NOVO CONTATO WHATSAPP: 11 00000-0000
Leia também

Miguel Nicolelis: Século 21 “pode vir a ser o século do Brasil”

publicado em 11 de outubro de 2010 às 17:54

Miguel Nicolelis, que defende “soberania intelectual” do Brasil, anuncia apoio a Dilma Rousseff

por Luiz Carlos Azenha

Entrevistei pela primeira vez o dr. Miguel Nicolelis quando era repórter da Globo. Ele é um dos mais importantes neurocientistas do mundo. Tratamos, então, do uso de impulsos elétricos capturados no cérebro de um macaco para mover braços mecânicos, pesquisa que ele desenvolveu na Universidade de Duke, nos Estados Unidos. O potencial desse tipo de pesquisa é tremendo: permitir que paraplégicos façam movimentos com o uso de impulsos elétricos do próprio cérebro, por exemplo.

Desde então, o cientista implantou em Natal, no Rio Grande do Norte, o Instituto Internacional de Neurociência, uma parceria público-privada. E continua coletando prêmios nos Estados Unidos, alguns dos quais anunciados recentemente:

Setembro 2010
Miguel Nicolelis recebe outro prêmio científico dos Institutos Nacionais de Saúde dos E.U.A.

Dois meses depois de ter recebido dos Institutos Nacionais de Saúde (NIH) dos Estados Unidos US$2,5 milhões para investir em suas pesquisas no campo da interface cérebro-máquina, Miguel Nicolelis volta a ser distinguido com um prêmio de aproximadamente US$4 milhões da mesma instituição. Os recursos devem ser aplicados no desenvolvimento da nova terapia para o mal de Parkinson que vem mobilizando o pesquisador há alguns anos e que, na avaliação dos NIH, se constitui numa pesquisa “arrojada, criativa e de alto impacto”. Miguel Nicolelis é a primeira pessoa a receber da instituição americana no mesmo ano o Director’s Pioneer Award e o Director’s Transformative R01 Award.

*****

Hoje liguei para a Universidade de Duke, nos Estados Unidos, quando soube por e-mail que Nicolelis tinha decidido anunciar publicamente seu apoio à candidatura da ex-ministra Dilma Rousseff.

Ele afirmou que faz isso por acreditar que Dilma representa um projeto de país em linha com o que acredita ser desejável para o Brasil: o desenvolvimento de uma “ciência tropical” e de um conhecimento voltado para garantir a soberania nacional. O áudio e a transcrição aparecem abaixo:

nicolelis

Transcrição:

Por que é que o sr. decidiu anunciar publicamente seu apoio à candidata Dilma Rousseff?

Porque desde as eleições do primeiro turno eu cheguei à conclusão que essa é uma eleição vital para o futuro do Brasil e eu estou vendo um debate que está se desviando das questões fundamentais na construção desse futuro e dessa maneira eu achei que como cientista brasileiro, mesmo estando radicado no Exterior — mas que tem um projeto no Brasil e tem interesse que o Brasil continue seguindo este caminho — eu achei que era fundamental não só que eu mas que todos que pudessem se manifestassem a favor e fizessem uma opção pelo futuro que a gente acredita que é o correto para o nosso país.

Que futuro é esse?

É o futuro da inclusão social, o futuro em que as crianças que ainda nem nasceram possam ter a educação, saúde, ciência, tecnologia e a possibilidade de construir os seus sonhos pessoais sejam eles quais forem. Futuro que nós, a sua e a minha geração não tiveram. E um futuro que não leve o Brasil a retornar a um passado recente onde nós tinhamos, além da insegurança financeira, uma total falta de compromisso com o povo brasileiro e com a coisa brasileira. Então, nesse momento para mim essa é uma eleição vital, é um momento histórico para o Brasil. Eu viajo pelo mundo inteiro e eu nunca vi o nome do Brasil e a reputação do Brasil tão alta (inaudível) e este é o momento de deslanchar de vez e não voltar para o passado.

Fale um pouquinho do projeto que o sr. tem em Natal pra gente e da importância que o sr. acredita que o governo Lula teve — eu já li muito o que o sr. escreveu a respeito — para que esse projeto fosse implantado.

Nosso projeto é o primeiro projeto no mundo que usa a ciência como agente de transformação social – ciência de ponta.

Quando, oito anos atrás, comecei esse projeto… fui a São Paulo, me disseram que não havia esperança de fazer nada igual fora de São Paulo, porque 80% da produção científica do Brasil está concentrada no estado de São Paulo.Eu usei isso como um diagnóstico dos erros passados, porque um país que quer se desenvolver como uma federação e que quer oferecer cidadania ao seu povo não pode concentrar a produção de conhecimento de ponta e a disseminação de conhecimento de ponta num único estado da União.

E aí eu propus de levar esse projeto de ponta — que é fazer neurociência como se faz em qualquer lugar do mundo, em lugares que são, que tem a dianteira da fronteira dessa área no mundo — na periferia de Natal, usando essa ciência para desenvolver uma série de projetos sociais que permitem que a criança tenha um projeto educacional desde a barriga da mãe — que faz o pré-natal dentro de nosso campus do cérebro — até a pós-graduação na universidade pública.

E o primeiro grande parceiro desse projeto foi o governo federal, foi o presidente Lula e a seguir quem eu considero o maior ministro da Educação que o Brasil jamais teve, dr. Fernando Haddad, que transformou não só as políticas públicas mas o pensar do Brasil em educação, concluindo e chegando à conclusão que toda criança brasileira tem direito a perseguir seus sonhos intelectuais e não só ser abandonada em alguma escola técnica para servir ao mercado de trabalho. Que ela pode ser física, química, bióloga. É isso o que nós fazemos.

Nós criamos um projeto de educação científica que é principalmente um projeto de educação para cidadãos, que vão lá no turno oposto da rede pública, são mil crianças no Rio Grande do Norte, 400 crianças no interior da Bahia — na terceira escola que nós acabamos de abrir — e nós vamos ampliar isso para 2 mil crianças no ano que vem e se tudo der certo para 4 mil crianças em 2012. E esse projeto só foi possível porque o Ministério da Educação e o governo federal acreditam, como a gente, que essas crianças da periferia de Natal, do interior da Bahia, do sertão do Piauí, do Amazonas, de Roraima, também tem direito à educação de altíssimo nível e a perseguir seus sonhos intelectuais.

E como é que isso se conecta com a campanha de Dilma Rousseff?

Essa é uma visão de país onde a cidadania é levada a todos os brasileiros, onde todos os brasileiros tem a oportunidade de acesso ao conhecimento e à informação para fazerem e tomarem decisões por si mesmos, de acordo com a sua própria visão do mundo. Eu acredito que a candidatura da ministra Dilma possibilita viabilizar esse futuro para o Brasil e a candidatura oposta, a candidatura do partido de oposição,  ela basicamente não tem mensagem alguma para o resto do Brasil, ela tem mensagem para a sua audiência, que é restrita, na minha opinião, ao estado de São Paulo e talvez até a cidade de São Paulo, não existe projeto de Brasil na outra candidatura. Enquanto a futura presidente do Brasil, Dilma Rousseff, tem um projeto de Nação que é o que sempre faltou para o nosso país.  Nós sempre tivemos projetos de alcançar o poder e nunca um projeto de Nação. E o que o presidente Lula fez que foi colocar o Brasil nesse caminho, só pode ser, na minha opinião, continuado, com as políticas públicas que a ministra Dilma tem proposto e que eu acredito vai dar continuidade. Se nós não tivermos essa disposição de ter um projeto de Nação, se nós optarmos como país pela outra proposta, eu temo que infelizmente o Brasil vai perder sua chance histórica de se transformar no país que todos nós queremos ter.

Dr. Nicolelis, qual é a importância do conhecimento que o sr. está transferindo — o sr. está em Duke, agora?

Estou aqui em meu laboratório da Duke [University, na Carolina do Norte] nesse momento, mas quarta-feira já estou viajando para o Brasil, para Natal, onde nós montamos um centro de pesquisas de ponta, de neurociências. Nós estamos transferindo conhecimento, inovação, do mundo todo… Nós estamos a ponto de receber o que vai ser um dos mais velozes supercomputadores do Hemisfério Sul, doado pelo governo da Suiça, um dos maiores centros de tecnologia do mundo – a Escola Politécnica de Lausanne, que fechou um convênio com nosso instituto de cooperação internacional – então nós estamos criando em Natal, na periferia de Natal, num dos distritos educacionais mais miseráveis do país, um centro de disseminação de conhecimento de ponta que está transformando não só a neurociência brasileira como a forma de educar as crianças e a forma de trazer as mães destas crianças para dentro de um projeto de inclusão e de cidadania.

Nós estamos construindo lá o primeiro campus do cérebro do mundo, não existe nada igual em nenhum lugar do mundo. E quando o governo suiço veio visitar as obras, veio ver o que nós estávamos fazendo, eles ficaram completamente encantados. Então, eles decidiram fechar um acordo de colaboração conosco ao mesmo tempo em que eles estão fechando um acordo com a [Universidade de] Harvard. Ou seja, nós ficamos em pé de igualdade com a maior universidade do mundo pela inovação da proposta que nós temos na periferia de Natal, provando que em qualquer lugar do Brasil algo desse porte pode ser feito.

Dr. Nicolelis, além do governo federal e agora do governo da Suiça, existem outras entidades ou instituições privadas colaborando com esse projeto?

Ah sim, este é um projeto privado. Mais de dois terços dos nossos fundos e do nosso suporte financeiro vem de doações privadas de brasileiros que moram fora, no Exterior, de fundações europeias, americanas, nós temos parcerias — inúmeras — pelo mundo afora e a beleza disso é que para cada real investido pelo governo federal nós conseguimos coletar quase três reais privados no Exterior e mesmo dentro do Brasil — o hospital Sírio Libanês, por exemplo, é um de nossos parceiros, a Fundação Lily Safra, da brasileira Lily Safra, é uma outra parceira. Nós conseguimos captar para cada real investido publicamente quase três reais privados, mostrando que é possível, sim, realizar parcerias público-privadas que tenham um fundo e um escopo social tão grande quanto este projeto.

Dr. Nicolelis, qual é a importância de o Brasil desenvolver as suas próprias tecnologias em conjunto com universidades de outros países para a soberania nacional e para a capacidade do país inclusive de reduzir a importação de equipamento fabricado fora do Brasil?

Ah, sem dúvida, eu acho que a Petrobras é o grande exemplo, a Petrobras e a Embraer. Nós precisamos de Googles, Microsofts, IBMs brasileiras. Nós precisamos transferir o conhecimento de ponta gerado pelas nossas universidades e pelos nossos cientistas — e o Brasil tem um exército de fenomenais cientistas dentro do Brasil e espalhados pelo mundo que estão dispostos, como eu, a colaborar com o Brasil. Nós temos que criar uma indústria do conhecimento brasileira. É uma questão de soberania nacional. A questão que me chamou a atenção agora, no começo da campanha do segundo turno, a questão da Petrobras, ela se aplica à indústria do conhecimento, que vai ser a indústria hegemônica na minha opinião, no século 21, que pode vir a ser o século do Brasil.

