VIOMUNDO
O VIOMUNDO só é possível também através de anunciantes, e detectamos que você utiliza um AdBlock, bloqueador de anúncios.
Por favor considere ajudar o VIOMUNDO desativando o bloqueador para este site.

Leonardo Boff: Crise é dramatizada por O Globo, TV Globo, Folha, Estadão e a “perversa e mentirosa Veja”

11 de março de 2015 às 13h09

Captura de Tela 2015-03-11 às 11.56.55

Foto de O Globo em que os irmãos Marinho parecem revelar seu obscuro desejo

EM PERSPECTIVA

Crise é ‘forjada, mentirosa e induzida pela mídia’, diz Leonardo Boff

Teólogo afirma que veículos de comunicação são golpistas e contra o povo, mas com os movimentos sociais emergiu uma nova consciência política e o outro lado ficou sem condições de dar o golpe

por Redação RBA publicado 11/03/2015 10:56, última modificação 11/03/2015 11:00

São Paulo – A crise econômica e política que o país atravessa neste momento é “em grande parte forjada, mentirosa, induzida, ela não corresponde aos fatos”, afirma o teólogo Leonardo Boff.

Segundo o teólogo, a crise é amplificada por uma dramatização da mídia. “Essa dramatização que se faz aqui, é feita pela mídia conservadora, golpista, que nunca respeitou um governo popular. Devemos dizer os nomes: é o jornal O Globo, a TV Globo, a Folha de S. Paulo, o Estadão, a perversa e mentirosa revista Veja.”

Em entrevista à Rádio Brasil Atual na segunda-feira (9), o teólogo disse que, no entanto, o atual nível de acirramento no cenário político não preocupa porque, para ele, comparado a outros contextos históricos, a “democracia amadureceu”.

Ele diz acreditar, ainda, na emergência de uma “nova consciência política”.

Boff também considera que o cenário brasileiro é bastante diferente da Grécia, Espanha e Portugal, onde são registrados centenas de suicídios, por conta do fechamento de pequenas empresas e do desemprego, e até mesmo de países centrais, como os Estados Unidos, que veem a desigualdade social avançar.

“A situação não é igual a 64, nem igual a 54″, compara. “Agora, nós temos uma rede imensa de movimentos sociais organizados. A democracia ainda não é totalmente plena porque há muita injustiça e falta de representatividade, mas o outro lado não tem condições de dar um golpe.”

Para Boff, não interessa ao militares uma nova empreitada golpista.

Restaria ao campo conservador a “judicialização da política”, e acrescenta: “Tem que passar pelo parlamento e os movimentos sociais, seguramente, vão encher as ruas e vão querer manter esse governo que foi legitimamente eleito. Eles têm força de dobrar o Parlamento, dissuadir os golpistas e botá-los para correr.”

Sobre o ‘panelaço’ ocorrido no domingo, durante o discurso da presidenta Dilma Rousseff para o Dia Internacional da Mulher, Boff afirma que o protesto é “totalmente desmoralizado”, pois “é feito por aqueles que têm as panelas cheias e são contra um governo que faz políticas para encher as panelas vazias do povo pobre”.

O teólogo afirma que a manifestação expressa “indignação e ódio contra os pobres” e são símbolo da “falta de solidariedade”; e que o “panelaço veio exatamente dos mais ricos, daqueles que são mais beneficiados pelo sistema e que não toleram que haja uma diminuição da desigualdade e que gostariam que o povo ficasse lá embaixo”.

Sobre o ato programado pela CUT e movimentos sociais para sexta-feira (13), Leonardo Boff diz que a importância é reafirmar os valores democráticos e a defesa da soberania do país: “Aqueles que perderam, as minorias que foram vencidas, cujo projeto neo liberal foi rejeitado pelo povo, até hoje, não aceitam a derrota. Eles que tenham a elegância e o respeito de aceitar o jogo democrático”.

O teólogo frisa, mais uma vez, não temer o golpe. “É o golpe virtual, que eles fazem pelas redes sociais e pela mídia, inventando e fantasiando, projetando cenários dramáticos, que são projeções daqueles que estão frustrados e não aceitam a derrota do projeto que era antipovo.”

Leia também:

Centrais sindicais alertam contra a presença de provocadores dia 13

O livro da blogosfera em defesa da democracia - Golpe 16

Golpe 16 é a versão da blogosfera de uma história de ruptura democrática que ainda está em curso. É um livro feito a quente, mas imprescindível para entender o atual momento político brasileiro

Organizado por Renato Rovai, o livro oferece textos de Adriana Delorenzo, Altamiro Borges, Beatriz Barbosa, Conceição Oliveira, Cynara Menezes, Dennis de Oliveira, Eduardo Guimarães, Fernando Brito, Gilberto Maringoni, Glauco Faria, Ivana Bentes, Lola Aronovich, Luiz Carlos Azenha, Maíra Streit, Marco Aurélio Weissheimer, Miguel do Rosário, Paulo Henrique Amorim, Paulo Nogueira, Paulo Salvador, Renata Mielli, Rodrigo Vianna, Sérgio Amadeu da Silveira e Tarso Cabral Violin. Com prefácio de Luiz Inácio Lula de Silva e entrevista de Dilma Rousseff.

Compre agora online e receba na sua casa!

 

34 Comentários escrever comentário »

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

wanildo alves

13/03/2015 - 12h01

Caro Azenha, o pessoal da direita(PSDB/DEM/PPS/PSB/etc) juntamente com a oposição midiática (Globo/Folha/Veja/Estadão/SBT/Band/etc) estão brincando de “golpistas” e querendo tirar um “sarro” da cara do povo brasileiro. Tenho 62 anos (na implantação do regime ditatorial, tinha 12 anos, ou seja, um adolescente nos anos de chumbo). O ato programado por eles para o próximo dia 15/03, será com certeza um “tubo de ensaio” para avaliarem a possibilidade de um golpe nos moldes de 1954 (Era Vargas, só alcançado 10 anos depois). Confesso que em termos de entender de história não consigo nem “amarrar as chuteiras” do grande historiador afro-descendente do Brasil atual, o Sr. Joaquim Barbosa (depoimento do mesmo falando sobre revoluções no mundo), porem precisam avisar a esses golpistas “paus-mandados” do Tio Sam (E.E.U.U.), que o País de hoje, é muito diferente do Brasil da década de 50/60. Algumas regiões naquele Brasil antigo, eram praticamente alijadas do cenário político nacional (Nordeste/Centro-oeste/Norte) e que a comunicação era “VIA DIFUSORA”, ou seja, rádio e como acontece hoje, também eram monopolizadas (Rádio Globo/etc). Atualmente temos a advento da Internet e o contraponto dos Blogs Progressistas (Ditos Sujos), que faz com que nos sintamos mais bem informados politicamente. Sou nordestino e garanto a esses golpistas de plantão, que “SE BULIR COM DILMA/LULA, VAI BULIR COMIGO”.

Responder

Igor Tadeu

12/03/2015 - 11h57

Roubalheira na Petrobrás, Barusco confirmando pagamento a Vaccari; Ricardo Pessoa também confirmou. Vaccari é tesoureiro do PT. Mesmo assim, é tudo culpa da Globo, imprensa golpista e blá bá blá. É o mesmo discurso de Fidel Castro, Hugo Chávez (Maduro) e qualquer outro ditador. A oposição é golpista e quer o poder, porque a esquerda sempre tem razão. Não sei se Leonardo Boff é filiado ao PT, mas sei que é amigo pessoal do Lula e seu conselheiro pessoal há anos. Falta imparcialidade, embora seja inegavelmente uma das mentes mais brilhantes do país.
Dizer que não há crise? Como assim, meus alimentos estão mais caros, minha gasolina também, energia elétrica também, desemprego subiu, inflação galopante, SELIC mais alta em anos… o que está acontecendo?
Foi a Globo ou o FHC que manipularam minhas contas?

Responder

Irineu

12/03/2015 - 00h40

Azenha e leitores,
Vamos divulgar`
É sério!
————-
https://www.youtube.com/watch?v=zTuAvpny3rI#t=403

Responder

lulipe

11/03/2015 - 23h44

Eu adoraria morar nesse país descrito pelo Boff, pena que ele não disse onde fica!!!

Responder

    Marcos

    12/03/2015 - 19h36

    Acorda querida!

Euler

11/03/2015 - 23h04

A mídia golpista faz agora o que fez no passado contra Getúlio e Jango. Os barões da mídia, serviçais das elites e do imperialismo norte-americano, despejam coisas negativas contra o Brasil e contra o governo diariamente. O teólogo Leonardo Boff, uma das cabeças pensantes do Brasil, disse hoje que a crise “é forjada, mentirosa e induzida pela mídia”. E a direita, incluindo os tucanos, até hoje não aceitou a derrota eleitoral, e quer derrubar a nossa presidenta no tapetão. No dia 08 de março, quando a presidenta falou em rede de rádio e TV – aliás, Dilma usa pouco este mecanismo legal para se comunicar com o Brasil – parcelas das elites, em bairros de classes médias e da burguesia, bateram as panelas que no caso delas não estão vazias. Agora esses setores marcaram manifestações contra o governo para o dia 15 de março. Desconfiemos dessas manifestações bancadas sabe-se lá por quem. A história do Brasil e da América Latina nos autoriza a imaginar que há muitos milhões de dólares por trás dessa movimentação aparentemente espontânea. Espontânea? Sei! Ou melhor: CIA! A mídia faz coro a este chamado em favor do impeachment da presidenta Dilma. O que soa ridículo, já que a nossa presidenta foi reeleita de forma legítima há poucos meses. Impeachment, sem que haja qualquer indício de envolvimento da presidenta com as denúncias de corrupção é golpe de estado. Essa gente é saudosista da ditadura de 1964, quando as lideranças populares eram presas, torturadas e executadas covardemente. Hoje, contudo, a realidade é outra. As Forças Armadas brasileiras não demonstram disposição para participar de aventuras golpistas, porque sabem que isso resultará na destruição da nação brasileira. É nisso que o império dos EUA e dos países ricos da Europa aposta. Tal como aconteceu com o Oriente Médio e Norte da África, onde os países que tinham relativa autonomia e se desenvolviam em várias áreas, foram simplesmente destruídos. Com a desculpa de levarem a democracia, os paladinos do Ocidente levaram a morte, a destruição, a guerra civil aos povos daquelas regiões. É isso que querem para o Brasil, para a Venezuela, para a Argentina, entre outros, cujos governos desenvolvem políticas internas voltadas para o combate à miséria e à fome, e políticas externas não alinhadas ao império do Norte. Estejamos atentos para não fazermos o jogo sujo dessa elite babaca, de mentalidade colonialista, que acaba arrastando setores populares para os interesses dessa minoria privilegiada, que sempre excluiu, desprezou e maltratou a grande maioria da população brasileira. A nossa manifestação, para quem deseja participar de alguma, é a do dia 13, em defesa da Petrobras, da democracia, dos direitos dos trabalhadores e contra o golpe. A manifestação do dia 15 é da turma de Aécio Neves, da Globo, da Itatiaia, de FHC, e da direita paulistana, que odeia os pobres, os negros, os índios, as mulheres, enfim, odeia gente.

Responder

mineiro

11/03/2015 - 20h56

o que esta acontecendo hoje no brasil , e que o pais vive a beira de um golpe. isso tudo foi culpa do pt bundao e principalmente desse poste de pres. e o lula tambem teve culpa , ele tambem nao fez nada contra o pig. e por isso tem culpa no cartorio, mas mais culpa maior é dessa pres e do pt. se chegamos a essa situaçao a culpa é deles e de mais ninguem.

