VIOMUNDO
O VIOMUNDO só é possível também através de anunciantes, e detectamos que você utiliza um AdBlock, bloqueador de anúncios.
Por favor considere ajudar o VIOMUNDO desativando o bloqueador para este site.

Mauro Carrara: Os atentados terroristas de setembro de 2010

12 de setembro de 2010 às 00h51

Carta ao Presidente Lula e à Sra. Dilma Rousseff

Os atentados terroristas deste Setembro de 2010

por Mauro Carrara (em nome de muitos, muitos brasileiros)

Senhor presidente, senhora candidata,

Certa vez, ao perceber o limite da tolerância ultrapassado, o diplomata italiano Baldassare Castiglione pronunciou uma frase que incomodou seus colegas e o episcopado romano.

— Perdoando demasiadamente aos que cometem faltas, fazemos uma injustiça contra os que não as cometem.

Baseado nessa sentença, séculos depois, o escritor Émile Zolá escreveu no L’Aurore o célebre artigo J’accuse (Eu acuso), em que aponta os poderosos conspiradores e malfeitores que haviam destruído a reputação e a vida do capitão do exército francês Alfred Dreyfus, injustamente acusado e condenado por traição.

Em seu ácido, duro e brilhante texto, Zolá denuncia cada um dos responsáveis pela produção de falsas provas, assim como a parcela da imprensa que se empenhou em iludir o público e incitar o ódio contra o militar e seus defensores.

O escritor ergue o dedo na direção dos veículos de comunicação que se juntaram à conspiração. Vale recordar o trecho:

— Eu acuso os gabinetes de guerra de terem liderado na imprensa, particularmente no L’Éclair e no L’Écho de Paris, uma campanha abominável para distrair a opinião e encobrir seus erros.

Hoje, no Brasil, assistimos atônitos a uma série de atentados terroristas praticados pela mídia, mais especificamente pelas Organizações Globo, pela Editora Abril (sobretudo por meio da revista Veja), pela Folha de S. Paulo e pelos veículos do Grupo Estado.

Por conta de interesses eleitorais, esses veículos de comunicação converteram-se em núcleos de terrorismo organizado, servindo especialmente aos partidos neoconservadores, o PSDB, de José Serra, e o DEM.

Liderados pelo Instituto Millenium praticam diariamente atentados contra a Democracia e o Estado de Direito.

Caluniam, difamam, injuriam e praticam fraudes, sempre impunemente, sempre arrogantemente, sem que se sejam alcançados pelo braço da lei.

Infelizmente, não há policial, promotor ou magistrado que se ocupe de enquadrar essas gangues e os grupos econômicos que as sustentam.

O cidadão está só, indefeso, pois não vê qualquer reação dos tribunais regulares, da tendenciosa justiça eleitoral, tampouco do Executivo Federal.

Dessa forma, o consórcio Globo-Abril-Folha-Estado segue agredindo barbaramente não somente os bons valores e princípios, mas também todos aqueles que lutam para consolidar a democracia no Brasil.

A seleção maliciosa de temas e a edição criminosa dos textos jornalísticos têm marcado a cobertura das Eleições 2010.

O golpismo irrompe explícito em todos os conteúdos políticos publicados pelas famílias Marinho, Frias, Mesquita e Civita.

Depois da criação do factoide que envolve a Receita Federal, o “Setembro de Fogo” ganhou mais um crime da lavra do “jornalista” Diego Escosteguy, funcionário do panfleto terrorista da família Civita.

Convém lembrar que o mesmo elemento publicou em 28/01/2006 a reportagem “Caixa financia obra da Vila Panamericana sem licitação”, um peça de sabotagem política construída a partir de dados incorretos, incompletos e fantasiosos.

Diego Escosteguy e muitos de seus colegas do bando de Veja deveriam, na verdade, ocupar celas em prisões de segurança máxima, considerada a natureza destrutiva e criminosa do material contaminado que disseminam, semanalmente, para envenenar as relações sociais em nosso país.

Em seu mais recente crime, Veja e Escosteguy mentem, caluniam, difamam, adulteram fatos e agridem covardemente a Sra. Erenice Guerra, funcionária dedicada do Governo Federal, reconhecida por sua competência e reta conduta.

A “reportagem” denominada “O polvo no poder” constitui-se em inacreditável coleção de mentiras, exageros, deduções ilógicas, deturpações e invenções maliciosas, uma bomba midiática destinada a destruir reputações e estimular os setores mais reacionários da sociedade à prática de delitos que rompam a ordem institucional.

O Sr. Leonel de Moura Brizola nos ofereceu inúmeros exemplos de coragem e determinação, especialmente no que tange às ações de combate aos terroristas midiáticos do consórcio Globo-Abril-Folha-Estado.

Nós o vimos lutando bravamente, por exemplo, quando as Organizações Globo tentaram fraudar o resultado da eleição de 1982, no famoso Escândalo Pronconsult.

Cabe-vos, portanto, neste momento decisivo da vida nacional copiar esse modelo de conduta e liderar sem medo uma ação de cidadania que vise a coibir tais ações terroristas e encaminhar juridicamente o enquadramento não somente dos falsos jornalistas, mas também de seus capatazes e dos donos dos latifúndios midiáticos.

Isso requer de vossa parte um imediato J’accuse público de figuras nefastas como Ali Kamel, Eurípedes Alcântara, José Roberto Guzzo, Mario Sabino, Roberto Irineu Marinho, Ruy Mesquita e Otávio Frias Filho.

Ao nomear os mandantes e autores do terrorismo midiático, vacina-se a população brasileira contra a vírus da desinformação.

Além disso, constitui-se precedente para que todos os cidadãos prejudicados pelo consórcio midiático possam engendrar suas defesas e exigir a devida reparação.

Não existe democracia sem que o Direito e a Justiça sejam observados também no labor da informação pública.

Hoje, esse serviço de máxima importância estratégica para o país está controlado por uma malta de coronéis e bandoleiros contratados, cujos crimes têm sido vergonhosamente desconsiderados pelas autoridades do Executivo, do Legislativo e do Judiciário.

Exige-se uma resposta imediata, vigorosa e esclarecedora. E certamente é vossa a voz que o povo ouvirá.

 

128 Comentários escrever comentário »

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

J.Claro

17/09/2010 - 18h02

Temos que estar-mos preparados pra coisas bem piores.Lula conseguiu tirar os seus mandatos não sem ter tomado varias
bordoadas dessa cambada de capeta. E a Dilma, será que vai ter a mesma sorte? Será que não vão inventar uma aventura?
pois é, se isso acontecer, eu quero ver é o mar de sangue jorrar. E eu estarei envolvido até o pescoço, pro que der e vier

Responder

Velocidade, serenidade e política « Arnobio Rocha

17/09/2010 - 08h50

[…] de estado hoje só serve para produzir confusão do lado de cá e aumentar a moral do lado de lá. Pedir que Lula vá à TV atacar uma insignificância como Mario Sabino é entregar a bola ao time deles. A […]

Responder

ValmontRS

13/09/2010 - 04h19

Mauro Carrara é sensacional.
Vejam esta surra homérica que ele aplicou no Jabor:
http://www.novae.inf.br/site/modules.php?name=Con

Responder

Tavares

12/09/2010 - 21h21

Eu assino embaixo. Perfeito.

Responder

Wilma

12/09/2010 - 21h12

Se o Lula não fosse tão covarde, enfrentaria essa máfia. Estava no Rio quinta feira e ouvi do motorista de táxi que peguei no Galeão, que se o Brizola tivese chegado a presidência, teria cassado a concessão da Globo. Tenho minhas restrições ao comportamento do Lula em não enfrentar a máfia midiática brasileira. Mas isso jamais vai acontecer. A Dilma já foi cooptada pela d. Lily Marinho. Vocês acham que não há acordos por debaixo dos batidores. É tão visível!!!!!

Responder

    Jair de Souza

    12/09/2010 - 21h43

    É verdade, só a imensa maioria do povo brasileiro não enxerga. Acho que você entendeu muito bem a mensagem de nosso rei Pelé: "O povo não sabe votar". Vamos defender juntos a proposta do Prof. Hariovaldo de Almeida Prado e acabar com esse negócio de eleições, ou pelo menos só fazer eleições para os iluminados, para aqueles que percebem como é visível tudo o que está acontecendo. Lógico que você terá garantido o seu voto.

    fátima

    13/09/2010 - 11h24

    E a Democracia fica onde?
    Dilma estária fazendo conchavo contra sua própria candidatura?

Flavio Lima

12/09/2010 - 21h05

Mauro Carrara usou linguagem precisa e clara, assino embaixo.
E repetindo o nome dos CRIMINOSOS que atetam contra a Democracia Brasileitra:

"Isso requer de vossa parte um imediato J’accuse público de figuras nefastas como Ali Kamel, Eurípedes Alcântara, José Roberto Guzzo, Mario Sabino, Roberto Irineu Marinho, Ruy Mesquita e Otávio Frias Filho." Alem do capataz/.capacho Diego Escosteguy.

Pelo bem do Brasil e da Democracia Brasileira, essa GUANGUE tem que ser corajosamente enfrentada!

Responder

    vania

    19/09/2010 - 17h34

    Boa Flávio, muito pertinente o seu comentário . Li e assino embaixo Parábens pela análise sincera e clara. È assim que vamos construir o novo Brasil nos próximos 500 anos no mínimo. Parabens !!!

O direito de mentir é um negócio privado « TiVi Brasil

12/09/2010 - 20h58

[…] de muitos. Reconheço o estilo literário e a contundência , por exemplo, do texto do  Mauro Carrara, mas não concordo com afirmações do […]

Responder

Jair de Souza

12/09/2010 - 20h01

O que menos importa para a máfia midiática é a verdade. Sabem que estas calúnias não se sustentam por 24 hs. A estratégia é lançar a calúnia e repercuti-la ao máximo através de seus membros; no dia seguinte, quando já tiver sido desmascarada, lançar outra e repercuti-la de igual forma. A esperança mafiosa é que a população não tenha tempo para digerir o desmascaramento de uma calúnia e já seja engasgada com outra. Agem inspirados por seu mentor filosófico, Goebbels. Eles esperam que a classe média alta, mais vulnerável a suas campanhas por estar exposta ao lixo da Veja e por assistir mais os noticiários da Globo, se mostre indignada e se ponha em campo para impedir a vitória de Dilma. Não para impedir a derrota de José Serra, que o PIG sabe ser impossível, mas para ao menos provocar um segundo turno e demonstrar à nova presidenta a força desta máfia, e forçar Dilma a levar em consideração seus interesses. Por isso, uma vitória acachapante de Dilma não será uma derrota do insignificante José Serra e sim do verdadeiro partido do capital neoliberal, ou seja, a máfia midiática.

Responder

    vania

    19/09/2010 - 16h00

    Jair, meus parábens ! Voce disse tudo e mais um pouco! .A classe média alta brasileira está tao ligada a seu próprio umbigo que não quer enxergar mais nada. Não quer enxegar que o governo Lula mudou o Brasil e que está enfrentando a máfia dos PIG bravamente( olha o atentado do dossiê) . Mas o PSDB o DEM e a mídia brasileira PIG vai ver a força do povo brasileiro no próximo dia 03, quando Dilma levará no primeiro turno, só isso ! Todos ficarão boquiabertos ao ver que os brasileiros não se deixam mais levar por mentiras e leviandades como acontecia outrora em outras eleições presidenciais , que graças à Deus já é passado na historia do Brasil . Vamos aguardar Um grande abraço

Rosângela

12/09/2010 - 19h52

Como podemos fazer para entrarmos na justiça com um mandato em prol do povo brasileiro, de quantas assinaturas precisamos? , podemos começar a campanha já para recolhe-las, precisamos agir, como não sou jurista, não sei bem como faz3er, mas podemos fazer um abaixo assinado e enviá-lo ao ministério poúblico, ao ministerio público eleitoral, ao STF, aos órgãos de justiça, acionar a tão propalada OAB, cadê os nossos direitos?Vamos a luta companheiros, temos que nos mvoimentarmos, era assim que agíamos nos anos 70, com movimentos na sociedade, agora nosso movimento pode ser via internet conclamando a todos que não estão satisfeitos com o PIG assinarem um manifesto, enviar a todos que de direito e se possível entrarmos na justiça realmente contra essa corja, como fez MSM do Eduardo Guimarães.

Responder

    Miguel Oliveira

    13/09/2010 - 00h30

    A OAB parece estar do lado deles. Lembra do "Cansei"?

Francisco Nogueira

12/09/2010 - 19h41

Registro meu apoio.

Responder

Alex Mendes

12/09/2010 - 19h23

Caro PHA,

idéia fixa em dossiês do PSDB e mídia PIG não é levantar a candidatura de Serra. Já sabem que a batalha está perdida.

O objetivo principal do PSDB agora é NÃO PERDER EM SP.

Se o MERCADANTE e o PT vencerem em SP, o PT vai abrir a gigantesca CAIXA PRETA do PSDB e mostrarem o GIGANTESCO PREJUÍZO causado a SP nas privatarias do PSDB PAULISTA, sempre ACOBERTADO PELA MÍDIA PIG…

O PT e principalmente MERCADANTE deveriam parar de cair nas armadilhas da PIG, que desvia o debate do principal, como os pedágios do PSDB paulista SÃO ABUSIVOS!

Infelizmente os eleitores paulistas estão reféns da PIG e não estão percebendo a manipulação que sofrem.

É urgente uma Lei de Imprensa que limite os abusos. O que a mídia PIG faz é confundir direito de expressão com o não direito de mentir e ultrajar pessoas sem nenhuma prova, descaradamente.

"A MAIOR DAS TIRANIAS é a LEI INJUSTA!"

Responder

Pedro Ayres

12/09/2010 - 18h25

Mauro Carrara
Receba o meu solidário apoio ao justo grito de repúdio a esse descalabro ético e político que se tornou a mídia brasileira. Ainda que saibamos de que a sua linha editorial tem origem no exterior, maior fica a nossa indignação por seus maus feitos. Urge drásticas e urgentes medidas que salvem a nossa dignidade de brasileiros e o próprio processo democrático, onjetos que são dessas infâmias, calúnias, difamações e contumazes mentiras. Conte comigo, um velho jornalista, para o que for preciso.

Responder

Max Carvalho

12/09/2010 - 17h58

Assino embaixo Mauro Carrara!
está na hora do povo brasileiro dar um basta a este golpismo desenfreado de cachorros loucos, comandado pela mídia corporativa e em defesa de interesses escusos e não confessaveis.

Responder

silvia macedo

12/09/2010 - 17h54

Uma das respostas que daremos à mídia golpista será o comício da Dilma em São Paulo. Devemos organizá-lo bem organizadinho. Cada um de nós convidará amigos, parentes, conhecidos. Formaremos grandes grupos e mostraremos nossa força. Tudo novamente, como nas Diretas-Já. Pois se trata de lutar contra uma ditadura de direita, a ditadura midiática que ri da nossa cara, age contra a democracia brasileira. Mas nós responderemos.

Responder

Roberto Locatelli

12/09/2010 - 17h20

O que podemos fazer, neste momento, é cobrar dos candidatos sua posição sobre uma Ley de Medios para o Brasil, à semelhança da Ley de Medios que foi aprovada na Argentina.

Responder

Emília

12/09/2010 - 17h07

No Brasil a democracia é esbofeteada todos os dias pela grande mídia e fica tudo por isso mesmo.

O cara falou tudo.

Responder

    Adriana

    12/09/2010 - 18h48

    É isso mesmo. Todo dia a gente "toma porrada" vendo tripudiarem sobre os nossos valores, a gente olha pra cima e a Justiça Eleitoral, dorme, cega, inerte, absorta sabe-se lá em que…. ela nao deveria existir para coibir isso? Se os tempos fossem outros, a gente perderia uma eleição por causa desses pseudo jornalistas, irresponsaveis, que colocam sob duvida instituicoes do prote da receita federal da nação onde eles criam os filhos e os netos, que tripuduiam sobre a honra de funcionarios publicos e suas familias. cade a atitude do nosso estado de direito? to desapontada, cada dia mais. Parece que Lei so tem pra gente, justica so para o cidadao comum. Se for fundador de revista, tudo bem! bandidos.

Maria José Rêgo

12/09/2010 - 16h52

Se esta carta virar abaixo assinado eu assino com muito prazer.

Responder

    carlos

    12/09/2010 - 19h33

    eu também!

Vera Silva

12/09/2010 - 15h19

Eu assino esta carta escrita pelo Mauro Carrara.

Responder

    José Lídio Pinho

    16/09/2010 - 22h33

    Eu também,
    José Lídio Moura Pinho
    085.143.305/78

Paulo Franco

12/09/2010 - 14h37

A Petrobrás (só escrevo com acento) continua a ter publicidade na Veja on line. Não sei se em suas fétidas páginas em papel, porque nem pego na dita cuja.
O que vocês acham?
Cortar destinação de verbas publicitárias para jornais e tevês do PIG é a primeira medida a ser tomada. Segundo informações que tenho, a serem checadas, as organizações (criminosas?) Globo detêm aproximadamente 60% (sessenta por cento) das verbas publicitárias do governo (em âmbitos federal, estaduais e municipais).

Responder

Panambi

12/09/2010 - 14h27

Não poderia esta carta virar um abaixo assinado? Eu assino na hora!

Responder

Mario Jorge Casadas

12/09/2010 - 14h07

ESPETACULAR ESTA CARTA!!! Deve ser repassada a todos os nossos amigos, contatos e instituições públicas. Já.

Escrita com esmero, consciência, saber histórico, elegância e com o devido RIGOR que deve nortear nossa resistência ao GOLPE MIDIÁTICO em curso.

O grupo de bandidagem GLOBO-ABRIL-FOLHA-ESTADÃO está escarrando na lei e nos direitos dos cidadãos.

É um Estado criminoso dentro do Estado brasileiro, agindo ao arrepio da LEI, corrompendo, denegrindo, falseando, caluniando, jogando cidadãos contra cidadãos, num claro GOLPE DE ESTADO em curso para fraudar as eleições.

E tudo com o beneplácito de PROMOTORES, JUÍZES E OUTROS MAGISTRADOS que compõem hoje a VERGONHA DA NAÇÃO.

É urgente uma reação do povo antes que a situação se torne insustentável e vejamos novamente a supressão de liberdades e a extinção do Estado de Direito no Brasil.

Quem puder que transmite esta mensagem de um advogado reto de conduta ao PRESIDENTE Lula e a sua candidata Dilma Rousseff.

Que se faça algo já, enquanto ainda podemos reagir.

Responder

assalariado.

12/09/2010 - 13h50

O polvo capitalista,tem seus tentáculos em todas esferas(instituições) de poder,o mais visivel e o principal é a imprensa falada,televisada e escrita.A guerra de guerrilha da midia burguesa para manter sua hegemonia–(mesmo sendo minoria)– faz parte do menu de lavagem cerebral sobre o quociente coletivo.O pensamento único ainda campeia mas,a sua outra face foi quebrada –(senso comum)–,resta saber qual é a profundidade no meio social,Brasil adentro.A partir da hora que as elites,perceberem que perderam(de fato), sua hegemonia da manipulação,estaremos correndo grande risco deles(elites), partirem para tudo ou nada.

Como já sabemos o "braço da lei",nunca alcança os ricos,e quando alcança,o "réu", através de seus advogados acabam achando uma "brecha" na lei,brecha esta nunca alcançada quando o réu é um assalariado/pobre/preto.É o Estado a serviço de seus criadores,e manipuladores das regras por eles mesmos criadas.É o Estado de direito a serviço da direita,são os tribunais sem tribunas(para os de sempre),onde os cavalos de tróia,em favor das elites,estão sempre na tocaia.

Responder

Letícia

12/09/2010 - 13h39

Este texto claro e objetivo deveria ser um abaixo-assinado.

Eu assinaria!

Responder

    Silvano Carvalho

    12/09/2010 - 15h04

    Eu também.

Baixada Carioca

12/09/2010 - 13h03

Gente!!! Estou embasbacado!

Quem lê meus comentários por aqui no Vi o Mundo deve lembrar que em alguns deles eu me reportei às Organizações Globo como GTOG-Grupo Terrorista Organizações Globo. E o fiz fundamentado pelo famoso crítico, lexicógrafo, filólogo, professor, tradutor e ensaísta brasileiro, Aurélio Buarque de Holanda Ferreira.

Ele diz que terrorismo é

[De terror + -ismo.]
Substantivo masculino.
1.Modo de coagir, ameaçar ou influenciar outras pessoas, ou de impor-lhes a vontade pelo uso sistemático do terror.
2.Forma de ação política que combate o poder estabelecido mediante o emprego da violência.

Então leio na carta de Carrara que "assistimos atônitos a uma série de atentados terroristas praticados pela mídia, mais especificamente pelas Organizações Globo, pela Editora Abril (sobretudo por meio da revista Veja), pela Folha de S. Paulo e pelos veículos do Grupo Estado" (destaque meu).

Daí que a conclusão é a seguinte: a Organização Terrorista ainda não foi devidamente identificada. Organizações Globo, Editora Abril, Grupo Estado e Folha de São Paulos são braços poderosos dentro desta Organização, mas não se pode atribuir à uma apenas a liderança absoluta porque eles se completam.

Sobre a carta em si, subscrevo.

Responder

Dirlei Henriques

12/09/2010 - 12h49

Assino embaixo Mauro Carrara!

O povo brasileiro não vê a hora de por estes canalhas da grande imprensa nacional na cadeia! Pois cadeia é o que eles merecem!!!
Povo brasileiro, vamos banir esta quadrilha do poder midiático! Não compre Veja e jornais destas víboras! Mude de canal e não deixe sua família se contaminar com o lixo e o esgoto da globo e afiliadas!
Cidadãos brasileiros vamos boicotar os patrocinadores e reclamar aos anunciantes de produtos que consumimos para não anunciar no panfleto fascista!

Responder

@wilsoncjunior

12/09/2010 - 12h41

Como os poderes da república não combatem essa máfia que é a imprensa corporativa resta apenas uma reação humana não apenas virtual.
Se isso não ocorrer vai ficar muito pior.

Responder

TÔ COM DILMA

12/09/2010 - 12h40

Democracia com liberdade de imprensa é assim. Fala-se de tudo. O que é triste é que esses Jornais/Revistas e Tele Jornais não assumem explicitamente de que lado estão somente para garantir as vendas para os dois. Voces acham que o torcedor do Palmeiras compra camisa do Corinthians? Nunca.

Responder

Ester Alves

12/09/2010 - 12h38

Junto a minha assinatura ao signatário acima. Pelo direito a verdade nas informação veiculadas na imprensa.

Responder

Gil Teixeira

12/09/2010 - 12h36

Eu, Gil Carlos Teixeira, 54 anos, em nome de meus filhos e netos, em nome da minha querida nação, subscrevo essa missiva!

Responder

Fabio_Passos

12/09/2010 - 12h28

Plinio de Arruda Sampaio defende o controle social dos meios de comunicação:

[youtube Mtn-6bGFOCE http://www.youtube.com/watch?v=Mtn-6bGFOCE youtube]

Responder

Luiz Otávio

12/09/2010 - 12h18

Eu também apóio. Parabéns pelo texto. Eu também voto em Dilma, no Partido dos Trabalhadores e em quem se dispuser ir contra psdb-dem e outras direitas.

Responder

tivibrasil

12/09/2010 - 11h52

Discordo absolutamente do trecho "Diego Escosteguy e muitos de seus colegas do bando de Veja deveriam, na verdade, ocupar celas em prisões de segurança máxima, considerada a natureza destrutiva e criminosa do material contaminado que disseminam, semanalmente, para envenenar as relações sociais em nosso país”

Isso é um absurdo, espero que não precise de maior argumentação.

O caminho me parece focar nas TVs abertas, concessionárias públicas. Como explico no meu blog, o direito de mentir e manipular a informação é um negócio privado que deve ser combatido politicamente e com os recursos judiciais.

Para concessões públicas, no entanto, não pode haver este direito. Isto tem que acabar no Brasil. Temos que alertar os patrocinadores do JN que eles sofrerão campanha de boicote caso as loucuras do Ali Kamel continuem sem que o Ministério Público tome qualquer providência.

#VejaFede #domingoSemGlobo

Responder

    Monica Tkatchuk

    12/09/2010 - 13h41

    Concordo. O caminho deve ser por aí.
    Uma coisa são grupos privados, como a Abril e os grandes jornais, consumidos pela parcela da população que se delicia com os factóides produzidos para agradar esse público…a grande massa não cheirosa praticamente não consome isso.
    O problema são as concessionárias públicas…que atingem toda população e principalmente aquela que ainda não possui visão crítica do todo….aí o grande crime!

    Alirio Cesar

    12/09/2010 - 15h20

    Então, como classificar os contratos milionários entre o Governo de São Paulo e a Editora Abril e Grupo Folha?

    ValmontRS

    13/09/2010 - 04h56

    Grande ou não, o crime tem que ser punido. E mais,
    O "sabujo", capanga do assassino de reputações, também é criminoso e tem que ser punido na forma da lei.

    Leider_Lincoln

    12/09/2010 - 15h48

    Em termos, concordo com seu caminho. Mas deve haver punição quando houver crimes, como neste caso.

    Rogerio

    13/09/2010 - 00h27

    Cana sim! Perda do direito do exercicio da profissão também se for o caso. Não querem qualificação, diploma e o escambau? Cana! Não vem você com esse seu espirito de corpo e essa solidariedade coorporativa, que a paciencia das pessoas tá no limite. Pelo menos a minha…
    É cana, pois lugar de marginal, estelionatário da informação ou não é em cana! XILINDRÓ! Esse biltre assim como seus colegas já passaram dos limites faz tempo!

robledo

12/09/2010 - 11h15

Somente existe uma forma de acabar com esta malta, esta mundiça midiática que transformou papel impresso em papel higiene de péssima qualidade. Entrar na justiça contra esta turma canhestra e sustentar até o final para depois o resultado vir em dinheiro, pois somente aí é que esta turma sente alguma coisa.

Responder

Tunico

12/09/2010 - 10h45

Agora, REGINA DUARTE!! Quem está com medo!! Sou eu.

Responder

IV Avatar

12/09/2010 - 10h39

Como brasileiro que quer o Brasil caminhando para ser uma das primeiras potências do mundo, subscrevo a carta

Responder

Pedro Henrique

12/09/2010 - 10h39

"Isso requer de vossa parte um imediato J’accuse público de figuras nefastas como Ali Kamel, Eurípedes Alcântara, José Roberto Guzzo, Mario Sabino, Roberto Irineu Marinho, Ruy Mesquita e Otávio Frias Filho."

O autor do artigo esqueceu do Mr. Robert Civita capo do órgão terrorista Veja.

Responder

geniberto campos

12/09/2010 - 10h38

Trata-se de uma quadrilha e deve ser tratada como tal. Deve ser publicada a fotografia de frente e de perfil, dizendo os crimes que cometeram e qual a recompensa pela sua detenção. Chega desses bandidos, bastardos inglórios.

Responder

Maria Thereza

12/09/2010 - 10h36

Prezado Carrara,
Lavou minha alma. Tomara que Lula leia esse artigo e faça o que deve ser feito, de preferência em horário especial, convocado especialemnte sobre esse assunto. Depois, Dilma deve propor uma "lei para a mídia", a exemplo da Argentina. A sfadeza está demais, insuportável. Não basta não comprar, não ler, não assistir. Os tentáculos dessa gente estão muito enraizados e não precisam ser exterminados. Precisam de limites legais e legítimos.

Responder

Ivonete

12/09/2010 - 10h22

Parabéns Carrara, hoje, quebrar a coluna vertebral do PIG é tão urgente e necessário, quanto o foi dar combate à ditadura militar. É a mesma lula, o mesmo ideal. O PIG destroi, mata, tortura, difama, expurga e zomba de nossos brios.

Responder

Tunico

12/09/2010 - 10h22

Acho que a sociedade deveria organizar uma passeata por uma midia imparcial, só assim eles veriam que nós estamos alertas a tudo o que tem ocorrido nos últimos meses em relação à tentativa de golpear a democrácia, e que não toleraremos estas práticas conspiratórias contra um governo legitimado pelo voto popular. Essa manisfestação tem que ser rápida antes que o golpe aconteça.

Responder

    Baixada Carioca

    12/09/2010 - 13h20

    Podíamos organizar uma queima do PIG. Incinerar tudo o que é produto do PIG já publicado que conseguirmos coletar entre os amigos e familiares. Jornais, revistas, livros, panfletos etc. Antigos e novos. Tudo no fogo para passar o Brasil a limpo.

Jaime Silva

12/09/2010 - 10h18

Pessoal,

antes de tudo, gostaria de elogiar o brilhante e preciso texto do Carrara. Sobre o crime em questão, lembro-me de uma palestra do Ricardo Kotscho em que ele, ao se referir ao sujo papel desempenhado por alguns jornalistas, disse mais ou menos o seguinte: "Nem tudo o que escrevi foi publicado pelos veículos que trabalhei, mas jamais me obrigaram a colocar meu nome em algo que não escrevi".
Pois é, boa parte da culpa por esses e tantos crimes cometidos pelo podre consórcio Globo/Abril/Folha/Estado é dos próprios jornalistas, que, a troco de salários que em muitos casos nem chegam a dois dígitos, se prestam a jogar o destino democrático do país na lata do lixo, não se importando com o futuro de uma nação, incluindo seus próprios filhos e netos. São tão ou mais canalhas que seus próprios patrões.
Forte abraço

Responder

    Jairo_Beraldo

    12/09/2010 - 11h26

    Basta ver. NENHUMA matéria contra a oposição nas manchetes dos principais veículos. Chega a ser patético. A mídia brasileira, capitaneada por necios jornalistas parece imaginar que ninguém nota, que ninguém liga o ponto A com o ponto B. Jogo de compadres ou você tem algum outro nome pra isso?

Gersier

12/09/2010 - 09h48

"enquadrar essas gangues e os grupos econômicos que as sustentam." Mas é isso que a população quer,que o governo deixe de financiar também essa gang.A população séria não concorda com os patrocinios ,que a Caixa,o Banco do Brasil e a Petrobras que eles querem enterrar,continuem sustentando esses mafiosos.

Responder

    Jairo_Beraldo

    12/09/2010 - 11h23

    Isso mostra os indícios de que a "grande" imprensa não procura escândalos políticos para vender mais. Ela procura apenas para obter barganhas de poder. O dinheiro ela ganha depois, com as volumosas verbas públicas e com os desvios que seus amigos apadrinhados, obterão do poder. Ao verificar esses fatos, tudo soa muito lógico.

Leonardo

12/09/2010 - 09h31

Texto Brilhante. Parabens!!!! Os outros candidatos ao invés de se unirem para fazer uma grande manisfestação pública
e neutralizar a grande mídia, ficam é contestando o que o governo Lula fêz ou deixou de fazer. Este comportamente só enfraquece os que lutam pela Democracia. Não sei o que passa pela cabeça deles ficando calado. A Marina pensa que vai tirar proveito dessa situação. A OAB que se diz defensora da sociedade não fala nada. A UNE,Sidicatos, CNBB e outros que se dizem representantes da sociedade deviam fazer uma mobilização sem contar com a presença da mídia e mostrar a verdadeira intenção da grande imprensa.

Responder

Eutímio Pimentel

12/09/2010 - 09h30

Se a lei não age,os cidadãos de bem desse país tem que tomar a justiça em suas próprias mãos ! Sugiro que todos nós comecemos a boicotar todo produto que é anunciado por essa mídia golpista ! E, também recorramos a esses patrocinadores que retirem suas propagandas dos mesmos, pois senão,boicotaremos todos esses produtos. É por ai que vamos combater essa quadrilha !!

Responder

    Baixada Carioca

    12/09/2010 - 13h18

    Isso é besteira Eutímio. O negócio é não consumir os produtos do PIG (revistas, livros, jornais etc.). Mas você deixará de comprar um produto que usa na cozinha só porque a empresa anunciou lá? Se essa porcaria deixar de vender, as empresas deixam de anunciar lá. É assim que funciona.

    Rogerio

    13/09/2010 - 00h30

    Já tô começando a achar que dar um sopapo num jornalista da Veja, Estadão e Folha também já tá valendo…

lucia

12/09/2010 - 09h29

Subscrevo a carta.
"Ao nomear os mandantes e autores do terrorismo midiático, vacina-se a população brasileira contra a vírus da desinformação." Este é o nobre papel que vem desempenhando a Blogosfera.
Lei dos medios já!

Responder

Daniel

12/09/2010 - 09h20

O desejo do povo brasileiro e soberano: Dilma presidente do Brasil, o maldito PIG não impedira, PT saudações!

Responder

Laerte Moreira

12/09/2010 - 09h19

Parabens Mauro Carrara, voce sugere o que milhões de brasileiros querem no momento. É preciso urgetemente acionar judicialmente a revista mentirosa juntamente com toda impresa golpista.

Laerte Moreira

Responder

I. MIlão

12/09/2010 - 09h01

PARABÉNS! Mas há uma forma infalível para a justiça seja feita sem brigas, batalhas ou guerra, o PIG ou GAFE são de poderosos capazes de alienar até pessoas alfabetizadas como exemplos presentes aqui mesmo. Para ser honesto, até eu mesmo ja acreditei em papai noel, confesso, já assisti o canal dos marinho, já fui um dia assinante dos mesquitas e ja comprimentei pessoalmente um dos cívitas, (me recuso a digitar em maiúsculo) mas assim como acredito que mais pessoas já foram analfabetas, eu também Evoluí e percebo o mal que fazem (a toda uma nação em pról da ganancia e de interesses próprios e excusos) o que acho que nós reles mortais podemos sim fazer e que se mostrara extremamente eficaz, sem nos desgastarmos, sem "derramamento de sangue" é o trabalho de formiguinha. Não é fácil, mas foi assim que o "David-Vietnam" venceu o "Golias-eeuu" ou simplesmente deixemos que a IMPLACÁVEL lei de mercado se encarregue de dar a estes facínoras tenham seu devido fim, auto-degradação. A audiência dos marinhos, as vendas da Folha, da veja, vão de ladeira a baixo. O Povo já não é tão ingênuo. O acesso a informação (acesso a internet, banda larga) é tão combatida por este motivo. Mas não se consegue Enganar Muitos por Muito Tempo. Vamos deixar de comprar, ler e assistir, só basta isso.

Responder

    simas

    12/09/2010 - 22h32

    Meu caro: Evitar consumir os produtos da mídia, maldita, realmente, é uma atitude importante e q deveria ser tomada pela maioria da população… Contudo, convenhamos, não é o único caminho a ser seguido, adotado. Gostaria de lembrar q um tipo q frequenta a rede, mafiosa, globo, de nome, me parece, "aderbal jaqueira", ou coisa desse tipo, acabou de ser premiado, nos EEUU, por seus excelentes trabalhos, jornalísticos… Ora, esse tipo, faz contorcionismo verbal, tentando convencer à platéia da TV, do q bosteja, diariamente, à cargo de seus patrões… Ouvirau, bem? Então, pense, junto, sobre a campanha q sofre o Pres Chaves, acusado de perseguir a mídia venezuelana, com sua política…. autoritária, facista, e tudo o mais. Pense, se não estamos cercados, sitiados pelo poder econômico e financeiro, internacional. Qdo o prezado, acima, reclama do silêncio da presidência, em Brasília, não considera, isso. Não dá pra tomar atitudes oficiais, via Poder Executivo. Não dá. É dar motivo pra ser apedrejado. Quem poderia agir, em conformidade , seria o MP… Uma OAB poderia, igualmente, agir junto à justiça, pra agilizar…. pra agilizar. Mas, a Ordem tem rabo preso com a elite dominante, conservadora, q seria a alçada, maior, dessa mídia, maldita…. A Ordem só se manifesta, qdo existe um interesse, público…. pertinente aos interesses da elite dominante. Só. Vc não viu, aquela dos 400 "adevogados", num almoço de confraternização de um…. meliante, desses, engravatados, com atuação no mercado de capitais?… Uma coisa é patente: o Pres da República não pode e não deve se meter nesse caos, com contornos terroristas. Só o Poder Judiciário, o Poder Legislativo ou uma organização, dessas, tipo OAB…. Essa carta, aberta, ao Presidente e à candidata Dilma é uma forma de se protestar e formar uma frente, única, poderosa, contra essa máfia. Vc, tbm…. todos nós, poderíamos escrever cartas, aos nossos digníssimos legisladores – em especial àqueles q são de confiança…. pedindo, cobrando um enganjamento nessa empreitada de enquadrar todos os chefes da máfia, pelo menos…. Falo enquadrar, judicialmente; pq eles comentem crimes de lesa à patria, mesmo. São terroristas e golpistas; acomuladamente. Aquele abraço, fraterno

Jairo_Beraldo

12/09/2010 - 08h56

Certamente quando o povo brasileiro der a Dilma Roussef, em 03/10, a procuração para governar nosso amado Brasil, uma de suas metas, será implantar a Ley de Médyos, que assusta de forma rotunda esta máfia midiática. E espero que seja mais dura que a que foi implantada na vizinha Argentina pela hermana Cristina Fernández de Kirchner.

Responder

Kair Orichio Junior

12/09/2010 - 08h51

O que é honra?
Até que ponto a honra, o direito de defesa e o direito de caluniar podem ser usados sem qualquer receio de se cometer um delito?
Não dou advogado, mas gostaria que alguém, algum jurista mostrasse qual o caminho, para se coibir isso.
Qual instrumento legal, disponibilizado pelos meios de comunicação e que serve como regra para este mesmo meio de comunicação que deverá ser usado para punir a qualquer um que minta e calunie?
Nos Blogs que são de vanguarda e apoiem ou sejam democráticos quantoa apresentação de textos solidários a temas ou movimentos aliados com as idéias democráticas, não sei se resolvem muito fazermos adesísmos ou compartilharmos uma solidariedade. Gostaria de saber se num tempo curtíssimo é possível processar, ajuizar, pedir uma ordem de prisão por calúnia dessa natureza!?!?!?
Que alguém apresente esse texto a alguma promotoria… não seria uma saída?

Responder

Que esses fascistas sejam presos! | ESTADO ANARQUISTA

12/09/2010 - 08h40

[…] Mauro Carrara (em nome de muitos, muitos brasileiros), pelo Viomundo […]

Responder

Messias Macedo

12/09/2010 - 08h31

Parabéns, prezado, lúcido e impávido, Mauro Carrara! O seu depoimento lapidar: uma "bala de prata" nas asas do DEMotucanato, fascista eterno, golpista contumaz, terrorista de meia-tigela, Antinacionalista… O cheiro dos cavalos ao do povo!

Felicidades!

Hasta la Victoria Siempre!

Messias Franca de Macedo
Feira de Santana, Bahia, República de 'Nois' Bananas

Responder

Leider_Lincoln

12/09/2010 - 08h25

É chegada a hora de reagir, chega desta cambada de safados, seus jornalistas mercenários e até mesmo destes trols a soldo, vagabundos como eles todos! Concordo com o Carrara: chega!!!

Responder

Paulo Franco

12/09/2010 - 08h08

Mauro Carrara: como cidadão brasileiro, endosso sua bem fundamentada e oportuna exigência.

Responder

Donato

12/09/2010 - 08h08

Abril, Globo Estadão e Folha são os " Quatro Cavaleiros do Apocalipse" da nossa democracia.O governo Federal precisa dar uma resposta imediata e dura a esse " Império do Mal Midiático" !

Responder

Fernando Neri

12/09/2010 - 07h48

Felipe MACHADO e José SERRA. Dois instrumentos cegos no meio do pipocar dos fogos da vitória!!!

Responder

Henrique

12/09/2010 - 07h40

A Dilma e o novo Congresso vão fazer uma Lei da Mídia na qual a mídia golpista seja condenada ainda no mesmo tempo de sua nefasta ação. Fazer o PIG se responsabilizar pelo que emitem, ainda no tempo mesmo de sua emissão. Na nossa República não cabe um 4.º Poder, nossos poderes são somente três: Excecutivo, Legislativo e Judiciário.

Responder

joao batista jr

12/09/2010 - 07h33

O PIG tenta destabilizar emocionalmente a Dilma. Hoje há o debate na RedeTV!
Essas acusações são tão infundadas que não durarão uma semana.

Responder

    Baixada Carioca

    12/09/2010 - 13h15

    Dilma tem que ignorar as provocações para fazer outras. Perguntas ao tucano:

    – E sobre o sigilo de milhares de pessoas invadidos pela Decidir.com, empresa que a filha dele teve sociedade com a irmã do megatrambiqueiro Daniel Dantas;

    – E sobre a quebra de sigilo de pessoas no Rio Grande do Sul que foi liderado por um sargento do gabinete da Yeda Crusius, governadora do PSDB;

    – E se sabia da quebra do sigilo em 2009, por que não foi ao Ministério Público, órgão responsável por aceitar as denúncias e investiga-las?

    – Se a filha do tucano se sentiu prejudicada; se seu sigilo foi violado, por que não foi à Polícia Federal denunciar?

Angela Reis

12/09/2010 - 07h00

Gostaria de também subscrever esta carta. A impunidade que esta imprensa golpista usufrui não é condizente com as leis do país. Por que nós cidadãos honestos estamos sujeitos às penas previstas para quem calunia e difama, e esta corja pode falar o que quiser e contra quem quiser, com fins claros de tentar alterar a vontade do povo, que está prestes a escolher seus governantes? Por que blindar estas gangues? Sei que qualquer chamamento às falas, eles se arvoram a disparar o mantra : isso é censura à imprensa ! Mas alguma coisa tem que ser feita urgente! Estou me sentindo agredida e impotente. Vamos nós lançar a campanha : Chega de mentiras da imprensa!

Responder

Jarir Almansur

12/09/2010 - 06h47

Esse é um dos mais incisivos e corretos textos que eu tenho lido, quero pois apresntar toda minha solidariedade aos envolvidos e manifestar o repudio ao ataque terrorista desses jornalões ao povo brasileiro. Todavia gostaria de lembrar que essa imprensa chegou a onde chegou porque foi sempre 'perdoada' pelos ofendidos. Aqui se criou uma versão de 'liberdade de imprensa' emque o jornalista pode fazer parte da cadeia criminosa da injuria, difamação e calunia sem que possa ser processado por isso. Os ofendidos que não vão aos tribunais não colaboram com a formação da imprensa nem com a democracia.

Responder

monge scéptico

12/09/2010 - 06h38

Alguma reação será necessária, antes que pensem que estão realmente acima das leis.
Muito bom o artigo. Esperemos, que o povo que viu o país saltar de qualidade em peno-
sos oito anos, onde o presidente LULA enfrentou, todo tipo de obstáculos, opostos jus-
-tamente pelas organzaições criminosas citadas e a vazia oposição.
Sempre digo, que esse governo perdeu dois anos para arrumar a economia, e acumulou,
outras perda provocadas por congresso corrupto. Mesmo assim provou ser possível, trans-
-formar a sociedade, via um trabalho dedicado, que é verdade, não conseguiu diirmir to-
-dos as sequelas, em um país destroçado pela privataria, pirataria e, roubo do recursos
públicos quase explícitos, quando não. O apoio que hoje tem, veio algum depois quando
os resultados começaram a aflorar etc etc…………………………………….

Responder

pereira

12/09/2010 - 06h23

O Presidente tem que reagir rapidamente junto com a Dilma, o povo não aguenta mais.

Responder

Giovanni Gouveia

12/09/2010 - 06h23

Bravo!

Responder

Ronaldo Caetano

12/09/2010 - 06h03

Fraudam acima de tudo a democracia…

Criam para José Serra, através de matérias sob encomenda e desprovidas de qualquer valor jornalístico, um Horário
eleitoral gratuíto à margem da lei eleitoral. O que acontece hoje é fruto de uma estratégia montada e que começou com aquelas absurdas declarações, e insistentes, da presidente da ANJ sobre liberdade de expressão.

É isso que eles chamam liberdade de expressão: inventar matérias, e insistir nelas, mesmo quando o entrevistado, em seguida, os desmente.

E o que acontece? Nada…

Responder

Evaristo Solimões

12/09/2010 - 04h18

Já não cabe espaço pra tamanho insulto desse povo. Os dias e as semanas passam sem que haja pelo menos uma advertência pública, de nossos homens públicos, nada. Os políticos ainda têm medo de um enfrentamento direto com os meios de comunicação, que não podem ser perdoados e sim, penalizados. Esses agentes que deveriam prestar serviços pra coletividade, informando-os, entretendo-os, participando do processo de crescimento do país como um todo, acabam por desorientar o cidadão mais humilde. Chamemos o Requião pra ministro das comunicações. Lei da Mídia já!

Responder

    Tunico

    12/09/2010 - 11h37

    Caro Felipe, ponha uma lente de aumento no PIG e voce perceberá quantas bactérias nocivas existem lá. Saia do círculo do PIG e voce verá que existe vida fora dele. Leia e veja o PIG com um mínino de senso crítico e voce verá como ele é tendencioso. Pergunto-lhe, honestamente, porque voce acha que o Serra é melhor para o Brasil??

Felipe Machado

12/09/2010 - 03h41

Azenha,

Texto muito, muito deprimente.

É bastante lamentável que você o tenha colocado em seu blog, como uma espécie de declaração, que chega a pregar a prisão (??) de alguns de seus colegas. É essa bandeira que você defende?

Esse texto é assustador e completamente fascista.

Não há mais em você qualquer resquício jornalístico. Você apenas defende o governo de forma sistemática e servil, ignorando os fatos que explodem por todos os lados.

Eu realmente espero que possamos evitar o apodrecimento total de nossas estruturas institucionais, torturadas diuturnamente pelos que agora estão no poder.

Responder

    simonebh

    12/09/2010 - 07h50

    Machado, humor negro aqui não, viu?!

    Aprovo e divulgo o texto do Carrara. Vamos em frente com esta bandeira!

    Eutímio Pimentel

    12/09/2010 - 09h19

    Chegou um trol na area !!

    sergio pinto

    12/09/2010 - 10h26

    E eu espero que, de uma maneira ou outra, seja pela lei de mercado, seja por criação de códigos de conduta, que a chamada mídia grande (jornais, rádios, revistas e televisões) façam apenas o que sua concessão permite: informar a população.
    Quem sabe, alguns como você (os famosos 4%) deixem de acreditar em papai noel, mula sem cabeça, curupira, saci e outros menos votados.
    Como alguém já disse, o problema do Brasil é que sobra papagaios de telejornal e falta cidadãos.

    Gersier

    12/09/2010 - 10h29

    Vc classifica o que a globo,a veja e a folha estão fazendo de Jornalismo?Escondem o que de bom está acontecendo no Brasil,e a bordo de uma avião que decola as vésperas de uma eleição,seguindo o roteiro do que foi feito em 2006,quando usaram um ônibus para mostrar não as belezas desse país,mas a miséria.Isso é jornalismo ou campanha nem tanto camuflada como queriam?Se querem realmente mostrar os problemas porque não foi feito no início da gestão Lula quando isso poderia inclusive servir de ajuda ?Hum?Porque não fazer no início do próximo ano quando já estará definido quem governará o País?No primeiro caso com certeza para não mostrar a incompetência de uma elite que teima em acreditar que o Brasil sejam eles e não a maioria da população.Tem que haver reação sim e já está passando da hora desses caluniadores serem processados e pagarem pecuniariamente.

    deliciosasinecura

    12/09/2010 - 14h05

    Esse aí está brincando de Reversal Russa!

Natale Vanz

12/09/2010 - 03h08

Formidável, Mauro Carrara!

Abaixo o Consócio GAFE!(michaelis:s.f.-ação ou palavra contrária às conveniências)

Resumindo:…o consórcio Globo-Abril-Folha-Estado(GAFE) das familias Marinho-Civita-Frias-Mesquita(MCFM)…—>…hoje, no Brasil, assistimos atônitos a uma série de atentados terroristas praticados pela mídia,…que…caluniam, difamam, injuriam e praticam fraudes, sempre impunemente, sempre arrogantemente, sem que se sejam alcançados pelo braço da lei… por conta de interesses eleitorais, esses veículos de comunicação converteram-se em núcleos de terrorismo organizado, servindo especialmente aos partidos neoconservadores…

Responder

    Gersier

    12/09/2010 - 12h57

    O Felipe Machado ( será trol?) disse:"Eu realmente espero que possamos evitar o apodrecimento total de nossas estruturas institucionais, torturadas diuturnamente pelos que agora estão no poder. Essa frase de um cinismo sem tamanho e demonstra pra quem o lixo é escrito.Como o PIG não mostrou com certeza ele ignora que o Brasil foi considerado por um respeitado órgão internacional o país onde o Governo dá total liberdade aos barões da mídia que confundem essa liberdade com libertinagem,molecagem.É a mídia que está apodrecida e não as instituções que tem em seus quadros alguns frutos podres nelas depositados por "amigos" que estavam no poder em outras eras.O gilmar dantas mentes mendes e o mello nas instâncias máximas do poder judiciário brasileiro são dois exemplos classicos.Um conseguiu a proeza de ficar plantado até altas horas da noite na "côrte" para livrar a cara do amiguinho,o outro numa total falta de respeito ao candidato e a vontade da maioria da população brasileira,propositalmente não citou o nome do Presidente Lula quando esse mais uma vez e por vontade soberana do povo, foi reconduzido à cadeira presidencial.

RONALD CURITIBA

12/09/2010 - 02h57

Seguindo o Torquemada….
Plac, plac, plac, plac, plac,……
Também estou aplaudindo em pé!…………..

Responder

juçania facchin

12/09/2010 - 02h57

Concordo em genero, número e grau, mas precisamos mais do que apenas elogiar.Temos que começar a reagir de maneira mais veemente a esse golpismo midiático. Temos que ir para a rua, temos que defender o direito do cidadão brasileiro poder decidir sem medo ,quem deseja que o governe.

Responder

Sérgio Vianna

12/09/2010 - 02h36

Autorizo ao Mauro Carrara a incluir meu nome na relação dos brasileiros que subscrevem "Os atentados terroristas de setembro de 2010". Senti-me representado no texto, endossando totalmente o artigo.
Eu não sei o que fazer com essa mídia golpista, escondida na maledicência e na hipocrisia. Sendo empresas privadas, disputando o comércio da informação, é tênue a distância que separa as atitudes necessárias daquelas compreendidas como atentado à liberdade da informação. Mas alguma providência terá que ser adotada. Principalmente para por fim às injustiças praticadas contra os que não cometem delitos.

Responder

MirabeauBLeal

12/09/2010 - 02h21

.
Será mesmo que a Globo, a Folha, o Estadão e a Veja trouxeram para o encontro do Instituto Millenium a RCTV da Venezuela para lhes dar alguma dica de golpe ?
Se foi isso, eles vão acabar se dando muito mal, como aliás se deu mal a RCTV na Venezuela.
Um governo, como o de LULA, com 85% de aprovação popular,
com uma candidata que já tem consolidados a seu favor quase 65% dos votos válidos dos eleitores brasileiros
e com o prestígio internacional que inegavelmente tem o Brasil, inclusive diante de países capitalistas de todas as matizes, vai ser muito difícil de derrubar,
não é mesmo ?
Será que eles estão pensando que o Brasil é uma nova Honduras ?
Será que o Presidente norteamericano Barak Obama e sua Secretária de Estado Hillary Clinton, que eles tanto veneram e adoram, os apoiariam ?
Eu que não. O que vocês acham?
.

Responder

    Gersier

    12/09/2010 - 15h01

    Falando em Hillary,o PIG ignorou solenemente ela cumprimentando o Brasil no dia sete de setembro,pela comemoração da nossa independência,independência essa que realmente está se concretizando com Lula na Presidência da Repúblca.Pra quem quiser assistir o link é
    http://www.youtube.com/watch?v=0qov4ZquIco

Janes Rodriguez

12/09/2010 - 02h14

Perfeito!!!

Responder

Daniel Quireza

12/09/2010 - 02h13

O Governo, o PT, e a Ministra tem que acionar judicialmente a revista imediatamente, ja na segunda-feira, e pedir que apresentem as provas do que dizem. A partir dai tem que processar de todas as formas, por todos os crime cometidos, pedir direito de resposta, indenizacao e tudo que tem direito. Se nao fizerem isso, perdem a razao, estarao dando credito a revista. Esse pessoal ja passou de todos os limites.

Responder

Émile Zolá

12/09/2010 - 01h58

J'accuse!

Responder

MirabeauBLeal

12/09/2010 - 01h51

.
Já notaram que, depois da capa da Veja, ninguém mais falou sobre a matéria de capa da Carta Capital, que trouxe à tona o vazamento do sigilo de 60 milhões contas bancárias provocada pela Decidir.com, empresa à que pertencia a filha do candidato Jose Serra (PSDB) em sociedade com a irmã de Daniel Dantas do Grupo Opportunity, fato ocorrido na época do governo Fernando Henrique Cardoso (PSDB).
Parece que a estratégia midiática está funcionando.
.

Responder

    sergio pinto

    12/09/2010 - 10h31

    Uma das causas é que o pessoal se concentra na indignação com a matéria de esgoto e se esquece de divulgar a matéria realmente jornalística.
    Já reparam quanto de importância se dá a factóides? Não digo que não tenham que ser desmontados, mas fica faltando a divulgação das matérias sérias, como são as da Carta Capital

    Gersier

    12/09/2010 - 13h01

    O PIG nutre ódio por quem os desmascara.Não divulgam acreditando que a matéria passará em branco,Fico decepcionado é com a Record que ao invés de dar perrnas aos factóides da veja e folha,deveria era dar destaque a matéria essa sim verídica,da Carta Capital.

    ValmontRS

    13/09/2010 - 04h26

    Apoiado, Gersier.
    Idem para a TV Brasil.

    Baixada Carioca

    12/09/2010 - 13h07

    Não é isso MirabeauBLeal. Acontece que o PIG replica o PIG. Quem entre eles teria coragem de replicar a capa da Carta?

ricardo silveira

12/09/2010 - 01h51

Que bando! Ninguém os processa, ninguém os põe na cadeia. Essa gente não tem o direito de bagunçar o espaço público de forma criminosa e impunemente como vem, sistematicamente, fazendo desde que um governo popular passou a ocupar, legitimamente, o poder político do país.. Cadê o Estado de Direito? O que essa gangue do PSDB/DEM junto com essa mídia fascista e golpista fazem não é política, não é jornalismo, é banditismo. Cadê a Polícia Federal? Essa gente está transformando a vida pública brasileira na Casa da Mãe Joana.

Responder

@profomar

12/09/2010 - 01h31

PIG: covardia é teu nome… Não ficarão impunes e a maioria da população saberá responder as mentiras em 03.10 .

Responder

carlos cruz

12/09/2010 - 01h27

PALMAS ao texto acima. Onde se encontra os MPF que nada faz? Onde se encontra? A acintosa decisão de mentir e caluniar deve ser respondida atraves da lei e imediatamente. São concessões publicas! O que mais vão tentar? Um golpe? Assassinato? Estão apelando pra tudo de mais nojento e asqueroso. Perderam totalmente a compustura. Se o Sr. Serra age assim antes de ser eleito, se o fosse (e não o será!) como agiria? Mataria quantos opositores? Torturaria quantos? Seriam criados campos de exterminios? O nazismo voltaria? O Estado de direito exige responsabilidade! São concessões publicas usadas contra o povo brasileiro! Deverão ser cassadas! De uma eleição serena passamos a ataques a honras, mentiras e mentiras asquerosas. Onde está o MPF para agir em nome do povo?

Responder

    Baixada Carioca

    12/09/2010 - 13h06

    A dra. Cureau só tem voz pra mandar LULA calar a boca. Quanto à esses pilantras ela se ajoelha diante deles e…

Fabio_Passos

12/09/2010 - 01h25

O que mais o Brasil está esperando?

Lá no Nassif:

"Os conselhos de regulação" http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/os-conse

"
Sim, posso citar ao menos um país desenvolvido: Espanha.

O país conta com conselhos que "regulam a atividade audiovisual" tanto no âmbito privado como no âmbito público.

Cada comunidade autônoma espanhola tem o seu. O da Catalunha, por exemplo, é esse:
http://es.wikipedia.org/wiki/Consejo_del_Audiovis

O Conselho Audiovisual da Catalunha tem como principios "a defesa da liberdade de expressão e de informação, do pluralismo, da neutralidade e da honestidade informativas, assim como da livre concorrência no setor".
"

Responder

    Jarir Almansur

    12/09/2010 - 06h50

    Enquanto não vem o 'coselho de divulgação' e a 'lei de meios' como a da argentina. Que tal se os ofendidos utilizassem os meios que temos: Ações judiciais criminais e ações civeis de reparação de dano. Ofendidos que se calam colaboram com os ofensores.

    Gersier

    12/09/2010 - 13h06

    Num judiciário politizado?Lembra que até o Ministro da Justiça(?)defendeu a tal "dra" promotora que vive acusando o Lula e livrando a cara do serra quando a cúpulado PT disse que a questionaria na justiça?

joão carlos

12/09/2010 - 01h23

quando vi a manchete fiquei preocupado. Agora, depois do desmentido da ministra e a nota de quem teria dito, estou tranquilo e achando que pode ser o contra golpe definitivo nesse grupo infame.
joaocarlos

Responder

Elias São Paulo SP

12/09/2010 - 01h20

Mauro Carrara! Que discurso fomidável! J'accuse essa corja, presidente Lula! J'accuse!

Responder

Auricéa

12/09/2010 - 01h20

É por textos como esse que esse que passo por aqui varias vezes ao dia. Parabéns!!!

Responder

José Antonio Gerheim

12/09/2010 - 01h18

Mais aplausos, assino embaixo,
Gerheim (blog do Gerheim)

Responder

Fabio_Passos

12/09/2010 - 01h16

Marco Aurélio Mello no DoLaDoDeLá:

"Covardes!" http://maureliomello.blogspot.com/2010/09/covarde

"
Como pode a revista semanal de maior circulação do país acusar a ministra-chefe da Casa Civil de beneficiar um empresário a partir de um "esquema", cujo filho dela seria intermediário, e ficar por isso mesmo? O que falta acontecer para as autoridades tomarem uma providência? A sociedade, representada por suas instituições vai ficar calada, assistindo? Não me conformo!
(…)
Que venha a concorrência internacional, o controle externo sobre os meios de comunicação e o fim das publicidade oficial neste tipo de imprensa leviana. Do jeito que está não dá para ficar. Covardes!
"

Responder

    Baixada Carioca

    12/09/2010 - 13h04

    Eu apóio o "fim da publicidade oficial neste tipo de imprensa".

    Fabio_Passos

    12/09/2010 - 18h35

    O grande pavor do PIG em São Paulo é perder o dinheiro público desviado pelo governo tucano.

    Aqui no Paraná o Requião cortou a verba e a mídia-chantagista enlouqueceu.

Fabio_Passos

12/09/2010 - 01h10

O Brasil não merece tanta maldade.

Nome aos bois:

Ali Kamel, Roberto Civita, Eurípedes Alcântara, José Roberto Guzzo, Mario Sabino, Roberto Irineu Marinho, Ruy Mesquita e Otávio Frias Filho.

E viva Leonel Brizola!
A hora é dos bravos.

Responder

    Helcid

    12/09/2010 - 02h05

    Fábio, poupe os bois, eles não merecem ser comparados a estes pústulas !!

    Pedro Henrique

    12/09/2010 - 10h40

    E onde fica Mr. Robert Civita capo e mandante do órgão terrorista Veja.

    Fabio_Passos

    12/09/2010 - 13h22

    Um mafioso chantagista…

    "
    Roberto Requião (…) contou aos senadores que, assim que asumiu o governo do Paraná, em 1990, abriu processo contra o banco Bamerindus, presidido por José Eduardo de Andrade Vieira, por danos causados ao patrimônio público do Paraná. Entretanto, não levou a questão a público. Roberto Civita ficou sabendo do processo e passou a procurar Requião para saber mais detalhes, insistindo que a questão deveria ser tornada pública pela sua gravidade. Requião cedeu e Civita enviou quatro jornalistas para investigar o caso.

    Dias depois, ainda duvidando da publicação da matéria, pelo fato de o Bamerindus ser um dos principais anunciantes da revista “Veja”, Requião recebe um telefonema de Civita, que teria dito o seguinte: “Governador, compre a próxima Veja e o senhor verá o que é uma revista independente.” Requião comprou. Mas o que viu foram seis páginas de propraganda do Bamerindus. Nenhuma linha sobre o caso fora publicada. As informações obtidas por Roberto Civita serviram, de acordo com o relato de Roberto Requião, apenas para chantagear o Bamerindus, que teve sua propaganda estampada na revista por mais de seis meses.
    "

    "VEJA, COMO ELA É" http://www.fazendomedia.com/fmoutros/materia0011….

Torquemada

12/09/2010 - 01h04

Plac, plac, plac, plac, plac…
Estou aplaudindo em pé!

Responder

    Gersier

    12/09/2010 - 13h10

    E já já imitaremos o gesto do espionado(pela globo,para os que não sabem) Ministro e iremos fazer o "top top top" pra essa máfia.

Deixe uma resposta