VIOMUNDO

Diário da Resistência

Sobre


PT de Salvador vai às ruas ajudar os pobres: duas toneladas de alimentos em 4 horas
Reprodução
Você escreve

PT de Salvador vai às ruas ajudar os pobres: duas toneladas de alimentos em 4 horas


17/04/2021 - 18h12

PT de Salvador arrecada duas toneladas de alimentos em 4 horas 

Via e-mail

Neste sábado (17), considerado “Dia Nacional de Solidariedade Petista”, o PT de Salvador arrecadou duas toneladas de alimentos não perecíveis no ‘Drive Thru Solidário’ em 4 horas de ação.

O ato aconteceu no Largo da Dinha, no Rio Vermelho, com a entrega de dentro dos veículos e com higienização de mãos e embalagens, marcando a culminância da Campanha Nacional “PT Solidário” em Salvador.

A ação nacional está acontecendo em todo o Brasil, mobilizando a militância do partido para a doação solidária, com o objetivo de combater a fome, que já atinge 19 milhões de brasileiros.

Em Salvador, a ação foi organizada pelo diretório municipal, através do Comitê Petista “Fora Bolsonaro”, e teve início na última terça-feira (13), com a divulgação dos locais de entrega, chamados Pontos de Esperança, espalhados em diversos bairros da cidade.

Nesta primeira etapa da campanha, sete entidades solidárias de Salvador irão receber as primeiras toneladas de alimentos e farão a distribuição para as famílias carentes de diversos bairros da cidade.

Entre elas, está o Grupo São Francisco de Assis, em Periperi; o Grupo étnico Cultural da Bahia, no Bairro da Paz; o Projeto Quarentena Sem Fome, no Subúrbio e Pernambués; a União de Moradores de São Caetano e Fazenda Grande do Retiro; o Coletivo das Vozes Pretas, no Calabetão e Mata Escura; e o projeto Afrobogum, no Engenho Velho da Federação.

Para o presidente do PT municipal, Ademário Costa, a ação é uma forma de dar esperança a milhares de brasileiros que estão sem comida na mesa em plena pandemia.

“Pela primeira vez, depois de 17 anos, metade da população não sabe o que vai comer e se comerá. É muito triste ver esse cenário de fome retornar ao Brasil depois do país sair do Mapa da Fome nos governos petistas. Portanto, convocamos toda a militância e sociedade a participarem deste ato de solidariedade que vai continuar na capital”, destacou o dirigente.

Além dos dirigentes e militantes de diversos bairros da cidade, a ação contou com a presença dos vereadores Marta Rodrigues e Luis Carlos Suíca, o deputado estadual Jacó e os deputados federais Afonso Florence e Jorge Solla.

A arrecadação vai até o final da pandemia.

Campanha PT Solidário

A Campanha PT Solidário arrecadou cestas básicas em todo Brasil, marcando o dia nacional da Solidariedade Petista, para ajudar os mais de 55% dos lares brasileiros, cerca de 116,8 milhões de pessoas, que convivem com algum grau de insegurança alimentar desde 2020.

O combate à fome sempre foi prioridade em todas as gestões do PT e foi em 2013, no governo Lula, que o Brasil saiu do Mapa da Fome da ONU.

A partir de 2016, após o golpe que tirou a presidenta Dilma Rousseff da presidência, o Brasil voltou a registrar números crescestes de fome entre a população mais carente.

E a situação só se agravou no Governo Bolsonaro e a sua condução caótica no enfrentamento à pandemia, levando milhares de pessoas ao desemprego e sem auxílio emergencial de 600 reais.





1 comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Zinda Vasconcellos

19 de abril de 2021 às 14h09

Deviam participar da entrega tb. É preciso que o povo saiba que sao eles que estao recolhendo. Isso nao é demagogia, é informaçao verdadeira sobre quem se importa com a fome.

Responder

Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding