VIOMUNDO

Diário da Resistência


Você escreve

Ibope dá empate entre Dilma e Serra: um novo padrão para divulgar pesquisas


03/07/2010 - 20h55

por Luiz Carlos Azenha

Existe um novo padrão para divulgar o resultado de pesquisas eleitorais. Ele começa com o vazamento e a disseminação de notícias falsas sobre os dados, especialmente na internet. As notícias falsas, então, circulam na blogosfera carregadas por internautas desavisados, que deixam comentários em blogs de grande leitura. Cria-se uma expectativa em relação a números, que quando divulgados surpreendem. Foi assim com a nova pesquisa do Ibope, que registra empate entre Dilma Rousseff e José Serra (na anterior Dilma tinha cinco pontos de vantagem).

Deu no R7:

publicado em 03/07/2010 às 20h38:
Pesquisa Ibope traz Serra e Dilma empatados

Tucano e petista aparecem com 39%. Marina continua em terceiro com 10%

Pesquisa Ibope divulgada na noite deste sábado (3) mostra os candidatos José Serra (PSDB) e Dilma Rousseff (PT) empatados na disputa pela Presidência da República, cenário semelhante ao apontado pelo Datafolha da última sexta-feira.

O levantamento, encomendado pela Associação Comercial de São Paulo, mostra o tucano com 39% das intenções de voto, contra 39% da rival petista. A margem de erro é de dois pontos, para mais ou para menos. Marina Silva, candidata do PV, passou de 9% para 10%. Brancos e nulos somaram 6% e indecisos, 7%.

Em um eventual segundo turno entre Serra e Dilma, de acordo com o Ibope, a petista e o tucano estão empatados com 43%.

O Datafolha, que trouxe um empate técnico entre os dois candidatos, mostrou Serra com 39% da preferência do eleitorado, e Dilma com 38%. Marina obteve 10% das intenções de voto.

No último dia 23, levantamento anterior feito pelo Ibope a pedido da CNI (Confederação Nacional da Indústria) havia colocado a presidenciável petista pela primeira vez à frente de Serra. O placar era de 40% a 35% das intenções de voto.

Mudança

O empate técnico apontado pelo Datafolha e agora pelo Ibope também difere da vantagem de Dilma registrada pelo Vox Populi, em pesquisa divulgada na última terça-feira (29). Nela, a petista apareceu com 40% das intenções de voto, contra 35% do tucano e 8% de Marina.

Seis dias antes, outra pesquisa, do Ibope, apresentou os mesmos números para Dilma e Serra, e 9% para a candidata do PV.

Já o último levantamento do Datafolha, entre os dias 20 e 21 de maio, apontava para outro empate técnico entre os candidatos de PSDB e PT – ambos com 37%. Marina estava em terceiro, com 12% das intenções de voto.

A pesquisa Ibope divulgada neste sábado foi registrada no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) em 28 de junho, com o número 17245/2010. Foram ouvidas 2.002 pessoas.

A mídia descontrolada: Episódios da luta contra o pensamento único
A mídia descontrolada

O livro analisa atuação dos meios de comunicação.

A publicação traz uma coletânea de artigos produzidos por um dos maiores especialistas do Brasil no tema da democratização da comunicação.

Por Laurindo Lalo Leal Filho



124 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

EDSON HAUTSCH

07 de julho de 2010 às 00h09

E quem acredita no Ibope?
Estamos anciosos pelo Livro que o Amaury Ribeiro disse que ia lançar após a Copa.
Ora, na verdade a Copa já acabou, só o Ricardo Teixeira é que não viu isso.
Segundo consta, esse livro vai "depenar" todos os tucanos deste País e demais aves associadas.
Não entendo porque a demora.
Seria ótimo resolvermos isso logo, para evitarmos o desperdício de um segundo Turno.
Lança esse Livro Amaury !
Ou foi proibido pelos Tucanos???

Responder

flavio marcio

06 de julho de 2010 às 07h13

VOX POPULI E SENSUS: RECORD BATE AUDIÊNCIA E DESTRONA A GLOBO
Pela primeira vez nestes 45 anos (número mickjaggeriano este!), a Globo vem sido sucessivamente vencida pela Record em vários programas. Discute-se que não é muita pela qualidade, boa ou ruim, pois ambas se parecem. O fato é que nos telejornais, novelas e programas humorísticos a Record tem alcançado, em média, mais de 50% da audiência contra inéditos e declinantes 45% da Globo, ficando 5% para as demais estações. Inquieta, a Globo acusa os institutos de pesquisa de tendenciosidade, enquanto os executivos da Record afirmam que seus pares na Globo estão de chororô. “Quando o IBOPE dava Globo, a pesquisa era científica, precisa e incontestável – asseveram os dirigentes da Record.” “Agora que eles estão por baixo o papo é outro”. “Do mesmo modo parece ser na pesquisa eleitoral: quando é o candidato da Globo que sobe, tudo obedece a ‘rigoroso levantamento’, mesmo que o Serra acumule 15 pontos de dianteira em 1 mês, assim do nada! – falou um dirigente que apoia a Dilma.”
[É, neste artigo imaginário procuro desconstruir a ‘seriedade’ e a ‘isenção’ dos levantamentos de opinião patrocinados pela PIGlobo e caterva.]

Responder

Jairo_Beraldo

06 de julho de 2010 às 01h25

"Nosso caráter é um presságio de nosso destino, e quanto maior a integridade que temos e mantemos, mais fácil e nobre este destino tem probabilidade de ser." (George Santayana)

Responder

Carlos

05 de julho de 2010 às 09h25

Pra ilustrar o comentário do Azenha e a matéria, vejam o que recebi no sábado, dia 3|:

"Em primeira mão – Nova Pesquisa IBOPE/ACSP – DILMA 41% – SERRA 34%

Segundo uma fonte da mais alta plumagem tucana, a nova pesquisa do IBOPE/ACSP trás o seguinte resultado: DILMA 41% – SERRA 34% – MARINA 9%, por isso a dificuldade de divulgação por parte dos contratantes (ACSP-GUILHERME AFIF), pois a mesma desmoralizaria de vez o DATAFOLHA.

Vamos aguardar e conferir.

Postado por Blog do Roberval http://robervalnanet.blogspot.com/ "

Responder

francisco.latorre

05 de julho de 2010 às 09h19

tremenda cara de pau.

serão punidos. com certeza.

e não vai demorar não..

..

Responder

SérgioFerraz

05 de julho de 2010 às 01h54

Se as pesquisas não estão conseguindo enganar nem os simples eleitores, eles acham que vão enganar doadores ?
Está cada vez mais engraçado acompanhar o PIG.

Responder

Marat

04 de julho de 2010 às 23h45

Vai ser engraçadíssimo quando da abertura das urnas, Dilma com 61%, Serra com 35% e o PIG, instantes antes, divulgando pesquisa de boca de urna indicando empate – rsrsrsrsrsrsrsrs

Responder

    Bryan

    15 de outubro de 2010 às 19h54

    Vai ser engraçado, como você, brasileiro "consciente" que votou na Dilma ver a Rússia que está no mesmo estado que o nosso atualmente, avançando, e nós estagnados. Criem vergonha, votem em políticos HONESTOS e com HABILIDADE.

Joaquim

04 de julho de 2010 às 22h40

Quando li o seu prognóstico para as pesquisas que estavam para ser divulgadas hoje, confesso que torci o nariz e duvidei que iriam dar empate técnico sem qualquer mudança significativa no cenário, bem como o festival da lambanças do vice do Serra.
Parabéns Azenha por nos mostrar mais esse trambique estatístico divulgado de véspera.

Responder

Melinho

04 de julho de 2010 às 19h25

Já comentei e repito: A farsa poderá chegar até às pesquisas de boca de urna. Aí vai ser uma zorra total: Ibope e Data-Fraude dizendo que Serra foi eleito e os dois institutos mostrando uma avaliação favorável à Dilma.

Devemos nos preparar para sairmos às ruas. Claramente está se delineando uma tentativa generalizada de fraude, embora o horário eleitoral gratuito possa e deva mostrar e discutir o resultado das pesquisas que fugirem da lógica da evolução da campanha.

Vamos nos preparar para sairmos às ruas. Vamos mesmo.

Responder

    beattrice

    04 de julho de 2010 às 23h54

    Por essas e outras que a campanha da LEGALIDADE não pode sair do foco:
    ELEIÇÃO SE GANHA NO VOTO!

Fábio Lobianco

04 de julho de 2010 às 19h14

O Ibope já perdeu a credibilidade. Não dá pra levar a sério. Gostava do Data, pois acreditava ser um instituto sério, apesar pertencer a Folha/PSDB. Mas é outro a se queimar e perder seriedade. Foram muitos os "erros" das pesquisas do DataFolha, alguns que levam a se pensar em manipulação de resultados. Pobre país esse nosso Brasil onde os "donos do poder" teimam em subjulgar o povo e manter seus próprios privilégios.

Responder

    JOSÉ CUNHA

    04 de julho de 2010 às 21h42

    O PIOR DISSO É QUE NÃO UMA GRANDE MÍDIA QUE COMPRE A BRIGA ..PERECEM QUE TEM MEDO DA GLOBO E DEMAIS ..COMO SBT POR EX:…APENAS A INTERNETE.PODE FAZER E MOSTRAR ALGO..RESUMINDO É UMA VERGONHA Q AINDA TENHA ESTE TIPO DE GENTE E QUE A "JUSTIÇA" ELEITORAL E OUTRA….~TEM UM PARECIDO TIPO DE OMISSÃO DIANTE A IMPOSIÇÃO DE OPINIÃO QUE VEM NA POLÍTICA SUJA A DECADAS …É UM APENA.

    clemes

    05 de julho de 2010 às 01h06

    José, por favor, letras minúsculas nos comentários. Abs

    beattrice

    04 de julho de 2010 às 23h54

    NUNCA soube que o DATAFALHA fosse sério, FOI?

Urbano

04 de julho de 2010 às 18h32

Os institutos de beleza igolpe e trata-falha deixaram a margem de erro de lado e passaram a usar a marginalidade do erro; e tudo isso para ver se o zé contra-rampa, o perempto, desempaca.

Responder

    Gerson Carneiro

    05 de julho de 2010 às 02h57

    "…passaram a usar a marginalidade do erro".
    Perfeito. Matou. Show de bola.
    rsrsrs…

Cancio

04 de julho de 2010 às 18h17

Armação da imprensa golpista
kakakaka
confira http://charges24horas.blogspot.com/2010/07/armaca

Responder

Malchíades A. Prado

04 de julho de 2010 às 17h54

IPOBE (Inst. Paraguaio, etc) e DATAFALHA fazem pesquisa como se dança bolero: dois (%) pra cá ( margem de erro destinada a José Chirico Serra) e dois (%) pra lá (margem de erro retirada de Dilma.
Podem manipular à vontade que não vai adiantar. É Dilma no 1° turno e desmoralização total desta cambada de falsificadores.

Responder

    Francisco Ávner

    04 de julho de 2010 às 18h32

    Tô com vc Malchíades,
    Segundo dizem, quando uma coisa não dar certo, quanto maior for a expectativa maior também será a decepção. Eu gosto desta colaboração mentirosa que o PIG oferece a Serra e a oposição alterando o resultado das pesquisas. Assim, com certeza o baque e a choradeira será maior.

    beattrice

    04 de julho de 2010 às 23h55

    Excelente epíteto: PESQUISA-BOLERO.

Geysa Guimarães

04 de julho de 2010 às 17h25

Essas pesquisas são a "festa da Xuxa", estica-e-puxa o Serra. O carro enguiçou, é preciso empurrar.

Responder

marianne

04 de julho de 2010 às 17h14

vcs são tão despreparados prá uma derrota que até dó. parece a seleção. existe uma óbvia corrente anti-lula. eu recebo, meu marido recebe, meu sogro recebe, todos os dias, dezenas de emails espinafrando lula e sua candidata laranja. o brasileiro não é burro. se dilma não vier à frente das câmeras dizer quem é vai cair muito. fhc não foi aos debates quando já era conhecido pelo plano Real, o grande fato do país dos últimos anos. as pessoas tem boa vontade de atender lula e votar na Dilma, mas se ela não for à tv mostrar a cara e falar, vai perder. com índio da costa então, entram em cena os hormônios. se aécio era prá ser o rostinho bonito do psdb, o deputado índio da costa preenche a vaga com louvor. já presenciei conversões instantâneas diante de uma foto do moço. dilma nem com todas as plásticas concorre nessa seara. e lula só nascendo de novo.

Responder

    Abnel

    04 de julho de 2010 às 18h56

    Besteira quem diz e vocifera é você. A campanha nem bem inciciou e você canta de galo. Vamos bater voto e discutir por aqui quem é quem mesmo. Não pense você porque leu a Folha de são Paulo ou o jornal e sites do DEM e PSDB e já conhece tudo. Vamos ver se o povo gosta de baixaria e como é que vai reagir. Aguarde minha fia. Ninguém chuta cachorro morto tá.

    beattrice

    04 de julho de 2010 às 23h57

    A trollzinha collorida, Gabriela Marianne Cravo e Canela vota em "moço bonito".

    Carlos

    05 de julho de 2010 às 18h28

    "Galo"?
    Raciocínio da marianne é digno dos melhores momentos da "Caras" e…

Uélintom

04 de julho de 2010 às 16h01

Se não tentarem dar um golpe antes, tentarão depois. Caso a diferença entre Dilma e Serra não seja absolutamente expressiva, o PIG e toda a Direita amarga tentarão "provar" que a eleição voi fraudada. Argumentarão que as pesquisas deles mostravam Serra na frente. Talvez daqui até as eleições fabricarão uns factóides do tipo "urnas encontradas em casa de aloprados". Se não invalidarem o pleito, as manchetes das semanas seguintes à eleição fabricarão desconfiança, ao contrário de noticiar simplesmente a vitória da candidata do presidente Lula.

Responder

Lauro

04 de julho de 2010 às 14h59

Reunião em São Paulo para analisar o desastre que foi o processo de indicação do vice e o próprio vice indicado e a solução. Fabricar duas pesquisas, uma seguidinha da outra para tentar apagar o incêndio, ou o naufrágio.

A pesquisa do IBOPE/GLOBOPE que mostra “empate técnico” foi realizada pelo instituto a pedido da ASSOCIAÇÃO COMERCIAL DE SÃO PAULO, presidida por Afif Domingos, candidato a vice-governador na chapa de Geraldo Alckmin. Quando foi conhecido o resultado (Dilma 41% e Arruda Serra 34%) a turma resolveu dar uma realinhada nos números, ajustar os parâmetros, digamos assim.
A divulgação dos números reais mostraria o que qualquer um sabe. A candidatura Arruda Serra não existe mais. Acabou.

Responder

O Brasileiro

04 de julho de 2010 às 14h49

O que é interessa é o dia da eleição! "Tá" ai a seleção brasileira para mostrar isso!
Treino é treino, jogo é jogo! Problema do Serra e do PiG se eles estão batendo cabeça nos treinos e com medo do jogo!

Responder

    beattrice

    04 de julho de 2010 às 23h58

    Eleição não se ganha em epsquisa-bolero,
    Eleição se ganha no voto e na urna.

laura

04 de julho de 2010 às 14h38

Pesquisa Ibope e datafolha agente sabe que é ficção interessada. Ficção criada segundo os interesses do PSDB, mais própriamente do Comitê de Serra. cada vez mais tais institutos e os grupos de mídia aos quais estão ligados perdem em credibilidade. Não leio mais a Folha, não vejo a Globo e não levo em conta as pesquisas desses assim ditos institutos.
Só levo em conta para ter em mente o que a direita deste país faz e o que quer fazer. De resto, sabemos que é ação do que antigamente se chamava reação.

Responder

Antonio

04 de julho de 2010 às 14h33

Azenha,

Essa insistência no empate é sintoma de golpe. Em São Paulo na última eleição para prefeito e vereador, o Vadão do Jegue, candidato a vereador, não teve nenhum voto. Pelo menos ele a sua família votariam no Vadão. Ele disse que tinha 14 mil votos garantidos. Não teve nenhum. A TV Cultura fez uma entrevista com o Vadão, que não teve qualquer repercussão.
Do empate para a vitória, um dossie, uma notícia de candidato comunista que comeu criancinha pode mudar tudo de última hora. Dossiê, notícia maliciosa, misturados com fraude nas urnas pode fazer toda a diferença. Assim, os partidos precisam ficar muito ligados. Devem ter uma metodologia precisa de acompanhamento das urnas, pois a insistência no empate é sintomática.

Responder

Geraldo Mendes

04 de julho de 2010 às 14h28

Exatamente PORQUE o PIG forja resultados de pesquisas é que a possibilidade de FRAUDE se materializa. Eles simplesmente diriam que o resultado das urnas confirmam as pesquisas do Globope/DataSerra. Errados estavam o Vox Populi e Sensus, a serviço de Lula/Dilma e PT. E quase todo mundo vai acreditar nisso, até o Zé Eduardo Dutra. Isso só vai acontecer porque o PT se tornou um antro de FROUXOS. Têm medo do PIG, têm medo de não serem mais entrevistados pela Miriam Leitão, têm medo da Mônica Bérgamo, da Renata Lo Prete, do Ali Kamel e do Noblat. Lugar de frouxo é em casa, assistindo o resultado das pesquisas anunciados pelo William Bonner e Fátima Bernardes.

Responder

Marcelo de Matos

04 de julho de 2010 às 14h24

Se Serra não vencer a eleição poderá ser nomeado técnico da seleção. Ele consegue virar o jogo com muita rapidez e passar de derrotado a, no mínimo, empatado. Se é que os grandes empatadores não são esses institutos de pesquisa.

Responder

Jairo_Beraldo

04 de julho de 2010 às 14h19

Papel aceita tudo. A pesquisa correta vai ser fechada as 18 h do dia 03/10/2010.

Responder

bubu do brejo

04 de julho de 2010 às 14h09

Deixemos de lado pesquisas e vamos realmente o que interessa. Cada um de nós que acredita nas mudanças geradas pelo governo Lula, deve continuar a divulgá-las. O que me supreende eh que entidades ligadas a classe trabalhadora (centrais, sindicatos, etc ) fazem isso de forma muito tímida. Faz-se necessario que se divulguem não só o que de melhor este governo realizou, bem como sites, blogs, etc sérios para que os seus associados tenham o direito a uma informação mais coerente.

Responder

SáeBenevides

04 de julho de 2010 às 16h08

O IBOPE Inteligência também perguntou em quem os entrevistados votariam espontaneamente, ou seja, sem a apresentação de nomes de candidatos. Nesta situação, Dilma Rousseff aparece com 22%, José Serra com 17% e Marina Silva com 4%. O Presidente Lula ainda é cita do por 12% dos entrevistados. Pouco mais de 1/3 se declara indeciso nesta questão (36%).

Dilma + Lula = 34%

Serra = 17%

Responder

ed.lima

04 de julho de 2010 às 15h55

Continuo com a mesma avaliação de março de 2009:DILMA NO PRIMEIRO TURNO.

Responder

    Arthos

    05 de julho de 2010 às 13h40

    Ô Lima e eu acrescentaria… DILMA NO PRIMEIRO TURNO e o Zé suplantado vergonhosamente pela Marina…

buddy

04 de julho de 2010 às 12h19

101% tá dentro da margem de erro.kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk. só matando a cafajestada.

