bússola. A eles dedico meu maior esforço. É por eles que qualquer sacrifício vale a pena.

5 Eu não entrego o meu país. Tenham certeza de que nunca, jamais me verão tomando decisões ou assumindo posições que signifiquem a entrega das riquezas nacionais a quem quer que seja. Não vou destruir o estado, diminuindo seu papel a ponto de tornar-se omisso e inexistente. Não permitirei, se tiver forças para isto, que o patrimônio nacional, representado por suas riquezas naturais e suas empresas públicas, seja dilapidado e partido em pedaços . O estado deve estar a serviço do interesse nacional e da emancipação do povo brasileiro.

6 Eu respeito os movimenos sociais. Esteja onde estiver, respeitarei sempre os movimentos sociais, o movimento sindical, as organizações independentes do povo. Farei isso porque entendo que os movimentos sociais são a base de uma sociedade verdadeiramente democrática. Defendo com unhas e dentes a democracia representativa e vejo nela uma das mais importantes conquistas da humanidade. Tendo passado tudo o que passei justamente pela falta de liberdade e por estar lutando pela liberdade, valorizo e defenderei a democracia. Defendo também que democracia é voto, é opinião. Mas democracia é também conquista de direitos e oportunidades. É participação, é distribuição de renda, é divisão de poder. A democracia que desrespeita os movimentos sociais fica comprometida e precisa mudar para não definhar. O que estamos fazendo no governo Lula e continuaremos fazendo é garantir que todos sejam ouvidos.

Democrata que se preza não agride os movimentos sociais. Não trata grevistas como caso de polícia. Não bate em manifestantes que estejam lutando pacificamente pelos seus interesses legítimos.

Companheiras e companheiros,

Aquele país triste, da estagnação e do desemprego, ficou pra trás. O povo brasileiro não quer esse passado de volta.

Acabou o tempo dos exterminadores de emprego, dos exterminadores de futuro. O tempo agora é dos criadores de emprego, dos criadores de futuro.

Porque, hoje, o Brasil é um país que sabe o quer, sabe aonde quer chegar e conhece o caminho. É o caminho que Lula nos mostrou e por ele vamos prosseguir. Avançando.

Com a força do povo e a graça de Deus.



Ajude o VIOMUNDO a sobreviver

Nós precisamos da ajuda financeira de vocês, leitores, por isso ajudem-nos a garantir nossa sobrevivência comprando um de nossos livros.

Rede Globo: 40 anos de poder e hegemonia

Edição Limitada

R$ 79 + frete

O lado sujo do futebol: Tudo o que a Globo escondeu de você sobre o futebol brasileiro durante meio século!

R$ 40 + frete

Pacote de 2 livros - O lado sujo do futebol e Rede Globo

Promoção

R$ 99 + frete

A gente sobrevive. Você lê!


78 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

francisco.latorre

13 de abril de 2010 às 15h58

dilma é lula.

é brasil brasileiro.

Responder

Danilo Andrade

12 de abril de 2010 às 15h43

Democracia
Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Democracia("demo+kratos") é um regime de governo onde o poder de tomar importantes decisões políticas está com os cidadãos (povo), direta ou indiretamente, por meio de representantes eleitos — forma mais usual.

Democrata é quem pratica a democracia!

Quem respeita as opniões contrarias!

Quem aceita a diversidade de culturas e raças!

Quem escuta os pobres!

Quem escuta os trabalhadores!

Quem dialoga com os trabalhadores!

Quem não manda bater em grevista!

Quem respeita o direito das minorias!

Quem respeita a soberania dos países do mundo!

Quem aceita críticas, embora injustas, sem reagir com autoritarismo e violência!

Quem respeita os adversários políticos matendo-se nas discursão ideológica, sem baixarias e ataques pessoais!

Quem não defende intereses das elites!

É o LULA!
É a DILMA!

Adicione a sua definição de democrata e repasse.

Danilo – Fortaleza, Ce

Responder

Marcos

12 de abril de 2010 às 12h15

Credito meu voto de confiança, acho que não é demagogia devido sua história de luta e parece que Dilma discursou com o coração. Parabéns!

Responder

dvorak

12 de abril de 2010 às 15h00

Dilma: “Democrata que se preza não bate em manifestantes”

Balela.Em toda democracia quando manifestantes viram baderneiros a polícia tem que intervir, inclusive com a força!!!Simples assim…Parabéns mais uma vez à PM de SP…

Responder

    mega

    12 de abril de 2010 às 18h37

    rapaz.. você É um coitado.

    Alberto Silva

    13 de abril de 2010 às 01h31

    Hummm..será que podemos então pedir a intervenção da polícia na baderna q o impressalão vem fazendo, piguiado? Ou baderneiro são só os trabalhadores, professores, a policia civil (ops!!!), estudantes, sem-terra, ´ndios, pequenos agricultores,etc?

    Clair

    15 de abril de 2010 às 23h54

    Mon Dieu!!!!

    Essa superou até o Olavo de Carvalho em seus áureos tempos.
    http://veja.abril.com.br/blog/mainardi/

JOEL PALMA

12 de abril de 2010 às 13h23

O PIG começou outra moda: CONCLUIR a partir das declarações de Dilma IDÉIAS ABSURDAS, como é o caso da fala em que ela diz que não foge (Serrágio foge do povo, dos professores, da enchente, do trânsito caótico de São Paulo, da administração pública – começa e não termina, como capricho de menino mimado: Serra é um menino mimado e mentiroso..kkkk)…vamos dar o contra-ataque: mostrar que estão INVENTANDO AS IDÉIAS…irá desmoralizar os COMENTARISTAS e mostrar o quanto o PIG está COMPROMISSADO com José Serra e as forças do atraso no Brasil, as mesmas que chamaram o BOLSA FAMÍLIA de Bolsa Esmola…kkkkk…AGORA ELES MOSTRARAM A CARA sem pudor algum…e vão ser desmascarados…kkkkk

Responder

Eduardo Marins

12 de abril de 2010 às 11h56

Se vc tenta acessar o site do PT através de site de busca, não consegue, dá que o site é perigoso e caminho de virus.
Verifiquem a picaretagem.

Responder

Melinho

12 de abril de 2010 às 10h58

DILMA PRESIDENTE

Essa mulher é DILMAIS.

Não sou o autor do DILMAIS, mas vou mandar confeccionar 50 adesivos (é o máximo que posso pagar) com meu dinheiro e distribuir com os amigos que Dilmaram. E não estou com frescura.

Responder

Fabio_Passos

12 de abril de 2010 às 00h27

A retórica é muito boa.
Vamos poder medir com segurança na medida em que as propostas concretas apareçam.

Responder

    Leonardo

    12 de abril de 2010 às 03h18

    Prezado Fabio Passo,

    Você quer resposta concreta maior do que 4 anos de governo bem sucedido. Compare a administração Dilma Rousseff com com a desastrosa administração José Dirceu e você verá a resposta a tua própria pergunta. Dilma Presidente, já!

    mila

    12 de abril de 2010 às 13h04

    Quatro anos de governo com enormes conquistas entre as quais a retirada de mais de 20 milhões de brasileiro da miseria. Dilma a frente do governo é uma das responsaveis pelo ENORME sucesso do governo Lula. Garantia de competencia e eficiencia. Já os tucanos quebraram o país tres vezes, não obstante tenham vendido empresas publicas e arrecadado 100 BILHÕES, que SUMIRAM.

    Fernando José

    12 de abril de 2010 às 12h40

    O amigo Fábio, tem uma forma fácil de você fazer isso: confirme a informação da época em a Dilma era secretária de govervo do RS, quantas vezes ela alertou ao encantado FHC sobre o risco de desabastecimento de Energia Elétrica no PAÍS. Penso que não é difícil oter esta informação. Depois voce me diz. O resto é história…

    José

    12 de abril de 2010 às 14h27

    Secretária do Olívio, eleito em 1998.
    Destaque-se: Yeda foi ministra do Planejamento de Itamar em 1993 ("Seplan Galeria de Ministros"). Ela, Yeda, adotou alguma medida – pelo menos alertou o governo – em relação aos riscos de crise no abastecimento de energia?

    Fabio_Passos

    12 de abril de 2010 às 21h50

    Refiro-me a propostas concretas para traduzir palavras em ações.

    Metas.

    Objetivos.

    Erradicar analfabetismo?
    Meta de aumento da renda do trabalho na participação do PIB?
    Meta para nível de desemprego?
    Quantos assentamentos vai fazer?

    O PAC2 é muito bom mas não é tudo.

João

12 de abril de 2010 às 02h02

Pelo visto o Ubaldo faz parte da operação "Tempestade no cerrado".
É duro ter que aguentar estes trolls por aqui.

Responder

Jair Orichio Junior

12 de abril de 2010 às 01h37

Só prá ir dormir com a certeza de ter cumprido o dever hoje.
Zé Alagão Spray de PImenta Afoga Pobre Baixa Porrada em Professor…. você é o resto dos restos da política ultrapassada que faliu junto com o Capitalismo em2008.
Fora NazitucanoDEMoniacos.

Responder

Gerson Carneiro

11 de abril de 2010 às 22h37

Esse negócio de colocar a PM pra dar porrada em manifestante é uma característica do PSDB. Lembro da PM jogando bomba na cabine de caminhão na greve dos caminhonheiros ainda na época do Mário Covas. Então vem o Serra, em seu discurso de lançamento de campanha dizer que "ouvirá os servidores, os trabalhadores e desamparados, o povo… e etc". Pra cima de mim com esse discurso trololó? Não sou trouxa.

Responder

    emanuel rego lima

    12 de abril de 2010 às 00h35

    Gerson, Veja essa noticia:

    BRASÍLIA – Seguranças e policiais militares enfrentaram na manhã desta quinta-feira cerca de 500 manifestantes que se concentravam em frente ao Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), sede provisória da Presidência. Os manifestantes – funcionários, professores e alunos da Universidade de Brasília (UnB), que estão em greve desde o dia 9 – queriam entregar uma pauta de reivindicação ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que não está em Brasília – o presidente cumpre agenda em São paulo
    O grupo tentou romper o cordão de isolamento para entrar no CCBB, mas a polícia impediu a progressão a golpes de cassetetes."
    Publicado no portal do jornal o Globo em 24/03/10 .

    Pois é…..

    Gerson Carneiro

    12 de abril de 2010 às 02h41

    Pois é… publicado aonde mesmo?
    Mas no Estado de São Paulo, nesse período todo de mando do PSDB, não me lembro de uma manifestação em que a polícia não foi lá e desceu o cacete. Como o José Serra vem dizer que ouvirá os servidores, os trabalhadores e desamparados? Por que então não ouve o povo de São Paulo que reclama diariamente da proliferação e dos excessivos preços dos pedágios? É só constatar nos jornais de Campinas-SP, por exemplo. Por que então não ouviu a recente reinvindicação dos professores? Pois é…

    Leonardo

    12 de abril de 2010 às 03h28

    Prezado Emanuel,

    Sem querer entrar na discussão do mérito sobre se Lula vai receber ou não, a questão aqui é pontual. A UNB conseguiu na justiça aquilo que considero um privilégio. Ganha mais que professores de outras federais com uma decisão judicial. Isso acontece também na UFRJ.

    Eles têm salário maior que outras federais por ter arguido na justiça a isonomia relativa ao aumento de 28% dado aos militares anos atrás. O ponto é que a comparação não cabe. A UNB foi exigir salário maior na justiça, agora que se entenda com ela, não com o executivo. Se fosse uma questão da categoria do docentes, aí sim, caberia uma comparação.

    emanuel rego lima

    12 de abril de 2010 às 13h38

    Caro Leonardo,
    Por favor… Não entrei na discussão do mérito, nem mesmo sabia o que estariam os professores da UnB pleiteando.

    Apenas tentei mostrar ao Gerson que também na sede do Governo Federal pode ocorrer essas manifestações que não estão livres de descambar para enfrentamentos e escaramuças, infelizmente.
    Foi tão somente pra contraditar a tosca ( me permita..) acusação do Gerson de que :
    "Esse negócio de colocar a PM pra dar porrada em manifestante é uma característica do PSDB."

    Obvio que não é…
    Eu sei disso, vc sabe disso e o próprio Gerson, certamente, também sabe disso….

    Gerson Carneiro

    12 de abril de 2010 às 14h43

    Não se trata de acusação, caro Emanuel, mas sim de constatação. E é tosca porque a situação é tosca. Quem acompanhou nesse blog os episódios recentes da manifestação dos professores (com o tão comentado episódio do agente infiltrado) viu o quanto foi tosca a forma de "dialogar" do governador José Serra com os servidores públicos. E nesse período todo de PSDB em São Paulo foi sempre assim. Portanto trata-se tão somente de uma constatação minha (que pode ser tosca, mas é real). É dessa forma que ele vem nos dizer que ouvirá os servidores e desamparados? Quer algo mais tosco que isso?

    Ricardo Athias

    12 de abril de 2010 às 12h22

    Onde deu a noticia?? Ha, no jornal O Globo.
    Então tá. Acredito

    emanuel rego lima

    12 de abril de 2010 às 14h30

    Ok, ok… Ricardo,

    Sei que há coisas que prefirimos não acreditar.
    A mente bloqueia, criamos impedimentos, restrições desconfianças… Qualquer coisa que nos possibilite a reconfortante sensação de que "aquilo não é possivel"….

    Mas os fatos, gostemos ou não deles, teimam em acontecer…

    Fabio

    12 de abril de 2010 às 12h04

    Vai ver que foi por isso que a presidenta do sindicato saiu "ovacionada" da última assembléia.

    José

    12 de abril de 2010 às 14h28

    Ação de provocador a soldo dos tucanos.

Lucas Cardoso

12 de abril de 2010 às 00h12

"Não me verão fazendo ou permitindo que meus seguidores cometam ataques pessoais a ninguém."

"Vocês não me verão por aí pedindo que esqueçam o que afirmei ou escrevi."

Precisa explicar ou dá pra perceber? A Dilma precisa de alguém pra checar e editar as contradições nos discursos dela. Tudo que a mídia quer é uma chance pra atacar. E tudo que eu não quero é Serra presidente.

Responder

    Alberto Silva

    13 de abril de 2010 às 01h36

    sta contradição não pode ser provada, mas tb não pode ser descartada…precisa explicar ou dá pra perceber sua intenção?

Ubaldo

11 de abril de 2010 às 23h00

A Dilma está se contendo, amarrada ao discursar com receio de falar algo que sirva de gancho para a oposição criticar. Dilma está se contendo em seu temperamento explosivo e escolhendo palavras. Dilma tenta seguir o que os marqueteiros lhe dizem e jura fidelidade ao seu criador.
Num eventual sucesso dela nas eleições o Lula terá na prática um terceiro mandato pois ela não pode deixar de ser comandada pelo seu criador pois o mesmo estará com o partido nas mãos e consequentemente com o congresso. A briga feia vai ser com o vice Temer que terá uma força nunca tida por um vice.
Entre marionete e aproveitador, perde o Brasil.

Responder

    Spok da Silva

    12 de abril de 2010 às 00h53

    Enquanto Lula não era nem Lula, Dilma já enfrentava os meganhas de farda. Presa, torturada, humilhada, ela não fugiu da luta como Serra. Logo, Dilma não é criatura de Lula, ela fez sua própria história. Mas se fosse, ótimo. Triste é ser criatura de FHC.

    José

    12 de abril de 2010 às 14h36

    Dilma tem luz própria, cara, e por certo ouvirá o Lula sempre que necessário.

    "Lula… o mesmo estará com o partido nas mãos e consequentemente com o congresso."
    Tua previsão, portanto, é de que o PT e aliados terão maioria esmagadora no Congresso?
    .
    Serra se diz doutor em Economia pela Princeton, em 1977 (governo Geisel).
    Você leu a tese? De que trata? Foi traduzida?

Roberto Locatelli

11 de abril de 2010 às 21h07

Dilma é mulher forte. Quando chegou ao Ministério das Minas e Energia, encontrou o caos deixado por FHC/Serra. E colocou ordem na casa.

Pena que o apagão de UM ANO provocado por falta de planejamento custou ao país R$ 45 bilhões. Na Ocasião, Serra era ministro do… planejamento…

Responder

    Pedro

    12 de abril de 2010 às 14h41

    Serra foi ministro do Planejamento de FHC de janeiro/95 a fevereiro ou março/96 (busque "Seplan Galeria de ministros" *), quando deixou o cargo para disputar a prefeitura de Sampa.
    Alguma iniciativa ou declaração dele em relação aos possíveis riscos de desasbatecimento de energia? Escreveu sobre?

