VIOMUNDO
O VIOMUNDO só é possível também através de anunciantes, e detectamos que você utiliza um AdBlock, bloqueador de anúncios.
Por favor considere ajudar o VIOMUNDO desativando o bloqueador para este site.

Wadih Damous: Por ação ou omissão, Judiciário impôs ao Brasil estado de exceção

17 de março de 2017 às 19h43

 

Um comentário escrever comentário »

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Raul Mascarenhas

19/05/2017 - 09h29

Muita gente fala que nós agora estamos em um estado de exceção mas na verdade já estamos vivendo isso há décadas. Quando o jovem negro pobre da favela tem seus direitos desrespeitados por juízes nós nos calamos, nós temos culpa do que está acontecendo. Os agentes de direitos humanos tentam ajudar e também são massacrados pela população que viu pela imprensa que eles só servem pra defender bandidos.

Juízes baixando portaria de toque de recolher e a mídia aplaudindo dizendo que é necessário mas sonegando a informação que desrespeita o direito de ir e vir que fere a constituição.

O judiciário acostumou-se a desrespeitar a constituição, o direito das pessoas e o jovem preto e pobre da favela foi seu laboratório.

Quando voltarmos a ter democracia mesmo que ainda seja uma democracia de isopor temos que ficar atentos com os abusos do judiciário.

Responder

Deixe uma resposta