VIOMUNDO

Seringueiro diz que Marina ajudou a privatizar a Amazônia

27 de agosto de 2014 às 12h06

osmarino_site

segunda-feira, 25 de Agosto de 2014

Seringueiro denuncia Marina Silva e declara apoio a Zé Maria

Osmarino Amâncio é uma liderança histórica dos seringueiros. De sua modesta casa na reserva extrativista Chico Mendes, em Brasileia (AC), ele conversou com a redação do Portal do PSTU

por Jeferson Choma, sugerido pelo leitor Snowden nos comentários, do site do PSTU

Como você conheceu a Marina Silva?

Conheci a Marina nas Comunidades Eclesiásticas de Base. Ela trabalhou como catequista, eu também comecei como catequista e nós trabalhamos juntos. As comunidades eram ligadas à Teologia da Libertação. Depois, ela se candidatou, foi eleita deputada eu fiquei de suplente. Mas aí, em 1993, eu saí do PT por divergir do programa do partido, porque estava vendendo todos os seus princípios. Na época, o PT expulsou algumas tendências como a Convergência Socialista. Eu saí do PT em solidariedade à expulsão destes companheiros.

A Marina fez parte dos empates [mobilizações de seringueiros contra o desmatamento da floresta]. No começo teve uma trajetória boa, mas depois se adaptou à legalidade burguesa, indo ocupar uma cadeira de deputada e, depois, de senadora e ministra. Então, fez a grande traição do movimento dos seringueiros.

O que você pensa sobre a candidatura de Marina Silva à presidência da República?

Eu acho que é um retrocesso total tanto pra questão campesina como pra questão da Amazônia. Ela nunca teve uma preocupação com a questão da educação. Ela foi senadora e nunca teve essa preocupação de fortalecer esse setor.

Na Amazônia, ela fez toda a logística para que o agronegócio e para que as multinacionais pudessem dizimar com todo esse potencial aqui da região.

Acho que estamos numa situação em que os candidatos que tão na frente [das pesquisas] não se diferenciam muito. A Dilma não propõe a reforma agrária, o PSDB e a Marina também não. Na questão ambiental, os três têm a mesma agenda que é a economia verde. Como eles vão sustentar isso? Propondo uma esmola pra classe trabalhadora. Vão propor o Bolsa Família. Aqui na Amazônia vão propor a Bolsa Verde, o Bolsa Floresta. Então, vão distribuir esmola e os bancos vão ser os grandes beneficiários pela política propostas por esses candidatos.

Esse pessoal não governa o Brasil. Eles obedecem a uma política econômica do grande empresariado deste país. A Marina sequer tem uma ideologia. A Marina se apresenta como sendo alguém que não é nem de esquerda, nem de direita. Ela não cumpriu com o seu compromisso quando foi ministra. Ela privatizou a Amazônia com a Lei de Concessão de Florestas Públicas, garantiu que o agronegócio se fortalecesse com a liberação dos transgênicos, não teve uma política dura contra a importação dos pneus usados da Europa e da China.

O que você acha da proposta de Marina a respeito do desenvolvimento sustentável pra Amazônia?

Isso aí é a mercantilização total dos recursos naturais que ela quer implementar aqui. Hoje aqui tudo virou mercado. Hoje se propõe vender toda a madeira como matéria-prima. Tem a proposta do mercado de carbono, que garante aos empresários de Las Vegas poluir lá e “compensar” aqui na Amazônia. Isso é a proposta da economia verde. Sustentável para as multinacionais e para o grande capital.

Isso afeta os seringueiros e os indígenas aqui. A proposta dessa economia verde vai querer expulsar essas populações de suas áreas. Eles não vão poder nem colocar o seu roçado. A Lei de Florestas Públicas vai entregar pra iniciativa privada a sua área de floresta.

O que você acha da escolha de um vice ligado ao agronegócio na chapa de Marina Silva?

Já era algo esperado. A Marina não tem uma proposta de reforma agrária, nunca teve essa preocupação. Com a escolha desse vice [Beto Albuquerque] ela combina a imagem de lutadora que teve no passado com esse setor que sempre foi o grande inimigo daqueles que defendem a reforma agrária e lutam contra a concentração da terra. Os seringueiros e os índios vão sofrer as consequências disso na Amazônia.

Marina sempre usou a história de Chico Mendes em sua trajetória política. O que você acha disso?

Esse pessoal tenta dizer que o Chico era um ambientalista. O Chico nunca foi um ambientalista. Ele foi um libertário, um sindicalista socialista. O que o Chico discutiu com os ambientalistas foi uma aliança em alguns pontos. Mas a reforma agrária adequada pra essa região foi a proposta que o Chico defendeu. Pouco ante de morrer ele já tava divergindo da Marina por conta da proposta apresentada no congresso do Conselho Nacional de Seringueiro, do uso múltiplo da floresta. Isso era fazer o seringueiro aceitar o corte de madeira [comercial] aqui nas Reservas Extrativistas. Hoje o Chico estaria totalmente contra essas políticas que tão sendo implementadas.

Porque você está apoiando a candidatura de Zé Maria?

Eu tô apoiando porque é o único candidato que tá propondo a reforma agrária, a estatização da Amazônia. Tá ligado à luta de classe, ao movimento sindical da CSP-Conlutas. É um cara que tem um passado de luta que nunca foi negado por ele. Continua hoje com as mesmas convicções, como lutar contra a concentração de terras nas mãos de poucas pessoas.

O Lula que foi a esperança da classe trabalhadora sai de lá dizendo que os usineiros são heróis. Mas ainda tem muita gente que ainda luta como Chico Mendes fazia. Eu tenho certeza que essa população que se mobilizou em junho vai ter consciência disso.

Leia também:

Leitor lembra como a Globo tratava FHC durante o racionamento de energia

Investigação VIOMUNDO

Estamos investigando a hipocrisia de deputados e senadores que dizem uma coisa ao condenar Dilma Rousseff ao impeachment mas fazem outra fora do Parlamento. Hipocrisia, sim, mas também maracutaias que deveriam fazer corar as esposas e filhos aos quais dedicaram seus votos. Muitos destes parlamentares obscuros controlam a mídia local ou regional contra qualquer tipo de investigação e estão fora do radar de jornalistas investigativos que trabalham nos grandes meios. Precisamos de sua ajuda para financiar esta investigação permanente e para manter um banco de dados digital que os eleitores poderão consultar já em 2016. Estamos recebendo dezenas de sugestões, links e documentos pelo [email protected]

R$0,00

% arrecadado

arrecadados da meta de
R$ 20.000,00

90 dias restantes

QUERO CONTRIBUIR
15 Comentários escrever comentário »

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

roberto

29/08/2014 - 14h58

O “cara” também tem um discurso de “Marxista” da decada de 1960, não sei se é uma cidadão que tem crédito para fazer crítica de Marina ou DilmaETC.
Acho Marina uma “perdida” e sem qualquer projeto que inclua os miseráveis e excluídos do Brasil ,isto é fato, Marina hoje é uma “eco-burguesa” com um discurso elitista reaça, porém, este cidadão do PSTU é um chato.

Responder

Josué

28/08/2014 - 19h32

A entrevista estava indo bem. As opiniões do seringueiro eram até decentes mas ai o sujeito me sai com a pérola de apoiar o Zé Maria!!!
Zé Maria!! PSTU!! O cara que não quer pagar as dívidas, que quer reestatizar tudo de novo! Isso é retrocesso!!
Foi uma trabalheira privatizar os mega cabides de empregos, de tornar negócios ruinosos em lucrativos e agora este retrocesso???
Não gosta da Marina? Vota na Dilma. Não é a melhor opção, mas é a menos pior…

Responder

henrique de oliveira

28/08/2014 - 14h16

Pstu e Psol são na verdade partidos de extrema direita com fantasia de esquerdistas , as “manifestações” de junho foram tangidas pela mídia golpista e os idiotas cairão nessa , quando os caras do Psol com ajuda da mídia tiveram um cadáver nas mãos e não era de um PM ou de um “manifestante” simplismente puxaram a escada e deixaram os burros com a brocha nas mãos.

Responder

Seu Zé

28/08/2014 - 12h04

O jingle da campanha da Marina:

https://www.youtube.com/watch?v=d3iI-ktX2WI

Responder

Cláudio

28/08/2014 - 05h13

Dilma, coração valente, força brasileira, garra desta gente.
Dilma, coração valente, nada nos segura pra seguir em frente
O que tá bom, vai continuar
O que não tá, a gente vai melhorar (2x)
Coração valente!
Com Dilma, a verdade vai vencer a mentira assim como a esperança já venceu o medo (em 2002 e 2006) e o amor já venceu o ódio (em 2010). ****:D:D . . . . ‘Tá chegando o Dia D: Dia De votar bem, para o Brasil continuar melhorando!!!! ****:L:L:D:D ****:D:D . . . . Vote consciente e de forma unitária para o seu/nosso partido ter mais força política, com maioria segura. . . . . ****:L:L:D:D . . . . Lei de Mídias Já!!!! ****:L:L:D:D ****:D:D … “Com o tempo, uma imprensa [mídia] cínica, mercenária, demagógica e corruta formará um público tão vil como ela mesma” *** * Joseph Pulitzer. ****:D:D … … “Se você não for cuidadoso(a), os jornais [mídias] farão você odiar as pessoas que estão sendo oprimidas, e amar as pessoas que estão oprimindo” *** * Malcolm X. … … … Ley de Medios Já ! ! ! . . . … … … …:L:L:D:D

