VIOMUNDO

Diário da Resistência

Sobre


Ion de Andrade: Ibope, Datafolha e Vox dizem o mesmo; crescimento da candidatura Haddad é volumoso
Luiz Carlos Azenha
Você escreve

Ion de Andrade: Ibope, Datafolha e Vox dizem o mesmo; crescimento da candidatura Haddad é volumoso


27/10/2018 - 23h32

Ion de Andrade, especial para o Viomundo

Neste sábado (27/10), último dia da campanha do segundo turno, três pesquisas sobre a intenção de votos para a Presidência da República foram divulgadas.

A da Vox Populi aponta um empate técnico entre Fernando Haddad (PT) e Jair Bolsonaro (PSL).

Já o Datafolha e Ibope  apresentam tendência de aproximação entre os dois candidatos.

Na pesquisa do Ibope, a diferença é de oito pontos e no Datafolha, de dez.

Porém, há uma diferença importante entre elas.

Todas as entrevistas da pesquisa de campo do Vox Populi foram feitas neste sábado, 27 de outubro.

Já as pesquisas do Ibope e Datafolha utilizaram também entrevistas feitas no dia 26.

Vamos assinalar que oito a dez pontos percentuais de diferença representam, na realidade, como numa balança de pratos, quatro ou cinco pontos de vantagem.

A margem de erro de dois pontos para mais ou para menos poderia aproximar essa diferença de quatro a cinco pontos para apenas dois ou três.

Isso significa que, na verdade, todos institutos estão dizendo o mesmo que a pesquisa do Vox Populi.

Mas o que explicaria a diferença, ainda que pequena, entre as pesquisas do Ibope e Datafolha que fizeram entrevistas sexta (26/10) e sábado (27/10) e a do Vox Populi que a fez apenas no dia 27?

Se as metodologias forem comparáveis — e provavelmente são — isso significa que há, em andamento, uma mudança expressiva na intenção de votos dos brasileiros.

Uma onda que parece favorecer a candidatura Haddad e que foi capaz de mover a diferença de três a cinco para o Datafolha ou de dois a quatro do Ibope para um a dois pontos para Instituto Vox Populi.

É importante destacar que  só a pesquisa Vox Populi foi feita exclusivamente no dia 27.

Um interessante gráfico com dados de todas as pesquisas circulou pelo whatsapp dias atrás.

Essa imagem — do qual desconheço o autor — é demonstrativa de uma tendência que as três últimas pesquisas do Datafolha, do Ibope e a do Vox Populi continuaram a desenhar nesta derradeira rodada: a de uma virada da preferência do eleitorado.

Ninguém pode prever o futuro ou o resultados das eleições.

Porém, se os institutos tiverem utilizado metodologias fiáveis, essa tendência favorável a Haddad estaria se movendo a uma velocidade de cerca de três a quatro pontos percentuais nas últimas 24 horas.  E, assim, teria sido capaz de reduzir a distância entre os candidatos.

Considerando a curva acima é possível, sim, considerar que todos os institutos tenham razão.

Eles apontam para um crescimento volumoso da candidatura Haddad.

Últimas unidades

A mídia descontrolada: Episódios da luta contra o pensamento único
A mídia descontrolada

O livro analisa atuação dos meios de comunicação.

A publicação traz uma coletânea de artigos produzidos por um dos maiores especialistas do Brasil no tema da democratização da comunicação.

Por Laurindo Lalo Leal Filho



3 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Zé Maria

28 de outubro de 2018 às 09h30

Ontem, poucos perceberam que o Ciro apoiou a Candidatura Haddad,
mesmo não citando o nome, no momento em que falou se posicionou
“a favor da Democracia e Contra a Intolerância”.
E deu a dica de que só não subiu no palanque de Fernando Haddad,
porque acredita que o TSE proceda a impugnação da candidatura Botsonaro
por caixa 2 e abuso de poder econômico, fato que proporcionaria
a ocorrência de uma nova Eleição Presidencial entre ele, Ciro, e Haddad.

Responder

Cláudio

28 de outubro de 2018 às 04h13

Dom, 28/10/2018 – 04:13

:
: * * * * Ouvindo A(s) Voz(es) do Brasil e postando * * * * * :

Com a convicção da vitória :

Agora (e sempre) é 13

Vamos ter, sim, Lei de Mídias

#Haddad13

#13HaddadeManuela

Responder

Fernando

28 de outubro de 2018 às 01h10

Vejo Haddad subindo e Bolsonaro caindo. Tipo um X. Hj veremos se haverá esse ” cruzamento ” ou não. Pela velocidade que caiu acho que o Haddad vira, até mesmo pq o país tem 5570 municípios e só foi feita a pesquisa em menos de 10% das cidades. Se 90% tiver essa mesma tendência a curva e 90% maior e favorece Haddad.
Vamos ver se minha teoria matematica está certa.

Responder

Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding
Loja
Compre aqui
A mídia descontrolada

O livro analisa atuação dos meios de comunicação e traz uma coletânea de artigos produzidos por um dos maiores especialistas do Brasil no tema da democratização da comunicação.