VIOMUNDO
O VIOMUNDO só é possível também através de anunciantes, e detectamos que você utiliza um AdBlock, bloqueador de anúncios.
Por favor considere ajudar o VIOMUNDO desativando o bloqueador para este site.

Câmara aprova a audiência da Falha

31 de agosto de 2011 às 18h56

Quarta, 31 de Agosto de 2011

CENSURA

Câmara aprova audiência no congresso para discutir caso do blog Falha de S. Paulo

Do Última Instância, sugestão do Betinho2

Da Redação – 31/08/2011 – 17h38

A Comissão de Legislação Participativa da Câmara aprovou a realização de uma audiência pública para discutir o caso de censura contra o blog Falha de S. Paulo.

A iniciativa do deputado federal Paulo Pimenta (PT-RS) quer debater o processo e a decisão judicial que tirou o blog do ar a pedido do jornal Folha de S. Paulo. O requerimento do deputado prevê convites para ouvir representantes da Falha e da Folha.

Do blog serão convidados os irmãos criadores do site, Lino e Mario Ito Bocchini. E da parte do jornal serão chamados para falar publicamente no Congresso Nacional o dono da Folha Otavio Frias Filho, o editor-executivo Sérgio Dávila, a advogada do jornal Taís Gasparian e o secretário de redação Vinícius Mota.

“Vamos também convidar a OAB (Ordem dos Advogados do Brasil), a Fenaj (Federação Nacional dos Jornalistas) e outras entidades para participarem dessa audiência”, afirmou Pimenta.

O caso

Em setembro de 2010, os irmãos Mário e Lino Ito Bocchini criaram o blog Falha de S. Paulo, uma paródia ao jornal a Folha de S. Paulo. Após um mês no ar, o jornal entrou na Justiça para censurar o blog, e conseguiu. Além de cassar o endereço na web, a Folha abriu um processo contra os criadores do site, pedindo indenização em dinheiro por danos morais.

O jornal alega “uso indevido de marca”, por causa da semelhança entre os nomes Folha e Falha e porque o logotipo do site era inspirado no do jornal. A censura de um blog, ainda mais seguida de um pedido de indenização, é uma ação judicial inédita no Brasil.

 

16 Comentários escrever comentário »

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Renato Lira

02/09/2011 - 17h38

Fenaj?

Federação de jornalistas vendidos?

Amiguinhos de D. Judith?

OAB do Ophir?

Pra quê?

A Folha já não vai com defensores demais?

Responder

Marcelo

02/09/2011 - 17h15

Sem esperança , é a mesma camera que absolveu Jaqueline Roriz .

Responder

Valter

02/09/2011 - 17h12

Com que prerrogativa a Folha julga ter mais direito à liberdade de expressão do que a imprensa independente? Desde quando está proibida a sátira, o humor, a crítica sem factóides? Nenhum juiz com isenção e respeito à Justiça vai dar ganho de causa à Folha! E os dois rapazes ainda terão direito a idenização por ter cerceada a liberdade e por danos morais! Vamos aguardar…

Responder

    Silvio I

    02/09/2011 - 20h05

    Valter:
    Com a mesma prerrogativa que as estações de radio dizem que as rádios das coletividades, são piratas, e que derrubam aviões. E são piratas, porque u órgão que da os permissões de transmissão , não os da por interesses excussos.

Mauro Santayana: A defesa quase unânime dos donos do dinheiro | Viomundo - O que você não vê na mídia

02/09/2011 - 14h06

[…] Câmara aprova a audiência da Falha A pedido do deputado Paulo Pimenta […]

Responder

FrancoAtirador

01/09/2011 - 11h20

.
.
UM SIMPLES ATO DE CORAGEM

Manifestante vestida de ‘capeta’ protestou na Câmara dos Deputados
e mandou deputados para o inferno por salvar Jaqueline Roriz da cassação

Resultado: Vai ser processada pela Câmara

<img src="http://blogs.estadao.com.br/radar-politico/files/2011/08/capeta-ed-ferreira-ae-31082011-600.jpg"&gt;

Dizendo-se motivada por uma “indignação com a impunidade”, Leiliane Rebouças conseguiu ficar por cerca de 10 minutos no local até ser retirada pelos seguranças com o argumento de que não estava vestida apropriadamente, como determina o regimento da Casa.

Além da fantasia, Leiliane trouxe um cartaz que expunha seu protesto.
“Senhores (as) deputados (as) que salvaram Jaqueline Roriz, vão para o inferno e que o diabo os carregue”.

Questionada sobre por que estava vestida assim, atacou:
– É porque eu acho que todo o povo brasileiro gostaria de mandar todos esses deputados para o inferno.

Em seguida, a manifestante, chamada Leiliane Rebouça, foi "convidada" pelos seguranças a se retirar.

Após ser retirada pela segurança, a manifestante trocou de roupa e foi encaminhada à polícia legislativa, onde foi registrado um boletim de ocorrência. Os seguranças, porém, garantem que não haverá qualquer restrição de acesso dela no futuro.

Leiliane disse que já fez outras manifestações na Câmara e que acompanhou da galeria o julgamento na terça-feira, 30.

Ela faz parte de um movimento chamado “Adote um Distrital” que procura acompanhar o trabalho dos políticos do Distrito Federal.

[youtube NNOn1URP61U http://www.youtube.com/watch?v=NNOn1URP61U youtube]

Responder

    JotaCe

    02/09/2011 - 13h47

    Excelente o post e o vídeo anexado…Parabéns a Leiliane pelo gesto de patriota e a você, Franco e ao Vi o Mundo, pelo post! Abs, JotaCe

SILOÉ-RJ

01/09/2011 - 03h41

Danos morais??? De que moral???

Responder

Marcio H Silva

31/08/2011 - 22h30

Audiencia pública na camara sim, porque na justiça de são paulo vai dar em Pizza. Vamos ver o que o povo tem a falar. temos que pressionar pelo marco regulatório é uma ótima iportunidade.

Responder

Santiago

31/08/2011 - 21h40

Vejamos se eu entendi, a Folha alega que "falha" é sua marca registrada?

Responder

    Paulo Roberto

    31/08/2011 - 22h57

    Deve ter sido um ato falho…

    Gerson Pompeu

    02/09/2011 - 08h02

    Ou ato Folha. Dá no mesmo.

    Panino Manino

    01/09/2011 - 16h47

    Touché!

    Haroldo

    02/09/2011 - 02h36

    É isso aí, bingo!

    Renato Lira

    02/09/2011 - 17h34

    É…

Deixe uma resposta