VIOMUNDO

Diário da Resistência


Pimenta: Ministra Raquel Dodge, que estranho poder tem o delatado Augusto Nardes para ser intocável pela Justiça brasileira?
Política

Pimenta: Ministra Raquel Dodge, que estranho poder tem o delatado Augusto Nardes para ser intocável pela Justiça brasileira?


09/01/2019 - 17h33

Líder do PT questiona condição de “intocável” do ministro Augusto Nardes, do TCU

PT na Câmara

O líder da Bancada do PT na Câmara, deputado Paulo Pimenta (RS), em texto publicado nas redes sociais, nesta quarta-feira (9), questionou a condição de “intocável” do ministro Augusto Nardes, do Tribunal de Contas da União (TCU).

No texto, Pimenta listou as acusações contra Nardes, denunciado por favorecimento a empresas que lhe pagavam propina para que ele atuasse para livrá-las de multas milionárias no Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf).

Paulo Pimenta também destaca a seletividade da Justiça brasileira que até hoje não julgou o caso, que teve o inquérito concluído em dezembro de 2017, “e repousa em alguma gaveta de Raquel Dodge, na PGR, desde fevereiro de 2018, quando a procuradora pediu vistas no processo”.

“Essa demora em julgar o caso demonstra a seletividade do Poder Judiciário brasileiro, que julga com celeridade processos envolvendo lideranças do PT, condena em tempo recorde o ex-presidente Lula, como foi no TRF-4, e trabalha a passo de tartaruga quando se trata dos ‘amigos do rei’. O que faz Nardes ser intocável pela Justiça brasileira? ”, indagou Pimenta.

Leia abaixo a íntegra do artigo:

 O estranho poder do ministro do TCU que ninguém consegue atingir

Augusto Nardes, ministro delatado do TCU, autor da farsa das pedaladas fiscais que resultaram no golpe contra a presidenta Dilma Rousseff, homem forte nos esquemas da RBS com o Carf, recebido com pompa por empresários na Firjan e por Jair Bolsonaro no Palácio do Planalto.

Aberto ainda em 2015, o inquérito que apura os ilícitos de Nardes e seu sócio-sobrinho – que receberam pelo menos R$ 2,5 milhões em propina para livrar o Grupo RBS de multa tributária de centenas de milhões de reais – foi concluído pelo STF em dezembro de 2017 e repousa em alguma gaveta de Raquel Dodge na PGR desde fevereiro de 2018, quando a procuradora pediu vistas no processo.

O comportamento da PGR mostra, mais uma vez, a seletividade de setores do poder judiciário brasileiro, que julgam com celeridade processos envolvendo lideranças do Partido dos Trabalhadores, condenam em tempo recorde o ex-presidente Lula, como foi no TRF-4, e trabalham a passo de tartaruga quando se trata dos “amigos do rei”.

Nardes e Bolsonaro mantêm uma relação cordial. O ministro, delatado por empreiteiros, pelo ex-presidente da Fecomércio/RJ – que teria pago uma mesada de R$ 100 mil ao ministro entre 2015 e 2016 – e pelo ex-subsecretário de transportes do Rio de Janeiro, foi usado por Eduardo Cunha, Michel Temer, Aécio Neves e toda a turma golpista para aprovar o impeachment fraudulento da presidenta Dilma, fato que acabou ajudando Jair Bolsonaro a se consolidar como alternativa ao Planalto no pleito de 2018.

Contatos com grandes veículos de comunicação, ligação com os maiores empreiteiros do país, vínculo com figuras conhecidas por ilícitos cometidos contra o estado do Rio de Janeiro e forte ligação com o atual governo federal. O que faz Nardes ser intocável pela Justiça brasileira?

Dep. Paulo Pimenta (PT-RS) – Líder do PT na Câmara

Leia também

Tânia de Oliveira desmascara fake news de Bolsonaro e minions sobre auxílio-reclusão 

A mídia descontrolada: Episódios da luta contra o pensamento único
A mídia descontrolada

O livro analisa atuação dos meios de comunicação.

A publicação traz uma coletânea de artigos produzidos por um dos maiores especialistas do Brasil no tema da democratização da comunicação.

Por Laurindo Lalo Leal Filho



8 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Zé Maria

10 de janeiro de 2019 às 19h10

Aliás, nesses Casos do Serra e do PSDB na Suíça, Cadê a Dódó?

Responder

Zé Maria

10 de janeiro de 2019 às 19h03

Depois que o Cezar Coelho afirmou, em depoimento à Polícia Federal,
que recebeu do PSDB 6,5 Milhões de Euros (R$ 23 Milhões)
numa Conta na Suíça, pra Campanha do Serra em 2010,
agora, o MP Suíço descobriu mais R$ 10,8 Milhões depositados
ao PSDB e ao Serra nos anos de 2006, 2007 e 2009 num Banco
(Corner Bank) na cidade de Lugano, também na Suíça.

-Pode isso, Arnaldo?!?
-A Regra é clara: se pediu desculpas ao Amigo Moro, póde sim…

https://g1.globo.com/politica/noticia/empresario-diz-a-policia-federal-que-recebeu-65-milhoes-de-euros-do-psdb-em-conta-na-suica.ghtml
https://www.revistaforum.com.br/suica-enviara-informacoes-de-r-108-milhoes-irregulares-em-contas-ligadas-ao-psdb-e-jose-serra/

Responder

Julio Silveira

10 de janeiro de 2019 às 16h17

É o Brazil, com z, voltando a ser o velho Brazil, com z, do imperio idade media, da proteção camuflada, ou as vezes escancarada, aos amigos do rei.

Responder

Cláudio

10 de janeiro de 2019 às 04h13

Luiz Inácio LULA da Silva é o maior e melhor brasileiro de todos os tempos e futuro Nobel da Paz

Viva LULA ! ! ! ! !

:.:

Responder

Zé Maria

09 de janeiro de 2019 às 20h22

A “Nova Era” da Política

No STF, Dias decide a favor de Renan Calheiros, que se alinha
ao Governo Jair Bolsonaro, para que, em Votação Secreta,
seja novamente Eleito Presidente do Senado Federal.

https://jornalggn.com.br/noticia/para-voltar-a-presidir-senado-renan-se-alinha-ao-governo
https://jornalggn.com.br/noticia/toffoli-nega-pedido-de-votacao-aberta-na-presidencia-da-camara

Responder

a.ali

09 de janeiro de 2019 às 18h26

deputado pimenta: com supremo, com tudo… nardes e toda a pacutia que encontra-se envolvida nas mais mirabolantes falcatruagens, por acaso, tem ficha no PT? não, né ? então: viva a liberdade, viva a seletividade, viva a parcialidade da justiSSa!

Responder

Zé Maria

09 de janeiro de 2019 às 17h56

Durante anos, Augusto Nardes e Jair Bolsonauro
foram do mesmo Partido, o PP – também colega
da ‘Véia’ Ana Amélia, do José Janene e do Maluf –
o famigerado Progressistas, que de progressista
não tem nada (veio do PDS, da ARENA, direto
da Ditadura Militar), onde o que não é Corrupto
é NaziFascista, senão Ambos.

Responder

Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding
Loja
Compre aqui
A mídia descontrolada

O livro analisa atuação dos meios de comunicação e traz uma coletânea de artigos produzidos por um dos maiores especialistas do Brasil no tema da democratização da comunicação.