VIOMUNDO

Fernando Brito: Jurisdição de Moro chega aos pedalinhos, a 380 km de Curitiba

10 de fevereiro de 2016 às 13h12

Captura de Tela 2016-01-18 às 15.04.00

Os R$ 100 milhões de FHC? Só saem na mídia por engano

Porque inquérito de Moro em Atibaia é uma manipulação

Por Fernando Brito · 10/02/2016, no Tijolaço

Como é incontestável e diante dele tremem como varas verdes os juízes de 2a. instância, os ministros do Supremo (há exceções), o ministro da Justiça e quase todas as instituições do país, Sérgio Moro finalmente estendeu seus domínios até onde sempre quis: Lula.

Já não tem nenhuma importância que um homem que exerceu a Presidência por oito anos, com o poder de influir sobre licitações de dezenas ou até centenas de bilhões de dólares, seja colocado sob suspeita por uma churrasqueira e um “puxado” de quatro quartos num sítio.

Dane-se a desproporção.

Dane-se também o fato de que isso se dá a centenas de quilômetros da jurisdição de Moro e, salvo a hilária hipótese de que uma empreiteiro preso tenha “confessado” ter negociado a construção de uma refinaria, de um gasoduto ou de uma plataforma de petróleo em troca de uma reforma do telhado da casa antiga, ou a construção de quatro quartos numa área ao lado dela, é algo que não guarda conexão com os processos de corrupção na Petrobras.

Se fosse assim, porque, ao que se saiba, não há indício de crime cometido por Lula, a não ser ter deixado que a Polícia Federal e o o Ministério Público, que não têm voto – a essência da democracia – começassem a caminhada rumo ao poder absoluto de que hoje dispõem.

Mas, para ficar na hipótese da turma do Moro, a de que Lula usou do cargo para favorecer as empreiteiras e ganhou dois pedalinhos de cisne em troca, porque não foi nos milhares de quilômetros, de portos, de obras viárias nas grandes cidades?

Não vem ao caso e é importante “meter logo a mão” no caso do sítio, garantir que sejam os policiais do Japonês e a confraria da “Força-Tarefa” que tenham o “privilégio” investigatório e que – ora a Deus todos os dias o juiz – seja dele a oportunidade de mandar prender o ex-presidente.

A violação do princípio constitucional do juiz natural, que impede que um tribunal se torne onipotente e de exceção, é mais que manifesta: é escancarada e vergonhosa.

Mas, como se dá numa “autorização para inquérito” sem fato determinado, sem nominação de investigados – embora todos saibam quem é – e em sigilo de justiça – exceto, claro, para os vazamentos dos “totós” da mídia, que pegam os ossos que lhes dão e levam aos jornais, para alimentar o bombardeio que prepara as ofensivas da “tropa do Japonês” triunfante, quem sabe, retirando a canoa de lata de D. Mariza sob escolta de armas.

Quando algo que não faz sentido acontece, preste atenção.

É que o sentido é evidente, embora não possa ser confessado.

Leia também:

O golpe suave dos vazadores se concretiza na mídia

 

9 Comentários escrever comentário »

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

FrancoAtirador

10/02/2016 - 23h36

.
.
Desde a Antigüidade até a OLJ (OC/PPP) cair nas Mãos do Juiz Moro na JF do Paraná
.
os Termos Onipotente, Onipresente e Onisciente eram Atribuídos a uma só Pessoa.
.
(http://www.significados.com.br/onipotente)
(http://jornalggn.com.br/luisnassif/posts)
.
.

Responder

FrancoAtirador

10/02/2016 - 21h58

.
.
Daqui a pouco o Juiz Moro vai Mandar Prender as Torcidas da Dupla Gre-Nal,
.
porque a Arena do Grêmio FootBall PortoAlegrense foi construída pela OAS
.
e o Estádio Beira-Rio, do Internacional, foi reformado pela Andrade Gutierres.
.
.

Responder

FrancoAtirador

10/02/2016 - 21h41

.
.
Ainda que Tarde Demais, o Ministro do Supremo Tribunal Federal, Teori Zavascki,
.
teve a Percepção da Violação do Princípio do Juiz Natural pelo onipotente do Paraná.
.
(http://www.conjur.com.br/2015-out-02/teori-moro-usurpou-competencia-acao-lava-jato)
.
.

Responder

    Mauricio Gomes

    10/02/2016 - 23h32

    Mas essa decisão vai valer para a história ridícula do sítio com pedalinhos? Não dá para confiar nesse STF, pois todos borram-se de medo do imperador fascista de Cúritiba….

    FrancoAtirador

    11/02/2016 - 20h29

    .
    .
    É uma Incógnita, Prezado Mauricio Gomes.
    .
    A Questão Fundamental, que se apresenta ao País,
    .
    é a da Completa Insegurança Jurídica, em Vigência
    .
    desde o Julgamento Midiático do Mentirão no STF.
    .
    A Mídia Partidarizada, Jabáculê do Mercado Financeiro,
    .
    conseguiu, enfim, destruir a Imagem das Instituições.
    .
    .

    Mauricio Gomes

    11/02/2016 - 22h13

    Pois é meu caro, era o meu ponto. Do jeito que as coisas andam, daqui a pouco o conluio da mídia vendida-judiciário-PF-MPF irá exigir que eleitores de esquerda usem estrelas vermelhas de identificação, o que traz a lembrança de momentos tenebrosos da história…

    http://www.adorocinema.com/filmes/filme-124308/

Mauricio Gomes

10/02/2016 - 15h32

Se o PT tivesse coragem e brios, ia na TV denunciar essa camarilha da força-tarefa de CÚritiba e seu conluio mafioso com a grande mídia. Não tem um senador ou deputado com coragem de ir à TV denunciar essa armação? Quando vão investigar o Aécio “um terço” Neves ou o Paulinho da Farsa, dois exemplares corruptos da turma do impeachment? Quando vão denunciar que o delegado que persegue o Lula na Zelotes é parente de um dePUTAdo do DEMO-BA, ardoroso defensor do golpe? Quando terão coragem de dizer que esse juizeco de CÚritiba é um fascista com objetivos políticos? Vão esperar o Lula ser preso por visitar um sítio e andar de pedalinho? Tira esse sinistro da justiça e bota alguém macho pra botar ordem naquela joça Dilma!

Responder

Urbano

10/02/2016 - 14h12

E a justiça de fancaria continua a golear a Justiça Republicana… E disso o que se pode concluir taxativamente é que em nenhum lugar do Mundo poderá existir algum país que se proponha à seriedade assim, dessa forma asquerosa. E isso é antigo; de novo só o abaixamento total do lenço e, por conseguinte, às escâncaras.

Responder

Deixe uma resposta