VIOMUNDO

Diário da Resistência


Política

A nota da Força Sindical sobre Palocci


06/06/2011 - 18h21

NOTA OFICIAL cobrando o imediato afastamento do Ministro Palocci

do site da Força Sindical

Seg, 06 de Junho de 2011

Os trabalhadores brasileiros têm acompanhado com muita atenção e preocupação os meios de comunicação que, há várias semanas, vêm veiculando denúncias envolvendo o ministro da Casa Civil, Antônio Palocci. Denúncias estas que incluem a multiplicação de seu patrimônio e as atividades de sua consultoria, denominada Projeto.

As tentativas de esclarecimento do ministro da Casa Civil, apenas para cumprir formalidades, não foram suficientes para arrefecer o desgaste a que vem sendo submetido o braço direito da atual presidenta.

Entendemos que o ministro Palocci ainda deve explicações ao povo brasileiro, visto que, sendo servidor público de alto escalão, deve servir de exemplo e ser pautado pela ética, pela transparência e pela moralidade pública.

O povo brasileiro está vendo com ceticismo a defesa apresentada para tais denúncias, e anseia por uma resposta convincente e verdadeira. As evidências de ter praticado atitudes não republicanas que pairam sobre o ministro fazem com que sua credibilidade vá, a cada dia, se deteriorando.

O imediato afastamento do ministro só trará benefícios para o País, que vive um bom momento econômico, com pleno emprego e sinais de controle inflacionário, mas começa a sentir a paralisia política do governo devido às incertezas que cercam o atual ocupante da Casa Civil do Palácio do Planalto.

Ocupante este que tem a importante função de articulador político e âncora do governo, mas que, infelizmente, tornou-se refém do silêncio, passando a acreditar apenas no tempo como seu aliado.

O projeto de governo, vitorioso nas últimas eleições, não pode permitir compromisso com o erro e com a falta de lisura por parte de membros do governo, muito menos por funcionários de tão importante função.

Privar os brasileiros da verdade sobre os atos do ministro Palocci é uma atitude que gera suspeita sobre o governo e de seus integrantes para com os cidadãos, o que não é saudável em uma plena democracia.

Entendemos que a permanência do ministro no governo vai, com certeza, dificultar as ações governamentais, contaminando uma agenda positiva instruída a dar rumo ao crescimento econômico, à diminuição da pobreza e ao fortalecimento da democracia por uma sociedade mais justa.

Paulo Pereira da Silva (Paulinho)
presidente da Força Sindical





94 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

wagner paulista

10 de junho de 2011 às 00h34

Paulinho da Farsa Sindical, posando de ético; moralista, e que tais. Peraí, devagar com o andor. A Farsa Sindical está apenas tentando se cacifar junto ao povão. A Farsa Sindical foi criada e financiada por Collor de Mello, cujo governo necessitava de uns fantoches desse naipe. Vai se catar, Paulinho !

Responder

César Augusto Sandri

07 de junho de 2011 às 12h18

Mais uma piada pronta:
Médico dá consultoria econômica à empresas e fatura 20 milhôes . Eu se fosse economista rasgaria o diploma de vergonha, pois me sentiria o maior dos incompetentes. Anos de estudos e perder pra um médico!!

Responder

sergioa

07 de junho de 2011 às 09h04

Neste momento o que mais importa é que um ministro está sob fogo inimigo e amigo, e não tem mais poder moral ou político. A única saída é a sua saída. Demorou demais para se pronunciar, enquanto se escondia atrás da saia da mamãe DILMA, querendo evitar suas responsabilidades. Colocou seu projeto pessoal de enriquecimento, legal ou não, acima do Brasil. Nada vai salvá-lo. Se não cair agora vai ficar sangrando mais tempo até cair mais tarde. Vai ser um custo político muito alto para a presidentea administrar. Ela já lhe deu tempo demais para se explicar e acabar com a crise. Mas seu projeto pessoal é tão mais importante que ele está permitindo, com a anuência da DILMA, que isto paralise o governo e que a oposição imponha um custo elevado ao país.

Responder

FrancoAtirador

07 de junho de 2011 às 01h36

.
.
Já era previsto que a PGR não iria instaurar inquérito, porque matéria de jornal não é prova documental.

E o único documento apresentado não fez prova de nenhuma ilegalidade ou sequer indício de tal,

visto que todo mundo sabe que parlamentares podem, legalmente, ter negócios particulares paralelos.

Pode ser até que a Procuradoria da República no Distrito Federal apure alguma irregularidade,

pois Antonio Palocci, no exercício do cargo de ministro, pode muito bem estar lidando ou haver lidado

com projetos e assuntos de interesse dos seus "antigos clientes", cujo rol aumenta mais, a cada dia.

Mas, com a atual legislação e diante das circunstâncias políticas, é muito improvável que isto aconteça.

De qualquer forma, trata-se de uma questão ética, não criminal, como bem frisado e repetido pelo Azenha.
.
.

Responder

SILOÉ -RJ

07 de junho de 2011 às 01h28

O que a mídia esta fazendo e muita gente embarcando, é igual ao caso da escola de base em São Paulo, onde sem nenhuma prova acabaram literalmente com a escola e com a moral e a reputação dos envolvidos que mais tarde, foram inocentados por absoluta falta de provas.
Resultado: o pig e o estado foram condenados e terão que pagar indenizações aos inocentados.
Periga Palocci enriquecer ainda mais, se nada for provado contra ele.
É o velho hábito da maioria: condenar antes do julgamento.

Responder

Luiz Clete

07 de junho de 2011 às 01h02

No gov. fhc, o Procurador Geral foi chamado de Engavetador Geral. O problema não é o enriquecimento, apesar de que todo enriquecimento astronomico quase nunca é licito, o problema é a via usada. O que será que custou R$ 20 Milhões? A farsa não pediu o afastamento do paulinho no esquema com os financiamentos com o fgts. Mas o palocci tem que sair, tem mais campo como consultor. E se tiver CPI, seria bom colocar os "pais" do plano Real tb.

Responder

SILOÉ -RJ

07 de junho de 2011 às 00h33

Pela segunda vez, espero que essa passe.
A força sindical não tem moral para exigir nada de ninguém!!!
Paulinho, como anda os seus processos sobre corrupão???
Dá pra responder ou vai ficar enrolando como sempre!!!
Sindicatos de pelegos!!!

Responder

MAURICIO DOS PASSOS

07 de junho de 2011 às 00h19

palocci para presidente em 2018

Responder

@NilvaSader

06 de junho de 2011 às 23h17

Estes "éticos" de conveniência me irritam. Sinceramente eu não gosto do Palocci, do Zé Dirceu e de alguns outros petistas históricos. Sou petista, fundei o partido e por isso me sinto à vontade pra falar. Mas daí a pedir a cabeça de quem quer que seja, sendo isto prerrogativa da Presidenta, vai uma enorme distância. Eu não ponho a mão no fogo pelo Palocci, assim como também não ponho pelo Paulinho da Força com processos nas costas e histórico de falcatruas. Até hoje à tarde eu preferia que ele saísse mas depois do que eu ouvi num ônibus e nas ruas aqui em São Paulo, quando várias pessoas, reproduzindo o PIG se disseram prontas pra gritar Fora, Dilma , minha razão cínica decidiu aceitar qualquer decisão da Presidenta e lutar por seu governo, seja com Paloccis, JEC, Jobim, Ana de Hollanda, Moreira Franco e demais personas non gratas.

Responder

Luiz Fortaleza

06 de junho de 2011 às 23h08

Vcs podem condenar o Palocci por ser capitalista da especulação, mas dizer que saiu da legalidade é insustentável, pelo menos, até agora. O Palocci deu uma entrevista e o povo parece que ouviu e não entendeu… leiam cada frase, cada argumento e contrato empresarial que ele deu a FOLHA, vc verá que há uma lógica sim. Leiam a entrevista dele na folha e entendam as regras de compra e venda e aquisição de imóvel… as clausulas contratuais, como se fecha uma empresa e consta no contrato que dinheiro a receber têm que ser efetivado caso a firma se feche… ele mesmo diz que se faz uma consultoria e a empresa ganha, a empresa dele ganha um percentual x… ganhar 20 milhões na especulação não é tão díficil assim em cinco anos…

Responder

Wendelm

06 de junho de 2011 às 22h34

O caso Palocci realmente merece muito debate! Mas dar manchete pra nota da Forsa Sindical do Paulinho neste momento… Sinceramente em Azenha.

Responder

    Luiz Carlos Azenha

    06 de junho de 2011 às 22h45

    Tem vinte manchetes por dia. Considero o assunto relevante. abs

    Wendelm

    06 de junho de 2011 às 22h51

    rs.. Vc tem razão Azenha, talvez de tantas origens para Manchete a Força seja a que de certa forma seja "menos" pior. Parabens pelo trabalho.

Donizeti

06 de junho de 2011 às 22h30

Eu acho que o Paulinho da Força, como muitos outros politicos da oposição e da própria esquerda, está apenas dando uma de oportunista e embarcando na onda contra o Palocci, está querendo surfar na onda política do momento.

Parece que ficou bacana malhar o barbudo da casa civil. Eu pessoalmente nunca morri de amores pelo Palocci, acho ele muito dissimulado, somente o fato dele ser o queridinho dos apologistas do deus mercado tupiniquim não o recomenda num governo de centro-esquerda.

Mas cortar sua cabeça somente porque o PIG quer não concordo, a Presidenta Dilma está certa de bancar sua permanência no governo neste momento. Se ele não cometeu nenhum crime, não tem porque rifá-lo.

Mais para a frente pode até trocá-lo mas se demiti-lo agora o PIG vai infernizar a vida da Dilma durante os 4 anos, é pule de dez.

Responder

Luiz Fortaleza

06 de junho de 2011 às 22h28

A procuradoria geral da república acabou de arquivar o pedido de investigação sobre Palocci por falta de provas mínimas possíveis. Averiguou todos os documentos que ele mandou: nome das empresas, lucros, notas fiscais etc. e comprovou que não havia nenhuma ilicitude. E agora? A pressa é inimiga da perfeição, mas a imprensa tucana é apressada, telegráfica e age de má fé. Basta ver a publicação da revista tucana VEJA que keria por que keria q Palocci soubesse que o imóvel que alugou de uma imobiliária era de laranja. Até com isso Palocci tem que se preocupar? Se Hugo Chavez fez "carinho" em Palocci, é pq sabe que era mais um golpe da PIG.

Responder

Antonio Luiz

06 de junho de 2011 às 22h27

Azenha, agora acredito que você tem razão. Com a Força e Paulinho…toda moralidade será restabelecida. Atenção navegantes: navegar é preciso!

Responder

    Luiz Carlos Azenha

    06 de junho de 2011 às 22h46

    A Força tem lá sua representatividade. É um assunto político. Tentar desqualificar o Paulinho e a Força não vai fazer o assunto desaparecer. abs

    luiz pinheiro

    07 de junho de 2011 às 00h07

    Desqualificar só pode o Palocci?
    Mas ele foi escolhido ministro pelo Lula e agora pela Dilma.
    Isso não vale nada?
    O país está dando certo pela primeira vez em muitas décadas. Mais que isso, iniciamos uma virada histórica, um processo de inclusão social num país de raiz escravocrata e elitista, que só sabia concentrar renda e desprezar povo. O governo do PT está conseguindo mudar isso.
    E o Palocci é personagem importante de todo esse processo. Ou não é?
    Por que tanta insistência em tratá-lo como a Jenny? Por que não reconhecer que o Brasil está indo bem graças a um pragmatismo positivo que rompe com, algumas cartilhas e arraigadas convicções do passado?

luiz pinheiro

06 de junho de 2011 às 21h49

E eu que pensava que a nota do PCdoB sobre o Código Florestal dominaria por bom tempo o cenário da hipocrisia. deslavada. Agora vem essa…

Responder

Marco

06 de junho de 2011 às 21h48

Que praga esse tal de PDT, principalmente esse tal de Paulinho da força, PDT. É um nojo, um escroto. Só pensa em vantagem. Cuidado galera, distancia dele, bem longe.

Responder

walsil

06 de junho de 2011 às 21h48

A Procuradoria arquivou o caso por não encontrar indícios de irregularidades. E Agora? Sinceramente, não acho o Paloci uma boa para o governo, não agora, desde a escalação, acho que existe quadros muito melhores que ele, mas daí a aceitar esse denuncismo sem apresentar provas e querer interferir na vida política do país com isso, é um pouco demais.

Responder

Zé Brasil

06 de junho de 2011 às 21h47

Prezado Jornalista Azenha,

Tenho uma posição estritamente legalista: se existe indício que leve de modo claro e republicano a instauração de inquérito pelo Ministério Público que se instaure e se estabeleça a inocência ou a culpa do Cidadão.

Se trilharmos o caminho baseado no julgamento político, como neste caso, com toda a alavancagem da mídia golpista de sempre transpondo-o para as questões do dia a dia estaremos muito mal.

Se este comportamento for assimilado por nossa sociedade estaremos retrocedendo aos tempos do faroeste onde bastava uma acusação de suspeita de crime, um grupo armado, uma corda e uma árvore para pendurar o pescoço do sujeito e o problema estava resolvido. Sua culpabilidade ou não era um detalhe à parte.

Se assim o for vai virar a lei do mais forte, a do bico do revólver e salve-se quem puder. Não foi para isto que muitos de nós lutaram e alguns deixaram o seu honrado sangue nas ruas do País para que a Democracia fosse aqui restaurada e os Três Poderes da República pudessem funcionar de modo independente.

Responder

Nada

06 de junho de 2011 às 21h46

O Casa Civil complicada sô! Dirceu, Erenice, Palocci,…

Responder

operantelivre

06 de junho de 2011 às 21h29

Como disse a(o) colega amores, vamos deixar esfriar.
Vamos parar de cortar bola que o PSDEM levanta.
Tenho uma proposta ao Azenha: vamos tirar o Palocci das pautas.

Responder

    Luiz Carlos Azenha

    06 de junho de 2011 às 21h52

    Não praticamos autocensura. O assunto existe. Está aí. Devemos debatê-lo. abs

    Fabio_Passos

    06 de junho de 2011 às 21h55

    Deixar esfriar?

    Complacência com a corrupção?

    Tome juízo:
    http://www.robertorequiao.com.br/site/AUDIOS/Comp

    beattrice

    06 de junho de 2011 às 23h53

    Como se o governo pudesse avançar na agenda progressista com este estafermo na antesala da Presidência.

pereira

06 de junho de 2011 às 21h27

É o que o pallocci fez pode ter sido imoral, mas pareçe que vai ser legal perante a lei, e o procurador já deu seu paraçer, ou o procurador não é pessoa grata, o que eu estou vendo é que os blogs estão indo no mesmo caminho do pig.

Responder

Vera

06 de junho de 2011 às 21h17

É proibido enriquecer neste país?

Responder

    Fabio_Passos

    06 de junho de 2011 às 21h52

    Enriquecer prestando serviços obscuros para clientes que não se pode nomear?
    Já tem "consultor" pilantra até com claque de apoiadores…

    Luiz Carlos Azenha

    06 de junho de 2011 às 22h00

    Curiosamente, comentaristas que nunca comentaram no site aparecem aos montes… defendendo o Palocci. Curioso…

    Luiz Fortaleza

    06 de junho de 2011 às 22h41

    não é questão de defender o Palocci, é defender q verdade, se a verdade está ou não ao lado do Palocci é q é a questão, e parece que está. Agora não dá pra ficar nas especulações fortuitas.

    Antonio Luiz

    06 de junho de 2011 às 23h28

    Ainda bem Azenha. O pior seria aparecerem comentaristas que até ontem só frequentavam outras páginas. Imagino que aqueles que ainda defendem Palocci não se identificam com aqueles que defendem o crime e a injustiça. No meu caso, além de defender Palocci, defendo Dilma e seu governo. Ela pediu para esperar e esperei. A PGR se pronunciou. E agora? Seguir em frente. Quem tiver algo além das conjecturas que prove. O resto é vender notícia, de um lado, e golpismo, de outro. Vale pra Globo e pra todos.

    SILOÉ -RJ

    07 de junho de 2011 às 13h06

    Falou e disse.

    beattrice

    06 de junho de 2011 às 23h52

    O lobby palocciano bate ponto Axzenha, bate ponto.

    luiz pinheiro

    07 de junho de 2011 às 09h04

    É como dizia o Sartre: "lobistas são os outros"

    luiz pinheiro

    06 de junho de 2011 às 23h54

    Pois é, Azenha. Um deles – não é novo, mas está bem mais frequente – é o Edu Guimarães.
    Sei que voce não o inclui entre os "suspeitos".
    Mas inclui outros. Com que base?
    Rechaçar o golpismo torna o comentarista suspeito?

    FrancoAtirador

    07 de junho de 2011 às 15h43

    .
    .
    Quando a trollagem demotucana se associa com os paloccianos, dá nisso.

    Mas não é novidade:

    Já se havia constatado na polêmica do MinC.
    .
    .

Edson

06 de junho de 2011 às 21h04

Paulinho da Força Sindical também já esteve no olho do furacão com diversas acusações e não ousou renunciar. É estranho exigir que Palocci renuncie ao ministério.

É aquele velho ditado: Faça o que digo, não faça o que faço.

Responder

    SILOÉ -RJ

    07 de junho de 2011 às 13h10

    E ninguem pediu a cabeça dele, foi um dos principais articulista do quebra -quebra das hidroelétricas.

Ronaldo Luiz

06 de junho de 2011 às 20h55

Querem por que querem detonar o Palocci. Já esqueceram daquela famosa planilha que teria vasado da então ministra Dilma? Queriam detonar a Dilma, mas o Lula que já tinha caído no conto do caseiro, e pedido a saida do Palocci, caído no conto do mensalão e pediu a saída do José Dirceu. Todos estes factoides já tem sua formula manjada. Dilma não é ingenua. Ela mesmo já sofreu, e é claro, aprendeu a lidar com o PIG. Os cães ladram e a caravana passa.

Responder

Eduardo Guimarães

06 de junho de 2011 às 20h52

Leiam o parecer do procurador-geral da República em que inocenta Palocci http://bit.ly/jaH3Nt

Responder

    Celso

    06 de junho de 2011 às 21h58

    Só pra lembrar, o atual PGR espera ansioso pela sua recondução ao cargo. Recondução esta que será dada pela vontade da Presidente Dilma.

    Luiz Fortaleza

    06 de junho de 2011 às 22h42

    E ele analisa isto sozinho? Acho q ele não tem muito poder assim… aí vc vem com argumentos especulativos.

    luiz pinheiro

    07 de junho de 2011 às 09h13

    Caraca! Estão votando contra até recomendação pra ler o relatório…
    Depois, ainda chamam de lobista quem vê golpismo no movimento anti-Palocci.

    SILOÉ -RJ

    07 de junho de 2011 às 13h19

    Nos chamam de lobistas, de ingenuos, de massa de manobra, de vaquinhas de presépios e por aí vai…
    Só que a minha visão é mais baseada em quem denuncia e o que está por trás das denúncias.

tunico

06 de junho de 2011 às 20h36

Sei que é redundante dizer que o Sr.Palocci não pode continuar no governo, por que até mesmo as ostras sabem, porém, vou dizer novamente.
Independente da força sindical; independente dos "petistas metidos";independente dos jornalistas "metidos a ensinar ética"; independente do "circo midiático"; independente do Collor, do Sarney, do…
o sr.Palocci não pode continuar no governo pelos seguintes motivos:

– O Sr.Palocci foi eleito pelo povo para servi-lo, e não a si próprio;
-O Sr.Palocci é pago pela sociedade para trabalhar para ela, e não para ele próprio;
-O Sr.Palloci, como servidor público no exrcício des suas funções nao pode colocar os intersesse de seus clintes acima dos interesses da república;
-O Sr.Palocci não pode usar informações privilegiadas, inerentes ao cargo, para ganhar dinheiro;
-Na condição de consultor negócios privados, o Sr. Palocci está moralmente impedido de exercer cargo público.

Parece que isso ainda não está claro para algumas pessoas, inclusive para a presidenta.

Responder

Gerson Carneiro

06 de junho de 2011 às 20h31

Até tu Paulinho?

Esse é um que não resistiria à uma insinuação do tamanho da que o Antonio Palocci está enfrentando.

Responder

Gilson D. Mendes

06 de junho de 2011 às 20h28

Caro Azenha, estou pela primeira vez colocando a colher de pau neste angu e quero entender o que está acontecendo. O problema todo é porque o Min. Palocci declarou para a receita toda a movimentação de sua empresa de consultoria e o pessoal do psdb de São Paulo que trabalha na receita federal vazou para a imprensa o que ele honestamente declarou. Estou aqui raciocinando com meus botões e se o Min. Palocci agisse como a maioria dos empresários brasileiro e sonegasse as informações para a Receita Federal e por exemplo utilizasse "laranjas" para comprar apartamento e outras "coisitas" mais. Não seria desonestidade neste caso,ou seja, ele está pagando por ser honesto e o pessoal esta revoltado por esta atitude. Quem foi que disse que o crime não compensa, ou pelo menos, quando você pratica um crime de sonegação ninguém te enche o saco. É muita hiprocrisia para mim.

Responder

    beattrice

    06 de junho de 2011 às 23h56

    Se vamos entrar no terreno de "laranjas", sugiro: http://extra.globo.com/noticias/brasil/primeiro-d
    E não, não se trata de laranjas de laranjais de Ribeirão.

    SILOÉ -RJ

    07 de junho de 2011 às 13h29

    A globo, que foi um das clientes desse embroglio contratou esses serviços para depois puxar o tapete, na certeza da sonegação, por aí quebrou a cara.
    Vamos aguardar o desenrolar das demais arapucas.

Gerson Carneiro

06 de junho de 2011 às 20h26

E antes da decisão da PGR tem Roda Viva!

Convidado Especial: Alvaro Dias
Apresentação: Marília Gabriela
Pauta: Cabeça de Palocci.

Entrevistadores:
Reinaldo Azevedo e Augusto Nunes (revista Veja)
Paulo Moreira Leite (revista Época – que quase matou Dilma)
Ricardo Melo ( Folha São Paulo – da Ditabranda)

Flagrante de Álvaro Dias no camarim do Roda Viva:
<img src=http://blogdadilma.blog.br/wp-content/uploads/alvaro_dias-_botox-267×300.jpg>

Responder

    Luiz Fortaleza

    06 de junho de 2011 às 22h49

    Um político MEDIOCRE

    SILOÉ -RJ

    07 de junho de 2011 às 01h35

    Daí a seleção de peso para entrevista-lo.
    esse e um daquele que só abre a boca quando tem certeza, e o botox deixa…

Fabio_Passos

06 de junho de 2011 às 20h19

Presidenta Dilma, siga o exemplo do Presidente Lula: Demita palocci!

Responder

monge scéptico

06 de junho de 2011 às 20h18

Esse paulo………………………O sindicato tem razão. Não há razão para manter
o sr palocci na casa. O melhor é deixa-lo ir-se cuidar dos seus "negócios".

Responder

alíacio

06 de junho de 2011 às 20h12

Palocci vai e leva junto Johnbim e Caridozo (prós ricos)

Responder

João

06 de junho de 2011 às 20h11

Não votei, e fiz campanha para a Dilma, para ver quem quer que seja colocando o Governo Dilma em dificuldades.
Poderia até ser a Madre Teresa de Calcutá que estivesse no lugar do Palocci: não há solução, a não ser o próprio Palocci ter a hombridade de pedir para sair.
Caso haja diferente disto, aí sim teremos a certeza de que seu projeto pessoal é maior do que o projeto de nação embutido no governo Dilma. E daí Palocci, vai pedir para sair ou vai ter que "ser saído"?

Responder

mello

06 de junho de 2011 às 20h06

Tenpos difíceis esse: PCdoB com caiado e os ruralistas, radicais de esquerda e psol coladinhos aos demos e tucanos, pelegos e PIg unidos….Tá feia a coisa…

Responder

    Fabio_Passos

    06 de junho de 2011 às 21h02

    Terrível… tem até "esquerda" dependurada no saco de um "consultor" vigarista.
    Impressionante.

    João

    07 de junho de 2011 às 01h14

    Tempos difíceis mesmo: o pensamento que se difunde é que "ou se está com o Palocci", ou então "se está contra o Governo Dilma". Pensamentozinho pobre, maniqueísta este.

RICHARD PEREIRA

06 de junho de 2011 às 20h03

Este BRASIL tem coisas que a própria razão desconhece, ora, pois , o PALINHO deputado federal e manda chuva da FORÇA SINDICAL, não tem moral nem honra, honestidade, ou seja lá qualquer adjetivo similar para querer a queda do PALOOCCI.

Só não está na cadeia porque é deputado federal e o STF , formado em sua maioria por MINISTROS corrompidos não tem moral para julgá-lo.

RICHARD PEREIRA

Responder

Eduardo Guimarães

06 de junho de 2011 às 19h56

O repórter Kennedy Alencar acaba de informar pelo Twitter que o procurador-geral da República irá arquivar o caso Palocci

Responder

    mariazinha

    06 de junho de 2011 às 20h30

    Aí, EDU! Muito bem! Agora D. DILMA, sem nenhum tipo de pressão, poderá voltar a governar, tranquilamente. QDO. E COMO BEM ACHAR, se precisar, poderá mudar seus colaboradores como todo GOVERNANTE, eleito pela maioria. Aliás, caríssimo, parece que D. DILMA, depois dos primeiros dias brindando em companhias fedorentas, começa a perceber quem são, realmente, as pessoas com quem pode contar, né? Acho que agora, ELA engrenou!
    Mas bate uma curiosidade: como esse pessoal fica sabendo de tudo que se passa, até sobre a PGR?
    Grande abraço.

    Fabio_Passos

    06 de junho de 2011 às 21h53

    Sepúlveda Pertence voltou?

Fabio_Passos

06 de junho de 2011 às 19h55

A Força Sindical representa mais de 1.600 sindicatos de trabalhadores brasileiros.

Tenham mais respeito pelos trabalhadores… e menos com consultores vigaristas.

Responder

    mariazinha

    06 de junho de 2011 às 20h36

    Não questiono trabalhadores; mas o presidente desse sindicato, o Paulinho, que está realmente, respondendo a processos na justiça, basta ver a tramitação dos processos. Deveria se afastar e abster-se de tudo até provar sua inocência.

    Fabio_Passos

    06 de junho de 2011 às 23h00

    O presidente da Força Sindical representa mais de 1.600 sindicatos de trabalhadores.
    A Força Sindical se pronunciou: Quer que o "consultor" se escafeda.

    Ah… isso é muito importante sim. E merece respeito. Principalmente em um governo que diz sustentar os interesses dos trabalhadores.

    Bertold

    06 de junho de 2011 às 21h57

    Fala sério, carinha, uma centra sindical formada escandalosamente com dinheiro da FIESP e AFL_cio e você vem pedir respeito? Faça-me o favor, vá estudar um pouco de história do sindicalismo brasileiro!

    Fabio_Passos

    06 de junho de 2011 às 22h07

    1.600 sindicatos de trabalhadores brasileiros x bertoldo claque do consultor corrupto

    Sinto, bertoldo. Você não tem a menor chance…

    Bertold

    07 de junho de 2011 às 09h49

    Não sabe nada mesmo é? …por isso apelou feio!

    Fabio_Passos

    07 de junho de 2011 às 23h12

    Sei que a Força Sindical representa mais de 1.600 sindicatos de trabalhadores brasileiros.
    Aprox. 25% dos sindicatos que existem no Brasil.
    Viu como eu sei algumas coisas…

EFE

06 de junho de 2011 às 19h50

Todos já conhecem essa tal força sindical, suas origens e a quem serve.
Esse tal paulinho-forca-sindical é outro sem noção e tem rabo preso.

Responder

fran

06 de junho de 2011 às 19h45

Essa força sindical nunca foi a favor do governo do pt de verdade,só q um pézinho para derrubar,nunca acreditei nessa de apoio desse paulinho..

Responder

mariazinha

06 de junho de 2011 às 19h29

Mas dá raiva, mesmo, AZENHA. Ontem mesmo esse tal Paulinho estava às voltas com essa mesma imprensa marrom cheio de denúncias até a raiz do cabelo agora vem falar em nome de quem? Do povo brasileiro, que votou na D. DILMA? Quem deu procuração a ele? Talvez seja necessário ele deixar a FORÇA e também o cargo de deputado em nome da ética e dos bons costumes..

"Justiça condena Paulinho e Força Sindical"http://www.correiodoestado.com.br/noticias/justica-condena-paulinho-e-forca-sindical_86778/
"Mulher de Paulinho da Força Sindical é acusada de lavagem"http://inblogs.com.br/censurado/politicanacional/mulher-de-paulinho-da-forca-sindical-e-acusada-de-lavagem
"Paulinho e Força Sindical são condenados"http://esturdio.blogspot.com/2010/11/paulinho-e-forca-sindical-sao.html?utm_source=feedburner&utm_medium=feed&utm_campaign=Feed%3A+Estrdio-BlogsNew+%28Est%C3%BArdio+-+Blog%27s+New%29

"O deputado Paulo Pereira da Silva, o Paulinho da Força (PDT-SP), é réu na ação penal 421, que tramita no Supremo Tribunal Federal (STF) desde 2007."http://g1.globo.com/politica/noticia/2011/02/paulo-pereira-da-silva-pdt-sp.html

Responder

    Eduardo Guimarães

    06 de junho de 2011 às 19h39

    O nível de hipocrisia no caso Palocci ameaça afogar toda a esquerda. Não pulo nesse rio.

    Fabio_Passos

    06 de junho de 2011 às 21h54

    É. Você não pulou no rio. Mergulhou de cabeça no esgoto.

rogerio

06 de junho de 2011 às 19h25

Considero DEPRIMENTE todo esse CIRCO MIDIATICO em torno dessa questão. Se fosse pra resolver logo não era só acionar a Receita Federal???…

Responder

Leonardo

06 de junho de 2011 às 19h24

Ninguém imaginou que o Planalto está usando a "Força" para indiretamente pressionar o Palocci.

Que é isso, jamais.

rs

Responder

Eduardo Guimarães

06 de junho de 2011 às 19h21

Talvez o governo Dilma saia com menos aliados desta crise, mas, certamente, sairá com aliados de verdade. Os que querem sabotar voltarão por gravidade, se o governo mantiver o ritmo da economia. Apesar de toda a grande imprensa – jornais, rádios, portais de internet, revistas semanais, um massacre midiático – fazer coro à Força, esta sabe o quanto já apanhou do PIG. Se o governo ficar firme, os ratos que pulam fora voltam rapidinho, quando a coisa esfriar. Mas será que Dilma os quererá de volta?

Responder

    Mauro Silva

    06 de junho de 2011 às 19h51

    Caro Eduardo
    Penso diferente: acho que ela vai perder aliados importantes, e vai ficar com aqueles, digamos, mais voláteis, para não dizer o quê realmente penso deles.
    O PMDB apoia Palocci.
    Isso, para mim, basta.
    Enquanto isso, o governo Dilma sangra.

    Fabio_Passos

    06 de junho de 2011 às 20h17

    O PMDB está vibrando e apoiando Palocci.

    Roberto requião e Pedro Simon são duas exceções.

Wanderley

06 de junho de 2011 às 19h20

Eu acho que ja esta tarde demais a caida do Palloci que não sei quem teve a ideia de resucitar , não sei o que vc acha mas um politico que seria muito interessante na casa civil, CIRO GOMES , o que vc acha abraço

Responder

Zê Abdalla

06 de junho de 2011 às 19h19

Nenhuma moral este Paulinho tem para julgar o que é ético em política. Condenado na vara criminal de Ourinhos por corrupção em um assentamento na Fazenda Ceres em Piraju-SP. Superfaturamento e outras irregularidades. É só acessar o site doTJ que está tudo lá. É público.

Responder

SILOÉ -RJ

06 de junho de 2011 às 19h15

Nada que venha da força sindical merece crédito. É um antro de pelegos.
Por falar nisso, como vão as denúncias de enriquecimento ílicito e outras cositas más envolvendo você, Paulinho???
Como é que anda o processo??? se é que anda !!!

Responder

Mauro Silva

06 de junho de 2011 às 19h02

Caro Azenha
Observo uma reação passional de alguns a apoiar, incondicionalmente, o Governo Federal em relação ao Min. Palocci, em relação as críticas. Parecem torcedores furiosos que atiram-se à pancadaria nos estádios contra os similares adversários, e, por isso, se consideram, uns e outros, mais torcedores àqueles que vão aos estádios torcer unicamente.
Não gosto da Força Sindical e, menos ainda, do Paulo Pereira da Silva, mas concordo com a advertência, principalmente na parte sobre a paralisia do governo para explicar e defender os negócios do Sr. Palocci.

Responder

    Luiz Carlos Azenha

    06 de junho de 2011 às 19h14

    E é assim: ou pensam como a gente ou se cocem nas ostras…

    Mauro Silva

    06 de junho de 2011 às 20h09

    Realmente, essa foi chula demais….

amores

06 de junho de 2011 às 18h52

Obedecer o pig não. Deixa o Tony até a coisa esfriar. … quando esfriar coloque alguém mais adequado.

Responder

Lucio Almada

06 de junho de 2011 às 18h42

Comentário RIDÍCULO, da Força Sindical.
Onde e quando uma central sindical e a D. Danuza Leão digam exatamente a mesmíssima churumela metida a 'ética', alguém está querendo enganar alguém e, todos, estão querendo ME enganar.

Elegi Dilma e NÃO ELEGI nenhuma Força Sindical, como tampouco elegi nenhum jornalista.

Nenhum jornalista jamais recebeu qquer voto para declarar quem é 'ético' e quem não é. Nem o Azenha, nem o Kotscho, nem o PHA, nem o Mino Carta nem os petistas metidos a 'éticos' por aí falam em meu nome. Meu voto é PALOCCI FICA.

E a Força Sindical, a D. Danuza e esses jornalistas metidos a ensinar 'ética' aos brasileiros podem, no que dependa do meu voto, ir se coçar nas ostras.

Responder

    Luiz Carlos Azenha

    06 de junho de 2011 às 18h45

    Que elegância!

    José Reinaldo Rosado

    06 de junho de 2011 às 19h26

    Eu votei na Dilma e espero que ela não tenha compromissos co pessoas como o Palocci, que não deveria estar no ministério. Sou petista e cabalo voto pro Lula e para o PT desde a fundação deste partido. A principal virtude do partido tem que ser a ética e a transparência. Se o palocci ganhou esta grana toda sem usar o seu prestigio e influencia junto ao governo ele é o maior mágico do mundo, um verdadeiro fenômeno.
    Principalmente nos,que votamos na dilma, exigimos que ele saia já, e que a policia federal investigue a origem e o o porque de se pagar tanto por uma consultoria.
    Tá na hora de mostrar que os poderosos também vão para cadeia.

    Remindo Sauim

    06 de junho de 2011 às 21h57

    Segue a idéia do Eduardo leia o parecer da PGR. Dez a zero para o Palocci.


Deixe uma resposta para João

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding