VIOMUNDO

Diário da Resistência

Sobre


Manifestantes contestam versão de “baderna” que deu na TV
Denúncias

Manifestantes contestam versão de “baderna” que deu na TV


03/07/2013 - 17h32

Leia também:

Tijolaço: Globo admite que sonegou, mas pagou

Jamil Chade: TV brasileira envolvida no suborno a Teixeira e Havelange

Globo reafirma que pagou dívida à Receita; MP aguarda informações

Barão pedirá que MP investigue sonegação da Globo

Miguel do Rosário: Globo cobrada em R$ 615 milhões por sonegação 

Altercom: Relatório da Secom comprova concentração de verbas

Pimenta cobra; Secom diz que faz mídia “técnica”; Globo recebeu R$ 5,86 bi

Renato Rovai: A chamada mídia técnica versus a qualidade democrática

Venício Lima: Por que o governo deve apoiar a mídia alternativa



Ajude o VIOMUNDO a sobreviver

Nós precisamos da ajuda financeira de vocês, leitores, por isso ajudem-nos a garantir nossa sobrevivência comprando um de nossos livros.

Rede Globo: 40 anos de poder e hegemonia

Edição Limitada

R$ 79 + frete

O lado sujo do futebol: Tudo o que a Globo escondeu de você sobre o futebol brasileiro durante meio século!

R$ 40 + frete

Pacote de 2 livros - O lado sujo do futebol e Rede Globo

Promoção

R$ 99 + frete

A gente sobrevive. Você lê!


21 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Antonio Lopes

04 de julho de 2013 às 13h39

DATAFALHA QUE DERRUBA DILMA E ESCONDE OS POBRES


Tijolaço desconfia que o Datafalha consultou os clientes do Fasano. – A partir da denúncia de Flávio Luiz Sartori, de que a base amostral da pesquisa Datafolha que apontou uma queda de 30% na aprovação da presidenta Dilma Rousseff, o Tijolaço foi conferir e confirmou que a distribuição do eleitorado usada na pesquisa é totalmente diferente da distribuição do eleitorado brasileiro segundo os dados oficiais do Tribunal Superior Eleitoral. – – – – – – http://www.conversaafiada.com.br/politica/2013/07/04/datafalha-que-derruba-dilma-%E2%80%9Csome%E2%80%9D-com-eleitores-pobres/

Responder

RicardãoCarioca

04 de julho de 2013 às 13h01

1) Empresa que sonega impostos pode receber dinheiro da SeCom e de demais órgãos governamentais?

2) Que tal uma lei para regulamentar a exibição de propaganda governamental gratuita? Numa quantidade de anúncios tal que atenda a publicidade dos governos sem pôr em risco o negócio das emissoras de rádio e TV (mesmo porque elas precisam faturar para sobreviver).

Responder

Aroeira

04 de julho de 2013 às 08h24

OPINIÃO PUBLICADA X OPINIÃO PÚBLICA

Lendo ontem à noite o livro A Outra História do Mensalão, do jornalista Paulo Moreira Leite, tá lá no primeiro parágrafo da página 64: “No tempo em que Fernando Henrique Cardoso era sociólogo, ele ensinava que a opinião pública não existe. O que existe, explicava é a “opinião publicada”. Esta é a que você lê.

Eu não sabia que esta distinção tinha sido feita com tanta clareza por FHC. Ponto ara ele.

A opinião publicada, que os donos dos jornais e redes de televisão chamam de opinião pública, é a opinião deles ou dos grupos que eles defendem/representam, e não a dos brasileiros. Esperem para breve centenas de manchetes nesta direção: “a opinião pública exige o aumento da taxa Selic, pois o povo brasileiro está cansado do abaixo rendimento da caderneta de poupança”. Sem dúvida, esta será uma opinião publicada a mando dos banqueiros.

Responder

Jose Mario HRP

04 de julho de 2013 às 07h03

A destruição total da praça de pedágio em Paulínia no caminho de Cosmopolis é o retrato dos sofrimento por que passam as pessoas moradoras as margens de estradas pedagiadas em áreas urbanas por todo o estado de São Paulo.
Para se deslocar de veiculo dentro de suas cidades os moradores arcam com pedágios extorsivos!
Dá medo de ver o filme da destruição, mas nessa estou com o povo.
Ele cansou de esperar!

Responder

Roberto Locatelli

04 de julho de 2013 às 06h59

Se a direita pode pressionar o governo Dilma, a esquerda também pode.

Quando digo “esquerda” quero dizer a Blogosfera Progressista e os petistas que não compactuam com a paralisia de Dilma na questão das comunicações.

Responder

    renato

    04 de julho de 2013 às 10h50

    Tõ junto… Dilma teria que ser rigida.
    Montar um conselho onde se ouvesse manipulação.
    a Rede que o FEZ deveria passar a verdade.
    Algo assim..deve existir não?
    Direito de resposta, etc..

FrancoAtirador

04 de julho de 2013 às 00h54

.
.
MANIFESTANTES INGLESES DETONAM REDE GLOBO,
EM PROTESTO DE APOIO AO BRASIL

Jornalistas da Globo foram hostilizados em Londres

Blog do Implacável, via Luis Nassif OnLine

Jornalistas da rede Globo foram hostilizados e impedidos de entrevistar os participantes das manifestações de Londres em apoio ao Brasil.

Marcos Losekann tentou intimidar um manifestante mais exaltado, mas retrocedeu ao perceber que a maioria apoiava o último.

Uma outra jornalista da Globo News, Ana Carolina, também não conseguiu realizar sua matéria, sendo aconselhada por manifestantes a deixar a empresa onde trabalha para assim poder exercer livremente suas funções.

O grupo se reuniu por alguns minutos, tempo em que Marcos aparentemente transmitiu sua entrevista via celular.

Visivelmente desconfortáveis com a situação, o grupo não quis dar entrevistas e deixou o local.

(http://www.youtube.com/watch?v=tMcMjWEWnys)

http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/jornalistas-da-globo-foram-hostilizados-em-londres

Responder

eros josé alonso

03 de julho de 2013 às 20h29

Bem se desmascarada ninguém faz nada, o povo tem mais é que cercar a emissora.Falta vergonha a nossas autoridades que controlam a mídia. Onde anda o MP? Tudo isso é crime.E a Justiça. A, os togados só agem se forem acionados.Como ninguém aciona…Ou acionam e nos nem sabemos porque tem sigilo de Justiça, a forma que encontraram para esconder fatos do povo.Sei bem que tudo é verdade.Sei bem.

Responder

    cesar lopes

    03 de julho de 2013 às 21h30

    O MP quiz derrubar a PEC 37, agora que tire a #[email protected]&%$ da cadeira e investigue, ou será que quando é povo não importa?

Luís Carlos

03 de julho de 2013 às 19h50

Qual mesmo a novidade sobre a Globo? Ela manipulou? Não é novidade.

Responder

Andrea

03 de julho de 2013 às 19h49

É muita cara-de-pau! O pessoal do PSOL convoca manifestação nas vizinhanças do Maracanã e depois reclama que as pessoas sentiram cheiro de gás lacrimogêneo. Ora, não era isso mesmo que vcs queriam? Provocar a PM e causar o máximo de confusão? Por que não fizeram manifestação na Cinelândia? Aí não tem graça, né? E as bombas e coqueteis Molotov? Isso pode? Também é mentira? E o PM incendiado que ganha salário mínimo? Esse não merece nenhuma consideração do PSOL. Por isso que não voto mais em vcs.

Responder

    Carlos Lenin Dias

    03 de julho de 2013 às 20h25

    O vereador do psol,poderia tentar influenciar seu partido,a apoiar regulamentação da mídia…melhor q frases de efeito

    Cláudia

    03 de julho de 2013 às 20h59

    Cara Andrea não foi o PSTU que puxou essa manifestação, inclusive eles nem presentes estavam, esses fizeram sua manifestação no período da manhã. Se você prestar atenção no início da confusão, percebe claramente que iniciou a mesma foi a PM jogando gás de pimenta em direção ao posto, aí sim atiraram coquetel molotovi na direção deles. Devo te informar que fui a manifestação porque discordo com a forma que o governo usa nosso dinheiro, o que adianta tem estádios maravilhosos e um povo faminto e carente dos mais simples serviços como saúde e educação, fui acompanhada de amigos, te informo não sou nenhuma garotona irresponsável já passei dos 40 e meus amigos também, a moça que fez essa filmagem estava em um prédio que fica em frente a escola militar, a PM foi nos empurrando atirando gás e balas de borracha ficamos encurralados em uma pequena rua lateral, ali agradeci o comportamento dos manifestantes, tamanha solidariedade e organização, pois se não fosse essas atitudes teria acontecido uma tragédia, essa PM que você defende é cruel e desumana, sem sentimentos e mesmo sem um pingo de inteligência e sagacidade, pois nesse grupo encurralado incluía membros do MP e OAB, esses também não escaparam da sanha desses PMs que você defende. Jamais deixarei de defender quem realmente merece meus alunos, seres humanos jogados em chão de hospitais públicos, trabalhadores que utilizam desses transportes nojentos, caros e ineficiêntes que saem de casa antes do sol aparecer e voltam sem ver seus filhos acordados.

    RicardãoCarioca

    04 de julho de 2013 às 13h08

    Primeiro, se vocês levaram bombas e coquetéis Molotov para o protesto, perderam a razão de reclamar da ‘bossalidade’ da PM. Que intenções tem um manifestante que leva bombas e coquetéis Molotov para protesto?

    Segundo, por culpa da SeCom – e, por conseguinte, do governo – se você acha que o governo gastou com os estádios em detrimento da saúde, segurança, etc., você está desinformada, talvez por estar lendo muito o PiG. Não se trata de doação do governo, mas sim financiamento. Quem contraiu os financiamentos para as reformulações dos estádios, deverão ressarcir o credor, no caso, governo via BNDES e demais bancos privados.

José Maia

03 de julho de 2013 às 18h44

Não dá para concluir nada do vídeo. Agora quando uma passeata se nega a informar seu trajeto – não há boa intensão aí, né?

Responder

    Christian

    03 de julho de 2013 às 19h40

    Não é passeata ou procissão pra informar trajeto. É manifestação, protesto, a sabotagem faz parte.

    Andrea

    03 de julho de 2013 às 20h32

    Em qualquer país civilizado vc tem que informar o local da manifestação às autoridades oocais. Daí a polícia pode te proteger e vc pode cobrar da polícia que ela te proteja. É assim que funciona. Pelo jeito vc apoia violência, uso de bombas incendiáris, coquetel Molotov. Daí eu não te apoio. È legal tacar fogo em PM que ganha um salário menor que a tua mesada?

trombeta

03 de julho de 2013 às 18h07

Hoje é dia de festa na globo: tem mais uma ditadura no mundo (Egito).

Responder

    Valmont

    03 de julho de 2013 às 18h23

    No grupo Bandeirantes também. Ouvi na Band FM duas “pejotas” exultantes perguntando se o Presidente Morsi não lançaria mão de um “plebiscitozinho” para escapar do golpe. ¬¬
    Está cada vez mais difícil conviver com esses sabujos do PIG. Sinceramente.

    Elias

    03 de julho de 2013 às 20h06

    Verdade, Valmont. Incrível como o Grupo Band segue à risca esse modelo sujo de fazer jornalismo no Brasil. Claro, tendo as Organizações Globo como carro-chefe.

    Pedro Lima

    03 de julho de 2013 às 22h44

    perguntando se o Presidente Morsi não lançaria mão de um “plebiscitozinho” para escapar do golpe??

    sério isso??

    espero que alguém tenha gravado…

    Isso tem que ser DENUNCIADO de forma INTENSA.

    Isso se chama INCITAÇÃO a golpe militar no Brasil, ao festejar o golpe militar no Egito e comparar explicitamente com a situação brasileira.

    Isso dá cadeia, e a Polícia Federal precisa agir imediatamente!


Deixe uma resposta para Jose Mario HRP

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding
Loja
Compre aqui
O lado sujo do futebol

Tudo o que a Globo escondeu de você sobre o futebol brasileiro durante meio século!