VIOMUNDO

Diário da Resistência

Sobre


Denúncias

O procurador, o sigilo e a explicação de Dilma


17/06/2011 - 13h16

16/06/2011 – 18:36

Para procurador-geral, segredo de orçamento da Copa é ‘absurdo’

Felipe Seligman, de Brasília, na Folha de S. Paulo

O procurador-geral da República, Roberto Gurgel, afirmou que é “absurda, escandalosamente absurda” a medida provisória aprovada na Câmara na noite desta quarta-feira, que prevê a manutenção em segredo de orçamentos feitos por órgãos federais estaduais e municipais para obras da Copa de 2014 e da Olimpíada de 2016.

“A serem procedentes as matérias, [a MP] é uma coisa, para pouco dizer, absurda, escandalosamente absurda. Você não pode ter despesa pública protegida por sigilo. Vi menção que haveria previsão de órgãos de controle teriam notícia. Como é que a sociedade pode ser privada do acesso a informações relacionadas a despesa pública?”, afirmou.

Ele ainda disse que o governo está buscando contornar problemas, pois as obras estão atrasadas.

“O que está acontecendo é que estas obras estão muito atrasadas e o governo busca, então, meios de se contornar esses problemas”, disse Gurgel.

“Quer dizer, a simplificação é de tal monta que acaba inviabilizando em alguns aspectos o procedimento licitatório que é uma exigência.”

O procurador-geral avalia que eventos deste tamanho impõem “que os cuidados sejam redobrados”.

“Exatamente por ser um chamado megaevento, as despesas também são megadespesas, e por isso impõe que os cuidados com essas despesas sejam ainda maiores”, finalizou.

PS do Viomundo: Pelo jeito a assessoria de Dilma descobriu o óbvio: a presidenta precisa dar mais entrevistas, especialmente sobre os temas polêmicos. Reproduzido abaixo vídeo indicado por internauta que viu no Tijolaço, do Brizola Neto.



Ajude o VIOMUNDO a sobreviver

Nós precisamos da ajuda financeira de vocês, leitores, por isso ajudem-nos a garantir nossa sobrevivência comprando um de nossos livros.

Rede Globo: 40 anos de poder e hegemonia

Edição Limitada

R$ 79 + frete

O lado sujo do futebol: Tudo o que a Globo escondeu de você sobre o futebol brasileiro durante meio século!

R$ 40 + frete

Pacote de 2 livros - O lado sujo do futebol e Rede Globo

Promoção

R$ 99 + frete

A gente sobrevive. Você lê!


190 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Lousan

20 de junho de 2011 às 11h58

e alguem tinha duvida de que isso nao iria acontecer? tudo vira motivo pra corrupção, vamos montar uma cooperativa pra construir um estadio?

Responder

Eduardo

19 de junho de 2011 às 17h06

Azenha,
A reação das empreiteiras nos conduz ao raciocínio de que elas iriam faturar rios de dinheiro e muita mais entraria pelo ralo da corrupção. A MP é um banho de água fria na voracidade de corruptores e corrompidos. O Procurador Geral parece estar um pouco atarantado e desinformado. O problema a ser enfrentado de frente chama-se CBF.

Responder

beattrice

19 de junho de 2011 às 16h27

Esse procurador é o mesmo que não viu ilicitude no EX-ministro Palocci, então tá.

Responder

Pedro Cruz

19 de junho de 2011 às 16h09

Azenha, a Carta Maior pública um artigo dizendo que as empreiteras não aceitam a " Medida provisória anti cartel" e estão investindo contra a mesma. Se não é boa para as empreiteras é boa para erário público.

Responder

Evandro

19 de junho de 2011 às 15h32

O Gurgel está bravinho porque o Palocci foi demitido mesmo após ter recebido um habeas corpus moral do referido procurador.

Se o Palocci ficasse no cargo, o Gurgel teria mais moral na Casa Civil do que o Ronaldinho Gaúcho nas boates do Rio de Janeiro…

O procurador já devia até ter se imaginado rasgando as madrugadas e arrebentando no mundão com o Palocci… Aí vem a tia chata da Dilma e estrada tudo…

Responder

Bernardo

19 de junho de 2011 às 13h51

Uma lida nesta matéria foi interessante para clarificar o assunto:
http://www.cartamaior.com.br/templates/materiaMos

Responder

Tiago

19 de junho de 2011 às 13h16

Veremos então no fim dos eventos, se o governo gastou mais do que o previsto ou não.

Veremos se os gastos não foram extrapolados a seis meses do inicio dos eventos, "sob regime de urgência".

Com todo o respeito, lamentável este blog defender o governo, ao invés de defender o Brasil. Isso é que é ser "progressista"?

Dá dó da "esquerda" brasileira, que defende corruptos e assassinos e que responde a tudo com "é o PIG, é a direita, nunca antes na história desse país"…

Responder

Go Oliveria

19 de junho de 2011 às 13h00

O Palácio do Planalto precisa, isto sim, e com urgência, de um Porta Voz contundente, eficiente e eficaz que fale mais alto que a Urubóloga, a Hippócrita e o Resenha.

Responder

    gilberto

    21 de junho de 2011 às 00h03

    "No documento em que condena a idéia de ocultação do orçamento, resultado de uma reunião de dirigentes da entidade realizada dia 18 de maio, a CBIC faz uma série de críticas ao RDC, mostrando que o setor não concorda com a essência da proposta.

    Para o governo, este é o motivo de a aprovação do RDC na Câmara dos Deputados, especialmente no caso do “orçamento oculto”, ter sido noticiado de forma condenatória. Na imprensa, prevaleceu, num primeiro momento, a interpretação de que o governo queria “esconder” os gastos com Copa e Olimpíada.

    Um ministro disse à Carta Maior que tal interpretação foi “com certeza” patrocinada pelos empreiteiros. Segundo um técnico do governo, “grandes empreiteiras” estariam por trás do balizamento do noticiário sobre o RDC porque querem continuar se beneficiando de brechas na Lei de Licitações tradicional. O objetivo seria desmoralizar a idéia do RDC perante a opinião pública, para que o Congresso não o aprove.

    Derrotadas na Câmara, as empreiteiras preparam-se agora para fazer lobby no Senado contra o RDC."

    Não se trata de porta voz"

Eli Braz

19 de junho de 2011 às 12h35

Se a presidenta sempre vier a público dar esse tipo de explicação, sobre qualquer tema polêmico, vai afundar de vêz o PIG, seria bom também vir em horário nobre anunciar as boas notícias, O povo gosta muito disso,

Responder

John

19 de junho de 2011 às 11h39

Procurador devia ter a ética de nunca dizer besteiras em publico sem ter exato conhecimento da matéria.
Estamos cheios de ver politicos dizendo besteiras.
Procuradores são para nos defender das besteiras, não para aumentá-las.

Responder

Renato Lira

19 de junho de 2011 às 10h42

Vou mandar este vídeo pros "sabichões" e metidos a "paladinos da ética jornalística" da ESPN, que, de forma leviana e irresponsável, aderiu ao PIG para detonar (certamente sem ler) a MP, utilizando inclusive práticas odiosas e nojentas da mídia-latrina, como desinformação, manipulação da notícia, linchamento de reputações, inversão da verdade.

Há muito venho questionando a postura da ESPN. Mas dpois deste episódio, concluí que a ESPN é igual a todos os outros órgãos do lixo jornalístico brasileiro. Se diz diferente mas são iguaizinhos, farinha do mesmo saco. A única diferença é sua arrogância imperial de supostos "donos da verdade e da ética jornalística".

Responder

Zé Fake

19 de junho de 2011 às 09h47

Está fazendo falta um código de conduta no judiciário e correlatos (STF, MP e PGR entre eles) pelo qual as pessoas executando essas funções possam ser responsabilizadas. A atitude do PGR foi vergonhosa e imprudente. E que a tal o comportamento da dra. Sandra Cureau nas eleições de 2010 ? E que tal o procurador Blat em SP, que em todas as eleições aparece com o caso da Cabesp ? (Vamos ver agora em 2012). E que tal o Gilmar Mendes e suas atividades paralelas ao STF ? Enfim, quando é que a sociedade brasileira vai enfrentar essa instituição arcaica e aristocrática, esse resquício de feudalismo que é o poder judiciário (e seus correlatos) ?

Responder

JOSE DANTAS

19 de junho de 2011 às 07h00

O Brasil é o país da demagogia e a figura que assume cargo público e eletivo, geralmente embarca nessa onda em busca dos votos da maioria ou acaba se tornando polêmica caso exponha o que realmente pensa, já que cada cabeça é um mundo e no final todos os sinceros são mal interpretados por aqui. Alguém pode ser a favor do aborto porém não pode assumir esse posicionamento em publico. Um procurador-geral da república, por exemplo, não precisa ser demagogo, pois não depende de votos e nem de coisa nenhuma, já que é intocável, mesmo se pronunciando sobre um assunto dessa importância sem procurar se inteirar da essência do mesmo, tentando dar a sua contribuição para que a copa não se realize no Brasil e assim alguém tire vantagens políticas desse fato. O povo brasileiro aprendeu a condenar políticos, de tantos rolos que já viu. É hora desse mesmo povo aprender a condenar outras figuras, que ganham salários astronômicos e não cumprem com suas obrigações como deveriam, ou seja, com o mínimo de respeito por quem realmente os paga.

Responder

Gilberto

18 de junho de 2011 às 23h04

Quem sabe em breve a PGR solicitará ao STF que se pronuncie sobre a constitucionalidade das empreiteiras combinarem preço.
Por falar em STF, não seria o caso de tornar inconstitucional toda a legislação restritiva ao fumo, afinal maconha tb é fumada.

Responder

SILOÉ -RJ

18 de junho de 2011 às 22h59

Dessa vez o rodízio de mamatas das empreiteiras acabou, viu SR PROCURADOR!!!
E só uma sugestãozinha básica: De agora em diante se quIser ficar bem informado e não falar besteiras, é só ler os BLOGS SUJOS, OK???

Responder

    eli

    19 de junho de 2011 às 08h04

    Os PIG's chegam chegando com informações falsas e incita os entrevistados a dançarem conforme sua dança.
    Quanto as mamatas das empreiteiras acho que não terminam tão cedo, porque combinam os preços entre si e ,depois fatiam as partes das obras. Sempre haverá um jeito para tirarem mais dinheiro dos Governos. Os blogs sujos ( limpíssimos) estão muito apáticos, precisam enfrentá-los com mais impeto.

    Angelo Frizzo

    19 de junho de 2011 às 15h28

    Exatamente Siloé, está aí uma sugestão correta a este desinformados.

Thiago

18 de junho de 2011 às 21h12

O procurador fala em mega despesas, mas mega despesas mesmo é se o governo falar o quanto pretende gasta antes das licitações, e as empresas subirem em uma espécie de cartel os valores das obras, para superfaturarem. Acho que esse procurador, e o pessoal da justiça(inclusive da OAB) não deveriam dar pitaco em assuntos da alçada do executivo ou que não estejam em suas competencia, pelo menos por enquanto.

Responder

monge scéptico

18 de junho de 2011 às 20h38

Gostei das explicações da DIlma.

Responder

Lopes

18 de junho de 2011 às 20h37

Na minha opinião foi um IMENSO erro trazer a Copa e as Olimpíadas para um País cuja infra-estrrutura está abandonada há 30 anos.

Responder

Aracy_

18 de junho de 2011 às 20h06

Tem horas em que dá vontade de pegar um martelinho e bater no joelho da Presidenta Dilma pedindo a ela "Fala!"

Responder

jose

18 de junho de 2011 às 20h02

Será que o Dr. Roberto Gurgel, viu a Dilma explicando de que se trata quando se fala em sigilo?
Se ouviu que ela vai fazer agora? Tá mais prá jornalista do PIG do que pra Procurador!

Responder

Remindo Sauim

18 de junho de 2011 às 19h16

Procurador dar parecer público em cima de notícias do PIGS é o fim do mundo. O sujeito deveria ter mais elementos para soltar a língua.

Responder

Murilo Costa

18 de junho de 2011 às 18h00

Caro Azenha,

O mais impressionante da fala do procurador-geral é que parte do pressuposto de que as matérias possam ser procedentes.

Será que Roberto Gurgel ainda não aprendeu que os principais veículos de comunicação do País adotam posições partidárias, assumindo inclusive o papel de oposição ao Governo Federal?

Abraços.

Responder

    eliz

    19 de junho de 2011 às 08h12

    È mais uma razão de se estabelecer regras para a imprensa e obrigá-las a cumpri-las. Errou. rsrsrs, tem que desmentir os erros de maneira clara, não com frases desconexas e na defensiva, em espaço bem maior ao que informou. O serviço é uma concessão pública e como tal deve informar corretamente ao povo brasileiro.

Luiz

18 de junho de 2011 às 17h58

É lamentável o Sr. Procurador Geral da República vir à público dar opinião pessoal, com nítido cunho oposicionista. É por esta e outras que o chamam de Roberto Gurgel Brindeiro, em homenagem ao famoso Engavetador Geral da República , da época do FHC.
Estamos precisando de olho vivo nas licitações de São Paulo e Minas das quais nenhum órgão de imprensa se ocupa.

Responder

Alberto Santana

18 de junho de 2011 às 17h50

Absurdo é o Brasil suportar um bando de funcionários públicos despreparados, desinteressados e o pior engajado com o discurso do PIG.

Responder

O_Brasileiro

18 de junho de 2011 às 17h39

Uma outra pergunta, muito mais importante, precisa ser feita: a quem interessa divulgar os orçamentos (pois o que se está "ocultando" não são os gastos, mas sim as previsões dos mesmos) antes das licitações?
Esse PiG… Sempre a serviço de seus "anunciantes"…

Responder

Rodrigues

18 de junho de 2011 às 17h30

O P.I.G. nunca se importou com a forma como se realizavam os leilões das estatais durante o govenro do FHC!

Responder

O_Brasileiro

18 de junho de 2011 às 16h46

O PiG está de parabéns… Naufragando há anos e ainda conseguindo sobreviver… Graças aos amigos nos governos de SP, MG e RJ, mas sobrevivendo…

Responder

    O_Brasileiro

    18 de junho de 2011 às 17h23

    E agora sem o amigo Palocci… hahahaha… que tiro no pé!!!

Roberto Locatelli

18 de junho de 2011 às 16h04

Há dois interesses de quem quer quebrar o sigilo da licitação: um é promover mais um "escândalo" visando as eleições de 2012 e 2014. Outro é ajudar as grandes empreiteiras a combinar preço para abocanhar o máximo possível de recursos federais.

Responder

    Luiz Moreira

    18 de junho de 2011 às 18h32

    Concordo contigo, Paulo. Trabalhei em implantações industriais durante varios anos. Mas devias olhar o caso do MAG LEV COBRA, da UFRJ. A Dilma tinha de parar com a proposta atual do TREM BALA, e mandar um grupo de engenheiros examinarem a proposta da COPPE-RIO. Aquele engenheiro que faz o artigo do BRASIL e China deveria ser convocado (o Wilson). Dimunuiria pelo menos pela metade o preço, nos traria um salto tecnológico, e diminuiria o tempo de obra. Olhem isto e escrevam um artigo. Pouca gente sabe. E que a DILMA visite a Ilha do Fundão, no RIO.

urbano

18 de junho de 2011 às 15h51

Essa necessidade de publicar opiniões a cada minuto leva isso: Pura desinformação e o pior é que tem autoridades e politicos ansiosos por aparecer na imprensa desonesta que se prestam a esse jogo. O noticiario virou um mingau indigesto para qualquer pessoa que queira saber das coisas. É só opinião e palpite cada um atirando para um lado.
Quem é esse Felipe Seligman e que tal o p^rocurador geral ficar calado e se informar antes de dar palpite? Merece ser demitido esse individuo ridiculo

Responder

Ricardo

18 de junho de 2011 às 15h31

Ainda sobre Battisti:

Ayres Britto, do STF:
"Digo com toda a pureza d’alma, com toda honestidade: eu, no lugar de Lula, extraditaria o Battisti correndo. No meu primeiro voto, disse: esse homem, pra mim, não é ideólogo coisa nenhuma, não conheço uma só ideia política dele. Cometeu crime de sangue. Uma pessoa que se dispõe a participar de uma organização qualificada nominalmente como armada já está predisposta ao que der e vier. Então, eu extraditaria. Agora, se você me pergunta: o Lula podia não extraditar? Minha resposta técnica é: sim, ele podia não extraditar".

(http://bit.ly/lUd2gq)

Responder

Gabriel Jardim

18 de junho de 2011 às 14h17

Acredito que as pessoas que defendem o posicionamento do governo deviam se envergonhar. O governo teve três, TRÊS, anos para planejar e iniciar as obras e muito pouco foi feito. Agora, burla todo o sistema constitucionalmente previsto para as aquisições de obras e serviços do Estado, argumentando que a medida evita a cartelização do certame licitatório. A julgar correta a justificativa, então é melhor emendarem a Constituição e fazer isso com todas as obras do Brasil. Como se no Estado houvesse sigilo. Pode ser coincidência, mera coincidência, que a medida venha ao encontro da vontade da FIFA, que quer impor seus parceiros nas contratações… tempos obscuros nos aguardam.

Responder

    João Bahia

    18 de junho de 2011 às 15h21

    Discordo da sua avaliação em todos os sentidos: supor que o governo teve 3 anos para planejar e executar as obras da copa é desconhecer completamente o emaranhado de forças e interesses, muito maiores do que o próprio governo – União, e que estão em jogo nesta questão. Por exemplo o governo e prefeitura de São Paulo e o tanto que enrolaram com a questão da abertura da copa. Além disso, a maior parte dessas obras estão sob a responsabilidade de governos e prefeituras… como é possível alguém querer culpar a presidência da república porque em Salvador os caras não concluíram o Metrô? Suponho que imaginar isso é puro desconhecimento, porque se não for, é má fé pura.. Por outro lado, essa questão do sigilo está sendo manipulada pela mídia de forma a distorcer a realidade. O sigilo é do preço máximo que o governo paga e vale para os participantes do leilão, não tem nada a ver com sigilo para a sociedade… me desculpem o termo, mas a imprensa aposta na incapacidade das pessoas em analisar a questão…

    Galvão

    18 de junho de 2011 às 22h15

    Boa resposta João. O burrão deu opinião sem ler o conteúdo da MP. É o que dá se informar pelo PIG.

    Scan

    18 de junho de 2011 às 16h43

    Senhor Gabriel, que tal o senhor assistir às declarações da Dilma no vídeo?
    Sei que pode ser penoso, mas talvez o senhor comece a entender as coisas. Se mesmo assim o senhor não entender, volte aqui que a gente desenha (o Roberto Locatelli, gentilmente, já começou a fazer isso. Leia-o e agradeça)

    Gilberto

    19 de junho de 2011 às 14h46

    Gabriel, em que empreiteira vc trabalha?
    Sim, pq porque emitir uma opinião como essa só tendo algum interesse em que tudo continue como está,

Roberto Locatelli

18 de junho de 2011 às 13h39

O Governo está certo. Está sendo usada a metodologia já consagrada internacionalmente para esse tipo de licitação. Para o leigo, a explicação é simples:

– Escute, eu tenho R$ 18.700,00 reservados para comprar seu carro. Qual o preço dele?
– R$ 18.700,00.

Ou seja, as empreiteiras, se souberem de antemão quanto dinheiro o Governo reservou para as obras da Copa, fatalmente subirão seus preços para abocanhar toda a grana.

Como disse o Ministro dos Esportes, esses valores estarão disponíveis para o Tribunal de Contas de União. Para as empreiteiras, só depois de terminada a licitação.

