VIOMUNDO

O protesto dos cineastas contra a “política do coturno”

26 de janeiro de 2012 às 09h33

por Paulo Preto, via e-mail

O filme Trabalhar Cansa, dos diretores Juliana Rojas e Marco Dutra, conquistou o Prêmio Governador do Estado para Cultura 2011, da Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo, na categoria Cinema. O que não estava no script é que Juliana e Marco, no discurso protocolar de agradecimento ao receber o prêmio, lessem um manifesto, de cerca de três minutos, denunciando os episódios deploráveis ocorridos na USP, na Cracolândia e no Pinheirinho, em que a PM paulista agiu com violência contra a população. No começo a audiência tucana ficou calada, mas depois começaram vaiar para tentar acabar com o ato.

O texto lido por eles, conforme transcrição do Victor Furtado:

Moção de repúdio à política do coturno em Pinheirinho

De um lado, pelo menos 1.600 famílias que lutam pelo direito de morar no bairro do Pinheirinho, em São José dos Campos (SP), ocupação que tem oito anos de existência. Do outro, mais de 2.000 policiais militares e civis cumprindo ordens da Justiça Estadual e da Prefeitura de São José dos Campos, em favor da massa falida da empresa Selecta, pertencente ao mega-especulador Naji Nahas. Ainda que não houvesse outras circunstâncias agravantes no caso, já seria possível constatar que as instâncias dos poderes executivo e judiciário fizeram a opção, em Pinheirinho, pela lei que protege a especulação imobiliária, em detrimento do direito das pessoas à moradia. Vence mais uma vez a política do coturno em prol do capital.

De um lado, bombas, armas, gases, helicópteros, tropa de choque. Do outro, dois revólveres apreendidos. Não há notícia de que tenham sido usados. Uma praça de guerra é instalada – numa batalha em que um exército ataca civis. Não há plano de realocação das famílias. As que não conseguiram ou não quiseram fugir, ou receberam dinheiro para passagens para outras cidades, ou estão sendo mantidas cercadas, com comida racionada, como num campo de concentração. A imprensa não pode entrar no local, não pode fazer entrevistas, e os hospitais da região não podem informar sobre mortos e feridos. O que se quer esconder? O Governo do Estado lavou as mãos diante do caso, assim como o Superior Tribunal de Justiça. O Governo Federal tardou em agir. A chamada “função social da propriedade”, prevista na Constituição Brasileira, revelou-se assim como peça de ficção, justamente onde a ficção não deveria ser permitida.

Mais uma vez, o Estado assume o papel de “testa de ferro” para as estripulias financeiras da “selecta” casta de milionários e bilionários. A política do coturno em prol do capital vem ganhando espaço. Assim está acontecendo na higienização do bairro da Luz, em São Paulo, preparando-o para a especulação imobiliária; assim vem acontecendo na repressão ao movimento estudantil na USP, minando a resistência à privatização do ensino; assim acontece no campo brasileiro há tanto tempo, em defesa do agronegócio. Os exemplos se multiplicam. E não nos parece fato isolado que, hoje, a quase totalidade dos subprefeitos da cidade de São Paulo sejam coronéis da reserva da PM. Nós, trabalhadores artistas, expressamos nosso repúdio veemente a esse tipo de política. Mais 1.600 famílias estão nas ruas: a lei foi cumprida. Para quem?”

Investigação VIOMUNDO

Estamos investigando a hipocrisia de deputados e senadores que dizem uma coisa ao condenar Dilma Rousseff ao impeachment mas fazem outra fora do Parlamento. Hipocrisia, sim, mas também maracutaias que deveriam fazer corar as esposas e filhos aos quais dedicaram seus votos. Muitos destes parlamentares obscuros controlam a mídia local ou regional contra qualquer tipo de investigação e estão fora do radar de jornalistas investigativos que trabalham nos grandes meios. Precisamos de sua ajuda para financiar esta investigação permanente e para manter um banco de dados digital que os eleitores poderão consultar já em 2016. Estamos recebendo dezenas de sugestões, links e documentos pelo [email protected]

R$0,00

% arrecadado

arrecadados da meta de
R$ 20.000,00

90 dias restantes

QUERO CONTRIBUIR
108 Comentários escrever comentário »

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Zé Brasil

28/01/2012 - 12h11

Parabéns Jornalista Boechat por voltar a ter os culhões de um bom Jornalista que pareciam estar perdidos em sua peroração diária no rádio só dando porrada nos Governos Lula e Dilma até se eles dessem um bom-dia!
Vamos ver quanto tempo dura este seu surto de bom jornalismo, o quê eu espero, ou se editorias do PIG vão te enquadrar na pauta do apoio incondicional aos demostucanos em suas cagadas seguindo a doutrina Ricupero:- " Eu não tenho escrúpulos. O que é bom a gente fatura; o que é ruim, a gente esconde".

Responder

Gabi

27/01/2012 - 15h14

Artista é aquele que está onde o povo está, mesmo que seja no Inferno, junto com a Comunidade do Pinheirinho.

Responder

Fabiano

27/01/2012 - 13h24

Eu quero muito saber se os paulistas vão assinar embaixo da barbárie do Chuchu na urnas.

Responder

Merlin

27/01/2012 - 11h12

ESPERO QUE NA HORA DO VOTO LEMBREM-SE QUE O PT E O PIG JA NAMORAM A ALGUM TEMPO! ACORDEM!

Responder

marcelo

27/01/2012 - 11h05

Excelente discurso.
Vejam a Privataria, isso acontece o tempo todo. Um bando de bandidos folgados

Responder

Dinha

27/01/2012 - 10h19

Palmas para ela! É isso aí governador chuchu a mercê dos banqueiros e especuladores!

Responder

Horridus Bendegó

27/01/2012 - 07h26

A Moção foi uma aula de História sobre a já tradicional atuação do Estado em prol da plutocracia.

Como em Canudos.

Responder

Impunidade

27/01/2012 - 03h00

Encastelados em Palácios não governam se escondem, manipulam, massacram. Justiça do Brasil mostrou a face ao mundo, arrogância, condenação a pobres e proteção aos ricos.
Os casais do Pinheirinho que estão sem casa e foram desalojados serão reconhecidos pelo mundo como injustiçados por gananciosos e deslumbrados.

Responder

Operante Livre

26/01/2012 - 23h16

E se os TUCANOS invadem o Brasil?!! por terra e ar. Aí chegam no planalto e, então,
Dilma, a sra. vai sentir. mais ainda, a dor dos moradores do Pinheirinho, quando os Tucanos te enclausurarem.
Não se esqueça, Dilma, que tua força veio do povo que você está deixando órfão.
Quando os Tucanos te cercarem a Sra. pode não ter quem te apoie.

Responder

    beattrice

    27/01/2012 - 09h52

    De fato Operante,
    os tucanos lançaram o mote, mas quem está "cansando"
    é a militancia que lutou por este governo e ve dia a dia as bandeiras abandonadas,
    enquanto dona Dilma recebe mimos e troca afagos com FHC, Kassab e Alckmin.

    Gabi

    27/01/2012 - 15h04

    É o ovo da serpente.

Zé Brasil

26/01/2012 - 21h59

Gostaria de ter visto uma tomada de cena a partir do palco: seria divertido ver as caras e bocas dos que não aplaudiram o tocante e corajoso discurso da Sra. Juliana Rojas ao ouvirem a grande salva de palmas mais do que merecida com que ela foi brindada.
Mais interessante ainda seria vê-los "rattling the jewelry", como disse John Lennon no Royal Variety Performance em Londres, em 4 de Novembro de 1963, durante os efusivos aplausos ao auspicioso casal que adentrara, atrasado, no recinto da premiação.
Uma a dúvida, tô meio surdo: – o quê é mesmo que o animador de velório, desculpe-me, o mestre de cerimônia, fala para a Sra. Juliana, por volta dos 2min19segundos do vídeo? Ele tenta impedí-la de prosseguir com sua fala, censurando-a? Foi isto? Alguém saberia dizer o quê ele falou? Grato!

Responder

Luci

26/01/2012 - 21h50

Juliana e Marcos falaram por milhoes de brasileiros, e pelo povo do Pinheirinho. Valeu.

Responder

Fabio_Passos

26/01/2012 - 21h47

Sensacional!
Manifesto porreta.

"Mais uma vez, o Estado assume o papel de “testa de ferro” para as estripulias financeiras da “selecta” casta de milionários e bilionários."

E que iniciativa corajosa de ler diante do alckmim e sua claque.
O trabalhador só pode contar com a solidariedade dos outros trabalhadores, porque da ricaiada ladra e seus representantes políticos só vem patifaria.

Responder

Luci

26/01/2012 - 21h18

Quem tem coração, sangrou de dor eu não consigo dormir a imagem da senhora Claudineidi de 70 anos com câncer de mama, no chão me nocauteou, eu fiquei desesperada, angustiada, me senti mal.
Tomara esta ação seja seguida por mais artistas, atletas.
Estes maravilhosos artistas, sensíveis poderiam convocar uma ação de solidariedade com a classe artistica e o povo na frente do teatro Municipal. "Violência Não. Moradia para abrigar a Vida e Cultura".

Responder

alexandre

26/01/2012 - 21h14

a radio jovem pig , porta voz oficial do nosferato nada falou sobre este premio.
ouço todo dia o jurnal das seis para ouvir o nelio rodolfo e outros puxarem o saco
do vampiro e do picolé , contam até as vezes que eles respiram por dia . mas nao
falaram sobre este passa-moleque.
pig é fiel.

Responder

Maria

26/01/2012 - 21h11

O Alckmin foi receber o prêmio categoria horror, cadê a foto.

Responder

Maria

26/01/2012 - 21h09

O Alckmin entrar na sala depois que os atores leram o Manifesto, mais uma imagem rude para a sua biografia. Casal coragem, receberam aplausos de quem gosta de filme de horror.
E o padre de São José dos Campos, onde o povo dormia nos bancos e no chão, recebeu uma visitinha ordenando para que colocasse o povo nas ruas e ele correu para debaixo da cama, atrás do penico.Covarde, tonto.
Tem que receber umas aulinhas de coragem da Juliana e do Marco.

Responder

RicardoJ.

26/01/2012 - 20h32

Parabéns aos premiados que chamaram à responsabilidade constitucional estas autoridades falidas de SP. Que venha as próximas eleições!

Responder

Sergio

26/01/2012 - 20h21

Nossa, quanta virulência!! Só para esclarecer estes comentários anti-tucanos todos : este blog não é daquele senhor que trabalhava na demoníaca Globo e hoje trabalha na estatal federal traço zero TV Brasil ?
Aqueles "revolucionários" alunos (?) da USP não estaval depredando o patrimônio público ( nosso ??) e fumando seus baseadinhos???
Não posso crer que todo o Tribunal de São Paulo esteja "vendido" !
Pelas imagens que foram divulgadas, houveram excessos sim e devem ser apurados, mas se não me engano, a ocupação foi em uma propriedade privada, houve um processo pedindo a reintegração de posse e ela foi cumprida. Como manda o estado de direito. A ação não julga o mérito do proprietário em ser o dono do terreno.
Perguntinha chata : onde estão os milhões de casa do Minha casa, minha vida??? Ou as habitações do CDHU ???
Quem estiver muito indignado e estarrecido, pode adotar um ou dois dos viciados da Cracolândia e ajudar a tratar os infelizes e se tiver um espacinho maior, receber uma ou duas famílias…
Ora, pessoal, enquanto estão aqui "espumando" que tal exigir dos governos, nas três esferas, EDUCAÇÂO de qualidade, SAÚDE de verdade, um plano habitacional realista, uma REFORMA POLÍTICA de verdade, sem senador suplente, sem ficha suja, sem TV ESTATAL, sem controle da imprensa????
Sem SAÚDE de verdade, não adianta a polícia ocupar a cracolândia : estas pessoas precisam de atendimento multi disciplinar para abandonar o vício e, na saída, alguma perspectiva de vida!!!!

Responder

    Luiz Carlos Azenha

    26/01/2012 - 20h29

    Informe-se antes de escrever besteira. Nunca trabalhei na TV Brasil.

    Almir

    26/01/2012 - 20h53

    Por que é que você não sabe onde estão as habitações do Minha Casa Minha Vida? Ora, porque não pretende morar em nenhuma delas, ora!

    alexandre

    26/01/2012 - 21h10

    vote de novo no serra

    Daniel

    26/01/2012 - 21h16

    "Perguntinha chata : onde estão os milhões de casa do Minha casa, minha vida??"
    Estou morando em uma.

    Rodrigo

    26/01/2012 - 21h40

    Rapaz, eu sinto uma certa estranheza ao perceber a sua postura em favor dessa política estadual. Como é possível você defender tal postura diante dos fatos? Você prega que existe uma necessidade de haver saúde de qualidade, educação de qualidade e outras coisas, mas para isso me parece que você é conivente com essa violência desenfreada, digna de regimes políticos totalitários. Só posso imaginar que vc é um dos poucos beneficiados com toda esta situação, o que não deixa de ser patético e reducionista. Se é para ter educação de qualidade, por que o governo estadual não cumpre a lei do piso dos professores, que já foi ratificada por limiar do governo federal? Você não escreveu no seu texto "Que se cumpra a lei!" Reforma política? Como, se há 20 anos o governo estadual é o mesmo, e trabalha incansavelmente para manter as coisas como elas estão? Ordem conquistada no coturno e no cacetete ao invés de uma gestão democrática. Honestamente, me parece simplista demais a sua argumentação, e definitivamente reacionária. Espero que você se lembre destes seus ideais quando chegar a sua vez de sentir a violência e a opressão do estado…

    Airton

    27/01/2012 - 10h02

    Aliás informe-se sobre praticamente cada item argumentado: propriedade privada produto de grilagem é legítima? Ocupar um espaço que é dos alunos é depredar patrimônio público (dantes abandonado às traças)? Quem participa do público os alunos ou as traças? Sabia que a prefeitura de SJ dos Campos de Concentração não apresentou projeto para utilizar os recursos federais disponíveis para resolver a questão? Se vc sabe que a questão do consumo de drogas é estrutural (demanda emprego estável, educação e saúde) porque espera que acolhendo um drogado em minha casa eu resolveria um problema de ordem social? Por que vc não argumenta de verdade?

Yarus

26/01/2012 - 19h51

Só faltou "avacionarem" o Médico Alkcmin Mengele…

Responder

Maria

26/01/2012 - 19h28

http://super.abril.com.br/religiao/opus-dei-exerc…. No final da matéria cidades onde o OPUS DEI exerce domínio.
OPUS DEI a fé é pretexto para o exercício do poder. http://youtu.be/lLfP6asGNis

Responder

aparecidospoliticos

26/01/2012 - 19h03

Encorajante essa manifestação de artistas! Nós, do coletivo de artistas, Aparecidos Políticos, engrossamos esse coro! Todo apoio aos trabalhadores e os artistas! Contra a política fascista do governo de São Paulo!

Responder

Luci

26/01/2012 - 18h11

As autoridades nã estão em sintonia com o povo. Há dois Brasis. Não cancelaram nehum compromisso e todos impecavelmente vestidos, penteados, corados e com muitos sorrisos, para demonstrar que está tudo bem no mundo deles. Para o povo do Pinheirinho RUA e Policia.

Responder

David

26/01/2012 - 17h17

Na hora que apresentam a categoria "circo" chega o palhaço!

Responder

    beattrice

    26/01/2012 - 20h05

    De mãos dadas com a equilibrista.

alex

26/01/2012 - 16h21

RICARDO BOECHAT: "GOVERNADOR NÃO ADIANTA IR NA MISSA TODO DOMINGO. NÃO ADIANTA REZAR, FALAR COM DEUS, LER A BÍBLIA …
E ser na prática, no "mundo dos homens", alguém que faz isso com seus semelhantes. Governador, procure na bíblia que o senhor lê, alguma passagem que lhe dá cobertura moral e ética para fazer o que ser fez com a Comunidade Pinheirinho.
OUÇAM: http://www.youtube.com/watch?v=mghmTSVEyrM&fe

Responder

Ana

26/01/2012 - 16h19

http://www.guiame.com.br/ntc/prefeito-gilberto-ka
"No segundo dia da visita oficial do prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, ao Líbano, a comitiva brasileira teve audiências em Beirute com o presidente do país, general Michel Suleiman, com o presidente do Conselho de Ministros, Fouad Siniora, e visitou a União das Câmaras Árabes de Comércio. Nos três encontros, a pauta foi o aprimoramento das relações culturais e comerciais entre os dois países.
No encontro com o presidente do Conselho de Ministros, no Grand Sérail, sede do governo libanês, o prefeito Gilberto Kassab revelou o interesse da Prefeitura de São Paulo em conhecer detalhes do projeto de restauração do Solidare, região do centro de Beirute que foi destruída pelas guerras que se estenderam durante as décadas de 70 e 80 do século passado e é considerada modelo internacional para recuperação de áreas degradadas. O prefeito Kassab pretende aplicar algumas propostas na reabilitação de áreas como a Nova Luz."

Responder

paulo

26/01/2012 - 16h07

Fico aqui pensando quantos milhões a MÍdia Nativa não vai levar por abordar superficialmente esse caso!?A Folha ($) , Estadão ($), Veja ($), Época (4) , Isto É ($) e a Globo ($). Hoje, as notícias nesses meios que mais sobresaem na primeira página, são outras, ficando o caso Pinheirinho em último lugar.

Responder

sergio

26/01/2012 - 16h06

E o PIG? noticiou essas barbaridades?

Responder

    Fabio_Passos

    26/01/2012 - 22h07

    Imagine.
    Eu não acompanho a mídia-corrupta, mas seguramente aprovaram com entusiasmo a violência covarde.

    globo / veja / estadão / fsp são a máquina de propaganda da "elite" branca e rica… sempre apóiam que a polícia roube trabalhadores pretos e pobres. E de preferência que ainda desça o cacete prá mostrar quem manda no Brasil.

adriano

26/01/2012 - 16h06

Uma "madama" no finalzinho do vídeo questiona: "Porque pegou o dinheiro então?" Ora minha senhora, os cineastas ganharam o premio, simples assim, e devem receber quaisquer premiações referente ao evento até porque o dinheiro foi pago com nossos recursos… Alias, eles deveriam ganhar um premio pelo concurso e outro pela coragem de falar verdades!

Responder

    Bonifa

    26/01/2012 - 20h15

    É o Princípio Reverso do Prazer, que Madame evoca, Adriano. Segundo este princípio pequeno burguês, idealistas não têm direito ao prazer. Esta concepção levava constantemente à UDN denunciar nas manchetes de seus órgãos de imprensa que Luiz Carlos Prestes fora visto em Copacabana tomando uísque com generosas rodelas de calabresa. Para eles, o prazer era destinado exclusivamente aos que vendiam a alma ao diabo capitalista, e Prestes estava cometendo um crime contra seu propalado idealismo. Também uma certa burguesinha falou célebre frase para pessoal do Pasquim: "Não entendo como vocês são de oposição e no entanto gostam tanto de sexo".

    luiz pinheiro

    26/01/2012 - 20h27

    Para a madama, tudo é questão de compra e venda. Cinema, Pinheirinho, premio, discurso, tudo. .

Alexandre Lins

26/01/2012 - 15h50

Bravo!!!!!!!!!!!!

Responder

Elias SP SP

26/01/2012 - 15h47

Só não entendi uma coisa. Por que os que aplaudiram veementemente o texto lido não vaiaram o governador Geraldo Alckmin quando este foi logo seguida à frente do público?

Responder

    Ana

    26/01/2012 - 16h06

    Não teriam direito a participar do coquetel. O que não entendo é como estas pessoas sorriem, do que será?

    Elias SP SP

    26/01/2012 - 16h38

    Sem dúvida, riem da impunidade, Ana

VIÇOSO

26/01/2012 - 15h17

Esta faltando a opinião da Regina Duarte ante as cenas violentas no Pinheirinho, na Cracolandia e na USP, ela vai dizer "Tenho medo!!!" Porque não se expressa agora.

Responder

FrancoAtirador

26/01/2012 - 15h08

<img src="http://www.consciencia.net/img/governo-sjc-sp.jpg"&gt;

Responder

CLAUDIO LUIZ PESSUTI

26/01/2012 - 15h01

Enquanto isso uma tragedia urbana ocorreu no RJ, certamente por falta de controle de obras por parte da prefeitura, e , nos blogs "sujos" não ha um ÚNICO post a respeito!E , uma pena , parece que quem mora em SP tem mais atenção que o povo carioca, uma discriminação dos blogs com o Rio!Ah, la no Rio, na tragedia do Centro , onde 3 prédios caíram, deve haver 20 mortos!
Ja sobre Pinheirinho, realmente uma tragedia para os paulistas, já perdi a conta de posts e referencias.

Responder

Marcelo Rodrigues

26/01/2012 - 14h49

Os premiados estão de parabéns pelo já histórico discurso. Se me fosse dado palpitar, acrescentaria três palavras:

O Governo do Estado lavou as mãos – em sangue inocente – diante do caso, assim como o Superior Tribunal de Justiça.

Responder

priscila presotto

26/01/2012 - 14h34

Foi o Andrea Matarazzo ,que disse :CHEGA?Depois beijou a mão da "primeira dama "?Quão déspotas são estes homens.E as mão das avós ,mães ,trabalhadoras que estão desalojadas?Diiiiiiiiiiiiiiilma kade vc?

Responder

    beattrice

    26/01/2012 - 20h08

    Recebendo mimos do Kassab junto com FHC.
    É lá que a DIlma está.

Bonifa

26/01/2012 - 14h00

Há um aspecto terrível que ainda não foi abordado nesta história triste. É a da ação policial em sí, por todos os seus aspectos. Quem anda treinando as polícias do Brasil, e particularmente a polícia de São Paulo? Esta polícia foi treinada por algum país destes que hoje praticam abertamente o terrorismo de Estado? A impressão que dá é que este tipo de polícia foi treinada para esmagar o povo latino-americano, quando os prepostos dos Estados terroristas retornem ao poder no Continente.

Responder

    beattrice

    26/01/2012 - 20h09

    Detalhe
    todos os PMs estavam sem identificação e com luvas de borracha,
    para bom entendedor pingo é letra.

    Fabio_Passos

    26/01/2012 - 21h59

    Complexo de vira-lata.
    Fique o sr sabendo que a polícia brasileira é a mais bem treinada polícia do mundo para arrebentar pobre e preto.
    São séculos de contínuo treinamento a serviço dos interesses de meia dúzia de branquelos ricos.

Paulo Preto

26/01/2012 - 13h40

E o silêncio da presidenta Dilma permanece…Inacreditável!

Responder

beattrice

26/01/2012 - 13h39

O texto é contundente e verdadeiro
e a coragem destes brasileiros é ímpar, denunciando o ataque ao estado de direito
de dentro do ovo da serpente.
Em tempo,
a cara de "para que eu quero descer" do Andrea mattarazzo,
não tem preço!

Responder

Nelson Menezes

26/01/2012 - 13h27

O governador do Estado e o Prefeito de São José dos Campos vão ser honrrados com o titulo de os
CARNICEIROS DO PINHEIRINHO

Responder

    beattrice

    26/01/2012 - 20h10

    São José dos Campos de Concentração
    A cidade foi renomeada por favor.

Ana Cruzzeli

26/01/2012 - 13h22

É só o começo seu Alckmin, é só o começo…

Até o dia de sua derrota derradeira que será em 2014 mais constrangimento irá passar, seu Alckmin.
-Não poderá mais sair as ruas sem ser chamado de criminoso
-Não poderá ir a eventos públicos sem o nariz virado da plateia como um contagioso que seu virus a todos contamina.
-Não seu Alckmin ,seu calvário está apenas começando, seu SAFADO. Muitos constrangimento o esperam, seu CRAMUNHÃO

Queremos cada vez mais cineastraS que nos emocionam, mas principalmente que se emocionem com a causa humana…
Glauber Rocha não morreu, seu espirito está aí representado.

Responder

Sônia

26/01/2012 - 12h52

Parabéns, enfim alguns corajosos. Se vaiaram é porque sabem bem o que fizeram, mas nada sentem. E farão novamente. O comentarista retrógrado do SBT achou a ação correta. Mas iso não me surpreende. Surpreenderia se fosse a favor do povo. Alguns parecem ter estudado jornalismo na Alemanha Nazista. Meu Deus, quando vamos nos livrar desse fardo ideológico rançoso.

Responder

    Gabi

    27/01/2012 - 15h12

    Vaiaram por entenderam que o recado era para eles , que apoiam este governo.

victor

26/01/2012 - 12h44

Ele esta tentendo pegar uma fatia do eleitorado que sempre votou na direita e extrema direita

Responder

Eduardo

26/01/2012 - 11h58

O melhor do vídeo é o final. A chamada cereja do bolo. Quem só leu o texto, não sabe o está perdendo por não assistir as imagens. Parece até que foi ensaiado…

Responder

José Tadeu

26/01/2012 - 11h43

Caríssimos Juliana e Marcos;

A corajosa atitude de vocês vai marcar a história de São Paulo e do Brasil.

Vocês tiveram a coragem que faltou ontem a Dilma.

Volto a depositar esperança na juventude do meu Brasil.

Juliana e Marcos meu profundo agradecimento a vocês, por favor não esmoreçam.

José Tadeu

Responder

FrancoAtirador

26/01/2012 - 11h38

.
.
E SE FOSSE NO IRÃ ?

Que enfoque daria a oligarquia máfio-midiática,

se a guarda iraniana, sob as ordens dos Aiatolás,

expulsasse dos lares 1.200 famílias de iranianos

e depois destruísse as casas dos 5.000 moradores?

E, numa hipótese remotíssima e improvável,

SE FOSSE EM CUBA OU NA VENEZUELA ?
.
.

Responder

    Renato

    26/01/2012 - 12h54

    Hipótese remotíssima? Um mandava os inimigos para o paledon e prende os opositores e outro está roubando propriedades de seus inimigos.

    Renato

    26/01/2012 - 15h43

    Em Cuba não falam nada, pois lá não existe oposição e na Venezuela a Oposição está sendo eliminada.
    Em relação a Venezuela, olha como são bem educados dos filhos de Chaves. http://noticias.r7.com/internacional/noticias/fil

    luiz

    26/01/2012 - 23h58

    Aqui no Brasil a oposição também está sendo eliminada, se não fosse o pig, já não restaria mais nada da oposição sem rumo.

Tatiane

26/01/2012 - 11h34

Simplesmente maravilhoso…Bravo….Bravo
“O poder sem ética se destrói por si mesmo”

Responder

Alexandre Felix

26/01/2012 - 11h27

Agora só falta a resposta nas urnas. Paulistas, paulistanos…chega de tucanagem!

Responder

    Jose Mario HRP

    26/01/2012 - 11h33

    Sei lá mas 17 anos dessa m……é o fim da picada! O nosso povo(sou paulista) deve ser masoquista!

    Thiago_Leal

    26/01/2012 - 13h15

    Não é masoquista; é simplesmente preconceituoso e materialista no sentido chulo do termo. Valoriza a propriedade privada e despreza a vida humana alheia. E SP ainda se considera católico…

    Alexandre Felix

    26/01/2012 - 16h14

    Na mosca, caro Thiago.

    beattrice

    26/01/2012 - 20h06

    Mas é católico, do OPUS DEI, conheça a seita e entenderás meu caro.

João Paulo

26/01/2012 - 11h27

Meus parabéns aos jovens cineastas. Começo a ter esperança de que este pesadelo terminará.

Responder

Alonso

26/01/2012 - 11h23

Assisti ao vídeo novamente e ver as bem vestidas e cheirosas madames incomodadas não tem preço. Um detalhe no final do vídeo aos 3'27" uma senhora questiona: – "Por que pegou o dinheiro então? Por que pegou o dinheiro?". Será que ela está se referindo: a) aos cineastas premiados pelo belo trabalho? b) Ao governador que estava ouvindo o manifesto atrás da porta? c) Ao Naji Nahas et caterva?

Responder

    beattrice

    26/01/2012 - 13h44

    Essa senhora certamente frequenta reuniões do OPUS DEI com dona lu que graças a isso conseguiu anular o casamento anterior para casar com o atual marido

Ana

26/01/2012 - 11h22

Parabéns aos artistas, atitude e coragem no protesto dentro do Palácio dos Bandeirantes.

Responder

Jose Mario HRP

26/01/2012 - 11h21

Tiveram que engolir guela a baixo o protesto………
Muito legal essa molecada do Bem!

Responder

    JoãoP

    26/01/2012 - 13h03

    Quero discordar do "molecada"! São Cidadãos do mais alto nível! Parabéns para Juliana Rojas e Marco Dutra, vou gravar o nome de vocês para sempre.

kimparanoid

26/01/2012 - 11h18

Parabéns aos cineastas pela coragem e pela decência de dizer o que tinha de ser dito.

É Geraldo, estamos [email protected] com o Pinheirinho entalado na garganta! Você comprou uma briga feia, governador.

Responder

Julio Silveira

26/01/2012 - 11h16

Essa turma de aristocratas bossais concentrados no PSDB que dissimulam estar ao lado da lei para aplicar repressão aos cidadãos mais humildes, que se regozijam em festividades, em momentos de pesar após tão triste evento dando demonstração de insensibilidade humana. São o que de mais podre e triste está hoje incrustado na politica brasileira. Dão vazão a seus instintos. Sempre voltados a prejudicar os mais carentes, "amparados na lei", "no regime democratico de direito", expressões que utilizam de forma hipocrita nas conveniências do momento. E, como todos os cidadãos de maus principios as usam, utilizando cada meandro da letra legal em beneficio proprio, subvertendo o principio do beneficio coletivo. O Brasil, com sua conjuntura social unica, em que os aristocratas preservam as estruturas de poder bem azeitadas para seu proveito, e relegam a maioria da cidadania a uma degradande segunda classe, começa a acordar para esse grupo colonialista, preconceituoso e retrogrado. Felizmente a maior parte da sociedade que é a prejudicada já começa a perceber que o Brasil sempre esteve luta de classes, só que a menos favorecida nunca na se deu conta por causa da dissimulação e dos investimentos nessa camuflagem.

Responder

Alonso

26/01/2012 - 11h13

É a classe artística se renovando e colocando a boca no mundo quando há espaço e voz , coisa que a mídia fascista não dá.

Responder

priscila presotto

26/01/2012 - 11h12

Alkimin ficou escondidinho .até acabar o manifesto?Tirou o bigodinho ?Cara de pau!

Responder

Jose Antonio Batata

26/01/2012 - 11h07

A DEMOCRACIA tem que derrotar esse TUCANOS Nazistas de São Paulo. O POVO de São Paulo não merece o Governo que tem. O POVO de São Paulo e bom , o PSDB é que atrapalha.

Responder

    Jairo_Beraldo

    26/01/2012 - 11h20

    Só de São paulo, amigo? Temos que linchar esta casta em todo o Brasil, antes que a segregação social e racial se instale de vez no país mais democratico do mundo. Nem na ditadura dos milicos havia tanta violencia gratuita contra civis como agora. E o pior…sob as "barbas" da presidente que diz ter sofrido estas barbáries naquela época e hoje aplaude os que usam de tais métodos de forma imoral e injustificada.

    Gersier

    26/01/2012 - 11h26

    Concordo,os tais righoto e álvaro dias mais ao sul,os jereissati no nordeste,os mendes e apadrinhados no centro oeste.Felizmente o do norte,o tal arthur CPI,aquele que iria dar uma surra no Lula e levou uma grande sova, foi silenciado pelo "barulho" das urnas.

    Jose Antonio Batata

    26/01/2012 - 13h20

    O PSDB é uma organização de EXTREMA-Direita em São Paulo , nos outro estados e um partido de direita.

Luiz

26/01/2012 - 11h06

O que gostei foi o apoio de praticamente todos que estavam no local. Se isso é uma amostra do que os paulistas pensam vai ter um revertério nas próximas eleições, enterrando de vez a velha política do coturno e do geito "moderno de governar", pretenção dos tucanos e sócios do butin.

Responder

José Vitor

26/01/2012 - 11h06

As que não conseguiram ou não quiseram fugir, ou receberam dinheiro para passagens para outras cidades, ou estão sendo mantidas cercadas, com comida racionada, como num campo de concentração. A imprensa não pode entrar no local, não pode fazer entrevistas, e os hospitais da região não podem informar sobre mortos e feridos.

Nazismo.

Responder

    Aline C Pavia

    26/01/2012 - 11h39

    As doações estão sendo confiscadas e roubadas.
    Moradores de SJC que foram levar SABONETE e TOALHA DE BANHO tiveram as doações confiscadas pela prefeitura.
    Os refugiados/deportados do Pinheirinho estão sendo alocados na Favela do Rio Comprido, que está interditada pela Defesa Civil por conta dos riscos acarretados pelas chuvas.
    Alckmin, o Pinheirinho e a Cracolândia são o seu Carandiru. Você acabou de enterrar seu futuro político.

    José Vitor

    26/01/2012 - 12h18

    Você acabou de enterrar seu futuro político.

    Vai nada. Ele está fazendo isso tudo de caso pensado, pra matar politicamente o Serra e herdar seus eleitores nazistas. O PIG vai dar um jeito de limpar a imagem do Alckmin, assim como limpou a imagem do Kassab quando ele saiu descontrolado, aos berros, atrás de um cidadão que ousou reclamar. E o PIG ainda vai colocar a culpa de Pinheirinho em cima do governo federal. Esperem só pra ver.

    Thiago_Leal

    26/01/2012 - 13h14

    Nem será preciso tanto. Alckmin fez tudo isso já em clima de campanha. A galera de cá, que achou um absurdo o que houve em Pinherinho, já não ia votar nele mesmo. Mas dentre os "ponderados", aquele pântano de extremo centro, tenho certeza de que conquistou muitos votos, impressionados pela forma como ele foi "corajoso" ao defender o império da lei e a propriedade privada. Afinal, na cabeça desses, os pobres são muito afobados e inconsequentes…

    Antônio Carlos

    26/01/2012 - 15h04

    Em alguns blogs já existem pessoas colocando a culpa no Governo Federal!!!! Recebi alguns emails que continham mensagens acuando o Governo Federal.

    Jose Mario HRP

    26/01/2012 - 12h40

    O padre da igreja onde estavam muitos desabrigados foi ameaçado!
    Será que a chantagem com o padre não é crime?
    E o relato das mortes, não seria o caso de ir ao MP federal diante da negativa de informações nos hospitais e nos DPs da policia civil?

Bernardino

26/01/2012 - 10h58

Este VIDEO junto com o do BOECHAT precisam se r divulgados pelo Brasil inteiro ao s milhoes para queimar de vez o Filme da TUCANALHA que habitam o TUCANISTAO. O CHUCHU ALCKMIN espertamente nao foi a missa na SÉ sobrou tudo para o KASSAB,poste do SERRA na prefeitura.
Com certeza espero seja o fim da linha para a TUCANALHA que infesta o estado ha anos,mesmo com o apoio da Imprensa corrupta,manipuladora e antipatriota que temos
O Fillme do governo federal tambem esta queimando com a D DILMA posando ao lado de quem a atacou !!
o livro sobre ela esta encalhado escrito por um bajulador :Coragem de nao sei o QUE? Proponho seja escrito outro: DA GUERRILHA A COVARDIA com prefacio de Fernando PImentel !!!!!!!!!!!!!!

Responder

    beattrice

    26/01/2012 - 13h43

    A vida quer é coragem vale mesmo é para os refugiados paulistas do Pinheirinho
    tratados como não brasileiros pelo ministrinho Cardozo Pilatos que lavou as mãos
    e disse que não tem nada a ver com isso.
    Cardozo Pilatos décadas depois reconheceu a vitória de SP na malfadada revolução de 32,
    os que vierem ao estado providenciem passaportes.

Flavio Wittlin

26/01/2012 - 10h50

Aos corajosos e abnegados vencedores do prêmio, Juliana Rojas e Marco Dutra, minha irrestrita admiração.
Compartilho vídeo de 50 segundos pela luz que vocês revelaram. http://www.youtube.com/watch?v=jVXW6U0pN1Y

Responder

sérgio

26/01/2012 - 10h30

Parabéns a Juliana e Marcos, é minimo que se pode dizer por essa atitude!!!

Responder

Fabio

26/01/2012 - 10h27

Azenha estas tragedias urbanas , tem acontecido todos os anos, esta especificamente feita pela a ação dos poderes judiciário e estadual e as outras que depois que acontecem não vemos uma virgula na imprensa , nem nos blogs .
O que aconteceu com os favelados no morro do 'bumba' em Niteroi,o que foi feito ? E em Blumenau o que foi feito, com esta a cidade , estão ocupando novamente as areas de risco?
E em Teresopolis , em Alogoas e Pernambuco o que tem sido feito?
Temos varias areas de risco sendo ocupadas , como na Serra do Mar na Anchieta , o que o poder publico realmente faz , só retira os escombros e depois deixa todo mundo a Deus dara ,prepara algum tipo de moradia .
Como cada partido trabalha com esta questão ?

Responder

roque

26/01/2012 - 10h26

Não é de se estranhar o comportamento dos governantes paulistas eles estão seguindo a cartilha do nobre sóciologo menbro da academia brasileira de letras que manipulada pela rede globo,e que coloca quem quer la dentro dizendo serem intelectuais, mais só penssam em defender os ricos destes pais.Eé. Em comun acordo com o judiciario deste pais que já esta falido, esperamos que os novos jovéns juizes e desembargadores quem venham a subistituir esta massa falida tenham como metas cumprir as leis dentro dos seus pricipios de que a lei tem que ser cumprida sem privilegios.

Responder

Gerson Carneiro

26/01/2012 - 10h08

Nota-se a burguesada ficando incomodada. No final um pelego tucano vai tirar satisfações e é deixado falando sozinho, rodando feito um peru bêbado.

Responder

FrancoAtirador

26/01/2012 - 10h05

.
.
O TRISTE ESPETÁCULO REAL:

"…o Estado assume o papel de “testa de ferro” para as estripulias financeiras da “selecta” casta de milionários e bilionários.
A política do coturno em prol do capital vem ganhando espaço.
Assim está acontecendo na higienização do bairro da Luz, em São Paulo, preparando-o para a especulação imobiliária;
assim vem acontecendo na repressão ao movimento estudantil na USP, minando a resistência à privatização do ensino;
assim acontece no campo brasileiro há tanto tempo, em defesa do agronegócio.
Os exemplos se multiplicam.
E não nos parece fato isolado que, hoje, a quase totalidade dos subprefeitos da cidade de São Paulo sejam coronéis da reserva da PM.
Nós, trabalhadores artistas, expressamos nosso repúdio veemente a esse tipo de política.
Mais 1.600 famílias estão nas ruas: a lei foi cumprida. Para quem?"

O Lema da Bandeira brasileira já foi até substituído.

De "ORDEM & PROGRESSO" passou a ser "REPRESSÃO & RETROCESSO".
.
.

Responder

blogdofajardo

26/01/2012 - 09h58

Agiram com arrogância e prepotência. O Estado de São Paulo parecia governado por nazis. Colherão os frutos. Desaparecerão da cena política paulista.

Responder

Marcelo Silva

26/01/2012 - 09h50

BRAVO!!!!
e a cara do Malkimim???
uhauhauhauhuahuhauhahua

Responder

    beattrice

    26/01/2012 - 13h40

    A assessoria salvou ele e dona lu do fiasco, ficaram na prota do lado de fora e só entraram quando acabou.

    Gabi

    27/01/2012 - 15h10

    Entraram quandosabiam que iam receber aplausos dos puxa sacos.Estão com pós doutorado em dissimulação e tática de guerra.

lourdes

26/01/2012 - 09h43

Que texto fantástico, assino embaixo!! Parabéns pela coragem dos diretores, atitude digna e lúcida!! Restaura minha confiança no gênero humano.

Responder

Deixe uma resposta