VIOMUNDO

Diário da Resistência

Sobre


Fepal: Carta desde a diáspora brasileira ao povo palestino que resiste; íntegra e vídeos
Reprodução
Você escreve

Fepal: Carta desde a diáspora brasileira ao povo palestino que resiste; íntegra e vídeos


17/05/2021 - 10h36

Federação Árabe Palestina do Brasil (Fepal) 

O que está acontecendo na Palestina essa semana começou há mais de 70 anos.

Afinal, foi no dia 15 de Maio de 1948, que se inicia a NAKBA – “a catástrofe”.

Parte do plano de limpeza étnica e sua principal estratégia de colonização, perpetrado pelo sionismo contra a população Palestina.

A Nakba é diária. É constante. Acontece por décadas.

E o que o mundo assiste essa semana em Jerusalém e em Gaza é mais um passo do projeto do apartheid sionista.

Nesse vídeo, traçamos um panorama da Nakba através dos anos até essa trágica semana em 2021.

Pela memória de todos os palestinos e palestinas que perderam suas vidas em todos esses anos de luta – exigimos o direito que todos os refugiados tem de voltar a sua terra.

Palestina livre a partir do Brasil. Jerusalém como nossa capital. #palestinalivre #nakba #apartheidisrael

Uma publicação partilhada por Federação Árabe Palestina (@fepal_brasil)





1 comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

abelardo

17 de maio de 2021 às 13h12

Enquanto as supostas “grandes nações” continuam com a hipocrisia, com a falsa cegueira, com a falsa mudez e com as falsas afirmações de sentimentos e discórdias pelo genocídio praticado nos últimos 73 anos pelos governos sionistas em Israel. Qual a razão dessas supostas “grandes nações” se acovardarem diante de tantos crimes praticados por Israel, contra a Palestina, que deixam péssimos exemplos para todo o nosso planeta e o infinito universo, no reino de Deus. O que o destino reserva para Israel após a invasão, após os assentamentos ilegais, após os graves e flagrantes roubos de territórios pela força bruta e após o apoio estratégico e desumano das supostas “grandes nações” do nosso planeta, a toda carnificina que dura 73 anos anos contra povo palestino? A história mostra que o bem não perde para o mal e países como Cuba, Vietnam, Japão, África do Sul, Iraque, Coréia de Norte, etc são os maiores exemplos de que Deus não abandona os mais fracos, que heroicamente enfrentam os mais supostamente fortes.

Responder

Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding