VIOMUNDO

Diário da Resistência

Sobre


Indígenas tomam as ruas de La Paz contra o golpe; polícia ataca com bombas; veja como foi
Política

Indígenas tomam as ruas de La Paz contra o golpe; polícia ataca com bombas; veja como foi


13/11/2019 - 15h40

Últimas unidades

A mídia descontrolada: Episódios da luta contra o pensamento único
A mídia descontrolada

O livro analisa atuação dos meios de comunicação.

A publicação traz uma coletânea de artigos produzidos por um dos maiores especialistas do Brasil no tema da democratização da comunicação.

Por Laurindo Lalo Leal Filho



3 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Zé Maria

13 de novembro de 2019 às 20h18

O Ruralismo Fascista braZileiro tinha que marcar presença em todo lugar

Sojeiros brasileiros na Bolívia compõem movimento político que derrubou Evo

Uma das principais frentes defendidas pelo Presidente Boliviano Evo Morales
foi a política de acesso à terra aos camponeses, contrariando latifundiários

A participação das Forças Armadas no golpe que impôs a renúncia
de Evo Morales foi incisiva. A ponto de eclipsar o apoio histórico dos latifundiários
ao grupo de opositores do líder boliviano. Entre esses proprietários de terra
estão os brasileiros, que começaram a cultivar soja no começo da década de 90
no leste do país — região liderada pelo município de Santa Cruz de La Sierra,
berço político do golpista Luis Fernando Camacho.

Reportagem de Priscilla Arroyo, com colaboração de Alceu Luís Castilho,
no blog De Olho nos Ruralistas

https://deolhonosruralistas.com.br/2019/11/13/sojeiros-brasileiros-na-bolivia-compoem-movimento-politico-que-derrubou-evo-morales/

Responder

Zé Maria

13 de novembro de 2019 às 18h13

https://pbs.twimg.com/media/EJNK0q-WkAAMv8R.jpg

“La tricolor es símbolo de la unidad de nuestra querida Bolivia
y la wiphala es emblema de la diversidad e igualdad
con identidad de todos los pueblos indígenas.
Ningún miembro de la Policía puede mellar
esos símbolos patrios; quien lo hace,
actúa con el racismo de Mesa y Camacho.”

“Se ha consumado el golpe más artero y nefasto
de la historia. Una senadora de derecha golpista
se autoproclama presidenta del senado
y luego presidenta interina de Bolivia
sin quórum legislativo, rodeada de un grupo
de cómplices y apañada por FFAA y Policía
que reprimen al pueblo”

“Esta autoproclamación atenta contra los arts 161, 169 y 410 de la CPE
que determinan la aprobación o rechazo de una renuncia presidencial,
la sucesión constitucional sobre presidencias del Senado o Diputados
y la Supremacía de la CPE.
Bolivia sufre un asalto al poder del pueblo.”

“Denuncio ante la comunidad internacional que el acto
de autoproclamación de una senadora como presidenta
viola la CPE de Bolivia y normas internas de la Asamblea
Legislativa. Se consuma sobre la sangre de hermanos
asesinados por fuerzas policiales y militares usadas
para el golpe”
@evoespueblo https://twitter.com/evoespueblo

Evo Morales Ayma
Presidente del Estado Plurinacional de Bolivia,
Reelegido por su Pueblo, por sufragio popular directo,
y que volverá a su tierra, a asumir su nuevo mandato,
como es: el Jefe de Gobierno y Jefe de Estado,
Capitán General de las Fuerzas Armadas Bolivianas

Responder

Zé Maria

13 de novembro de 2019 às 17h46

“Fernando Camacho,
el orgullo regional no es para dividir Bolivia,
la Biblia no se usa para mandar a matar a bolivianos
y la Constitución Política del Estado
no es para quemar instituciones.
Basta de destruir Bolivia!”

Evo Morales Ayma
Presidente Reeleito da Bolívia,
pelo Voto Popular Direto,
que volverá para assumir
o 4º e Legítimo Mandato
https://twitter.com/evoespueblo/status/1194420266111250433

Responder

Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding
Loja
Compre aqui
A mídia descontrolada

O livro analisa atuação dos meios de comunicação e traz uma coletânea de artigos produzidos por um dos maiores especialistas do Brasil no tema da democratização da comunicação.