VIOMUNDO

Diário da Resistência


Denúncias

Assessoria de FHC confirma encontro com investidores estrangeiros, mas nega denúncia de jornalista


18/10/2010 - 18h28

Título original deste post: Hotel das Cataratas confirma grupo de investidores estrangeiros, mas diz que lista é confidencial

por Luiz Carlos Azenha

Confirmei há pouco com o Hotel das Cataratas, de Foz da Iguaçu: um grupo de investidores estrangeiros esteve mesmo hospedado lá, para participar de um evento. Uma funcionária do setor de reservas disse que as informações relativas ao grupo são confidenciais, ou seja, que não pode revelar quem esteve presente, nem quem ficou hospedado.

A funcionária sugeriu que uma consulta fosse feita à assessoria do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso. É o que Conceição Lemes está fazendo neste momento.

Estes esclarecimentos se fazem necessários diante de um post do blog Tijolaço, do deputado Brizola Neto, para o qual buscamos confirmação independente.

ASSESSORIA DE IMPRENSA DE FHC ESCLARECE


Sobre a Tarpon Investimentos, com a qual fizemos contato (ainda sem resposta), a revista Exame publicou:

Vai um dinheiro aí?

Chega ao Brasil uma nova geração de fundos private equity. E ela traz consigo 2 bilhões de dólares para investir

Por Denise Carvalho  | 25.08.2006

Depois de uma entressafra de investimentos que durou pelo menos três anos, uma nova injeção de capital de risco está chegando ao país. Existem pelo menos dez novos gestores de fundos de private equity já investindo ou em fase de levantamento de capital — bilhões de dólares que serão injetados em empresas brasileiras.

Esse grupo de estreantes, formado por nomes ainda pouco conhecidos, como Tarpon, AG Angra e Governança & Gestão (G&G), vem captando dinheiro a taxas asiáticas. Nos últimos 12 meses, seis desses fundos captaram 815 milhões de dólares e até o fim do ano os recursos reunidos por esse novo time devem alcançar 2 bilhões de dólares.

É uma soma considerável, sobretudo levando-se em conta o retrospecto dessa atividade no país — a quantia levantada pelos novos fundos será equivalente a quase 30% do que todo o setor de private equity movimenta hoje no Brasil. Para as empresas brasileiras, ainda carentes de fontes de financiamento, a chegada dessa leva de investidores é uma ótima notícia.

“A entrada de novos recursos sempre torna o crédito para os negócios mais barato”, afirma Marcus Regueira, presidente da Associação Brasileira de Gestores de Fundos de Private Equity e Capital de Risco (ABVCAP).

O maior motor dessa euforia é o crescimento do mercado de capitais brasileiro. Em geral, os fundos de private equity compram participações em empresas para tentar valorizá-las e vendê-las no futuro. Com o fortalecimento da bolsa, esse movimento de saída ficou mais fácil, mais lucrativo e, por essa razão, mais atrativo.

Das últimas 20 ofertas públicas de ações feitas na Bovespa, 13 foram de empresas que tinham fundos de private equity entre seus acionistas. Juntas, essas companhias levantaram mais de 4 bilhões de dólares em suas emissões de ações.

“Não há dúvida de que a chegada desses novatos ocorre graças às melhores oportunidades de negócio no país, à liquidez do mercado e ao desenvolvimento da bolsa de valores, que propicia a saída dos investidores dos fundos”, afirma o professor Cláudio Vilar Furtado, coordenador do Centro de Estudos de Private Equity e Venture Capital da Fundação Getulio Vargas.

Outro fator também tem estimulado a entrada de novos gestores. Em 2003, a Comissão de Valores Mobiliários (CVM) criou uma legislação que torna mais transparente a administração das empresas que recebem esse tipo de investimento — normalmente companhias de capital fechado, pouco acostumadas a prestar contas.

Com isso, elas agora são obrigadas a apresentar ao fundo a demonstração de seus resultados, a relatar os contratos que têm com companhias co ligadas e a eleger um conselho de administração. A transparência, claro, diminui os riscos inerentes ao negócio. Menos risco normalmente significa mais investimento.

No radar desses novos fundos, os setores que oferecem melhores oportunidades atualmente são os de infra-estrutura, agronegócio, energia, varejo e imobiliário. É nessas áreas que os gestores começam a concentrar seu dinheiro.

Veja o caso da Tarpon, administradora de recursos que tem em carteira aproximadamente 580 milhões de reais num fundo de private equity. Fundada em 2002, a Tarpon tem entre os sócios o administrador paulista José Carlos Reis de Magalhães, conhecido como Zeca e tido no mercado como uma espécie de gênio precoce das finanças. Com apenas 28 anos, Zeca tem passagens por empresas como GP, Semco e pelos bancos JP Morgan e Patrimônio.

Neste ano, comandou a primeira tacada da Tarpon na área de private equity ao associar-se a um grupo de investidores, entre os quais o empresário Elie Horn, dono da construtora Cyrela. Juntos, eles criaram a BrasilAgro.

Seu objetivo é comprar e arrendar propriedades rurais onde serão desenvolvidas atividades como o plantio de cana-de-açúcar, grãos e outras culturas. Os executivos da empresa, que fez sua estréia na bolsa em maio, anunciaram há alguns dias que estão prestes a fechar a compra de seus três primeiros terrenos.

Alguns dos gestores dessa nova safra já são há algum tempo celebridades do mundo das finanças. É o caso do hoje recluso Armínio Fraga, sócio da Gávea Investimentos e ex-presidente do Banco Central, considerado um dos notáveis da gestão do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso e que trabalhou durante seis anos com o especulador húngaro George Soros.

Há cerca de um ano, a Gávea passou a captar recursos para um fundo de private equity gerido por Luiz Fraga, primo e sócio de Armínio. Hoje, esse fundo soma quase 220 milhões de dólares. Entre seus recentes investimentos estão a aquisição da Fazenda Ipanema, antiga propriedade do banqueiro Júlio Bozano, localizada em Alfenas, no sul de Minas Gerais, e a compra de um andar de um edi fício comercial anexo ao Shopping Leblon, no Rio de Janeiro, que será inaugurado nos próximos meses.

“O fato de ter atuado na carreira pública facilita o contato com donos de empresas e projetos”, diz Antonio Kandir, outro estreante no mercado de private equity que freqüentou os bastidores da política. Ex-ministro do Planejamento, Kandir é sócio da Governança & Gestão Investimentos, que já captou 300 milhões de reais.

Seu primeiro grande negócio foi a compra do controle acionário da rede de supermercados Gimenes, em abril. Com sede em Sertãozinho, no interior paulista, a cadeia tem 27 lojas na região de Ribeirão Preto.

Últimas unidades

A mídia descontrolada: Episódios da luta contra o pensamento único
A mídia descontrolada

O livro analisa atuação dos meios de comunicação.

A publicação traz uma coletânea de artigos produzidos por um dos maiores especialistas do Brasil no tema da democratização da comunicação.

Por Laurindo Lalo Leal Filho



130 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

ratusnatus

23 de outubro de 2010 às 18h26

Depois saiu um editorial do jornal: http://www.diarioliberdade.org/index.php?option=c

Responder

ratusnatus

20 de outubro de 2010 às 21h57

Este seria o Santo Graal do jornalismo político brasileiro e só tinha um jornalista lá que só conseguiu alguns depoimentos.

Mas essa imprensa….

Responder

Maria Helena Correa

20 de outubro de 2010 às 16h22

Mais uma vez FHC senta na cadeira de Prefeito antes da apuração das urnas. Isso dá azar pra tucano!!!! E se ele se referilu a seu pupilo nesses termos, o Serra tá lascado. Totalmente desautorizado, vai ficar de cara pra parede, jjunto com Aecio. O que o Poder faz pelo caráter das pessoas!

Responder

Klaus

20 de outubro de 2010 às 10h03

FHC tem que provar o que não disse? kkkkkkkkkkkkkk Eu provo que Dilma era a favor do aborto. Vão à luta!

Responder

Marilda Oliveira

19 de outubro de 2010 às 22h47

Azenha, O JP Morgan recebia recursos enviados por laranjas sediados em Foz do Iguaçú. Segundo o delegado Castilho, todas as pessoas que movimentaram essas contas no exterior, como foi o caso de Serra e Ricardo Sérgio de Oliveira, deverão ser investigados pela Comissão Parlamentar de Inquérito.
http://ingerenciaecorrupcao.blogspot.com/2010/03/http://comportamentopolitico.blogspot.com/2010/07

Responder

Ex- presidente nega denúncia de jornalista « Blog do Gerd Klotz

19 de outubro de 2010 às 22h22

[…] presidente nega denúncia de jornalista Por gerdklotz DO VIOMUNDO 18 de outubro de 2010 às […]

Responder

jose maria

19 de outubro de 2010 às 21h33

Azenha, é muito fácil provar o que aconteceu lá neste hotel. Basta que sô fhc distribua uma cópia da filmagem deste eventos ou anotações feitas pelos "investidores". Claro que isto deve vir com a lista do hotel, senão … Pronto: tá esclarecido. Enquanto isto, aqui pelas bandas das Minas Gerais, pesquisa do IBGE mostra que serra ganha disparado e quem tá perdendo?: os vales, os montes, as baixadas etc…

Responder

Marcos Lira

19 de outubro de 2010 às 19h12

Urgente: o caso da PetrobraS não foi único, a campanha de Dilma tem que falar do caso do Bando DO Brasil !!!

Trabalhei no "Banco DO Brasil" por 21 anos, 11 meses e 5 dias (1983 a 2005). E por que eu coloco o "DO" em maiúsculo ? porque no governo FHC, a exemplo do que ocorreu com a PetrobraS, o nome do nosso BB não foi alterado para "Banco Brasil" por falta de tempo, coisa que, certamente, Serra o faria se tivesse sido eleito em sua sucessão. Uma consultoria estrategicamente contratada deu essa receita. Isso em sequência a programas de redução de quadro (DRH30, Plano de Devmissão Voluntária, Plano de Adequação de Quadro, etc). Pesquisem mais, esse foi mais um exemplo da administração privatista de FHC/Serra. Os planos de demissão não tinham nada de voluntários, já que impunham aos funcionários situações humilhandte e difícieis, como mudar para lugares bem distantes, separando famílias e jogando na lata do lixo anos de dedicação. Houve casos de suicídos, um que me lembro ocorreu no Ceará. Claro que isso foi feito de caso pensado, para quebrar o AMOR que os funcionários tinham pelo nosso querido BB. Tudo isso, aliado à gestões deficientes que levava o Banco a ter resultados ruins, formava um verdadeiro caldeirão de motivos para a privatização: quadro enxuto, nome novo, preço barato, privatização (ou doação).

Responder

    Maria Rita

    20 de outubro de 2010 às 07h07

    Muito bem lembrado, Marcos! Também sou da casa e, de fato, não fomos vendidos por um triz… O slogan "Banco Brasil" foi divulgado por alguns dias nos comunicados internos, mas ainda havia um pouquinho mais de mobilização e resistência por parte dos funcionários e o momento não foi propício para os vendilhões.
    Também gostaria que essa história de "Banco Brasil" fosse mais divulgada, mas infelizmente isso é esquecido até dentro do BB… O PDV de 1995 e outras políticas subsequentes, como as mudanças de 1998, que instituíram quase uma guerra entre os funcionários mais antigos e os recém-contratados, conseguiram desmontar aquele BB "véio de guerra".

Tijolaço – O Blog do Brizola Neto » Blog Archive » Os “garotos do bilhão” de Fernando Henrique

19 de outubro de 2010 às 18h13

[…] A reprodução do e-mail da assessoria do ex-presidente pode ser vista aqui, no site Viomundo. […]

Responder

Beatriz

19 de outubro de 2010 às 17h18

Digamos que tudo seja pura 'calúnia' dessa oposição maldosa, e o pobre e nobre senhor só estava trabalhando.
Resta saber o que FHC fazia em pleno domingo à noite, às vésperas de uma eleição dis'puta'da, com 150 empresários estrangeiros escondido num hotel em Foz do Iguaçu, bem na hora de um importante debate do afilhado dele, quando estava todo mundo de olho na RedeTV.

Fica parecendo com aquela cena: marido chega em casa de repente e pega a mulher de roupão, hidro ligada e um Ricardão pelado. Ela jura que 'não é nada disso que vc está pensando!' É que a hidro quebrou qd ela estava entrando pra um banho de sais, ele é da manutenção e veio arrumar a hidro. Ele só tirou a roupa pq se molhou. Ah! E a caixa de ferramentas ficou no carro…

Nem quem acredita em coelhinho da páscoa cai nessa.

Responder

Josnei Di Carlo

19 de outubro de 2010 às 16h45

Lucas Morais, no Twitter, está dando detalhes:

Se conseguirmos as fotos do evento, poderemos comprovar que o evento teve a participação de "jovens" bem conhecidos no mercado financeiro. 4 minutes ago vía web

Afinal, se o jornalista está mentindo, porque FHC não o desmascara com provas? 7 minutes ago vía web

Quem deve explicações sobre esta reunião é o próprio FHC, sugiro que arranquem mais info da assessoria dele ou diretamente. 7 minutes ago vía web

E a quem acredita na versão de FHC, de que se trata de uma reunião (portas fechadas) com jovens empresários, sugiro mais crítica e apuração. 9 minutes ago vía web

Assim que as fotos forem obtidas, publicarei na íntegra no Diário Liberdade. 9 minutes ago vía web

O jornalista Laerte Braga está aguardando a resolução de problemas com as fotos que foram tiradas. 10 minutes ago vía web

"tentativas de desestabilização, que rendem uma nota numa só operação." 12 minutes ago vía web

"A de que, além dos negócios tratados, estejam fazendo jogadas na bolsa de valores com informações privilegiadas e (…)" 12 minutes ago vía web

"A uma meia hora atrás uma figura da ANVISA entrou em contato com a gente aqui e agora começa a surgir outra possibilidade." 13 minutes ago vía web

"(…) e que está passando uns dias por lá. Na verdade, foi pura sorte." 14 minutes ago vía web

"Posso assegurar a você que se trata de uma pessoa de mais de 70 anos de idade, antiga militante de um grupo de luta armada (…)" 14 minutes ago vía web

Agora sobre a fonte. 14 minutes ago vía web

"agora menor, a maioria já viajou para seus lugares de origem" 14 minutes ago vía web#

"E note você que vou fazendo a conta gotas, à medida que me vão sendo passadas, pois há desconfiança entre o grupo, (…)" 15 minutes ago vía web

"O blog da Hildergard Angel confirmou no hotel a realização do evento, o Brizola Neto também confirmou" 15 minutes ago vía web

"FHC referiu-se às denúncias como 'denúncias caluniosas', mas não as rebateu" 15 minutes ago vía web

"Penso que o essencial, a presença de FHC e o evento por si só confirmam os fatos, além da ausência de desmentidos. (…)" 16 minutes ago vía web

"O não poder atender essa expectativa reside na necessidade de preservar a fonte. Ele sofrerá retaliações sérias se vier a ser conhecida" 16 minutes ago vía web

"De qualquer forma um especialista com cabo universal está passando as fotos para um CD" 17 minutes ago vía web

"A dificuldade com as fotos está no fato do aparelho usado, SAMSUMG, não estar configurado devidamente (…)" 18 minutes ago vía web

"(…) foi tudo cercado de muita segurança por parte deles, mas veja você que não houve um desmentido sequer." hace 19 minutos vía web

Laerte Braga: "Lucas, o hotel confirma o evento para quem ligar para lá, as fotos devem chegar a qualquer momento, (…)" hace 19 minutos vía web

@vcr2 E, na verdade, quem tem o que explicar ao Brasil e aos brasileiros é FHC, e não o jornalista. hace 32 minutos vía web en respuesta a vcr2

@vcr2 Eu entendo sim.Prefiro noticiar do que me calar diante do que foi dito e feito pelo FHC. Laerte, do alto de seus 80 anos, ñ ia mentir. hace 33 minutos vía web en respuesta a vcr2

Quem tiver dúvidas quanto a credibilidade das informações, eu passo o e-mail pessoal do jornalista Laerte Braga. hace 44 minutos vía web

@vcr2 Mas são fatos vazado por informantes, caso você duvide eu te passo o e-mail pessoal do Laerte Braga. hace cerca de 1 hora vía web en respuesta a vcr2

@vcr2 Falar a jovens empresários de portas fechadas, forte esquema de segurança e fechado à imprensa é que complica a apuração independente. hace cerca de 1 hora vía web en respuesta a vcr2

@vcr2 São informações vazadas por informantes que estiveram na reunião de Itaipu. Ou você acha que FHc falou a jovens empresários? hace cerca de 1 hora vía web en respuesta a vcr2
http://twitter.com/luckaz/

Responder

    Klaus

    19 de outubro de 2010 às 17h13

    O ônus da prova é de quem acusa. Eu provo que Dilma defende o aborto, com imagens inclusive. Façam o dever de casa e provem vocês o que dizem. FHC não tem que provar nada.

    Caetano Greco Junior

    19 de outubro de 2010 às 18h34

    Dilma defendendo o aborto ou descriminilização do mesmo? Klaus, você quer que façamos então o dever de casa como faz a Folha e a Veja? Então pronto, hahahaha… No dos outros não arde, não é mesmo? As viúvas da ditadura estão em polvorosa. Tanto trabalho para ir ao segundo turno e o vendilhão dá uma mancada dessas, hehehehe…

    mariazinha

    19 de outubro de 2010 às 18h49

    Mostre!
    Quero ver onde ELA diz ser a favor do aborto!
    Palavraa ao vento, todos podem dizer, como fhc, serra e outros.

    Aqui, uma prova de que serra sí diz bobagens e é uma temeridade deixar o BRASIL NAS MÃOS DESSA TURMA: http://www.youtube.com/watch?v=ORef3eK3RbI&fe

Josnei

19 de outubro de 2010 às 16h10

Laerte Braga escreveu outra reportagem sobre a palestra:
http://www.diarioliberdade.org/index.php?option=c

Não merece ser investigado pela PF? Ou não é da alçada dela? Se Laerte Braga tiver mais evidências, FHC simplesmente está colocando a soberania nacional em risco.

Responder

cesarlaus

19 de outubro de 2010 às 15h50

Azenha, mas 'fofoca' do fHHc em Foz;

Olha mais dados do encontro do fHHc com empresários para ‘lotear’o país, em Foz do Iguaçu:
http://brasilmobilizado.blogspot.com/

FHC DIZ A AMERICANOS QUE DOMOU AÉCIO E NORDESTE NÃO VAI VENCER SÃO PAULO

Laerte Braga

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso deixou o Hotel das Cataratas em Foz do Iguaçu na manhã de segunda-feira por volta das oito horas. Junto com ele viajaram alguns dos 150 investidores estrangeiros que no sábado e domingo participaram de um evento organizado por um diretor do grupo GLOBO, para assegurar a venda de estatais brasileiras (BANCO DO BRASIL, PETROBRAS e ITAIPU), como compromisso de José FHC Serra.
Os demais investidores, em sua maioria, deixaram o hotel na terça após o café da manhã.
A conversa oficial de FHC com os empresários ocorreu na noite de domingo em um jantar cercado de toda a segurança possível e fechado à imprensa.
Ato contínuo ao jantar o ex-presidente, em conversa informal com os investidores disse, entre outras coisas, que o “Aécio está domado. É só um menino que acha que pode ser presidente por ser neto de Tancredo. É neto, não é Tancredo”.
FHC procurou afastar os receios dos investidores em relação às pesquisas que indicam vitória maciça de Dilma Roussef no Nordeste. “Com o Aécio neutralizado o Nordeste não conseguirá derrotar São Paulo e Minas”. E acrescentou – “as coisas no Brasil hoje não se decidem em Brasília, nem no Nordeste, mas em São Paulo. Lá está a locomotiva, o resto da composição vem atrás sem poder contestar”.

Responder

Urbano

19 de outubro de 2010 às 15h33

Vale quanto essa negação deles? Para mim rosca, zero! E claro que eu não vou deixar de acreditar no Laerte Braga, para acreditar nessa assessoria do fred henrique flitstones salieri, o moiteiro, que mente tanto quanto o zé contra-rampa, o mitômano. Da oposição ao Brasil, principalmente agora durante a campanha, levante a mão quem disse uma única verdade ao povo brasileiro.

Responder

Henrique Nunes

19 de outubro de 2010 às 15h02

O mínimo que se pode dizer é: FHC promove especulação, graças ao sucesso do governo Lula
Mas claro que o buraco é mais embaixo, sempre é em se tratando desta casta, disfarçada de partido político

Responder

antijosias

19 de outubro de 2010 às 14h50

Creio que na verdade esse evento tinha uma função específica: arrecadar dinheiro para o Serra. Para agradar aos "investidores" estrangeiros, FHC deu a entrevista à Veja onde anuncia que Serra é o cara das privatizações. Foi a senha para "assanhar" e atrair os "investidores". Depois, fazem o evento em Foz do Iguaçu. Porque Foz? Para facilitar a entrada de dólares ilegais, via fronteira. Pode parecer "teoria da conspiração", mas em se tratando desses sujeitos, tudo é possível – não há limite ético para nada.

Responder

Baixada Carioca

19 de outubro de 2010 às 14h41

O jornalista Laerte Braga mantém o desafio de qualquer um negar ou processá-lo por calúnia e difamação e reafirma: GLOBO E FHC VENDEM O BRASIL EM FOZ DO IGUAÇU.

Responder

De Paula

19 de outubro de 2010 às 12h33

O Brasil sendo vendido em barraca de feira . e voces acham pouco ? Quem dá mais ?????

Responder

Josnei Di Carlo

19 de outubro de 2010 às 12h22

Por que FHC não envia uma cópia do discurso para acabar com as dúvidas? Ou o discurso da palestra foi de improviso?

Responder

    Baixada Carioca

    19 de outubro de 2010 às 14h36

    A pergunta deve ser outra: por que o negócio foi cercado de cuidados para não vazar o conteúdo?

    Josnei

    19 de outubro de 2010 às 16h22

    Sim.

    A palestra tem uma programação, apontando o(s) tema(s) e os objetivos. O palestrante escreve notas para fazer sua apresentação.

    Então, a notinha da assessoria de imprensa de FHC é tosca.

    Para acabar com as dúvidas, qual foi o conteúdo da palestra? Senão revelar, realmente é grave, pois o conteúdo relatado por Laerte Braga trata-se de uma ameaça a soberania nacional.

augusto

19 de outubro de 2010 às 11h53

Nao daremos nenhuma tregua a voce, Joaquim Silverio Cardoso dos Reis!

Responder

Carlos

19 de outubro de 2010 às 11h33 Responder

teresa

19 de outubro de 2010 às 11h15

.

Uma campanha recheada com tantas investidas criminosas, como a impressão de milhões de panfletos caluniosos para serem distribuídos nas igrejas e o telemarketing para difamação da candidata, vai perdendo a cada dia a credibilidade dos seus desmentidos .

Por que, a essa altura do campeonato, uma "palestra" precisaria ser feita a portas fechadas, cercada do mais absoluto sigilo?

.

Responder

    Sanzio

    19 de outubro de 2010 às 12h07

    Como disse FHC, em sua nota, a palestra foi para "um grupo de jovens investidores de São Paulo, que lidam especialmente com fundos de pensão de Universidades e professores".

    Os professores (devem ser os da rede pública de São Paulo) não querem ver seus nomes expostos, pois temem ser vítimas de assaltos e sequestros, que fatalamente ocorreriam se os bandidos do PCC tomassem conhecimento de suas fortunas aplicadas nos fundos da Tarpon.

    (Basta ir ao site da Tarpon para ver quem são os "jovens investidores". Tudo raposa velha do mercado).

Pres. Zezinho nomeia ex-pensador FHC como Leiloeiro-Geral da República « TIA CARMELA E O ZEZINHO

19 de outubro de 2010 às 11h12

[…] criancinhas tentaram criar mais um factóide contra o Mais Patriota dos Brasileiros. Afirmaram que, no mesmo horário em que o savant FHC falava aos investidores estrangeiros, o Presidente de Nascença discursava, no […]

Responder

João Ferreira

19 de outubro de 2010 às 11h06

Azenha
O sindicato dos empregados na hotelaria de Foz é bastante atuante e com certeza, algum dos garçons, maitres ou colaboradores do Hotel participaram do evento e muito provavelmente devem ter até algumas pastas disponíveis.
Na época que estive lá alguns maitres e garçons eram fluentes no inglês.
Podem testemunhar a fala do lesa-pátria

Responder

valdeci elias

19 de outubro de 2010 às 10h11

Serra é o politico camaleão. Chega pros evangelicos, canta hino religioso. Chega numa igreja católica se ajoelha, e é devoto de todos os santo. Chega pro trabalhador e diz que vai aumentar o salário minimo. Pro aposentado vai aumentar a pensão. Pros empresarios vai diminuir impostos, cortar gastos do Estado. E agora avisa ao investidor estrageiro que vai vender o pré sal e o Banco do Brasil. E ao EUA que vai deixa-lo , instalar uma base militar no Brasil.
Ele é bom em falar oque o espectador quer ouvir.

Responder

Tania R Guimaraes

19 de outubro de 2010 às 10h01

Eu nao sou economista, mais leio muitissimo na area. Eu sei que no Brasil existe regulamentacoes que evita o desastre economico que ocorreu nos USA. Sei tambem que o desastre foi causado por falta de regras de investimentos. As pocas regras que existiam nao eram monitoradas. As hipotecas eram grupadas em lotes, vendidas como tipi letras, e havia tambem vendas sobre vendas, e sguros sobre seguros rodado como em cassino. No final das contas podiam (Acho que ainda pode) Apostar no fracasso desta ou aquela empresa.
Os fundos de pensao foram seduzidos a investir e hoje estao exugados. Ninguem e responsavel em repor as perdas dos aposentados, ou prestes a aposentadoria.
Cuidado Brasil, com as leis que proteje o consumidor e o patrimonio nacional

Responder

Druida

19 de outubro de 2010 às 09h36

OU…. talvez seja um esforço desesperado do demotucanato para arrecadar dinheiro com a perspectiva de derrota e o imenso passivo que a campanha vai deixar. "Ajudem-nos a pagar essa conta, para continuarmos a fazer oposição em defesa dos seus interesses" ou algo assim… Seria muito burro fazer uma reunião para "vender o Brasil" dias antes das eleições, e ainda por cima no Brasil, onde a privacidade dessas coisas dura algumas horas, se tanto…

Responder

Klaus

19 de outubro de 2010 às 09h07

Entendi: a duas semanas das eleições, FHC, aliado de Serra, faz uma palestra defendendo a privatização da Petrobras. Hum, acho que esta nem vocês acreditaram. Aliás, não acreditaram também da pesquisa da Vox Populi. Dilma é a favorita para vencer, mas tá dando um calorzinho esta reta final.

Responder

Uma simples palestra tem de ser secreta? « Livre pensar é só pensar!

19 de outubro de 2010 às 05h38

[…] Leia mais… […]

Responder

Matheus Pinheiro

19 de outubro de 2010 às 03h23

A Tarpon tem alguns bilhões em ativos e está presente no capital de várias empresas, a destacar: Brasil Foods, Lojas Marisa, Hering, Comgas, Cremer, Celesc, BrasilAgro, etc.

Responder

Jogo da privaria volta a assombrar | A Tal Mineira – Blog da Sulamita

19 de outubro de 2010 às 03h07

[…] em outros blogues mais estruturados e, no finalzinho da tarde, eis que encontrei no Vi o Mundo o que, em jornalismo, chamamos de repercussão da notícia. O título: “Hotel das Cataratas […]

Responder

Augusto

19 de outubro de 2010 às 03h07

No mesmo dia em que FHC aparece pela primeira vez em seis meses ao lado do candidato José Serra, FHC dá palestra para jovens investidores.

Será que foi para mostrar poder de fogo à turma da crise financeira global?

Ele não pode tornar público o conteúdo da palestra? Acho imoral um ex-presidente fazer uma palestra como quem vende informação secreta, mas espero que não seja este o caso.

Vale constar: os investidores da Tarpon, aliás, são bastante ligados aos setor de energia. http://www.omegaenergia.com.br/

Responder

henry_H

19 de outubro de 2010 às 02h47

E como ficou essa história de que informação de controladores de vôo do aeroporto de Foz do Iguaçu de que FHC chegou lá em jatinho da Occidental Petroleum?…

Responder

GustavoEgito

19 de outubro de 2010 às 02h46

As Agências "Reguladoras" foram criadas por quem? FHC e Serra!
Para benefício de quem? Dos amigos que compraram as estatais e fnanciados pelo BNDES!
Contra quem? O Consumidor brasileiro!
E o mandato dos "Reguladores"? Longo, bem longo…

Responder

Nico

19 de outubro de 2010 às 01h19

Na privatização das teles, FHC assinou um contrato em que os reajustes dos serviços seriam calculados pela média da inflação, por livre escolha das empresas.´
Ou seja, se a inflação foi de 8%, as empresas de telefonia podem reajustar, por exemplo, a taxa de instalação em 0%, a taxa de desligamento em 0% e a tarifa básica mensal em 24%, e foi isso que fizeram, aumentando absurdamente a tarifa básica, que é paga por todos, e aumentando consequentemente as faturas bem acima da inflação.
É como se FHC tivesse assinado um cheque em branco tendo por sacados todos os brasileiros.
Isso só deu uma parada no Governo Lula.
É esse o modelo de privatização defendido por Serra?

Responder

francisco.latorre

19 de outubro de 2010 às 00h51

encontro secreto!.. com estrangeiros.

isso é que é ex-presidente.

o melhor presidente do brasil que os estados unidos já tiveram.

agora é serra o fantoche.

brasil pra quem mesmo?..

..

não violão.

nem vem.

..

Responder

priscila presotto

19 de outubro de 2010 às 00h43

Credo ,FHC está colocando as manguinhas pra fora,ou será para dentro do bolso?
Deveria fazer as malas e ir embora.

Responder

renato

19 de outubro de 2010 às 00h28

Muito boa a explicação, Policia Federal em cima deles,não dá folga, e que negocio é este de não dar nomes, e se o Bin Laden estiver lá, e se A Elisa Sabugio estiver lá, e se o Batman estiver lá, ops o Batman já foi preso de novo.

Responder

Marilde Vianello

19 de outubro de 2010 às 00h21

Azenha,
Como dizem na minha terra "Ai tem. Aonde tem tucano, tem Vende Pátria.
Sugiro que faça contato com o Sérgio Rosa, ex-Presidente da Previ e atualmente Presidente da Brasilprev, gestor de grande, competência e hoje respeitadisímo no mercado financeiro. Ele conhece bem o apetite destes grupos, suas formas de atuação e ,sobretudo , como se comportam sempre por trás de testas de ferro. Ele, Sérgio sabe, o que passou enquanto presidia a Previ para não ser engolido por estes tubarões. Afinal é grave e merece ser investigado, anted de 31 de outubro.

Responder

Dina

19 de outubro de 2010 às 00h19

Desculpem; mas o que eu vejo nesta movimentação é o dinheiro da PRIVATARIA voltando! Arminio que o diga.

Responder

Gustavo Nasa

19 de outubro de 2010 às 00h01

Do opiniaodivergente.com

As privatizações das teles: perguntas que o homem se faz…

Quando eu era criança, naquela fase dos por quês, quando eu enchia o meu pai de perguntas e chegava a um por quê sem resposta, eu sempre soltava um “são perguntas que o homem se faz”.

Pois bem, já que o Zé Serra não pára de mencionar as privatizações da telefonia como o grande sucesso das privatizações, vamos a algumas perguntas que eleitores e eleitoras deveriam se fazer:

Por que foram investidos 21 bilhões de reais pelo governo nas teles antes das privatizações e só se arrecadou 8,8 bilhões (nesta arrecadação estou incluindo dinheiro financiado pelo BNDES?

Por que dizem que a privatização é que garantiu a universalização da telefonia se os investimentos públicos anteriores (os 21 bilhões de reais) foram essenciais a esta mesma universalização e que graças a estes investimentos a universalização ocorreria de qualquer modo?

Por que ninguém (nem o PT, muito menos os demotucanos) fala de Daniel Dantas quando se fala de privatizações das teles?

Por que ninguém explica o diálogo abaixo:
“MENDONÇA DE BARROS – Está tudo acertado. Mas o Opportunity está com um problema de fiança. Não dá para o Banco do Brasil dar? [Ricardo era diretor do BB].
RICARDO SÉRGIO – Acabei de dar.
MENDONÇA DE BARROS – Não é para a Embratel, é para a Telemar [nome de fantasia da Tele Norte Leste].
RICARDO SÉRGIO – Dei para a Embratel, e 874 milhões para a Telemar. Nós estamos no limite da irresponsabilidade.
MENDONÇA DE BARROS – É isso aí, estamos juntos.
RICARDO SÉRGIO – Na hora que der merda, estamos juntos desde o início.”?

Por que o Brasil tem uma das tarifas de telefonia mais cara do mundo?

São tantos por quês, que deixo só esses cinco para não bagunçar muito o coreto

Responder

Ramiro Tavares

19 de outubro de 2010 às 00h00

Acabo de ler uma interessantíssima matéria de hoje no jornal O Dia, do Rio de Janeiro: http://odia.terra.com.br/portal/brasil/eleicoes20
O que me chamou a atenção foi a análise do antropólogo Massimo Canevacci, marido da coreógrafa Sheila Ribeiro,especialmente quando declara que se Sheila tivesse dito que Dilma fez um aborto, essa declaração teria ido para as primeiras páginas de todos os grandes jornais, com fotos, colocando-a como uma heróina, que salvou o Brasil de ser governado por uma criminosa. Em não sendo assim, restou uma negativa e um sepucral silêncio.
Agora vamos ver o que vai acontecer em relação ao jornalista Laerte Braga. Por enquanto,só foi dito que embora FHC estivesse na tal reunião, no tal hotel, tudo que Laerte diz são "infâmias". Teremos, em seguida, um sepucral silêncio também?

Responder

luiz

18 de outubro de 2010 às 23h55

A subida das açoes da petrobras deveriam ser usadas pela campanha Dilma, pois apesar de obviamente não ter nada a ver, se tiver só tem uma resposta, de que caso eleito, o mercado desconfia que serra irá privatizar a petrobras, daí um interesse em aumentar as açoes para em seguida faturar na privatização. Apesar que eu não acredite em nada disso e sim mais um autoelogio do tucano baseado no nada ou no sucesso de outros, tipico do mesmo.

Responder

WILSON GOMES

18 de outubro de 2010 às 23h42

Azenha, parece claro que já se esboça um processo de transformar de novo o Brasil num balcão de negócios e negociatas. Pelo visto, FHC pretende se colocar como intermediário obrigatório nos negócios do Brasil, caso Serra seja eleito, o que é ainda remoto. Porém os tucanos já esfregam as mãos e ficam babando, só com esta remota e indesejada possibilidade.

Responder

almerindo

18 de outubro de 2010 às 23h40

MAIS DO QUE NUNCA estou MUITO preocupado com as famigeradas urnas eletrônicas…

Responder

    Francine

    19 de outubro de 2010 às 08h10

    Eu também, ainda mais quando se negocia a "venda" do Brasil antes dos resultados do segundo turno. Eu desconfio que essa baixaria toda é para justificar algo mais tenebroso.

    Jorge Stolfi

    19 de outubro de 2010 às 11h57

    Preocupado com as urnas eletrônicas? Com toda razão. Veja
    http://www.votoseguro.org/
    http://www.ic.unicamp.br/~stolfi/urna/biometria/2

    É significativo que foi o PSDB que introduziu essa urna em 1996, e nesses 14 anos tem combatido com unhas e dentes todas as iniciativas prluripartidárias do Congresso que tentavam introduzir a impressão dos votos. Veja-se o histórico das leis no site do VotoSeguro. O registro material do voto, conferido pelo eleitor e guardado em urna convencional para recontagem, é o único meio conhecido de impedir o desvio de votos por software — um tipo de fraude que a urna atual permite, e que, de outra forma, é impossível de impedir, detectar ou provar.

    Porque o PSDB (sozinho entre todos os partidos) faz tanta questão de manter a urna fraudável?

Walter Cesar

18 de outubro de 2010 às 23h29

É uma notícia para ficar de olho. A cobra está pronta para dar o bote.

Responder

CC.Brega.mim

18 de outubro de 2010 às 23h22

isso é sério!
vale uma investigação.
desde a fundação ford, quanto dinheiro americano FHC já recebeu?
de que entidades?
como elas se ligam à cia? ou ned?
FHC está captando recursos com investidores internacionais para fazer o quê na eleição ainda?
ele prometeu entregar o estado brasileiro?
o que ele vai dar em troca dos investimentos?

Responder

Marat

18 de outubro de 2010 às 23h17

FHC não tem honra! Vendeu-a, privatizou-a!

Responder

Druida

18 de outubro de 2010 às 23h13

Parece que esses demotucanos estão de novo "no limite da irresponsabilidade"… Para mim o "desmentido" de FHC já começa mentindo — esses não são "jovens investidores de São Paulo", como já averiguado.

Responder

joão henrique

18 de outubro de 2010 às 23h12 Responder

augustodafonseca13

18 de outubro de 2010 às 23h11

Temporada de Demagogia começou com o Serra, continua com Weslian

O Serra iniciou a temporada de propostas demagógicas, ainda no primeiro turno, com a promessa de aumentar o salário-mínimo para R$600,00 e dar reajuste de 10% aos aposentados, tudo isso logo que assumir o governo.

O que pode ser considerado crime eleitoral, já que está utilizando dinheiro público para comprar voto.

Agora é a vez da sua aliada, no Distrito Federal, Weslian Roriz.

Em sua propaganda televisiva, ela está prometendo anistiar todas as multas de trânsito, ocorridas até 30/9/10.

Segue em: http://festivaldebesteirasnaimprensa.wordpress.co

*

Responder

    @wmporto

    19 de outubro de 2010 às 22h19

    não sei o q o pt está esperando para fazer uma representação contra o serra.

Fernando

18 de outubro de 2010 às 22h54

18/10/2010 – 16h43
Bancada federal eleita do PSOL declara ‘voto crítico’ em Dilma

A bancada federal eleita do PSOL declarou na tarde de hoje “voto crítico” à candidata Dilma Rousseff (PT) à Presidência.

Responder

youPode » A Petrobras já está á venda? FHC fala com investidor estrangeiro

18 de outubro de 2010 às 22h54

[…] FHC repudia e chama de infâmia […]

Responder

João Carlos

18 de outubro de 2010 às 22h40

Se restava alguma dúvida se fhc é ou não um TRAÍRA, ela se dissipou com esta reunião de Foz do Iguaçu.

Responder

Carlos Alberto

18 de outubro de 2010 às 22h38

Já estão colocando o bico pra fora do ninho… Devem estar alvoroçados com a possibilidade de vitória. Ou quem sabe com a alta das ações da Petrobras com a subida do Serra…rsrsrs

Responder

Nilva

18 de outubro de 2010 às 22h34

Hoje, num evento do Dia dos Médicos, Serra disse não ver problemas que a gráfica de seu coordenador de campanha imprima folhetos caluniosos contra a Dilma. "É uma "transação comercial" com a CNBB. Disse tambéwm que as igrejas devem ter liberdade para se posicionar. Estão querendo tirar a liberdade das igrejas?
É muito cinismo ! Um amigo, filiado ao PSDB, que trabalhou na ALESP por muitos anos, disse que entre os tucanos o apelido do Serra/FHC e Aloysio é "trio do bueiro", de tanta podridão. Ele é insuspeito porque é tucano desde a fundação do partido. Ele sabe o que diz.

Responder

    kimparanoid

    19 de outubro de 2010 às 00h34

    Eis a moral neoliberal: vale tudo o que o dinheiro puder comprar!
    Agora, todo o dinheiro do mundo não é suficiente pra compensar essa falta de caráter.

Marcos

18 de outubro de 2010 às 22h20

FHC é um infame! Um entreguista!!! E Serra também merece os mesmos adjetivos!

Responder

Druida

18 de outubro de 2010 às 22h19

Parece que esses demotucanos estão de novo "no limite da irresponsabilidade"… Para mim o "desmentido" de FHC já começa mentindo — esses não são "jovens investidores de São Paulo", como já averiguado.

Responder

Marcos

18 de outubro de 2010 às 22h18

Ninguém falou sobre o post de Hildegard Angel. Ela, antes de alguns blogueiros progressistas, tinha escrito que se FHC estava mesmo mostrando oportunidades de investimento relacionadas às privatizações em um eventual governo Serra isto deveria ser classificado como um "atentado à soberania nacional". Palavras nada menos do que apropriadas. Salve, Hildegard!

Responder

José Pelegrino

18 de outubro de 2010 às 22h15

Estão realmente confiantes da vitória. Se eu fosse da campanha da Dilma martelava isso a semana inteira, até enjoar e encostava esse cara de pau do Serra na parede, dizendo que ele é mentiroso, que já está até acertando a venda do que resta do Brasil, jogava na cara que ele assinou um documento que não deixaria a Prefeitura de São Paulo, bateria durante todo o debate nessa tecla e pediria para ele assinar um documento em que ele se compromete a não privatizar nada, depois deixaria claro que ele não cumpre nada, que é apenas um cara de pau mentiroso.

Responder

    Ricardo Ferreira

    18 de outubro de 2010 às 22h56

    Era o que eu também queria, caro José Pelegrino.
    O problema é que, sem provas, o tiro sai pela culatra.
    Quem sabe até o debate da rede bobo não aparecem fatos comprobatórios??
    Que Deus nos ajude.

    Mico Jäger

    18 de outubro de 2010 às 23h31

    Debate da Globo pode ser uma armadilha. Acho que a Dilma tem que avaliar se deve ir ou não dependendo de como as pesquisas internas estiverem. E se for, que vá com um arsenal bem preparado para pautar o debate: Paulo Preto, Sheila Ribeiro, os panfletos da Regional Sul, entre outros…

francisco.latorre

18 de outubro de 2010 às 22h08

Estudem os golpes midiáticos – por Luiz Carlos Azenha
http://viomundo.naweb.net/opiniao/estudem-os-golp

http://viomundo.naweb.net/denuncias/exagente-da-c

http://viomundo.naweb.net/voce-escreve/inedito-se

http://viomundo.naweb.net/opiniao/estados-unidos-

http://viomundo.naweb.net/opiniao/na-bolivia-se-j

http://viomundo.naweb.net/voce-escreve/eua-nao-di

http://viomundo.naweb.net/voce-escreve/ira-outra-

http://viomundo.naweb.net/opiniao/o-profundo-odio

[ com a certeira contribuição do chaves com s..
Chaves Com S (22/11/2009 – 21:11)
Quem patrocina o Instituto FHC? A CIA , é claro! Agora chamada de NED, National Endowment for Democracy! FHC é agente da CIA, é isso mesmo! ]

..

Responder

EDUARDO

18 de outubro de 2010 às 22h06

Gravissimo esse evento. Como um candidato atras nas pesquisas e francamente sem o apoio popular consegue mobilizar empresarios para uma reunião prometendo o que? O que essa gente pode prometer que os indicadores economicos ja não registram. Bão seria uma reunião mais apropriada com o presidente eleito daqui há duas semanas? Serah um toma lá da ca, ou seja, assumimos (não sabemos como; olha o papel do Brizola aí) e vamos concerder-lhes isso e aquilo em troca de apoio agora. Se o FHC eh realmente um homem transparente como se apregoa embora tenha tido no governo um engavetador mor de nome Brindero,que venha a publico e revele o que foi tratado a socapa num momento pre eleitoral em torno de um futuro governo Serra. Um dia saberemos Sr ex presidente, quem esteve lá. Revele ja os participantes e o tema dessa intrigante reunião de privatização do patrimonio publico e troca de favores.

Responder

leonel

18 de outubro de 2010 às 21h57

como eu sempre digo, FHC só não vendeu a minha cueca porque não deu tempo.
infelizmente o partido PV, o da neutralidade agora apoia serra e a marina nem um piu.

Responder

    Francisco

    18 de outubro de 2010 às 22h20

    Marina, assim como Heloísa Helena, serão vereadoras muito bem votadas. Marina, por exemplo, será nome de um quiosque em Copacabana. Para fumantes, off course…

Marat

18 de outubro de 2010 às 21h50

Tá no sangue dos pessedebistas o entreguismo. Esse partido é a sordidez no seu mais alto grau!

Responder

Oliveira

18 de outubro de 2010 às 21h47

A denuncia é grave e merece ser investigada, só o fato desse tal encontro com o grupo de investidores estrangeiros ter acontecido a portas fechadas é um bom motivo para um monte suposições.

Responder

Gerson Carneiro

18 de outubro de 2010 às 21h44

"A solução é alugar o Brasil".
Locadores: PSDB, FHC e Serra.

[youtube oOXyraRIXao&p=D7A895AB2BDACBDC&playnext=1&index=18 http://www.youtube.com/watch?v=oOXyraRIXao&p=D7A895AB2BDACBDC&playnext=1&index=18 youtube]

Responder

Remindo Sauim

18 de outubro de 2010 às 21h39

FH esteve em evento sobre privatização em Foz do Iguaçu promovida por grupos estrangeiros. É a bala de prata na candidatura Serra.

Responder

Alder L. e Silva

18 de outubro de 2010 às 21h39

Não entenddo porque a campanha da Dilma não desmascara essa história de o Serra ser o "pai" dos genéricos, do Programa da AIDS, do Seguro Desemprego, etc. Já ouvi pessoas dizendo que vai votar no Serra porque "ele criou os genéricos e o seguro desemprego.
A campanha da Dilma tem de fazer o carimbo da MENTIRA e carimbar todas as MENTIRAS do Serra!

Responder

Celso Silva

18 de outubro de 2010 às 21h35

Fiquem tranquilos. Se a palestra do FHC foi em inglês ninguem entendeu nada.

Responder

    Scan

    18 de outubro de 2010 às 23h37

    Hua! Hua! Hua!
    Boa!

Maria 1

18 de outubro de 2010 às 21h34

Alguns registros. O ex-Presidente afirma que a palestra foi para um "grupo de jovens investidores de São Paulo, Tarpon". O Hotel confirma ao Vi o Mundo que eram investidores estrangeiros que iam participar de um evento e cujos dados eram confidenciais, sugerindo consulta a assessoria de FHC. Afinal, a palestra era para estrangeiros (com participação tb de brasileiros) ou os gringos estavam no hotel para um outro evento? Ficou confuso.

Responder

Regina

18 de outubro de 2010 às 21h33

Acredito em Papai Noel…O sofisticado FHC demorou qto tempo prá reconhecer o filho abastardo?Em 1969 recebeu dinheiro da Fundaçaõ Ford(ligada a CIA)…Apoia o rei,mesmo sendo ele jesus…Mergulhou de cabeça na extrema direita…E agora faz reuniões com investidores internacionais…De duas é uma ou está recebendo dinheiro prá campanha do rei( que o Paulo roubou) ou está fazendo Caixa 2 pessoal…vendendo as empresas por consignaçaõ…Mas que aí têm coisa,tem…Naõ foi palestra mas leilaõ…Divulga a lista FHC antes de debater com o Lula…Assim no dia do debate já vamos saber das outras empresas e vc naõ vai ser humilhado publicamente…Que saõ patrício te guarde.

Responder

Cunha

18 de outubro de 2010 às 21h33 Responder

José Manoel

18 de outubro de 2010 às 21h30

Azenha: sem meias palavras! É crime de lesa-pátria!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! Mais uma vez!!!!!! É caso de investigação e cana, direto!!!!!!!!!

Responder

@marcospessoa10

18 de outubro de 2010 às 21h29

Bom, pelo menos o Serra não pode negar que privatizou, olhem as fotos:
[youtube ZBUV7YyqPVE http://www.youtube.com/watch?v=ZBUV7YyqPVE youtube] http://www.youtube.com/watch?v=ZBUV7YyqPVE

Responder

    Paaulo Roberto

    19 de outubro de 2010 às 14h49

    Meu Deus, por que a campanha de Dilma não usa este vídeo fantástico, demolidor, acachapante?

Odilio Noronha Filho

18 de outubro de 2010 às 21h29

Realmente ridiculo essa campanha sensacionalista que estão fazendo agora no desespero rsrs, todo mundo se sujando com esse tipo de mentira!

Responder

    José Manoel

    18 de outubro de 2010 às 22h35

    Vai postar na tua turma, mala!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

kimparanoid

18 de outubro de 2010 às 21h27

Bonito hein, seu FHC… Seu candidato nem ganhou as eleições e já está dando uma de corretor, entregando, digo, vendendo o patrimônio público. Ou vai dizer que juntou esse dileto grupo de investidores pra um torneio de truco?

Responder

mariazinha

18 de outubro de 2010 às 21h18

Creio que a única forma de brecar essa conspiração seria o comparecimento, em massa, dos trabalhadores e do povo brasileiro às urnas, votando na D. DILMA. Se for uma diferença pequena, claro que vão FRAUDAR as urnas eleitorais pois quem toma conta delas é o mello e o gilmar dantas.

Responder

Fabio_Passos

18 de outubro de 2010 às 21h15

FHC entreguista!
Vendido!

Joaquim Silvério dos Reis!

Responder

mariazinha

18 de outubro de 2010 às 21h15

Estou horrorizada com o perigo que o BRASIL corre; talvez as urnas já estejam preparadas para dar a vitória ao chirico. Haverá alguém que poderá nos salvar?

Responder

Angela RAMarques

18 de outubro de 2010 às 21h12

Oras, se o encontro era pra conversar abobrinha, pq foi fechado e sigiloso? Tem truta debaixo do tapete!

Responder

João C.

18 de outubro de 2010 às 21h11

Atenção para a maneira desonesta que o Serra usa para se referir à Petrobrás: ele diz vou fortalecer a Petrobrás, ele nunca afirma que não vai privatizar; igualzinho ao que eles dizem da Vale do Rio Doce, que ela ficou mais lucrativa depois que privatizou… Também já sabemos que dele nem declaração em cartório tem valor!

Responder

Paulo Nolasco

18 de outubro de 2010 às 21h10

Quanto o ex-fhc recebeu por esta palestra? Qual a proposta de retorno?, tenham certeza de uma coisa, ex-FHC levou o dele, com possibilidades mesmo remotas de mais.

Responder

ANTONIO ATEU

18 de outubro de 2010 às 21h09

http://economia.ig.com.br/empresas/comercioservic

Gávea injetou R$ 300 milhões em braço imobiliário da Odebrecht
Valor não foi revelado na época do negócio

André Vieira, iG São Paulo | 14/10/2010 05:46

* Mudar o tamanho da letra:
* A+
* A-

A Gávea Investimentos, fundo administrado pelo ex-presidente do Banco Central Armínio Fraga, injetou R$ 300 millhões na Odebrecht Realizações Imobiliárias, segundo informação que consta em ata da construtora, a qual o iG teve acesso. O valor não havia sido revelado à época do anúncio do negócio, ocorrido em maio.

Leia também:

* Gávea terá 14,5% de braço imobiliário da Odebrecht

Do total, R$ 84,7 milhões serão usados para a compra de 14,5% das ações da construtora do grupo Odebrecht ligada à atividade de construção civil. O restante de R$ 215 milhões será empregado para a formação de reserva de capital da empresa.

A operação foi realizada pela GIF Realty Participações S/A. Na época, a Gávea havia informado que esse negócio tratava-se do maior investimento realizado pelos fundos administrados pelos gestores.

A Odebrecht Realizações Imobiliárias atua no segmento de baixa renda (entre zero e três salários mínimos) e média/alta renda. Seus projetos imobiliários estão espalhados numa dezena de Estados brasileiros. A Gávea foi fundada em 2003, depois que Armínio Fraga deixou a presidência do Banco Central.

Responder

Cunha

18 de outubro de 2010 às 21h09

Debochei no anterior,mas, dedico à FHC e aos tucanodemonatas os adjetivos mais guturais e impublicáveis possíveis.

No mínimo ,,I,

Responder

filosofo de boteco

18 de outubro de 2010 às 21h07

encontro furtivo com "JOVENS INVESTIDORES PAULISTA."?Porque lá estavam o SR. Alice Handy, Keith Johnson e Anjum Hussain?

Responder

Cunha

18 de outubro de 2010 às 21h06

Hãaaaaaaaããaaaaaaaaaaaaaaannnnnnnnnnnnnn Tô acreditaaaaaandoooo….. Bong Kabong !! :)

Responder

O JUIZ

18 de outubro de 2010 às 21h05

Prefiro acreditar em cegonha. Um golpe com jeitinho tucano. E quem poderia estar à frente ? Aquele que tem certeza de que voltará ao planalto. Mesmo que seja pelo golpe. Mas, alguém destes que esteve nessa palestra, soltará a língua, e aí a verdade virá à tona. Existe uma penumbra pairando nessa campanha eleitoral. Os tucanos estão muito festivos com o que chamam de reação do Serra. Prefiro acreditar na armação da mídia golpista, que insiste em aproximar os índices dos dois candidatos. Será que as maquininhas farão o resto? Espero que o PT esteja atento às manobras e justifique a confiança que mais da metade dos Brasileiros tem depositado nesse Partido. É policiar as urnas para não sermos presos pela ditadura tucana. Sentença Proferida.

Responder

Fabricio Moreira

18 de outubro de 2010 às 20h58

A tucanada tem nojo de pobre, FHC, Aécio Neves, José Serra, Aloysio Nunes, todos eles odeiam o povão. José Serra, em especial, odeia nordestinos e negros, isto é fato.

Responder

aldoluiz

18 de outubro de 2010 às 20h56

A nova ordem mundial escravagista avança sua agenda… E o povo óh!

Responder

ELISEU MUNIZ

18 de outubro de 2010 às 20h54

V E R I F I C A R N O A E R O P O R T O A L I S T A D E P A S S A G E I R O S

Por quê FHC foi fazer palestra em Fóz do Iguaçu ? ? ?

Para que , quando em São Paulo e Rio tem os melhores hotéis.

AZENHA FAZ CONTATO COM A CAMPANHA DE DILMA (OU JORNALISTAS PRÓXIMOS À CAMPANHA) PARA COLOCAR O VIDEO DO FHC DIZENDO QUE O SERRA É QUE QUERIA PRIVATIZAR A PETROBRÁS.
NÃO É POSSIVEL O SERRA FICAR POSANDO DE ESTATISTA

Responder

Dilson

18 de outubro de 2010 às 20h46

Já começaram a vender o Brasil.

Responder

Eduardo Lima

18 de outubro de 2010 às 20h44

Legal, se os tucanos começaram a desmentir quer dizer que a denuncia já caiu no ventilador, agora seria bom que a Record fizesse uma reportagem sobre o assunto. Já que a globo vai ficar de bico calado!

Responder

Gina

18 de outubro de 2010 às 20h41

Só tem um jeito do FHC, "O Rei da Vela" (do apagão) comprovar que não falou em vender empresas estatais, publicar o que falou e explicar qual a ligação com o empregado do Murdoch que organizou o evento e porque foi confidencial, secreto. Bom, agora que a gente sabe que eles são perigosos, pode até ser que ele apresente outro discurso no lugar, a barra está cada vez mais pesada, por outro lado, muitas máscaras estão caindo de vez.

Responder

francisco.latorre

18 de outubro de 2010 às 20h39

faz um ano já.

..

francisco.latorre (01/10/2009 – 13:58)

atenção.

começou o ano da sabotagem.

enem vazado. via midião. história fantástica.

olha a sabotagem 2010.

pensem… se nem obama superstar manda na cia ou departamento de estado ou pentágono… quem manda?… com certeza não é a dona hilária…

pouco importa. a pergunta é a de sempre sempre… que fazer?

pro zoioazul da cia é tudo igual… brazil 64 chile 73 brasil 2010.

vem aí… sabotagem variada. franquia de golpe made in usa. ned e cia.

preparem-se.

[ nem o ex-patrão nem os calabar-silvério admitem que seu tempo acabou.

vão lutar. loucos de dor. feridos. na vaidade. na fome de poder e dinheiros. ]

..
http://viomundo.naweb.net/opiniao/uma-surra-dos-f

Responder

Rey Владимир

18 de outubro de 2010 às 20h31

Ta perigosa demais a situação galera..

Em 3 meses o Serra ja conquistou o seguinte para o BraZil:

1 – Odio religioso
2 – Divisão das instituições religiosas
3 – Trouxe a tona o falecido Fascismo Anauê – Aqueles acéfalos marginais integralistas pitboys sem senso reflexivo.
4 – Dividiu o Brasil em bandido nordestino e cidadão honrado sulista
5 – Agrediu a propria esposa com verdades perigosas. O que seria das mulheres do BraZil do Serra?
6 – Fez a campanha midiatica mais inescrupulosa que se tem noticias .
7 – Usou assuntos de saude publica serios como purismo medieval. O que seria de nos com esse presidente?
8 – Fez um grande movimento para a desmoralização da imoral grande midia perante grande parte do publico.
9 – Demostrou claramente sua face racista, elitista, moralista e opressora. E teve o feedback de parcela da população mais reacionaria.
10 – Expos mazelas da classe media e da nova classe media. Intolerancia, deslumbramento, ausencia de foco, preconceito e principalmente ingratidão.

E a lista so esta no começo… Vocês ai podem complementa-la.

Isso tudo em tres meses. Imagina oito anos de governo Serra?

A solução é ir para as ruas!!! Todos nos…

Responder

francisco.latorre

18 de outubro de 2010 às 20h30

fhc-serra.

vendem.

e entregam.

zé entregão.

..

Responder

Bonifa

18 de outubro de 2010 às 20h27

"Jovens" investidores (Fraga e Kandir são jovens?) são agrupamentos de jogadores financeiros que se reúnem para aproveitar com voraz apetite os dólares que estão sobrando no mundo, procurando um lugar rentável para se encostarem. Nada de novo sob o sol. Mas os nomes da lista de investidores, além dos tais "jovens", parece que já são conhecidos. Não são aqueles que estão no Tijolaço?

Responder

ruypenalva

18 de outubro de 2010 às 20h22

Denúncia gravíssima de reunião, ontem, de FHC com investidores estrangeiros interessados em privatizações

Recebi hoje este e-mail impressionante. Uma denúncia gravíssima, que já repercute na internet, e que merece ser apurada pela grande imprensa e deve ser sabida por todos os brasileiros, para tirarem dela suas próprias conclusões.

Trata-se do encontro-jantar que houve ontem, em Foz de Iguaçu, reunindo o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, falando em inglês para 150 investidores estrangeiros no Hotel das Cataratas. Exatamente às 21h30m, enquanto os candidatos Dilma Rousseff e José Serra debatiam na RedeTV, e este se esquivava de dar respostas concretas sobre possíveis intenções tucanas de privatizar ainda mais o Brasil, pois bem, naquele exato momento, naquele evento fechado, FHC teria feito uma palestra sobre a privatização da Petrobras, de Itaipu e do Banco do Brasil, além de outras “oportunidades” de negócios no Brasil. Segundo o jornalista mineiro Laerte Braga, a idéia inicial dos organizadores de realizar o evento no Hotel Internacional foi afastada para evitar presença de jornalistas. Laerte, que acompanhou o evento do lado de fora, recebendo as informações em conta-gotas, afirma em seu texto que FHC assumiu com os empresários o compromisso de venda dessas empresas em nome de José Serra.

Vou transcrever o texto, que está claro, muito bem explicado e no tempo presente de verbo, pois ele postou a matéria enquanto o evento acontecia, suprimindo algumas partes:

"Cada um dos investidores recebeu uma pasta com dados sobre o Brasil, artigos de jornais nacionais e internacionais e descrição detalhada do que José FHC Serra vai vender se for eleito. E além disso os investidores estão sendo concitados a contribuir para a campanha de José FHC Serra, além de instados a pressionar seus parceiros brasileiros e a mídia privada a aumentar o tom da campanha contra Dilma Roussef. Segundo FHC disse a esses empresários logo após ser apresentado pelo organizador do evento, “se deixarmos passar a oportunidade agora jamais conseguiremos vender essas empresas”.

Para o ex-presidente, é fundamental a participação desses grupo na reta final de campanha. A avaliação de FHC é que a campanha de Dilma sofreu um golpe com a introdução do tema religioso (o que foi deliberado pelos tucanos para desviar a atenção das pessoas dos reais objetivos do candidato José FHC Serra). É preciso, na concepção do ex-presidente arrematar o processo derrotando a candidata e impedindo-a de respirar nessa reta final.

O acordo com empresários internacionais em Foz do Iguaçu envolve a instalação de uma base militar norte-americana na região, desejo antigo dos governos dos Estados Unidos.

Para o ex-presidente também não há grandes problemas com a mídia privada “sob nosso controle”, mas é preciso evitar a divulgação de notícias mesmo que sejam pequenas ou de pequenos fatos e que possam prejudicar o projeto de venda do Brasil (…)".

Laerte informa que o evento "foi organizado por Raphael Ekman – Investor Relations at Tarpon Investment Group São Paulo e região, Brasil – que no momento ocupa cargo de Commercial Manager da Globosat (Setor Serviços financeiros)”.

O jornalista conseguiu apurar a participação, no evento, dos senhores Alice Handy, Keith Johnson e Anjum Hussain, CFA, CAIA…

O fato é realmente grave e pode ser visto como um ato contra a soberania brasileira e seria importante tanto o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso como o candidato José Serra virem a público esclarecer essa denúncia, que foi postada ontem, em texto assinado por Laerte, e pode ser lida no http://redecastorphoto.blogspot.com/2010/10/fhc-e

Nascido em Juiz de Fora, Laerte Braga é jornalista, já tendo trabalhado no mais importante veículo de

Responder

    Paulo Roberto

    19 de outubro de 2010 às 14h56

    Cadê a pasta? Se ela existir e se o seu conteúdo for o que se diz, a campanha de Serra está liquidada!!!!

sergio pinto

18 de outubro de 2010 às 20h14

Azenha,
Quem faria uma reunião dessas, com seu candidato perdendo nas pesquisas?
Ou o cara é adivinho, sabe de alguma coisa que não sabemos, ou, de repente, a falta do papelzinho do Brizola pode facilitar tudo isso.
Hipóteses, hipóteses

Responder

a barbosa filho

18 de outubro de 2010 às 20h12

Foi um encontro prá discutir a "Teoria da Dependência"? Ou a legalização da maconha? Ou, quem sabe, investimentos em clínicas privadas de aborto, como aquela que D. Mônica Serra utilizou no Chile (ou foi nos EUA)?
Privatização é uma palavra que FHC jamais escreveu…

Responder

    Jairo_Beraldo

    18 de outubro de 2010 às 20h39

    Claro que não…ele é chique….ele DESESTATIZOU. Privatização é da gentalha ignara que o Zé dis ter feito o PT na maior cara dura…e tem gente que acredita!

Janio

18 de outubro de 2010 às 20h07

O Serra onde passa divide tudo, vejamos primeiro dividiu o seu partido com a insistencia de ser ele o indicado, depois conseguiu dividir as Igrejas catolicas e evangelicas com suas calunias sobre o aborto e agora pasmem esta dividindo o que parecia impossivel a PIG, acreditem pois parte dela composta pela Glogo, Folha, Estadão , Veja e Isto É, já esta divergindo do seu candidato e mostrando devagar quem é ele na verdade, pois so neste final de semana tanto a Isto É como a Folha de SP. fizeram materias negativas contra o Mephisto quase pedindo perdão a população so faltando dizerem assim: É na verdade o homem não é tudo aquilo que nos tentamos vender a voces prezado público nos perdoem. A unica coisa que ele não divide é quando fala vote em um careca e ganhe outro, aquele lá de Brasilia voces sabem.

Responder

    Maria Helena Correa

    20 de outubro de 2010 às 16h24

    Fazem uma ou outra materia "negativa" para nao serem apanhados pela justica eleitoral que, alias, se contenta com bem pouco.

El Cid

18 de outubro de 2010 às 19h55

Coisa gravíssima esta reunião, pois se o Serra nem ganhou já está vendendo as estatais é sinal de que ele não tem compromisso nenhum com o nosso país e nem com o seu povo, isto tem que ser denunciado pelo PT no programa da Dilma, tem que ser denunciado pelo LULA nas suas entrevista e também o PT precisa usar isto nas inserções, não podemos deixar que isto aconteça.
Acho que o PT atem que aproveitar este manifesto em apoio á Petrobrás e fazer disso uma mobilização nacional contra a privatização do Serra.

Responder

El Cid

18 de outubro de 2010 às 19h54

Os demotucanos não têm Pátria. Ou melhor, têm vergonha de serem brasileiros, acham nosso povo inferior, e sentem-se em casa em Miami, Paris ou Londres.
Como se acham donos da colonia Brasil, querem vendê-la baratinho, em troca de polpudas comissões (a Alstom entende bem disso). Os brasileiros precisam repudiar esses vende-Pátria, e estimulá-los a irem ou voltarem para os lugares que amam, bem longe de nossas fronteiras. Não se trata de exilar ninguém, mas de permitir que assumam sua mentalidade colonizada.

Responder

    a barbosa filho

    18 de outubro de 2010 às 20h13

    Este comentário é meu, não sei quem é El Cid.
    Algum erro técnico?
    De qualquer maneira, acho que El Cid concorda comigo…rsrsrs

    El Cid

    18 de outubro de 2010 às 20h34

    minhas desculpas, barbosa…

    a propósito, um link para download sobre a Opus Dei (documentário):
    http://www.megaupload.com/?d=NXWMSONS

Mister Allende

18 de outubro de 2010 às 19h39

"APERTA" que eles vão gritar ehehehehh…

Responder

simonebh

18 de outubro de 2010 às 19h38

Não confio nem um milímetro no fhc. A denúncia é muito grave e tem que ser esclarecida o quanto antes.

Responder

Nelle

18 de outubro de 2010 às 19h32

Ah ta,fingimos que acreditamos então…

Responder

    Fábio

    19 de outubro de 2010 às 20h14

    Ou então, minha cara, solicitamos ao PSDB uma cópia da filmagem da reunião.

    Com certeza eles devem ter, e Dom Fernando vai provar que é um homem impoluto e inocente.

    Se não quiserem mostrar, aí a porca torce o rabo…

Rosiver Pavan

18 de outubro de 2010 às 19h30

a desfaçatez com que os tucanos de altas e baixas plumagens tentam nos tratrm não tem preço de tão baixo que jogam! Mas exigimos explicações contundentes. A lista dos "ouvintes" já nos daria uma pista. O FHC devia autorizar o hotel a divulgara a lista real.

Responder

Deixe uma resposta para mariazinha

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding
Loja
Compre aqui
A mídia descontrolada

O livro analisa atuação dos meios de comunicação e traz uma coletânea de artigos produzidos por um dos maiores especialistas do Brasil no tema da democratização da comunicação.