Responder

Taques

04 de julho de 2010 às 12h07

Existe um novo padrão para divulgar o resultado de pesquisas eleitorais. Ele começa com a disseminação de artigos falsos (Marcos Coimbra, primo de Collor e lulista de última hora, é o disseminador mor) sobre os dados, especialmente na internet. As notícias falsas, então, circulam na blogosfera carregadas por internautas desavisados, que deixam comentários em blogs de grande leitura. Cria-se uma expectativa em relação a números, que quando divulgados surpreendem. Foi assim com a pesquisa do Vox Populi, que registra a vantagem de Dilma com cinco pontos de vantagem.

Responder

Elias São Paulo SP

04 de julho de 2010 às 11h50

Se não me engano, Gerson Carneiro, já comentou aqui no Viomundo que seria interessante fazer pesquisa sobre credibilidade dos quatro institutos. Se isso for possível, mais interessante seria vê-los e ranqueados na blogosfera.

Responder

    Luiz Jornaleiro

    04 de julho de 2010 às 20h49

    Já foram feitas, porém não podem ser, em hipótese nenhuma, divulgadas. Imagine a fuga de clientes. De maneira informal tenho feito, nos ultimos anos, , essa pesquisa, óbviamente sem nenhum rigor científico, mas a desconfiança em relação a todos os institutos beira os 70%. Não esqueçamos que a imprensa exagera ou diminui a importância de pesquisas quando julga conveniente.

    beattrice

    05 de julho de 2010 às 00h00

    Também faço essas indagações e o resultado é este, ninguém acredita nas pesquisas.

jose fernandes

04 de julho de 2010 às 11h25

pode ter certeza no máximo 10 pontos ou no minimo 5 pra Dilma 1 à frente, quem o ibope que enganar?

Responder

pereira

04 de julho de 2010 às 11h23

Só na cabeça de vocês todos, que o afif domingos ia divulgar números contra ele, se fosse eu não divulgaria, já vi tem muita gente inocente, aquele valor de 41 a 34 é a pura verdade, o eleitor virou gangorra agora. A Dilma vem tirando a frente do serra a mais de um ano, no final do ano passado a diferênça era de quase trinta pontos, agora Dilma tem vantagem de mais o menos 7 pontos, só que os institutos vão divulgar os resultados reais somente no dia 4 de outubro, se o serra biruta forçar o segundo turno. Agora tudo mundo vai ter que subir no palanque, e a ir vamos ver que tem os melhores apoios.

Responder

Trindade

04 de julho de 2010 às 11h19

Nossas midias são comprometidas com quem paga suas notícias. Normalmente acobertados pelo poder financeiro dos Banqueiros(em sua maioria Judeus). Isto é uma lógica universal, não é mérito do Brasil. Vejam o caso do Iraque e atualmente do Irã. então não poderemos esperar que um instituto – como o Ibope/Globo – divulgue interesses diferentes disto. A população está iniciando a dar respostas coerentes com sua vontades, através da internet como o "Um dia sem Globo" que já teve mais de 5 milhões de acessos no Youtube (na soma dos links).

Responder

    Taques

    04 de julho de 2010 às 17h15

    Caro Trindade, gostaria que você explicasse melhor a sua expressão "em sua maioria Judeus".

    Tô bastante curioso !!!

druida

04 de julho de 2010 às 14h13

Aqui há o velho problema da legislação brasileira sobre mídia — uma mesma empresa controla meios de comunicação que são concessões de um bem público (rádio e TV) e que não são (jornais e revistas). Nos jornais e revistas, podem escrever a m* que quiserem, posicionar-se como quiserem. Nas concessões públicas, isso é ilegal.

Então, jornais e revistas posicionarem-se não fere a lei. Rádios e TVs, sim. Claro que os grandes conglomerados de mídia sabem disso e utilizam seus "house organs" (O Globo especialmente) para o combate político a favor de suas causas empresariais. Serra é o candidato de uma coalizão que promete favores a essas empresas, e portanto será apoiado por elas. Trata-se de uma decisão de negócios. Objetivo e simples assim.

Responder

Dimas Roque

04 de julho de 2010 às 14h06

Alguém se deu ao trabalho de fazer as contas dos números da pesquisa?
Pois é…

O resultado dá 101%…

E pode?

Pensei que 100% era o limite…

Ai tem coisa!!!

Responder

george

04 de julho de 2010 às 14h05

pesquisa encomendada pela associacao comercial, comandada por guiherme affif domingues (candidato ao senado, camara, vice do serra , a qualquer coisa que lhe propicie mordomia) (DEM/PSDB) , isto e que e encomenda vem aos gosto do fregues

Responder

Francisco

04 de julho de 2010 às 14h01

A única pesquisa que tem valor é a que ocorrerá em 3 de outubro.

Nela, o país registrará sua escolha: é Dilma Rousseff !

Responder

    Taques

    04 de julho de 2010 às 17h17

    Caro Francisco, aproveita e me passe os números da mega sena.

    A família desde já agradece.

    Francisco

    04 de julho de 2010 às 19h52

    Aí você já está pedindo demais.

    Meus dons premonitórios só permitem antever o óbvio, que certos ILUDIDOS não conseguem ver, mas que a maioria dos brasileiros enxerga, e bem.

luis nascimento

04 de julho de 2010 às 14h00

Coisas do Índio:
O vice de José Serra na corrida pela Presidência promete gerar muita polêmica durante a campanha. Desconhecido até outro dia, até mesmo por Serra, Indio da Costa (DEM) já usou a tribuna da Câmara para discorrer contra o pré-sal e a favor da proibição de coxinhas e pirulitos em cantinas escolares. Deputado de primeiro mandato, ele também atacou o envio de ajuda humanitária ao Haiti, antes do terremoto que devastou o país. Indio começou a defender ideias polêmicas em seu primeiro mandato de vereador do Rio, onde foi fiel escudeiro do então prefeito Cesar Maia. Em 1997, apresentou projeto de lei para punir os cariocas que dão esmola a pedintes. "Fica proibido esmolar no município, para qualquer fim ou objeto", sentenciava o texto. "Quem doar esmola pagará multa a ser definida." A proposta chegava a chamar a mendicância de "vício". Afinado com o oposicionismo combativo do DEM, disse (antes da tragédia) que o governo parecia "beber cachaça" ao financiar tropas no Haiti enquanto o Brasil vivia uma "guerra civil". Informações da Folha. (www.samuelcelestino.com.br)

Responder

    druida

    04 de julho de 2010 às 12h12

    Putz, o Serra conseguiu um vice bem pior que o da Dilma… :)

    beattrice

    05 de julho de 2010 às 00h03

    É porque ele é "MAIS PREPARADO" (?) que ela…

ademar

04 de julho de 2010 às 10h47

na proxima pesquisa o Serra vai estar na frente no mimo com cinco pontos da Dilma.

Responder

    Lauro

    04 de julho de 2010 às 14h56

    Vai mesmo.kkkkkkkk Só se for na pesquida do DataFolha e do IBOPE / ACSP. Serra esta no mesmo patamar desde setembro de 2009. Isto mesmo! Setembro de 2009, a mais de 10 meses com os MESMOS números. Não sai mais dai.

Lauro

04 de julho de 2010 às 10h41

PESQUISAS – SAMBA DO CRIOLO DOIDO…
Conferindo as pesquisas reparei que o Ibope e muito instável depende do seu contratante.
05-9/fev ibope/acsp serra 41% dilma 28%
30 dias 05-10/mar ibope/cni serra 38% dilma 33%
35 dias 13-18/abr ibope/acsp serra 40% dilma 32%
45 dias 28-5/jun ibope/globo serra 37% dilma 37%
15 dias 18-23/jun ibope/cni serra 35% dilma 40%
7 dias 27-30/jun ibope/acsp serra 39% dilma 39%
Ibope/Acsp foge demais das outras contratantes do Ibope

Responder

    Ronaldo

    04 de julho de 2010 às 14h04

    O Serra é o Dunga da política, com a diferença de que a Globo gosta dele.

    E vai perder na final . . .

sergio

04 de julho de 2010 às 08h20

amanhã deve sair outra cxom serra na frente, virou uma bagunça, mas em 3 de outubro não terá mais jeito:Dilma vai golear

Responder

LAMPAIO

04 de julho de 2010 às 08h02

DILMA VENCE NO 1º TURNO…..

Responder

Franciscão

04 de julho de 2010 às 07h40

O mais hilário é o esforço na manutenção de alguma dignidade lógica à essa palhaçada. Inventaram agora a figura do "eleitor vai-e-vem"… é de matar!

Responder

Roberto Locatelli

04 de julho de 2010 às 07h21

A falsificação das pesquisas tem vários objetivos:

1) Evitar que Serra perca financiadores de campanha;
2) Evitar que Serra perca mais apoios políticos, já que prefeitos tucanos e demistas estão bandeando para Dilma;
3) Influenciar eleitores tolos que gostam de apoiar quem estiver na frente, seja quem for.

Felizmente o Eduardo Guimarães, presidente do Movimento dos Sem Mídia, acionou o Ministério Público, o qual acionou, através da Justiça Eleitoral, auditoria da Polícia Federal a todas as pesquisas. Resta saber se essa auditoria será feita pela ala republicana da Polícia Federal ou pela ala tucana.

Responder

    beattrice

    05 de julho de 2010 às 00h08

    Acredito que o pincipal motivo seja o ítem numero 1.

Bira Mariano

04 de julho de 2010 às 06h10

Azenha…sinto um asco..uma revolta..um nojo de tudo isso que acomtece no Brasil…e o indio…ja virou estadista…a porcaria de campanha do serra…as desgraceiras dos tucanos e demos…esotu com receios e o coração apertado por tanta baixaria..meu Deus…qdo isso vai acabar..esta imprensa tão ruim..malévola

Responder

IV Avatar

04 de julho de 2010 às 05h42

Acorda Dra. Cureau, vem trabalhar senão o Conselho Nacional de Justiça vai começar a pegar no seu pé.
Até agora a senhora não se manifestou contra a propaganda criminosa de Serra no horário do PTB
Acorda Doutora,
Ou a senhora vai continuar vendo apenas a TV Senado para ver se algum senador falou mal do Serra?
Doutora, a senhora sabia que o Serra mentiu na maior cara de pau no programa do PTB, não é mesmo
Se a senhora se formou em direito deveria saber que o Serra não criou o FAT nem o Seguro Desemprego
A conferir: http://josecarloslima50.blogspot.com

Responder

De Paula

04 de julho de 2010 às 02h51

O IBOPE FEZ PAGELANÇA

Responder

RONALD

04 de julho de 2010 às 02h43

GRANDE AZENHA…..DEICHA ELES PRÁ LÁ…….NO PRIMEIRO TURNO DA ELEIÇÃO VAI SER LULA LA……..OU DILMA LÁ……TANTO FAZ…..SE O PIG ………..TÁ PERDENDO DINHEIRO NESTA HISTÓRIA……PROBLEMA DELES…..PORQUE A CREDIBILIDADE JÁ ERA…….VIRGINDADE E CREDIBILIDADE SÓ SE PERDE UMA VEZ…….E O PIG JÁ PERDEU A DELES(FOLHA , GLOBO, ….) …..O BRASIL NÃO GANHOU A COPA..??????…..VIVA O BRASIL…….VIVA O FUTEBOL……VIVA LOS HERMANOS SUL AMERICANOS…….

Responder

    clemes

    04 de julho de 2010 às 13h38

    Ronald, please again, letras minúsculas nos comentários. Abs

Luiz Augusto Barroso

04 de julho de 2010 às 02h01

Já fizeram as contas ? Se Dilma tem 39, Serra, 39, brancos e nulos 6, Marina, 10 e indecisos, 7%, a conta dá 101% !!! Essa pesquisa é fajuta !!! Nem somar eles sabem !

Responder

    clemes

    04 de julho de 2010 às 13h36

    Luiz Augusto, o Nassif explicou isso no twitter. Como se arrendondam os números, acaba dando 101%. Abs

    Charles

    04 de julho de 2010 às 15h37

    mas mesmo arredondando é impossível dar mais que 100%. Um tem que ser arredondado pra cima e outro pra baixo, ou melhor não arredondar!

    Mas, redondo ou não redondo, pesquisa nenhuma tem credibilidade, no meu ponto de vista! Nem mesmo a "urna" tem tanta credibilidade num sistema em que não existe a "prova" do voto, como diria PHA.

    beattrice

    05 de julho de 2010 às 00h09

    O famoso "papelzinho" como dizia o velho Brizola.

Franco Atirador

04 de julho de 2010 às 00h34

.
Enquanto isso, o índio do DEM (ex-PFL) convenientemente sumiu da pauta do Millenium.
.
Pois uma vereadora do próprio PSDB o traz de volta:

Indio não é ficha limpa, acusa vereadora do PSDB do RIO
A vereadora tucana Andrea Gouvêa Vieira (PSDB-RJ), relatora da CPI da fraude na compra de merenda escolar no Rio de Janeiro destruiu hoje pela manhã a candidatura do vice de Serra via rádio gaúcha (link abaixo).
Na Entrevista, segundo ela, o deputado não é ficha limpa e e disse que Indio (DEM) favoreceu a empresa Comercial Milano numa licitação para a compra de merenda escolar.
A entrevista foi um arrasa quarteirão, como se tivesse caído uma bomba.
A vereadora foi mais além, e disse que na eleição não irá comparecer para votar em Serra.

ENTREVISTA/DENÚNCIA EM: http://mediacenter.clicrbs.com.br/templates/Playe

FONTE: http://tomandonacuia.blogspot.com/2010/07/indio-n

Responder

Carlos Roberto Naves

04 de julho de 2010 às 00h07

Comentei no blog da Cidadania tb, já está parecendo piada esses "institutos" da direita e suas manipulações, que coisa maluca, o desespero do PIG e da campanha serrista é grande mas vai aumentar ainda mais, estou certo. Continuamos firmes e fortes no trabalho pró-Dilma pois sabemos que ela saiu do zero há dois anos e já está à frente nas pesquisas e isso nos anima muito ( e o presidente Lula ainda não entrou efetivamente na campanha). O horário eleitoral vem aí! Abração, Azenha.

Responder

Ali Kômiko

03 de julho de 2010 às 22h47

Podem ter combinado de deixar Dilma ultrapassar um pouco e depois tirar a vantagem.
É uma forma de passar a sensação de que Dilma está caindo.

Responder

Rafael

03 de julho de 2010 às 22h26

A intenção está muito clara: 1ª não querem perder no1º turno principalmente 2ª eles fundamentam esse resultado na provavel subida que serra teria ou terá com as propagandas 3ª isso é para não prejudicar ou perder apoio nos estados e municipios como ficou demonstrado no apoio que Dilma recebeu dos prefeitos em SP. O mais triste é a imprensa se prestar a isso.

Responder

    silvio

    04 de julho de 2010 às 06h57

    o mais triste são os institutos que já foram (ou nunca foram?) sérios se prestar a manipulação de dados por questões políticas. É o fundo do fundo do poço.

robledo

03 de julho de 2010 às 22h26

Estas pesquisas viraram o samba do crioulo doido, é um tal de sobe e desce no globope e datafrias que ninguém aposta um palito usado que tenha fundo de verdade.

Responder

HENRIQUE

03 de julho de 2010 às 22h01

SÓ PODE SER A ESCOLHA DO VICE.

Responder

Jorge

03 de julho de 2010 às 21h53

É só uma tentativa de impedir o Serra de perder mais votos, pois depois da desastrada escolha do vice, ele mostrou que não consegue administrar nem a campanha, imagina o país.

Responder

Maria Dirce

04 de julho de 2010 às 00h45

O que não pode ser aceito é a manipulação desses institutos perdendo dia a dia a credibilidade e o STE não faz absolutamente nada para voltar a seriedade desses orgãos.Isso é muito sério e prejudica o país, pq qdo tiver uma pesquisa social de movimento da população índices importantes de coletas sociais ninguém vai acreditar tb.penso que precisaria urgente a moralidade desses jornais e Tvs que são verdadeiros partidos políticos atuando no desespero pq estão perdendo eleitores!!!!!

Responder

Edson Augusto

04 de julho de 2010 às 00h41

A única pesquisa que confio é a feita em minha casa: Dilma 100%, Serra 0% e Marina 0%. Essa pesquisa é atualizada todos os dias.

Responder

Bernardete Aguiar

04 de julho de 2010 às 00h33

Foi de gargalhar o resultado dessa nova pesquisa . Lá no fundo eu achava que não poderiam chegar a esse ponto.
Parece coisa de criança contrariada.Isso não é real.É surreal! Fico com medo do que ainda vem por aí…

Responder

    Henderson Sousa

    03 de julho de 2010 às 22h29

    Se Serra ganhar vc vem aqui e pede desculpas ao Datafolha e Ibope?

    Quando eles noticiaram o nascer do mundo ( a ultrapassagem de Dilma) ninguém colocou a honestidade desses institutos em questão. Interessante

    Marcio Gaspar

    04 de julho de 2010 às 02h31

    39% + 39% + 10% + 6% + 7% = 101% Acho que tem alguem lucrando ou roubando. kkkkkkk

    clemes

    04 de julho de 2010 às 13h38

    Marcio, por favor, dê uma olhada na resposta que postei para o Luiz Augusto. Abs

    Justino Franco

    04 de julho de 2010 às 08h23

    O que está em jogo não é se ultrapassa ou não. Se fica na frente Dilma ou Serra. O que está em jogo é a análise conjunta dos números, comparandos as trajetórias e elementos que podem influenciar no resultado, ou seja, é a visão da evolução do cenário. Existem incoerências e incompatibilidades que devem sim ser explicadas pelos Institutos de Pesquisa!

    Maria Dirce

    04 de julho de 2010 às 14h25

    Henderson, vc pode ter certeza que não virei aqui para pedir desculpas pq Dilma vai ganhar muito na frente.

    Maria Dirce

    03 de julho de 2010 às 22h31

    Bernadete
    Isso é muito sério, e não é coisa de criança birrenta não, é coisa de bandidos de lesa pátria de manipuladores do óbvio, são grupos que agem para direcionar o Serra, pq eles não aceitam a democracia, a vontade soberana do povo, que saiu dos guetos dos miseráveis e agora sabe o que querem para governar esse país.O que fico pasma é a cumplicidade dos orgãos superiores que se aquietam no silencio avassalador da mentira da farsa do contorcionismo dos números.E, a farsa é tão aviltante, que continuam dando ao presidente o que realmente não podem mudar que são seus 80% de aprovação popular, se ele tem esse índice o povo escolhe o Serra?????totalmente descrepante e imoral.

Eduardo Guimarães

03 de julho de 2010 às 21h23

Tive que ler duas vezes a postagem no tal Blog da Dilma (não é o da candidata) para me certificar da burrada que fez. E não é a primeira vez.

Responder

    Mateus

    04 de julho de 2010 às 00h39

    Edu, nao entendi o que voce chamou de burrada

    Bonifa

    03 de julho de 2010 às 22h01

    Por favor, Edu, esclareça qual foi a burrada.

    Henderson Sousa

    03 de julho de 2010 às 22h35

    A burrada é óbvia: sua candidatura à presidência.

    E mais uma coisa: a Revista Carta Capital tomou publicamente partido.
    Imaginam se fosse a Veja?

    o PIG é PIG por ter tendências políticas? ( na cabeça de alguns , é claro) Então o que é a Carta Capital?

    Os errados são os americanos. Imprensa tem de informar, não assumir em editorial tendência política.

    Não há provas concretas contra Globo, Veja, Folha etc no que concerne a parcialidade.Só rumores.

    Já a Carta Capital…
    Ainda bem que ninguém lê essa revista e a maioria absoluta lê Veja.

    clemes

    04 de julho de 2010 às 13h50

    Henderson, o que a CartaCapital chama-se transparência. É respeito ao leitor. È dignidade. É o que os grandes veículos fazem nos EUA nas eleições. Assumem nos editoriais os candidatos que apoiam. Coisa que o PIG não diz com todas as letras, mas faz escancaradamente. Aqui, tergiversar, sofismas, não colam. Vai contar a tua história da carochinha em outra praia. Saudações

    Jairo_Beraldo

    04 de julho de 2010 às 14h17

    Menos a FOX, né Conceição.

    beattrice

    05 de julho de 2010 às 00h05

    A FOX toma tanto partido nos EUA que foi retirada das coletivas pelo OBAMA após a posse.

    Henderson Sousa

    04 de julho de 2010 às 16h40

    Penso completamente ao contrário: " os americanos fazem e nós também deveríamos fazer" Não, senhora.

    Imprensa tem de informar e às vezes opina. Jamais admitir que está desse ou do outro lado. Não somos os EUA. Vcs batem tanto neles e agora querem seguir o padrão estadunidense de fazer jornalismo. Haja incongruência.

    Não tergiverso. Ao contrário, expus muito claramente o que penso. Você deve desconhecer o significado do verbo tergiversar.

    Então você pensa que a Carta fez certo e por conseguinte fará propaganda a Dilma? Nossa, imaginou então Globo, Folha, Veja agindo tal como a Carta Capital. Não ia ter nem graça.

    priscila presotto

    04 de julho de 2010 às 20h38

    Conceição,

    Bravo minha querida!
    Linda resposta.
    Estou com vc e não abro!

    Jaiminho

    04 de julho de 2010 às 14h00

    Eu leio Carta Capital. Eu sou alguém. Ninguém lê a Veja. Só folheia.

    Gerson Carneiro

    05 de julho de 2010 às 03h04

    Jaiminho,
    O Henderson Sousa lê a Veja. O garoto está até hipnotizado. E fala bonito, você viu? Sabe até o significado do verbo tergiversar. Acho que foi o Mainardi que ensinou pra ele.

    Alexandre Nicola

    04 de julho de 2010 às 11h17

    Ah, então a Veja, a Folha e o Estadão não tem lado?
    Você diz isto porque lê algum deles e acredita no que eles dizem, é óvio.
    A diferença da Carta Capital para eles é que ela explicita seu apoio e o PIG não o faz, fica enrustido.

    Gustavo Schirmer

    04 de julho de 2010 às 11h18

    Henderson,

    já ouviu falar no NY Times? Um jornal, americano, sabe? Que a cada eleição presidencial ASSUME qual candidato apoiam — porque todos os editores apoiam algum, são pessoas com opinião e se deve esperar isso deles.

    O tipo mais burro de ideologia é o praticado pela imprensa corporativa e seus seguidores: nós defendemos o que é natural e razoável, os outros são os xiitas, parciais… A maioria absoluta da classe média bovina lê isso, mas ainda podemos ser salvos da estupidez pelas classes menos favorecidas.

    beattrice

    05 de julho de 2010 às 00h06

    Nas últimas presidenciais apoiaram OBAMA em editorial.

    Estevam

    04 de julho de 2010 às 11h19

    Amigo, o pior cego é aquele que não quer ver!

    Gibasa

    04 de julho de 2010 às 11h22

    Ao contrário do q vc imagina, há muitas pessoas sim que lêem a Carta Capital, e justamente pelo posicionamento dela, o maior exemplo é vc, aparentemente um tucano de carteirinha que não precisará gastar suamesada com a revista, pois ele lhe informa de fato de que lado está, não faz o jogo sujo da "imparcialidade". Além do mais, dizer que não há provas contra o PIG depois das eleições de 1989, 2006, ficha suja contra a Dilma, sôa ingenuidade para não dizer burrice.

    marcus

    04 de julho de 2010 às 17h14

    Tem que assumir uma posição sim, muito melhor do que fingir quer é imparcial, sem hipocrisia. A carta capital com esta atitude só prova ainda mais que não é hipócrita, já a veja , a folha e o estadão…

    priscila presotto

    04 de julho de 2010 às 20h43

    Eu leio e posso traçar paralelos entre a CC e Veja(Veja que merda!)
    Melhor uma revista que assume posicionamentos transparencia ,do que o pIG que se diz isento!

    Rumores?
    A parcialidade é notória ,meu caro!

    Laerte

    05 de julho de 2010 às 00h03

    Bem que globo folha veja poderiam tomar a mesma atitude e assumir sua preferencia por demotucanos, assim não ficaria enganando seus leitores.

    Artur

    03 de julho de 2010 às 22h37

    Acho que ele estava se referindo ao fato que o Blog da Dilma divulgou um suposto resultado do IBOPE em que Dima estaria com 41% contra 34% do Vampiro, o que fez o IBOPE manipular os números mais uma vez e mostrar um empata como resultado final. Já houve uma outra pesquisa, também do IBOPE, em que soltaara nos Blogs números favoráveis a Dilma, e o resultado veio diferente, obviamente mais favorável ao Nosferatu da Mooca.

Jakson

03 de julho de 2010 às 21h19

o padrão também arma o seguinte: fazer pesquisa do datafolha e do ibope sempre depois da pesquisa do vox populi, de forma a não ser desmentido por uma pesquisa do vox ou do sensus, que têm sido mais imparciais. O ibope endossa o reultado fraudado do datafolha e vice versa. É uma jogadinha ensaida muito boa, digna da mediocridade do serra, de seu staff e de seus apiadores na mídi hegemônica e elites. Como eles não conseguem enxergar um palmo adiante do nariz, pensam que todos são burros como eles. É ótimo que continuem falsificando pesquisas e análises, pois enquanto eles trabalham com dados fantasiosos, o lado da Dilma trabalha com a realidade e análises embasadas, o que está fazendo ela dar lavada de estrate´gia, o que vai resultar em lavada de votos também. Engraçado que até abril eles falsificavam pesquisas para mostrar serra ainda na frente, agora já cederam e falsificam para mostrar um empate, daqui a pouco vão estar falsificando para dizer que a Dilma não ganha no primeiro turno… Coitados!

Responder

    Bonifa

    03 de julho de 2010 às 22h07

    Vamos pedir aos patrocinadores do Sensus e dos Vox para mudarem a data das pesquisas, para saírem logo depois da Dupla Dinâmica Ibope-Datafolha. Eles saem em campo num dia e os institutos sérios saem dois dias depois. Tem que ser como briga de galo: olho no olho do adversário.

voxetopinio

03 de julho de 2010 às 21h14

É tudo parêa, Azenha. Deixa eles. Deixa eles se desgastarem com "pesquisa". Como se isso fosse O MAIS importante. ¬¬
Eles tão tremendo de medo. A essa altura tem uma porcentagem maior do qeu devia que ainda vota no Lula. A transferência de votos ainda não acabou e a Dilma não tá agindo… A propaganda da televisão virá (ainda que, como saiu na carta capital esse modelo não seja o que favoreça o voto consciente).

Responder

Vera Pereira

03 de julho de 2010 às 21h12

É a segunda vez que institutos de pesquisa brasileiros de intenção de voto dão como resultado um empate redondo entre dois candidatos principais. É um fenômeno mundial, pelo que me consta.

Responder

Orlando Bernardes

03 de julho de 2010 às 21h11

Sem comentários! AHAHAHAHAHAHAHAHAHA
Dá Dilma no primeiro turno.

Responder

Picolotto

03 de julho de 2010 às 21h09

Espera aí. São duas diferentes. Uma é da CNT e outra da Associação Serrista do Comércio, digo, Paulista. Mesmo sendo ambas do Ibope, como podem ser comparadas pesquisas diferentes? Essa gente não tem mais o mínimo pudor.

Responder

    H. C. Paes

    04 de julho de 2010 às 00h34

    CNI, não CNT. A CNT encomenda as pesquisas Sensus.

    Claro, a dobradinha Datafolha e IBOPE/AC-SP, sempre com resultados favoráveis a Serra, sempre divulgadas com pouco espaço entre si e sempre idênticas mutuamente e discordantes dos demais institutos (desta vez, até da IBOPE/CNI), vem desde abril.

    Pelo menos até 2009, o presidente da AC-SP era o atual companheiro de chapa do Alckmin, pefelê-mor Afif Domingos. Isso, é claro, é só coincidência.

sergio

04 de julho de 2010 às 00h07

todos sabem que essa pesquisa é para não afugentar doadores, pois, os palanques já estão formados e a coligação da dilma está com uma frente ampla, serra, o desagregador já está perdido.

Responder

pedro - bahia

04 de julho de 2010 às 00h05

Porque essa alteração em tão pouco tempo registrada por um mesmo instituto? Mudou a metodologia? A indicação de um Vice foi o suficiente? O Serra teve alguma conquista?
Não dá para entender!

Responder

    Ricardo Gustoa

    03 de julho de 2010 às 21h25

    UAI… E o por que da alteração da Dilma, passando o Serra em pouco mais de duas semanas?

    H. C. Paes

    03 de julho de 2010 às 22h08

    Dilma não passou Serra em duas semanas. De onde tiraste isto?
    A última vez em que todos os institutos apontavam consensualmente Serra à frente de Dilma foi em meados de janeiro, quando a Vox deu 34 a 27 para o tucano. Duas semanas depois, o primeiro instituto a apontar empate técnico foi a Sensus, mas no limite: 33,2 a 27,8, com margem de três pontos, em pleno acordo com a pesquisa anterior.
    Duas semanas depois, começou a bagunça: uma IBOPE/AC-SP discordou das anteriores e aumentou a vantagem de Serra para 36 a 25. Pouco mais de duas semanas depois, o Datafolha deu 32 a 28 (e disse que não era empate técnico, embora fosse, rigorosamente, pela margem de dois pontos). Em mais duas semanas, o IBOPE/CNI deu 35 a 30. Passaram-se então quase três semanas antes que saísse o primeiro Datafolha polêmico, que voltou a ampliar a vantagem de Serra para 39 a 29. Vieram então, num espaço de menos de duas semanas, uma Vox e uma Sensus, dando empate em 34 a 31 e 32,7 a 32,3, respectivamente, em harmonia entre si, em conflito com o Datafolha, mas compatíveis com o IBOPE/CNI. Foi a primeira vez em que se desconfiou do Datafolha.
    Depois de duas semanas, veio a primeira dobradinha: Datafolha dando 40 a 29 e IBOPE/AC-SP dando 36 a 29 para Serra em seqüência. Nem o Clóvis Rossi acreditou.
    Passaram-se três semanas e saiu a Vox dando empate técnico com vantagem numérica para Dilma em 37 a 34 pela primeira vez, seguido de Sensus confirmando o achado com 35,7 a 33,2 para a petista, perfeitamente compatível com a rodada anterior. Aí, veio a segunda dobradinha, uma semana depois: Datafolha dando empate numérico em 37, IBOPE/AC-SP dando empate numérico em 36.
    Mais duas semanas, e a IBOPE/CNI foi a primeira a dar vantagem de Dilma fora do limite do empate técnico, 38,2 a 32,3.
    Ou seja, Dilma só passou Serra em duas semanas se acreditares na dobradinha Datafolha-IBOPE/AC-SP e, mesmo assim, a variação foi de dois pontos para cima dela e quatro para baixo, dele, com relação à IBOPE/AC-SP. Qualitativamente, é muito diferente do que aconteceu agora: desde a última IBOPE/CNI até a Datafolha do dia primeiro, passaram-se apenas oito dias, e Serra subiu sete pontos para uma estagnação completa de Dilma. Ou seja, mais de dez milhões de votos. No segundo turno, a situação é ainda mais esdrúxula.
    E, se ignorares as dobradinhas, Dilma teve mais de um mês para passar Serra, entre a Sensus de nove abril e a Vox de 14 de maio (no empate técnico), ou ainda mais, entre as IBOPE/CNI de 10 de março e 23 de junho (fora do empate técnico).
    Resumindo, há duas séries de enquetes, uma com IBOPE/CNI, Sensus e Vox; e outra com IBOPE/AC-SP e Datafolha, que apresentam concordância interna mas discordam entre si desde fevereiro. Meu palpite é que a de três institutos, que não apresenta mudanças abruptas e apresenta ascensão suave de Dilma, é a correta. Dilma deve ter passado Serra fora do empate técnico lá pelo fim de maio ou, no máximo, início de junho. O outro grupo não tem conexão alguma com os fatos políticos e só complica a análise das tendências. Para mim, ele está ou com vício metodológico, ou coisa pior.

    Bonifa

    04 de julho de 2010 às 06h17

    O Ibope já é dose. Imagine trabalhando com o notório Afif Domingues…


Deixe uma resposta para pereira

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding
Loja
Compre aqui
A mídia descontrolada

O livro analisa atuação dos meios de comunicação e traz uma coletânea de artigos produzidos por um dos maiores especialistas do Brasil no tema da democratização da comunicação.