Responder

    ratusnatus

    18 de junho de 2011 às 15h59

    Exatamente!

    Fabio SP

    18 de junho de 2011 às 17h26

    Até parece que as empreiteiras, aquelas que levam o Lula em jatinho prá e prá cá, não vão saber antes…
    Acorda…

    Antônio de Sampaio

    18 de junho de 2011 às 22h06

    Você é mesmo um jênio rapaz.

Bernardino

18 de junho de 2011 às 13h39

SR Z…. ALATAU,nao estou aqui para polemizar,mas provocado nao fujo à luta.Viaja que quer e pode,compra computador qem gosta,,ate pq nao e caro!Agora,torrar dinheiro publico em uma naçao sem minimas condiçores de dar saude ,educaçao e segurança ao seu povo isto sim e IRRESPONSABILIDADE. Nao tenho Complexo de vira-latas e sou mais patriota que você em todos os sentidos e mais nao sou TUCANO nem DEM.Votei no LULA,mas se preciso desço a Lenha nele tb
Dinheiro Publico tem de ser gasto com as necessidades da Populaçao e nao em CIRCO!!!!
Mais uam pra você: NO BRASIL, a esquerda rouba com a m ao esquerda,a direita com a mao direita e o centro com as DUAS-Asim falou ujm grande DIRETOR DE [email protected]

Responder

Luiz Fortaleza

18 de junho de 2011 às 13h08

Jornalistas medíocres, mal informados ou mal intencionados? Dilma dá uma surra de informações aos jornalistas neofitos que não entendem de leis e regras sobre o serviço público…

Responder

Orlando Bernardes

18 de junho de 2011 às 13h04

Até quando teremos que aturar esta conspiração diária, desta mídia golpista ( PIG ) contra todo governo popular e que pensa no bem do Brasil e de seu povo? Acorda Dilma!!!!!! Acorda governo!!!! Lei de Mídia já! Em nenhuma democracia que se preze, pode ter esta concentração nos meios de comunicação, como no Brasil. A comunicação do Brasil nas mãos de meia dúzia de famílias conservadoras, de direita, que representam os piores interesses contra nosso povo e nossa nação.

Responder

Zhungarian Alatau

18 de junho de 2011 às 12h15

A turminha do Reinaldo Azevedo, sem ter muito o que falar ou escrever, continua achando que Dilma é poste do Lula.

Digamos que seja.

Antes um poste de alguém reconhecido muldialmente como estadista, do que poste de um sujeito rancoroso que só abre a boca para falar mal do Lula e defender a maconha.

Não fosse a velha mídia golpista, e FHC + Serra estariam no ostracismo.

Responder

    Zé Fake

    18 de junho de 2011 às 16h05

    Imaginem o que o zé serra teria feito do Brasil, se tivesse ganho em 2002…não, não imagine, é dantesco demais!

Zilda

18 de junho de 2011 às 12h11

Grave é um procurador-geral se pronunciar sem checar as informações. Só no Brasil uma autoridade nesse nível se presta a esse papel ridículo.

Responder

Marcelo de Matos

18 de junho de 2011 às 11h18

Eis aí dois eventos importantíssimos, Copa e Olimpíadas, que mostrarão ao mundo como é a organização política e administrativa deste país continente. Nós, cá, já o sabemos. Os empecilhos vêm às pilhas: TCU composto de ministros indicados por políticos e não concursados, PIG, licenciamento ambiental burocrático e politizado, oposição errática, sistêmica e inconsequente, blogosfera repercutindo noticiário da Folha e do Valor Econômico e dando destaque a questões de lana caprina. Estamos diante de uma emergência. Todos estão roxos de saber como funcionam as obras neste país: é dificuldade de toda espécie. Já trabalhei em empreiteira e, como advogado, fui tratar com administradores de prefeituras. Um deles era conhecido por “Bola”. Embora gordinho, o apelido não devia vir daí – o rapaz gostava de se deixar peitar, ou ser subornado. Por falar em bola, há um jargão futebolístico que é “jogar no erro do adversário”. É exatamente isso que estão fazendo o PIG, a oposição e seus satélites, os partidos nanicos. Querem que dê tudo errado.

Responder

Fernando

18 de junho de 2011 às 11h11

O PIG tá bolado porque o governo federal não vai colocar dinheiro público no estádio de São Paulo, e imagina uma Copa no Brasil sem São Paulo, a locomotiva demotucana?

O PIG tá bolado porque as obras de infraestrutura estão acontecendo em todo o país, deixando um legado imenso para o povo pobre após a competição em 2014.

Responder

    Elza

    18 de junho de 2011 às 19h27

    É isso mesmo Fernando. Aqui em Natal-RN tem um aeroporto, q há 14 anos se luta pela sua construção, e só promessas desde da época de FHC. Qnd Lula foi presidente da República prometeu que recomeçaria a obra, mas fez mt pouco. Qnd Natal foi tbm escolhida como uma das sede de jogos da copa do mundo, surgia a chance do Aeroporto de São Gonçalo sair. O mesmo é importantíssimo ñ só p/ Natal e o estado do RN, mas pra td Brasil. Mas teve mt gente aui q ficava torcendo contra essa copa aqui em Natal. Teve até umas investidas do PIG, querendo mostrar q Natal ñ iria atender as exigências.

    Serão realizadas obras de infraestrutura por aqui, q só seriam possíveis em 50 anos e olhe olhe.
    Sem contar com a capacitação profissional que ocorrerá, a inclusão digital, empregos, interessa aos que detém o poder gente feliz, emprego, população consciente, claro q ñ, como que vão manipular?

monge scéptico

18 de junho de 2011 às 10h50

Desde que a presidenta tem conhecimento das "manhas" dos empreiteiros, é justo
nessa fase, que se mantenha o sigilo. Esperamos que após concluídos os processos
de licitação, venhamos a saber os valores reais, dados oficialmente, com o aval do
TCU. DILMA VENHA AO POVO !!
Desmatamento: continua a ter; pouco qui pouco, malandramente, os grileiros vão
comendo o mingau pelas beiradas. O uso das fôrças armadas, dessa vez, não p/
torturar camponeses, deveriam ser usados em batalhões que percorreriam as flores-
-tas, confiscando os equipamentos. Se tiveram energia para combater gente inocen-
-te e, reconhecidamente prestam um bom serviço a nação em várias construções,
usem-na agora, para eliminar e controlar depois, esse crime, que tal e qual a fome
do povo, é uma tortura continuada……..sobre isso vou falar muito, tal e qual João no
deserto; talvez……………..

Responder

anibal

18 de junho de 2011 às 10h49

Como pode um Procurador Geral reagir de forma tao intempestiva contra um ato que ele nao tinha conhecimento?
Lamentavel! Mas ele se deixou induzir……..

Responder

Wanderson Aguilar

18 de junho de 2011 às 10h21

Por favor quem sabe o Nº da tal MP eu quero "dar uma olhada" nela e não consigo achar.
Ademais o governo devia preparar o terreno – se comunicar mais com a população e cooperadores – antes tomar algumas medidas que podem ser mal interpretadas ou simplesmente serem distorcidas de forma descarada pela oposição. Um enxadrista mediano deve pelo menos antecipar umas tres jogadas à frente e não agir e ficar esperando o que acontece. As pessoas ficam por ai dizendo que a oposição fica forçando um 3º turno! Bobagem! Eles tão é mesmo se preparando é para 2014!

Responder

    Lucas

    18 de junho de 2011 às 12h42

    Exatamente. O governo deve fazer a sua mensagem chegar a mais gente. Explicar suas ações, argumentar a favor de suas propostas. De preferência na televisão, na hora do jornal nacional, e de forma clara e objetiva, pra todo mundo entender.

    No mínimo tinha que escrever mais coisas no blog do Planalto, que hoje em dia é pouco mais que uma retrospectiva da agenda da presidenta.

    Jorge Rebolla

    18 de junho de 2011 às 16h14

    http://www.camara.gov.br/proposicoesWeb/prop_pare
    No quadro descrição clique no link INTEIRO TEOR
    Você poderá ler na exposição de motivos do relator que ele diz que o governo brasileiro SE SUBMETE as exigências da fifa e do coi, por motivos de segurança da sociedade ou do Estado o princípio constitucional da publicidade pode ser "ressalvado" e que no caso das normas e exigências dos impolutos e probos da fifa ou do coi os contratos podem ser revistos sem as limitações de custos que consta na lei 8.666.
    O pt que sempre arrotou defender a soberania nacional reconhece expressamente em documento oficial que o Brasil não possui nenhuma independência e aceita os ditames destes órgãos privados… que coisa… muito pior do que ficar de meias em aeroportos yankees ou permitir que o serviço secreto americano apalpe brasileiros em Brasília, como fez o governo de dona dilma.

João PR

18 de junho de 2011 às 09h29

A Presidente precisa se comunicar mais com o povo.
Ela, e somente ela, é que pode explicar algumas coisas para a população (como a questão das licitações da Copa).
Depois de ver o vídeo é que entendi o que se passou. Imagina, então, como ficam os eleitores que se informam apenas pelo PIG?

Responder

    Moacir Moreira

    18 de junho de 2011 às 10h44

    Ah, bom…

    SILOÉ -RJ

    18 de junho de 2011 às 23h27

    Ela se comunica mas o PIGs não repercurte, cabe agora aos blogs sujos esse papel.

Antônio de Sampaio

18 de junho de 2011 às 09h20

Explicação de Dilma??? e desde quando essa incompetente manda alguma coisa??? perguntaram pro Sarney o que ele pensa???

Conta outra… Dilma não manda é nada… poste é poste forever…

Responder

    Zhungarian Alatau

    18 de junho de 2011 às 10h22

    Do mesmo modo que vc é poste do Reinaldo Azevedo. Poste Forever.

    Benjamin Malucelli

    18 de junho de 2011 às 12h34

    E do Kamel!

    Rios

    18 de junho de 2011 às 11h51

    Antônio Sampaio, vpcê uma pilhéria!!!

    João Sal

    18 de junho de 2011 às 12h30

    As viúvas do "Zé Cerra" ainda não elaboraram bem o luto.
    Ainda se vestem de negro e choram.
    Feito mulher carpideira.

    Scan

    18 de junho de 2011 às 16h45

    Esperneia, impotente!
    É o que te resta e a teus donos fazer. Triste futuro, hein?

    SILOÉ -RJ

    18 de junho de 2011 às 23h23

    Infelizmente para voce e seus pares ela manda, manda muito e manda bem.
    Sugiro um analista dos bons para voces suportarem os 8 anos do governo dela, sem surtar, pois fica evidente um distúrbiozinho básico, quando voce acha que nos interessa o que pensa o gagá do Maranhão.

Elisabeth

18 de junho de 2011 às 01h40

As vezes me pergunto, sera que nós podemos fazer algo contra esta irresponsabilidade e má fe ds midia?? Não o governo.. Mas as pessoas comuns, O cidadão não tem como recorrer alguma justiça?? Não tem como se defender das mentiras e inverdades da mídia ?? Lei contra calúnia não serve para eles?? Não é so o governo que sofre com inverdades! E ver empresas ganhando dinheiro em mentir para o cidadão! Muitos discutem as leis do médios, Algo como controle maior democratização de assessor a elas, mas não poderiam o criar mecanismos para o cidadão comum reivindicar quando for lesado pela mídia corporativa??!! Falam da tanto da liberdade da imprensa e os direito do “receptor” da informação??! A nós só nos cabe a passividade??! Temos que aceitar toda informação apenas como um “ato de fé” ??!
Serio, as vezes sinto que me ofendem mais do que ao pro pio governo!! E o descontentamento com esta mídia corporativa é geral, no mundo inteiro esta descontentes com isso!!

Responder

    Zhungarian Alatau

    18 de junho de 2011 às 10h30

    Não, Elisabeth, no Brasil é assim: a mídia pode tudo. Escreve e diz o que bem entender, não precisa citar fontes, é uma verdadeira orgia. Já a Dilma, esta, segundo a mídia e alguns discípulos de FHC, precisaria "se explicar" o tempo todo. Precisaria. Mas não vai. Pois certamente ela está mais preocupada em tocar o Brasil pra frente que perder seu precioso tempo com o que a mídia "acha" que ela deveria fazer.

    Zé Fake

    18 de junho de 2011 às 12h52

    Eu acho a mídia escrita irrelevante. O que conta mesmo é televisão.

    E na internet não tem jeito, tem que ter gente preparada nos fóruns, senão a turma do mal deita e rola, ganha por WO. Minha impressão é que a máquina de propaganda usada pela oposição nas eleições continua em uso na internet.

FrancoAtirador

18 de junho de 2011 às 01h32

.
.
Enquanto isso, a liberdade de expressão unilateral
contra o PT, contra o governo e contra Dilma
continua a se expandir intocável pelo Universo:
.
.
REVISTA VEJA
Brasil
17/06/2011 – 19:02
Entrevista

Para FHC, Dilma é versão de Lula sem alto-falante

Confira a primeira parte da entrevista exclusiva do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso ao colunista Augusto Nunes

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, que completa 80 anos neste sábado (18), recebeu o colunista Augusto Nunes para a entrevista exclusiva que você acompanha a partir de hoje no site de VEJA. Nos quatro primeiros blocos, publicados nesta sexta, FHC fala da carta que recebeu da presidente Dilma Rousseff com elogios às realizações dos seus dois governos (1995-1998 e 1999-2002), analisa as diferenças entre o estilo dela e o do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o papel da oposição e as diferenças entre PSDB e PT.

Confira amanhã a segunda parte da entrevista, em que FHC fala sobre sua vida pessoal, a perda da mulher Ruth Cardoso, a amizade com o craque Ronaldo e a sensação de completar 80 anos.

Na terceira e última parte da entrevista, que vai ao ar no domingo, ele analisa o papel da internet na democracia e fala sobre a regulamentação das drogas.

Assista a seguir os quatro blocos da primeira parte da entrevista.

Bloco 1 – Os elogios de Dilma a FHC Na primeira parte da entrevista, Fernando Henrique Cardoso, ex-Presidente da República, conversa com Augusto Nunes sobre a carta que Dilma lhe escreveu, cumprimentando-o por seu aniversário e elogiando suas realizações. Eles também falam sobre as privatizações de seu governo e o que deveria ser privatizado agora.

Bloco 2 – Fernando Henrique Cardoso, analisa o papel da oposição.

Bloco 3 – As diferenças entre PT e PSDB

Bloco 4 – As críticas ao governo Dilma
.
.
Só não refiro o link, porque aí já é demais.
.
.

Responder

    Zhungarian Alatau

    18 de junho de 2011 às 10h30

    E você acha que alguém aqui está interessado no que esse detrito de maré baixa tem pra nos oferecer?

    FrancoAtirador

    18 de junho de 2011 às 12h47

    .
    .
    É só p'ra mostrar que, enquanto nós estamos aqui
    lutando contra os "detritos de maré baixa",
    a Dilma manda cartinha de parabéns ao FHC,
    elogiando as realizações do governo demotucano,
    dando a banda para a mídia chutar.
    Isso já passou de ingenuidade,
    é masoquismo mesmo.
    .
    .

Elisabeth

18 de junho de 2011 às 01h10

Mas uma crise inventada de cada dia! Invente crise,qualquer crise,todos os dias! E o mai incrivel de tudo que a ideia do sigilo foi do TCU,O propio TCU acreditava que estava protegendo de especulação! DIlma não estava viajando pelo país antes, agoraapartir de junho com os programas engrenados vai viajar e dar entrevistas ! E vamos que vamos! #BrasilSemMiseria

Responder

Luis

18 de junho de 2011 às 00h53

Lei de medios !!

Responder

Luis

18 de junho de 2011 às 00h52

Fala Presidenta !!!!!

Responder

SILOÉ -RJ

18 de junho de 2011 às 00h51

Como é que o Procurador Geral da República dá uma mancada dessas!!! Dá a entender pela falta de controle,que o estrago foi grande do lado de lá.

Responder

SILOÉ -RJ

18 de junho de 2011 às 00h46

Há um complô em andamento como sempre do PIG da oposição e dos infiltrados no governo, para indisponibilizar a Dilma com a FIFA atrasando ao maximo as obras do evento.
Começou com o Jobim não tomando nenhuma providência à epoca com relação a adequação dos aeroportos para a atual realidade, segurando as rédeas até onde pode, forçando a barra das privatizações.
Como o jogo com as grandes empreiteiras é sempre de cartas marcadas e é por aí que se dá as sangrias, e que seria nesse contexto o não cumprimento dos prazos.
Daí as medidas preventivas da presidenta, podendo se candidatar as licitações até pequenos empresários em setores que domina.
Mais uma vez a única coisa que resta ao PIG a oposição e os infiltrados e os Ricardos Teixeiras da vida é:
ESPERNEAR, ESPERNEAR, ESPERNEAR…

Responder

Edmar

18 de junho de 2011 às 00h20

Sabem o problema de infomar antecipadamente ao TCU? É o tipo de gente que tem lá. Lembram do sujeito que perdeu a eleição pro saudoso Zé Alencar em 2006 (era vice do xuxu, do PFL/DEMO)? Parece que se chama José Jorge. Pois esse "lobo probo" foi posto pra cuidar do "galinheiro" no TCU. Você confiaria alguma informação a esse senhor, e garantiria que ele não vai mandar uma cópia do orçamento pra Odebreche, outra pra Camargo Correa e outra ainda pra Mendes Junior, tudo no estilo do centro administrativo do Aético? Eu confiaria mais no Ricardo Teixeira (descupa PHA)!

Responder

Ricardo

18 de junho de 2011 às 00h12

A questão não é necessariamente desonestidade. Muitos jornalistas são preguiçosos intelectuais, nao leêm – às vezes não tem tempo para investigar – e vão replicando o que o primeiros deles disse. Dilma veio, esclareceu e a fala dela recebeu o devido destaque na mídia – acredito.

Fiquei espantado, porém, com a postura de alguns profissionais competentes, que simplesmente foram na onda. Duas perguntas, porém, não foram respondidas. O aumento do poder concedido à Fifa e Renato Teixeira e o pq de uma sessão noturna extraordinário no Congresso.

Responder

SILOÉ -RJ

17 de junho de 2011 às 23h56

Eles está p… por que não vai poder embarreirar as obras como de costume.

Responder

Gilberto

17 de junho de 2011 às 23h05

Azenha, não é a Dilma que precisa falar mais ou sua AI que não funciona, o que ocorreu é que, assim como VC e o PGR, grande parte da imprensa fez alarde por ouvir dizer e sem checar a notícia. Uma barriga geral!

Responder

FrancoAtirador

17 de junho de 2011 às 21h49

.
.
VOCÊ SABIA QUE…

O relator do projeto que se converteu na Lei nº 8666/93,

mais conhecida como Lei das Licitações e Contratos Públicos,

foi o ex-deputado federal Engº Luis Roberto Ponte (PMDB-RS),

dono da sexagenária Construtora Pelotense Ltda,

que sempre participou de concorrências públicas

no Estado do Rio Grande do Sul ?

http://www.pelotense.com.br/index.php?option=com_
http://www.pelotense.com.br/index.php?option=com_

Responder

Zé Fake

17 de junho de 2011 às 21h42

Infelizmente o pessoal de comunicação da Dilma está repetindo o pessoal da campanha da Dilma: incompetência a toda prova! Eh gentinha amadora…

Responder

Rafael

17 de junho de 2011 às 21h13

Sofismas à parte, esta copa vai ser uma bandalha!
Bilhões irão engordar os cofres das mesmas construtoras de sempre, ou alguém acredita que o tal "regime diferenciado" vai impedir os acertos de sempre.
Aliás, recomendo aos comentaristas que leiam a MP antes de se manifestar.
E, o que é pior, o maniqueísmo que impera na blogosfera impede o necessário debate.
Ou seja, quem é contrário à copa faz o "jogo do PIG", da oposição…Brasil, ame-o ou deixe-o!
E ainda teremos os "investimentos" para as olimpíadas.

Responder

Regina Braga

17 de junho de 2011 às 20h57

Presidenta,Presidenta…Nós o seu POVO entendemos o que vc diz,fale com a gente…Use do seu cargo e se comunique…pois que não se comunica se….grande Chacrinha!!! Nem pense que vai conquistar o pig…eles já elegeram o seu Deus.

Responder

Antonio Silva

17 de junho de 2011 às 20h37

Alô alô galera, URGENTE !!

Alguém pode me informar por que a transmissão do encontro nacional dos blogueiros que acontece neste momento em Brasília está travada ? .

É muita puta sacanagem, que num evento tão importante, e logo no momento em que o nosso Presidente Lula vai falar, acontece este tiuti .

Já percorri a Rede Brasil Atual, Tijolaço etc … E NADA !!!

Me informem se este problema é do meu PC , POR FAVOR !!!

Responder

Fabio SP

17 de junho de 2011 às 20h32

Se não se consegue manter o sigilo nem da renda do Ministro da Casa Civil, vem agora dizer que vai manter sigilo do orçamento das obras justo para as empreiteiras…

Conta outra…

Responder

    fran

    17 de junho de 2011 às 23h08

    Troll detected!tipico eleitor tucano

    Panambi

    18 de junho de 2011 às 14h53

    120%. Não sei como perdem tempo respondendo as provocações do tucaninho…

    ANDRE

    17 de junho de 2011 às 23h26

    Sigilo mesmo so no metrô de São Paulo!!!!! nem MPF consegue quebrar

    Zhungarian Alatau

    18 de junho de 2011 às 08h43

    E o que você sugere?

    silvio

    18 de junho de 2011 às 08h50

    não existe sigilo da declaração do IR para funcionários em cargos de função gratificada ou cargo comissionado. Esta regra é justamente para prevenir o enriquecimento ilícito.

    H. C. Paes

    18 de junho de 2011 às 09h07

    O governo está fazendo a sua parte. Se a gente for agir na expectativa de que a lei vai ser violada, então vamos logo fechar o País e chamar os portugueses de volta. Eu também acho que os valores vão vazar, mas pelo menos isso é crime e se for descoberto os culpados vão presos, inclusive as empreiteiras.

    E a maior fonte dos vazamentos será o TCU, provavelmente, já que é o órgão de controle externo que terá acesso aos valores previamente. E aí, vale a lembrança de que a maior parte dos ministros daquele órgão foi nomeada no governo FHC, entre parlamentares do PFL, do PP, do PTB e daí para baixo. O Lula não emplacou um ministro que fosse o último foi o José Múcio.

    Tens uma idéia melhor para coibir a cartelização?

Hélio Pereira

17 de junho de 2011 às 20h15

O sector de comunicação da Dilma é tremendamente incompetente.

Responder

    fran

    17 de junho de 2011 às 23h10

    Saudades do Franklin..

    Zhungarian Alatau

    18 de junho de 2011 às 08h44

    Acho que você está enganado. Incompetentes são os jornalistas que não se dão ao trabalho sequer de ler um livro de português ou um projeto de Lei.

    Panambi

    18 de junho de 2011 às 14h55

    Incompetentes, não! Fantoches ou mal intencionados(como os patrões)!!

José Roberto-SP

17 de junho de 2011 às 20h11

É bom deixar claro "depois de encerrada a concorrência as contas serão abertas, sim. Pelo que entendi, se o valor estimado (confidencial) da obra não é divulgado, vence a concorrência, a empreiteira que der o maior DESCONTO. O Governo deveria abrir concorrência internacional porque lá fora as empreiteiras estão acostumadas com esta modalidade. Assim, calaria a boca dos PIGuentos..

Responder

FrancoAtirador

17 de junho de 2011 às 20h11

.
.
Confesso que praticamente durante todo o Governo Lula
eu passei me perguntando:

– Até quando vão apanhar da mídia,
sem fazer absolutamente nada,
a não ser discursinhos com desmentidos ?!?

Só que agora eu parei de me perguntar.

Já vi que, com Dilma, vai continuar assim, até 2014.
.
.

Responder

Nivaldo

17 de junho de 2011 às 20h04

Apesar dos esclarecimentos da Presidenta, a manchete da Folha continua a mesma "Ministro recua e diz
que vai divulgar gastos da Copa e Olimpíadas". E como segunda manchete, "Sigilo foi mal interpretado, diz Dilma". Agora o que fica evidente, além de que a Presidenta tem que dar mais entrevistas é a declaração do PGR.

Responder

    Zhungarian Alatau

    18 de junho de 2011 às 08h45

    Errado. O que fica claro é a intenção evidente do PiG. Com a qual a Sra. Dilma deve fazer como vem fazendo: comendo pelas beiradas.

El Cid

17 de junho de 2011 às 20h01

… PQP !! Admira-me que o procurador-geral da república, um cargo importante e respeitável, recorra à fontes suspeitas como globo, folha, estadão e que tais para tirar suas conclusões e sair por ai atacando o que nem conhece, no mínimo uma imprudência… lamentável !!

Responder

    SILOÉ -RJ

    17 de junho de 2011 às 23h52

    Desta forma fica todo mundo inclusive ele sem poder embarreirar as obras.
    CONFIA OU NÃO CONFIA, EIS A QUESTÃO!!!

    leandro

    18 de junho de 2011 às 08h08

    Engraçado, quando ele inocentou palocci, era um homem intrigo e correto para a maioria aqui. Encheram ele de elogios…..rs….

El Cid

17 de junho de 2011 às 20h00

… é um primor de chamada da imprensa "isenta" e "imparcial." (argh !!)

Responder

edson

17 de junho de 2011 às 19h50

Com certeza a observação do Vi o Mundo é pertinente: Dilma não pode calar, ela tem que falar. E olha que não precisa do PIG para isso… tem o direito de estabelecer, inclusive em rede nacional, todos os dias em horário nobre algo como "5 minutos com a Presidenta" ou "República em Debate"… ou mesmo através dos blogs…

Responder

    junior

    17 de junho de 2011 às 22h19

    E quem te disse que o governo quer se comunicar amigo? Há 8 anos e 6 meses é assim que a banda toca, chicote no governo que ele gostiaaaa, é mulher de malandro, gosta de apanhar e nem recorre a lei maria da penha… é uma bosta a comunicacão do governo até aqui…

Francisco Souza

17 de junho de 2011 às 19h46

O procurador confunde despesa com orçamento, conforme está na matéria do jornalista, que por sua vez não deve ter notado a confusão ou se fez de morto, para conseguir barulho. Lamentavel porque temos um procurador confuso e jornalistas que fazem muita gente gastar energia sem necessidade.

Responder

betinho2

17 de junho de 2011 às 19h45 Responder

Victor

17 de junho de 2011 às 19h36

Não adianta a Dilma tecer essa considerações detalhadas se o povo não sabe nem que ela falou isso. Para o povo, a Dilma nem existe. Ou ela entra ao vivo no horário nobre da Globo para explicar os atos do seu governo, ou ficará a versão do PiG. O Lula não fez a Ley de Medios porque ele é o povo encarnado. Já a Dilma, não.

Responder

    JOSE DANTAS

    18 de junho de 2011 às 06h48

    O povo lembrará e muito dela na hora que a coisa começar a não dar certo para a maioria, a começar pela falta de alimentos nas prateleiras dos supermercados e feiras elevando os preços às nuvens, aí ela será criticada o tempo todo.
    É bom lembrar que florestas não são campeãs na produção de alimentos e nem onças concordam em ceder o leite do filhote, como fazem aquelas vilãs chamadas de vacas, que há pouco tempo, em virtude de uma alta nos preços da carne, também pegaram a fila dos abatedouros na companhia das próprias crias, o que gerou ainda mais preços pela diminuição da oferta de bezerros para criação e engorda. Na verdade o fazendeiro que de bobo não tem nada, aproveitou o preço e vendeu suas matrizes para o abate, já que o futuro a Deus pertence.

betinho2

17 de junho de 2011 às 19h29

Enquanto isso o Milagreiro Santo Kassab se antecipa ao fim dos tempos ressucitando os mortos e filiando-os ao PSD = Partido Senta Defunto

Responder

Talita

17 de junho de 2011 às 19h26

"PS do Viomundo: Pelo jeito a assessoria de Dilma descobriu o óbvio: a presidenta precisa dar mais entrevistas, especialmente sobre os temas polêmicos. Reproduzido abaixo vídeo indicado por internauta que viu no Tijolaço, do Brizola Neto."

Se é presidenta deve ser internauto…a não ser que seja mulher a internauta.

Responder

    FranX

    17 de junho de 2011 às 23h14

    Talita, para sanar a tua dúvida, transcrevo um trecho da obra 'Memórias Póstumas de Brás Cubas' de Machado de Assis, do fim do capítulo LXXX – DE SECRETÁRIO:
    "…Na verdade, um presidente, uma presidenta, um secretário, era resolver as coisas de um modo administrativo…"

    Aline C Pavia

    18 de junho de 2011 às 11h49

    Não é muito desperdício recorrer a Machado para responder a trolls desocupados que ainda se atêm a tergiversações do vernáculo?

    Zhungarian Alatau

    18 de junho de 2011 às 08h46

    Onde fez seu doutorado, Talita?