Mas, para isso, nós temos que investir no talento humano. Nós temos que criar formas dessa molecada — como as nossas crianças de Natal — de se transformar em cientistas, inventores, de uma maneira muito mais rápida e ágil do que as formas tradicionais que requerem todo esse cartório até você receber um doutorado e ser reconhecido oficialmente como cientista. Eu estou encontrando crianças no nosso projeto, por exemplo, de 17, 18 anos, que estão sendo integradas às nossas linhas de pesquisa antes mesmo delas entrarem na universidade, porque elas tem o talento científico, talento de investigação, curiosidade e que podem dar frutos muito mais rápidos do que a minha geração deu para o país.

Mas este investimento que pode ser feito com os fundos que vão vir do Fundo Social do Pré-Sal tem que ser feitos para revolucionar a ciência brasileira e criar uma coisa que eu gosto de chamar de “ciência tropical”, que é a ciência do século 21, aplicada às grandes questões da Humanidade — energia, ambiente, suplemento de comida, suplemento de água, novas formas de disseminação democrática da informação — tudo isso faz parte do escopo dessa “ciência tropical” em que o Brasil tem condições plenas de ser, se não o líder, um dos grandes líderes deste século.

Dr. Nicolelis, onde que está aí o nexo entre o que o sr. acabou de dizer, que o sr. mencionou, e a riqueza da biodiversidade brasileira, que ainda não é explorada?

Nós nem sabemos o que nós temos, Azenha. Nós nem tivemos a chance de mapear essa riqueza. Todo mundo fala dela mas ninguém pode dar uma dimensão. Então, esse discurso que eu ouço, ambientalista, superficial, que foi caracterizado no primeiro turno, inclusive, da eleição, ele não serve para nada, porque ele não aprofunda nas questões vitais.

As questões vitais é que a soberania do Brasil também depende de investimentos estratégicos no mapeamento das riquezas que nós temos, do que pode ser feito para o povo brasileiro em termos de novos medicamentos, novas fontes alimentares, novas fontes de energia. Existem dezenas de sementes oleaginosas do semi-árido que são não-comestíveis, que são muito mais eficientes na produção de óleo do que a mamona, por exemplo, que poderiam ser usadas em projetos de parceria de cooperativa no interior da caatinga do Brasil, para se produzir óleo biocombustível para trator, caminhão, que aliviariam tremendamente os custos da produção alimentar, familiar, nessa região do Brasil.

Isso precisa ser explorado, precisa ser mapeado com investimentos em pesquisa básica, em estudos de genômica funcional dessas plantas, tentar entender porque elas conseguem produzir esses óleos de alto valor energético e tentar transferir isso para a economia do Brasil. Existe toda uma economia que pode ser altamente sustentável, que pode preservar muito melhor o ambiente do que nós estamos fazendo até hoje e que pode servir de retorno em empregos e conhecimento que ampliariam ainda mais a matriz renovável energética brasileira.

Então, são coisas que estão na nossa cara e que eu acho que só uma política voltada para o Brasil, uma política que dê continuidade ao que o presidente Lula iniciou nestes oito anos, vai ter condições de manter dentro do Brasil. Porque existem evidentemente interesses enormes nessas riquezas nacionais, existe um interesse enorme nos cérebros brasileiros que estão desenvolvendo essas ideias e nós temos que manter isso de uma maneira agregada ao Brasil e não simplesmente dar isso de mão beijada para o primeiro que bater na porta com uma oferta ridícula de privatização ou da venda de nosso patrimônio intelectual para fora do Brasil.

amorim_celso_br

28 - jul 6

Amorim: Acusações de que Lula fez lobby são absurdas; mostram como perderam a noção

Após palestra na Confederação Nacional dos Metalúrgicos da CUT, em São Bernardo do Campo

Eva Gomyde Batista

23/09/2012 - 22:35

Sinto um profundo orgulho como cidadã brasileira de ter o gde neuro-cientista M. Nicolelis como nosso conterraneo.Já vi algumas entrevistas dele e fico admirada de perceber que a sua sabedoria não resvala na soberba e nem na vaidade, ele é uma pessoa muito especial.O otimismo e o amor que ele tem pelo Brasil é de emocionar;atraves dele nosso pais é reverenciado no mundo inteiro e é uma pena que a gde midia não o coloca em destaque para entrevistas e nem noticia seus premios no exterior.Será que é pq ele se coloca transparentemente ao lado do gde Lula? e a gde midia só denigre o Lula? fica aí uma indagação.
Dr. M. Nicolelis, concordo em genero, numero e grau com tudo o que o Sr. diz…o Brasil é o país do seculo 21.
Sou uma profunda admiradora do seu trabalho aqui e em Duke e principalmente na sua figura.
Eva Gomyde ( pianista e compositora)

Responder

Site da Comissão da Ciência do Futuro está no ar | Viomundo - O que você não vê na mídia

16/08/2011 - 23:16

[…] Nicolelis: século XXI pode vir a ser do Brasil   […]

Responder

ANGELLUCI

14/05/2011 - 17:36

MARIA CLARA TEM 3 ANOS E ESSA DOENÇA DESSE OS 4 MESES, E NENHUM MEDICAMENTO CONTROLA, ELA TEM CRISES TODOS OS DIAS E VARIAS VEZES AO DIA. QUERIA SABER SE PODERIA SER ESTUDADO ESSE CASO, ELA PRECISA DE MUITA AJUDA. IMPLORAMOS. 3274-0647 / 9461-2468

Responder

Professor Nicolelis: Palestra no Nobel e prêmio de U$ 3 milhões » O Recôncavo

29/04/2011 - 10:05

[…] já ganhou 38 prêmios internacionais por suas pesquisas. Dois deles, em 2010, dos Institutos Nacionais de Saúde (NIH) dos Estados Unidos. Hoje cedo foi comunicado pelo mesmo NIH que ganhou mais um. Desta vez de U$ 3 milhões para […]

Responder

Nicolelis e a comissão da ciência brasileira: estratégias para o futuro « Blog Do Maurelio

12/03/2011 - 16:35

[…] e do Vaticano de Ciências e ganhador de 38 prêmios internacionais, entre os quais dois dos Institutos Nacionais de Saúde (NIH) dos Estados Unidos, ele vive na “ponte aérea” Durham, Carolina do Norte – Macaíba, Rio Grande do Norte, onde […]

Responder

Nicolelis e a Comissão da Ciência Brasileira: Estratégias para o futuro « CartaCapital

06/03/2011 - 12:37

[…] e do Vaticano de Ciências e ganhador de 38 prêmios internacionais, entre os quais dois dos Institutos Nacionais de Saúde (NIH) dos Estados Unidos, ele vive na “ponte aérea” Durham, Carolina do Norte – Macaíba, Rio Grande do Norte, onde […]

Responder

Valor Econômico: Nicolelis, candidato ao Nobel | Viomundo - O que você não vê na mídia

05/01/2011 - 00:28

[…] ouvir uma entrevista de Nicolelis, clique aqui. […]

Responder

Ciência tropical - Blog do João Freire (cev)

25/11/2010 - 12:41

[…] em entrevista a Luiz Carlos Azenha, Nicolelis afirmou ser desejável o desenvolvimento de uma “ciência tropical”. De lá para cá amadureu a ideia. Colocou “no papel” o que tem pensado sobre o tema nesses […]

Responder

Manifesto da Ciência Tropical-Miguel Nicolelis | joaquim vai ao centro

24/11/2010 - 08:35

[…] Formado em Medicina pela USP, ele está há 20 anos nos Estados Unidos, onde é professor e pesquisador na Universidade Duke. Já ganhou 38 prêmios internacionais por suas pesquisas. Dois deles, em 2010, dos Institutos Nacionais de Saúde (NIH) dos Estados Unidos. […]

Responder

MANIFESTO DA CIÊNCIA TROPICAL « É por aí

23/11/2010 - 19:07

[…] Formado em Medicina pela USP, ele está há 20 anos nos Estados Unidos, onde é professor e pesquisador na Universidade Duke. Já ganhou 38 prêmios internacionais por suas pesquisas. Dois deles, em 2010, dos Institutos Nacionais de Saúde (NIH) dos Estados Unidos. […]

Responder

Nicolelis lança manifesto da Ciência Tropical: Vai ditar a agenda mundial do século XXI | Viomundo - O que você não vê na mídia

23/11/2010 - 11:16

[…] Formado em Medicina pela USP, ele está há 20 anos nos Estados Unidos, onde é professor e pesquisador na Universidade Duke. Já ganhou 38 prêmios internacionais por suas pesquisas. Dois deles, em 2010, dos Institutos Nacionais de Saúde (NIH) dos Estados Unidos. […]

Responder

JOSÉ RODRIGUES

16/11/2010 - 22:19

Agora, depois de eleita a presidente DILMA ROUSSEFF, deverá confirmar a participação do BRASIL NO PROJETO DOP DR. MIGUEL NICOLELIS. Investir em educação é o caminho mais curto para o desenvolvimento. O Brasil, tem que continuar se desenvendo, no caminho traçado pelo Presidente LULA.

Responder

JOSÉ RODRIGUES

16/11/2010 - 17:03

Azenha, neste momento, passaram-se as eleições, nossa PRESIDENTA DILMA ROUSSEFF, recebeu o apoio de mais de 55.000.000 de Brasileiros. é A PRIMEIRA MULHER PRESIDENTA DO BRASIL. Sua entrevista com o Dr. Miguel Nicolelis, nostra-nos o tamanho da responsabilidade, que tem a nossa Presidenta para administrar nosso país. Sua entrevista nos mostra que existem brasileiros, politizados sem que sejam candidatos, que lutam por uma Nação de brasileiros e não por uma determinada região ou estado, na ilusão de defender um cargo público, esqueceram que a cada momento,se pode apgar as metiras com ações como as praticadas em Natal e Bahia. Cuja intensão e´ajudar. Parabens, Azenha e Dr. Miguel Nicolelius.

Responder

AZENHA: CONTROLE SOCIAL DA MÍDIA É IDÉIA ULTRAPASSADA

07/11/2010 - 02:34

[…] e tecnologia nacionais associadas à engenharia, à agricultura, à informatica e à biotecnologia. Perguntem ao neurocientista Miguel Nicolelis, da Duke University (clique aqui para ler entrevista), ou ao agora deputado federal Newton Lima, ex-reitor da Universidade Federal de São Carlos, que […]

Responder

Microcrédito, banda larga e educação: metas para aprofundar a democracia | Viomundo - O que você não vê na mídia

02/11/2010 - 21:30

[…] e tecnologia nacionais associadas à engenharia, à agricultura, à informatica e à biotecnologia. Perguntem ao neurocientista Miguel Nicolelis, da Duke University (clique aqui para ler entrevista), ou ao agora deputado federal Newton Lima, ex-reitor da Universidade Federal de São Carlos, que […]

Responder

alex soletto

19/10/2010 - 21:59

Nosso primeiro Prêmio Nobel. E se ganhar vai ser por nosso interio mérito e competencia como bresileiros.

Vai valer mais que os os Sul-Africanos e os Indianos, que sempre tiveram outros países por trás…

alex soletto

Responder

Marta Teodósio

16/10/2010 - 18:31

Excelente proposta para o futuro do Brasil. O cientista batizou de "ciência tropical" nossa soberania intelectual…a ciência do século 21. Este é o Brasil que sonhamos e está em nossas mãos garantir que este sonho se torne realidade…que este projeto que já está colhendo resultados tenha continuidade e possa ser ampliado. VAMOS CONSOLIDAR A VITÒRIA De DILMA. Observamos que a mídia tenta esconder o verdadeiro resultado das pesquisas quanto à intenção de votos neste segundo turno. Considerando os votos válidos está claro que Dilma será nossa presidente e temos já motivo para nos alegrar e nos mobilizarmos para que nossa manifestação não seja só virtual: vamos para as ruas consolidar os 56% dos votos válidos e somar os ainda indecisos. A vitória de Dilma é a garantia do fortalecimento de nossa democracia e melhoria das condições de vida de toda a população.
Marta Teodósio

Responder

Miguel Nicolelis: Século 21 “pode vir a ser o século do Brasil” « Galera Dilma 13

14/10/2010 - 13:35

[…] Por Luiz Carlos Azenha (via Vi o Mundo) […]

Responder

Gito

13/10/2010 - 22:25

Realmente. Apoio belíssimo.

Responder

    maria zélia

    13/10/2010 - 22:55

    Acredito que nós já estamos num processo que busca o crescimento cultural/econômico/social "chamando" o povo brasileiro a olhar mais de perto o nosso país como não havíamos vivenciado antes. Com o povo brasileiro , ainda que no início dessa trajetória, se enxergando e abrindo espaço no mundo.
    parabéns pela entrevista!. maria zélia-

Keyth

13/10/2010 - 14:48

Me sinto emocionada também! É como se eu pudesse vislumbrar um futuro para todos no Brasil.
Parabéns pela entrevista! Não há dúvidas de que o governo LULA é um marco histórico para o Brasil. O primeiro que governou para todos!
Emocionada!

Responder

Ricardo T. Sá Teles

13/10/2010 - 14:03

Eu fico pensando… No futuro, teremos na elite brasileira, entre políticos, ministros, cientistas, gestores públicos (sejam eles progressistas ou conservadores, afinal, não é apenas a origem pobre que define a posição política de cada um), homens e mulheres vindos da escola do Nicolelis, apelidados pela imprensa de "Geração Nicolelis", defendendo idéias diversas sobre os rumos da nação, opondo-se quanto ao mais correto a se fazer, mas com algo em comum que SERÁ sempre o ETERNO exemplo para um povo que busca acabar com o fosso entre o desenvolvido e o atraso: Não é só dos ricos colégios paulistas que surgem os mais destacados quadros da sociedade, mas de qualquer lugar onde se invista recursos. Queria reler esse post, no futuro, quando voltarmos a ouvir falar da Geração “N”! :,-)
[email protected]

Responder

Mário

13/10/2010 - 12:24

Gênio, eleitor da Dilma e palmeirense!
Melhor impossível!

Responder

flora

13/10/2010 - 11:01

Parabéns pela excelente entrevista, muito bom saber de tudo isso, excelente apoio para a Candidatura Dilma.

Responder

boniboni

13/10/2010 - 03:13

Precisa por no programa da Dilma!

Responder

Roberto Almeida

13/10/2010 - 01:41

Prezado Azenha, estou sem palavras para expressar o meu encantamento com a entrevista do Nicolelis. Esse é o cara. Sou fã incondicional dele, que trabalha a questão Educação com o mais alto nível. Não sei se você já havia reportado a alguma atividade do Nicolelis, tanto como cientista quanto como um cara ingejado de corpo e alma para realmente tranformar a realidade brasileira por meio da Educação. O único lugar em que vi o Nicolelis merecer programa especial foi no SporTV, isso porque ele liga umbilicalmente Esporte e Educação. Gostaria muito de ver uma reportagem completa sobre as atividades do Nicolelis, que – espero -um dia ainda será reconhecido no Brasil como o Pelé e a Gisele. A bola agora está com você, prezado Azenha. Valeu, estou emocionado.

Responder

Alexandre Tambelli

13/10/2010 - 00:59

Azenha e Pessoal!

Um vídeo em defesa do Brasil! Conta um pouco da Vale e do medo de SERRA dilapidar nossas riquezas com a privatização do Pré-Sal!
http://www.youtube.com/watch?v=Tfir61MP2ko

Responder

Carlos

12/10/2010 - 23:44

Serra defende união homossexual durante a Parada Gay de SP
"Temos um projeto sobre isso, está realmente andando porque o apoiamos".
Fonte: http://www.estadao.com.br/noticias/cidades,serra-

Responder

daniel

12/10/2010 - 18:59

olha essa Azenha e navegantes:
URGENTE! Pe. Léo desmascara José Serra quanto ao aborto. SERRA NUNCA MAIS!
http://www.youtube.com/watch?v=EdNJwnN_vV0

Responder

Hudson

12/10/2010 - 17:43

Olá, por ser um professor de educação superior, tenho que deixar minha contribuição para a campanha de nossa futura Presidenta. Em sua campanha, Dilma não pode deixar de mencionar a imensa contribuição que o governo de Lula deu para as Universidades Federais e tembém como estudante de uma Universidade Federal justamente no período em que fhc foi presidente, ela deveria relembrar a todos quão diferentes foram as condições que se tinha anteriormente e digo que todo Professor de Nível Superior deveria mostrar aos seus alunos as oprtunidades que se tem hoje e o que se tinha antes, com o fhc. A quantidade de universidades inauguradas e atendendo a população, os recursos liberados a pesquisa, as bolsas de iniciação científica, bolsas de auxílio aos estudantes das universidades. Acredito que nunca se teve tanto apoio a pesquisa nesse país, com editais sendo lançados semestralmente, vários e em muitas modalidades. isso tudo deveria ser apresentado a população brasileira. Na minha época de graduação se houvesse todos esses auilios, acredito que aquele período não teria sido tão penoso, como foi para a maioria dos estudantes daquela época, 1994 e 2002. Evidentemente ainda tem muito a melhorar, foram anos sucateamento e descaso com a educação superior no Brasil e precisou, como ouvi do diretor da CAPES dizer, não me pergunte o nome, não lembro, que precisou um Operário assumir a Presidência do Brasil para que a educação de nível superior no Brasil fosse tratada com dignidade e respeito. Ainda tem muito a melhorar, mas estamos no caminho de dar qualidade de vida a população. Se você não nasce em berço de ouro, você só consegue crescer na vida de duas formas, ou você vai fazer coisa errada ou vai estudar e lutar contra todo tipo de sacrifício para conseguir ter seu respeito e dignidade e poder encarar seus desafios e dar sua contribuiçaõ a este país, já com seu povo extremamente castigado. Pra frente Dilma, Pra cima deles e vamos vencer. Basta jogar na cara dessa direita golpista o qu eles nunca fizeram pela população brasileira, e essa população vai entender seu recado.

Responder

Sinuhe

12/10/2010 - 17:18

O premiado Nicolelis é o mais próximo que um brasileiro está de um Nobel na atualidade. É uma apoio qualificado para contestar os saudosos do voto censitário, aqueles para quem escolher a candidata é coisa de "pobre-ignorante".

Responder

DeBarros

12/10/2010 - 17:04

Acusaram a nos de Esquerda de sermos contra o capitalismo. Isso nao eh verdade. Apenas diferimos da extrema-direita em nossa abordagem em relacao ao mesmo.

Vejamos entao algumas dessa diferencas:

Capitalistas de Esquerda colocam o capital a servico do social. Capitalistas de direita colocam o social a servico do capital.

Capitalistas de Esquerda investem em industrias e servicos que aprimoram a condicao de vida do ser humano. Capitalistas de direita investem em bancos e empresas especulativas afim de ganharem fortunas, produzindo abslutamente nada.

Trabalhadores sindicalizados sao respeitados e trabalham em harmonia com capitalistas de Esquerda. Trabalhadores sindicalizados sao hostilizados e ameacados por capitalistas de direita.

Capitalistas de esquerda se preocupam e investem na qualidade de vida de seus trabalhadores. Capitalistas de direita ignoram e aviltam a vida de seus trabalhadores.

Trabalhadores motivados e “vestindo a camisa” sao cenas comuns em empresas geridas por capitalistas de Esquerda. Trabalhadores derrotados e “torcendo contra” sao norma comum em empresas geridas por capitalistas de direita.

Capitalistas de Esquerda apoiam programas socias que aumentem a renda e a saude da populacao, pois sabem trabalhadores felizes produzem muito mais que trabalhadores revoltados. Capitalistas de direita sao contra programas de distribuicao de renda e saude publica, por considerarem que o estado faria melhor se reduzisse seus impostos.

Capitalistas de Esquerda sao pela diversidade e multiculturalismo como ferramentas que ajudam a garimpar os melhores talentos onde quer que eles existam. Capitalistas de direita prendem-se a gestao pela hierarquia, onde pedigree e QI (quem indica) sao ferramentas para garimpar talentos.

Capitalistas de Esquerda criaram a Microsoft, Google, Embraer, Petrobras, Toyota, Wolkswagen, investem em energia limpa e hoje turbinam a China.

Capitalistas de direita afundaram a GM, Crysler, BP, Kodak, criaram a bolha financeira que quase afundou em 2008, alem de causarem a recessao de 1929, o crash de 1987, e a dependencia que temos com relacao ao carvao e o petroleo.

Que tipo de capitalista eh voce ?

Responder

    João Victor

    12/10/2010 - 21:41

    Aquele que quer acabar com o Capitalismo.

Leonardo Câmara

12/10/2010 - 16:32

Esse doutor Fernando Haddad é com "Dr" e não "dr". Ele efetivamente possui o título de doutor em fisolofia da ciência. Ou como preferem alguns, ele efetivamente é PhD.

Responder

Julio Silveira

12/10/2010 - 16:30

O marqueteiro da Dilma é fraco.
Faz um trabalho que beira o monotono.
As inserções do Serra são mais dinamicas e trazem para o candidato (mau) mais visibilidade. A Dilma aparece pouco, é ela quem devia apresentar seu programa, não atores. Ela quem devia estar apresentando o sucesso de seu governo, e respondendo as abobrinhas do Serra.
Ela tem que ganhar mais visibilidade, misturada com combatividade.

Responder

    Rafael

    13/10/2010 - 09:38

    Concordo, a escolha dele foi muito ruim. O Serra tem inumeros pontos fracos, e o marqueteiro da Dilma a joga dentro das igrejas?pra que? Fica fake, pra não dizer outra coisa.

Silvio

12/10/2010 - 14:42

MATEI A XARADA!… LULA PARA A CASA CIVIL!!! Dilma deve anúnciar no horário eleitoral e nos debates, que Lula será o seu Ministro da Casa Civil, logo o seu braço direito! …quem vai se opor? … o Lula tá fora da eleição, temos que coloca-lo bem no meio disso tudo. Os 80% de aprovação é uma gordura que deve ser queimada agora!!!!! … depois não adianta chorar … tudo vai pro esgoto.
Azenha, porque voce não coloca isso pra gente discutir ????

Responder

    El Cid

    12/10/2010 - 15:39

    Sílvio, será que o Lula aceitaria ? não que eu ache ruim, mas o que te levou a esta conclusão?

César Mendes

12/10/2010 - 14:35

Os pesquisadores e professores de Filosofia apoiam a Dilma.
Segue o link: http://www.filoczar.com

Responder

Luiz Carlos

12/10/2010 - 14:03

Que impressionante, nunca tinha ouvido falar desse projeto.
Vamos divulgar, vamos mandar e-mails com esse texto.
Cadê a turma do marketing da Dilna?
Tem de colocar esse depoimento no horário eleitoral, já.
Azenha, ótimo material. Parabéns!

Responder

Elias São Paulo SP

12/10/2010 - 13:19

O apoio do dr. Miguel Nicolelis a Dilma Rousseff é importantíssimo. Mas a entrevista que você, Azenha, realizou com Nicolelis (acredito eu) é até mais importante. É uma aula-depoimento que põe em confronto algo que Nicolelis descolou de sua mente criativa e observadora: O PROJETO DE NAÇÃO (Dilma) E O PROJETO DE PODER (Serra). Quando ele sugere que o século 21 pode ser o século do Brasil, não o faz como futurólogo, ele expõe claramente que isso é possível. Não só por esse motivo peço que você deixe a entrevista em 1º plano por um tempo mais extenso. Parabéns, Azenha. E parabéns a Nicolelis.

Responder

Jorge Viana da Silva

12/10/2010 - 12:39

A quem interessar possa;
Vale a pena ler o Manifesto no link abaixo e quem concordar assinar. http://www.petitiononline.com/prodilma/petition.h

Responder

El Cid

12/10/2010 - 12:36

70 milhões de brasileiros acessam a internet. Menos de 20 mil procuram a "fôia" nas bancas. E nós somos "gueto"?

vão catar coquinhos, trolls !

Responder

Danilo

12/10/2010 - 12:17

Precisa por isso no Horário Eleitoral . Nicolelis é uma das melhores cabeças do mundo e seu projeto uma inovação sensacional.

Responder

José de Lima

12/10/2010 - 11:40

muito bom este apoio…nicolelis genio… mas, azenha… insisto… chamem o Paim,, no programa da Dilma… foi eleito alias…reeleito senador do rio grande do sul, é a mmaior autoridade em prev. social, conhece a situação dos aposentados como ninguem,..e somos 26 milhões, para rebater as mentiras de dar s/m, de 600 reais e 10% de aumento para nós apos. claro muitos caem nessa lorota… Paim neles… nosso maior lider a nivel nacional…

Responder

Henderson Sousa

12/10/2010 - 11:23

Nicolelis é um palmeirense fanático, assim como eu. Tem estreita relação com o presidente Belluzo , que assina uma coluna na Carta Capital.
Essa tomada de posição já era esperada por mim.

Saudações.

Responder

carloslbf

12/10/2010 - 11:04

Parabéns ao dr. Nicolelis, pela carreira, e a você, Azenha, pelo senso de oportunidade.

Responder

Reginaldo Moraes

12/10/2010 - 10:41

Akio Morita, o lider da Sony, conta uma estoria interessante. Quando era adolescente, resolveu montar um rádio, comprando peças em lojas do Japão. Seria apenas uma anedota biográfica se nao pensássemos no que está por detrás disso. Era um hobby comum entre jovens japoneses! E isso explicava a publicação de revistas e diagramas impressos mostrando como se fazia isso. O que isso supunha? Alfabetização, hábitos de pensamento dedutivo e experimental – enfim, um certo nivel de educação difundido. E o que dai decorria? Uma convivência "natural" com a prática da invenção, da pesquisa, da inovação. Pesquisar e inventar era um esporte tão popular, em certos circulos de jovens japoneses, como o beisebol. Esse 'caldo' de cultura é decisivo para produzir internamente aquilo que nunca será possivel 'importar' ou obter por um 'download'.

Responder

flavio marcio

12/10/2010 - 10:41

Apoio irrestritamente as considerações do ilustre cientista.
Para que não sobrevenha a Idade Mídia (com í mesmo) com suas trevas restauradas por uma turba (com b mesmo) reacionária e ressentida.

Responder

Gina Lund

12/10/2010 - 10:39

Em apoio a candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, um grupo de artistas e intelectuais liderados por Leonardo Boff, Chico Buarque, Emir Sader e Eric Nepumuceno está articulando adesões a um manifesto de apoio político à petista.

O documento será entregue à candidata na próxima segunda-feira (18), em um ato político organizado pelo grupo no Teatro Oi Casagrande, no Leblon, zona sul da capital fluminense, às 20h.

De acordo com o filósofo e teólogo Leonardo Boff, o manifesto foi organizado pelo jornalista e escritor Eric Nepomuceno e pelo cantor e compositor Chico Buarque. "A ideia foi do Eric e do Chico para contrabalançar muitas difamações e mentiras que estão sendo divulgadas na internet, e eles têm todo meu apoio e o do Frei Betto também, que escreveu um artigo sobre a Dilma. Eles cresceram juntos e ele fala muito bem sobre ela", disse Boff, que informou também que o arquiteto Oscar Niemeyer faz parte dos signatários.

Ainda segundo Boff, as críticas contra Dilma envolvendo a questão do aborto "é um discurso para desviar das gandes questões". "O PSDB não tem liderança nem carisma, não tem projeto nenhum para oferecer", falou em defesa da petista. "Eles descobriram esse viés para distrair da verdadeira discussão, é uma questão de falsa política", concluiu.

Leia a íntegra do documento:

À NAÇÃO

Em uma democracia nenhum poder é soberano.
Soberano é o povo.

É esse povo – o povo brasileiro – que irá expressar sua vontade soberana no próximo dia 3 de outubro, elegendo seu novo Presidente e 27 Governadores, renovando toda a Câmara de Deputados, Assembléias Legislativas e dois terços do Senado Federal.

Antevendo um desastre eleitoral, setores da oposição têm buscado minimizar sua derrota, desqualificando a vitória que se anuncia dos candidatos da coalizão Para o Brasil Seguir Mudando, encabeçada por Dilma Rousseff.

Em suas manifestações ecoam as campanhas dos anos 50 contra Getúlio Vargas e os argumentos que prepararam o Golpe de 1964. Não faltam críticas ao “populismo”, aos movimentos sociais, que apresentam como “aparelhados pelo Estado”, ou à ameaça de uma “República Sindicalista”, tantas vezes repetida em décadas passadas para justificar aventuras autoritárias.

O Presidente Lula e seu Governo beneficiam-se de ampla aprovação da sociedade brasileira. Inconformados com esse apoio, uma minoria com acesso aos meios, busca desqualificar esse povo, apresentando-o como “ignorante”, “anestesiado” ou “comprado pelas esmolas” dos programas sociais.
Desacostumados com uma sociedade de direitos, confunde-na sempre com uma sociedade de favores e prebendas.

O manto da democracia e do Estado de Direito com o qual pretendem encobrir seu conservadorismo não é capaz de ocultar a plumagem de uma Casa Grande inconformada com a emergência da Senzala na vida social e política do país nos últimos anos. A velha e reacionária UDN reaparece “sob nova direção”.
Em nome da liberdade de imprensa querem suprimir a liberdade de expressão. A imprensa pode criticar, mas não quer ser criticada.

É profundamente anti-democrático – totalitário mesmo – caracterizar qualquer crítica à imprensa como uma ameaça à liberdade de imprensa. Os meios de comunicação exerceram, nestes últimos oito anos, sua atividade sem nenhuma restrição por parte do Governo. Mesmo quando acusaram sem provas.
Ou quando enxovalharam homens e mulheres sem oferecer-lhes direito de resposta. Ou, ainda, quando invadiram a privacidade e a família do próprio Presidente da República.

A oposição está colhendo o que plantou nestes últimos anos. Sua inconformidade com o êxito do Governo Lula, levou-a à perplexidade. Sua incapacidade de oferecer à sociedade brasileira um projeto alternativo de Nação, confinou-a no gueto de um conservadorismo ressentido e arrogante. O Brasil passou por uma grande transformação.

Retomou o crescimento. Distribuiu renda. Conseguiu combinar esses dois processos com a estabilidade macroeconômica e com a redução da vulnerabilidade externa. E – o que é mais importante – fez tudo isso com expansão da democracia e com uma presença soberana no mundo.

Ninguém nos afastará desse caminho. Viva o povo brasileiro.

Fonte: Flávia Salme – IG – Rio de Janeiro

Responder

easonnascimento

12/10/2010 - 10:28

Concordo com quem afirma nestes comentários que tem que colocar notícias como essa no programa eleitoral. Se pudessemos pegar o depoimento ao vivo do centista para a TV seria o ideal. precisamos dar conhecimento a população sobre o que pensa alguns cientistas como é o caso do Dr. Miguel Nicolelis. Sei que o Reinaldo, O Mervalk e toda a raça de parajornalistas devem desqualificar o cientista.
http://easonfn.wordpress.com

Responder

Lucila

12/10/2010 - 10:22

Azenha, outro neurocientista, o Sidarta Ribeiro, em sua coluna na Mente Cérebro (da Scientific American), com o artigo "A hora é esta, presidente" fala sobre o trablaho do governo Lula na educação e na pesquisa. Pede que a Dilma invista e radicaliza ainda mais. Vale a pena ler… E também por na campanha!

Responder

Charada

12/10/2010 - 10:21

Gente, um conselho. Vamos passar aqui na blogsfera só para nos abastecer de notícias e de ânimo. Tratemos de ir para as ruas conversar com quem realmente decide eleição no Brasil: quem ganha até dois salários mínimos por mês, ou vem de origem humilde.

Resolvi fazer isso e tive algumas surpresas muito interessantes. Sexta feira, perguntei a minha fisioterapeuta, moça que mora em bairro popular e é muito batalhadora, em quem ela pretendia votar. Ela ficou muito sem graça e eu, para desarmá-la, falei: "fique à vontade, moça. Nem precisa me dizer se você não quiser. Afinal, o voto é secreto. Eu por exemplo vou votar na Dilma. Todos os meus amigos vão votar no Serra… Digo que vou votar na Dilma, tomo cada esculacho…"

Aí ela começou a rir e me falou: "Voto com o PT, o Lula e a Dilma. Porque só o Lula melhorou a situação de quem tem origem humilde. Você sabe que sou adotada. Fui a sétima filha! Minha família é muito pobre. Eu era faxineira! Ralei muito… Pois com o PROUNI consegui me formar Fisioterapeuta e já fiz até pós-graduação. Quando que antes do Lula alguém lá do meu bairro podia sonhar com isso? Da minha família, só eu que consegui! Agora estou convencendo meus irmãos a retomarem os estudos e fazer faculdade como eu… E acabei de comprar meu apartamento.. Estou querendo comprar um carro…" E por aí foi.

Escrevi uma carta assinada com meu nome, contando essa história, dizendo que por estas e outras vou votar na Dilma; estou distribuindo para: porteiro do meu prédio, garçons do barzinho que frequento, atendentes da videolocadora, lixeiros da minha rua, etc., etc. Sempre que posso, troco idéias com as pessoas. Estou aprendendo muito com isso, cada vez mais. Que tal fazerem o mesmo?

Menos Internet e mais rua, gente! Eleição se ganha assim! Classe média reacionária não tem peso eleitoral, nem tem cura. Vamos conversar com quem realmente decide eleição!

Responder

Fernando Nogueira da Costa

12/10/2010 - 09:50

O “meio intelectual universitário” reage contra os “bispos conservadores”! O iluminismo – movimento intelectual existente desde o século XVIII, caracterizado pela centralidade da ciência e da racionalidade crítica no questionamento filosófico, o que implica recusa a todas as formas de dogmatismo, especialmente o das doutrinas políticas e religiosas tradicionais – enfrenta, novamente, a ameaça da era das trevas! Abaixo o obscurantismo religioso sem projeto estratégico para o Brasil como um todo!

Responder

Dede

12/10/2010 - 09:31

OLÁ PESSOAL VAMOS MOSTRAR A NOSSA FORÇA: ASSINEM O MANIFESTO DOS PROFESSORES E PESQUISADORES DE FILOSOFIA PRÓ DILMA, SEGUE O LINK:
http://www.petitiononline.com/mod_perl/signed.cgi… LINK:

Responder

Miguel Nicolelis anuncia apoio a Dilma Rousseff « Fernando Nogueira da Costa

12/10/2010 - 09:23

[…] Leia mais: Miguel Nicolelis, que defende soberania intelectual do Brasil, anuncia apoio à Dilma […]

Responder

Regina

12/10/2010 - 09:17

Voto Dilma porque é a mais preparada.
Voto Dilma porque é a mais capaz de modernizar o país.
Voto Dilma porque quando jovem lutou pela democracia e pela liberdade de expressão para todos os brasileiros, contra a ditadura militar. Sinto muito orgulho dessa sua história.
Penso que os jovens deveriam se sentir orgulhosos por Dilma jovem ter sido um símbolo da luta de todos os jovens por um mundo melhor.
Quero ver a Hildegard e o Frei Beto nos Programas de TV falando sobre essa época de Dilma.
Quero ver os jovens falando do quanto é importante uma jovem lutar e como isso nos deixa cheios de orgulho.

Abaixo o preconceito, as armadilhas e as novas tentativas de torturar Dilma.

Quando jovem foi torturada por defender o Brasil para todos. Agora é torturada por defender o Brasil para todos.

Responder

Tarso Freire

12/10/2010 - 09:09

Serra tem o apoio do Marcelo Madureira. Dilma do Miguel Nicolelis.Ou seja, cada um tem os apoiadores que merecem!

Responder

Marcos Lima

12/10/2010 - 09:07

Agora pergunto?
O ministro da Educação do Presidente LULA foi dito por este cientísta que ele foi o melhor meinistro da Educação que o Bradil já teve.
Qual foi o cientista que disse que o serra foi o melhor ministro da Saúde que o Brasil já teve?

Responder

maconheiro

12/10/2010 - 07:37

O José Busha pirou de vez , tem que ser internado rápido ! Extremista religioso é muita piração na cabeça .

Responder

rafael henrique

12/10/2010 - 05:18

É um apoio de peso para candidatura da Dilma Rousseff. Parabens ao Doutor Nicolelis pelo belo trabalho, e parabens a voce tambem Azenha pela reportagem. Muito Obrigado.

Responder

Mauro Toshiuki

12/10/2010 - 03:00

Antes mesmo dele declarar seu apoio eu tinha certeza absoluta desse apoio pois quando li sua entrevista na Rede Brasil Atual e ele explicou suas razões para ter escolhido Natal para implantar o Instituto Internacional de Neurociências de Natal Edmond e Lily Safra (IINN-ELS), eu percebi que por sua preocupação social e ideológica sua opção política também seria ideológica e racional. Para quem não conhece abrangência dos estudos desse brilhante cientista pode ler suas entrevistas na redebrasilatual, muitas pessoas no futuro deverão ser gratas aos estudos desenvolvidos hoje por Miguel Nicollelis.

Responder

Laet

12/10/2010 - 02:55

Não é possível que quem não se cala pela derrubada de uma árvore, vá se calar agora. Marina não estaria onde está se não fosse o PT. Se não fosse ministra do governo Lula. Se tiver um pingo de hombridade, de honradez, se quiser manter limpa a sua moral, não poderá ficar “neutra” neste segundo turno. A sua “neutralidade” seria a omissão diante de um crime que se pronuncia. Se ela defendeu os ideais que defendeu, ao vislumbrar uma ameaça ao projeto de governo que um dia participou e defendeu, ameaça essa que vai contra toda a sua história, e que pode levar o país de volta aos tristes anos FHC, ela tem a obrigação de tomar posição contra este crime. Mas basta ela ser justa, e diante a escancarada manipulação da mídia, e dos ataques criminosos contra Dilma, não aceitar, denunciar e tomar a posição de quem tem honra e moral. Não é possível que vá fazer como o Serra, e jogar o seu passado na lata do lixo. Se não tomar uma atitude digna de seu passado, perderá seu lugar na história.

Responder

Matheus Nahkur

12/10/2010 - 01:46

Azenha, sugiro montar uma tabela acompanhando o apoio de notáveis aos candidatos. Por exemplo: Dilma tem Niemeyer, Gil, Nicolelis. Serra tem… Silas Malafaia? Enfim, monitorarmos isso dia a dia. Abraços!

Responder

Jorge Perez

12/10/2010 - 01:44

É uma pena que o trabalho realizado por esse extraordinário brasileiro não seja ainda devidamente divulgado. A experiência que ele desenvolve em Natal, observada pelo mundo todo, precisa ser estimulada e replicada em outras regiões do país. É a base de uma revolução educacional, científica e cultural para o Brasil, que está sendo possível em parte por conta do Governo Lula. Parabéns Nicolelis. __Permita-me fazer um último comentário, talvez usando um pouquinho de conhecimento de sua área. Apesar da capacidade extraordinária do seu cérebro realizar sinapses valiosas, certamente vc tem uma pequena deficiência neuronal, cujo produto é terrível para sua personalidade: ninguém com o cérebfro plenamente saudável torce pro Palmeiras. Aliás, diga-se de passagem que a eleição ter ido pro segundo turno se deve aos palmeirenses que, ao ser admitrido pelo judiciário o voto sem título, permitiu que eles votassem em Serra. rsrsrsr Dilma vencerá dia 31/10 e vamos continuar incentivando a produção científica no Brasil e repatriando cérebros fabulosos como o seu.

Responder

ricardo silveira

12/10/2010 - 01:26

Que coisa boa de ler. Fantástico saber que temos brasileiros dessa qualidade. Viva o Brasil.

Responder

Carlos Cruz

12/10/2010 - 00:31

Veja bem, um neurocientista. Cabeça que pensa. Cabeça que escolhe, e escolhe bem. Não é anacéfalo. Tem cérebro e sabedoria. Trata de gente que tem massa encefálica. Tinha que apoiar Dilma. 13 neles, Dilma!

Responder

Ivan

12/10/2010 - 00:23

Um fato sobre a importância de Lula no mundo: hoje, na edição comemorativa dos 15 anos do programa Kiosque, importante programa de debate do canal francês da tv a cabo TV5 Monde , internautas do mundo inteiro escolheram os 5 eventos mais importantes no mundo nesse período: a introdução do euro em 1999, a eleição de Barak Obama em 2008, o ataque ao World Trade Center em 2001, a morte de Michael Jackson em 2009 e …. a eleição de Luís Inácio Lula da Silva em 2002. O programa foi transmitido hoje às 20:30 horas.

Responder

Wilson Nascimento

12/10/2010 - 00:01

O marqueteiro da Dilma tá dormindo ?
Projeto dos mais importantes.
A visão política e social do professor é enriquecedora.
Os eleitores brasileiros merecem ter acesso a essa riquíssima informação.
A campanha da Dilma não pode levar pra telinha esta informação ?
Tenho a impressão que esta informação acrescentaria cabaramba ! Abraços.

Responder

aurica_sp

11/10/2010 - 23:53

http://www.blogcidadania.com.br/2010/10/a-razao-c
Pessoal leiam e repassem…

Responder

Marcio

11/10/2010 - 23:46

É um Manifesto de importante Grupo de Estudos e Pesquisas em História da Educação/UFMG.

Está separado em duas partes e em dois comentários.

Responder

carmen silvia

11/10/2010 - 23:45

Que diferença quanto ao peso de quem apoia Dilma,só isso já dá pra ver a diferença.Realmente pessoas de peso não um idiota com a cara inchada num programa de quinta.

Responder

    Abisai Leite

    12/10/2010 - 10:43

    A Nação

Marcio

11/10/2010 - 23:44

Projeto Pensar a Educação Pensar o Brasil – 1822/2022

Eleições 2010 – Manifesto

A Equipe do Projeto Pensar a Educação Pensar o Brasil – 1822/2022 tendo em vista a realização do 2º. turno das eleições presidenciais no Brasil, sente-se no dever de tomar uma posição em relação aos projetos político-sociais em confronto neste momento e apoiar a eleição da candidata Dilma Rousseff para Presidente da República.

Esta nossa decisão, amadurecida nas discussões internas do Projeto, baseia-se no fato de sabermos que mais do que duas candidaturas, estão em confronto pelo menos dois projetos político-culturais diferentes para o Brasil. Acreditamos que a candidatura de Dilma Rousseff representa a continuidade de um projeto que, depois de mais de cinco(05) séculos, vem possibilitando, efetivamente, a inclusão sócio-econômica de milhões de brasileiros e brasileiras.

A Equipe do Projeto bem sabe que várias das ações e das políticas do governo liderado por Lula da Silva, cuja continuidade Dilma Rousseff representa, são passíveis de críticas as mais diversas. Em várias de nossas ações, sobretudo nos Seminários Anuais e no Programa Rádio que mantemos, nós as fazemos publicamente.

No entanto, estas críticas não nos impedem de perceber os enormes avanços deste governo em direção a políticas sociais de efetiva inclusão dos setores populares e nem nos impedem de vislumbrar que uma eventual vitória de José Serra significaria um retrocesso nestas políticas, a exemplo do que foi o governo de Fernando Henrique Cardoso.

Responder

Helena Mansano

11/10/2010 - 23:40

Dr. Miguel Nicolelis é um ser humano brilhante, que com o saber, inteligência e títulos que tem, poderia fazer como muitos: ganhar dinheiro e fama no exterior somente, mas tem um amor incomensurável pelo Brasil e quer fazer a diferença, transmitir seu saber implantando projetos que estão dando certo em Natal, ele sonha com um Brasil melhor e está fazendo a sua parte com louvor, e a sua inteligência vê o projeto de futuro para o Brasil em Dilma. A realidade é essa, não tem outra. É Dilma e ponto final.
Concordo com muitos dos que fizeram comentários de que deve-se consultar o Dr. Miguel Nicolelis e mostrar o seu pensar na campanha da Dilma. Isso tem um peso enorme e as pessoas têm que tomar conhecimento disso. Tem que ser divulgado!

Responder

Cícero

11/10/2010 - 22:56

O apoio do Nicolelis à Dilma tem grande peso nessa altura da campanha. Considerado um dos 20 cientistas mais importantes do mundo, sua opiniõa é sempre muito respeitada pelos críticos. Espero que o PT veicule isso no seu próximo programa eleitoral na TV.
Nos últimos dias, Dilma tem recebido apoio de vários setores da sociedade.

Na Semana passada (dia 6), um grupo de professores de Filosofia, de várias universidades do Brasil, decidiu lançar um manifesto em apoio à candidatura de Dilma Rousseff para a Presidência da República. Para aderir a esse movimento, basta assinar o manifesto no seguinte endereço:
http://www.petitiononline.com/prodilma/petition.h

Responder

joni

11/10/2010 - 22:54

Quem puder deve enviar a todos os amigos e parentes. É necessário divulgar esse apoio precioso do Dr. Nicolelis, pois é uma declaração de amor pelo Brasil.

Responder

Maria Rita

11/10/2010 - 22:47

Aqui está uma entrevista muito interessante do Nicolelis à revista Caros Amigos em 2008: http://www.natalneuro.org.br/imprensa/pdf/2008_05

Responder

Laguerre

11/10/2010 - 22:42

Bom. Excelente. Nicolelis apoia DILMA e DILMA apoia Nicolelis. Empatado.
O serra vai tentar conseguir apoio com algum prêmio ignobil. Empatado de novo.

Responder

Roberto A.P.

11/10/2010 - 22:24

É fácil escolher a Dilma, ainda mais tendo uma capacidade intelectual avançada como o Nicolelis. Basta fazer uma pequena análise e verificar que o Lula foi o melhor presidente do Brasil e o FHC foi o pior. Escolha simples.

Responder

Louise

11/10/2010 - 22:02

Fico até emocionada com essa notícia, pois aqui no Brasil há uma tentativa de desqualificar o voto no PT de todas as formas possíveis, sempre tentando fazer crer que só "analfabetos" votam no Lula ou na Dilma. Interessante é que a Veja sempre mostrou o Nicolelis, elogiando-o, claro, merecidamente. Agora eles vão começar a atacar esse grande cientista. Só falta dizer que ele apoia a Dilma porque é analfabeto e recebe bolsa "esmola"

Responder

King Childerico

11/10/2010 - 21:51

Os anos FHC e a morte da alma nacional
Neste momento em que se discute o futuro do Brasil e que o país está colocado diante de dois caminhos, a Carta Maior relembra a obra de um grande brasileiro, o jornalista Aloysio Biondi, que, durante a década de 90, foi uma das raras vozes a se levantar contra a abertura econômica sem freios e a condução das privatizações pelo governo Fernando Henrique Cardoso. No primeiro artigo desta série, Biondi escreve sobre como FHC não destruiu apenas a economia nacional, tornando-a dependente do exterior. "Seu crime mais hediondo foi destruir a Alma Nacional, o sonho coletivo. Com o jogo perverso de estimular a busca de pretensas vantagens individuais, o governo FHC destruiu a busca de objetivos coletivos".
Aloysio Biondi
http://www.cartamaior.com.br/templates/materiaMos

Responder

SôniaG.

11/10/2010 - 21:50

Miguel Nicolelis é simplesmente maravilhoso como ser humano e como neurocientista. Conheci esse cientista na reportagem do Azenha e mais tarde tive o prazer de assistir uma longa entrevista sobre, entre outras coisas, o seu projeto no Brasil. Nicodelis por favor grave a sua fala para o programa eleitoral. ALÔ BRANCO! Urgente.

Responder

Daniel M Barros

11/10/2010 - 21:46

Estranho… nenhum comentário desfavorável?

Responder

    Fabio_Passos

    11/10/2010 - 23:11

    E quem é que vai criticar a posição do Nicolelis?
    Gente do nível de marcelo madureira, reinaldo azedo, monica serra, indio da costa, silas malafeia?

    Precisa ter alguma densidade ética e intelectual prá criticar a posição de um cara como Miguel Nicolelis.

    Sabe dizer um nome capaz disso na coalizão obscurantista, que usa o preconceito como plataforma eleitoral??
    Eu não.

    Vai lá… arrisque um nome.
    Um só.

    Não tem, não é?
    nenhum…

    malu

    12/10/2010 - 14:09

    Daqui a pouco aparece um ser das trevas, falando contra a ciência.

Dois votos muito especiais para Dilma « Esquerda, volver!

11/10/2010 - 21:34

[…] “Porque desde as eleições do primeiro turno eu cheguei à conclusão que essa é uma eleição vital para o futuro do Brasil e eu estou vendo um debate que está se desviando das questões fundamentais na construção desse futuro e dessa maneira eu achei que como cientista brasileiro, mesmo estando radicado no Exterior — mas que tem um projeto no Brasil e tem interesse que o Brasil continue seguindo este caminho — eu achei que era fundamental não só que eu mas que todos que pudessem se manifestassem a favor e fizessem uma opção pelo futuro que a gente acredita que é o correto para o nosso país”. Leia na íntegra a entrevista:  http://www.viomundo.com.br/politica/miguel-nicolelis-que-defende-soberania-intelectual-do-brasil-anu… […]

Responder

Ananda

11/10/2010 - 21:10

Uma sugestão: Acho que audios / vídeos como esse e de representantes importantes do conhecimento no Brasil, tem que ir para o programa eleitoral também, se possível. E o Nicolelis merece uma manchete na Carta Capital.

Responder

zepgalo

11/10/2010 - 21:08

Essa entrevista dele é fantástica!

Responder

Ananda

11/10/2010 - 21:06

Azenha,
Muito bacana ver de que lado está o melhor de nossa arte, ciência, cultura, do pensamento brasileiro. Não poderia ser diferente. Para o PIG só resta os Marcelos Madureiras da vida para pregar filosofia de boteco.
Queria divulgar a entrevista com o áudio também, tem como?
Obrigada

Responder

    Luiz Carlos Azenha

    11/10/2010 - 21:12

    Se você usa o Firefox e tem o download helper, clique com o botão direito sobre a barra do Skype com a entrevista em andamento, busque "mídia" e faça download em seu desktop. A partir daí é contigo. abs

    Nicolas Timoshenko

    11/10/2010 - 22:35

    Azenha, coloquei umas fotos, peguei seu áudio e já está no Youtube. Com todos seus créditos evidentemente. http://www.youtube.com/watch?v=S8H0U3VdqEk
    Um abraço.

    Ananda

    12/10/2010 - 01:11

    Baixei o download helper, valeu. abs

zepgalo

11/10/2010 - 21:06

Parabéns Nicolelis!!! Esse seu apoio à Dilma vale muito!!

O Brasil agradece!!!

Responder

Cris

11/10/2010 - 21:06

Vejam essa história:

Estou impressionado com um caso relatado pelo amigo Arnóbio Rocha, tuiteiro com quem dividi os corredores do hospital em que minha filha Victória e Letícia, uma das filhas dele, estiveram internadas ao mesmo tempo há alguns meses.

Esse caso dá uma idéia das barbaridades que estão sendo praticados nesta campanha eleitoral, que pode passar à história como uma das mais sujas que este país já viu depois da redemocratização.

Vale relatar que tudo se deve ao candidato da mídia, bem como a própria, não estarem aceitando limites sobre o que usar para vencer a eleição presidencial.

Arnóbio relata, via Twitter, bullying que uma de suas filhas sofreu na escola em que estuda devido aos seus pais serem eleitores declarados de Dilma Rousseff.

O caso me parece extremamente grave. Inaceitável numa democracia. Este é o primeiro relato de dois que pretendo fazer hoje sobre o clima que o candidato José Serra, o jornal Folha de São Paulo, a Rede Globo, o Estadão e a revista Veja, entre outros, estão impondo ao país.

Arnóbio começa seu relato explicando o que é bullying: “Termo em inglês utilizado para descrever atos de violência física ou psicológica, intencionais e repetidos, praticados por um indivíduo (bully – «tiranete» ou «valentão») ou grupo de indivíduos com o objetivo de intimidar ou agredir outro indivíduo (ou grupo de indivíduos) incapaz(es) de se defender”.

Segundo Arnóbio, sua filha de 9 anos estuda em uma escola cristã de classe média de São Paulo e foi vítima de “bulliyng pesado” por “defender Dilma”. Teria sido importunada por coleguinhas cujos pais votaram em Serra, que debochavam dela alegando que o tucano teria “vencido” o primeiro turno e Dilma, “perdido”.

A garota, segundo o relato, teria revidado dizendo que havia “mais eleição” pela frente – bela resposta para uma criança de nove anos. Todavia, naquele momento os coleguinhas começaram a gritar “Dilma Assassina”, e que ela “foi presa”, que “roubava” e que “mata crianças”.

Agora a parte mais revoltante e assustadora: a filha de Arnóbio diz ter sido caçada, encurralada e recebido socos e pontapés, além de os agressores terem pisado na mochila dela enquanto gritavam insultos e deboches.

Quando a mãe da menina foi buscá-la na escola, encontrou a filha aos prantos tentando relatar a agressão que sofrera.

Ainda segundo meu companheiro de hospital – alguém que tem a filha primogênita, de doze anos, sofrendo de leucemia -, este é o perfil dos pais dos alunos da tal escola: curso superior e salários, em média, de R$12 a 15 mil.

Arnóbio ainda assevera que “Nem em 1989 Collor ousou pregar o ódio de forma tão aberta” e que “Transformaram as eleições num inferno, em São Paulo”. E conclui dizendo que “não dá mais para ficar calado”.

Na classe da vítima dessa nova forma de bullying inventada pela campanha de Serra, o “bullying eleitoral”, dos 21 alunos 4 dizem que os pais votam em Dilma e todos estão sendo vítimas dos demais.

Arnóbio não quer revelar o nome da escola, no que julgo que está certo. Mas só até o ponto em que essa instituição tomar providências. Se tal não ocorrer, penso que ele deve tomar uma atitude. Não denunciar essa barbaridade equivale a aceitar ter a sua liberdade de expressão e de opinião desrespeitada.

Aguardemos…

Responder

Bernardo Felsenfeld

11/10/2010 - 20:54

Prezado colega médico e amigo Miguel Nicolelis, mais uma vez mostrando além da sua genialidade, a sua postura como grande homem e brasileiro.Você só me traz orgulho de ser médico e brasileiro.

Responder

@rogawa

11/10/2010 - 20:47

Excelente entrevista! Concordo com o Paulo Agostinho em colocar no http://www.dilma13.com.br. Tem como Azenha? Parabéns!

Responder

O JUIZ

11/10/2010 - 20:42

Está aí uma grande oportunidade para a futura Presidenta, investir na área de pesquisa científica.
Um verdadeiro atrazo, no Brasil de hoje.
Dependemos integralmente do que vem de fora, e os gênios estão aqui mesmo, no Brasil.
Não vi até agora, nenhum candidato falar no assunto.
E é vital para nós.
Espero que essa matéria chegue até a DILMA.
No mais, a Estrela sobe !

Responder

    @DenisdePaula10

    11/10/2010 - 22:52

    CARO JUIZ, PENSO QUE VOCÊ NÃO PRESTOU ATENÇÃO NAS PROPOSTAS DE DILMA PARA O DESENVOLVIMENTO DA PÓS GRADUAÇÃO E O DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO. Ela já propôs isto juntamente com a criação de mais universidades além das 15 já construídas, fazendo uma integração entre o ensino fundamental e a pós graduação. Mas é bom insistir no assunto.
    congratulações.

DeBarros

11/10/2010 - 20:36

Algumas diferencas entre a Esquerda e a Direita

Esquerda quer prender criminosos e recuperar inocentes cooptados pelo crime. Direita quer exterminar a todos

Esquerda quer urbanizar favelas, dar dignidade a seus moradores e transforma-las em bairros. Direita quer destruir todas as favelas

Esquerda eh contra o abuso de poder. Direita so se sustenta no abuso de poder

Esquerda quer escola publica de boa qualidade para todos. Direita quer escola boa para os poucos que puderem pagar.

Esquerda e contra o aborto, mas entende a dificil escolha das mulheres. Direita eh contra o aborto da boca pra fora, mas a favor do aborto das amantes gravidas.

Esquerdistas sao religiosos, mas nao fanaticos. Direitistas nao sao religiosos, mas passam a imagem de crentes fanaticos.

Governantes de esquerda levam esgoto tratado para fora das casas. Governantes de direita levam esgoto in-natura para dentro das casas.

Esquerdistas verdadeiros tem amor ao proximo. Direitistas verdadeiros veem no proximo uma oportunidade de ganhar dinheiro.

Esquerda usa a ciencia para a melhoria do bem comum. Direita usa a ciencia em segredo como vantagem competitiva, mas a renega assim que adentra uma igreja.

Responder

    Ivan

    12/10/2010 - 00:44

    ótimas as definições, as duas últimas são geniais

    aliberto amaral

    12/10/2010 - 11:40

    De Barros, faltou vc. dizer que quem paga a conta é a direita. A esquerda está toda ela pendurada no estado. Por favor, nomine os esquerdistas que tem amor ao próximo: Stalin, Hitler, o seu chegado Fidel, e…?
    Por favor, nos poupe.Fica dificil até para quem é Dilma aceitar os seus argumentos pró-esquerdistas.
    Só faltou vc. dizer que a esquerda não come criancinha e que a direita come.
    Acredito que o Azenha vai dar-lhe o titulo de sócio remido do CEM: Clube do Elogio Mutuo, originalmente criado pelos tucanos, que infelizmente o PT também adotou.
    Sds.afetuosas.
    Ali

    DeBarros

    12/10/2010 - 14:56

    Ali, por favor.

    Vc precisa passar informacoes mais confiaveis. Ja basta o Serra mentindo e inventando fatos, agora vc vem dizer que Hitler era de esquerda?

    Pois, vamos rever entao os grandes assassinos da extrema-direita, e porque nao dizer conservadores:

    Hitler, Mussolini, Pinochet, Diem, Somosa, Noriega, Vilela, Gautieri, Tojo, Sadam, Kadafi, e muitos outros.

    Vejamos os que vc considera de esqueda.

    Stalin – nunca foi de esquerda. Foi sim assassino conservador sanquinario. Distribuiu miseria e acumulou poder.

    Mao – O unico que pos ordem no caos que era a China..

    Falemos agora dos verdadeiros esquerdistas famosos.

    FDR: Salvou os EUA da depressao, baixou o desemprego de 25% para 1%, criou os social security e bolsa alimentacao. Derrotou os sanguinario direitista Hitler.
    LBJ: Tornou crime a discriminacao racial nos EUA.
    Brizolla: Encampou empresas que sevavam o povo Gaucho e Carioca. Criou os CIEPS que a Globo destruiu.
    Lula: Precisa dizer mais…..tornou o Brasil respeitado internacionalmente. Criou 15 milhoes de empregos.
    John F Kennedy: Colocou o homem na Lua. Deu o pontape inicial para o fim da URSS.

    E entao, sera que agora vc se aventura a falar dos seus herois da direita, Hebert Hoover, Reagan, George Bush, Collor, FHC, Mcarthy, e outros?

    malu

    12/10/2010 - 14:12

    Direitistas têm um adesivo no carro Eu Amo Minha Esposa, e todos os vizinhos conhecem a(s) amante (s) dele.

Nilva

11/10/2010 - 20:23

Nossa ! Tô pura emoção. Gosto demais do Dr. Nicollelis.

Acho que outros cientistas não declaram seu apoio com medo de o Trevoso ganhar e cancelar
suas bolsas de estudo, atrapalhando o desenvolvimento de suas pesquisas.

Eles conhecem bem o COISA RUIM.

O Dr. Nicollelis é autônomo e atua também fora do país.

Responder

Laura

11/10/2010 - 20:20

Sou docente da UFRN. também acredito que se faz urgente a realização de Ciência , Cultura e Arte de nível fora do eixo Rio São Paulo. Para isso, porém, se faz mister fazer o que ele fez, um projeto sistemico, com docentes de primeira linha e condições de primeira linha. O bacana no projeto dele é que começou integrado e situado como projeto de ciência tropical e desenvolvimentista.

Responder

Marco

11/10/2010 - 20:09

PARA TUDO!!! PARA TUDO!!! O SERRA SURTOU!!! AINDA ESTÁ SOB EFEITO DO NOCAUTE DE ONTEM!!! DIVULGUEM: O SERRA SURTOU!!: http://migre.me/1xTPX

Responder

Maria Rita

11/10/2010 - 20:07

Sou fã do Miguel Nicolelis, um cara que pensa o Brasil com um amor imensurável!

Responder

Heitor Rodrigues

11/10/2010 - 20:03

É sensacional saber que o Presidente Lula e o Ministro Fernando Hadad apoiam os sonhos e projetos do Dr. Nicolelis. A atitude demonstra a ousadia do govêrno e a confiança no futuro, sendo prova cabal de compromisso com a Nação e o povo brasileiro. Se João Santana fizer uma vinhetinha sobre o apoio do cientista à candidata Dilma, quiçá usando imagens do Fantástico – com a marca da Globo e tudo – da reportagem sôbre o experimento em que um macaco nos EUA, comanda os gestos de um robô no Japão, os tucanos terá feito um gol de placa.

Responder

Morais

11/10/2010 - 20:02

Acho que a Dilma tem que comçar a mostar estes apoios importantes na sua campanha, pois tem algumas pessoas, principalmente estas que são influenciadas por email falso, que seguem o candidato quanto o mesmo tem muita gente importante declarando voto nele.

Responder

David R. da Silva

11/10/2010 - 20:01

O Nicolelis, é o bicho! Gostaria de conhecê-lo pessoalmente e dar-lhe um beijão bem brasileiro. Num encontro em DAVOS, o nosso NICOLELIS, questionava o PIG, enquanto o mundo inteiro era 100% Brasil, e o PIG brasileiro era contra. Fico Feliz, que o nosso maior e mais premiado CIENTISTA no Mundo ATUALMENTE e está entre os 20 principais Cientistas do Planeta TERRA, tenha se posicionado de forma clara a favor da DILMA 13. Com certeza o conhecerei pessoalmente. Bela mensagem do Nosso NICOLELIS, é o bicho! Beijos e abraços. de Belo Horizonte.

Responder

Silvio

11/10/2010 - 19:56

Miguel Nicolelis, esse gênio brasileiro, e originário da Mooca em São Paulo. Por desgraça o pessoal da Mooca, não pensa como ele, respeito à Dilma.

Responder

monge scéptico

11/10/2010 - 19:55

Sonhamos com isso. Queremos isso. Com DILMA,pelomenos pode-se dialogar a respeito.
Parabéns!

Responder

Baixada Carioca

11/10/2010 - 19:54

Certa vez fiz um comentário para um tal "filósofo de São Paulo" questionando sobre suas posições de achar que todos os que apóiam o presidente Lula é uma analfabeto, usuário do "bolsa esmola" etc.; disse que Niemayer não precisava do Bolsa Família e ele me respondeu dizendo que Niemayer não era um intelectual.

Fiquei preocupado: seriam intelectuais os filósofos?

Essa turma do PPSDemB do V, vale a citação de Erasmo de Roterdã: eles possuem "olhos de lince para ver os defeitos dos outros e de toupeira para ver os próprios". Que bom que manifestações desse quilate apareçam!

Responder

    @Alienbassist

    12/10/2010 - 14:07

    Eu sou filósofo (ainda neófito), e nem todos os filósofos são bobos ao apoiar o expediente da direita….

    A maioria dos pseudo intelectuais utilizam de faláscias pra afirmar que estão certos…

    E na história grega, os vendilhões de "conhecimento" eram os sofistas, que eram odiados pelos filósofos de verdade, como Sócrates, mas o estado amava os Sofistas e mandaram executar Sócrates por que ele estava fazendo a juventude pensar…

francisco.latorre

11/10/2010 - 19:53

discurso ambientalista superficial focado nas emissões.

falou quem sabe.

..

Responder

Fernando

11/10/2010 - 19:45

Ótima entrevista Azenha, disponibilize isto no Youtube. Precisa ser divulgado. Nós ajudaremos.

Responder

francisco.latorre

11/10/2010 - 19:34

inteligência com lula.

agora com dilma.

..

Responder

Ricardo L de Lacerda

11/10/2010 - 19:31

O principal investimento em infra estrutura de uma nação é investir na educação de seu povo e isto o PT fez mais do que ninguém.

Responder

Fernando Brito

11/10/2010 - 19:22

Miguel Nicolelis apóia Dilma. Arnaldo Jabor apóia Serra.

Responder

Fabio_Passos

11/10/2010 - 19:22

A entrevista é sensacional!
Todo brasileiro precisa ouvir.

Enquanto Nicolelis defende o uso do pré-sal para fomentar a "ciência tropical" e tornar o Brasil um país de ponta no desenvolvimento do conhecimento, o que temos do outro lado?
Obscurantismo, privataria e baixarias…

A superioridade ética e intelectual da projeto defendido pela Presidenta Dilma é arrasadora.

Responder

    Lucio Flavio Moreira

    11/10/2010 - 20:23

    Caro Fabio. Enquanto o Lula fala que o pré-sal será uma garantia para tirar os brasileiros da miséria, investindo em geração de empregos, educação, saúde, ciência e tecnologia, meio ambiente, o assessor principal do Serra para essa área advoga que seja privatizado a exploração do pré-sal para empresas estrangeiras.

    Vamos fazer uma grande corrente e eleger Dilma presidente. Senão serão anos de trevas.
    Digo trevas políticas. Deixemos a religião com os religiosos. Não devemos misturar política com religião. Sempre que isso foi feito na história da humanidade vivemos momentos de trevas.

    Fabio_Passos

    11/10/2010 - 20:33

    Tamo junto.

neto

11/10/2010 - 19:21

Soube q o Serra mostrou alguma coisa sobre Chico Mendes no prgrama dele. Pq o PT ou o presidente Lula (este tão ligado ao Chco Mendes) não entra em contato com a família de Mendes para saber qual a posição da familia sobre isto? Se a familia discorda da inserção no programa tucano então é só pedir direito de resposta e gravar depoimento apoiando a Dilma.Acho q estas ações levantam ainda mais a candidatura da Dilma. Vc pode inteferir de alguma forma neste sentido, Azenha?

Responder

    Ana Paula

    11/10/2010 - 19:48

    Achei um absurdo o Serra citar a Marina como se fossem colegas de partido, antigos aliados… Agora, mais do que nunca, Marina deve se posicionar publicamente, mesmo que seja para manter sua "neutralidade". O programa de Serra, pra variar, confunde o eleitor.

    João

    11/10/2010 - 21:31

    Ana Paula: a Marina está numa "sinuca de bico".
    O PV, para onde ela foi, é um desastre no Brasil: fisiológico, defende o ambientalismo não muito convicto (apóiam o PSDB em São Paulo, que leva água e esgoto na porta das pessoas – vide Jardins Romano e Pantanal, e defendem a Amazônia….piada pronta mesmo), está com o poder, seja ele qual for.
    Enfim, a sinuca de bico da Marina é a seguinte: se apóia Dilma, vai ser desautorizada pela Direção do PV; se apóia o Serra vai jogar sua biografia no lixo. Logo, acredito, a Marina deve dar uma de Pôncio Pilatos, e lavar as mãos.

neto

11/10/2010 - 19:17

Azenha, não seria de bom tamanho o professor permitir que seja divulgado no programa eleitoral de Dilma esta declaração de apoio. Ou até mesmo uma mensg gravada por ele. Que tal vc falar com ele e com a direção da campanha de Dilma? Com certeza se fosse pro Serra este apoio os tucanos já teriam feito isto. Manda lá! Vc pode. Ah, e por falar em apoio, segue outro coment´RIO

Responder

Sandro

11/10/2010 - 19:13

Miguel Nicolelis…. Orgulho de ser PALMEIRENSE……

Responder

Antonio Guimarães

11/10/2010 - 19:12

Como cientista gostaria de ser signatário de algum manifesto específico em suporte da candidatura Dilma. Já vi manifesto de artistas, intelectuais e filósofos a favor da candidatura da Dilma, mas nada vindo de cientistas. Até que escutei a entrevista do Nicolelis.

É constrangedor que a única manifestação pública que ouvi de um líder científico brasileiro seja de alguém que está nos EUA (boa parte do tempo). Acho que a comunidade científica brasileira ou está muito murista ou é ingrata mesmo ao que tem sido feito (muito, "como nunca antes") pelo atual governo e não vê problema na volta do grupo opositor ao poder federal com suas políticas (ou falta delas) para a ciência braileira. Eu vejo muito problema para as universidade e para a ciência brasileira numa possível vitória de Serra. O histórico do PSDB-DEM no governo federal e no governo estadual paulista não é bom neste quesito.

Responder

    Lucio Flavio Moreira

    11/10/2010 - 20:20

    Caro Antonio,
    Infelizmente o PIG domina toda a chamada "grande" (e podre) imprensa brasileira. Reitores das Universidades Públicas brasileiras assinaram um manifesto em favor da candidatura Dilma e não saiu uma linha sequer no Estadao, na Folha, na nojenta Veja, etc. Não irá sair também uma linha sequer sobre o apoio do Miguel a DIlma. No dia 08 de outubro pp um grupo de intelectuais incluinso Marilena Chaui realizaram um ato publico no Largo de São Francisco em São Paulo. Não saiu uma linha sequer nos órgãos do PIG. É essa a imprensa que temos. Podre.

    Antonio Silva

    11/10/2010 - 21:32

    Ué, e porque o pessoal de marketing da Dilma não expõe logo estes apoios em sua propaganda .

    Ainda não ouvi o lindo depoimento de Hildegard Angel nem o do Oscar Niemeyer .

    Será que estes assessores de Dilma estão guardando estes depoimentos quando o nosso Presidente Lula descer a rampa do Planalto ? .

ruypenalva

11/10/2010 - 19:08

Esse tem a cabeça no lugar

Responder

Fabio_Passos

11/10/2010 - 19:07

Fico muito feliz em saber que um cientista como Miguel Nicolelis, que acredita e luta por um Brasil mais próspero e justo, assume com coragem posição em favor de Dilma.

Precisamos valorizar muito a posição de notáveis que enfrentam os interesses desta "elite" medonha que teima em manter o Brasil mergulhado no atraso.

Responder

Luiz Jornaleiro

11/10/2010 - 19:03

O apoio de um dos nossos mais brilhantes e premiados cientisitas vale MIL vezes mais que o apoio de torturadores, reacionários e falsos moralistas ao candidato do atrazo e das calúnias. Parabéns ao professor Nicolelis por sua (para variar) inteligente escolha.

Responder

    André

    11/10/2010 - 19:12

    Oi Luiz! Falou tudo … só tenho uma correçãozinha pra fazer … ATRASO … se escreve com "S" … com "S" de Serra. hehe!

    Carla

    12/10/2010 - 10:45

    Idem

Roberto

11/10/2010 - 18:56

O que mais me entristece é que tem gente que ainda tem preconceito com relação ao presidente Lula e à Dilma. E o pior é que pousam de intelectuais e antenados…. Enquanto isso, um verdadeiro "gênio" reconhece humildemente os acertos do presiente-operário e expressa o seu apoio à candidata considerada por muitos um mero "poste", assaltante de banco, guerrilheira, terrorista… Tomara que os preconceituosos não sejam capazes de interromper esse processo virtuoso pelo qual o Brasil está passando. Sábias palavras do professor Nicolelis: "estamos falando do futuro do País!".

Responder

urarianomota

11/10/2010 - 18:55

Ótimo post e destaque, Azenha. Miguel Nicolelis é um homem que honra o Brasil. Nele se reúnem o amor à ciência ao amor a seu povo. Ciência e humanidade. Nós todos, nordestinos, brasileiros, humanistas, estamos todos orgulhosos de sua vida.

Responder

Lucio Flavio Moreira

11/10/2010 - 18:53

Caro Azenha,

Esse projeto tem também como parceiro a Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Tive o prazer de ter sido a pessoa que em 2003, por solicitação do então reitor da UFRN, prof. Otom Anselmo, que fez o primeiro contato com o Miguel. Esse apoio desse cientista brasileiro de renome internacional a candidatura da Ministra DIlma mostra a importância dessas eleições para o futuro do Brasil. Vamos fugir da baixaria. Não vamos aceitá-la. Vamos fugir da confusão que estão tentando armar colocando questões religiosas em um debate político para a escolha do futuro presidente do Brasil. O Serra deveria orientar seus subordinatos, seu vice e inclusive sua esposa, para que deixem a baixaria de lado e discutam o passado, o presente e o futuro do Brasil. Vamos também contribuir para que o nível dessa eleição seja tão alto e qualificado quanto esse apoio que o dr. Miguel está dando a candidatura da Ministra Dilma.

Responder

Andre

11/10/2010 - 18:50

Bonito Apoio, mas no momento temos que colcoar o BLOCO NA RUA!
Essa manifestações não estão alcançando a população de eleitores que Dilma precisa.
TEMOS QUE ORGANIZAR UMA GRANDE PASSEATA CONTRA A MANIPULAÇÃO MIDIATICA,
CONTRA A BAIXARIA NA POLÍTICA PSDBista e DEMO

Reunir uma grande massa na rua, manifestando repúdio as práticas manipuladoras e a empulhação de SERRA.

Responder

Adriano

11/10/2010 - 18:47

Fantástico!!!! Já vi algumas palestras do Nicolelis e uma aula magna na Universidade Federal do Rio Garnde do Norte. Este homem é um ser humano incrível, além de um pesquisador nato, uma pessoa preocupada em fazer com que a Ciência seja um meio de inclusão social. Como médico e pesquisador, sempre achei que se poderia fazer ciência fora do eixo Sul, e ele tem demonstrado isso no Instituto de Neurociências de Natal.

Adriano

Responder

Renato

11/10/2010 - 18:47

Sou fã desse sujeito desde que li sua entrevista à revista Caros Amigos. Uma pessoa integra, inteligente, séria e desprovido de preconceitos. É um apoio extraordinário. Golaço da campanha da Dilma.

Responder

Antonio Silva

11/10/2010 - 18:47

Cadê o marqueteiro Santana ?
Ô Azenha, por favor, fale com alguem da coordenação da campanha para conseguir uma gravação com este grande brasileiro .
Este homem tem que expor estas idéias em pelo menos dois programas de Dilma .
Vamos agir pessoal !
Aproveitem a passagem deste grande cidadão neste quarta feira !

Responder

    francisco.latorre

    11/10/2010 - 19:36

    falou e disse.

    alô campanha.. nicolelis com dilma.

    ..

Roberto Weber

11/10/2010 - 18:47

Azenha, está ocorrendo um problema técnico para ouvir o áudio quando se usa o Firefox. Só é possível ouvi-lo utilizando o plugin IEtab, que simula o uso do Internet Explorer.
Muitas pessoas que usam o Firefox não têm este recurso instalado ou talvez nem saibam que ele exista.
É possível providenciar este reparo no site?

Grande Abraço,
Roberto Weber

Responder

rina

11/10/2010 - 18:46

O apoio do geniio brasileiro que tanto orgulho nos traz, só poderia ser para nnossa brilhante Dillma . Rina

Responder

Grinaldo Oliveira

11/10/2010 - 18:41

Tenho um profundo respeito pelo Dr. Miguel Nicolelis. Exemplo máximo de ser humano e de brasileiro. Seu trabalho na área de educação para jovens é exemplo para muitos. Este homem faz parte de um grupo seleto de brasileiros que preferiu investir em pesquisa fora do eixo tradicional Rio-São Paulo, tornando o Rio Grande do Norte e o Nordeste em suas bases principais de trabalho. Fico feliz por seu apoio. O verdadeiro intelectual é aquele que usa o cérebro, nossa incrível máquina de transformar a realidade, a serviço de seu próximo. Como doutorando na área de computação, tenho também os meus sonhos. Vejo agora que não estou só nesta caminhada.

Responder

    Jairo_Beraldo

    11/10/2010 - 19:15

    Mas vendo sua notável biografia, vi um defeito nele. Doutor Nicolelis afirma ser torcedor fanático do Palmeiras,a ponto de ter um link para o site do clube em sua página na Universidade de Duke. Como digo sempre, nada neste vale de lágrimas é perfeito!

    Grinaldo Oliveira

    12/10/2010 - 07:47

    Concordo. Poderia torcer pelo Bahia…. :-)

Rabuja

11/10/2010 - 18:41

Muito bom.

E fiquei pensando aqui que sendo ele um especialista em estudo sobre impulsos elétricos no cérebro talvez ele tenha identificado também que o cérebro do Serra é vazio… ou melhor, só tem trololó…ihihihihih…

Responder

    Baixada Carioca

    11/10/2010 - 19:48

    Engano seu. Lá tem tanto circuito que entrou em curto.

mundoparticularlay

11/10/2010 - 18:38

Tá podendo a #Dilma13… Esse cara só "Foi considerado um dos 20 maiores cientistas do mundo no começo da década passada, segundo a revista "Scientific American". Foi considerado pela Revista Época um dos 100 brasileiros mais influentes do ano de 2009[2]. Nicolelis é o primeiro cientista a receber da instituição americana no mesmo ano o Pioneer e o Transformative R01"

Responder

dudaru

11/10/2010 - 18:35

Tive o privilegio de assistir o "Roda Viva" do Dr, Miguel Nicollelis….Exemplo de ser humano….
Agora, entao, sabendo que apoia a Candidata Dilma……
Parabéns, Dr. Miguel….
Parabéns, Dilma….

Responder

    aliberto amaral

    12/10/2010 - 13:01

    Dudaru,
    Pô, meu, não precisa puxar o saco. Viva o Nicollelis. Dai ….. O Tiririca também vai anunciar que vai votar na Dilma. Espero que Você também o aplauda. Combinado?
    Aliberto

Paulo Agostinho

11/10/2010 - 18:34

Tem que pôr no programa da Dilma!!!!!!!!

Responder

marinildac

11/10/2010 - 18:07

Aê, Dilma, esse apoio é belíssimo!

Responder

Deixe uma resposta

 
NOVO CONTATO WHATSAPP: 11 00000-0000