VIOMUNDO

Crackers colocam a foto de Bolsonaro no Facebook de Jean Wyllis

13 de março de 2016 às 19h12

Captura de Tela 2016-03-13 às 19.05.44 IMG_5095

Da Redação

Crackers entraram hoje  no Facebook do deputado federal Jean Wyllys (PSOL-RJ) e colocaram uma foto do deputado e capitão reformado do Exército Jair Bolsonaro (PSC-RJ) no perfil.

Também acrescentaram um cartaz Fora Dillma.

Bolsonaro e Wyllys travaram vários enfrentamentos políticos no Congresso nos últimos meses.

Bolsonaro é candidato a presidente em 2018 e foi bem recebido hoje na manifestação pelo impeachment de Dilma em Brasília. Outros políticos foram expulsos de manifestações, como Marta Suplicy (PMDB-SP) a Aécio Neves (PSDB-MG) em São Paulo.

Também hoje, os sites da Carta Maior e do Vermelho foram vítimas de ataques.

Os seguidores de Bolsonaro se identificam com uma tarja nas fotos de seus perfis e costumam deixar comentários agressivos nas redes sociais com opiniões de extrema-direita.

A assessoria do deputado do PSOL escreveu:

FASCISTAS, NÃO PASSARÃO!

Como vocês devem ter percebido, a página do deputado foi hackeada durante alguns minutos por criminosos fascistas ligados ao deputado viúva da ditadura militar. Eles trocaram a foto de perfil e fizeram postagens ofensivas e toscas. Rapidamente, a área jurídica do Facebook no Brasil foi avisada e a equipe do deputado recuperou o controle. A Polícia Federal já foi acionada e os bandidos fascistas que fizeram isso deverão responder na justiça assim que forem individualizados.

Leia também:

Comício midiático incessante abre caminho para assalto ao poder

Investigação VIOMUNDO

Estamos investigando a hipocrisia de deputados e senadores que dizem uma coisa ao condenar Dilma Rousseff ao impeachment mas fazem outra fora do Parlamento. Hipocrisia, sim, mas também maracutaias que deveriam fazer corar as esposas e filhos aos quais dedicaram seus votos. Muitos destes parlamentares obscuros controlam a mídia local ou regional contra qualquer tipo de investigação e estão fora do radar de jornalistas investigativos que trabalham nos grandes meios. Precisamos de sua ajuda para financiar esta investigação permanente e para manter um banco de dados digital que os eleitores poderão consultar já em 2016. Estamos recebendo dezenas de sugestões, links e documentos pelo [email protected]

R$0,00

% arrecadado

arrecadados da meta de
R$ 20.000,00

90 dias restantes

QUERO CONTRIBUIR
Um comentário escrever comentário »

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Alexandre

14/03/2016 - 01h57

Azenha. Costumo dizer que no Brasil até os hackers são de direita. Se tivesse um Julian Assange aqui já teria vazado os emails espúrios entre a equipe da lava jato e a imprensa golpista. Mas isso é sonhar demais. Fica apenas a triste constatação.

Responder

Deixe uma resposta