VIOMUNDO

Diário da Resistência


Jandira Feghali: Governo Bolsonaro torrou milhões em publicidade por reformas, mas não faz campanha contra coronavírus
Reprodução
Política

Jandira Feghali: Governo Bolsonaro torrou milhões em publicidade por reformas, mas não faz campanha contra coronavírus


20/03/2020 - 11h58

Da Redação

A deputada federal Jandira Feghali (PCdoB-RJ), que é médica, criticou em rede social o governo Bolsonaro por ter feito campanha publicitária para aprovar as reformas, mas não contra a pandemia de coronavírus.

“Milhões gastos em 2019 para aprovar a reforma contra os trabalhadores e nenhuma campanha até agora para informar a população sobre medidas de combate ao coronavírus!”, ela observou.

Na reforma da Previdência, por exemplo, o governo Bolsonaro pagou R$ 915 mil ao apresentador Ratinho em troca de quatro elogios feitos por ele à proposta no SBT.

A parlamentar tem dito que o foco do governo federal até agora é em atender às demandas da classe média alta, aquela que trouxe o vírus ao voltar de viagens internacionais, sem cuidar da população de baixa renda — que pode entrar com um número desproporcional de mortos.

Veja o vídeo.





3 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Zé Maria

21 de março de 2020 às 16h43

https://youtu.be/zF2pXXJIAGM?t=3670

Responder

Zé Maria

21 de março de 2020 às 00h41

Os Transportes Coletivos são os maiores responsáveis pelo contágio do coronavírus nas metrópoles.
Se os Governos querem realmente ajudar as pequenas e médias empresas, na epidemia, então que fechem os metrôs e paguem os salários dos empregados que deixarão de ir ao trabalho.
Assim protegerão a vida dos trabalhadores e subsidiarão os empresários.
Em vez de dar dinheiro para as empresas, dêem então para os trabalhadores assalariados

Responder

Henrique Martins

20 de março de 2020 às 12h17

Bolsonaro acha que as pessoas idosas e doentes nao merecem a proteção do Estado. A live dele de ontem mostra uma pessoa completamente insensível. Acontece que os doentes também pagam impostos. E os idosos coitados, pagaram impostos a vida inteira.
Mais a justiça será feita .
O gado dele também tem pai, mãe, avó e avô.

Responder

Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding