VIOMUNDO

Diário da Resistência


Você escreve

Urariano Mota: A última mentira do Cabo Anselmo


20/10/2011 - 11h44

por Urariano Mota, no Direto da Redação, via Vermelho

José Anselmo dos Santos, ou Daniel, ou Jadiel, ou Jônatas…  ou mais simplesmente Cabo Anselmo, se apresentou no Roda Viva na última segunda-feira. Como já se esperava, ele esteve muito à vontade, porque os entrevistadores não pesquisaram a história dos seus crimes, e se fizeram esse indispensável dever, não quiseram levá-lo às cordas, para confrontar as suas esquivas com os depoimentos de testemunhas de 1973, ano das execuções de 6 militantes socialistas no Recife.

O momento mais acintoso foi quando ele se referiu à sua mulher, Soeldad Barrett, e dela retirou a gravidez, para se isentar de um hediondo crime, que cai como um acréscimo à traição de entregá-la para a morte.  Observem-no aqui neste momento, http://www.youtube.com/watch?v=iNf2M8c4gXs a partir do minuto 22.05 até 22.42.

Transcrevo:

“Cabo Anselmo – A Soledad usava DIU, desde que fez um aborto aqui em São Paulo, antes da ida para o Recife.

Entrevistador –  O senhor contesta a gravidez da Soledad?

Cabo Anselmo – Como?

Entrevistador – O senhor contesta que ela estivesse grávida, como a versão histórica …

Cabo Anselmo – Se eu acreditar, como dizem os médicos, que o DIU era o mais seguro dos preservativos, eu contesto, sim.

Entrevistador – Então o feto encontrado lá não era dela?

Cabo Anselmo – Eu imagino que seria da Pauline. A Pauline estava grávida, inclusive teve problema de gravidez, e Soledad a levou até o médico.”

Não vem ao caso agora observar que ele ganha tempo para responder, quando finge não ouvir bem e pergunta “Como?”.  Importa mais agora confrontá-lo com três depoimentos históricos. No primeiro deles, e mais impressionante, a advogada Mércia Albuquerque assim declarou na Secretaria de Justiça de Pernambuco, em 1996:

“Soledad estava com os olhos muito abertos com expressão muito grande de terror, a boca estava entreaberta e o que mais me impressionou foi o sangue coagulado em grande quantidade que estava, eu tenho a impressão que ela foi morta e ficou algum tempo deitada e a trouxeram, e o sangue quando coagulou ficou preso nas pernas porque era uma quantidade grande e o feto estava lá nos pés dela, não posso saber como foi parar ali ou se foi ali mesmo no necrotério que ele caiu, que ele nasceu, naquele horror”.

No segundo deles, a dona da butique em Boa Viagem, onde foram presas Soledad e Pauline , lembra que em 1973 Soledad lhe dissera que iria viajar para rever a única filha, antes de dar à luz, porque estava grávida. Isso foi falado à testemunha dias antes da  execução dos socialistas em janeiro, numa conversa íntima entre mulheres. Soledad estaria louca ou a dona da butique estaria inventando histórias?  E agora, por fim, prestem bem atenção mo que lembra um professor de história do Recife: Soledad e Anselmo foram vistos na Rua das Calçadas, no Recife, a comprar roupinhas de bebê. Que lindo e canalha, não?  Será que estariam então todos enganados a fantasiar a gravidez de Soledad, somente para incriminar o pobre Anselmo?

Ontem no Roda Viva o Cabo Anselmo cometeu a sua mais escabrosa mentira. Transferiu a gravidez da mulher para outra morta. E todos os repórteres, entrevistadores, apresentador calaram diante da eloqüência do velho traidor. O DIU, dizem os médicos, tem apenas 0,1% de falha. Já um agente duplo nunca nega fogo: é 100 % mentiroso.

Leia também:

A mídia descontrolada: Episódios da luta contra o pensamento único
A mídia descontrolada

O livro analisa atuação dos meios de comunicação.

A publicação traz uma coletânea de artigos produzidos por um dos maiores especialistas do Brasil no tema da democratização da comunicação.

Por Laurindo Lalo Leal Filho



25 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Maria Inês Nassif escreve sobre o novo romance de Urariano Mota - Viomundo - O que você não vê na mídia

15 de abril de 2013 às 14h16

[…] Urariano Mota: A última mentira do Cabo Anselmo […]

Responder

Urariano Mota: Soledad nas vésperas da morte « Viomundo – O que você não vê na mídia

08 de janeiro de 2013 às 23h22

[…] Urariano Mota: A última mentira do Cabo Anselmo […]

Responder

Urariano Mota: O cabo Anselmo um dia antes da morte de Soledad « Viomundo – O que você não vê na mídia

25 de maio de 2012 às 00h35

[…] Urariano Mota: A última mentira do Cabo Anselmo […]

Responder

Sr.Indignado

30 de outubro de 2011 às 21h01

A quase 50 anos da ditadura…. Vomitei durante a entrevista, é triste em pleno 2011 ver esse canalha solto. Viva a Justiça Brasileira!!!!

Responder

Urbano

21 de outubro de 2011 às 14h43

Canalhice é canalhice… esse verme é um escabroso, como tantos do segmento dele.

Responder

andrealacerda

21 de outubro de 2011 às 14h07

Péssimo! não aguentei nem assistir à entrevista no dia!

Responder

Marcio H Silva

20 de outubro de 2011 às 21h40

De que este verme vive? é reformado? com dinheiro público?
Imprensa, programa e jornalistas sem-vergonha.

Responder

ZePovinho

20 de outubro de 2011 às 18h54

O meu velho é de 19…… na Marinha,Azenha.Sempre me disse que os marinheiros que passaram pelas Escolas de Aprendizes Marinheiros nunca tinham visto esse verme por lá.O velho sempre odiou esse crápula,por trair os companheiros:um anátema entre militares.
Esse cara,provavelmente,teve os documentos plantados como aluno-marinheiro e sempre foi um espião dos militares.

Responder

fredgorski

20 de outubro de 2011 às 18h46

Esse idiota queria dizer o quê? Por estar com DIU ela merecia morrer, ser delatada?

Responder

    edv

    21 de outubro de 2011 às 14h06

    … Isso se assumirmos que ela estava com DIU…
    É o Roda Morta regenerando os seus…

Wanderson Brum

20 de outubro de 2011 às 17h53

Nojo…Só se pode se setir isto deste verme…

Responder

Francisco

20 de outubro de 2011 às 17h26

Com a Comissão de Verdade, vai acabar se elegendo vereador ou prefeito. Viram o que fizeram com Kadafi? Pois é…

Responder

Vinicius Garcia

20 de outubro de 2011 às 17h22

Veja só os "tipos" que apoiavam a intervenção militar no país, o que esperar de um cidadão desse, que ele seja franco? A mentira naquele momento da entrevista, foi apenas meis um detalhe na sua vida, um detalhe até que insignificante, quantas e quantas mentiras ele não deve ter feito no passado, por que se envergonharia agora?

Responder

Gerson Carneiro

20 de outubro de 2011 às 16h17

"A última mentira do Cabo Anselmo", até que aconteça a próxima entrevista.

O Cabo eleitoral do Serra.

Responder

HMS TIRELESS

20 de outubro de 2011 às 14h10

Que dizer?

Responder

beattrice

20 de outubro de 2011 às 13h43

O Patrono ideal para o "regime militar", feitos um para o outro.

Responder

@luisk2017

20 de outubro de 2011 às 13h30

Insisto. O cabo Anselmo sempre aparece em momentos de chantagem à esquerda. Junta-se a ele agora o neo-anselmo da PM de Brasília. Um cara com um prontuario e tanto. E com patrimônio atípico, desde os tempos anteriores ao governo Lula… Ele comprou 5 apartamentos do Ronivon (aquele que vendeu seu voto para a reeleição de FHC). Que ambos vivam muito tempo, para arder na chama do desprezo social!

Responder

Wanderlei

20 de outubro de 2011 às 13h12

Não sei o que é mais repugnante, se o próprio Cabo Anselmo ou a postura dos entrevistadores.

Responder

Fabio_Passos

20 de outubro de 2011 às 13h09

Que asco.

Responder

Luiz Rogerio

20 de outubro de 2011 às 12h59

Não tinha ninguém melhor pra entrevistar? Todos nós sabíamos o que iria ocorrer nesta entrevista.

Responder

SILOÉ-RJ

20 de outubro de 2011 às 12h30

Esse cachorro é um pscopata, diante de tanto insanidade não há o que comentar.

Responder

Wildner Arcanjo

20 de outubro de 2011 às 12h21

É a cara da nossa "Revolução" Militar.

Responder

    dukrai

    20 de outubro de 2011 às 13h59

    ícone da Redentora

Juliano

20 de outubro de 2011 às 12h05

Azenha,

Acompanhei essa entrevista, e não vou comentar nada, apenas um trecho do ultimo bloco, em 2:30, quando ele eh bem claro com todos os entrevistadores. Nao apoio ninguem da laia dele, mas dar na cara dessa tipo de imprensa sempre faz muito bem: http://www.youtube.com/watch?v=3UY4xoTpQbk&fe

Responder

Francisco Anndrade

20 de outubro de 2011 às 12h01

Cínico, mentiroso e perverso. Espírito seboso e diabólico. Ele próprio atrai tudo de ruim. O Inferno? Não. Mas, no seu corpo e alma aqui na terra e diante da Comissão da Verdade. Nos porões da cadeia

Responder

Deixe uma resposta para Wanderlei

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding
Loja
Compre aqui
A mídia descontrolada

O livro analisa atuação dos meios de comunicação e traz uma coletânea de artigos produzidos por um dos maiores especialistas do Brasil no tema da democratização da comunicação.