VIOMUNDO

Diário da Resistência


Marco Aurélio acusa STF de manipulação da pauta e diz que foi ”obrigado a agir”
Lula Marques/Agência PT
Denúncias

Marco Aurélio acusa STF de manipulação da pauta e diz que foi ”obrigado a agir”


19/12/2018 - 22h33

Marco Aurélio acusa STF de manipulação da pauta e diz que foi obrigado a agir

por Lisandra Paraguassu, da Reuters

BRASÍLIA (Reuters) – O ministro do Supremo Tribunal Federal Marco Aurélio Mello disse à Reuters que decidiu pela liminar que suspendeu as prisões em segunda instância porque houve uma manipulação da pauta da Corte e ele foi “obrigado a agir”.

“Minha consciência ditou essa decisão. Houve uma manipulação da pauta”, disse o ministro, acrescentando que liberou duas ações para julgamento em dezembro de 2017 e uma terceira, em abril deste ano.

“Por que não foi para pauta? Quem norteia a pauta pode ter feito isso (adiamento) e eu não posso no recesso tomar uma decisão? Eu tive que atuar. Eu tomei outras decisões importantes hoje.”

Marco Aurélio disse ainda que apenas o plenário do STF poderia derrubar sua liminar, que está acima de qualquer um.

“Se adotar autofagia em prejuízo à instituição, poderá ser derrubada. Vamos aguardar”, disse o ministro.

Marco Aurélio suspendeu no início desta tarde, em caráter liminar, todas as prisões de condenados em segunda instância cujos processos tenham recursos aos tribunais superiores que não tenham transitado em julgado, em decisão que pode beneficiar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Leia também:

Gleisi acusa juíza de Curitiba de fazer manobra que afronta decisão do STF

Últimas unidades

A mídia descontrolada: Episódios da luta contra o pensamento único
A mídia descontrolada

O livro analisa atuação dos meios de comunicação.

A publicação traz uma coletânea de artigos produzidos por um dos maiores especialistas do Brasil no tema da democratização da comunicação.

Por Laurindo Lalo Leal Filho



7 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

carlos

26 de dezembro de 2018 às 18h48

O Gilmar Mendes ficou com ciumes do Marco Aurélio, porquê ele vendia HC de um a um, o outro vendeu por atacado, STF a vergonha nacional .

Responder

elton carrasco

24 de dezembro de 2018 às 11h33

Gilmar Mendes soltou muitos e muitos presos condenados, inclusive aquele médico criminoso estuprador Abdelmassit……e em nenhum momento um presidente do STF derrubou liminares de Gilmar. Mas agora o cafajeste-presidente covarde por medo dos verde-olivas e para prejudicar Lula, derruba a liminar de Marco Aurélio……é cafajestice sem fim, desde que aquela vadia andou adiando pautas para ferrar Lula.

Responder

Otto

21 de dezembro de 2018 às 12h20

Foi obrigado a agir por causa de sua vaidade e mau-caratismo. Autocrata de toga que não admite ser contrariado.

Responder

ELIZABETH BRITO CORREIA

20 de dezembro de 2018 às 22h31

Marco Aurélio Mello agiu de acordo com a lei ! Será que não estão nas mãos de alguém? STF está tão acovardado será que estão sendo ameaçados. ESSA É UMA IMPRESSÃO QUE EU TENHO. #LULALIVREJÁ O CARA GANHOU AS ELEIÇÕES USANDO DISPAROS DO WATTSAPP COPIADO DOS ESTADOS UNIDOS. AGORA JÁ ELEGERAM, POR QUE NÃO SOLTAR LULA? JÁ ESTÁ TUDO DOMINADO PELA DIREITA FÉTIDA NÃO HÁ RAZÃO PARA MANTER LULA É #PRESOPOLITICO.
#LULALIVREJÁ

Responder

maria do carmo

20 de dezembro de 2018 às 08h20

Parabens Ministro Marco Aurelio por exercer suas funcoes como verdadeiro sacerdocio na defesa da constituicao, parabens pela coragem de enfrentar os acovardados, sem medo de exercer tao sagrada missao ficara na historia, acordem senhores ministros, nao se deixem intimidar pelos outros poderes, e pensar que o judiciario era o mais admirado e respeitado… Cade os guardioes da contituicao?…

Responder

Zé Maria

20 de dezembro de 2018 às 00h28

Primeiro, a PreZidenti do Çuprêmu, Carminha Midiática,
impede o julgamento pelo Pleno do STF das ADCs 43 e 44
colocadas à Disposição pelo Relator para Inclusão em Pauta.
Depois, barra também a apreciação da ADC 54 com Cautelar.
Aí, o Dias assume a Presidência e joga pra 2019 as 3 ADCs.
Não há como ficar quieto, ao observar tanta Manipulação.

Responder

Deixe uma resposta para carlos

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding
Loja
Compre aqui
A mídia descontrolada

O livro analisa atuação dos meios de comunicação e traz uma coletânea de artigos produzidos por um dos maiores especialistas do Brasil no tema da democratização da comunicação.