VIOMUNDO
O VIOMUNDO só é possível também através de anunciantes, e detectamos que você utiliza um AdBlock, bloqueador de anúncios.
Por favor considere ajudar o VIOMUNDO desativando o bloqueador para este site.
Cartas de Minas

Com rejeição alta, mesmo condenado Lula mantém vantagem com apoio das classes D e E; veja íntegra

30 de julho de 2017 às 12h22

Da Redação

Do Paraná Pesquisas é a primeira sondagem eleitoral desde a condenação do ex-presidente Lula.

O cenário favorece um candidato que apareça de última hora: a taxa de rejeição é altíssima mesmo daqueles que se apresentam como novatos.

João Doria, por exemplo, tem 42% de rejeição em início de mandato e Joaquim Barbosa, sem nunca ter concorrido, tem 42%.

Dito isso, mesmo depois da condenação o ex-presidente Lula mantém a liderança nos dois turnos sobre todos os adversários.

Jair Bolsonaro é identificado como o anti-Lula pela maioria, 31,2%, o que é indicador das boas chances que ele tem de passar ao segundo turno.

Bolsonaro conquista a maioria dos seus eleitores nas classes A e B, enquanto Lula deita e rola nas classes D e E.

A classe C está em disputa, com Lula batendo Bolsonaro por enquanto por 29% a 18%.

Leia também:

Jessé Souza: A classe média sustenta a herança do escravismo

 

6 Comentários escrever comentário »

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

lulipe

01/08/2017 - 22h02

Ele é realmente o cara, conseguiu o hexa antes mesmo da seleção.

https://noticias.uol.com.br/politica/ultimas-noticias/2017/08/01/moro-acolhe-denuncia-e-lula-vira-reu-pela-sexta-vez.htm

Responder

Luiz Carlos P. Oliveira

31/07/2017 - 15h55

Bozonazo, o militar aposentado aos 37 anos por ameaçar explodir quartéis pelo Brasil afora. A imprensa de esquerda deveria “levantar” os dados para saber por que ele se aposentou tão cedo. O engraçado é que o fascista, na hora de votar a aposentadoria do povo, não compareceu à Câmara para votar. Aliás, isso já é costume do enganador, pois na hora de votar emendas polêmicas, ele foge. Grande canalha e enganador.

Responder

Diogenes

30/07/2017 - 20h04

Se precisar o Moro prende todos os candidatos que nao sao do PSDB para o psdb ganhar a eleiçao.

Responder

Elvys

30/07/2017 - 14h18

Pesquisas sempre são o retrato do momento como todos sabem. Daqui até 2018 tem muita coisa pra acontecer.
Inclusive eleitor classe média paulistano tucano chegar ao ponto de dizer ‘estou com saudades do Lula’. E o jogo segue.

Responder

lulipe

30/07/2017 - 13h25

Lula, agora corrupto, mesmo quando tinha os maiores índices de popularidade nunca conseguiu vencer no primeiro turno. Agora com uma rejeição crescente será o candidato dos sonhos em um segundo turno de qualquer outro candidato. O mito vem aí!!!

PS: Torço pra que o condenado por corrupção possa concorrer, só assim será defenestrado de vez da política do país, mas acho que estará na cadeia na época das eleições ou pelo menos inelegível.

Responder

    Bonobo de Oliveira, Severino

    31/07/2017 - 04h53

    Wishful Thinking. O judiciário corrupto já não tem mais moral para colar em ninguém o rótulo de anunciado pela imprensa. Tanto é que o povo ignora solenemente as indicações dessa dobradinha judiciário/Globo. A credibilidade dessa dupla foi abalada na farsa da AP-470 e sepultada na Farsa a Jato. O povo não é bobo e sabe que não existe o CORRUPTO POBRE que o judiciário inventou em 2012 e tenta produzir a mesma aberração penal agora. Como disse o colega, não demora para que até a classe média paneleira comece a ter saudades de Lula.

Deixe uma resposta