Responder

mineiro

11/03/2015 - 20h50

isso todos nos ja sabemos e nao é de hoje , que os ratos malditos dos quintos dos infernos eua vem tramando golpes. nao é de agora e ninguem é mais bobo ao ponto de nao acreditar nisso. o problema maior de tudo isso , é como combate-lo. porque ta nitido que esse governo sem vergonha, que me desculpe a expressao, nao tem mais condiçao de ir contra o golpe. ta muito na cara que esse governo ou melhor desgoverno nao tem mais força para seguir em frente, dessa forma como esta hoje. ate nos leigos ta enxergando isso. esse desgoverno , ta fazendo tudo o que os golpistas querem , so que eles nao esta satisfeito e quer ver ela fora da pres. ta todo mundo alertando , desde o primeiro mandato dela , que deveria pelo menos começar a politizar o debate. mas o que ela fez , foi jantar com a falha de sp e fritar bolinhos no pig. ai ninguem aguenta , e deu nisso que esta acontecendo agora, tudo desgovernado.

Responder

renato

11/03/2015 - 20h44

Desculpe senhor Boff.
Todos nós os 54 milhoes, sabemos disto.
SABEMOS, não precisa nos contar..
Se a REDE GLOBO, não anunciar, só nós
os 50 milhoes saberão..
E de que adianta…
De nada adianta.
Pois nós perdemos as eleições..
Porque a GLOBO, não anunciou nossa vitória.
As eleições não ocorreram, e nós não sabemos
quando vai ser..
lembra do nosso medo de perder as eleições.
pois é, ele esta ai nos nossos corações.
O nosso Presidente onde esta, Não sei..
Acho que esta esperando a Globo comunica-la.
Vi com estes olhos, o que a GLOBO comunicou
onde ao POVO brasileiro, ontem na madrugada.
Um Governo que aceita um JORNALISTA dizer que
a crise Mundial já passou, e que as mazelas daqui
são de responsabilidade de “DELA”, ou é verdade
ou este govereno é covarde, que não assume o
que é seu…o DIREITO DE RESPOSTA DO BRASIL.
A quem ” ELA ” representa..
Desculpe senhor Boff…

Responder

    leandro

    11/03/2015 - 23h01

    Verdade…mas não são mais 50 milhões. Muitos milhões viram o estelionato eleitoral que foi feito. Hoje a inflação já superou a aprovação de Dilma que ta em 7%. O povo não é tao burro quanto o governo queria que fosse. Já são muito mais “coxinhas” que os apoiadores desse desgoverno que vendeu a imagem de um pais indo bem e mal começa o segundo mandato, entregam a realidade e ela não é nada daquilo que falavam.

    Deca

    12/03/2015 - 05h23

    Leandro, o coxinha.

Cláudio

11/03/2015 - 19h13

Ouvindo A Voz do Brasil e postando:

**** ♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥
**** ♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥
♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥ ****
♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥ ****

************* Abaixo o PIG brasileiro — Partido da Imprensa Golpista no Brasil, na feliz definição do deputado Fernando Ferro; pig que é a míRdia que se acredita dona de mandato divino para governar.

************* Lei de Mídias Já!!!! **** “Com o tempo, uma imprensa [mídia] cínica, mercenária, demagógica e corruta formará um público tão vil como ela mesma” **** Joseph Pulitzer. **** … “Se você não for cuidadoso(a), os jornais [mídias] farão você odiar as pessoas que estão sendo oprimidas, e amar as pessoas que estão oprimindo” **** Malcolm X. Ley de Medios Já ! ! ! !

************* “O propósito da mídia não é de informar o que acontece, mas sim de moldar a opinião pública de acordo com a vontade do poder corporativo dominante.”. Noam Chomsky.

************* Poemas engajados de Cláudio Carvalho Fernandes (anarcoexistencialismo):
**** Poema “Desalienando a ma$$ificaçãø Coisificante” / É melhor / ser um, mesmo que zero, à esquerda / do que, títere-palhaço, a penas só faz-ser número$ à direita **** Poema “Bistância” / Tele Visão / Tele Vazão / Tele Vazio **** Poema “Cem Rimas” / (para o PT e o PSTU) / A vida passa de graça / E fica ainda mais rica / Nos olhos de esperança / Que às mãos multiplicam **** Poema “Clic” / A luz / Assombra / As sombras **** “Poema Z” / Penso / Logo(S) / Rexisto ****

Responder

Almir

11/03/2015 - 19h09

Veja, esse vídeo. O que mais me enoja é saber que existe muita gente que assume um colaboracionismo capacho –
EUA JÁ AGEM PARA DERRUBAR DILMA ROUSSEFF (Por F. William Engdahl na Revista americana NEO)
https://www.youtube.com/watch?v=zTuAvpny3rI

Responder

Carlos

11/03/2015 - 18h43

Azenha, há um vídeo no blog da Cidadania, “CUT E OS GOLPISTAS…” O comentário que consta o vídeo é do DOUGLAS, postado às 16:28, 11/03/2015. É muito esclarecedor, diante dos fatos que estão acontecendo no Venezuela e no Brasil. Acho que vale a pena reproduzi-lo aqui também.

Responder

Roberto de Souza

11/03/2015 - 17h52

E a Dilma acreditou no controle remoto, em um país que tem forte concentração midiática. Dilma não acreditou na reforma cultural, ela deixou acontecer e pode pagar caro, e o Brasil bem mais caro ainda. Lembro, que durante visita aos estúdios da TV Record em Londres, durante cobertura exclusiva das Olímpiadas de 2012, o Bispo Macedo aconselhou a presidenta, no auge de sua popularidade, a lutar contra o monopólio televisivo, midiático, pois este fazia mal ao Brasil e ao crescimento deste mercado no Brasil e que os brasileiros precisavam de mais alternativas e de diferentes opiniões para se informar e formar opiniões (Isto veio de um homem que é proprietário da 2ª maior tv do país, demonstrando sua total distância do conluio familiar que compõe a mídia nacional). Dilma fez que entendeu, mas continuou apostando no controle remoto.

Responder

    Carlos

    11/03/2015 - 19h51

    Você tem toda a razão.

    Rodrigo

    11/03/2015 - 21h25

    “Bispo Macedo aconselhou a presidenta, no auge de sua popularidade, a lutar contra o monopólio televisivo, midiático, pois este fazia mal ao Brasil”

    E você realmente acredita que a preocupação do Macedão era o Brasil?

    HAHAHAHAHAHAHAHAHA…

Edgar Rocha

11/03/2015 - 17h17

Leonardo Boff está vendo isto mesmo????

Parece coisa de auto-ajuda: repita mil vezes:
– os movimentos sociais estão organizados, eles lutam pelas causas e a favor do governo,
– eles estão contentes com a Kátia Abreu e o Joaquim Levy,
– os índios estão felizes,
– as hidrelétricas não destruirão o meio ambiente,
– as comunidades ribeirinhas não correm risco,
– o Eduardo Cunha não vai aprovar lei pra blindar a PM e aumentar a punição de menores,
– o trabalhador não está com medo, o
– Pinheirinho agradece o apoio da Dilma,
– a nova consciência política existe e vai salvar a Dilma,
– não haverá tentativa de golpe…

Escreva recados pra si mesmo e cole na geladeira, na cabeceira da cama e nas portas. As palavras têm força e as energias positivas hão de mudar a realidade.

Responder

abolicionista

11/03/2015 - 16h40

A direita se uniu para dizer ao povo que ele nunca deveria ter saído da senzala. Para a elite brasileira, o pobre é como um verme que precisa ser calado, esmagado, subjugado.

A elite brasileira é a mais eficiente do mundo. Ela faz seu escravo sentir orgulho em servir, faz ele sentir-se feliz em dedicar sua vida aos caprichos da patroa. Ela faz o preto se convencer que não merece ganhar o mesmo que o branco, que é melhor sofrer calado porque, afinal… não há opção, não é mesmo?

Dilma é uma pedra no meio do caminho. Uma pedra que não vai para frente nem para trás, mas que ainda resiste. Resta saber até quando. Quando retirarem esse último obstáculo, os urubus vão se banquetear com o estado brasileiro e vão calar, esmagar, subjugar o povo feliz por ser calado esmagado, subjugado, pois é um luxo morar no país em que Deus nasceu.

Alguns esquerdistas, traídos e traidores, estarão lá para desafinar o coro dos contentes, mas… afinal, não se pode agradar a todo mundo, né? E, além disso, sempre temos a PM à disposição para lidar com a canalha.

Chegou a hora de colocar o crioléu de volta em seu lugar. E ele vai feliz, entoando funks e marchinhas de carnaval.

Responder

Rodrigo

11/03/2015 - 16h16

Recomendo ao Boff (sem trocadilhos infames, por favor) que visite as agéncias de emprego do ABC paulista, lotadas de gente e com poucas vagas anunciadas. Ninguém que as frequente precisa ler o Globo ou a Veja para se informar com a tal crise.

E não me venham falar em numeros oficiais, pois todos sabemos que eles são pura enganação.

Responder

    Deca

    12/03/2015 - 05h13

    Renato, acho que você errou de blog.

Marcos Mineiro

11/03/2015 - 15h50

Dilma, Lula e o PT estão sendo difamados de forma descarada e contínua.
Não estaria na hora de reagir de modo inteligente ?

Porque não difamar tambem ?

Toda a mídia brasileira tem telhado de vidro.
Principalmente a mais poderosa !
Esqueçam os coxinhas, jornais,revistas.
A cabeça da cobra é a Globo.

Que tal se em cada barraco, cada casa, cada boteco, cada carro de simpatizantes de Lula e Dilma, distribuíssemos adesivos
“difamando” a Globo ?
Que tal se faixas com esses dizeres fossem colocados em ruas dos bairros

“Não veja a Globo”
“Não seja bobo.Não veja a Globo”
“Você torce pelo Brasil ? A Globo não”
“Você apoia o Brasil, a Globo apoiou a ditadura”, ETC ETC

Se com isso conseguirmos queda de audiência, já seria maravilhoso
O Calcanhar de Aquiles dessas cobras é a audiencia
No mínimo, no mínimo ficariam constrangidos e baixariam um pouco a crista.
Eles estão muito à vontade !
Vamos incomoda-los !
Sem agressão e sem violencia, porem, persistentemente,

Responder

Messias Franca de Macedo

11/03/2015 - 15h36

Confirma-se o conspícuo e visionário Leonardo Boff!

##############################

Depoimento de Barusco derruba exageros na exploração política da Lava Jato

A mídia velha tentou, mas o depoimento do ex-gerente na CPI da Petrobras decepcionou bastante as expectativas da oposição

por Helena Sthephanowitz, para a Rede Brasil Atual publicado 11/03/2015 12:55

(…)

FONTE: http://www.redebrasilatual.com.br/blogs/helena/2015/03/depoimento-de-barusco-derruba-exageros-na-exploracao-politica-da-lava-jato-9187.html

Responder

Messias Franca de Macedo

11/03/2015 - 15h14

[Mais uma razão
para o impeachment
… Da oPÓsição!

Ué, rimou!
Risos]

… A [crise] econômica é uma decorrência da [crise] política!

Elementar, meu caro!

Ah, seria bom o PSDB propor ‘um PROER que salvou meia dúzia de banqueiros’, para salvar 500,000 mil empregos!

Até agora!

… E o discurso do ódio pode se inverter:

basta o PT e o governo comunicarem-se com o povão!

Exemplo:

“Seria bom o PSDB propor um PROER que salvou meia dúzia de banqueiros, para salvar 500.000 mil empregos!”

Responder

    Marcos Mineiro

    11/03/2015 - 15h54

    Dilma, Lula e o PT estão sendo difamados de forma descarada e contínua.
    Não estaria na hora de reagir de modo inteligente ?

    Porque não difamar tambem ?

    Toda a mídia brasileira tem telhado de vidro.
    Principalmente a mais poderosa !
    Esqueçam os coxinhas, jornais,revistas.
    A cabeça da cobra é a Globo.

    Que tal se em cada barraco, cada casa, cada boteco, cada carro de simpatizantes de Lula e Dilma, distribuíssemos adesivos
    “difamando” a Globo ?
    Que tal se faixas com esses dizeres fossem colocados em ruas dos bairros

    “Não veja a Globo”
    “Não seja bobo.Não veja a Globo”
    “Você torce pelo Brasil ? A Globo não”
    “Você apoia o Brasil, a Globo apoiou a ditadura”, ETC ETC

    Se com isso conseguirmos queda de audiência, já seria maravilhoso
    O Calcanhar de Aquiles dessas cobras é a audiencia
    No mínimo, no mínimo ficariam constrangidos e baixariam um pouco a crista.
    Eles estão muito à vontade !
    Vamos incomoda-los !
    Sem agressão e sem violencia, porem, persistentemente,

    Messias Franca de Macedo

    11/03/2015 - 19h35

    Prezado e consciente Marcos Mineiro,

    Hoje, eu estava pensando justamente sobre isso!

    Concordo com você!

    Os setores progressistas da sociedade brasileira poderiam atuar de forma articulada com os partidos de esquerda e os blogueiros ‘sujos’, produzindo panfletos objetivando denunciar as mentiras contadas pela mídia hegemônica!
    As mentiras contadas nas emissoras de rádio locais, nos jornalões, na ‘veja’ e, sobretudo, nas organizações (sic) soNEGAdoras Globo!
    Esses panfletos ou informativos seriam distribuídos em locais de grandes concentrações populares, a saber:

    estações de transbordo de transportes coletivos;
    rodoviárias;
    centros comerciais;
    portas de fábricas;
    escolas;
    hospitais;
    igrejas…

    Marcos, se estiver disposto, podemos propor este encaminhamento de forma mais bem elaborada, enquanto protótipo para a construção de um modelo de comunicação cujo lídimo escopo significa fazer um contraponto à mídia bandida, antinacionalista/entreguista, fascigolpsita e corrupta!

    Hasta la Victoria Siempre!

    Felicidades!

    Respeitosas saudações democráticas, progressistas, civilizatórias, nacionalistas, antigolpistas e antifascistas,

    Messias Franca de Macedo
    Feira de Santana, Bahia
    Brasil – em homenagem ao honesto, sapiente e impávido povo trabalhador brasileiro

Messias Franca de Macedo

11/03/2015 - 15h03

LÁ VEM O MATUTO PROCEDENTE DO ‘LARGO DOS AFLITOS’!

Crise é ‘forjada, mentirosa e induzida pela mídia’, diz Leonardo Boff

E quem vai levar esta mensagem ao povo, às massas?!

Comitês populares?

‘O [tíbio] PT da Governança’ nem pensou!

Os parlamentares do Partido em visitas às bases?

A burocracia conversa em gabinetes sob ar-condicionado!

(…)

O enfrentamento restrito à internet não é suficiente na tarefa de conter a sanha difamatória e violenta da DIREITONA!…

Ou o ‘O PT da Governança’ trava a [lídima e democrática] batalha da comunicação…

Ou os militantes e simpatizantes do Partido serão trucidados vivos, vítimas do ódio irracional da turba representada pela ‘opinião publicada’ pelo PIGolpista e fascista!

Mais do que defender o PT e o governo Dilma Rousseff, proteger a sociedade da barbárie!…

E tenho dito!

Responder

Elias

11/03/2015 - 14h55

Quero frisar que não sou mais um a espinafrar o governo. Apenas faço reflexões em nível inclusive de autocrítica.
A mídia direitou um povo que nunca foi esquerdizado e nesse sentido a culpa cai sobre os intelectuais de esquerda e os governos de Lula e Dilma. Estes, sempre fechados em si mesmos, conchavando com qualquer um em nome da governabilidade, deixaram de lado o engajamento e a conscientização popular. Lula com suas frases de efeito, limitou-se a esbravejar nos palcos de suas inaugurações e Dilma só soube usar slogans publicitários como “País rico é país sem pobreza” e “Brasil: pátria educadora”. Por outro lado, a mídia que representa o imperialismo, foi trabalhando lentamente (por longos 12 anos) contra o governo, o PT e toda sua cúpula. Não me isento de culpa. Eu, homem de esquerda, tardiamente conheci o site Manchetômetro que desde 1998 mostra em suas pesquisas como FHC e Lula eram tratados pela mídia. Nos gráficos daquele ano (1998) há 92% de manchetes contra Lula. Se o Manchetômetro, que desde 1998 vem fazendo suas pesquisas, fosse mais observado pela esquerda partidária ou não, haveria de se mobilizar com mais empenho. Não. Tudo o que vimos foi uma estagnação total. Fora o Stédile e o MST, nenhuma agremiação de esquerda foi além de bate-boca nas redes sociais. As esquerdas não saíram de seus gabinetes, sentadas em almofadinhas de veludo, longe, muito longe do povo. Enquanto isso a direita (PSDB/DEM/PPS) com a mídia à frente foi tomando as consciências de grandes parcelas da população pobre bem aos moldes do fascismo italiano. E hoje temos enorme e truculentos grupos da periferia a abraçar a causa fascista. Não foram apenas os donos de caríssimos apartamentos de bairros ricos que xingaram e vaiaram Dilma. Seus empregados também a vaiaram tanto no dia 8 de março como dois depois repetiram a dose no Salão Internacional da Construção em São Paulo. Agora teremos duas manifestações para serem confrontadas nas manchetes dos jornais. 13 de março e 15 de março. Quem dá mais? pergunta a figura abominável chamada mídia. Saberemos a resposta na segunda-feira, dia 16.

Responder

ana ali

11/03/2015 - 14h54

Oxalá, Boff, oxalá !
Ao José Carlos: se fosse do Genuíno aqueles que se arvoram paladinos do que há de mais correto no planeta, já teriam dado um jeito sob beneplácito do PIG!

Responder

Mário SF Alves

11/03/2015 - 14h33

A todos aqueles e aquelas cujos espíritos jamais se deixaram subjugar:

ODA A LA CRÍTICA

Yo escrebí cinco versos:
uno verde,
otro era um pan redondo,
el tercero una casa levantándose,
el cuarto era un anillo,
el quinto verso era
corto como un relámpago
y al escribirlo
me dejó en la razón su quemadura.

Y bien, los hombres,
las mujeres,
vinieron y tomaron
la sencilla matéria,
brizna, viento, fulgor, barro, madera
y con tan poca cosa
construyeron
paredes, pisos, sueños.

En la línea de mi poesia
secaron ropa al viento.
Comieron mis palabras,
las guardaron junto a la cabecera,
vivieron con un verso,
con la luz que salió de mi costado.

Entonces,
llegó un crítico mudo
y otro lleno de lenguas,
y otros, otros llegaron
ciegos o llenos de ojos,
elegantes algunos
como claveles con zapatos rojos,
otros estrictamente
vestidos de cadáveres,
algunos partidarios
del rey y su elkevada monarquía,
otros se habían
enredado en la frente
de Marx y pataleaban en su narba,
otros eran ingleses,
secillamente ingleses,
y entre todos
se lanzaron
con dientes y cuchillos,
con diccionarios y otras armas negras,
con citas respetables,
se lanzaron
a disputar mi pobre poesia
a las sensillas gentes
que la amaban:
.
.
.
Pablo Neruda

(continua…)

Responder

Mário SF Alves

11/03/2015 - 14h01

Dizer mais o quê?
________________________________________
Dia 13 de março de 2015 tem tudo pra ser o dia mais importante da história dessa república.

Levantemo-nos todos. Ninguém contra o governo, ninguém a favor do governo: velhos e jovens, homens e mulheres. Todos pelo Brasil; todos pela América Latina; todos contra a escravização moral dos povos; todos contra o genocídio cultural imposto pelas corporações midiáticas do Ocidente.

Responder

wanildo alves

11/03/2015 - 13h58

Se saiu na imprensa golpista(PIG), ou seja , Globo/Veja/Folha/Estadão/Band/SBT/etc., desconfie!, se acreditar, dê coices e bufe(jegue)!.

Responder

José Carlos Damaceno

11/03/2015 - 13h28

E SE O HLICOPITERO COM 450 KG DE COCAÍNA FOSSE DO GENUÍNO??????????????????

Responder

    Rodrigo

    12/03/2015 - 14h22

    Iriam dizer que é conspiração do PIG.

Deixe uma resposta