JOSE DANTAS

17 de junho de 2011 às 19h11

Na verdade nesse País todo mundo sonha com holofotes sem se preocupar com o preço disso. Tem gente que manda bandidos para a rua apesar de inexistirem justificativas para isso, pelo menos perante o cidadão comum que mantém toda essa máquina com os impostos que paga e até políticos que pelo fato de não terem feito quando deviam, tentam a qualquer custo impedir que o adversário faça. Pior que essa atitude criminosa geralmente encontra um apoio no PIG que acaba contaminando a população e levando-a muitas vezes a defender medidas implementadas contra seus próprios interesses. A que ocorre com a copa de 2014 é um lamentável exemplo disso. O Brasil comemorou de norte a sul quando ganhamos a concorrência numa briga de foice com muitos poderosos e agora engrossa o coro daqueles que com intenções politiqueiras tentam impedir a sua realização, o que seria uma desmoralização para o governo Dilma e uma catástrofe para a imagem do País perante o restante do mundo. Qualquer medida que se tome para agilizar as obras atrasadas pela má fé daqueles que perdem o sono só de pensar na copa dando certo no Brasil será duramente criticada.

Responder

Eduardo CPQ

17 de junho de 2011 às 19h10

Caro Azenha, leitores,

esta chiadeira é inteiramente artificial, coisa de politicalha da imprensa de programa.

A Petrobrás e muitas empresas e instituições fazem contratações desta forma há "séculos", com muito bons resultados. O orçamento é para uso interno, para avaliar se as cotações apresentadas são razoáveis.

Se o melhor preço, por exemplo, for significativamente maior que o orçado, ou abre a composição da proposta e reduz os "a maior" ou se anula a concorrência.

Recentemente, a própria Petrobrás anulou uma concorrência de alto valor por isso: queriam "meter a mão"!!!

Bom fim de semana.

Responder

Rasec

17 de junho de 2011 às 19h04

Nisso temos que concordar: o serviço de Comunicação da Presidência era e continua sendo muito ruim!
Por que não usa o horário na TV pra esclarecer a população?
Essa modalidade já é usada em outras países e foi elaborada em parceria e por recomendação do TCU!
Haja paciência!

Responder

    El Cid

    17 de junho de 2011 às 20h11

    simples a solução do problema:

    ler com atenção o edital, e compará-lo com os das últimas olimpiadas, copa da alemanha e frança, que seguiram as mesmas técnicas licitatórias. Com os orçamentos prévios elaborados e fiscalizados pelos orgãos de controle, estimula-se a concorrencia e a competição, não se dá aos empreiteiros um preço fechado que eles possam tripudiar em cima ou elaborar um cartel, é uma pratica empresarial comum: estudo sigiloso dos custos e prazos para posterior oferecimento do projeto ao mercado, e que vença o melhor, projeto fechado com data de entrega, multas contratuais de ambos os lados (contratante e contratado), fontes de financiamento conhecidas até o final, sem aditivos surpresa.

    junior

    17 de junho de 2011 às 22h27

    Fala isso pro cidadao comum, que ele ri da sua cara, a informacao tem que vir mastigada e se o governo nao se presta a passar a informacao de forma simples e inteligivel para o povo o que esse povo vai engolir é a versao do pig e nao adianta chorar pitanga depois, se o governo nao se dispor a comunicar-se com o povo vai ficar correndo atras do rabo ate 2014

    Eduardo Mendes

    18 de junho de 2011 às 15h01

    O que o governo devia fazer é falar o que será feito antes que a mídia o faça. Quando o governo fala após a distorção da mídia, parece desculpa de quem vai fazer algo errado e quer que a população acredite, mesmo que seja a pura verdade.

Bernardino

17 de junho de 2011 às 19h02

Quem sao esses tres papagaios de Pirata ai no video?As explicaçoes nao convencem,nem no SIGILO de estado,nem nas Obras da copa.Alias este pais nao deveria sediar eventos de tamanha magnitude com os problemas que tem :Saude sucateada,segurança aos trancos e barrancos e professor passando fome.
Como viemos da origem IBERICA,adoramos jogar pra PLATEIA e deixar de lado o essencial
I governodo PT se mostra igual ao s outros-PAO E CIRCO pra PLATEIA:ignorante e analfabeta!!!!

Responder

    Zhungarian Alatau

    17 de junho de 2011 às 22h05

    Complexo de viralatas é f*, não é mesmo, Bernardinho? Pelo mesmo raciocínio, acho também que internet no Brasil é um luxo absurdo, com tanta gente passando fome. Viajar pro exterior, nem pensar, um absurdo. Telefone celular, nossa, tremendo supérfluo, nunca deveria ter sido adotado num país de analfabetos. Enfim, Bernardinho, encontrar bodes expiatórios para nossas mazelas é o passatempo predileto de quem não tem o menor compromisso com o futuro deste País.

    Aline C Pavia

    18 de junho de 2011 às 11h51

    Falou e disse.
    Mas tem muita gente nesse país que prefere continuar comendo farelo no quintal.

Enio

17 de junho de 2011 às 18h49

Se o modelo RDC é tão bom, por que não é então adotado em todas as licitações? Outra burrada foi a inclusão de um assunto tão complexo na criaçao do ministério dos aeroportos, deveria ser um projeto separado, e não simplesmente uma MP.
O pais já teve 4 anos para se preparar por que que só agora tem que sair correndo atrás das licitações?

Responder

    Jairo_Beraldo

    17 de junho de 2011 às 20h25

    Deve ter sido por causa de Tony Malocci, o grande amigo da Dilma, estar mais preocupado em dar assessoria e palestras, esquecendo de cumprir sua função.

    luiz pinheiro

    18 de junho de 2011 às 19h17

    Você nem desconfia, Enio?
    É porque as obras para a Copa, e para as Olimpiadas, precisam ser entregues rigorosamente dentro do prazo.
    Só para voce ter uma idéia, pelas regras normais da lei 8666, das licitações, a Justiça pode paralisar indrefinidamente uma obra em casoa de recursio de alguma empresa perdedira.
    Aí, quem perde é a Copa.
    Regimes especiais de licitação foram usados em TODOS os paises que já sediaram a Copa, sem qualquer exceção.

Paulo Villas

17 de junho de 2011 às 18h30

Estarrecedor , o Procurador Geral da República , pautado pela mídia , critica pùblicamente uma decisão de governo que , aparentemente , desconhece os pormenores . Está na hora de pedir o boné ou levar um chute no traseiro.

Responder

Gustavo Pamplona

17 de junho de 2011 às 18h30

"PS do Viomundo: Pelo jeito a assessoria de Dilma descobriu o óbvio: a presidenta precisa dar mais entrevistas, especialmente sobre os temas polêmicos. "

Sabem porque ela não dá entrevistas… simples.. meus caros amigos… ela é uma simples fantoche do Lula, está apenas esquentando a cadeira para o Lula voltar em 2014. hhahahaahhahahahhaa

—-
Gustavo Eduardo Paim Pamplona – Belo Horizonte – MG
Desde Jun/2007 esquentando fantoches na cadeira no "Vi o Mundo"! ;-)

Responder

    Zhungarian Alatau

    17 de junho de 2011 às 22h00

    Nooossaaa…. como você é esperto, Gustavo Pamplona! Olha, desse jeito vai acabar sendo descoberto pelo Ali Kamel.

    Panambi

    18 de junho de 2011 às 15h01

    Deve ser uma entidade, meu caro. Tanta esperteza não seria possível em um pobre mortal…
    P.S.: Este tal de Fabio-SP é mais troll que a fábrica de brinquedos…

    Helio Aguiar Filho

    17 de junho de 2011 às 22h17

    Tudo o que o povo quer – Lula em 2014!
    Para o PSDB, mais oito anos na fila, ate 2022…se Lula quiser.
    hhahhahhahhahhahhahhahhahha

    Edmar

    18 de junho de 2011 às 00h27

    Acho que a DILMA não dá mais entrevistas é porque sofre da "síndrome do Murici". Não tem paciência com os questioanmentos tendenciosos, repetitivos ou idiotas dos nossos chamados "jornalistas". Eu tenho ânsias quando assisto essas tais entrevistas coletivas e sou obrigado a ouvir também a pergunta do(a) reporter e não apenas a resposta (do Murici, do Felipão ou da DILMA). Dá pena do entrevistado!

    Aline C Pavia

    18 de junho de 2011 às 11h52

    Eu também não teria o menor saco para responder a determinadas perguntas, de determinados jornalistas, de certos veículos (sic) de mídia.

    Fabio SP

    18 de junho de 2011 às 10h01

    Quando eu dizia que ela cone de guardar vaga no ano passado, era criticado.

    Benjamin Malucelli

    18 de junho de 2011 às 12h37

    hahahahahhahahahahahahahaha…que engraçado… hahahahahahahahahahaha

andre i souza

17 de junho de 2011 às 18h22

E os urubus da mídia não perderam tempo, já foram jogando uma nuvem de fumação sobre o assunto. Agora, o governo precisa estar mais atento. Não basta fazer um carinho no FHC e na FSP, eles querem é o corpo inerte (vide capa da revistinha Época). Tá explicado, só nos resta aguentar no dia-a-dia os papagaios com "a guerrilheira criou sigilo sobre gastos". Haja saco.

Responder

Zhungarian Alatau

17 de junho de 2011 às 18h07

Como falam besteira por aqui hein? Tá parecendo o tal livro de português "que ensina criança a falar errado"… Ou seja, alguém fala uma besteira e a besteira sai ecoando sem qualquer senso crítico. Como disse Lula, a vantagem da mídia livre em tempos de Internet é que a sua credibilidade vai pro lixo quando algum jornalista escreve calúnias.

Responder

    Aline C Pavia

    18 de junho de 2011 às 11h53

    Igual ao aniversário do FHC, outra não-notícia.

Francisco

17 de junho de 2011 às 18h06

O procedimento adotado pelo governo brasileiro é usual na Europa, inclusive em situações de rotina. todo mundo sabe que orçamento de obra facilita que os concorrentes á licitaç~~ao "combinen" os preços.

Os opositores ao procedimento são uma ruma de jecas que demonstram incompetencia para o cargo que ocupam por serem desinformados do que vai pelo mundo e pelo país. E pior: totalmente manipuláveis pelo jornalista que o entrevista. não podem ver um gravador e têm "opinião" sobre tudo. Não sabem dizer o básico que a modestia ensina: "vou me informar melhor e lhe procuro…".

Bizarro!

Responder

JP-douro

17 de junho de 2011 às 18h03

Porque não muda o título da sua manchete, tendo em vista ela ser MENTIROSA?

Porque não coloca o título assim:

É MENTIRA QUE HÁ SEGREDO NO VALOR DAS OBRAS DA COPA.

:)

Responder

Gilberto

17 de junho de 2011 às 17h54

O Paulo Henrique esclareceu muito bem!
Faltou alguém lembrar da maracutaia do Serra nas obras do Metro devidamente abençoadas pelo Alkmin.
Pelo que li até agora, esta pratica existe em países que levam a concorrência a sério. De resto, Gurgel Brindeiro falou bobagem e o PI*G está aproveitando.

Responder

Marco Vitis

17 de junho de 2011 às 17h34

O procurador-geral está muito mal informado.
É inacreditável a ínfima competência desse senhor.
Por que o nobre procurador não teve o mesmo zêlo com o processo contra o senador Álvaro Dias, permitindo a impunidade por decurso de prazo ?

Responder

FrancoAtirador

17 de junho de 2011 às 17h32

.
.
1) O Procurador Geral da República afirmou:
"A serem procedentes as matérias…"
[veiculadas pela mídia oligárquica mercantil brazileira].
Ou seja, a PGR emitiu publicamente um parecer antecipado,
baseado única e exclusivamente em matérias de jornais,
revistas e noticiários do Grupo G.A.F.E.*
.
.
2) Quem conhece o funcionamento dos processos de licitação
sabe que o órgão público contratante normalmente divulga,
antecipadamente, uma PREVISÃO DO VALOR A SER ORÇADO.
Este VALOR PROVISÓRIO serve apenas como base
para que as empresas concorrentes deem o seu lance.
A partir daí, a empresa que lançar o menor valor
vence a concorrência e ganha a licitação.

3) Ocorre que, inúmeras vezes, as empresas licitantes,
teoricamente "concorrentes", formam um cartel,
isto é, combinam entre si o valor que cada uma delas irá lançar,
baseados no valor publicado pelo órgão contratante.
Na prática, não há efetivamente concorrência.
Inclusive, esta é a forma comumente utilizada por empresas
terceirizadas (de limpeza ou de vigilância, por exemplo)
para ludibriar o processo de licitação pública.

4) O que a MP estabeleceu foi simplesmente que
o órgão público contratante não está mais obrigado a publicar,
antecipadamente às empresas concorrentes, o valor previsto
para execução da obra ou do serviço, objeto da licitação.
Somente após a abertura das propostas das licitantes
é que será publicado o valor orçado pela empresa vencedora.
.
.
Espero haver contribuído para o debate.

Um abraço camarada e libertário a todos.
.
.

Responder

    Ao sul do Equador

    18 de junho de 2011 às 00h57

    A questão do preço é um avanço. De maneira alguma o governo vai ser prejudicado mas também não vai necessariamente conseguir preços menores do que ocorrem hoje.
    Tudo vai depender da pre-disposição das empresas em concorrer. Se houver concorrencia pura os preços na média vão baixar. Agora se as construtoras lotearem as obras ai os preços não vão baixar.
    Um ponto fraco do RDC é que se a empresa vencedora der um preço maior que o previsto ela pode ser convocada para reduzir até chegar no preço orçado pelo governo. O certo seria desclassificar essas empresas e reabrir o processo de licitação sem essas empresas.

Lucas

17 de junho de 2011 às 17h20

Quais serão os meios usados para "contornar os problemas"? Com esse segredo todo, coisa boa não é.

Responder

carlos saraiva

17 de junho de 2011 às 17h19

É lamentável que o procurador da república tenha dito tal "absurdo". Parece que o fez sem ter lido a medida, o que aumenta sua irresponsabilidade. Devia sim ter aplaudido, a medida, que alem de prevenir , a formação de cartel, diminue custos, agiliza e deixa transparente à disposição dos órgãos reguladores e fiscalizadores. Foi leviano, seguindo a grande mídia.

Responder

    Edmar

    18 de junho de 2011 às 00h05

    Esse Sr. Gurgel tá se revelando tão leviano e preguiçoso quanto os Gilma Mendes e Alvaro Dias da vida. Falam sobre o que não conhecem e ainda fazendo juízo de valor. Deveria lembrar sempre da posição importante que ocupa e da responsabilidade que isso lhe impõe.Vá ser psdebesta assim lá em sampa!

    SILOÉ -RJ

    18 de junho de 2011 às 23h07

    Das duas uma: ou burro ou conivente, eis a questão.

miack

17 de junho de 2011 às 17h10

Mais uma não-notícia e já defasada. Leiam e vejam a Dilma em:
http://www.tijolaco.com/dilma-explica-licitacoes-

Responder

Jayme

17 de junho de 2011 às 17h06

Fiscalizar sim, paralizar obras não, seria politicagem….Os desvios devem ser detectados, apurados, sanados, corruptos e corruptores presos, sem interrupção da obra. Têm competentes para isto?

Responder

Remindo Sauim

17 de junho de 2011 às 16h56

Dilma defende sigilo de orçamentos para obras da Copa de 2014

Segundo presidente, sigilo vale para empresas que participarão de licitações, mas orçamento estará aberto para todos os órgãos de controle, como o TCU e a CGU

Anne Warth e Gustavo Porto

RIBEIRÃO PRETO – A presidente da República, Dilma Rousseff, defendeu nesta sexta-feira, 17, o sigilo do orçamento que consta na medida provisória aprovada pela Câmara dos Deputados na noite da última quarta-feira (dia 15) e que prevê a manutenção em segredo de orçamentos feitos por órgãos federais estaduais e municipais para o regime de contratação especial das obras da Copa do Mundo 2014.

Segundo a presidente, o sigilo vale para as empresas que participarão de licitações, mas o orçamento estará aberto para todos os órgãos de controle, como o Tribunal de Contas da União (TCU) e a Controladoria-Geral da União (CGU). Segundo ela, a medida ajuda a reduzir preços e evitar a formação de cartel. "A técnica que se usa é não mostrar o orçamento, mas quem fiscaliza sabe direitinho qual o valor", explicou Dilma, em Ribeirão Preto (SP), após o lançamento do Plano de Safra 2011/2012.

Segundo a presidente, o regime especial foi "discutido amplamente" entre governo e os órgãos reguladores e "faz parte das melhores práticas da OCDE e da União Europeia". Ainda segundo ela, após o processo licitatório ser finalizado, "você explicita o orçamento" para a população. "Eu lamento a má interpretação que se deu a isso, não tenho interesse em ocultar, pelo contrário, porque não se oculta da sociedade", concluiu.

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, que também participou do lançamento do Plano de Safra 2011/2012, disse sobre o tema: "Acho que a presidente explicou que não é objetivo esconder os números. A presidenta, como todos nós, tem compromisso com a transparência."

Responder

Antonio Silva

17 de junho de 2011 às 16h48

Toda ação política tem respostas, quando o Dr. Gurgel isentou o Palocci (pois juridicamente não havia nada de ilegal nas transações do Palocci ) e teve como resposta a este julgamente, uma desmoralizadora desqualificação dos governistas (principalmente de petistas), o Procurador a partir de agora JAMAIS se aventurar em nadar contra as ondas PIGuianas .

Responder

Antonio Silva

17 de junho de 2011 às 16h44

Toda ação política tem respostas, quando o Dr. Gurgel isentou o Palocci (pois juridicamente não havia nada de ilegal nas transações do Palocci ) e teve como resposta a este julgamente, uma desmoralizadora desqualificação dos governistas (principalmente de petistas), o Procurador a partir de agora JAMAIS se aventurar em nadar contra as ondas PIGuianas .

Podem anotar, se o Governo Dilma tinha a OAB, TCU e alguns ministrins do supremim, no calcanhar, a partir de agora, terá também o magoado Dr.Gurgel no cangote .

Responder

Antônio de Sampaio

17 de junho de 2011 às 16h43

Corruptos, estão institucionalizando a roubalheira.

Mas o que esperar de um governo do PT?

Responder

Bruno

17 de junho de 2011 às 16h42

O que eu acho? Não importa. O que importa é a nova campanha:

COPA 2014 EM LUXEMBURGO JÁ! – Chega de enriquecer cartolas com nosso dinheiro suado!

Responder

jose marcos

17 de junho de 2011 às 16h35

Comentario 2. Leiam o post do PHA, la ele explica direitinho como funciona, o problema é que nesta modalidade (RDC) o interesse das empreiteiras é contrariado.

Responder

Klaus

17 de junho de 2011 às 16h27

Acho bom o sigilo. Assim a gente sofre menos.

Responder

    Gersier

    17 de junho de 2011 às 18h10

    Como acontece coma as obras do metrô tarataruga de São Paulo?Mas na copa não existirá esse tipo de sigilo,que perdurará até a abertura dos envolopes ou quando se divulgar quem foi o vencedor.Aí saberemos o quanto custará a obra. Quanto ao metrô tartaruga…bem,melhor esperar deitado,porque sentado vc cansará.

    Jairo_Beraldo

    17 de junho de 2011 às 20h30

    Sem Tony Malocci, sofreremos menos mesmo…e menos ainda com o Zé Caridozo espirrando da justiça que salvou Dantas e abafou a Satiagraha.

jose marcos

17 de junho de 2011 às 16h27

O orçamento não é segredo, esta havendo ma-fé.É uma modalidade muito usada na união européia para evitar a formação de cartéis e superfaturamento. A diferença é que só após a abertura das propostas é que o orçamentp preliminar é divulgado, porém o Tribunal de Contas é informado antecipadamente. Este procedimento, como ja disse evita a formação de cartéis e dificulta que as empresas mesmo com um custo menor joguem o preço para cima quando o orçamento preliminar é maior. Esta havendo muita falta de conhecimento, as pessoas houvem o galo cantar sem saber aonde.

Responder

    Ao sul do Equador

    18 de junho de 2011 às 00h34

    Extamente a não divulgação do preço máximo a ser pago pelo governo é um avanço. Mas não é inédito no Brasil a Petrobrás faz isto.
    O RDC é um avanço nas Leis de licitações.
    Será que quando a Globo, os deputados que são contra ou outras grandes empresas privadas vão fazer uma obra, uma compra ou um grande investimento a formulação dos preços se aproxima mais dos fundamentos da RDC ou da Lei 8.666

luiz pinheiro

17 de junho de 2011 às 16h26

O procurador disse que é absurdo "a serem procedentes as matérias" dos jornais.
Acontece que o noticiário promoveu um carnaval de confusões e interpretações equivocadas sobre o tema.
No qual muita gente anda embarcando.
É a força dos factóides.

Responder

João Bahia

17 de junho de 2011 às 16h20

Não sei o que é pior: a matéria em si ou o procurador dar opinião baseado (somente) em matéria da mídia… segundo entrevista da Dilma que eu vi hoje na hora do almoço, o segredo é somente para os licitantes durante o processo de leilão… todas as informações estão disponíveis para todos os órgãos de controle.. o que será mantido em segredo é o preço máximo que o governo está disposto a pagar por produto ou serviço… seria bom ter um procurador para analisar profissionalmente a questão e dar uma opinião útil..

Responder

sironn

17 de junho de 2011 às 16h17

Assim que li a matéria na FSP de ontem, me revoltei. A matéria insinuava que o sigilo permaneceria até mesmo depois de feita a obra. Diante disso, escrevi o seguinte post sobre o assunto: http://ouvidor.wordpress.com/2011/06/16/teatro-de
Entretanto, após o aprofundamento do debate, das declarações da Dilma, fiquei numa dúvida tremenda sobre o teor de tal medida. Pelo que eu entendi é que após a obra licitada, os valores seriam publicizados. Creio que há problemas maiores na MP, como a empresa que ganha a licitação ficar responsável por desde o projeto até a execução. Mas o fato é que manter os valores orçados em sigilo antes da licitação, faz sentido. Ainda mais para quem já trabalhou em administração pública.

Responder

Carlos

17 de junho de 2011 às 15h54

Que se faça uma comissão de alto nível, que responda criminalmente e judicialmente ao final das obras, se por ventura houver corrupção. Quero ver quem fará parte desta comissão. É preciso escolher pessoas de reputação ilibada na prática. O receio do governo é deixar nas mãos dos tribunais de contas e outros. Todos nós sabemos que a maioria dos membros é constituída por ex-parlamentares vinculados, na época, aos partidos de oposição. Será um terror para o governo, ter que explicar a todo momento denúncias políticas. Talvez corra-se o risco de até as obras serem paralisadas para "apurações". É um risco grande que o governo não quer correr. Infelizmente deveria ser o contrário; mas é a realidade política do país.

Responder

Paulo

17 de junho de 2011 às 15h48

Qual a origem desse projeto? Onde foi gestado e amadurecido?

Como se o Edital permitisse centenas de empresas brasileiras de participarem. Apenas as grandes, e de sempre, construtoras e consoricos vao participar. Odebrecht, OAS, Camargo Correa e as que sempre lemos que estão envolvidas em investigações de corrupção.
Então ta……a Odebrecht não vai conversar com a OAS porque não sabe que a OAS vai participar.

Que saudades do Getulio ( qual seria a Odebrecht dele? )

Responder

Gilberto

17 de junho de 2011 às 15h46

Este assunto que já está esclarecido e não é nada como foi postado! O espantoso mesmo é uma autoridade como o PGR dar uma entrevista com base no ouvir dizer. Não demora muito vai fazer comentários com base em revistas de fofoca.

Responder

    alento

    17 de junho de 2011 às 18h32

    Mas foi exatamente o que ele fez!

    Jairo_Beraldo

    17 de junho de 2011 às 20h32

    Fez pior, pois não usou a termo nada publicado…

UNABOMBER

17 de junho de 2011 às 15h41

NA VERDADE É O SEGUINTE: O GOVERNO NÃO ATRASOU AS OBRAS. ELE FEZ DE PROPÓSITO PARA DEIXAR PRA ÚLTIMA HORA. AI AS OBRAS TEM QUE SEREM FEITAS EM CARATER DE EMERGÊNCIA CERTO. ENTÃO CRIA-SE EM MEDIDA PROVISÓRIA. É SIMPLES ISSO JÁ TAVA TUDO COMBINADO. O GOVERNO NÃO FAZ E AI VEM AS EMPREITEIRAS QUE FINANCIAM AS CAMPANHAS DELES E METEM A MÃO NO NOSSO DINHERIO. COISA SIMPLES DE ENTENDER.

Responder

Marcos da Silva

17 de junho de 2011 às 15h39

Jamais o Brasil deveria sediar estes eventos, o Brasil mão esta moralmente capacitado para lidar com tantas obras. Ain]da mais tendo a FIFA e a CBF juntas. Vamos colocar sgilo eterno nas prestações das contas?

Responder

    Zhungarian Alatau

    17 de junho de 2011 às 22h17

    A capacidade de brasileiros dar pitacos em qualquer coisa é algo que supera qualquer estatística. A seguir sua "linha" de pensamento (sic), o México, a África do Sul e a Argentina nunca deveria ter sediado Copas do Mundo. Nem por isso faliram. Faz bem Lula e Dilma, que NÃO ouviram os pessimistas de plantão e seguem em frente.

    A caravana passa, os cães ladram…

Remindo Sauim

17 de junho de 2011 às 15h28

O segredo não me parece para o transcorrer da obra, mas apenas para o orçamento antes da concorrência. Posso ser burro, mas parece que foi isto o explicado pelo governo.

Responder

leandro

17 de junho de 2011 às 15h24

Alguem duvidava que seria assim? Deixem atrasar e faturamos com o atraso.

Responder

Jose Paulo

17 de junho de 2011 às 15h17

Ou a mídia não entendeu o que leu, ou é pura má fé.
Não há segredo sobre os gastos. O sigilo é sobre a previsão de gastos sobre determinada obra antes da licitação. Isso para evitar que os concorrentes, já sabendo de antemão qual é o preço que o governo espera gastar, usem esta informação a seu favor.

Responder

    Zé Fake

    17 de junho de 2011 às 21h37

    Ou a mídia não entendeu o que leu, ou é pura má fé.

    Mídia com má fé ? Magina. isso nunca acontece!

Eduardo Zani

17 de junho de 2011 às 14h38

Acho que esse tb eh mais um assunto pra se ter cuidado com as informacoes(ou missinformation) da imprensa. Li em tudo o que eh lugar, inclusive em jornais de fora, que as licitacoes pra olimpiada e copa serao as escuras, sigilosas, lesivas ao erario e por consequencia o contribuinte. Mas cuidado, leiam, como eu fiz, mais a respeito. Inclusive o que me chamou a atencao pra me informar mesmo sobre esse assunto, foi a Voz do Brasil, a qual escutei segunda(eu acho). La, como sempre, as noticias nao sao cospidas por redatores ou ancoras. As pessoas sao entrevistadas, abre aspas fecha aspas. Recomendo mto a Voz do Brasil pra quem quer realmente se informar. E la fiquei sabendo que o sigilo, eh tao e somente, sobre o valor minimo que o governo aceita pra determinada licitacao. E inclusive, esse valor minimo, eh divulgado no dia de abertura dos envelopes com as propostas. Ou seja, no fim das contas, o valor posto sobre sigilo eh liberado, no maximo, no dia de abertura dos envelopes. Isso protege o contribuinte de jogatinas e combinamentos que a burguesia, por feder, faz em licitacoes ate de 100 reais nesse pais. E faz a mto tempo. A medida deveria ser extendida a todas licitacoes no pais, nao soh em eventos extra ordinarios. No rito ordinario, que sao 99,9% das licitacoes do pais, deveriam todas ser assim. Tirar a margem dos abutres, perdao, burgueses, delinquirem e dilapidarem o erario. Tb fiquei indignado inicialmente, mas procurando saber vi que pelo contrario, a medida eh benefica.

Responder

fabricio

17 de junho de 2011 às 14h32

Cade a Dona Dilma???

Responder

    Jairo_Beraldo

    17 de junho de 2011 às 20h34

    Assistindo palestras do Malocci…

    SILOÉ -RJ

    18 de junho de 2011 às 23h02

    Trabalhando mais do que nunca para acabar com a corrupção.

    Renato Lira

    19 de junho de 2011 às 10h52

    Tá cego, meu?

Procurador taxa como absurda MP de Teixeira | Blog de Primeira

17 de junho de 2011 às 14h06

[…] excelente blog Vi o Mundo (www.viomundo.com.br), do jornalista Luís Carlos Azenha, traz matéria publicada na Folha de SP na qual o […]

Responder

quantotempodura

17 de junho de 2011 às 13h57 Responder

paulo gimenes

17 de junho de 2011 às 13h35

que tal fazer uma entrevista com o relator e ouvir os dois lados. Esse povo do controle muitas vezes atrapalha. São um bando de advogados que se acham os mais probos do mundo e atrapalham. São uns tecnocratas.
Tem um monte de gente torcendo contra. Os despeirtados e os com sindrome de vira-latas. Este procurador é um deles. e tem muitommais principalmente pelo lado de SP.

Responder

Williams

17 de junho de 2011 às 13h29

Tem uns que compraram o discurso do #PIG, aqui. Sobre a #licitações da copa, foram sugeridas pelo #TCU e é modelo aplicado em vários países.

Responder

Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding
Loja
Compre aqui
O lado sujo do futebol

Tudo o que a Globo escondeu de você sobre o futebol brasileiro durante meio século!