VIOMUNDO

Diário da Resistência

Sobre


XP-Ipespe: Boulos empata com Covas no limite da margem de erro, depois de crescer 21 pontos em cinco semanas
Reprodução Facebook
Política

XP-Ipespe: Boulos empata com Covas no limite da margem de erro, depois de crescer 21 pontos em cinco semanas


26/11/2020 - 13h41

Da Redação

Guilherme Boulos (Psol) subiu de 32% para 41% e Bruno Covas, do PSDB, manteve os 48% anteriores, de acordo com pesquisa da XP-Ipespe divulgada hoje.

Com isso, os dois concorrentes ao segundo turno em São Paulo estão tecnicamente empatados no limite da margem de erro, que é de 3,5% para mais ou para menos.

As pesquisas publicadas pelo Valor Econômico

A mesma pesquisa mostra que a rejeição ao governo Bolsonaro em São Paulo é de 57% e a do governador João Doria, patrono de Covas, 47%, ambas em alta.

Na propaganda eleitoral do rádio, a campanha de Doria ataca Boulos sugerindo que ele não é confiável.

Refere-se ao fato de que Boulos perdeu de Covas no primeiro turno em seu próprio bairro, o Campo Limpo, “com 77% de rejeição”.

“Por que será?”, pergunta o locutor.

O gráfico da evolução

De acordo com a série de pesquisas da XP-Ipespe sobre um segundo turno entre os dois candidatos, Bruno Covas chegou a bater em 55% da preferência, nos dias 9 e 10 de novembro, mas caiu para 48% e manteve o mesmo patamar agora.

Boulos tinha apenas 20% em 19 e 20 de outubro e cresceu 21 pontos desde então, com a queda dos que pretendem votar branco e nulo de 25% para 15% desde o final de setembro.





1 comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Zé Maria

26 de novembro de 2020 às 20h47

Boulos50 Vai Virar !!!
Erundina Vai Voltar !!!
São Paulo Vai Ganhar !!!

Responder

Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding