VIOMUNDO

Diário da Resistência

Sobre


Enquanto Renato apoia Bolsonaro,  D’alessandro se solidariza com trabalhadores da educação em greve
Fotos recebidas por WhatsApp do professor de História da rede municipal Saulo Rodrigo
Você escreve

Enquanto Renato apoia Bolsonaro, D’alessandro se solidariza com trabalhadores da educação em greve


27/11/2019 - 15h38

por Luís Carlos Bolzan

Enquanto Renato apoia Bolsonaro que ataca e destrói direitos sociais e trabalhistas, D’alessandro se solidariza com trabalhadores da educação em greve.

D’alessandro, ídolo colorado, visitou e cumprimentou professores da rede estadual do Rio Grande do Sul em greve.

D’alessandro é ídolo de um clube, o Internacional, o “clube do povo”, e a cor é vermelha.

Últimas unidades

A mídia descontrolada: Episódios da luta contra o pensamento único
A mídia descontrolada

O livro analisa atuação dos meios de comunicação.

A publicação traz uma coletânea de artigos produzidos por um dos maiores especialistas do Brasil no tema da democratização da comunicação.

Por Laurindo Lalo Leal Filho



4 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

LuisCPPrudente

28 de novembro de 2019 às 17h18

Infelizmente não é característica da maioria dos jogadores brasileiros serem honestos e conscientes. No passado havia mais jogadores assim.

Responder

Zé Maria

27 de novembro de 2019 às 23h11

Servidores Públicos Estaduais do Rio Grande do Sul acompanham Magistério Gaúcho e iniciam Greve Por Tempo Indeterminado contra o atraso, parcelamento de salários e retirada de direitos pelo Governo de Eduardo Leite (PSDB)

A greve está sendo construída a partir de uma articulação entre o Sindicato dos Servidores Públicos do RS (Sindsepe), o Sindicato dos Servidores de Nível Superior do Poder Executivo do Estado do RS (Sintergs), o Sindicaixa e associações de várias outras categorias de servidores estaduais.

“Estamos reivindicando um direito básico, que é receber o nosso salário. Nós já perdemos tudo, então nada irá nos intimidar neste momento”, disse Antonio Augusto Medeiros, da Associação dos Fiscais Agropecuários do Rio Grande do Sul (Afagro).

O presidente do Sindicaixa, Érico Corrêa, reconheceu que será uma dura batalha, mas também destacou que os servidores estão com muita disposição de derrotarem o “Pacote da Morte” enviado pelo Governador Tucano à Assembleia Legislativa.

“O governador sabe que a população nos apoia, a sociedade conhece as mentiras do governo e está vendo a situação de desespero que os servidores estão vivendo”, afirmou.

Ao falar da solidariedade da população com os servidores, Érico Corrêa citou as 180 moções de apoio à mobilização que já foram aprovadas em Câmaras de Vereadores no interior do Estado.

Reportagem de Marco Aurélio Weissheimer, no Sul21

https://www.sul21.com.br/ultimas-noticias/politica/2019/11/servidores-publicos-estaduais-iniciam-greve-por-tempo-indeterminado-no-rs/amp/

Responder

Airoldi Lacroix Bonetti Júnior

27 de novembro de 2019 às 21h54

Nosotros te saludamos, pibe colorado, que Dios dé salud,paz y amor com tu pueblo y incha encarnada!!

Responder

a.ali

27 de novembro de 2019 às 16h24

eis a grande diferença…dá-lhe d’alessandro!

Responder

Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding
Loja
Compre aqui
A mídia descontrolada

O livro analisa atuação dos meios de comunicação e traz uma coletânea de artigos produzidos por um dos maiores especialistas do Brasil no tema da democratização da comunicação.