VIOMUNDO

Diário da Resistência

Sobre


Política

Altamiro Borges: Folha omite relações de Faustino e Serra


05/12/2011 - 15h28

por Altamiro Borges, em seu blog

A seletividade da mídia é algo impressionante. A Folha de ontem (3) publicou uma matéria sobre o indiciamento de João Faustino como integrante da quadrilha que fraudou a inspeção veicular no Rio Grande do Norte. Mas ela simplesmente omitiu que o indiciado foi subchefe da Casa Civil do ex-governador José Serra e que participou do comando da sua campanha presidencial no ano passado.

Se os envolvidos neste “malfeito”, que desviou milhões dos cofres públicos, fossem da base aliada do governo Dilma, seria o maior escândalo – com direito a capa da Veja, manchete nos jornalões e comentários raivosos nas TVs. Só mesmo os ingênuos ainda acreditam na propalada neutralidade e imparcialidade da chamada “grande imprensa”. Abaixo, a matéria da Folha serrista:

*****

Promotoria denuncia diretor da Controlar

Executivo é suspeito de formação de quadrilha no Rio Grande do Norte; procurado pela Folha, não comentou o caso; 34 pessoas foram denunciadas ontem, incluindo também dois ex-governadores e um suplente de senador

FÁBIO GUIBU – DE RECIFE

O Ministério Público do Rio Grande do Norte denunciou ontem 34 pessoas sob a acusação de participar de fraudes na implantação da inspeção veicular no Estado.

Entre os denunciados estão os ex-governadores do Estado Wilma de Faria e Iberê Ferreira, ambos do PSB, o suplente de senador João Faustino (PSDB) e o diretor-presidente da Controlar, consórcio responsável pela inspeção veicular em São Paulo, Harald Peter Zwetkoff.

Os ex-governadores e o suplente foram denunciados sob acusação de envolvimento em crimes de formação de quadrilha, peculato, corrupção passiva, tráfico de influência e fraude em licitação.

Zwetkoff é acusado de formação de quadrilha, peculato e fraude em licitação. Troca de e-mails obtidas com autorização judicial revelam que ele repassou ao consórcio Inspar, do RN, as bases usadas em São Paulo para a implantação da inspeção.

Segundo a Promotoria, com as informações, o grupo fraudou a licitação, que renderia até R$ 1 bilhão em 20 anos. O consórcio pretendia implantar o esquema em outros dez Estados.

Além denunciar as 34 pessoas, os promotores apresentaram à Justiça mais dez pedidos de prisão preventiva. A suposta fraude já havia levado 13 pessoas à prisão. Ontem, cinco foram soltas. Entre eles, está João Faustino.

Os acusados também foram flagrados em escutas telefônicas, supostamente negociando acordos ilegais.

As informações foram posteriormente cruzadas com dados bancários, obtidos com ordem judicial. A promotoria apura ligações entre essas negociações e doações de campanha feitas em Estados de interesse do grupo.

Leia também:

Quem afinal é João Faustino Ferreira Neto?

Últimas unidades

A mídia descontrolada: Episódios da luta contra o pensamento único
A mídia descontrolada

O livro analisa atuação dos meios de comunicação.

A publicação traz uma coletânea de artigos produzidos por um dos maiores especialistas do Brasil no tema da democratização da comunicação.

Por Laurindo Lalo Leal Filho



46 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Jorge Nunes

06 de dezembro de 2011 às 08h17

A seletividade da mídia faz mal a própria oposição. Pois, condena o PSDB a quadros viciados contrários a renovação e a democratização na estrutura do partido. Basicamente a mídia dá consentimento ao funcionamento de uma máfia.

Se a mídia fizesse com o PSDB 10% do que faz com o PT pelo menos iriam dá guarida aos que estão dentro do PSDB para combater esta Máfia.

Por exemplo o PT está usando este denuncismo da mídia em causa própria, está queimando ministros não muito simpáticos a sigla. O que derrubou Lupi foram notícias plantadas (pelo PT?).

Isso também é perigoso, temos uma mídia colhe notícias plantadas acriticamente sem ao menos confirmar a fonte. Claro que cega pela ideologia neoliberal acaba sendo usada (tá duvidando é só comparar os ministros que cairam e sua relação com o PT, nenhum deles estavam na lista de natal do PT (menos Orlando Silva, que foi vítima da própria luta contra a máfia.)).

Isso é ruim, de um lado a mídia cria uma máfia do outro incentiva a queimação e causa própria da política, abrindo caminho para ala do PT mais purista contra a política de alianças.

Ou seja nossa mídia está fazendo um desserviço para a nossa democracia.

Responder

Raphael Tsavkko

06 de dezembro de 2011 às 04h10

O quadrinho que abre o texot é emblemático. O tucano deveria ter uma estrela do PT no peito, já que o partido agora também entrou na fara das privatizações. Os aeroportos que o digam!

Responder

Luiz Fortaleza

06 de dezembro de 2011 às 01h33

Já publicaram aqui o video do governador CID GOMES, irmão do CIRO GOMES, negociando a desapropriação de terrenos onde moram os pobres favelados, próximo a linha do futuro metrô, para dar espaço pra especulação mobiliária? Vejam aí a negociata com os empresários da construção civil…
http://www.youtube.com/watch?feature=player_embed

Responder

Jandira Feghali: Taxar 997 milionários levantaria R$ 10 bi para a saúde pública | Viomundo - O que você não vê na mídia

06 de dezembro de 2011 às 01h16

[…] Folha “esquece” que Faustino amava José […]

Responder

Euler Conrado

06 de dezembro de 2011 às 01h01

Tudo bem concordo e assino embaixo sobre o caráter seletivo da mídia golpista. Mas, pergunta-se: o que a esquerda, inclusive a que supostamente está no governo federal, tem feito para mudar esta realidade? O que se observa é que se não fossem as vozes independentes, através da blogosfera, estaríamos totalmente a mercê dos canalhas da mídia golpista. Está passando da hora de se construir no Brasil alternativas de mídia popular, especialmente TVs e rádios, controladas diretamente pela comunidade dos de baixo. Pô, se a Petrobras e outras empresas mais podem dar dinheiro para estes caras tramarem golpes o dia todo, por que não podem ajudar a financiar mídias independentes?

Responder

    jose

    06 de dezembro de 2011 às 11h55

    Pois é Euler, PORQUE?

ZePovinho

05 de dezembro de 2011 às 23h13

http://congressoemfoco.uol.com.br/suplente-de-agr

Suplente de Agripino é denunciado à Justiça

Além de João Faustino, os ex-governadores Wilma de Faria e Iberê Ferreira estão entre os 34 acusados pela Operação Sinal Fechado. Formação de quadrilha, corrupção e tráfico de influência são alguns dos crimes atribuídos aos três políticos

Conexão paulista

Entre os denunciados, também está o empresário Harald Peter Zwetkoff, presidente da Controlar, concessionária do serviço de inspeção veicular na cidade de São Paulo. A retomada de um contrato entre a empresa e a prefeitura da maior cidade do país levou a Justiça paulista a bloquear os bens do prefeito Gilberto Kassab (PSD) e a pedir nova licitação por conta de uma série de irregularidades apontadas pelo Ministério Público de São Paulo.

No pedido dos promotores do Rio Grande do Norte, Harald Peter é denunciado pelos crimes de formação de quadrilha, peculato e fraude em licitação. Segundo as investigações, o presidente da Controlar exportou o modelo de inspeção veicular adotado na capital paulista para a potiguar por meio de contatos com o lobista Alcides Ferreira Barbosa. Os dois acertaram, de acordo com a acusação, que a Controlar não participaria da licitação em Natal. Em grampos telefônicos, Alcides dizia ter recebido do próprio prefeito Kassab a garantia de que a empresa não entraria no novo mercado. Em nota divulgada na semana passada, a empresa paulista afirmou não ter qualquer relação com o caso investigado no Rio Grande do Norte.

Veja a relação dos denunciados pelos promotores e quais os crimes atribuídos a cada um deles:

1. George Olímpio: formação de quadrilha, extorsão, peculato, fraude em licitação, dispensa ilegal de licitação e corrupção ativa.

2. João Faustino: formação de quadrilha, extorsão, peculato, corrupção passiva, tráfico de influência e fraude em licitação.

3. Wilma de Faria: formação de quadrilha, peculato, corrupção passiva, tráfico de influência e fraude em licitação…………………………………………………………………

Responder

    jose

    05 de dezembro de 2011 às 23h36

    #ControlarJoaoFaustinoSerra

nadiê

05 de dezembro de 2011 às 23h02

Tenho tentado ver todos os jornais televisivos, mas não encontrei nenhuma matéria que fizesse alusão à prisão de João Faustino com o envolvimento dos tucanos paulistas. Álgo me diz que Agripino Maia também tá dentro desse imbróglio, mas estão tentando deixá-lo fora.
É correto os blogues, todos considerados, sujos pelo PIG, darem mais e mais visibilidade a esse caso, como fizeram com o caso-Chevron. Se dependermos do PIG, uma linha sequer teremos.

Responder

Marcio H Silva

05 de dezembro de 2011 às 22h29

Esta simbiose PIG + Direita é uma quadrilha de bandidos, pior que a máfia Italiana.

Responder

Alex Gonçalves

05 de dezembro de 2011 às 21h31

Há 2 semanas postei no site de Guilherme Barros(IG), chamando a atenção para uma nota marota em que ele (assim como toda a mídia) desviava a culpa e o assunto CHEVRON para a ANP e Petrobrás. Fui cortado. Repeti e pedi pra que ele publicasse e desse um verniz de 'imparcialidade' ao site. Fui cortado.

Semana passada comentei em um colunista do Yahoo que tentava reavivar a campanha contra Lula no Sírio, um texto cheio de veneno, com direito a preconceito contra o Nordeste. Fui cortado.

Fora outras tentativas de comentários ao longo do ano desde a eleição, em portais do PIG. Sempre com respeito, mas escancarando a hipocrisia dos 'calunistas'. Sempre cortado.

Leio sempre comentários de como o Noblat e cia cortam a vontade questionamentos honestos.

E eles deixam a galera e trolls ultra repetitivos comentarem a vontade com mensagens do mais baixo calão contra Lula, Dilma, etc.

Nassif, PHA, Azenha, Eduardo Guimarães, etc, dão um mole danado pra trolls que pintam e bordam. Com técnicas manjadíssimas de trolagem. Se não vão cortar todos os trolls, pelo menos fiquem mais espertos e tentem utilizar melhor o bom senso.

Responder

    Alex Gonçalves

    05 de dezembro de 2011 às 23h15

    Ótima resposta do Eduardo Guimarães ao mesmo post:

    """Mas Alex, como vou cobrar liberdade de expressão desses que a sufocam se eu mesmo agir como eles? Esperto como, devo ficar? Só não permito que insultem os outros, mas não tenho medo do que julgam ser argumentos. Pelo contrário, acho bom quando tentam argumentar alguma coisa pois assim me ajudam a saber o que andam inventando por aí."""

    É verdade. Fico p. com a censura do PIG, não devo querer que os blogs sujos tenham o mesmo padrão de comportamento.

    Alvaro Tadeu Silva

    06 de dezembro de 2011 às 00h34

    Alex, na Folha On Line eles publicam xingamentos e baixarias contra o governo federal e escrevem que não têm responsabilidade sobre os comentários, ao mesmo tempo em que censuram os comentários das pessoas bem informadas e progressitas, os blogs sujos deveriam informar, sem censurar, "atenção leitores, trata-se de um troll".

Marcelo de Matos

05 de dezembro de 2011 às 20h58

(parte 2) “A retomada de um contrato entre a empresa e a prefeitura da maior cidade do país levou a Justiça paulista a bloquear os bens do prefeito Gilberto Kassab (PSD) e a pedir nova licitação por conta de uma série de irregularidades apontadas pelo Ministério Público de São Paulo”. E também as ligações perigosas entre o DEM potiguar e o PSDB: “O suplente do presidente do DEM é um velho conhecido dos tucanos. Foi secretário de Assuntos Federativos da Presidência da República no governo Fernando Henrique Cardoso (PSDB) e subchefe da Casa Civil do então governador de São Paulo, José Serra (PSDB), por dois anos e meio. Exerceu três mandatos de deputado federal. Concorreu sem sucesso ao governo do Rio Grande do Norte em 1986”.

Responder

Marcelo de Matos

05 de dezembro de 2011 às 20h57

(parte 1) O UOL publicou, com pouco destaque, matéria do site Congresso em Foco: “O Ministério Público Estadual do Rio Grande do Norte denunciou à Justiça o suplente do senador e presidente do DEM, José Agripino (RN), João Faustino (PSDB-RN), e os ex-governadores Iberê Ferreira (PSB) e Wilma de Faria (PSB) por envolvimento num esquema de fraude no Detran-RN”. “João Faustino, suplente de Agripino, é citado no inquérito como "lobista" do esquema que pretendia arrecadar mais de R$ 1 bilhão com fraudes no Detran”. Isso sim é grave e o PIG continua na miúda. E que dizer dos escândalos em Sampa? Aliás, há uma interpenetração desse escândalo com o da Controlar paulista: “Entre os denunciados, também está o empresário Harald Peter Zwetkoff, presidente da Controlar, concessionária do serviço de inspeção veicular na cidade de São Paulo.

Responder

Cesar Augusto

05 de dezembro de 2011 às 20h44

Se pensar um pouco, pior que serra (minúsculo) e faustino (minúsculo) é a podridão da famíglia frias. o otarinho simplesmente rouba o direito de todo cidadão de ter acesso a informação. Se o cidadão buscar informação em sites e blogs mais independentes fica sabendo de tudo de ligação entres os delinquentes. Quanto ao exército da redação lembe-botas dos frias, todos quietinhos. Pra mim, as cinco famíglias do pig são piores que qualquer ladrão deste país. Piores, inclusive que os ladrões da privataria, entreguistas, protetores de ladrão, corruptos. Com a palavra, frias, sirotskis, mesquitas, marinhos e civitas (qual o denominador comum desses irmãos "pra lá de fraternos" ?????

Responder

FrancoAtirador

05 de dezembro de 2011 às 20h43

.
.
BIOGRAFIA

JOÃO FAUSTINO FERREIRA NETO, na época em que prefeitos de capitais e governadores eram escolhidos pela DITADURA MILITAR, foi Secretário de Educação do Município de Natal, entre 1971 e 1972, e Secretário de Educação do Estado do Rio Grande do Norte, entre 1975 e 1979.

Em 1978, elegeu-se pela primeira vez deputado federal, então filiado a ARENA, partido que deu sustentação política aos GENERAIS DITADORES MILITARES.

Seria reeleito em 1982 e novamente eleito em 1990. Exerceria como suplente entre 1997 e 1998.
Pertenceu ao PDS, PFL e atualmente é filiado ao PSDB.

Entre 1999 e 2002 exerceu cargos na Presidência da República no governo FERNANDO HENRIQUE CARDOSO (PSDB-SP).

Eleito em 2002 como 1º suplente do Senador Garibaldi Alves Filho (PMDB-RN), exerceu o mandato entre 15 de julho e 12 de novembro de 2010. Com a licença de Garibaldi para assumir o Ministério da Previdência Social, volta a exercer o cargo em 1º de janeiro de 2011, concluindo o mandato até dia 31 do mesmo mês.

Foi subchefe da Casa Civil do Governo do Estado de São Paulo, então subordinado ao hoje SENADOR ALOYSIO NUNES FERREIRA (PSDB-SP), na administração do então governador JOSÉ SERRA (PSDB-SP).

Nas eleições de 2010, foi eleito novamente 1º SUPLENTE, desta vez do SENADOR JOSÉ AGRIPINO MAIA (DEM-RN).

Também em 2010, foi COORDENADOR DA CAMPANHA ELEITORAL, NO NORDESTE, DO CANDIDATO DO PSDB À PRESIDÊNCIA, JOSÉ SERRA (PSDB-SP).
.
.
Será que a ENXOVALHADA DE S.PAULO publicaria essa biografia ?
.
.

Responder

sergio

05 de dezembro de 2011 às 20h12

Folha: de rabo preso com os demotucanos.

Responder

    SILOÉ-RJ

    06 de dezembro de 2011 às 23h26

    E vice- versa.

Julio Silveira

05 de dezembro de 2011 às 19h01

Esses grupos são estrábicos, com viés de visão sempre para a esquerda.
Pela direita passa tudo.

Responder

Paulo Villas

05 de dezembro de 2011 às 18h37

O que a Folha escreve não se lê.

Responder

Helder

05 de dezembro de 2011 às 18h32

Depois de receber uma grana dos tucanos? É ruim hein… a Foia não morde a mão que a alimenta.

Responder

    SILOÉ-RJ

    06 de dezembro de 2011 às 23h29

    Do jeito que a coisa anda preta pra folha, já já, para salvar a pele, ela morde a mão de qualquer um.

CC.Brega.mim

05 de dezembro de 2011 às 18h17

o pessoal tá furioso.
todo mundo foi explorado humilhado abusado
pela controlar aqui em sampa.

botei um post lá no vai encarar sobre a fraude
e bombou..
cheio de comentários indignados..
parecia que a eleição já tinha começado..

é esse o mote: caos urbano

Responder

Gustavo Pamplona

05 de dezembro de 2011 às 18h15

A seletividade do "Vi o Mundo" é algo impressionante também.

Eu nem sei porque eu perco meu tempo comentando aqui mais…

Responder

    Carla Lipton

    05 de dezembro de 2011 às 21h46

    Pergunta se eles vão publicar a matéria da mesma revista Época sobre o Silvio Santos e grana pública que ele meteu a mão no caso do Panamericano… aquele da bolinha…

    Marcio H Silva

    05 de dezembro de 2011 às 22h32

    O que está havendo Pamplona. O que te aflige?
    Ultimamente andas muito amargurado.
    Conta pra gente e tire este fardo das suas costas….

    Alex Gonçalves

    05 de dezembro de 2011 às 22h33

    Ô Rapá, cê disse que ia embora e não voltava mais. E olha que até concordei na parte em que reclama da falta de organização do site do Azenha. Mas promessa é pra ser cumprida. Vamos lá, faz um esforço!

    pedro

    05 de dezembro de 2011 às 22h34

    Não basta MG ser celeiro de politicos escrotos e corruptos, ainda vem voce nos envergonhar, pelamor não espalhe que voce é mineiro, nossa barra já está suja o bastante não precisa da sua ajuda pra nos envergonhar mais, cala a boca manoteiro!

    Almir

    05 de dezembro de 2011 às 22h37

    Ok. Vire à direita e vá até o site da Veja. Lá você não vai encontrar seletividade de jeeeeito algum.

    betinho2

    05 de dezembro de 2011 às 23h01

    Pois é, aqui você comenta, e faz tempo, não é mesmo? Sabe, te invejo, você é um cara de sorte. Comenta aqui e e em qualquer daqueles locais que fazem "reporcagens", onde você deve ser prata da casa. Já nos outros não temos a mesma sorte, só conseguidos comentar em blogs DEMOCRÁTICOS.

    Alvaro Tadeu Silva

    06 de dezembro de 2011 às 00h36

    Gustavo Pamplona, não perca seu tempo comentando aqui. Seu tempo é muito valioso e deve ser empregado comentando as calúnias da imprensa fascista. Lá, você se sente à vontade. Vaya com Dios.

    ana

    06 de dezembro de 2011 às 13h25

    se for por falta de adeus….

    Julio Silveira

    06 de dezembro de 2011 às 18h17

    Tu com essa lenga lenga fica parecendo aqueles velhos ranzinzas e reclamões.

otávio

05 de dezembro de 2011 às 18h01

O Serra pode ter empresa de consultoria, mas o Pimentel não.
"Sem cargo eletivo, Serra abre empresa de consultoria". Que coincidência, o Pimentel também não tinha nenhum cargo eletivo quando abriu a empresa de consultoria. PIG só enxerga podre onde não tem se for do Governo. http://www.estadao.com.br/noticias/impresso,sem-c

Responder

Fred Oliva

05 de dezembro de 2011 às 17h51

As manchetes da Folha continuam sendo feitas pelos marketeiros do PSDB. Já saem prontinhas para serem usadas nos comerciais do Partido e, futuramente, no horário gratuito. A sintaxe carrega tantos vícios de linguagem que nem um mau jornalista conseguiria produzi-las. Apenas como exemplo as duas últimas, de domingo e de hoje:

Domingo: "Situação de Lupi é insustentável, avisa o governo"
Segunda: "Lupi é sexto ministro de Dilma a cair sob suspeita"

E de Serra, Kassab, Faustino e Controlar nada que sugira que São Paulo está sob a suspeita de um desvio superior a R$ 4 BILHÕES e que, tudo indica, Kassab tenha utilizado o cadastro de motorista da cidade para formular as listas de eleitores que deram base "legal" para a formação de seu novo Partido.

Responder

baader

05 de dezembro de 2011 às 17h50

então vamos repetir à exaustão: o tal Faustino foi subchefe da casa civil do sr.Serra governador de SP.
o tal Faustino foi subchefe da casa civil do sr.Serra governador de SP. o tal Faustino…

Responder

    Geysa Guimarães

    09 de dezembro de 2011 às 18h49

    Seria oportuno acrescentar que o chefe era o senador Aloysio Nunes. Que, segundo se sabe, pegou um avião e foi visitar o amigo no xadrez, lá em Natal.

Luiz Santos

05 de dezembro de 2011 às 17h45

Pois é, mais e mais do mesmo, e quem enfrenta isso, além da blogosfera? Temos que propagar o quanto mais esse tipo de situação.ACORDA BRASIL.

Responder

    luiz

    05 de dezembro de 2011 às 22h44

    Quem mais propaga além da blogosfera? A tv publica!!!! Ah não? A tv publica é igual ao PIG?? Vixi…

Oráculo

05 de dezembro de 2011 às 16h53

Imparcialidade? Da Folha? É querer muito.
Esse escândalo vai aparecer no horário eleitoral gratuito. Até lá ele vai ficar hibernando feito urso.

Responder

    SILOÉ-RJ

    05 de dezembro de 2011 às 20h52

    Você está esqueçendo das repercurções dos blogs sujos.
    A notícia do traidor William Wack bombou na Internet, a da Chevron , idem.
    .É ruim desse urso hibernar, o PT pode pedir CPI também, e já!!!

    leo

    05 de dezembro de 2011 às 22h38

    PT paulista pedindo cpi? Hahahahaha é cada piada boa que se lê por aqui heim? O pt paulista é mais tucano que o psdB .

    Maria Olimpia

    06 de dezembro de 2011 às 17h59

    Leo,
    Você está muito enganado. O PT paulista só não número suficiente para emplacar uma CPI, mas tem coragem para isso. Infelizmente o governo do SP tem a Assembléia na mão, pois a base aliada(alienada)consegue impedir até convite de secretário de estado para prestar esclarecimentos. É maioria. Dos 94 deputados, a oposição é só o PT(24 dep.),o Psol(1 dep.) e o PCdoB(acho que 2 dep.), portanto, 27 deputados da oposição não conseguem emplacar nada contra o desgoverno do PSDB. entendeu?

    José Vitor

    06 de dezembro de 2011 às 21h07

    Acho que os deputados do PT paulista podiam fazer muito mais barulho, tentar criar notícia, serem proativos e transgressivos.

    Estão acomodados nessa posição de "coitadinhos" e não lutam, não tentam criar seu espaço.

    Aliás, nem mesmo os nomes dos deputados a gente sabe (eu, pelo menos, não me lembro), de tão quietinhos que eles são.

    Mesma coisa para os deputados federais do PT: são acomodados, vivem apanhando da mídia e não se mexem, não retrucam, não agem, são umas moscas mortas.

    Dá raiva esses deputados.

Roque

05 de dezembro de 2011 às 16h29

O fruto no pé ou amadurece ou cai podre. A Folha está mais para a fase de apodrecer e cair…

Responder

Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding
Loja
Compre aqui
A mídia descontrolada

O livro analisa atuação dos meios de comunicação e traz uma coletânea de artigos produzidos por um dos maiores especialistas do Brasil no tema da democratização da comunicação.