    * Observar lá: FHC teve 6 ministros do Planejamento em 8 anos, o que demonstra a "seriedade" com que tratou o assunto…

@rodrigoprado

11 de abril de 2010 às 20h34

O ponto alto do discurso deveria a parte que ela diz que ficou e lutou. E não se exilou (ou fugiu, que deveria ser o termo certo) quando a situação esquentou.

Responder

sergio

11 de abril de 2010 às 18h29

bravo dilma estamos firmes para derrotar os vanguardistas do atraso

Responder

BRASILEIRO

11 de abril de 2010 às 17h56

da-lhes serra …!!!

Responder

    (BRASILIRO)³

    11 de abril de 2010 às 19h04

    Dalhe Dilma !!!!!

BRASILEIRO

11 de abril de 2010 às 17h54

ESTÃO DESESPERADOS KKKKKKKKKK

Responder

    José

    12 de abril de 2010 às 14h43

    Desespero é de vocês, que precisam esconder FHC.

mila

11 de abril de 2010 às 17h38

Acredito piamente na palavra de uma mulher que SOB TORTURA não cedeu.

Responder

mila

11 de abril de 2010 às 17h37

Dilma é a MULHER CORAGEM, que não foge da luta e nem cede, mesmo sob tortura.

Responder

Jair Orichio Junior

11 de abril de 2010 às 17h06

(Continuação)Como era a educação de 4 à 8º série em 1986 e como está hoje? Como estava a saúde e hoje, como estava a segurança e hoje, ou seja, quando o povo Paulista e Paulistano vai acordar para a ingerência destes caras ai?
Eu não suporto ser atropelado por estes caras, morando aqui em Paray, muito menos se morasse ai!!!
Paulistas, dêem uma resposta a este povo.

Responder

Jair Orichio Junior

11 de abril de 2010 às 17h05

Todos os dia me pergunto… Será que as pessoas inteligentes de SP, não percebem o quanto foram enganadas nestes últimos 24 anos de desgoverno no Estado e na Capital de São Paulo?
É incrível como a mídia urrava de ódio para comparar o que Lula nunca tinha feito com o que os seus adversários tinham feito de ruim, mas aos olhos da Mírdia, parecia o paraíso. Hoje que o Lula fez absurdamente melhor, que todos eles, não comparam as irresponsabilidades dos desgovernadores dos últimos 24 anos, todos NazitucanoDEMoniacos, e sem intervalo entre els com outros da oposição. Logo a derrocada do estado de SP, que caiu de 50 % do PIB nacional para 30 % é uma irresponsabilidade, ou incompetência ou roubo destes NazitucanoDEMoniacos citados.
Quando será que isto servirá como fator de comparação?

Responder

    Leider_Lincoln

    11 de abril de 2010 às 20h50

    Jair, ou eles são a minoria ou eles gostam…

    Gerson Carneiro

    11 de abril de 2010 às 21h50

    Eu acho que é a mortadela estragada que prejudica a visão. Sabe aquela coisa de comer mortadela e arrotar caviar? Pois é, no dia em que passarem a comer arroz, feijão e zóião e não terem vergonha disso talvez cure a glaucoma.

Ubaldo

11 de abril de 2010 às 16h16

"Eu não sou de esmorecer. Vocês não me verão entregando os pontos, desistindo, jogando a toalha. Vou lutar até o fim por aquilo em que acredito. "

E a implantação do Comunismo aos moldes cubanos? Conseguiu? Era uma causa boa?
Será que seu projeto atual também não é equivocado?

Responder

    Marcos

    11 de abril de 2010 às 20h23

    Ubaldo, como é que você consegue falar tanta abobrinha, cara?
    As bobagens que você fala nem merecem resposta.

    Leider_Lincoln

    11 de abril de 2010 às 20h41

    Não responda, Marcos. Ele é um troll pago e ganha por número de respostas (já que ao responder trols, desviamos da discussão). Deixe ele falar sozinho, até por que ele apenas repete as bobagens que o pessoal do tio Rei está cansado de dizer e que só convence eles mesmos.

    José

    12 de abril de 2010 às 14h46

    Nos anos 70, Henfil criou o personagem "UIbaldo, O Paranóico"…

Fernando

11 de abril de 2010 às 16h08

Então a Dilma rompeu com o Sérgio Cabral?

Responder

gilberto silva

11 de abril de 2010 às 14h58

Fantastica, Dilma é fantastica, vai acabar com o serrinha nos debates.

Responder

Dilson

11 de abril de 2010 às 14h52

Gostei da referência ao "exterminadores de futuro"…sutil lembrança do encontro do governador da califórnia com certo personagem local ano passado..

Responder

zenóbio

11 de abril de 2010 às 14h15

Bastante pertinente e ético. Dilma 2010.

Responder

O Brasileiro

11 de abril de 2010 às 14h05

A força dessa mulher ajudou Lula a fazer um dos melhores, senão o melhor governo da história desse país.
Só por isso Dilma já merece o nosso respeito e nossa estima.
Mas a história de Dilma também é motivo de orgulho para aqueles que a apóiam.
E Dilma também tem orgulho de seu partido, fundado também por Lula.
E o que todos, inclusive a oposição estão começando a perceber, é que Dilma é guerreira! Que a Dilma ganhou o respeito de Lula por defender suas posições e pelo seu trabalho. E que nos debates, a oposição vai enfrentar uma candidata muito bem preparada e com muita experiência!

Responder

@delrhuass

11 de abril de 2010 às 14h05

"Democrata que se preza não agride os movimentos sociais. Não trata grevistas como caso de polícia. Não bate em manifestantes que estejam lutando pacificamente pelos seus interesses legítimos."

Isso resume tudo. É uma concepção que nunca deve ser deixada em segundo plano. Tenta-se a todo custo colar a figura de motoSerra como alguém com atuação nesse sentido, mas o que se vê, é alguém comprometido com a elite branca, de olhos azuis e principalmente, preconceituosa. Que não consegue enxergar nada além do que o seu umbigo.

Responder

Marat

11 de abril de 2010 às 13h48

Ontem eu conversava com um senhor, no centro de SP, e chegamos a cinclusão de que nossa cidade está uma porcaria (sujeira, ignorância, barulho e violência) basicamente por dois motivos: 1) Os vereadores e deputados aqui eleitos são muito ocnservadores, direitistas radicais que adora legislar para os mais ricos e para os que têm automóveis, em detrimento dos pedestres; 2) A impren$$$a que adora esse tipo de político direitita e malandro, e adora copiar modelos de conservadorismo dos EEUU. Esse círculo mui vicioso se dá na escolha dos candidatos da impren$$$a: eles devem ser truculentos e violentos com todos aqueles que, segundo sua visão, são "agitadores" e "baderneiros". Só com mídias alternativas é que teremos forças de mudar a cara de SP e de Brasil.

Responder

    @marisps

    11 de abril de 2010 às 15h13

    Aqui em São Paulo as coisas me parecem tão difíceis. Espero estar equivocada, mas tenho a sensação que estão em nossa cidade(estado) os eleitores mais manipuláveis, reacionários e preconceituosos!

    Tenorio/SP

    11 de abril de 2010 às 17h31

    Aqui a manipulação é total, pois é o reduto do conservadorismo. Eles conseguem iludir até os mais pobres, mas até quando? Nessa eleição já espero ver mudanças. Não é possível as pessoas aceitarem tudo o que ocorre nos governos do PSDB de forma tão passiva.

    Klaus

    11 de abril de 2010 às 18h08

    Só quem vota na esquerda não é manipulável.São conscientes apenas. O pessoal da esquerda tem uma soberba, um rei na barriga, uma ideia que sao superiores intelectualmente q dá nojo. Eles leem os livros certos, da mesma forma q os livros e jornais.

    sergio

    11 de abril de 2010 às 18h46

    alem de tudo cheiram mal….é um horror….bom mesmo é a direita cheirosinha….

    Rodrigo

    11 de abril de 2010 às 19h10

    Que tal você ler um pouco de Kropotkin? Que tal você saber um pouco da história daquilo que você nivela como "esquerda"?

    Klaus

    13 de abril de 2010 às 20h33

    Rodrigo, no máximo ouço Kraftwerk.

    Ⓐnti

    31 de janeiro de 2011 às 14h09

    O reply tá meio atrasado, mas..
    Krafwerk é legal!
    Kropotkin também.

    @marisps

    11 de abril de 2010 às 22h13

    Humildes e corretos somente a direita cheirosa, né Klaus?

    Alberto Silva

    13 de abril de 2010 às 01h28

    Não, fio! Quem vota na esquerda lê de tudo, pois sabe q é importante conhecer as idéias e como pensa a direita, pois é estratégico saber o que o adversário e o inimigo pensa. Mas sei que isso é meio difícil, pra quem recebe tudo "mastigadinho" e "arrotadinho", né?

    Klaus

    11 de abril de 2010 às 18h08

    Só quem vota na esquerda não é manipulável.São conscientes apenas. O pessoal da esquerda tem uma soberba, um rei na barriga, uma ideia que sao superiores intelectualmente q dá nojo. Eles leem os livros certos, da mesma forma q os livros e jornais.

    Gustavo

    12 de abril de 2010 às 01h22

    Opa
    tem o RS, aqui o os eleitores são facilmente manipuláveis, esta ai a Yeda para confirmar….

    klaus

    11 de abril de 2010 às 18h11

    Marat, me diz uma cidade no Brasil que nao esteja uma porcaria. Te pago uma estadia de uma semana nela.

    Marcos C. Campos

    11 de abril de 2010 às 20h07

    Que é isso ? Não exagera … Depende do tipo de vida que você quer levar , vai encontrar cidades do interior do Brasil muito tranquilas e com boa qualidade de vida …

    Leider_Lincoln

    11 de abril de 2010 às 20h43

    Marat, me disseram que troll recebe por comentário que ganha. Deixe o filhote da Yeda falar sozinho. Até por que, a experiência dele é com as cidades da tucanolândia e essas estão mal na fita mesmo…

    Erivaldo de Souza

    11 de abril de 2010 às 21h37

    Santa Maria do Itabira, em Minas: quero ficar uma semana lá, "de gratis". Não foi essa a promessa???

    Rio de Janeiro. Pronto, ganhei, agora paga.

    Mossoro. Pronto, ganhei, agora paga?

    Ana

    12 de abril de 2010 às 02h15

    Rio Branco, Acre, escolas públicas fantásticas…

Marcos C. Carvalho

11 de abril de 2010 às 13h16

Enquanto isso as televisões (principalmente a famigerada Globo) vão fazendo escancaradamente a campanha de Serra.
Liberdade de imprensa pra eles é isso, fazer o que quiserem, dando ampla cobertura favorável aos candidatos conservadores. Será que o povo brasileiro ainda vai deixar ser manipulado como foi em 89?

Responder

    josé fernandes

    11 de abril de 2010 às 15h02

    se depender de mim , cada pessoa que conheço,cada amigo ,cada parente, vou mostrar as conquista desse País, nos ultimos oito anos, mostrar as diferenças do governo Lula e do governo dos tucanos , vou mostar, o que eles fizeram pela sociedade, vou demostrar a diferença do serra em relação a Dilma. sem manipular as informações como fazem o ESTADÃO,FOLHA,GLOBO,VEJA,; claro de uma forma mais simples. sem tanto detalhes.

    @jgn1957

    11 de abril de 2010 às 15h21

    Não amigo: basta o senhor Presidente da República liberar os documentos sobre a fundação da rede globo com capital estrangeiro. Basta o senhor Presidente da República liberar os documentos de contrabando pratica pela rede globo de equipamentos. E quanto a nós, devemos sempre nos lembrar que o fogo é um poderoso purificador, tanto o material como o filosófico. Há sempre uma solução final contra os inimigos do povo.
    Trair a Pátria sugere a utilização da pena capital, ou seja, a morte: o artigo 5º Inciso XLVII da Constituição Federal: – não haverá penas: a) de morte, salvo em caso de guerra declarada, nos termos do art. 84, XIX.
    Vivemos em uma época de guerra não declarada, e isto não a torna menos real. O PSDB, Jose Serra coloca em risco a existência do Estado Nacional Brasileiro ao afirmar que o nosso estado não tem dono, ou seja, é terra colonial.
    Traíção a Pátria mil vezes!!!!!!!!!!!!!!!

    Gabriel

    11 de abril de 2010 às 21h32

    Fazem a campanha de Serra e a campanha contra a Dilma.


Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding
Loja
Compre aqui
O lado sujo do futebol

Tudo o que a Globo escondeu de você sobre o futebol brasileiro durante meio século!