Responder

    Josué

    29/08/2014 - 21h51

    Lei das mídias não.
    A censura, mesmo quando motivada pelas melhores (???) intenções ainda assim é censura.
    Ter coragem de ouvir, ver e ler o contraditório faz parte do caráter de líderes decentes.
    Alem disso, ninguém nem nada é assim tão perfeito que esteja acima da crítica.
    E “mídia golpista” é expressão de quem se considera tão frágil que pode ser derrubado à toa…

Pedro Sanches

27/08/2014 - 19h30

Seringueiro que trabalhou com Marina diz que ela privatizou a Amazônia
publicado em 27 de agosto de 2014 às 12:06

Responder

Hélio Jacinto Pereira

27/08/2014 - 17h08

Com todo o respeito ao Osmarino,mas os iguais são Marina Silva e o PSTU/PSOL.
Esta é minha opinião,pelo menos no caso das manifestações do ano passado que ele citou.
O PSOL foi acusado de financiar os Black Blocs e de pagar 150,00 Reais para manifestantes depredarem Prédios publicos e privados,atacarem Policiais e também Jornalistas,da mesma forma suspeitas recairam sobre o PSTU.
A Rede Sustentabilidade de Marina Silva teve um membro de sua Direção Nacional,preso depredando o Ministério das Relações Exteriores (ITAMARATI).
A Direita Tupiniquim aproveitou muito bem os “Serviços” do PSOL/PSTU e Rede Sustentabilidade pra atacar o Governo da Pres Dilma e minar sua Popularidade,que era igual a de Lula.
Acho estranho o PSOL,PSTU e Rede Sustentabilidade se dizerem de “esquerda”,mas só atacarem o Governo do PT e muitas vezes se aliarem ao PSDB/DEM e PPS como se fossem eternos aliados.
Com uma “esquerda” deste tipo pra que Direita ?

Responder

    Vinícius

    28/08/2014 - 14h25

    1) Digamos que o PSOL e até o o PSTU (!!!) se aliem à direita “muitas vezes”. Não é verdade que desde o meio do primeira mandato do Lula o PT se alia à direita (PMDB, PP, PR, PRB, PSD) todas as vezes? Quantos partidos são de esquerda na coligação da Dilma? Pois é.

    2) Essa mania de envolver o PSOL e o PSTU no vandalismo das manifestações de junho, quando teve até gente do PSTU sendo espancada, quando ambos partidos fizeram suas críticas às manifestações e ao vandalismo de maneira muito transparente, é criminalizar os movimentos sociais da mesma forma que a direita sempre fez e continua fazendo com os sindicatos e o PT.

    3) Enquanto a direita se aproveitava das manifestações de junho e a esquerda radical tentava compreendê-las e disputá-las, muitas cabeças do PT infelizmente se dedicaram a desmoralizar (“coxinhas”) e criminalizar (“fascistas”) a juventude ingênua mas sincera que foi às ruas. De modo conservador e corporativista, reagiram com medo e negação. As críticas que aquela juventude fez ao PT foram injustas? Foram. Mas a paranóia de boa parte dos petistas só ajudou a piorar o divórcio entre anseio popular e partido dos trabalhadores.

Luís Carlos

27/08/2014 - 15h45

Eis alguém que conviveu com Marina. Nas vezes que estive no Acre tive a oportunidade de ouvir algumas pessoas que conheceram ela. Não diferencia muito do que é dito por Osmarino.

Responder

Alexandre Bitencourt

27/08/2014 - 15h11

” … Eu tenho certeza que essa população que se mobilizou em junho vai ter consciência disso. …”

Eu já não tenho tanta certeza. Afinal, as mobilizações de junho nada mais são que um pequeno movimento que cresceu com o fermento dos grandes veículos de mídia.

Responder

Fernando

27/08/2014 - 14h55

Ele cai no erro de dizer que Dilma, Aécio e Marina são iguais.

Compreendo o voto dele no Zé Maria, mas temos que convencê-lo a votar na Dilma.

Dar 1% pro PSTU pode determinar a eleição a favor da direita.

Responder

Lukas

27/08/2014 - 14h14

Quinze minutos de governo do PSTU e o Brasil acaba.

Responder

Alemao

27/08/2014 - 13h34

Só faltou perguntar o que ele acha da Dilma…

Responder

Mauro Silva

27/08/2014 - 13h26

mais uma vez, cita-se a importação de pneus.
que firma é essa que importa pneus, tem jatinhos e os “empresta” àquela dupla da ‘nova política’, o finado Dudu e blablarina?

Responder

Deixe uma resposta