VIOMUNDO
O VIOMUNDO só é possível também através de anunciantes, e detectamos que você utiliza um AdBlock, bloqueador de anúncios.
Por favor considere ajudar o VIOMUNDO desativando o bloqueador para este site.
Cartas de Minas
Cartas de Minas

NaMariaNews: E agora Alckmin, como fica a FDE?

22 de janeiro de 2011 às 11h38

Sábado, 22 de janeiro de 2011

E agora Geraldo, como fica a FDE?

do NaMariaNews

Desde ontem, 21, a Fundação para o Desenvolvimento da Educação (FDE), ligada à Secretaria de Estado da Educação de São Paulo (SEE-SP), está sob nova presidência. Sai Fábio Bonini Simões de Lima, assume José Bernardo Ortiz Monteiro.

A nomeação, feita pelo próprio governador Geraldo Alckmin (PSDB), foi publicada no Diário Oficial do Estado de São Paulo de 21 de janeiro.

Afinal, quem é a pessoa que Alckmin colocou na estratégica presidência da FDE, que movimenta bilhões de reais para a manutenção das escolas estaduais, materiais e projetos pedagógicos? É a pergunta que, há alguns dias, está na boca de quem lida com a educação paulista, quando o nome de Ortiz (como é chamado) passou a ser ventilado.

Não existe currículo “oficial” do senhor Ortiz na WEB. É necessário pinçar aqui e acolá, para tentar extrair algum caldinho.

Natural do Rio de Janeiro, tem 75 anos, fez a vida em Taubaté, onde foi prefeito por três mandatos (1983-88 pelo PMDB; 1993-96 e 2001-04 pelo PSDB). Conhecido como o Velho; é PSDB de corpo e alma. Secretário municipal de Urbanismo de Caraguatatuba, cargo que deverá desocupar diante da nomeação recente. Foi professor na Universidade de Taubaté (Unitau), onde se aposentou e da qual “foi saído” do curso de engenharia, em 2006.

Parceiro de Alckmin de longa data, Ortiz sempre esteve envolvido em negócios estaduais, além da política. Foi diretor-presidente da Companhia de Desenvolvimento Agrícola de São Paulo (CODASP), de 2005-07, por exemplo. Mas antes, ocupou a superintendência do Departamento de Águas e Energia Elétrica – DAEE (1997-2000). Em 1997, anunciou o fim dos alagamentos provocados pelo Rio Tietê, graças aos U$500 milhões do fundo de investimentos japonês Overseas Economic Cooperation (OECF) e aos U$200 milhões do Estado, além da construção de piscinões e outras medidas saneadoras. Como se sabe, não deu muito certo – conforme o NaMaria News mostrou neste texto.

A escolha de Ortiz para a FDE tumultuada devido à disputa pelo espólio do tucanato no próprio governo do Estado de São Paulo. O nome de Ortiz já estava acertado há duas semanas, período em que os HDs dos computadores das diretorias daquela nobre casa foram sendo formatados.

O presidente nomeado por Alckmin para a FDE é um antigo conhecido do sistema Judiciário. No Diário Oficial (DO), por exemplo, as mais significativas e abundantes citações estão nos cadernos do Judiciário e Legislativo. Só que não é preciso recorrer aos labirintos do DO para reconhecer tal fato, a mais simples WEB nos ajuda.

Em junho de 2010, após ser derrotado em Primeira Instância na 4ª Vara Civil de Taubaté, ele foi condenado pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ), por improbidade administrativa.

Trata-se da Ação Civil Pública nº 625.01.2001.002663-4, referente à contratação de profissionais sem concurso. Na referida causa, o filho de Ortiz (José Bernardo Ortiz Monteiro Júnior) atuou como advogado. A sentença completa do Juiz Luis Manuel Fonseca Pires, de 11/agosto e registrada em 14/agosto/2008, pode ser lida ao clicar na imagem abaixo.

Ortiz, é claro, recorreu. E perdeu. Assim como perdeu no Superior Tribunal de Justiça até a terceira instância. Em decisão monocrática de 31/maio (publicada em 16/junho/2010), o ministro do STJ Humberto Martins, negou provimento ao recurso do ex-prefeito.

Sobre a decisão do ministro em relação ao caso de José Ortiz, a Coordenadoria de Editoria e Imprensa do STJ divulgou o seguinte comunicado:

18/06/2010 – 12h12
DECISÃO

Mantida condenação de ex-prefeito de Taubaté que contratava sem concurso

O ministro Humberto Martins, da Segunda Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ), manteve a decisão da Justiça paulista que havia condenado, por improbidade administrativa, o ex-prefeito José Bernardo Ortiz, de Taubaté (SP). Acusado pelo Ministério Público de contratar servidores sem concurso, Ortiz teve os direitos políticos suspensos por cinco anos e foi condenado, ainda, a pagar multa de 20 vezes sua remuneração como prefeito, além de perder o cargo público que esteja ocupando atualmente.

Para o Tribunal de Justiça de São Paulo, o ex-prefeito fez “uso abusivo” da lei que autoriza a contratação sem concurso em situações excepcionais, transformando-a em “mecanismo rotineiro de burla à Constituição”. Segundo o acórdão do tribunal paulista, isso foi feito “de modo absolutamente escancarado”, pois “não se cuidou de realizar nenhum concurso público ou, ao menos, estabelecer um cronograma de concursos”.

O ex-prefeito ingressou no STJ com recurso especial contra a condenação. Alegou, entre outras coisas, que a lei de improbidade administrativa exige a comprovação não apenas da intenção do agente público em praticar atos tidos como ímprobos, mas também de danos aos cofres públicos e da obtenção de vantagens ilícitas. Tais situações não estariam caracterizadas, segundo Ortiz.

No entanto, o relator do recurso especial, Humberto Martins, considerou que o dolo (intenção de cometer o ato ilícito) “salta aos olhos” no processo. Quanto à alegada inexistência de dano ao erário e à ausência de enriquecimento ilícito, o relator lembrou que já é pacífico no STJ o entendimento de que essas outras condições não são indispensáveis para o enquadramento do agente público na lei de improbidade. Por isso, em decisão monocrática, o ministro negou provimento ao recurso do ex-prefeito.

Vale ressaltar que essa decisão do STJ vai além da sentença dada pela 4ª Vara Civil de Taubaté, que o condenou à perda dos direitos políticos por três anos e multa equivalente a 12 vezes o valor da última remuneração recebida por ele como prefeito.

Então, a decisão em terceira instância do STJ para José Bernardo Ortiz Monteiro não vale para o cargo tão importante na Fundação para o Desenvolvimento da Educação?

O ministro Humberto Martins nos dá a resposta:

Pouco importa aqui o elemento subjetivo que o animou, embora custe crer que o Prefeito Municipal de importante cidade localizada em região altamente desenvolvida do Estado de São Paulo, não tivesse a exata dimensão de sua ação;
Em arremate, o réu violou, e de modo grave a Constituição Federal e seus princípios, caracterizando-se sua conduta como de improbidade administrativa.

Leia mais:

http://namarianews.blogspot.com/2011/01/fde-sob-nova-direcao.html#ixzz1BlpQNMBj

 

73 Comentários escrever comentário »

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Luis Armidoro

25/01/2011 - 14h27

Azenha, NaMaria e amigos:

O PiG é mesmo vagabundo: chupou a matéria do NaMaria (está hoje no estadinho, sem créditos, porque PiG é PiG). É uma confissão envergonhada de que são cada vez mais inúteis

Responder

    Conceição Lemes

    25/01/2011 - 16h19

    Armidoro, daria pra vc passar os links? Se possível, cole aqui o texto. Abs

    NaMariaNews

    26/01/2011 - 12h54

    Caros, fiquei tão lisonjeada pelo Estadão não ter me dado os créditos que até arrepiei os palpos. Maior elogio não há a esta humilhe pessoa aracnídea. Afinal, o Estadão mostrou uma qualidade exemplar: lê (e copia) gente isenta, séria, movida por ideais de respeito etc e tal. – modestamente, o NaMaria News.
    Daí que os links históricos são estes:
    http://www.estadao.com.br/noticias/nacional,alckm

    http://www.estadao.com.br/noticias/nacional,e-um-

    Os comentários são fabulosos, vale percorrê-los pois mostram a idoneidade do Estadão e a sua excelente política em relação aos comentaristas. Mas antes, tirem as velhinhas e velhinhos da sala.

    Só mais um informe: esta aranha estará na posse do distinto cidadão Ortiz, hoje na FDE. Alvíssaras!

Henri Melo

25/01/2011 - 14h17

E para complementar vejam no link que segue o mais novo sucesso de "Geraldinho e sua gangue".
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/o-desmon

É de se lamentar a forma como os governantes do estado mais rico da nação cuidam da educação. É um desmazelo após o outro.

Responder

Adriana

24/01/2011 - 22h30

sou d taubate e digo, esse cara e a família dele… só por Deus

Responder

Luis Armidoro

24/01/2011 - 16h11

Caros Azenha, NaMaria e amigos do blog:

Um resumo das indicações na nova era da "jestão" tucana pode ser :

1 – Nosferatu para dirigir o Hemocentro (por tabela, livram a Móoca de seu espectro mais sinistro)
2 – Os Irmãos Metralha para cuidar do Tesouro (ou dos presídios)
3 – O Coyote (do papa-léguas), com suas invenções asininas e experiências boçais, para tocar o IPT
4 – Jack, o estripador (ou chico picadinho); para "jerenciar" via OS algum hospital público.

Já encheu o saco estes caras infernizarem (por maioria relativa – cegada pela neblina de mentiras do PiG) a vida de 40 milhões de pessoas. O Brasil precisa nos ajudar, senão vamos afundar cada vez mais

Responder

Guilherme Milani, SP

24/01/2011 - 01h35

E a patota tucana segue fazendo a festa em SP, com as bênçãos do eleitor mais imbecil da face da terra. E depois são os petistas os quadrilheiros? Ah, tá…

Responder

Eduardo Coutinho

23/01/2011 - 23h20

Hoje Portugal reelegeu um presidente fascista… que se orgulha de ser fascista…que fala com prazer quase erótico de Salazar. Portugal está muito pior que o Brasil deixado por FHC, e nós resolvemos mudar. Neste ponto nao tenho duvida, e isso nao tem nada a ver com simpatia ideológica, mas o fato de achar que o voto pode mudar o sentido das coisas…Estamos anos luz a frente, demorou, mas o povo cansou de levar na cabeça aqui. Lá, com desemprego recorde, desindustrializaçao, miséria incrivel, quebrado, sem perspectiva, o povo ainda vota na continuidade…
E de quem é a culpa? Do PS, do PCP, dos Verdes, dos grupos de esquerda luso, porque esse presidente acabou de ser eleito com uma abstençao de 53%!!! Isso é assustador, porque é uma taxa quase simbolica, golpes foram dados quando o povo mostrou esse desleixo pelo pleito, a voz do poeta Zeca Afonso continua atual
O que faz falta é agitar a malta/ o que faz falta é avisar a malta

Responder

ricardo silveira

23/01/2011 - 16h05

Como é possível um governador indicar para um cargo que tem a incumbência de manipular bilhões de recursos públicos sem conhecer quem é a figura que indica? Se é honesta ou desonesta, ou se é suspeita de ser desonesta, com problemas com a justiça. O que significa isso? Incompetência do governador ou conivência? Ou tem mais alguma alternativa? Será, por exemplo, que o indicado é um perseguido da justiça? Afinal, nossa justiça não é flor que se cheire, muito menos infalível. Então, Governador, quem vai manipular os recursos da educação paulista? Certamente deve haver alguém no PSDB ou entre os aliados, O Thomas Jeferson anda sem função e, ninguém pode negar que foi um forte aliado na campanha do PSDB/DEM na última eleição.

Responder

    Henri Melo

    24/01/2011 - 17h05

    Ricardo está mais do que claro tem que ter alguém para responsabilizar pelo "recursos e interesses partidários". Temos eleições em 2012 para prefeito, e provavelmente já está preparando o "colchão" para 2014. Nada disso é por acaso, e não à toa a educação de S.Paulo está no fundo do poço. Olha o tipo que escolhem para ser gestor dos recursos do fundo??? É ou não é uma quadrilha???

Jairo_Beraldo

23/01/2011 - 13h17

Mauro Carrara definiu bem o PSDB – "não é partido político, é quadrilha". Definição melhor não há!

Responder

    LuisCPPrudente

    24/01/2011 - 09h17

    É uma verdadeira "ação entre amigos" do PSDB…mas com o que é de todos nós contribuintes paulistas!

    Essas "ações entre amigos" do PSDB se espalhou por diversas secretarias e órgãos paulistas.

Marat

23/01/2011 - 12h50

Li, no PIG, que o Alckmin e a Lu Alckmin defendem que o irmão de Lu seja "investigado"! Será que essa é a $enha, para que a justi$$$a faça sua parte?

Responder

    LuisCPPrudente

    24/01/2011 - 09h21

    Mas a investigação tem que se dar pela Polícia Civil de São Paulo, com delegado previamente escolhido, que remeterá o caso para determinado promotor público, todos de confiança, é claro.

    A justiça de São Paulo fara justiça e livrará a família Alckimin de qualquer desvio.

Regina Braga

23/01/2011 - 12h22

Por favor,parem de cobrar do Geraldinho…O rapaz é meio devagarinho…Imagine só ,como acabar com as enchentes em 24hs?…Querem que o rapaz consiga entender em alguns dias ,o que é uma condenaçaõ? Ele ainda nem percebeu que o cunhado está sendo investigado?Foi a Lú que se manifestou.Nem o Áecio está procurando por ele,porque sabe que vai levar uns 20 anos, para os demotucanos se tocarem que Sampa, naõ apita mais.Lentamente,bem lentamente ,ele vai cair em si e procurar um homem, justo.O duro é encontrar dentro da sua congregaçaõ,mas até lá o povo paulista já vai saber quem saõ os demotucanos.

Responder

J_Amaro

23/01/2011 - 11h48

Estou desencantado com meu Governador Dr. Geraldo Alckmin. Em vez de optaro pelo provecto Ortiz Monteiro para gerenciar as polpudas verbas da Educação, deveria ter convocado o jovem e experiente Paulo Preto!
Alckmin ainda é novo; tem muito a aprender…

Responder

Aracy_

23/01/2011 - 11h41

Se era para o Alckmin contratar um velhinho de Taubaté para a FDE, então teria sido melhor para os cofres públicos chamar a Hebe Camargo.

Responder

Marcio

23/01/2011 - 11h19

O cunhado é acusado de fraudar merendas. O secretário foi condenado por improbidade e o governador o nomeia, deixando claro que ética é algo sem importância para ele e seu partido. Retornou também o violento ex-secretario de segurança . E a Dilma é que é um perigo??

Responder

José A. Palandi

23/01/2011 - 10h53

uéééé!!!!!O PSDB PAULISTA NÃO É O MAIOR SIMBOLO DA HONESTIDADE E DA ÉTICA!!?O ALEXANDRE GARCIA NÃO VAI DIZER NADA!!?O ESTADÃO, VEJA E A FOLHA NÃO VÃO FAZER NADA!!?
BEM, POVO PAULISTA, ESTAMOS POR NÓS MESMO, AGORA É SÓ LUTAR E ESPERAR O DIA DESSE DESGOVERNO CHEGAR AO FIM. SERRA. ALCKIMIN, FERNANDO HENRIQUE ME DÃO NOJO!!!!!VAMOS NOS LIVRAR DESTE ENGODO!!!!A RESPOSTAS DELES É SEMPRE A MESMA: MANDA A PM PAULISTA "BAIXAR O CASSETE"!!!!!ELES E PINOCHET NÃO TÊM DIFERENÇA ALGUMA!!!!!

Responder

Roberto Locatelli

23/01/2011 - 07h43

É absurdo Alckmin ter feito isso. Mas é ainda pior por ter sido na área da Educação, justamente a área vital para o Brasil sair da condição de país "emergente" e tornar-se efetivamente uma potência.

Então cabe a pergunta: a nomeação de Bonini foi só para favorecer o amigão condenado pela Justiça ou foi proposital para garantir que, em SP, a Educação fique ainda mais sucateada e não progrida?

Responder

Messias Macedo

22/01/2011 - 23h36

… Confiem no neto do “dotô” Tancredo!…

República Deste Partido Agourento, Entreguista, Miasmático, Fascista eterno…
Bahia, Feira de Santana
Messias Franca de Macedo

Responder

sergio

22/01/2011 - 21h23

alckmin é tão corrupto como serra, o esquemão dos tucanos vai continuar até 2014.

Responder

jbmartins

22/01/2011 - 21h19

Estive ontem em uma missa de formatura em Bacharel Dureito; O Padre comentou assim "Parabens a voces, formandos, voces terão oportunidade de mudar muita coisa, ha corrupção no executivo, no legislativo e muita corrupção no Judiciario, este é o maior problema do Brasil, peço que pratiquem o Direito para mudar mo Judiciario, se no Judiciario não houver corrupção, o executivo e legislativo serão punidos."

Responder

abarbosafilho

22/01/2011 - 20h50

Detalhe: o filho, José Bernardo Ortiz Monteiro Júnior, também ganhou um cargo do Geraldo Alckmin, para "trabalhar" no Palácio dos Bandeirantes como assessor de p…. nenhuma. Aliás, o rapaz ocupa empregos públicos desde estagiário, graças ao papai e ao amigão Alckmin.
É, o PSDB não "aparelha" o estado….

Responder

    NaMariaNews

    22/01/2011 - 23h13

    O cidadão Júnior terá seus momentos de glória também; aguarde.

    Se Nagao

    24/01/2011 - 12h07

    Estou tomando ansiolítico.

    Henri Melo

    24/01/2011 - 17h10

    Se Nagao, você toma ansiolítico e os moradores de S.Paulo tomam no …

Edson

22/01/2011 - 19h57

Para divulgar e ajudar a colher as assinaturas:

Movimento quer inventor brasileiro do rádio incluído em currículos escolares

Daniel Mello
Repórter da Agência Brasil

São Paulo – O padre brasileiro Landell de Moura, que inventou o rádio há mais de 100 anos, ainda não é apresentado nas escolas como um dos grandes idealizadores das telecomunicações. É justamente esse descuido histórico que o Movimento Landell de Moura (MLM) busca corrigir. A organização é formada por pesquisadores, jornalistas e entusiastas do rádio.

Segundo um dos integrantes do movimento, o jornalista Eduardo Ribeiro, o abaixo-assinado eletrônico pedindo uma posição oficial sobre a reivindicação conseguiu, somente nessa sexta-feira (21), cerca de 300 assinaturas. O apoio cresceu devido à divulgação de informações sobre o inventor, por conta dos 150 anos de seu nascimento em Porto Alegre (RS).

Mas as assinaturas no documento são pouco perto da “magnitude do movimento”, de acordo com Ribeiro. “O que realmente faz a diferença é a divulgação ampla, sobretudo pelos meios de comunicação”. Além disso, ele destaca as ações de reconhecimento pontuais feitas por órgãos públicos. Ontem, por exemplo, a Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT) colocou em circulação um selo em homenagem ao padre.

Apesar de toda a documentação, experimentos públicos e até reportagens sobre os trabalhos de Landell para a transmissão de voz pelo ar sem condutores, a fama de "pai do rádio" acabou ficando para o italiano Guglielmo Marconi. Ribeiro atribui o desfecho a diversos fatores, entre eles a nomenclatura dos inventos e o conservadorismo da sociedade brasileira à época.

Na opinião do jornalista, “o caldo cultural do Brasil” no período não era favorável a Landell. “Os mais graduados o viam como louco e os menos graduados achavam que ele falava com o demônio”.

Houve ainda a questão dos nomes dos inventos. Como o de Marconi se chamava radiotelégrafo, por transmitir o Código Morse sem o uso de cabos, os créditos de tudo que era relacionado acabaram ficando para o italiano. Isso ocorreu mesmo com Landell tendo feito, 15 anos antes de Marconi, em 1900, uma demonstração pública, na Avenida Paulista, da transmissão de voz pelo ar.

Edição: Graça Adjuto http://agenciabrasil.ebc.com.br/home;jsessionid=3
http://www.mlm.landelldemoura.qsl.br/

Responder

Vera Silva

22/01/2011 - 19h05

Expliquem-me o seguinte: se os direitos políticos dele foram suspensos por 3 anos a partir do trânsito em julgado da sentença, ele pode ser nomeado para cargo público, uma vez que o título eleitoral dele está suspenso até 2013?

Responder

    NaMariaNews

    22/01/2011 - 23h18

    Não, Vera. Ortiz perdeu os direitos por 3 anos na 4a. Vara de Taubaté. Isso é sentença velha. Na última e válida, a do STJ, 3a. instância, a pena subiu para 5 anos. Ou seja, aumentou tudo, até a multa.
    A pergunta que vc faz é a mesma que eu faço e qualquer pessoa de respeito faz: se o homem foi apenado em 5 anos, que diabos ele está fazendo nos quadros da FDE, que é órgão público, com dinheiro público…

    Será que algum advogado aqui poderia esclarecer isso?

    Roberto Locatelli

    23/01/2011 - 07h38

    O que eu sei é o seguinte: se fosse a Dilma ou um governador da base aliada que tivesse feito isso, a Globo, Veja, Folha, Estadão, etc, já estariam pedindo o impeachment, colocando manchetes com letras gigantes.

    Pedro Luiz Paredes

    23/01/2011 - 09h25

    A maioria dos cargos públicos não são eletivos.
    Quem sabe se ela tivesse cometido peculado, prevaricação, etc.
    Isso mostra como a lei da ficha limpa já nasceu ultrapassada.
    Viva São Paulo, lugar que reside os eleitores mais trochas do Brasil.
    Os caras são tão burros que além de aceitarem isso ainda reelegem os cabeças reiteradamente.
    No Brasil ao menos não reelegemos o PSDB e só aí as coisas começaram a andar.
    O dia que SP experimentar um governo que trabalha para a maioria não reelege esse partido tão cedo; alias, se eles não conseguirem nada mais voluptuoso até então serão extintos, o que seria uma lastima, pois até agora o alvo, apesar de liso e sujo, tem endereço certo e sabido.
    Ciro estará para Aécio como Marina esteve para a Dilma em 2014.
    Se o Serra for esperto vai de prefeito em 2012 e tenta substituir Alkimim em 2018.
    Mas eu duvido que haja vida humana em Marte!

Pedro Luiz Paredes

22/01/2011 - 18h50

O povo paulista merece!
Mais ainda, o paulistano merece Serra novamente.
Serra 2012!
Não se depender do PMDB!
kkkkkkk
Quero ver de quem vai ser o beijo dessa vez pois ainda tenho dúvidas.

Responder

cesar

22/01/2011 - 17h56

Ja posso ver as manchetes: "Alckmin acolhe psdbistas em seu governo!". "O aparelhamento do governo tucano de são Paulo!" dentre outras de nossa maravilhosa imprensa isenta.

Responder

Hudson Luiz

22/01/2011 - 17h47

Alckmin vem aí

Pois é gente, a vida anda, o mundo gira e a lusitana roda. Mal acabou a campanha presidencial mais baixa de nossa história e ainda falta uma semana para o governo Dilma completar um mês, mas os primeiros sinais da campanha rumo ao Planalto 2014 já apareceram.
Algumas noticias veiculadas pela imprensa durante a semana deixam claro o quão os tucanos estão divididos no seu projeto (legitimo, diga-se de passagem) de retorno ao poder após longos (para eles) doze anos.
Na verdade existe um trilátero disputando a hegemonia dentro do PSDB.
Continue lendo no: http://www.dissolvendo-no-ar.blogspot.com

Responder

Paulo Cavalcanti

22/01/2011 - 17h24

Sobre "metrópole" – e aquela história de SP, locomotiva do Brasil, vale a pena conferir no "blog do paulinho" – http://bogdopaulinho.blogspot.com

"O PACTO FEDERATIVO E OS IMPOSTOS" – O seu estado é um pagador ou um recebedor de impostos federais? http://migre.me/1Xr2X

Responder

ruizaltino

22/01/2011 - 16h56

Diz a lenda em Taubaté, que este hominho era um professor tão chato que quando foi candidato pela primeira vez seus alunos transferiram os títulos todos para poder elegê-lo e ficar livre dele em sala de aula.

Responder

Pedro

22/01/2011 - 16h49

Não tenho pena do Alckmin, mas que ele vai ter dificuldade para encontrar alguém honesto, vai.

Responder

    Gustavo antonio

    22/01/2011 - 18h39

    Alckmin é honesto ?
    Eu acho que tá tudo em casa. No PSDB os iguais se atraem. E roubam.

    LuisCPPrudente

    24/01/2011 - 13h35

    "Vigê" Maria! O que você disse é senso comum!

    E por que os paulistas e paulistanos continuam elegendo as raposas para cuidar do galinheiro?

    Scan

    22/01/2011 - 22h55

    E me diga: o que o Alckmin quereria com alguém honesto?
    Você ficou maluco? Alckmin vai colocar gente da mesma laia dele e de sua excelentíssima esposa.

Luis

22/01/2011 - 16h27

Deve haver algum engano. Deve ser um homônimo. Tucano corrupto? Impossível. Para a imparcial imprensa brasileira só há corruptos no PT, em seus aliados eleitorais e nos governos Lula e Dilma. No PSDB, jamais. Além disso, membros da Opus Dei não apoiam essa perversão. Pelo essa não. É o que aparenta.
A propósito: a Maitê vai ou não vai parar de receber a pensão-virgindade? Ela, eleitora impoluta do Serra deveria dar o exemplo.
Se governador e prefeito não pode, deputado também não deveria e a Maitê muito menos…

Responder

Marat

22/01/2011 - 15h42

Deve ser difícil ser governante do PSDB, pois quem ali, naquele ajuntamento é isento e competente?

Responder

Alexandre

22/01/2011 - 15h02

[Tudo a ver!]

################

Vice do Cerra apresentou recibo com data de novembro de 2011
Vice de Cerra pode ser expulso do PSDB
em http://www.conversaafiada.com.br – ínclito e impávido jornalista Paulo Henrique Amorim

########################

… Álvaro [Em] Dias [Com a Corrupção]…
Será que a Eliane "da Folha" dos Frias da ditabranda vai ficar indignada? E a Cristiana [Cada Vez Mais] Lôba [de Raiva e de Ódio]? E o Merval? E a Valdvogel?… E o [José] (S)erra irá dizer que não conhece Álvaro Preto? (sic)…

… É o "glorioso" PSDB em seu constante processo de (re)'afundação'!

Ô [DEMo]tucanos do bico-de-pau, siô! Coitado do nariz do Pinóquio!…

Hora do recreio: será que o ex-vice do (S)erra irá solicitar uma auto-CPI?! [RISOS ESTONTEANTES]

República Deste Partido Agourento, Entreguista, Miasmático, Fascista eterno…
Bahia, Feira de Santana
Messias Franca de Macedo

Responder

m.fóerbah

22/01/2011 - 14h56

O Alkimin ao tentar virar a página da obra do fhc , na parte última do serrismo-"carolismo",
esta sendo soterrado pelo peso da herança maldita.

Responder

Julio Silveira

22/01/2011 - 14h54

Para gestão tucana são escolhidos apenas aqueles com aptidão para o negocio e após analise curricular.
Tem que ser do ramo.

Responder

Almeida Bispo

22/01/2011 - 14h46

Construções mentais.
Aí o cara passa pelo outro é grita: "rato"! O outro começa a matutar: “rato come queijo; queijo vem do leite; leite vem da vaca; e a vaca é a "mulher" do boi… aquele f.d.e. me chamou de corno”!
Aí, na campanha de 2006, foi provado que o maior guru do Alckmin era o moço lá do Opus Dei que dava orientações pessoalmente ao governador; é sabido que a 'ordem' espanhola, não somente receita silícios (coisa pra enganar trouxas) para seus mais inflamados seguidores como receita em outros seguidores vorazes "investimentos" em estatais privatizadas pelos tucanos; que também vem avançando cada vez mais na formação do pensamento brasileiro, já sendo donos de meio mundo de editoras, delas como a Santillana e Moderna, dos maiores fornecedores dos governos, especialmente os emplumados; que o Estado de São Paulo, a maior máquina pública depois da União é natural comprador de livros através do FDE; aí o matuto há de perguntar-se: estariam esses caras armando pra comer o dinheiro dos impostos do povo de São Paulo?

Responder

Quadros

22/01/2011 - 14h44

O governo Alkmin traz nesse aspecto a verve do psdb e do dem, como pode-se ver na montagem do governo de Santa Catarina: dá medo só de ler os nomes, quer dirá de procurar saber onde se "enroscaram" com a justiça.

Responder

Glecio_Tavares

22/01/2011 - 14h35

http://osamigosdopresidentelula.blogspot.com/2011

Olha o nosferatu mentindo.

Não abre a boca sobre nada no estado de são paulo. Baita mentiroso.

Responder

Elton

22/01/2011 - 14h33

Há dois dias o blog do esquerdopata está fora do ar, alguém sabe o motivo?

Responder

Gerson Carneiro

22/01/2011 - 13h39

Não é por nada mas, de tanta gente com problemas na Justiça reunida no atual Governo Estadual paulista corro o risco de não conseguir destinguir o Governo Estadual Paulista do PCC (Primeiro Comando da Capital). A famosa organização criminosa do Estado de São Paulo que ao que parece a mídia obedece ordens de não mencionar a referida denominação.

Responder

    Gustavo Pamplona

    22/01/2011 - 14h54

    Na realidade Gerson… eles é que são o PCC. (O PSDB/DEM e seus aspones)

    E a mídia (leia-se Globo) intitula o PCC como "a facção criminosa que age nos presídios de São Paulo".

    edv

    22/01/2011 - 20h21

    Ué, por definição, o primeiro comando da capital é da prefeitura e seu prefeito, nenão?!

    Scan

    22/01/2011 - 22h59

    PCC é coisa de adolecente abobado perto do pessoal tarimbado do PSDB…

Gerson Carneiro

22/01/2011 - 13h27

Ao que parece o Geraldo Alckmin seleciona e reune em torno de sua atual gestão, no Governo Estadual Paulista, elementos que enfrentam problemas com a Justiça, como é o caso do seu cunhado, além desse agora presidente da FDE. Seria esse um pré-requesito para compor a pasta de auxiliares do governador?

E o Serra durante a campanha chegou ainsinuar que o Governo Lula distribuía cargos para amigos e correligionários. E dizia que mudaria isso.

Ao que vejo o que ocorre no Governo Estadual Paulista é apenas mais do mesmo do modo de governar do PSDB. Incluindo aí a complacência da mídia, conhecida como PIG, e da Assembléia Legislativa do Estado de São Paulo.

Em tempo: em Campinas-SP há uma escola estadual chamada João Fiorelo que aguarda há um ano e meio a liberação de verba da FDE para refazer um muro da escola derrubado pela ação da chuva. Todos os requisitos formais já foram cumpridos pelo Diretor da escola. Fiquei com aimpressão de que não será esse presidente da FDE que irá liberar a verba de reconstrução do muro da referida escola.

Responder

    Daniel

    22/01/2011 - 13h40

    Ser pilantra de carteirinha é requisito pra ingressar no PSDEMB.

    Fernando José

    22/01/2011 - 16h24

    Concordo com os dois. Mas isso não é previlégio dos Tucanos daí do sul. Por cá é do mesmo jeito….

    Scan

    22/01/2011 - 23h01

    Nem vem!
    Não tem pra ninguém: nossos tucanos sulistas são muuuuuito mais corruptos que os de vocês!

    Gerson Carneiro

    23/01/2011 - 00h26

    Já ouviu aquela: "Os nossos tucanos são muito mais corruptos do que os tucanos dos outros" :)

    LuisCPPrudente

    24/01/2011 - 13h42

    Isto é uma disputa cruel e renhida entre os tucano-pefelês de todo o Brasil!

    Mas parece-me que os nossos tucano-pefelês de São Paulo estão ganhando e arrebatando este título!

Urbano

22/01/2011 - 13h19

Ali parece mais aquele jogo em que se tenta sortear a bola número 1, puxando-se de dentro de uma sacola onde existem mais noventa e nove devidamente numeradas. Se não der muita sorte poderá ter que puxar até a penúltima, sem sucesso.

Responder

Orellano Paz

22/01/2011 - 13h09

Socorro! Polícia… alguém, acuda! (Quem?) Socorro…

Responder

    priscila presotto

    22/01/2011 - 14h18

    Acuda "ieu "tambem……

    Jairo_Beraldo

    22/01/2011 - 19h26

    Só podemos pedir SOS a Daniel Dantas e cia…..via Zezão Cardozo e Tony Malocci! AFFFFFFFFFFFFFFF

Gerinho da Terra

22/01/2011 - 13h05

Vou com a NaMaria.
E agora Alkimin???

Responder

Paulo

22/01/2011 - 12h51

sai seis e entra meia dúzia.

Responder

Leider_Lincoln

22/01/2011 - 12h46

Então isso quer dizer que a mídia descobriu que uma assessora da Dilma foi cabeleleira em uma época de vacas magras, mas não descobriu que o ocupante de um importante cargo da secretaria que deveria ser a mais importante é ficha suja?

Responder

    Gerson Carneiro

    22/01/2011 - 13h46

    Ou seja: se diz respeito ao Governo Lula\Dilma o PIG é capaz de encontrar e catalogar as pulgas, uma a uma. Se diz respeito ao Governo Estadual Paulista o PIG não enxerga nem o camelo.

    Beto Crispim

    22/01/2011 - 15h32

    ótimo, resumiu tudo.

    Fernando José

    22/01/2011 - 16h26

    Amigo, isso tem a ver com o tal do 'camelo passar no furo de uma agulha'?

    Gerson Carneiro

    22/01/2011 - 17h30

    Agora… o camelô, esse o PIG enxerga. Ah, se enxerga.
    Com o apoio tático da Guarda Municipal.
    Principalmente nos dias que antecedem o natal.

    Ana Maria

    23/03/2011 - 15h55

    Em Sp nada é descoberto tudo é incoberto. Cada dia que passa maior é a minha revolta, onde vamos parar. Esse governador me dá nojo.

Alvaro Tadeu Silva

22/01/2011 - 12h27

O Governador Geraldo Alckmin é um apaixonado pela Educação, o que seus inimigos negam. Mas é a mais pura verdade: Quando era prefeito em Pindamonhagaba, pegava seu fuscão e ia assistir às aulas de Medicina na Universidade de Taubaté. Como se sabe, essa universidade só perde para Harvard no mundo acadêmico. Tanto é que recebeu nota 2 do MEC em 2009 e ameaçaram de fechá-la. Se fecharem pelo menos a Faculdade de Medicina dessa universidade, menos pacientes vão aparecer no YouTube com tesouras, pinças, agulhas e outros objetos de aços esquecidos dentro deles…

Responder

Deixe uma resposta