VIOMUNDO

Diário da Resistência


Altamiro Borges: Datafolha confirma que Bolsonaro derreteu e seu governo é um fiasco
Jair Bolsonaro preside a solenidade de cumprimentos aos novos Oficiais Generais promovidos das Forças Armadas. Foto Antônio Cruz/Agência Brasil
Política

Altamiro Borges: Datafolha confirma que Bolsonaro derreteu e seu governo é um fiasco


08/04/2019 - 10h53

Datafolha confirma: Bolsonaro derreteu!

Por Altamiro Borges, em seu blog

Perto de completar 100 dias, da chamada lua de mel de qualquer governante, o laranjal de Jair Bolsonaro – que reúne milicos rancorosos, abutres financeiros, corruptos velhacos, fundamentalistas religiosos e milicianos fascistas, entre outros trastes – já derreteu.

Pesquisa Datafolha divulgada neste domingo (7), que deixou o “capetão” irritado no Twitter, evidencia que o seu governo é um fiasco.

Caso não consiga entregar a fatura – principalmente a “deforma” da Previdência – à cloaca burguesa que financiou a sua chegada ao poder, Jair Bolsonaro poderá ser defenestrado antes mesmo do término legal do seu mandato.

Segundo a pesquisa, o fascistoide completa três meses no Palácio do Planalto com a pior avaliação entre todos os presidentes eleitos para o primeiro mandato desde a redemocratização: 30% dos brasileiros consideram sua gestão ruim ou péssima.

Com o mesmo tempo de governo, seus antecessores tiveram melhor desempenho.

Collor de Mello foi reprovado por 19% em 1990; o tucano Fernando Henrique Cardoso marcou 16% de índices ruim ou péssimo em 1995.

Já Lula e Dilma Rousseff (PT) foram avaliados negativamente por apenas 10% e 7% da população ao fim dos primeiros três meses de governo.

A situação de Jair Bolsonaro fica mais dramática porque ele começa a perder o apoio da “classe mérdia”.

Como registra Igor Gielow, da Folha, “há sinais de alerta para o bolsonarismo em dois grupos que apoiaram consistentemente o então candidato na campanha de 2018.

Os que ganham mais de 10 salários mínimos e os que têm curso superior registram numericamente também a maior rejeição ao governo até aqui: 37% e 35%, respectivamente, avaliam a gestão como ruim ou péssima”.

O “capetão” só mantém sólido respaldo entre os manipulados neopentecostais.

“O eleitorado evangélico (34% da população) segue mais entusiasmado com o presidente, que é católico, mas foi batizado por um pastor e é fortemente associado ao setor. Acham o governo até aqui ótimo ou bom 42% desse segmento, índice que cai a 27% entre católicos (50% dos brasileiros)”.

A questão que perturba o bordel é se esse apoio será mantido com a proposta do fim da aposentadoria para os trabalhadores.

A mídia descontrolada: Episódios da luta contra o pensamento único
A mídia descontrolada

O livro analisa atuação dos meios de comunicação.

A publicação traz uma coletânea de artigos produzidos por um dos maiores especialistas do Brasil no tema da democratização da comunicação.

Por Laurindo Lalo Leal Filho



2 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

lulipe

09 de abril de 2019 às 14h19

O datafalha, ops, Datafolha, é o mesmo que disse que o mito não iria pra o segundo turno. Depois, se fosse, perderia pra qualquer candidato. Fala sério! Tem tanta credibilidade quanto um “não sabia de nada” do presidiário…

Responder

Zé Maria

08 de abril de 2019 às 21h58

https://pbs.twimg.com/media/D3o3TQPXsA0KjEk.png
“Quando um Comunista ou Socialista chegar pra você,
com papo frõin-õin-õin, enhê-nhê-nhê-nhêin,
você pega ele e manda ele praquele lugar, xinga ele,
faz o que o Prof. Olavo diz, xinga, xinga, xinga” …
Novo Ministro do MEC

Agora vai!

https://twitter.com/i/status/1115276137243074565

Responder

Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding
Loja
Compre aqui
A mídia descontrolada

O livro analisa atuação dos meios de comunicação e traz uma coletânea de artigos produzidos por um dos maiores especialistas do Brasil no tema da democratização da comunicação.