VIOMUNDO

Diário da Resistência


Fiocruz alerta: Há nítida piora na ocupação de leitos de UTI Covid; uso de máscara e passaporte vacinal em locais públicos é obrigatório
Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil
Blog da Saúde VIOMUNDO na Pandemia

Fiocruz alerta: Há nítida piora na ocupação de leitos de UTI Covid; uso de máscara e passaporte vacinal em locais públicos é obrigatório


26/01/2022 - 12h08

Covid-19: cenário é de piora na ocupação de leitos de UTI

Por Ricardo Valverde, Agência Fiocruz de Notícia

O Boletim do Observatório Covid-19 Fiocruz divulgou nesta quarta-feira (26/1) uma Nota Técnica (na íntegra, ao final) sobre o cenário da pandemia no país, tendo como foco os indicadores de leitos de UTI para adultos no SUS.

Segundo a publicação, a situação é de piora, com muitos estados ampliando o número de leitos de UTI, e em 12 unidades da Federação (UF) houve um aumento nas taxas de ocupação.

Das 27 UF, 6 estados e o Distrito Federal estão na zona de alerta crítico, 12 estados estão na zona de alerta intermediário e 8 estão fora da zona de alerta.

Os pesquisadores do Observatório afirmam que a situação está nitidamente piorando, embora o avanço da vacinação ajude a desenhar um quadro diferente do de outros momentos mais críticos da pandemia.

Como fica claro na Nota Técnica, com a grande transmissibilidade atual, com a variante Ômicron, mesmo um número inferior de casos que necessitam de internação em UTI gera números expressivos que pressionam o sistema de saúde.

A vacinação faz com que indivíduos se tornem pouco suscetíveis a internações, mas idade avançada e comorbidades podem gerar vulnerabilidades. Até porque, uma parte considerável da população ainda não recebeu a dose de reforço e outra parcela nem foi vacinada.

Diante desse quadro, e em meio a estação mais quente do ano, que é também um período de férias que favorece aglomerações, a Nota Técnica reforça a importância de avançar na vacinação e endurecer a obrigatoriedade do uso de máscaras e do passaporte vacinal em locais públicos.

Os pesquisadores também sugerem a promoção de campanhas de orientação à população e o autoisolamento quando do aparecimento de sintomas.

Pernambuco (81%), Espírito Santo (80%) e Goiás (82%) se mantiveram na zona de alerta crítico, juntando-se a eles Piauí (82%), Rio Grande do Norte (83%), Mato Grosso do Sul (80%) e Distrito Federal (98%).

Na zona de alerta intermediário permaneceram Amazonas (75%), Roraima (70%), Pará (76%), Tocantins (77%), Ceará (75%) e Bahia (67%) e entraram Rondônia (65%), Amapá (69%), Rio de Janeiro (62%), São Paulo (66%) e Paraná (61%), que estavam fora da zona de alerta.

Mato Grosso (78%) deixou a zona de alerta crítico e também ingressou na zona de alerta intermediário.

Entre as 25 capitais com taxas divulgadas, 9 estão na zona de alerta crítico: Porto Velho (89%), Rio Branco (80%), Macapá (82%), Fortaleza (93%), Natal (percentual estimado de 89%), Belo Horizonte (95%), Rio de Janeiro (98%), Cuiabá (89%) e Brasília (98%).

Catorze estão na zona de alerta intermediário: Manaus (75%), Boa Vista (70%), Palmas (69%), São Luís (64%), Teresina (percentual estimado em 79%), Maceió (65%), Salvador (67%), Vitória (77%), São Paulo (71%), Curitiba (71%), Florianópolis (69%), Porto Alegre (60%), Campo Grande (79%) e Goiânia (75%).





5 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Zé Maria

27 de janeiro de 2022 às 21h06

As UTIs Pediátricas sobrecarregadas,
e os irresponsáveis mandando as crianças
para as Escolas para se infectarem.

Responder

Zé Maria

27 de janeiro de 2022 às 13h03

Foi por isso que o desgoverno Assassino de Guedes/BozoAsno
cortou a Verba Orçamentária destinada à Fiocruz?
Porque faz Pesquisa Científica e divulga dados da COVID?

Responder

    Zé Maria

    27 de janeiro de 2022 às 15h24

    Ou é porque a Fiocruz produz Vacinas?

Henrique Martins

26 de janeiro de 2022 às 20h45

https://noticias.uol.com.br/colunas/chico-alves/2022/01/26/morte-de-olavo-de-carvalho-foi-a-mais-comemorada-da-historia-do-brasil.htm

Olavo de Carvalho ser vítima do veneno que semeou mesmo que após a sua morte só pode ser coisa da providência divina.

Responder

Henrique martins

26 de janeiro de 2022 às 15h28

O Banco Central guardou indevidamente – para dizer o mínimo – a informação que existem 8 bilhões de reais pertencentes aos cidadãos brasileiros nos bancos sem que eles saibam.

Pois bem. Agora o BC diz que criou um link chamado ‘minha vida financeira’ para os cidadãos consultarem.
Acontece que no dia seguinte tirou o site do ar alegando excesso de demanda.
Ora minha gente, o site da receita federal aguenta uma demanda altíssima quando se trata do IR. Então para receber do cidadão a coisa funciona, mais para pagá-lo não funciona? É isso?
A coisa é tão nojenta que eu observei que a notícia sobre esses 8 bilhões na grande mídia só saiu no Estadão.
Vem cá, alguém faz ideia do quanto os banqueiros já lucraram com esse dinheiro esse tempo todo?
A propósito, que tal o BC chamar os técnicos da receita federal especializados em computação para ensina-los a manter no ar um site com alta demanda heim…
Está dificílimo viver no Brasil. Tem muita gente desonesta por aqui.

Responder

Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding