VIOMUNDO

Diário da Resistência


Antes mesmo da “queda” dos filhos de Bolsonaro, Globo costurava com generais e agora se declara alva como a neve
Reprodução
Você escreve

Antes mesmo da “queda” dos filhos de Bolsonaro, Globo costurava com generais e agora se declara alva como a neve


19/02/2019 - 21h44

Ouça acima a íntegra dos áudios trocados entre Bolsonaro e Bebianno

Da Redação

Esta terça-feira determinou a queda do triunvirato que pretendia governar o Brasil através do pai.

Carlos Bolsonaro, que reassumiu seu mandato de vereador no Rio de Janeiro, está afastado do Planalto.

O irmão senador, Flávio, está sob suspeita e investigação por envolvimento com o laranjal da família e a milícia de Rio das Pedras.

Eduardo, o deputado federal por São Paulo, está bem mais quieto que o corriqueiro, depois de fazer “diplomacia” com o governo Trump nos Estados Unidos.

Desmoralizado, Jair Bolsonaro será refém.

Primeiro dos militares, depois de Moro e Guedes.

E, através dos três pilares, eventualmente da própria Globo.

Quantos meses até que tenha fim o privilégio dado a “outras emissoras”?

Os Marinho, espertamente, já tinham jogado bola nas costas de Jair colocando seu lobista em Brasília, Paulo Tonet, para se encontrar com os generais Augusto Heleno e Santos Cruz.

Bolsonaro não deu um único pio a respeito…

A turma do Jardim Botânico, que nasceu e cresceu graças e com dinheiro da ditadura militar, não resiste a uma farda!

NOTA DO GRUPO GLOBO

O Grupo Globo considera que não tem nem cultiva inimigos.

A própria natureza de sua atividade jamais permitiria qualquer postura em contrário.

Hoje, como sempre, sua missão é levar ao público jornalismo independente – dando transparência a tudo o que é relevante para o País – e entretenimento de qualidade.

Continuaremos a trabalhar nesta mesma direção.

A visita de Paulo Tonet Camargo, Vice-Presidente de Relações Institucionais do Grupo Globo, ao então ministro-chefe da Secretaria Geral da Presidência, Gustavo Bebianno, constava da agenda pública do ministro, divulgada na internet.

Visitas de diretores do Grupo Globo a autoridades dos diferentes poderes, servidores públicos, executivos de empresas e representantes da sociedade civil são rotineiras.

E, nesse aspecto, não nos diferenciamos de qualquer grupo empresarial que pretenda ouvir todas as vozes de uma sociedade livre, de forma transparente e com agenda pública, mantendo relações estritamente institucionais e republicanas.

A mídia descontrolada: Episódios da luta contra o pensamento único
A mídia descontrolada

O livro analisa atuação dos meios de comunicação.

A publicação traz uma coletânea de artigos produzidos por um dos maiores especialistas do Brasil no tema da democratização da comunicação.

Por Laurindo Lalo Leal Filho



2 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

luiz roberto

20 de fevereiro de 2019 às 05h38

Isso só fortalece a globo. Mais ainda,melhor ser inimiga do que amiga de um governo de antas..

Responder

Zé Maria

19 de fevereiro de 2019 às 23h25

Jair Bolsonaro eleito na base da Mentira.
Filhos de Bolsonaro Porta-Vozes de Olavo.
Rede Globo nos Subterrâneos do Poder.

Nada há de novo debaixo do Sol e da Lua…

Responder

Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding
Loja
Compre aqui
A mídia descontrolada

O livro analisa atuação dos meios de comunicação e traz uma coletânea de artigos produzidos por um dos maiores especialistas do Brasil no tema da democratização da comunicação.