VIOMUNDO
O VIOMUNDO só é possível também através de anunciantes, e detectamos que você utiliza um AdBlock, bloqueador de anúncios.
Por favor considere ajudar o VIOMUNDO desativando o bloqueador para este site.
Cartas de Minas
Cartas de Minas

Petrobras: O empoderamento das mulheres

18 de junho de 2010 às 12h22

Conceição Oliveira

Segurando a imensa tristeza da morte de Saramago, leio uma boa notícia para continuar o dia. Trago-a para compartilhar com vocês: a Petrobras adere aos Princípios de Empoderamento das Mulheres, propostos pelo Fundo de Desenvolvimento das Nações Unidas para a Mulher. Mais que isso, em seis anos a empresa quase dobrou o número de mulheres em seus quadros: em 2003, eram 4.406 mulheres trabalhando na Petrobras, em dezembro de 2009,  8.268.

Do blog Petrobras

18 de junho de 2010

A Petrobras anunciou, esta semana, a adesão aos Princípios de Empoderamento das Mulheres, propostos pelo Fundo de Desenvolvimento das Nações Unidas para a Mulher (UNIFEM) e pelo Pacto Global das Nações Unidas. O documento elenca sete princípios que fornecem às empresas orientações práticas para a promoção de igualdade de gênero no ambiente de trabalho, no mercado e na comunidade.

Em curso desde 2004, os Princípios de Empoderamento das Mulheres tem como objetivo proporcionar condições para que as mulheres participem plenamente da vida econômica em todos os setores e níveis da atividade econômica. Visa também atingir os objetivos internacionalmente acordados para o desenvolvimento, a sustentabilidade e os direitos humanos, melhorar as condições de vida para as mulheres, homens, famílias e comunidades e impulsionar as operações e metas dos negócios.

Os sete Princípios de Empoderamento das Mulheres são:
1. Estabelecer liderança corporativa de alto nível para a igualdade de gênero;
2. Tratar todas as mulheres e homens de maneira justa no trabalho – respeitar e apoiar direitos humanos e não-discriminação;
3. Assegurar saúde, segurança e bem-estar a todos, trabalhadoras e trabalhadores, mulheres e homens;
4. Promover educação, treinamento e desenvolvimento profissional para as mulheres;
5. Implementar desenvolvimento empresarial e práticas de cadeia de suprimentos e marketing que empoderem as mulheres;
6. Promover igualdade através de iniciativas comunitárias e de defesa;
7. Medir e publicamente relatar o progresso no alcance da igualdade de gênero.

A Petrobras integra, desde 2006, o Programa Pró Equidade de Gênero, da Secretaria de Políticas para as Mulheres e, desde 2003, é signatária do Pacto Global da ONU. A participação das mulheres na Companhia tem crescido a cada ano. Em 2003, eram 4.406. Em dezembro de 2009, esse número já havia subido para 8.268.

O anúncio da adesão da Petrobras aos Princípios de Empoderamento das Mulheres foi feito esta semana (14/6) pela gerente de Orientações e Práticas de Responsabilidade Social da Petrobras, Sue Wolter Vianna, durante o Encontro Regional para o Fortalecimento da Equidade de Gênero, realizado no Rio de Janeiro. “Em maio, o presidente da Petrobras, José Sérgio Gabrielli, assinou os Princípios de Empoderamento das Mulheres. Este documento mostra o compromisso da Petrobras para avançar ainda mais nesta discussão. É também um marco para a empresa e um novo desafio junto com o Pacto Global para trazer mais organizações para esse movimento”, destacou Sue.

Através de um depoimento em vídeo exibido no Encontro, a representante do UNIFEM Brasil e Cone Sul, Rebecca Tavares, parabenizou a iniciativa da Petrobras. “A adesão da Petrobras aos Princípios de Empoderamento das Mulheres é um grande incentivo para que mais empresas brasileiras façam parte deste esforço mundial. Parabenizamos a visão de negócio da Petrobras de investir em mulheres e incorporar a igualdade de gênero na sua política organizacional”, afirmou a representante.

O evento, promovido pelas empresas que assinaram a Carta Compromisso com o Programa Pró-Equidade de Gênero, reuniu representantes das próprias empresas e da OIT e da Unifem, integrantes do Sistema das Nações Unidas. Os encontros são feitos regularmente para debater medidas de equidade de gênero no mercado de trabalho. Em 2009, foi realizado o I Ciclo, que reuniu 1500 pessoas em 5 reuniões em diferentes estados brasileiros.

Em 2009, Petrobras, Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, Embrapa, Eletrobrás e Serpro assinaram a Carta Compromisso, que depois também recebeu a adesão de Itaipu e CPRM – Serviço Geológico do Brasil. No documento, as empresas signatárias propõem-se a promover o Ciclo de Encontros Regionais para Fortalecimento da Equidade de Gênero, com objetivo de intensificar a troca de experiências e estimular novas adesões à iniciativa.

Apoie o VIOMUNDO

Crowdfunding

Veja como nos apoiar »

O lado sujo do futebol

A Trama de Propinas, Negociatas e Traições que Abalou o Esporte Mais Popular do Mundo.

Entre os mais vendidos da VEJA, O Globo, Época e PublishNews. O Lado Sujo do Futebol é o retrato definitivo do que acontece além das quatro linhas. Um dos livros mais corajosos da história da literatura esportiva, revela informações contundentes sobre as negociatas que empestearam o futebol nos últimos anos. Mostra como João Havelange e Ricardo Teixeira desenvolveram um esquema mafioso de fraudes e conchavos, beneficiando a si e seus amigos. Fifa e CBF se tornaram um grande balcão de negócios, no qual são firmados acordos bilionários, que envolvem direitos de transmissão e materiais esportivos. Um grande jogo de bolas marcadas, cujo palco principal são as Copas do Mundo.

por Luiz Carlos Azenha, Amaury Ribeiro Jr., Leandro Cipoloni e Tony Chastinet.

Compre agora online e receba em sua casa!

 

22 Comentários escrever comentário »

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Glecio_Tavares

10/07/2010 - 22h27

Sou feminista, quando Lula escolheu Dilma eu estava meio cético, mas ela prova cada dia que Lula é um genio.
O Brasil precisa que suas mulheres levantem e mostrem o caminho do amor.
Viva o Brasil e a MULHERADA.

Responder

Wilma

04/07/2010 - 15h50

Sei de um caso bem escabroso na Refinaria Landulfo Alves – RLAM da Bahia, que os dirigentes da Petrobrás estão empurrando com a barriga e com esta atitude estão matando aos poucos esta moça. Mais dados no blog da FNP(Fedração Nacional dos Petroleiros )http://blogdafnp.blogspot.com/2010/03/informes-sobre-leninha.html. O nome da vitíma chama-se Edilene Farias Oliveira, mais conhecida por Leninha.

Responder

Nilton

20/06/2010 - 14h04

Na Petrobras a poderosa diretoria de gás e energia é chefiada por Graça Foster… A unidade que mais produz petróleo no país, UN-Rio, com 1200000 barris/dia é chefiada por Marina Franchesi…

Responder

Milton Hayek

20/06/2010 - 02h36

Encontrei,Azenha,a última cena da Deusa Audrey Hepburne.Morrer deve ser mais fácil se ela for o primeiro anjo que encontrarmos do outro lado:

[youtube 8TQsZ9X1gkY http://www.youtube.com/watch?v=8TQsZ9X1gkY youtube]

Responder

    Milton Hayek

    20/06/2010 - 15h00

    Filme "Além da eternidade".Steven Spielberg,1989.

Malu

20/06/2010 - 00h57

Eduardo… dá até esperança em ver um homem escrever isso…!!

Responder

VanderResende

19/06/2010 - 20h35

Acho que o texto deveria informar quanto era a quantidade total de funcionários em 2003 e qual a quantidade total em 2009. Com os dados apenas da variação da quantidade de mulheres fica dificil de saber o nível de aumento de participação feminina.

So para informar, entre "2003 e 2007 o número de empregados subiu de 45.476 para 64.885 (segundo http://robertounicamp.blogspot.com/2008/12/seguin… ).

Ou seja, de 2003 a 2007 houve um aumento de quase 50 % dos funcionarios, se os dados estiverem corretos.
Isso sem contar que de 2008 a 2009 houve um aumento significativo do numero de funcionarios, mediante diversos concursos públicos, aumento de áreas de atuação e diversificação de empresas do grupo petrobras.

Como disse, sem saber qual o aumento do numero de funcionários total fica dificil de considerar os dados de forma objetiva.

Embora acredite que realmente o numero de contrataçoes de mulheres tenha se intensificado.
Até porque as contrataçoes são por concursos públicos, e nos últimos anos as mulheres tem conquistado muito mais cargos públicos mediante concursos do que homens. Dado que pode ser observado nos resultados da maior parte dos concursosm, pois em muitos, pelo menos a maior parte dos que eu vi ultimamente, para salarios medios de 2000 a 7000, o numero de mulheres aprovadas é maior que o de homens.

Responder

    Nilton

    20/06/2010 - 13h57

    Em 2003 eram aproximadamente 36000, em 2009 são perto de 52000.

Jairo_Beraldo

19/06/2010 - 12h40

"Aliás… o futuro da humanidade depende única e exclusivamente das mulheres"…sempre dependeu, Pamplona…quem me pariu foi uma mulher…a voce não?

Responder

Gerson Carneiro

18/06/2010 - 23h13

Eu torço muito para minha mulher ganhar mais que eu.
Meu amor, eu te amo.

Responder

    Jairo_Beraldo

    19/06/2010 - 10h45

    Mas que cabra safado tu é…me lembrou Pedro Caroço, de Xique-Xique, aí pertinho de Irecê!

    Gerson Carneiro

    19/06/2010 - 11h25

    Berardão,
    fica na tua, briga de marido e mulé não se mete a culé.

    Jairo_Beraldo

    19/06/2010 - 12h38

    Tá certo!…..

    dukrai

    19/06/2010 - 23h42

    eu já consegui, e ela disse que vai fazer doutorado, aí vou pedir pra aumentar a mesada rs

    Nilton

    20/06/2010 - 13h59

    Ai que inveja docê…

Alba

18/06/2010 - 20h52

Fico feliz de ver essa notícia , ainda mais que colaborei em um processo de Empoderamento de Mulheres nas florestas de RO, há quatro anos atrás, quando como facilitadora realizei 10 Oficinas, capacitando 200 mulheres em Planejamento Participativo Estratégico. Somos precursoras deste tema tão relevante. Parabéns aqueles que já entenderam o papel da mulher na sociedade, na família, no mercado de trabalho, no exercício da cidadania e na força de vida!

Responder

    mariafro

    23/06/2010 - 16h27

    Oi Alba vc poderia me escrever? [email protected] não estou conseguindo acessar os comentários para recuperar o seu mail.
    Abraços

Jairo_Beraldo

18/06/2010 - 17h58

Nos países BRIC's, pela revista Forbes, estão as mulheres mais ricas do mundo, por esforço próprio. Destas, 5 são chinesas. Mulher brasileira, vamos a luta…

Responder

dukrai

18/06/2010 - 16h21

As mulheres assumem uma carga extraordinária de trabalho, começando pelo doméstico e respondem sozinhas como chefes de família em número infinitamente maior que os do homem. Essas medidas de correção da desigualdade de oportunidades e salários como a da Petrobrás repercutem na concorrência e agrega um enorme valor para a empresa.

Responder

Urbano

18/06/2010 - 13h56

O Governo Lula não esquece de ninguém e todos têm e terão seus direitos de cidadania.

Responder

Lula

18/06/2010 - 16h05

Direitos iguais sim ….Deveres iguais tambem !!

A melhor maneira de se conseguir a igualdade é a educação e esclarecimento.

Responder

ceci

18/06/2010 - 16h01

E viva as mulheres!

Responder

Deixe uma resposta