VIOMUNDO

Diário da Resistência

Sobre


Jeferson Miola: Nota infame dos militares encobre gangues corruptas
Você escreve

Jeferson Miola: Nota infame dos militares encobre gangues corruptas


09/07/2021 - 17h30

Nota infame dos militares afronta poder civil e encobre gangues corruptas

Por Jefersob Miola, em seu blog

A nota assinada pelo general-ministro da Defesa e comandantes da Marinha, Exército e Aeronáutica é despropositada e intolerável:

  1. é totalmente absurdo e impróprio, à luz da Constituição e da Lei Complementar 97/1999, que comandantes das Forças Armadas se manifestem politicamente e assinem libelo político de ataque a outro Poder da República;
  2. reforça que as Forças Armadas atuam como facção político-partidária do governo militar, não como instituição permanente de Estado;
  3. aprofunda a participação ilegal e inconstitucional das Forças Armadas, em especial do Exército, no jogo político;
  4. é uma ameaça de escalada de confronto armado com o poder político no momento em que o governo militar sangra e se afoga no oceano de corrupção e morticínio; e
  5. tem o objetivo de intimidar o poder civil e as instituições civis, em especial o Congresso Nacional.

Esta infame manifestação dos militares também pode ser lida como sinal de fraqueza. Com a evocação da presença das Forças Armadas na política, o governo militar apela para ostentar força e poder ante a evolução da crise de legitimidade e a crescente desmoralização do regime.

A corrupção em escala bilionária no ministério da Saúde deu-se sob o comando de ninguém menos que um general da ativa do Exército brasileiro. Eduardo Pazuello infestou o ministério com dezenas de militares em postos de natureza civil e firmou um consórcio criminoso com uma gangue civil para roubar dinheiro público e dividir o butim sob o pretexto de adquirir vacinas.

A omissão dos signatários da nota sobre esta corrupção bilionária e o esquema mafioso de civis e militares no ministério da Saúde comandado pelo general da ativa do Exército mostra, no mínimo, conivência com a corrupção e preocupação em proteger gangues corruptas.

Não causa estranheza, por isso, que o comandante do Exército que assina a nota de ameaça e intimidação do Senado Federal tenha livrado a cara do transgressor general Pazuello que participou de ato político-partidário e eleitoral do Bolsonaro.

A bola, agora, está com o poder político, com as instituições civis, com os partidos políticos e organizações democráticas da sociedade brasileira.

Se não tiver uma reação contundente dos civis, os militares interpretarão isso ou [1] como consentimento/indiferença passiva; ou como [2] medo do poder fardado. Em quaisquer dessas hipóteses, o governo militar não hesitará em escalar novos degraus rumo a um regime fascista-militar.





7 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Zé Maria

11 de julho de 2021 às 23h38

Enquanto as Milícias Militares Corruptas do Genocida
praticam Crimes de Lesa-Humanidade na Pandemia,
o MST distribui alimentos à População Brasileira

Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) contabiliza ter doado mais de 5.000 toneladas de alimentos e um milhão de marmitas nas periferias urbanas e rurais pelo país desde o início da epidemia de Covid-19 no Brasil, em 2020.
Também foram formados mais de 2 mil Agentes Populares de Saúde, que distribuíram cerca de 30 mil máscaras de proteção para população mais vulnerável, em conjunto a campanha nacional “Periferia Contra o Coronavírus”.

Enquanto o governo Bolsonaro ceifou mais de meio milhão de vidas durante a pandemia do Coronavírus e o ministro da economia Paulo Guedes defendeu que a população pobre deveria comer restos de comida,
o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) doou mais de 5 mil toneladas de alimentos e 1 milhão de marmitas no combate à pandemia da fome por todo o Brasil.

Além disso, desde 2020, por meio do trabalho de base das campanhas e brigadas solidárias nas periferias urbanas e rurais – contra o avanço do Covid-19 e da fome – foram formados(as) mais de 2 mil Agentes Populares de Saúde, que distribuíram cerca de 30 mil máscaras de proteção para população mais vulnerável, em conjunto a campanha nacional “Periferia Contra o Coronavírus”.

Íntegra:
https://mst.org.br/2021/07/08/solidariedade-sem-terra-chega-a-1-milhao-de-marmitas-e-5-mil-toneladas-de-alimentos-doados-durante-a-pandemia/

Responder

Zé Maria

10 de julho de 2021 às 22h15

E o comandante da Aeronáutica faz ameaça à democracia.
Fica assim?

A função das Forças Armadas não é “cuidar da democracia”
ou “tutelar os Poderes” ou coisas assim.
As democracias consolidadas não dependem das Forças Armadas.
As Forças Armadas são importantes para os países.
Mas não para aquilo que pessoas como o comandante
pensa que servem.
O fantasma do militarismo e do golpismo
não nos deixa em paz.
Arrasta suas correntes a todo momento.

Por Lenio Luiz Streck, na ConJur, via GGN

Íntegra em:

https://www.conjur.com.br/2021-jul-09/streck-comandante-aeronautica-faz-ameaca-fica-assim
https://jornalggn.com.br/artigos/e-o-comandante-da-aeronautica-faz-ameaca-a-democracia-fica-assim-por-lenio-luiz-streck/

Responder

Zé Maria

10 de julho de 2021 às 14h55

“Urgente!
A Polícia Militar prendeu uma pessoa
que BATIA Panela contra bolsonaro
agora em Porto Alegre, dois dias
depois de prender um cozinheiro.”
https://twitter.com/ManuelaDavila/status/1413895446435598338

“Polícias sem controle de governadores abrem país para golpe”
https://twitter.com/fernanda_comuna/status/1413895688140771330

Responder

Zé Maria

10 de julho de 2021 às 14h34

Por falar em Gangues Militares Infames,
a PM de Porto Alegre prendeu uma Moça
porque ela batia panela na rua protestando
contra a Arruaça Poluente do Genocida.

https://twitter.com/matheuspggomes/status/1413888926960525317

https://pbs.twimg.com/media/E57uzzPXEAIWHOC?format=jpg
Hoje tem Gre-Nal sem Torcida, por Culpa do Genocida
https://twitter.com/alexaguiarpoa/status/1413829931734343680

Responder

Brasão Luiz

09 de julho de 2021 às 21h27

É ingenuidade ou mal caratismo achar que só político do PT rouba.
Seria surreal se isso fosse verdade.
É lógico que em todo lugar tem problemas e até no setor privado. No privado fazem tudo sem que ninguém fique sabendo que o fulano ou sicrano roubaram.
Esse país sempre será assim, pois isso é cultural. Não há como mudar a cultura em 100 anos.
O jeito é se conformar.
Ainda bem que eu não mexo com dinheiro.
O meu dinheiro como dizem eu sei de onde vem.

Responder

Deixe uma resposta para Zé Maria

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding