VIOMUNDO
O VIOMUNDO só é possível também através de anunciantes, e detectamos que você utiliza um AdBlock, bloqueador de anúncios.
Por favor considere ajudar o VIOMUNDO desativando o bloqueador para este site.
Cartas de Minas

PIB de 9%: “Surto” demonstra que economia do Brasil está doente

09 de junho de 2010 às 10h34

De Carlos Alberto Sardenberg, no Jornal da Globo, explicando a hecatombe que se aproxima: o crescimento de 9% do PIB foi anunciado como “surto”, mas não disseram se é ou não contagioso.  Notem os verbos e as imagens usadas para transformar uma boa notícia numa terrível ameaça:

“Não é bom e não é um problema só brasileiro. O país quando ele cresce além das suas possibilidades o que acontece? Começa a faltar estrada, começa a faltar porto, começa a entupir os aeroportos, começa a faltar mão de obra, começa a faltar matéria prima, etc. O correto para os bancos centrais, para os governos é não deixar a coisa estourar nesse ponto, é tomar medidas preventivas quando a economia ameaça crescer mais do que pode, que é o caso do Brasil e até o caso da China, que está crescendo mais do que pode lá no esquema deles, né?”.

Para se divertir com o vídeo, clique aqui.

16 - out 0

Jota Camelo: Paneleiras

Com ração e tudo

07 - out 0

Daniel Lafayette: Antes que seja tarde

Quadrúpedes em ação

21 - set 0

Vitor Teixeira: Dorinha, o curador

Arte coxinha

 

278 Comentários escrever comentário »

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

@leumasocsalev

18/06/2010 - 04h33

Sugestão de pauta:

"When BP CEO Tony Hayward testified before Congress this morning, many expected to hear him apologize for the disaster his company has caused. Instead, GOP Congressman Joe Barton was the one saying he was sorry — to BP.

In his opening statement, Barton, the top Republican on the committee overseeing the oil spill and its aftermath, delivered a personal apology to the oil giant. He said the $20 billion fund that President Obama directed BP to establish to provide relief to the victims of the oil disaster was a "tragedy in the first proportion."

Other Republicans are echoing his call. Sen. John Cornyn said he "shares" Barton's concern. Rep. Michele Bachmann said that BP shouldn't agree to be "fleeced." Rush Limbaugh called it a "bailout." The Republican Study Committee, with its 114 members in the House, called it a "shakedown.""

Responder

@leumasocsalev

18/06/2010 - 04h26

Sardenberg, Mainardi, Reinaldo Azevedo. Notórios por torcerem contra o Brasil. O Sardenberg reclamou da compra da Keystone Foods pela Marfrig outro dia, Azenha! Agora uma empresa de frigoríficos brasileira tem o controle da maior distribuidora de alimentos dos EUA, fornecedora oficial do Mc Donald's, Campell's e Subway… E agora? As exportações vão aumentar! O Brasil vai ter mais força contra alegações de canadenses de que a carne brasileira "tá louca". Isso não pode! Na cabeça dessa gente, a Marfrig é que deveria ter sido comprada pela Keystone Foods! Colonos!

Responder

Carlos J. R. Araújo

12/06/2010 - 10h04

É prá rir? O colonista, coitado, só tem um objetivo na vida: agradar o patrão, nem que para isto ele tenha que dizer as maiores insanidades. Logo mais, a Globo vai enfileirar os seus analistas financeiros para tentar emprestar um mínimo de credibilidade a esta análise do Sardenberg. Vai ser hilariante: aqueles engravatados, de pernas cruzadas, voz empostada, com gomalina nos cabelos e olhar de peixe morto dizendo as mentiras de sempre e de todos os dias.

Responder

Silvana

11/06/2010 - 21h23

Só faltou a manchete "Corra que o Pibão vem aí!"

Responder

Soares

11/06/2010 - 17h23

É…. se o país crescer mais do que "eles" podem abocanhar, outros surgirão e participarão da festa… taí o perigo: concorrencia.

Responder

Escrevinhador

11/06/2010 - 15h08

[…] Primeiro foi o comentário de um “analista econômico” no “Jornal da Globo”, a alertar contra os perigos do crescimento econômico. PIB em alta é um perigo! Pra quem? Pra Globo, que vai perder a eleição abraçada ao Serra. He, he. Eles se superam. Vejam aqui o que o Azenha publicou sobre isso – http://www.viomundo.com.br/humor/pib-de-9-surto-demonstra-que-economia-do-brasil-esta-doente.html. […]

Responder

ferrera13

11/06/2010 - 09h58

É o desespero! Perdoai-vos. Eles não sabem o que dizem.

Responder

Paulo Roberto

11/06/2010 - 09h52

O penultimo e o ultimo trimestre o crescimento indicava um forte avanço para o PIB deste primeiro trimestre.
É logico que se tem de investir em infra estrutura e não acredito que Dilma não fará isso.
Estrada se ferro o Brasil precisa muito. Vi uma noticia que ALL ( america latina logistica está na marca do penalti na ferrovia que liga Santa fé do Sul a Cuiaba, por descumprir prazo. A Ferrovia esta parada em Alto Garça e necessita o termino até Cuiaba. Aquela região necessita de uma ferrovia pois as rodovias apesar de bem conservadas pelo governo federal não aguenta o transito e esta um verdadeiro cimitério.

Responder

Thiago José

11/06/2010 - 09h50

esses aí torcem para o Brasil dar errado….

Responder

Flavio Lima

11/06/2010 - 08h50

Não é que essa gente perdeu a noção do ridiculo.
Nunca tiveram a menor noção do que é o ridiculo.
Fazem qualquer micagem pra criticar o Lula.

Responder

Antonio Martins

10/06/2010 - 23h24

Se o Brasil cresce pouco é pior que o Haiti. Se cresce muito é pior que a China. Dá para acreditar nisso?
O Sardenberg é um idiota.
Martins

Responder

setepalmos

10/06/2010 - 20h32

Mas a verdade é que na cabeça deles, não pode crescer 9% mesmo.
Crescendo 9%, a demanda imensa por mão de obra vai jogar os salários lá em cima.
E isso não pode, isso não dá (na cabeça deles)

Responder

    Carlos

    11/06/2010 - 09h55

    Perfeito: crescimento econômico reduz o desemprego e, por consequência, provoca a elevação dos salários.

Lucas Cardoso

10/06/2010 - 20h16

Na verdade, concordo com o jornal, um crescimento acelerado demais traz consigo problemas. Vide China.

Mas pelo amor de Deus, quando o Brasil crescia cinco por cento todos os jornais reclamavam que a conjuntura global era boa e dava pra crescer até mais que a China se o Lula não fosse tão ruim. Agora estamos crescendo nove por cento durante uma crise global (ela não acabou. A gente só não sente porque aqui foi uma marolinha) e reclamam também?

Responder

Melchíades A. Prado

10/06/2010 - 19h14

O Sarna-em-berne tá certo. Eu não sei explicar, mas o Ubaldo vai chegar daqui a pouco e vai esclarecer o que o grande economista global quis dizer pra plebe.
Vamos lá Ubaldo! Venha rápido que nós estamos esperando você e suas lições.
Vem Babá!

Responder

Ricardo

10/06/2010 - 18h58

E a desgraçada da Soninha dizendo que a felicidade não é comprar eletrodomésticos?…e o espúria do Roberto Freire com a frese de como podemos ver um Brasil grande olhando para a grandesa de São Paulo?
Nojentos.

Responder

    heraclitus fracus

    01/08/2010 - 12h29

    O cúmulo da sandice paulistana, será a eleição do Roberto Freire! Voces se merecem……

Cunha

10/06/2010 - 18h00

Fui lá e gostei. Deboche puro ao PiG e aos tucanodemonatas. Eu recomendo !

Responder

Riba

10/06/2010 - 11h46

O interessante é que Europa e EUA estão desesperadamente a procura de um "surto" desse,pois sabem que mesmo com toda a tecnologia que detém,são incapazes de "contagiar-se" deste surto num curto período, para atendar suas demandas.

Responder

    LuisCPPrudente

    10/06/2010 - 15h52

    E o nosso PIG está desesperado com o nosso surto, pois este surto pode prejudicar mais ainda o poder de influência dessa imprensa lesa-pátria, anti-trabalhista e sem-vergonha.

    Carlos

    11/06/2010 - 17h07

    Governantes europeus aos berros: queremos surtar, queremos surtar, queremos surtar….
    Hilária a cena.

    heraclitus fracus

    01/08/2010 - 12h33

    O problema é de cunho psico-somático ou seja, neurológico: em situações de crise, medo, guerras, etc…a primeira coisa em que o cérebro humano se liga é ver se tem água e comida!! A nova TV LCD 3D fica para segundo plano!! Nesta hora, quem tem arroz e feijão, ou seja, um olho, é o rei do pedaço!!

Daniel Xavier

10/06/2010 - 14h45

Azenha,

Hoje o Obama é à favor de sanções contra o Irã mas, quando ainda era candidato, ele acreditava que a diplomacia era o melhor instrumento para se aproximar do Irã. Neste vídeo aqui, de um dos debates entre os candidatos à vaga democrata, Obama prometeu “se encontrar com Ahmadinedjad sem pré-condições, em qualquer lugar, ainda no seu primeiro ano de governo” (ele já está chegando no meio do segundo), para discutir a paz no Oriente Médio:
http://www.youtube.com/watch?v=HEXrtgf06v4

Eu coloquei legendas pra facilitar.l

Abs!

Responder

RAFAEL

10/06/2010 - 11h34

Não entendo o PIG: se o Brasil não pode crescer mais de 9%, por que ficam falando que o Brasil pode mais??

Responder

    André

    10/06/2010 - 12h16

    Seguindo o viral daquele comercial de cerveja: "BOOOOOOOOOOOOOOOOOA PERGUNTA".

    r1v4

    10/06/2010 - 16h12

    HAHAHAHA….. O Brasil já pode mais, o pig chora mais…..

    Ubaldo

    10/06/2010 - 21h06

    Rafael,
    O Brasil não pode crescer mais de 4,5% ao ano, em média por um período de 8 a 10 anos porque a política econômica do governo Lula não permite. O Meirelles e o Mantega não se entendem e perseguem meta de inflação. Para atingir a meta eles aumentam os juros e freiam a Economia.
    O que se pretende é estabelecer meta de crescimento do PIB e manter a inflação sob controle, como fazem a maioria dos países.

    Jairo_Beraldo

    11/06/2010 - 05h16

    Ubaldo, esse altamento da taxa selic, foi absolutamente necessária, pra conter um pouco o crédito. Estava ocorrendo, um pequeno aumento na inadimplencia no norte e nordeste, e por isso, ocorrerá uma pequena restrição, para que as coisas se ajeitem.Só isso, cara pálida!

    Gerson Carneiro

    11/06/2010 - 08h07

    Viiiiixe… o Ubaldo está se saindo melhor que o Sardenberg.

    É a criatura superando o criador.

    Parabéns Ubaldo, seu futuro no PIG tá agaranthidio.

maria regina

10/06/2010 - 10h50

Acho que esse pessoal não é brasileiro ou está dioturnamente dopado. Impossível, em sã consciência, argumentar dessa forma psicótica acreditando ser verdade. Ou é isolamento e fragmentação da realidade, ou falta de caráter.

Responder

carlos alberto

10/06/2010 - 10h43

Ajudando aos desentendidos de economia a comprender a genial explicação: o Brasil não pode crescer 9%, por que não pode. Ah, o Brasil não cresceu 9% como a China, por que não cresceu, entendeu? Não? povo difícil! Metafora: segue a direita, vira a terceira, corta a quarta e contorna a praça, viu? é simples igual a encontrar meu endereço. Falando sério, fiquei pensando como deve ser doloroso para um profissional ser chamado pelo chefe para explicar o inexplicavel em cadeia nacional, muito deprimente. Eu ia preferir vender pequi na feira.

Responder

Carlos

10/06/2010 - 10h41

Li em comentário neste ou noutro post, balanço do desempenho – PIB – das economias de vários países em 2009.
Alguém aqui pode reproduzir aqueles dados ou informar em qual posto estão?

Responder

Mauro

10/06/2010 - 09h06

Gostaria de saber melhor sobre esse mais do que pode.
Mais do que podem os americanos?
Mais do que podem os colonizadores?
Mais do que podem suportar os urubus da mídia golpista e colonista?
Mais do que pode mais com o José Ferra (ou Doctor Hannibal Lecter? –ultimamente os dois se confundem na minha mente)?
Mais do que o combinado entre os jornalistas do PIG para ferrar a eleição de Dilma?
Pra terminar: quem define o quanto podem, quem tem o direito de arbitrar isto?

Responder

Alberto

10/06/2010 - 09h02

Obsceno, bizarro, inacreditável…

Responder

Antonio Carlos

10/06/2010 - 08h56

Com respeito a todos os jornalistas, mas por favor, os que abordam temas econômicos, estes nem passam perto de serem economistas ou de saber algo um pouco menos superficial sobre o tema. POrtanto, acho que Sardenberg, Miriam Leitão e coisas do tipo deveriam ou fazer um curso de economia ou calarem a boca, porque a quantidade de besteiras que ouço ambos falando é brincadeira… inclusive (diga-se de passagem), erros que qualquer estudante de graduação de economia percebe… lastimável…

Responder

Taques

10/06/2010 - 08h23

"PIB de 9%: “Surto” demonstra que economia do Brasil está doente.

Cuidado, o PIB vai te pegar!"

Eu não mas o governo sim pois já se anunciou um novo aumento nas taxas básica de juros.

10,25 %, a maior do mundo !!!

Quem disse que não somos grandes, né Celso Amorim ???

Responder

francisco.latorre

10/06/2010 - 08h16

eu vi. hilário.

sardenberg é o mais engraçado de todos.

sabe que mente.. e que não consegue enganar..

mas faz que tenta. e embolsa a mixaria.

..

esses invertebrados vendem e entregam.

satisfação garantida..

e serviço completo.. que inclui simulação de gozo.

ao final.. é educativo..

quem aluga o cérebro perde a alma.

há algum termo pra prostituição intelectual?..

tá na hora de criar um.

cabeças de programa?.. mentes alugadas.

michê. micho.

..

Responder

    Jairo_Beraldo

    11/06/2010 - 05h20

    Latorre, nunca tive curiosidade de ouvir o Sadenberg…ontem no J10 da GloboNews, assisti a um comentário dele sobre investimento externo aqui. Ele diz e desdiz…ou seja fala,fala não diz nada! Não deve ser levado a serio….e é um homem velho…a idade, não lhe trouxe sabedoria, talvez pela loucura!

    Augusto curtial

    11/06/2010 - 09h33

    So quem não conhece o meio jornalistico por dentro pode vir aqui falar em "prostituição intelectual", "cabeça de programa", "mente alugada", etc. Esse raciocinio é tipico de quem crê em teoria da conspiração.

    Deve-se esclarecer dois pontos.

    O primeiro é que nem todo jornalista da Globo pensa como os filhos do Roberto Marinho. POdem até ser minoria, mas muitos não pensam. E não é por que trabalham là que são prostutuidos. São profissionais que cumprem um contrato, que tem conta, familia, etc. Contribuem para uma engrenagem torpe, certo, e às vezes podem até alçar certos vôos na empresa dando a impressão de que são cumplices por opção, mas na verdade nunca chegam a se tornar de fato porta-vozes lacaios defensores da ideologia de seus patrões. Um dia podem muito bem cair fora e ir fazer outra coisa da vida, num outro jornal de linha editorial oposta (aliàs ja conheci gente que trabalhava ao mesmo tempo na Globo e na TVE). Se não fosse assim caras como o proprio Azenha não estariam aqui hoje.

    O segundo é que justamente pra chegar onde essa gente ai chega, estamos falando de Sarderbergs, Leitões, Bonneres e Casoys da vida, enfim pra se tornar porta-voz oficial da ideologia da midia dominante, pra ter a liberdade de falar assim nos telejornais o que querem, o tempo que querem, com a plena confiança do patrão, essa gente não pode ser prostituida, essa gente tem que acreditar realmente no que diz. E pode apostar que acreditam! E por tràs deles é claro que hà taambém nas redações um batalhão de gente que também acredita, que não alugam suas mentes, mas as cedem de bom grado. Na redação da Globo no RJ, por exemplo, hà muita gente que tem aquela mentalidade Zona Sul carioca para quem Ipanema, Leblon, Lagoa e Jardim Botânico são o centro do mundo e que são claro adeptos da ideologia status quo desse universo social. Não é que sejam malvados, mas enfim, que olhar você espera que essas pessoas tenham sobre o resto do Brasil e do mundo? Evidente que é um olhar cheio de preconceitos, que eles muitas vezes nem sequer enxergam. Enfim, a grande imprensa é ela mesma, em grande parte, composta por um exército de cruzados em defesa do bem contra o mal, e para isso, como outrora valia matar, trucidar, queimar, hoje vale mentir, omitir, difamar. De modo geral, isso ai é que é o Pig. Trata-se de um fenômeno quase que religioso. Como diz là no blogue dele o Paulo Henrique Amorim citando o Mino Carta: o Brasil é o unico pais do mundo em que o jornalista chama patrão de colega… é isso ai!

    POrtanto, quer os profissionais da midia discordem ou concordem com a ideologia do patrão, o que existe não é prostituição, mas sim, de um lado, necessidade e profissionalismo, e de outro, devoção e fé.

    abs

    francisco.latorre

    16/06/2010 - 14h07

    o sardenberg.. especificamente.. não acredita no que diz.. não mesmo.

    mas aceita.

    ..

    e conspiração não é teoria. é fato.

    abs.

    ..

    francisco.latorre

    18/06/2010 - 00h09

    não é por nada não..

    mas eu conheço sim o meio jornalístico.

    tem quem participe dos blogs com pseudônimo.. pra não comprometer..

    outro dia com amigos velhos jornalistas.. uma hora um soltou.. como esses caras dormem?..

    mais.. outros amigos.. tem ilustrador na pior.. com filhos.. que recebe convite da abril.. e ignora.

    tem sim gente com caráter..

    e vários.. muitos.. sem caráter.

    tem os que acreditam nas besteiras que dizem.. e os que suportam pela profissão..

    mas há muitos que aderem por oportunismo.

    não pretendi generalizar.. falei do sardenberg.. mas que vale pra muitos outros.. ah vale. se vale.

    ..

Gerson Carneiro

10/06/2010 - 04h35

É Dilmais, gente!

[youtube 0ZO4uEtj6H4&feature=related http://www.youtube.com/watch?v=0ZO4uEtj6H4&feature=related youtube]

Responder

Urbano

10/06/2010 - 01h47

Ainda hoje eu tive a oportunidade de conversar com algumas jovens, que saíram das cidades interioranas, no intuito de buscar na cidade grande atendimento médico para si ou para terceiros. Foi quando uma delas, por sinal a mais bonita e mais inteligente (essa ‘dicotomia’ (rsrsrs) na mulher é altamente perigosa), falou alguma coisa sobre o seu posicionamento de cidadania que exerce em sua cidade, porém em seguida falou algo que assistira na groubo. Fui altamente taxativo ao dizer para elas que toda e qualquer informação do pig (citei nominalmente jornais, revistas e tv), nós primeiramente teríamos que dar um desconto de noventa por cento e, posteriormente, refletir sobre os dez por cento restantes. Sugeri que na internet existem saites confiáveis como o “Vi o Mundo” e o “Conversa Afiada”, onde elas teriam informações de altíssima confiabilidade.

Responder

    Emilio

    10/06/2010 - 13h58

    Ainda que, algumas vezes, alguns comentários digam que as reservas brasileiras são de 240 milhões de dólares, subestimadas em mil vezes, né Urbano?

Dimitri

10/06/2010 - 00h22

fica assim não!
lembra do nosso carlos alberto torres capitão da seleção tricampeã de 70!
ele é que devia mudar de nome dele pra carlos tucano serraperde!

Responder

SérgioFerraz

10/06/2010 - 00h18

Este camarada é ridículo e acha que somos trouxas.
Meses atrás ele falava que Brasil estava crescendo muito pouco perto dos 10% da China e do, também, elevado crescimento da Índia.
Agora desdisse o que afirmava.

Responder

Dimitri

10/06/2010 - 00h17

e eu assisti a esse comentário ridículo!

na hora eu comecei a rir!caramba isso é a falta do que dizer,ele viajou bonito na maionese!aliás o sadembergue sempre viaja!sempre tentando abrir caminho pro zé aeroporto de mosquito.

Responder

João Carlos Orlando

09/06/2010 - 23h49

Se é um surto, tô esperando que venha a doença.Quero morrer disso!

Responder

LUIZ CLAUDIO

09/06/2010 - 23h48

Somente tenho uma coisa para dizer ao pig,háháhá estou rindo atóa ,O LULA É BARRA LIMPA,DILMA PARA PRESIDENTE;pessoal tenho uma coisa para dizer para vocês,o desprezo é o que de pior vocês podem dar a esses idiotas, somente no brasil crescimento é pernicioso,resumindo o brasil tem que ser pequeno para que esses déspotas se sintam grandes,meu deus ,toda vez que o país começa crescer eles exigem que aumentem os juros para evitar pico inflacionário,há me ajudem,esse discurso já está batido,que continue crescimento de 9%,10% e 11%,pois nós merecemos viva o BRASIL E TODOS NÓS QUE O AMAMOS INCONDICIONALMENTE!

Responder

Marcos

09/06/2010 - 23h28

O Sardenberg foi apenas foi um ator …

A noticia do crescimento brasileiro comparado ao Chinês foi matéria em um jornal internacional, se não me falhe a memória no Washington Post.

Na notícia desse jornal americano cita porque a China não cresce mais do que poderia e isso também vai acontecer no Brasil.

Aqui em Curitiba está faltando mão de obra para a área de construção civil, faltando MO como o pais vai crescer mais?

Muitas pessoas olham só pro lado político da coisa e não veem o que é verdade ou não no que é citado.

O PAC é uma boa mas mesmo assim não supre a necessidade do pais, devido principalmente a seu tamanho e falta de profissionais qualificados como é citado no artigo.

E olha que beleza, como vamos crescer se nem isso que foi criado na África do Sul não temos nem projeto?
http://esportes.r7.com/copa2010/noticias/id/2473/

Aliais acho que nem a energia para esse trem não temos!

E não venham falar que é culpa de FHC ou Lula porque até 1992 o carro Top no Brasil era o opala diplomata …

O Brasil surgiu como pais em desenvolvimento a partir dos anos 90 … anteriormente era uma grande fazenda.

Enfim, ainda estamos longe para poder comemorar o crescimento com orgulho como se fosse um pais de 1º mundo.

Responder

    Carlos

    10/06/2010 - 08h23

    Tudo bem, mas você não precisa cortar os pulsos, né?

Mello

09/06/2010 - 23h25

Dois babacas falando que é bom, mas é ruim…

Não sei quem é pior, ele ou a jornalista, que fica tentando frases de efeito

Tá parecendo um causo que aconteceu comigo, que uma pessoa me falava
sobre combustíveis adulterados no carro:

"Lasca o motor, mas é bom…"

Responder

Mah_Zinha

09/06/2010 - 23h02

E o número é ainda mais espantoso ao compararmos com outras economias, no MESMO PERíODO: Canadá (1,5%); Suécia (1,4%); Japão (1,2%); Portugal (1,0%); Estados Unidos (0,8%); Itália (0,5%); Suíça (0,4%); Reino Unido (0,3%); Alemanha (0,2%); União Européia (0,2%); países da zona do euro (0,2%); Espanha (0,1%); França (0,1%); México (-0,4%); Grécia (-0,8%); e Chile (-1,5%).

Imagine se o câmbio estivesse mais favorável.

Foi-se, morta pelos fatos, a patetice de que há que se esperar o bolo crescer para ser dividido.
Ele cresce, ó viúvas da mediocridade, mesmo enquanto é dividido.
Agora vem o jornalista falar que o País "cresce além das suas possibilidades"…repetindo a ladainha, apenas trocando a metáfora por um sofisma.

Parabéns, Brasileiros.
Não devolvam o Brasil aos sanguessugas. Filhos e netos agradecerão.

Responder

    Carlos

    10/06/2010 - 15h09

    Mah_Zinha
    Qual o período, exatamente?

Messias Macedo

09/06/2010 - 22h40

[A DIREITONA “SURTOU” – ESTÁ EM POLVOROSA!]
JUTAHY TERIA DADO ‘PITÍ’ COM SENADORA

Segundo contam, o tucano teria dito que não atenderia mais às ligações da senadora para evitar brigas e que só por apoiar o pré-candidato ao governo do DEM, Paulo Souto, já teria perdido 50 mil votos: 30 mil no interior e 20 mil na capital. O deputado estadual Sérgio Passos, único representante do PSDB na Casa, afirmou que não soube do fato. “Acho que há um pouquinho de fantasia nesse momento. Seria muito difícil. Não é o estilo de Jutahy e acho muito difícil que uma senadora tenha levado uma conversa a esse nível”, descartou. Já o presidente estadual tucano, Antonio Imbassahy, sentenciou: “É intriga pura”. A reportagem do BN tentou por diversas vezes contato com Jutahy, na noite desta terça-feira (8), sem sucesso.

FONTE: http://www.bahianoticias.com.br/

República Destes Bananas
Bahia, Feira de Santana
Messias Franca de Macedo

Responder

Messias Macedo

09/06/2010 - 22h39

[A DIREITONA “SURTOU” – ESTÁ EM POLVOROSA!]
JUTAHY TERIA DADO ‘PITÍ’ COM SENADORA
Comenta-se a boca pequena na Assembleia Legislativa da Bahia, que em uma das reuniões promovidas para discutir o impasse na aliança entre o PSDB e o DEM, o deputado federal Jutahy Magalhães Jr. teria dado um verdadeiro ‘pití’ com a senadora Marisa Serrano (PSDB-MS), que coordena a agenda do presidenciável José Serra. Parlamentares estaduais relatam ter presenciado ou ouvido falar que Jutahy pegou o telefone e esbravejou com a congressista, que seria favorável à coligação proporcional, na frente dos presentes: “Não se meta no meu estado. Aqui quem manda sou eu”.

Responder

Supertramp68

09/06/2010 - 22h23

O Brasil crescer é otimo! Se crescesse igual a China, melhor ainda… Mas são 9% em relação ao primeiro semestre de 2009 que foi de -0,9%. Em relação ao trimestre anterior (2,3%) o crescimento foi de 2,7% que não tem nada de chinês. Temos o que comemorar mas sem exageros.

Responder

Fabio_Passos

09/06/2010 - 22h20

Esta direita mentecapta deveria ter a humildade de se informar com Delfim Neto.

A mídia-corporativa está forrada de tipos caricatos e irrelevantes: sardemberg, leitão, etc.

Responder

    LuisCPPrudente

    10/06/2010 - 15h55

    Estes sadembergs, leitoas, hipólitros e outros colonos do PIG deveriam fazer programa de humorismo. E daqueles de péssimo gosto.

Opinião Divergente » O Bolsa-banqueiro (ou Bolsa-capital) vence mais uma…

09/06/2010 - 22h13

[…] esta frase de Carlos Aberto Sadenberg sobre o crescimento do PIB recente pescada pelo Azenha em seu blog: “Não é bom e não é um problema só brasileiro. O país quando ele cresce além das suas […]

Responder

Romério Rômulo

09/06/2010 - 22h12

azenha:
a primeira coisa a faltar poderia ser este sardenberg que só fala besteiras.
romério

Responder

Jorge

09/06/2010 - 22h10

E essa gripe forte que acometeu o Serra que o fez desmarcar compromissos? Será a gripe PIB9%? E os porquinhos? Culpa dos porquinhos, malditos porquinhos!

Responder

Renato Lira

09/06/2010 - 22h00

Para concluir e ilustrar meu comentário anterior, quero dar mais um exemplo de quão vassalos, irresponsáveis são as oposições e a mídia-gambá, e de como torcem e trabalham contra o Brasil:

Ontem assisti na TV Câmara a votação da MP que autorizava a retaliação aods EUA. Foi didática. Quem não viu perdeu a chance de ver a postura de vira-lata, de vassalagem, da oposição, ferozmente contra a proposta de retaliação.

Foi, além de didática, revoltante. Os parlamentares de DEM, PSDB e PPS, estavam agressivos, com pronunciamentos fortes, atacando o governo por defender a economia brasileira diante do interesse americano. A oposição fex de tudo, obstrução, requerimento de retirada de pauta, tentativa de derrubara a sessão, atrasando da sessão até onde pôde, para que a retaliação contra a economia americana fosse votada. A oposição mostrou mais uma vez sua cara, hipócrita e vassala, contra o Brasil, a favor dos amados "istêites".

Responder

Paulo

09/06/2010 - 21h57

O Arthur Virgilio já disse que vai convocar o Ministro da Fazenda pra que ele explique como deixou o PIB crescer tanto. O DEM está recolhendo assinaturas pra uma CPI. Os tanques estão de prontidão.

Responder

    Jairo_Beraldo

    11/06/2010 - 05h24

    Pobre Arthur 5% Virgílio…está mais perdido que cego em tiroteio…sua frase ecoa até hoje no seu Amazonas -"vou dar uma surra no presidente"…desde então tem levado cada "tunda" nas urnas, que é de dar dó!

Bonifa

09/06/2010 - 21h57

O Sardenberg está se esforçando até mais da conta, mas acho que a Globo vai terminar cortando o pescoço dele. Não é bom nem para o PIG, o cara dá muita bandeira!

Responder

Renato Lira

09/06/2010 - 21h56

Alguma questãs:

Para nossa imprensa vira-lata, entreguista, do contra:

Crirticou o governo que "ousou se meter" em assuntos internacionais, caso do Irã.

Criticou o governo por recorrer à OMC contra o protecionismo americano a seus (dos EUA) produtos.

Criticou mais ainda quando o Brasil onseguiu a vitória contra os "istêites", tendo permissão da OMC para retaliar os EUA.

Critica o governo pelo crescimento recorde do PIB, dizendo que "não é bom".

É mole?

O gozado é que o espaço para comentários sobre a "análise" de Sardenberg está fechado. Não são permitidos comentários.

Por que será?

Responder

Franco Atirador

09/06/2010 - 21h38

.
Mais alguns sintomas dessa "doença":

No 1º trimestre, investimento cresce 26%, a maior expansão desde o início da série histórica, em 1995.

IBGE registra a menor inflação mensal deste ano e a mais baixa para o mês de maio, desde 2007.
.
E o Serra cada vez mais sem discurso.
.
DESSE JEITO ELES VÃO SURTAR !!!

Responder

    LuisCPPrudente

    09/06/2010 - 22h08

    O Banco Central não quer que o país cresça?

    Ou será que o Banco Central só está pensando em dar mais lucros aos bancos ao aumentar a taxa selic?

Fábio Lúcio

09/06/2010 - 21h26

É divertido, não dá para negar. Sardenberg consegue ao mesmo tempo ser um crítico do baixo investimento brasileiro em infra-estrutura (é baixo mesmo) e também do criticar o PAC. Teria que escolher entre criticar um dos dois, não é mesmo? Está cada vez mais fake.

Responder

robledo

09/06/2010 - 21h16

Os melhores hoje estão fora do PIG, daí a gente ter que ouvir baboseiras como esta.Seria melhor colocar o Renato Aragão, este sim um grande trapalhão no lugar deste cara.

Responder

jonifácio

09/06/2010 - 20h57

No governo Lula é proibido crescer econonicamente, socialmente… é proibido também não crescer… é proibido não contratar, pois a Europa está demitindo, ou seja , Serra para presidente… para não crescer, não contratar, etc, etc

Responder

Leonardo Oliveira

09/06/2010 - 20h57

Criticar da maneira como criticaram o ritmo de crescimento atual do Brasil é como ver defeitos numa vitória de 5 gols de “bicicleta” contra a Argentina.

Lindos gols, mas é preciso ter cautela na hora de dar uma “bicicleta”, vai que cause uma lombalgia.

Ridículo o PIG e assemelhados…

Responder

strehl

09/06/2010 - 20h54

No governo Lula, se para na crise é ruim, se acelera é ruim. Se cresce pouco também.
Bom mesmo era o FHC, ele era bem mais previsível para o mercado: crescimento próximo de 0.

Responder

Druida

09/06/2010 - 20h33

Pra completar a situação de desespero do GAFE (Globo+Abril+Folha+Estadão) e da coalizão demotucanoppssista (!), foi anunciada hoje uma QUEDA dos índices de inflação. Uai, mas aquela moça (!), a Miriam, e aquela coleção de especialistas de algibeira do GAFE ontem não estavam dizendo que esse "surto" iria resultar em uma aceleração da inflação?! Haja penas voando na gaiola…

Responder

    Edson

    09/06/2010 - 21h59

    Gostei do GAFE (Globo+Abril+Folha+Estadão). Obrigado Druida.

Mário Ruy

09/06/2010 - 20h27

Não seria mais divertido se a famigerada tivesse escalado o Renato Aragão pra fazer esse comentário?

Responder

A.L.Mirri

09/06/2010 - 20h06

A Miriam Leitão é manipuladora, tendenciosa, mas pode-se dizer que ainda tenta se esforçar para compreender o mínimo do que fala… mas esse Sardemberg é um indigente. É um miserável na economia, na estatística e sua fala é rudimentar. Que diariamente esse cara apareça palpitando na TV é um escárnio, um desprezo aos brasileiros. É o fim da picada! Esse comentário é somente uma parte da grotesca pregação diária desse indigente moral e intelectual. Eu fico imaginando Sardemberg voltando para casa, depois de ter proferido tais comentários diante das câmeras… será que ao menos a si próprio ele engana?

Responder

Neruda

09/06/2010 - 20h02

Azenha,

– Veja que piada espalharam pela WEB !

O fato de saber escrever 6 dúzia de palavras te faz se sentir superior não é ?

Pra vc, todas as pessoas que não pertencem a sua classe social são imbecis ?

Vc tem nojo de pobres, negros e nordestinos e acha que as pessoas sub-alfabetizadas são doentes mentais e deveriam estar no isolamento não é assim ?

Caro amigo, vc tem uma doença grave, trata-se da Zelite brasileira aguda. Mas dizem tem cura.

– Vote 13 para presidente e seus males se acabarão !!!

Responder

bento

09/06/2010 - 19h56

o PIG é rídiculo, mas está ficando nojento. A minha pergunta é: a que ponto eles vão chegar?

Responder

Melchíades A. Prado

09/06/2010 - 19h48

"Começa a faltar estrada, começa a faltar porto, começa a entupir os aeroportos, começa a faltar mão de obra, começa a faltar matéria prima, etc."
Entretanto, hombridade, compromisso com o telespectador, profissionalismo e vergonha na cara já estão faltando há muito tempo e o país continua bombando.
Meu pai sempre dizia que não devemos desejar mal a ninguém, mas temos o direito de falar "Bem feito!" em determinadas situações. Na hora que eu souber que um sujeito como estes morreu de hidrofobia ou infecção por ter rasgado o fiofó com as unhas sujas, é mais ou menos o que eu vou dizer : Foi pouco e bom….

Responder

marcelo

09/06/2010 - 19h45

Este cara é louco ? Ora ele diz que é ruim, mas no final ele falou que era bom… Sei não…

Responder

VanderResende

09/06/2010 - 19h45

O crescimento precisa ser controlado por que o Brasil nao possui infraestruturas viária, eletrica e tantas outras. Além do que haveria uma aumento da pressão para importação de bens de capital, valorização do real e tantas outras questões. Mas, como disse um analista (que não me lembro o nome), o Brasil passa por uma situação desejada por todos: ter que administrar o nível de seu crescimento.
Que essa situação continue assim.
Agora, o que não dá é para aguentar no jornal nacional e em outros jornais que se trate o crescimento como um problema em si.
A falta de análises mais consistentes e contextualizadas torna incompreensivel o temor com o crescimento, que parece uma piada.
Quem assiste ao Jornal Nacional , o que infelizmente fiz ontem, fica com a impressão de que o crescimento é algo ruim para o Brasil, algo em que até um jacu da roça como eu não consegue acreditar.

Responder

Dimas

09/06/2010 - 19h42

Não é somente o ZéLadeira(abaixo) que está igual a biruta de aeroporto.Esse virus contagiou toda a turma do PiG, de maneira tão violenta, que eles ficam falando imbecilidades o tempo todo, igual ao SarDEMberg comentando sobre o PIB de 9% no trimestre. É plenamente visivel a ginástica que o sujeito faz para tentar dizer e convencer os telespectadores que tal situação é ruím para o país. É um tal de garganta coçando, de ahn…hun..hein….de fala gutural, que tenho impressão que não convence nem a ele mesmo. Só consigo pensar numa definição para esses tipos…. PATÉTICOS!

Responder

Apolo

09/06/2010 - 19h38

Azenha

Espalhada pela web…

– O Brasil podre demais !

Esse é o verdadeiro slogan de FHSerra.

Em virtude das denúncias contidas no livro do Amaury.

Responder

sidinei

09/06/2010 - 19h37

Se a economia tivesse crescido somente 2% por exemplo ai este cara tomaria a China ou a Índia para falar que o Brasil teve um crescimento medíocre em relação aos outros países do BRICS.
Ou então se não fosse o Governo do Pres. Lula mas fosse um tucano na presidência ele falaria que foi o crescimento mais significativo e imponente da história do Brasil e o melhor do mundo perdendo para a China
Para estes caras o que importa é sempre achar que o Governo Lula nunca está bom, eles nunca são capazes de reconhecer algo bom que esteja acontecendo por conta do Governo Lula. Mas o que importa mesmo é a opinião do povo que dá quase 80% de aprovação para o Governo e quase 90% aprova o Presidente e que tudo indica vai elegar a Dilma como sucessora do Pres. Lula.
A opinião do PIG que se dane

Responder

Thiago Vilela

09/06/2010 - 19h02

Hahahahahahaha. E pensar que há poucos meses esses mesmos comentaristas reclamavam que o país estava em recessão. Só pode ser uma piada mesmo.

Responder

Luís C.P.Prudente

09/06/2010 - 18h57

Para os pseudo-jornalistas e colonistas da Corte do Cosme Velho, este crescimento do PIB é muito ruim mesmo! Já que podemos afirmar com mais convicção: Bye, bye Nosferatu!

Esse crescimento do PIB mostra que a influência do PIG cresce inversamente!

Então cresça PIB! Cresça Brasil! Cresça Cultura e Informação!

Enquanto isto, lá na Corte do Cosme Velho, o pesadelo aumenta…

Responder

Marcelo

09/06/2010 - 18h57

Ah, o Sardenberg… Hoje, estava zapeando no rádio do carro e parei na CBN, porque o assunto me interessava, ele entrevistava alguém sobre o novo engine de busca do Google, o Caffeine. Era constrangedor ouvi-lo fazer perguntas primárias a ela, e ela fazendo um esforço supremo para explicar ao Sard o que é um sistema de indexação de sites com base em palavras-chave (é muito complexo isso, sabe, até para um especialista do porte do Sardenberg…). No final, ele se sai com essa: "Ih, sou do tempo da máquina de escrever, aquelas teclas com as alavancas, a gente via o que acontecia". Tudo bem, mas se ele mesmo admitiu que não entende nada dessas "coisas modernas", que raios ele estava fazendo ali???

Responder

    Milton Pereira Neves

    09/06/2010 - 21h27

    o Sardenberg não entende e a "especialista" da CBN parece um fofoqueira sibernetica, ou uma apresentadora de futilidades como ana maria braga. São assuntos tao relevantes quanto o vice do serra

    beattrice

    10/06/2010 - 00h18

    Essa estratégia do sarDEmberg é básica, ele a usa quando lhe faltam argumentos e informação para entrevistar, ou seja, sempre.

Marco Antonio

09/06/2010 - 18h56

Esse povinho do OIG ta padecendo de "complexo da castração"….

Responder

Milton Hayek

09/06/2010 - 18h55

"Ó VIDA,Ó CÉUS,Ó AZAR!"!!!!LEMBRAM DE LIPPY E HARDY-A HIENA?????Será que a hiena é a Miriam ou o Sard(A)enberg????

[youtube i9FTvc_zuXc http://www.youtube.com/watch?v=i9FTvc_zuXc youtube]

Responder

Humor: a velha imprensa está “afunhanhada” « Diálogos Políticos

09/06/2010 - 18h45

[…] Primeiro foi o comentário de um “analista econômico” no “Jornal da Globo”, a alertar contra os perigos do crescimento econômico. PIB em alta é um perigo! Pra quem? Pra Globo, que vai perder a eleição abraçada ao Serra. He, he. Eles se superam. Vejam aqui o que o Azenha publicou sobre isso – http://www.viomundo.com.br/humor/pib-de-9-surto-demonstra-que-economia-do-brasil-esta-doente.html. […]

Responder

Polengo

09/06/2010 - 18h28

Mas eu achava que o Lula nem sabia o que era PIB….

Responder

    beattrice

    10/06/2010 - 00h19

    Pois então, justo ele que nem sabia o que era PIB, CIDE, etc e o outro que sabia tudo enfiou o PIB no fundo do poço.

Juarez Silva

09/06/2010 - 18h20

Estou com medo.
Medo das pessoas comendo.
Medo das pessoas comprando fogões novos.
Medo das passoas construindo casas para morar.
Medo das pessoas comprado tvs de LCD para ver a Copa.
Medo das pessoas comprando geladeiras Duplex.
Medo das pessoas comprando roupas e sapatos novos.
Medo das passoas andando em seus próprios carros.
Medo das pessoas indo para a faculdade pelo ProUni.
Medo porque me ensinaram que eu só poderia ter tudo isso se pertencesse a uma tal elite que eu não sei o que é.
De repente eu vejo muita gente obtendo tudo isso e me desespero.
De repente eu sinto que os outros são iguis a mim, eu que me achava muito acima desse povão.
Eu que pensava já estar quase chegando nesta elite que eu não sei o que é.
Quero de volta o tempo do salário mínimo de 50 dolares.
Quero de volta o desemprego.
Pois assim eu posso pagar uma escrava doméstica.
Quero de volta o racionamento de enegia.
Quero de volta a falta de esperança.
Eu era feliz e não sabia.
Vou me embora pra Pasárgada.
Lá sou amigo do Rei
Lá tenho a mulher que quero
Na cama que escolherei.
Desculpe, mas estou muito feliz.

Responder

Roberto A.P.

09/06/2010 - 18h17

Esse Sardenberg além de não bater bem,é um apologista do caos, pois nada está bem pra ele. Se o PIB é grande,a coisa pode desandar, se é pequeno o país está mal. Além de tudo é ignorante,pois o PIB cresceu justamente por que o Brasil fez o dever de casa no atual governo, dever que o anterior irresponsavelmente não fez, e reforçou imensamente a infraestrutura com a construção de obras grandiosas que vão acabando com os funís brasileiros. Será que esse cara não desgruda da cadeira pra olhar o que está acontecendo de norte a sul do Brasil? A Dilma vai ganhar de goleada do Serra ,justamente por causa desse novo país que surgiu, o gigante que estava eternamente adormecido,como se dizia, acordou, e não vai mais pegar no sono como no passado.

Responder

Julio Silveira

09/06/2010 - 17h11

O problema do PIB baixo nos governos anteriores é que a diferença era dividida entre caixa 2 e paraiso fiscal.

Responder

Benedito

09/06/2010 - 17h07

Quando o Brasil crescia 3,5% a 4,0%, os jornalistas e economistas do PIG diziam que nossa economia estava apenas surfando na onda internacional. E surfando mal porque crescia muito pouco perto da China e da Índia. Agora que sai um Pibão desses, os caras dizem que é notícia ruim. Esses sujeitos ainda querem ter alguma credibilidade??? Patético tudo isso. É o PIG em desespero, sem rumo, biruta…

Responder

    Farpa

    09/06/2010 - 19h26

    Mas será o Benedito!!! Brincadeiras à parte, concordo em genero e número com tuas afirmações. Se for pouco o crescimento, é ruim, se for um bom crescimento, é ruim, ou seja, os membros do PIG estão ficando sem saída. Além disso, falta de infraestrutura com mercado interno em expansão é uma excelente oportunidade para os bons investidores, e êles sabem disso. Problemas seria se não houvesse mercado interno, como antes de Lula.

Dil

09/06/2010 - 17h04

Isso mesmo Azenha, que loucura essa agora de medo do PIB! Chega a ser rizível!

Publiquei algo no blog..

Responder

Célio Montes

09/06/2010 - 16h50

Kkkkkkk, o PIG está tão desnorteado que diz coisas como as que disse o "comentarista" global. Fico imaginando depois que o jornal termina o que eles dizem por lá: "será que os absurdos que eu falei convenceram alguém, será que colou?" E responde o outro "colaborador" do jornal: "acho que não,mas fazer o quê?", rsrs. Esse PIG, cada vez mais humorista…

Responder

    luizCarlosDias

    10/06/2010 - 11h16

    Lembra? no plano real ficamos a ver navios, sem assunto e sem condições de fazer oposição, mas nossa vingaça é maligna, agora é nois na fita.Tapamos a boca e a mente deles, embolada geral, pirou de vez, cada bobagem, cada doideira que dizem so resta KKKKKKKKKKKKKKK, DILMA é a tradução do que queremos para o Brasil. VIVA LULA.

Rodrigo Moura

09/06/2010 - 16h44

Viva, agora o novo lema será " O Brasil NÃO pode mais!"

Responder

    Marco Barreira

    09/06/2010 - 17h33

    É que o tal de Sardinhaberg é petitico e tem medo de altura porisso que ele diz que crescer é perigoso. E eles pensam que somos bobos.

Carlos

09/06/2010 - 16h35

Qual será a atitude do governo inglês em relação às dificuldades da British Petroleum (BP) face ao vazamento no golfo do México, que resultou na queda de cerca de 40% nas cotações das ações nas bolsas?

Deixará que quebre ou reassumirá o controle da empresa, privatizada por Thatcher nos anos 80?

Responder

    Cunha

    09/06/2010 - 17h59

    Excelente pergunta Carlos ! Eu acho que nem eles sabem o que fazer.

    Zaidem

    09/06/2010 - 22h15

    E o Greenpeace, porque não apareceu lá, como apareceu nas licitações das hidrelétricas brasileiras?

    Carlos

    10/06/2010 - 10h33

    Taí uma pauta: cadê Greenpeace?

    A propósito: o Greenpeace manifestou-se quando dos bombardeios ao Iraque?

João

09/06/2010 - 16h24

Nassif:
Trabalho no setor elétrico há mais de 20 anos. Sou testemunha de dois períodos bem distintos na história recente do setor: o primeiro, na era FHC, com privataria e quebradeira, que culminou no racionamento de 2001 (a imprensa de maneira geral confunde apagão com racionamento, que são duas coisas bem distintas). E o outro momento, na era Lula-Dilma, onde ocorreu uma explosão de crescimento do setor e equacionamento de todos os gargalos eletro-energéticos. Fala-se muito na Petrobrás, mas hoje, também somos benchmark do setor elétrico mundial em várias áreas de conhecimento. Nosso sistema elétrico-energético, pelas características continentais do país, e pela existência de uma usina como Itaipu, demandaram soluções de engenharia não existentes em nenhum outro país. Na Índia, em certas regiões, as plantas industriais precisam ter esquemas de geração própria para compensar os apagões (interrupção do serviço de atendimento) frequentes, devido às falhas do sistema elétrico, e compensar a falta da garantia energética. Portanto, nesse setor, estamos anos-luz à frente da China e da Índia.

Assim, você poderia me explicar porque a China pode crescer a 10% com todos os gargalos que o país tem e no Brasil todos os dias temos que ouvir esse mantra que não podemos crescer mais de 5% por causa de nossa infraestrutura, se eles tem dificuldade até no abastecimento de energia?

Responder

    Celso

    09/06/2010 - 17h23

    Pô João! Aqui é o blog do Azenha.

accardoso

09/06/2010 - 16h18

Esse tópico não deveria estar no Blog da Saúde?

Responder

Milton Hayek

09/06/2010 - 16h16

http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/o-no-e-a

O nó é a restrição externa
Enviado por luisnassif, qua, 09/06/2010 – 09:39

É a restrição externa, estúpido (Valor Econômico, 09/06/2010)

De José Luiz Oreiro

A verdadeira restrição ao crescimento da economia brasileira vem do front externo

Os dados do PIB trimestral divulgados ontem pelo IBGE mostram que a economia brasileira não só superou totalmente os efeitos da crise do último trimestre de 2008, como ainda cresce de forma bastante acelerada. Com efeito, o PIB brasileiro apresentou crescimento de 2,7% no primeiro trimestre de 2010 contra o quarto de 2009, perfazendo assim uma expansão anualizada de 11,24% ao ano!!! Na comparação com o trimestre anterior observa-se também uma aceleração na margem, haja vista que a economia brasileira havia apresentado uma expansão de 2,3% no quarto trimestre de 2009 em comparação com o terceiro do mesmo ano.

Essa performance altamente positiva do PIB nos últimos dois trimestres deve-se à combinação de forte expansão do crédito, principalmente por parte dos bancos públicos, política monetária expansionista (taxa real de juros abaixo da neutra), e aumento dos gastos públicos (aceleração do ritmo de expansão dos gastos de consumo do governo de 0,6% no último trimestre de 2009 para 0,9% no primeiro de 2010).

Uma questão que tem preocupado os economistas e o público em geral refere-se à sustentabilidade desse crescimento a médio prazo. De fato, a maioria dos economistas acredita que a economia brasileira pode crescer de forma sustentada, ou seja, sem pressões inflacionárias, a um ritmo entre 4,5% a 5% ao ano, ou seja, um crescimento trimestral entre 1,125% e 1,25% por trimestre. Essa projeção de crescimento potencial pode ser facilmente obtida a partir de um modelo simples de crescimento econômico – o assim chamado modelo Harrod-Domar – no qual a taxa de crescimento de equilíbrio é dada pela razão entre a taxa de investimento e a relação capital/produto menos a taxa de depreciação do estoque de capital. Supondo uma taxa de investimento igual a 20% do PIB, uma relação capital/produto igual a 2,5 e uma taxa de depreciação do estoque de capital igual a 3,5% ao ano chega-se a uma taxa de crescimento de equilíbrio de 4,5% ao ano.

Responder

Taiguara

09/06/2010 - 16h13

O Zéperdeu e o PIG saíram do armário e "sentaram" no PIBÃO(PHA) do Lula. O primeiro disse que está feliz, o segundo que está doendo.

Responder

Antonio Lyra Filho

09/06/2010 - 16h11

Sardenberg deveria ter tido: votem em Serra para o Brasil não crescer.

Pelo visto o jornalista só faltou dizer que Serra caso eleito vai receber uma herança maldita: um pais em crescime3nto.

Responder

j. Paulo

09/06/2010 - 16h09

Quem é êsse Sardenberg? É irmão do Underberg?

Responder

    dukrai

    09/06/2010 - 16h13

    falaram aqui que é da família de Sarna e Berne, estrangeirou o nome pra ficar chic.

    Neno Fogaça

    09/06/2010 - 16h49

    Não. Primeiro ele toma o Underberg e depois faz os comentários.
    Ou Serdenberg é um bichinho que dá em cachorro e em gente também. Combate-se esse mal com Dilmalol. Elimina o tal bichinho já no primeiro turno.

    Panambi

    09/06/2010 - 19h03

    E o irmão mais feio!

Carlos

09/06/2010 - 16h03

Ubaldo: "balança comercial está em declínio acentuado, além da venda de minérios"

Por que o "declínio"? Tem alguma relação com a crise que dominou a economia mundial em 2008-2009?

Quando e por quem a CVRD foi privatizada/doada sem exigência de construção de siderúrgicas como contrapartida?

Responder

Paulo Cavalcanti

09/06/2010 - 16h02

LEIAM AQUI AS MANCHETES DOS PRINCIPAIS JORNAIS DO PAÍS:

*Jornal do Brasil – "PIB: Festa, mas com cautela"
*Estadão – "PIB tem alta recorde de 9% e expõe risco de superaquecimento"
*O Globo – "PIB recorde mostra risco de superaquecimento"
*Valor – "Consumo puxa a economia e PIB cresce 9%"

OBSERVEM O PERÍODO QUE "eles" VIVIAM FELIZES:
* 1989 – PIB 3,2% – inflação 1.600%
* 1994 – PIB 5,9% – FHC cria o REAL, e "inventa" que (um real = um dolar)
* 1998 – PIB 2,7% – país quebra – vai ao FMI (3 vezes), ai vem a conta (um dólar – 4 Reais)
* 2002 – Lula vence as eleições e a mídia, não faz outra coisa, a não ser MENTIR, e jogar contra.

Responder

    Edv

    09/06/2010 - 19h02

    "FHC cria o Real"? Há "controvérsias"… se foi o "chefe" então foi o Itamar. Se não foi a equipe econômica que já atuava e amadurecia desde o Plano Cruzado…
    O correto é: "PIG CRIA que FHC cria o Real"
    …e com essa "criação", o "príncipe da USP" ganhou a eleição…
    Depois, com um, digamos, "mensalão concentrado" e um "sutil" golpe na constituição, levou outra…
    Aí fez a "festaria"…dos amigos…
    e o Brasil? ora o Brasil…

Marinho

09/06/2010 - 15h56

Assim como Os Caras de Pau ganharam um programa só para eles por conta do sucesso que eles estavam fazendo no Zorra Total, o Sardenberg tb deveria ganhar um programa só pra ele! Com certeza ele faria mais sucesso até pq o que ele faz no Jornal da Globo é de colocar qualquer comediante no chinelo!

Responder

NILSON

09/06/2010 - 15h49

E O SERRA DISSE, ANO PASSADO, QUE AGORA ESTARIAMOS NUMA RECESSÃO. SERIA BOM DIVULGAR O VIDEO E O TEXTA DAQUELA FALA DO NOTÁVEL "ECONOMISTA".

Responder

Edmundo Bernardo

09/06/2010 - 15h35

Meu caro Azenha, eles estão sem discurso, já não sabem mais como ajudar o Serra nessa empreitada, estão totalmente sem rumo, perderam a bussúla e agora não sabem mais o que fazer para tentar a todo custo desestabilzar o Governo Lula.
Se o Produto Interno desce, eles partem para o massacre midiático e se o Pruduto Interno cresce, eles começam a a desenterrar argumentos do passado, como o Brasil não tem como suportar esse crescimento.
Eles esquecem que para o Povo Brasileiro o mais importante é o emprego, o trabalhador ter opção de trabalho, escolher aonde ele pode ganhar mais e prosperar e isso é que deixa os Mulambos Midáticos ( Sardenberg, Merval, Jabour, M. Leitão, Alexandre Garcia, O Serra e o moribundo Fernando Henrique Cardoso totalmente sem rumo.
Falando no FHC, com será a próxima coluna dele no PIG? Será que ele terá coragem de comentar esse PIB? O que será que ele vai inventar para desconstruir o Governo Lula.
Um grande abraço Azenha e que a Dilma vença no Primeiro Turno.

Responder

Sonia divina

09/06/2010 - 15h31

e como ja dizia a Regina Duarte:eutenhomedo!PIB DE 9% ,,,AI QUE MEDA!

Responder

Jaime

09/06/2010 - 15h23

Realmente evoluir econômicamente é muito ruim: Vou comprar um sedan médio ou utilitário 4×4? Vou viajar nas minhas férias para Gramado ou Fernando de Noronha? Vou almoçar camarão ou filet?
É tão mais fácil ficar estagnado e não ter essas preocupações.

Responder

Professor Cirino

09/06/2010 - 15h22

Entendi o que o Sardemberg quis dizer: Vai faltar estrada para ele e a turma dele andarem sem serem incomodados; será péssimo ele e a turma dele chegarem no aeroporto e terem que enfretar a fila: ficará horrível ele ficar nos shoppings lotados de compradores mal cheirosos e ter que olhar para EX-pobres a toda hora. Realmente é um desconforto para a elite.

Responder

    beattrice

    10/06/2010 - 00h24

    E como vaticinou a urubóloga miss piggy, ainda desmatam a Amazônia comprando móveis!!!!!!!

Pedro Luiz Paredes

09/06/2010 - 15h20

O Brasil esta crescendo! ( Conta uma novidade)
O Brasil esta sendo bem gerido economicamente! (Não faz mais do que a obrigação)
Essas coisas não dão Ibope, eles tem que alarmar tudo porque se não o telespectador não vai ficar atento para a hora do intervalo esperando o próximo bloco.
Pode vir a internet e crescer, ser mais séria, minuciosa, que os telejornais vão continuar assim. O máximo que pode acontecer é eles deixarem um pouco a política de lado, só informar uma ou outra coisa pois quem quiser ver dados vai estar procurando a internet. Então falarão de avião que cai, assassinato em qualquer lugar, qualquer coisa. Logo mais vão começar a atacar em periódicos para tentar formar opinião, ou seja, o globo reporter vai parar de falar de bicho, vegetação e vai começar a falar de política, vão usar aqueles trochas do casseta e planeta, a meia duzia de babaca do GNT, a outra meia duzia da globoNews, e vão arriscar uns pitacos até no SporTV.
Se começarem a fazer mais periódicos vão ajudar as revistas a cair.
Com a internet jornais como a Folha vão começar a ter um alcance nacional maior e isso vai acabar ajudando os blogs pois quando as pessoas aprenderem a se informar pela internet não se contentarão com esses jornais.

Responder

Cunha

09/06/2010 - 14h58

Quantos aqui estão desejando mandar o PiG se %#*@<& ,,I, ?
Ainda acho que um PASQUIM on line deveria ser criado,para que a opinião como a desejada seja liberada para a postagem. :)

Responder

sandro

09/06/2010 - 14h57

Hilário!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Eles adoravam comparar o crescimento brasileiro com o chinês, perguntando pq não crescíamos como a China……..agora, reclamam do crescimento, quase, "Chinês" do Brasil.

O que eles querem?

Tá ridículo já…………hilário……….esse Sardenberg…….ai ai

O que eles não entendem; hj, conversando com um policial militar aqui no RJ:

PM – vou votar na mulher que o Lula indicou, pra continuar o que ele fez….foi o melhor Presidente pra gente, criou o programa tal, que melhora nossa situação, o programa tal (específicos para policiais) da copa, o programa tal das olimpíadas……com isso a gente melhora nossa situação e estuda…….

Ou seja, o PIG acha que o Brasil é Higienópolis…..mas agora já entenderam que será no primeiro Round.

Dilmão neles!!!!!!!!!!!!

Responder

monge scéptico

09/06/2010 - 14h53

O interessante do BRASIL, é que tem mais gente criticando que apresentando soluções. É claro que crescimento,
exige infra-estrtura. Falta infra-estrutura? o jeito é construi-la concomitantemente com o crescimento e, criar
soluções práticas para equacionar os problemas que surgem. Esse trem é longo para tratar; o melhor não é
criticar a la candidato e, sim apresentar equações que amenizem os problemas a medida que surjam, inda que
emergencialmete. ABAIXO A CRÍTICA VAZIA!. Obrigado.

Responder

Milton Hayek

09/06/2010 - 14h48

Talvez o melhor vice para o Serra seja o senador Heráclito Fortes.Assim ficaríamos com uma perfeita dupla Toro(Heráclito Fortes) e Pancho(Serra):

[youtube Pt2H5zdEclo http://www.youtube.com/watch?v=Pt2H5zdEclo youtube]

Responder

ricardo.bras

09/06/2010 - 14h48

9% de crescimento é barbeiragem, incompetência… hãm hãm…

Responder

Marcelo P

09/06/2010 - 14h33

Cara, eu já não aquento mais esses jornalistas do PIG. O que será que eles pensam, de noite na cama, como esse Sardenberg?
Será que ele ri da cara da gente? Ou acredita mesmo no que nos fala?

Responder

Geloca

09/06/2010 - 14h32

Infelizmente não consigo abrir o link do video. Fica indefinidamente loading…que pena, estou preciando de ficar indignada.

Responder

Reinaldo

09/06/2010 - 14h28

Azenha,
este povo endoidou , agora é ruim crescer em ritmo chinês , o povo consumindo mais é péssimo para uma economia brasileira.

Responder

ladyslime

09/06/2010 - 14h19

HAHAHHAHAHAHA
Não sei se choro dou risada!

Dou risada de alegria com esse PIB
E choro porque meu idoso paizão como tantos outros com esquizofrenia política ainda acreditam no Sardenberg.

Responder

Ray

09/06/2010 - 14h13

Azenha,

Juro que gostaria de entender o que passa dentro da cabeça de certos jornalistas brasileiros. Chega a ser cômico porque se contradizem sempre!!!

Responder

PIBÃO

09/06/2010 - 14h09

PIBÃO, SE É BOM PARA O BRASIL É RUIM PARA O PIG E O DESSENDO A SERRA.

Responder

    Werner_Piana

    09/06/2010 - 21h07

    "PIBÃO: se é ruim para o PiG, só pode ser bom pro Brasil"…
    :D

PIBÃO

09/06/2010 - 14h03

COM PIBÃO E DILMÃO O BRASIL TEM SOLUÇÃO. VOU VOTAR NO TREZÃO.

Responder

    Cláudia

    09/06/2010 - 14h39

    Ahahahahaha… Sensacional! Permita-me fazer meu o seu slogan… ahahahahahah…

    Janes Rodriguez

    09/06/2010 - 15h09

    E eu tambémzão!!!!!!!Esse versado foi muito bão!!!

blogdacoroa

09/06/2010 - 14h02

Caro Azenha, veja mais uma análise do Blog da Coroa sobre o comportamento do Zé ladeira:

Economia básica para aviceados
http://blogdacoroa.wordpress.com/2010/06/09/econo

Responder

Edvaldo

09/06/2010 - 14h00

né? é ótimo.

Responder

maconheiro

09/06/2010 - 13h59

kakakakaka….. só rindo desse PIG !

Responder

amores

09/06/2010 - 13h55

Crescer muito não é bom por que levar a Dilma a Presidência.

Responder

Eibel

09/06/2010 - 13h50

Se apresenta um PIB negativo o PIG detona, se apresenta um PIB irrisório o PIG chia, se apresenta um PIB do tamanho da CHINA o PIG diz que o país está doente, vai entender essa gente. Para o PIG e o Serra viva o subdesenvolvimento. Eu e toda Minas gerais votamos para o desenvolvimento, votamos em DILMA 13. Que se dane o PIG.

Responder

Milton Hayek

09/06/2010 - 13h46

o PIG sofre de moral calvinista(Weber já tinha falado nisso naquele livrinho "A ética protestante e o espírito do capitalismo" ,que minha patroa me deu pra ler.Até hoje ela fica com raiva quando eu digo que Weber precisava,mesmo,é de uma boa mulata brasileira e Marx precisava ter explicado aquela relação estranha que teve com Engels).Não pode ter prazer.É por isso que não quer crescer.Quer ficar murcho.Na direita só tem brochas e pomba-lesas,como se diz no Nordeste.

Responder

Milton Hayek

09/06/2010 - 13h39

Crescer a 7%

Se o objetivo central da sociedade brasileira for vencer o subdesenvolvimento, a economia terá de crescer a taxas mais elevadas do que as que têm ocorrido no passado recente, enquanto que as políticas de distribuição de renda terão de ser mais vigorosas para incorporar ao sistema econômico e social moderno as imensas massas que se encontram em situação de grave pobreza: cerca de 60 milhões de brasileiros. caso se deseje manter o Brasil como país pobre e subdesenvolvido, basta crescer a taxas modestas, obedecendo a todas as metas e a supostos potenciais máximos de crescimento, e, assim, lograr manter a economia estável porém miserável. O artigo é de Samuel Pinheiro Guimarães.

Samuel Pinheiro Guimarães
http://www.cartamaior.com.br/templates/materiaMos

Responder

David R.Silva

09/06/2010 - 13h38

Definitivamente, o PIG surtou geral. É o começo do fim desse lixo. Adeus PIG. Vou de DILMA13. de Belo Horizonte.

Responder

Milton Hayek

09/06/2010 - 13h38

http://www.conversaafiada.com.br/economia/2010/06

Com Pibão e tudo a inflação cai

Saiu no G1 (clique aqui para ler):

A inflação calculada pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) perdeu força em maio, e ficou em 0,43%. Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a taxa de inflação oficial é a menor para um mês este ano. Em abril, ficara em 0,57%.

O IPCA é usado como referência pelo Banco Central para estabelecer metas de variação de preços no país.

Responder

    Carlos Castro

    09/06/2010 - 14h39

    Seu apelido é ridículo.

Maxwell

09/06/2010 - 13h37

Crescer descontroladamente é um problema, por incrível que pareça. A China sofre com vários problemas ambientais por conta do crescimento descontrolado da economia. Ao que parece o Brasil ainda não sofre com isso. Principalmente porque não temos a faca de dois gumes de uma população gigantesca.

Responder

mucio

09/06/2010 - 13h32

Onde ele encontra fundamento pra dizer que o PIB não pode crescer 9%? Nas leis da natureza é que não é. Paradigmas existem para ser quebrados, espero ver o BRASIL com PIB de 12% em breve.

Responder

Vera Pereira

09/06/2010 - 13h20

Além do problema ideológico e político da mídia dominante que bem conhecemos, e que faz parte da luta pelo poder, há outro que poderia ser sanável: a ignorância dos comentaristas econômicos, que não são analistas de coisa nenhuma, são meros apresentadores de programas ou redatores sem formação científica para opinar. São meros repetidores do que o mainstream do conservadorismo econômico e político divulgam. Eu acho que a ignorância, a desinformação e a preguiça mental dessa gente é um dos problemas básicos da imprensa brasileira hoje.

Responder

Dilson

09/06/2010 - 13h18

A solução então seria o Brasil parar de crescer?

O slogan de Serra pro Sardenberg deveria ser: "O Brasil NÃO pode mais."

Responder

Jotaroberto

09/06/2010 - 13h05

O Sardenberg acaba de me lembrar que quando o país começa a crescer, começa tambem a faltar "jornalismo".

Responder

Eduardo Lima

09/06/2010 - 13h03

É muito engraçado! Os tucanos falam em crise de infra-estrutura caso o brasil cresça rápido demais, mas querem acabar com o PAC. Vai entender!

Responder

Gerson Carneiro

09/06/2010 - 13h02

"o país crescer muito não é bom" – PIG.

Realmente, não é bom para a candidatura do Serra.
Tô de pleno acordo.

"Chora peito
Me mata de uma vez
Porque aos poucos
Eu não vou morrer
Chora peito
Me mata de uma vez
Pra não dar tempo de pensar em você"

Chora Peito – Chrystian & Ralf

Responder

Tia Carmela

09/06/2010 - 13h02

Por isso que essa imprensa de jornalistas de programa vai falando cada vez mais para o restrito círculo dos reacionários.

Por exemplo, a folha fez uma reforma editorial que está fazendo sucesso entre os apoiadores do Presidente de Nascença, especialmente com seu futuro vice, o Cachorro-Lagosta.
http://wp.me/y9tu

Responder

    carlos anselmo

    09/06/2010 - 14h23

    cara tia carmela,

    desculpe a ignorancia, mas quem é o cachorro-lagosta? sério!

    bjs

pedro - bahia

09/06/2010 - 13h01

Ainda que venha a sintonizar a Globo para ver notícias da Copa, no momento que esse camarada é acionado ou quando vejo a chamada da Miriam Leitão, mudo de canal. Chega de ouvir ou ver besteiras.
Quando o PIB estava em declínicio ouvia-se comentários de nossa imcopetência pois perdia para China, Alemanha, India, EEUU e até para "los ermanos" portenhos. Agora que ocupamos o 2o. lugar (O Pibão) estamos ameaçados.
Ouvir o Joelmir Betting dizer que eles, os urubulógos estão enganados. Enquanto o PIB cresceu 9% nossa capacidade produtiva cresceu 26%. Portanto…

Responder

Vinicius

09/06/2010 - 13h00

O pior é o Noblat, numa clara demonstração de preocupação transfere o termo PIG para: Partido da Internet Golpista, além de usurpação (afinal o termo PIG foi criado por pessoas que já não aguentavam os embustes da imprensa da qual ele faz parte), é sinal de que as ações dos blogs na internet, preocupam sim a eles, pois qualquer tentativa de factóide que eles tentam é prontamente denunciada, como então aceitar isso? Eles que são os senhores da verdade? Sendo protamente contestados? Que horror!

Responder

Milton Hayek

09/06/2010 - 12h54

Pois é…estamos com a economia tão fraca que os espanhóies estão correndo pra cá:

Milton Hayek · 4 horas atrás
PRIVATIZAÇÃO:ESPANHÓIS TOMAM EMPREGOS DE BRASILEIROS NA BAHIA
http://www.tijolaco.com/?p=18023

Ah, quer dizer que emigar pra cá, vale?

Por indicação de um leitor, tomei conhecimento do texto publicado no JB por Mauro Santayana, que reproduzo, estarrecido, para vocês. Leiam, e eu comento a seguir:

Tendo assumido o controle da Coelba, a companhia baiana de eletricidade, durante o governo FHC, a empresa espanhola Iberdrola está oferecendo aos desempregados da província de Castellon, na Espanha, contratos para a execução do programa Luz para Todos, no interior da Bahia. É nisso que deu a “privatização”: se o ministro Lupi nisso concordar, teremos o dinheiro público usado para combater o desemprego na Espanha. Se não há eletricistas no mercado, bastam dois meses para formá-los, como sabem os técnicos do setor.
Seria um contrassenso oferecer emprego aos espanhóis, quando brasileiros são ali tratados pela polícia como facínoras, os homens; e como prostitutas, as nossas filhas, esposas, namoradas e irmãs. Um país que se respeita exige que seus cidadãos sejam respeitados. Não podemos tratar os espanhóis com a mesma violência e desprezo, mas nem por isso devemos oferecer-lhes trabalho que falta aos brasileiros.
…………………………………………………………………..
São eletricistas de média e alta tensão, setores onde dizem que não há mão de obra qualificada aqui. Então, porque não importam instrutores, capazes de, em pouco tempo, formarem levas enormes de trabalhadores qualificados. Sairia mais barato que deslocá-los às centenas, não é? Não fazem porque, como o próprio jornal espanhol diz, a “destruição do emprego” por lá ronda a casa de 20%.
Atenção, como diz o Santayana, Ministro Carlos Lupi. Estão querendo fazer o programa “Luz para todos, pero empleo para nosotros”.

Responder

Carlos

09/06/2010 - 12h51

Um ouvinte do sardenberg encontrou-se com ele e disse-lhe todo alegre: Bom dia !!
Todo exaperado, o sard respondeu-lhe: porque, bom dia ? Tá tudo ruim, muito ruim.

Responder

Rosamaria C. Costa

09/06/2010 - 12h49

Humor: PIB de 9%: “Surto” demonstra que economia do Brasil está doente. de Carlos Alberto Sardenberg, no Jornal da Globo, Diretamente do Dpto de TelejornaLIXO da Globo.
Esse é o mesmo pensamento do dirigentes dos pais ricos, se o Brasil crescer vai faltar matéria primária para os Estados Unidos, Europa etc. Se o Brasil cresce vai haver mais poluição… Quanto jornalismo cretino, amestrado.

Responder

Carlos

09/06/2010 - 12h34

Qual a explicação pra falta?
Exemplifique, cite casos de "falta de estrada" – e cite fontes, publicações especializadas.
Portos e ferrovias: informe-se sobre os projetos em andamento no PAC (1 e 2).
Formação profissional: FHC detonou o ensino técnico, ao passo que o governo Lula construiu 214 escolas técnicas em todo o país, além de ampliar ou construir novas universidades, o que levou à contratação de professores e funcionários – o que você chama de "burocratas para a máquina".

Responder

Carlos Cruz

09/06/2010 - 12h33

O problema central é: quando o país cresce, o PIG diminui! Cadê as desgraças, a inflação, o descontrole das contas públicas, os escandalos, etc? Valha-me deus, vou ficar desempregado! Não tem mais o que denunciar, assombrar (almas do purgatório!), o que vou fazer? Como vou garantir meu emprego, se já não assusto mais? Cadê meu filme de terror?

Responder

vantuk

09/06/2010 - 12h31

acho que o saderberg se esqueceu ou não se deu conta (vejam, estou tentando ser gentil com ele) que a construção de estradas, portos e infra-estrutura em geral também contribuem para o crescimento acelerado do pib.
será que pensa que os 9% de crescimento estão associados somente a venda de carros e geladeiras?

Responder

    Emanuel Augusto

    09/06/2010 - 14h39

    Ou como naqueles "velhos tempos" que se festejava: O aumento de venda de iorgute e dentaduras. Aposto que muitos não se lembram disso.

Fabiano

09/06/2010 - 12h28

É incacreditável. Eu não temho palavras pra comentar.

Responder

@aleportoblog

09/06/2010 - 12h25

Olhando a repercussão do PIB de 9% na imprensa brasileira, parece que estamos reescrevendo um recente artigo do economista Luiz Carlos Mendonça de Barro, segundo o qual o Brasil estava próximo de se chocar com um muro. Aquele artigo que dizia ser um aleijão o Brasil produzir mais caminhões que a Alemanha.

Para essa gente, a tragédia do PIBão é que ele expõe nossos gargalos. Afinal de contas, gargalos são uma ameaça ou um desafio? A resposta para essa pergunta pode ser um bom diagnóstico sobre a forma como você encara a vida.

Mas nao é só de PIG q vive o debate econômico.

Diante da forte expansão dos investimentos o economista-chefe do Fator, José Francisco de Lima Gonçalves, avalia que um novo ciclo de crescimento foi inaugurado na economia brasileira. "Tivemos o crescimento puxado pelo consumo, como no Plano Cruzado, nos anos 80, e o crescimento sustentado pelas exportações, como ocorreu nos primeiros anos do governo Lula", diz ele, para quem o crescimento agora é impulsionado pelos investimentos. "É um investimento que ocorre em todos os setores, demandando máquinas e equipamentos e também mão de obra."

Como disse Neil Shearing, da Capital Economics, em Londres, à Bloomberg, "Se isso [a alta do PIB brasileiro] não é uma recuperação em 'V', eu não sei o que é. […] O que torna o Brasil único é a força da demanda doméstica. As vendas no varejo têm sido estonteantemente fortes nos últimos três ou quatro meses.". Quem apostou no Brasil, se deu bem.

Leia mais em: http://bit.ly/bfdojl

Responder

Chico Melfi

09/06/2010 - 12h23

O Brasil tem que parar de crescer só para agradar a GLOBO.

Responder

Sergio Ribeiro

09/06/2010 - 12h20

A reflexibilidade orçamentária é difusa e não polariza a trajetória dos juros contidos no dinamismo eficaz do Banco Central. Seria preciso equilibrar o financiamento público, através do acúmulo do crédito pessoal, dialogando com a polaridade exígua do sistema pós-crise, contido até hoje na vicissitude unilateral da economia mundial. O Sardemberg tem razão. E, se ele for o economista do Serra, a gente tá ferrado !! ( rsrs)

Responder

    Geloca

    09/06/2010 - 13h44

    este palavrório aí é do sujeito lá, né? não entendi nada..pra mim, ele abriu um livro qualquer de economia e copiou, colou palavras…

Danilo Pacheco

09/06/2010 - 12h18

Mas em 2007 a Globo pensava diferente e cravou no G1:
Brasil terá 2º pior crescimento da América Latina
"Não aproveitar este momento vigoroso é um desperdício."
"Em 2007, podemos empatar com o Paraguai se ele não nos ultrapassar de novo. Do jeito que estamos, não é impossível."
"Sem investimentos não vamos crescer. O PAC ajuda, mas não soluciona todos os problemas."

Ou seja…elas não sabem oq querem e nunca estão satisfeitos!!

Responder

Wagner

09/06/2010 - 12h17

O sujeito perdeu uma excelente oportunidade de ficar calado!…

Responder

Ubaldo

09/06/2010 - 12h17

Interessante que a balança comercial está em declínio acentuado, além da venda de minérios e importação de produtos acabados da China. O endividamento é crescente e já passamos de R$ 2 trilhões na dívida pública bruta qual rendem aos banqueiros mais de R$ 150 bilhões ao ano. Ano passado nosso PIB caiu 0,2%. Temos metade da população sem redes de esgotos e um quarto da população são analfabetos funcionais. Nossa Educação é uma das piores da América do Sul. Nossos políticos estão entre os mais corruptos do mundo. A saúde não funciona. Segurança piorou muito.
Vocês comemoram a compra da sociedade por um governo demagogo.
Não há crescimento sustentado. Um ano crescemos e outro retrocedemos. O modelo da política econômica não permite um crescimento vigoroso.

Responder

    Leider_Lincoln

    09/06/2010 - 13h00

    1: Ubaldo, você é o que para afirmar isto? Economista? Por que se for começaremos a debater de verdade.
    2: Disso tudo que você falou, me fale UMA única coisa que estava melhor na época do governo do PSDB de SP (FHC, Serra e afins); não vale a questão da dívida pública por que naquela época o PIB era muito menor e os juros, muito mais escrachantes.
    3: De fato nossos políticos estão entre os mais corruptos do mundo; o Amaury Ribeiro Jr. está inclusive publicando um livro sobre como um eles roubou nosso país e nosso povo, se associando a banqueiros e esquemas criminosos.
    4: O PIB dos Estados Unidos, a economia que você fala que devemos seguir, caiu 300 bilhões de dólares, de 2008 para cá. Em vista desta catástrofe não teremos um resultado tão ruim assim.
    5: Se o PIB caiu 0.2%ano passado e você mesmo diz que crescerá no máximo 6% este ano, isto não quer dizer que, no BIÊNIO, o PIB não terá crescido apenas 3%? Você acha isso insustentável, Ubaldo?
    6: Segurança pública, na nossa Federação. éresponsabilidade dos governos estaduais. Então me responda: além de negociar com PCC, deixar delegacias serem roubadas, espionar professores, matar inocentes na frente de suas próprias mães e entregar reféns para bandidos, o que a polícia sob o comando do único candidato à presidência fez pela segurança pública?
    7: qual governo investiu mais de 8 vezes em relação a um quelhe foi imediatamente próximo? O Governo do PSDB-SP ou o governo do PT?
    8: Dentre os estados brasileiros, qual é aquele que, em comparação coma renda, tem a pior educação pública?

    Estou esperando suas respostas, Ubaldo.

    Pedro Aguiar

    09/06/2010 - 13h57

    Parabéns pela excelente aula que você deu ao Urubaldo, mas fica uma dúvida: Será que ele aprendeu?

    Ubaldo

    09/06/2010 - 23h27

    Leider,
    O Lula usa o paternalismo o egocentrismo e a demagogia para governar. Por isso, não concordo com os métodos nem com os princípios que norteiam seu governo. Quanto ao FHC, já fui vizinho dele, falava as vezes com ele na banca de jornais da praça Vilaboim em Higienópolis, mas não sou fã dele e sei das limitações de seu governo.
    Por que sempre comparar os governos de FHC e Lula?
    Não há possibilidade de você avaliar um governo sem fazer comparações com o antecessor?

    Emilio_Matos

    10/06/2010 - 19h30

    É mesmo, né Ubaldo, comparar coisas não é uma boa maneira de avaliá-las não… Pára de distorcer, rapaz!!!

    José Carlos

    09/06/2010 - 13h07

    Eu pergunto: Doeu? E vc, naturalmente vai questionar: _Doeu o que? Eu explico: quando você caiu da nave que te trouxe de outro planeta!

    marta

    09/06/2010 - 13h31

    Ubaldo, meu filho! Por favor, vai ver que toda esta "desgraça" é fruto do somente do governo atual. Sim, por que segundo consta tudo que é bom deve-se ao FHC. MENOS, UBALDO! ou seria Urubaldo, para fazer juz ao seu candidato.

    Jorge Leite

    09/06/2010 - 13h38

    Esqueceste de tomar o remedinho de novo, hein seu ubaldo?
    O problema da dívida já foi exaustivamente debatido, e está sob controle, apesar de suas torcidas contra.
    Ocrescimento do ano passado foi negativo em todo o planeta, nossa queda foi surpreendentemente menor
    que todos os países industrializados (o dito 1o. mundo).
    A saúde não funcionava pela herança maldita, mas está melhorando claramente (só voces não querem ver)…
    Nossa educação tem ganho várias escolas técnicas e universidades federais, diferentemente de nos governos anteriores…
    Enfim, perdeste mais uma excelente oportunidade de não "pagar mico"!

    Geloca

    09/06/2010 - 13h46

    sem medo de ser feliz….a hora chegou…Ubaldo. Estamos atacando os verdadeirtos problemas que você cita …o PAC está aí, é exatamente pra isso.

    Alberto Porém Jr.

    09/06/2010 - 14h37

    Interessante é porquinhos espirrarem.
    Interessante é 170/38=47.
    Interassante é tuitar até as 4 da matina e inventar desculpa de que acordar cedo estraga o dia.
    Ineterassante seria ver o país começar a partir do meio dia se um certo espiga de milho ganhasse.

    Pedro Tagua

    09/06/2010 - 16h57

    Falou o Sanderberg Junior…

    Tenho certeza que esse Ubalbo fala essas m… só pra tira a gente do sério, vive lendo a cartilha do PIG e não leu até hoje o proposta do site: "O que você não lê na mídia". Se a gente pense como vc estariamos no site do OGLOBO.

    Emilio

    09/06/2010 - 18h04

    Mas já está você falando de dívida brasileira de novo rapaz!!! Para quem não sabe, o Ubaldo me chamou de neófito porque o corrigi dizendo que a dívida externa brasileira é de cerca de 240 bilhões, e não 240 milhões, como ele tinha dito em um comentário anterior. Vocês realmente acham que um cidadão que erra por uma ordem de mil vezes a dívida do país tem condições de discutir o assunto? Fala sério, Ubaldo… Papelão…

    Ubaldo

    10/06/2010 - 17h21

    Emílio,
    A divida externa brasileira é de US$ 240 bilhões. O Lula diz que pagou mas não é verdade. O Lula pagou a dívida com o FMI e fez um péssimo negócio para o Brasil, pois para paga-la empresta dinheiro internamente. Em realidade ele trocou a dívida do FMI que exigia juros de 1% ao ano por dívida interna qual pagamos de 10,30% a 13,5%. Assim o Brasil perde mas Lula ganha pois ele pode se vangloriar que não deve mais ao FMI.
    O Lula é egocêntrico, demagogo e paternalista, além de excelente marqueteiro que engana até letrados como você.

    Emilio_Matos

    10/06/2010 - 18h35

    Ubaldo, bom saber que você passou a usar a informação certa, mesmo sem admitir que me chamou de neófito por usar esse mesmo número de 240 bilhões, que é ainda está errado, pois 240 bilhões são as reservas brasileiras, a dívida externa é próxima de 200 bilhões. Outra coisa é que você precisa seriamente se informar melhor. Que dívida é essa que o Brasil conseguiu fazer pagando juros de 1%? Que é isso cara? Mesmo internacionalmente, o Brasil sempre pagou muito mais que isso, mesmo agora os títulos de dívida externa pagam cerca de 8%. Isso de que o governo pagou uma dívida que cobrava 1% para passar a pagar 10% é simplesmente mentira, falta de informação, ou distorção pura e simples sua. Outra coisa que você parece não saber é que a dívida externa paga 8% mais a variação cambial, que é um risco gigantesco para o país, enquanto que essa dívida de 10 a 13% é em reais, sem risco cambial. Pára de distorcer, rapaz…

    Ubaldo

    10/06/2010 - 22h27

    Emílio,
    Além de neófito em Economia você confunde tudo. Preste atenção e leia, depois não distorça:
    Nossa dívida com o FMI de US$ 14 milhões foi paga com dinheiro emprestado. Ao FMI, pagávamos juros de aproximadamente 1%. Ao trocar por dívida interna, através de dinheiro obtido com a venda de títulos ao mercado, começamos a pagar a taxa Selic e até alguns pontos mais. Não foi uma boa troca mas serviu para o Lula dizer que não deve mais ao FMI e que até aplica dinheiro lá. Também ele faz menção e diz que pagou a dívida externa o que não é verdade. Talvez você não queira acreditar nisso mas é a pura verdade. Ou talvez você se faça de desentendido.

    Ubaldo

    11/06/2010 - 09h32

    Emilio,
    Digo US$ 14 bilhões, não milhões.

    Emilio_Matos

    10/06/2010 - 18h46

    Ubaldo, essa taxa de 1%, que você viu mas não entende o que significa, é a taxa a que as reservas brasileiras são remuneradas. Essa não é a taxa que o Brasil pagava pela dívida, que é de cerca de 8%, mas sim o quanto os EUA pagam pela dívida deles em dólares, entendeu? O Brasil pegou os dólares e emprestou para o tesouro americano, e recebe por isso 1%. O Brasil consegue captar a 8% e os EUA conseguem a 1% por causa do risco de calote bem maior do Brasil. Sinceramente, estude mais para entender os assuntos, você contribuiria bem mais assim, quem sabe até pararia com essa coisa de ser do contra por definição, até em assuntos que não entende. Ao contrário do que você insinua, nunca votei no Lula e o PT nunca me agradou muito. Acontece que ficou óbvio que um governo que se foca de verdade no problema que mais me incomoda no Brasil, a desigualdade social e miséria, faz muita diferença, capaz até de compensar tudo o que realmente há (ou houve) de ruim no PT.

    Edv

    09/06/2010 - 18h53

    Debaldo está falando dos tempos nefastos de FHC. Como é Serrista e PIGuinho amestrado, fala dos "piores" números inúteis que acha, repercute e repete até a exaustão, como já "ensinava" Goebbels
    Esquece (sempre) que o DIFÍCIL é encontrar algum indicador que NÃO seja melhor ou muuuito melhor hoje!
    Econômico, político ou social.
    Esquece que o PIB "não sustentável" foi um dos MENOS AFETADOS pela CRISE MUNDIAL.
    E não sabe que desfazer o ESTRAGO de séculos de poder conservador no Brasil leva tempo…
    Por isso: Dilma! … para continuar a DESFAER o estrago…

    Luís C.P.Prudente

    09/06/2010 - 19h34

    Você também faz parte do programa humorístico da Corte do Cosme Velho!

    Bonifa

    09/06/2010 - 22h03

    -Um quarto da população é composto de analfabetos funcionais, Ubaldo. Ou então: -Um quarto da população é de analfabetos funcionais. Olha a concordância, Ubaldo. Não vamos deixar se perder nosso colega blogueiro da direita por erros de português.

Marcos Doniseti

09/06/2010 - 12h16

Gente, assim não dá! Se continuar assim, daqui a pouco será trocar o pessoal que trabalha nos programas e sites de humor (Humortadela, Kibeloco, Pânico na TV, etc) pelos economistas como a Miriam Feijoada e o Sardenberg, pois estes são muito mais engraçados, sem dúvida alguma.

Responder

Maria Efigênia

09/06/2010 - 12h06

O Sardenberg é impressionante, sempre tem um mas, um porém, vai ser urubólogo assim nos quintos dos infernos

Responder

Edv

09/06/2010 - 12h06

No PIG, o que é ruim é "ruinzérrimo"; o que é bom é "ruim"; o que é muuuuito bom é o que "teria que ser", "mas"…
Obviamente enquanto eles não representem o "poder em exercício"…
Num grupo social qualquer, aquelas pessoas despeitadas sempre são as mais ridículas, quando não patéticas.
Mas sempre medíocres!…

Responder

Carlos Alberto

09/06/2010 - 12h02

Que ginática verbal pra desclassificar o exito da economia brasileira. Não merece nota um comentario de um serer demente como esse meu xará. Tô até ficando com vergonha do meu nome.

Responder

Erivelto Prudencio

09/06/2010 - 12h02

Eles desbilitaram o comentário do vídeo… rsrsrs

Responder

luis nascimento

09/06/2010 - 11h56

Quem surtou mesmo foi o PIG. Agora é tá difícil encontrar um vice pro Serra, apesar de ele dizer que já nasceu preparado para ser presidente,além contar uma piada amarela no pânico.

Responder

KNeto

09/06/2010 - 11h55

Marat, acredite, se essa turma tomasse chá de cogumelo, veria as coisas com mais clareza

Responder

    Marat

    09/06/2010 - 15h05

    Rsrsrsrsrs – acho que a mentira é mais deletéria que os alucinógenos… mas esse pessoal do PIG deve ser bem careta – rsrsrs

Artur

09/06/2010 - 11h54

O paciente, enfermo, que jazia em um leito de hospital, apresenta melhoras. O médico reune a família e dize:
Ele está bem melhor, está reagindo, se fortalecendo mas, isto não é bom. Esta recuperação, vai fazer com que ele viva muitos anos, aí, ele vai ter que continuar trabalhando, consumindo, prosperando, se divertindo… eu sinto muito.
A família ouve atentamente, depois sai e leva o ex-paciente para casa, convida os vizinhos e faz um belo churrasco para comemorar.

Responder

ricardo silveira

09/06/2010 - 11h54

Como sofrem, que desconforto em ter que dizer o que os patrões mandam, dá pena, pois eles não são burros e sabem que as pessoas que os assistem também não são burras. Mas, o problema é deles, por lá parece que a coisa é tal qual "ou dá ou desce".

Responder

Charles Harnack

09/06/2010 - 11h54

Esses doentes, sabujos por natureza e opção, não conseguem metabolizar o sucesso do povo através do PT.
Dizer que o crescimento de 9% é perigoso,não temos estrutura, e outras mentalizações quase que psicografadas,
haja visto que seus hologramas,tais como,Sardemberg, Miriam,Merval, Jabor, e TUCOS/DEMOS em geral, me
fazem lembrar do grande goleiro e agora técnico Leão. Era técnico do Santos, e seu time vencia por 2X0,quando
acabou o primeiro tempo. O reporter, tipo da espécie da Globo, na descida ao túnel,perguntou ao Leão o que
achava do resultado, pois 2X0 é um resultado perigoso. Ele tirou o atrasado, e disse, é verdade, 2X0 é perigoso
no primeiro tempo, eu prefereria estar perdendo. É mais ou menos isso,não levanta a cabeça, que os amestrados
se alvoroçam. Tipos nojentos e asquerosos. A maioria deve causa vergonha a própria família.

Responder

Marat

09/06/2010 - 11h53

Por favor, responam da estas perguntas:
1) Por que o PIG odeia a verdade?
2) Como proceder para localizar depósitos dos consulados estadunidenses aos piguistas?
3) O pessoal do PIG não tem vergonha de falar tanta besteira?
4) O pessoal do PIG pensa que ainda estamos no século XX e caímos em seus embustes???

Responder

    Alberto Porem Junior

    09/06/2010 - 12h46

    1) Porque a verdade os iluminará.
    2) Eles não fazem a soldo, é genetico.
    3) Não. Moral é uma termo vago e confuso para as 5 mil famílias brasileiras mais ricas.
    4) Sim. Manja os burros de carroças que só enxergam o que está a frente? O milho na ponta da vara é o Sr. Serra.

    Geloca

    09/06/2010 - 13h55

    adorei sua resposta…inteligentes e ferinas

KNeto

09/06/2010 - 11h53

A China cresce a níveis siderúrgicos faz tempo e, até onde sei, não estourou.

Responder

Luiz

09/06/2010 - 11h53

o PIG perdeu a noção do ridículo faz tempo…

Responder

Jones

09/06/2010 - 11h51

O Pig é assim mesmo. Segunda feira no Bom Dia Brasil a apresentadora Renata mostrava que a economia de Europa está em colapso. A Alemanha cortando gastos e Hungria com problemas também, tudo ruim. De repente começaram a falar do PIB do Brasil que estava projetando um crescimento acima de 6% para esse ano e ela indagava a Miriam PIG com a seguinte frase: "Miriam o Brasil vai crescer acima de 6% este ano, o que está dando errado." hehee é tragico pra não dizer comico…

Responder

Marcio Gaspar

09/06/2010 - 11h50

Um cara que se diz comentarista economico ao comentar sobre o crescimento chines dizer que a China cresce "la no esquema deles". Esta foi demais!!!. Quero saber qual o esquema deles? Sera' um 3-4-3 ou um 4-3-3, um PIB ofensivo, bem guarnecido e pouco arriscado, tambem pode ser um esquema 2-5-3, embolado no meio campo, bem ofensivo e pouco guarnecido. Prefiro os comentarios do Zagallo.

Responder

Marat

09/06/2010 - 11h49

Extra, extra: PIG toma uma PIBADA e está de cama!!! Extra Extra!!!

Responder

Elisa

09/06/2010 - 11h49

esses caras fizeram uma conta provando por A + B que se o salário mínimo passasse dos 100 dólares ia ter uma mega-inflação que iria corroer o salário, portanto, em defesa dos trabalhadores ! não poderia subir além desse teto. Hoje passou dos US$ 300 e está tudo muito bem. Aqui, porque em Honduras o Zelaya foi derrubado porque aumentou o salário minimo em 60%.
inventam uma estória de PIB potencial e fazem uma conta de investimento direto mais não sei o que dividido por tanto e no fim concluem que o PIB não pode crescer acima de 5% e nós estamos crescendo a 11,5% anualizados e cadê a explosão de preços, a multidão em frente aos supermercados e o caos aéreo, rodoviário, energético e exportático?
ah, véi, essa torcida contra já perdeu o seu lugar, mas ainda pode causar um mal enorme, vamos ver o que o "seu" Meireles, que é o homem que manda na política econômica do Lulinha, vai decidir hoje no Copom e esperar pra ver a cara de coitadinho do Mantega com o aumento da taxa Selic em 1%.
A conta quem paga é a gente.

Responder

    dukrai

    09/06/2010 - 16h00

    elisa, pra quem não sabe, é dukrai em lituano, e costuma deixar o computador logado, daí o dukrai, o original e verdadeiro, entra e manda recado no nome dela. Entenderam? acho que não.

Alberto Porém Jr.

09/06/2010 - 11h49

Pessoal, trocaram os encanamentos e fizeram as ligações erradas na Globo! Ligaram o vaso sanitário nos bebedouros!
Olhem o que Míriam Leitão afirmou hoje em Rede Nacional:

"O Brasil teve um crescimento chinês. Crescer demais pode virar um problema. Um ponto importante – que o economista da USP lembrou – é a poupança do país. Qualquer pessoa sabe que, na hora de fazer um investimento, é preciso guardar dinheiro. Se não guardar dinheiro, tem que pedir emprestado. É mais ou menos o que acontece com o Brasil.
Como as famílias poupam pouco e o governo não poupa nada (tem déficit), precisa pegar dinheiro do exterior.
Qualquer problema lá fora nos afeta aqui. Isso é um problema crônico do país. O Brasil, ao longo da história, sempre poupou pouco e não consegue manter crescimento por muito tempo. Isso que temos que evitar."

– Esta senhora em Rede Nacional esqueceu de dizer que quando crescemos hoje, temos um colchão de 250 bilhões de dólaresna base de sustentação! Inacreditável ela simplesmente perdeu o rumo e está atônita. Coitada.
A Globo precisa imediatamente revisar seus sistemas de abastecimentos de água, pois o encanador indicado pela Editora Abril não é confiável.

Responder

    Carlos

    09/06/2010 - 14h51

    "Ligaram o vaso sanitário nos bebedouros!"
    Boa essa,cara!
    O mesmo encanador atende a Folha, O Estadão,… com abastecimento direto do chiqueiro.

Marat

09/06/2010 - 11h48

Esse cara deve tomar uns chás de cogumelo. Só a senilidade não explica essa deturpação verbal. PIG realmente se supera em manipulação, mentira, sofisma e subserviência aos interesses do Império do IV Reich. Sardenberg, seu tempo (e de seus patrões) já passou!!! vade retro!!!

Responder

Marcelo de Matos

09/06/2010 - 11h45

As cassandras do PIG esgotaram seu repertório de negativismo. Já está faltando desgraça para estampar nas manchetes diárias. O impostômetro do Afif Domingues, as investidas contra a carga tributária elevada, os juros mais altos do mundo e outras figuras da retórica oposicionista já não surtem o efeito desejado. A afirmação de que só os bancos têm lucros cai no vazio diante das receitas milionárias de setores como álcool combustível, mineração, cigarro, cerveja, cosméticos, defensivos agrícolas, petróleo, etc. Joelmir Betting, na Band, já criticou o bicho homem que fica espetando o fundo do oceano para obter mais petróleo. É preciso estancar o progresso, do contrário a candidatura Serra não decola.

Responder

    Marat

    09/06/2010 - 11h52

    Aliás, para o tal de Afif e seus asseclas da FIESP, deveríamos criar o Sonegômetro!!!

    Edv

    09/06/2010 - 12h01

    Eles (da elite medíocre brasileira) sempre foram contra o progresso…
    …da maioria…
    …Só querem o deles…
    Por isso colocaram na nossa bandeira a sua interpretação:
    "Ordem", ou seja, todo mundo "quietinho e obediente"… e
    "Progresso": o deles, privilegiados, obviamente….
    Vejam que boa parte da nossa "elite" é formada por filhinhos mimados (e medíocres) de papais que lhes deixaram empresas e negócios que eles mal conseguem tocar. Mas não podem largar o "poder" e pagam seus "capangas" para tentar mantê-lo, tão truculentamente quanto for necessário. Sentem-se "estrangeiros" nascidos aqui.

Luis Otavio

09/06/2010 - 11h43

Reparem que o Sardemberg "desligou" o coments sobre a gravação do Jornal da Globo. Deve ter entupido a caixa de mensagens da Globo. A maior solicitação deve ser um pedido para ele entrar para o time de comdiantes da emissora. Patético.

Responder

Vinicius Cabral

09/06/2010 - 11h36

Quer dizer então que o país não pode mais crescer, pois corre o risco de morrer afogado em desenvolvimento? Eu entendi direito, é isso?

Outra pergunta: prá que Zorra Total se você tem Sardenberg e Leitão NO MESMO TIME???

Fica prá reflexão…

Responder

Clovis

09/06/2010 - 11h34

Agora vem a onda, medo do crescimento!!!!! Gente nos meus 46 anos, nunca vi uma coisa dessa!!! A Globo aterrorizando com o medo do crescimento!!! Acho que estou ficando velho!!! Que Deus abençoe minha pobre ignorância!!! E que Deus dê mais força para esses jornalistas que estão nas trincheiras lutando contra uma imprensa demoníaca!!!

Responder

Carlos J.Ribeiro

09/06/2010 - 11h33

Garanto que todo presidente gostaria de ter esse "problema". Dia 12 é dia dos namorados. O Zé Biruta poderia aproveitar e pedir p/ Sto. Antônio arrumar um parzinho pra ele…

Responder

    Carlos

    09/06/2010 - 12h21

    Um jornal do Paraná já indicou o vice: Álvaro Dias.

alaor

09/06/2010 - 11h29

Ao dizer que falta isso, falta aquilo, falta aquilo outro, o Sardenberg está explicando o que é fartura.

Responder

antonio carlos

09/06/2010 - 11h28

A cara desses fulanos do PIG querendo "descontruir" (na linguagem tucana) o sucesso do Brasil é uma atitude ridícula…. qualquer outro país no mundo adoraria estar na situação do Brasil.. pela lógica desses "jornalistas" se o mundo está mal o Brasil não pode estar bem, se o mundo está bem o Brasil poderia melhorar…. Xô Piguetes!! vão secar o capeta…

p.s. ontem a Vadvoguel do entre aspas tava insistindo ainda no "escândalo do dossiê"…. esqueceram de avisar pra ela que o Tucanogate já caiu em desgraça…. até uma diretora do Ibope, convidada do programa,… "minimizou' a importância desse "serróide" (facto criado pelo Serra)….

Responder

Edv

09/06/2010 - 11h27

Bom pra eles do PIG é vender a Vale, assim há uma boa e seletiva distribuição de $$$ que mantém seus empregos, com polpudos salários e "participações"… Ontem nos sites principais de notícias, nenhum de 7 que fui mencionavam os 9%. Veja dizia algo como: "PIB vai ser menor no 2o.semestre"; Uol: "Serra e Dilma divergem sobre PIB"…
Seria hilário, se não fosse patético!

Responder

Luis Armidoro

09/06/2010 - 11h26

É duro repetir slogans (sardenberg foi muito bem catequisado pela fé neoliberal) e deixar de pensar: ao invés de comemorar que se precisarão fazer estradas, apareceraão oportunidades de emprego, o PiG deseja um país estagnado pelo capital financeiro, com milhões de desempregados., fome e miséria; como na grande era fhc

Responder

Douglas Braga

09/06/2010 - 11h25

Dilma vai ganhar no primeiro turno com um pibão desses!

Responder

Bento

09/06/2010 - 11h25

Esses "especialistas" do PIG são uma piada. Perderam o senso do ridículo.

Responder

    Luís C.P.Prudente

    09/06/2010 - 19h00

    Será que eles mudaram o horário do seu programa humorístico para as sete e meia da manhã?

ÁLvaro

09/06/2010 - 11h25

Caros leitores:
Eis o papel da oposição! Levemos em conta que a mídia de massa, em sua maioria, faz oposição ao governo Lula. Esses tipos de discurso não devem mais causar estranheza ou revolta por parte do leitor atento. Seria esse o papel de uma concessionária de serviço público na área da mídia!? Envergonha-me, como brasileiro, ver uma legislação tão inócua. E Existe legislação para controle da mídia?! E nós, brasileiros, como verdadeiros idiotas, resumindo o Brasil a 11 homens correndo atrás de um pedaço de couro! Salvem-me!

Responder

Julio Cesar

09/06/2010 - 11h24

Crescer muito não é bom por que leva a um terceiro mandato de Lula (risos).
Lula é Muitos!
Dilma é Lula!

Responder

Marcelo

09/06/2010 - 11h22

O Tom Cavalcante tinha que contratar o Sadenberg pro "O Infeliz".
Hahahahahahahahahahahahaha!

Responder

    Werner_Piana

    09/06/2010 - 20h35

    inexplicavelmente, Tom Cavalcanti é PSDBista… pena!

Orlando Bernardes

09/06/2010 - 11h21

É de uma estupidez este comentário de que um país não pode crescer pois gera inflação. Só se gera inflação quando existe uma demanda por bens e serviços que o sistema produtivo não tem condições de prover. Aí sim é a velha regra da economia da procura e oferta. Todo crescimento é saudável para todos menos para os viúvos da estagnação – PSDB, DEM, PIG etc…. Adoram um país estagnado com altas taxas de juros e entrega do nosso patrimônio.

Responder

    VanderResende

    09/06/2010 - 19h49

    Concordo, mas realmente ha que se ter um controle do nível de crescimento, em um país em que nao ha ainda infraestrutura apropriada. E será que o Brasil é capaz de suprir a oferta de bens e serviços? Pode parecer tolice, mas veja a situação da legislação que obriga o uso de assentos para crianças de até 7 anos, que foi adiada até setembro porque os produtos estão em falta. É um produto específico, mas os preços subiram rápido e a oferta esta baixa.

Avelino

09/06/2010 - 11h20

Com Lula, a Era do Brasil está começando.

Responder

Jouber

09/06/2010 - 11h20

Fizeste bem em colocar essa declaração do Sardenberg na página de humor. Só rindo mesmo!!

Responder

Antonio Leandro

09/06/2010 - 11h20

Coitados desses velhos jornalistas, comentaristas e assemelhados; depois de tanto caminhar na profissão, ter que se prestar ao papel de dizer tanta porcaria ao vivo. Se eles não acreditam no que falam deve ser muito triste. Se acreditam, não aprenderam nada. E o pior é que a Globo, a Rede TV, a Bandeirantes, a TV Cultura (abertas e fechadas), a CBN etc, estão entulhadas desses antigos que falam lixo o tempo todo. Sem falar no jornalismo escrito. Ô jornalismo porco.

Responder

Bruno

09/06/2010 - 11h17

Já faltam estradas, portos, ferrovias, profissionais capacitados… só o Lula não vê que não dá pra crescer pra sempre com Bolsa Família e contratação de burocratas para a Máquina.

Responder

    vantuk

    09/06/2010 - 12h21

    lembro que a oito anos tbém faltavam estradas, portos, ferrovias e profissionais capacitados.
    ha dezoito tbém…

    Jairo_Beraldo

    09/06/2010 - 12h22

    Já chegou ao seu conhecimento, o projeto "o próximo passo" do governo Lula, Bruno? Procure se informar, que verá que tudo está andando dentro do planejado!

M. Klimberger

09/06/2010 - 11h14

É por essa e muitas outras que estou cancelando minha assinatura da TV por satélite, auela mesma cujo nome não vou dizer para não fazer merchandising… Está muito melhor assistir a NBR na parabólica e ao jornal da TV Brasil às 9 da noite que ficar sujieoto a Sardenberg, Míriam, Cristiana, Trigueiro e companhia. Eles "torcem" para o Brasil não dar certo que chega {às raias da irritação.

Responder

Cesar

09/06/2010 - 11h12

Esse pessoal do PIG sente azia quando a economia vai bem, não dá pra entender, dizem qualquer coisa, desde que seja contra.

Responder

joaquim jodelle

09/06/2010 - 11h10

claro que o PIB brasileiro bombar e ruim pro pessoal do PIG, como e que o serra vai continuar "empatado" com dilma, nas contas da datafolha e do ibope… trata-se de uma situaçao surreal: sardenberg, miriam leitao e outros estao se remoendo de dor de corno…

Responder

Paulo Roberto

09/06/2010 - 11h08

Hoje na globo, o Renato machado disse que até poderia ser uma boa noticia, mas diantes dos baixos investimentos e aquela ladainha toda. Como é dificil remar contra a maré. Eles já devem ter conciência que as opiniões deles não são ouvidas e portanto consideradas a lixo. Serra fez uma péssima parceria com o PIG, uma briga ingloria.

Responder

    Carlos

    09/06/2010 - 12h36

    "baixos investimentos"…
    Uma das justificativas para as privatizações foi "estimular os investimentos privados"… com dinheiro do BNDES, claro.

José Paulo Monteiro

09/06/2010 - 11h06

Trágico, muito trágico,,,,,,,,,,,,,,,,,hehehehe

Responder

rogerio espinheira

09/06/2010 - 11h05

Eu assisti o comentário do SARNAemberg, que tristeza. Agora, não podemos culpar o SARNAemberg por isso, temos que culpar é a Globo e o seu diretor de jornalismo.
Pelos comentários da grande mídia, dica evidenciado aquilo que o LULA sempre comenta: As ELITES querem que o Brasil continue pensando PEQUENO, o BRASIL não tem o direito de crescer de ser uma grande nação. Que tristeza essa MÍDIA.

Responder

tonicco

09/06/2010 - 11h02

Vamos divulgar e mostrar a todos as artimanhas e enganações do PiG.

Responder

Arnoldo

09/06/2010 - 11h02

É lamentável a postura da grande mídia. Poderíamos estar discutindo o nosso país e os desafios para sustentar o crescimento e desenvolver com equilíbrio e equidade. Mas a hora deles está chegando, viva os Azenhas da vida!!! Ainda bem que eles existem. Vocês serão o nosso futuro. Espero que logo.

Responder

    Edv

    09/06/2010 - 11h45

    Concordo, Arnoldo. (parte 1): O desserviço público que o PIG presta chega às raias da criminalidade.
    Não estou dizendo que não possam ter sua opinião (editorial, não no noticiário travestido)
    O que digo é que pelo interesse público, deve haver um equlíbrio de exposição dos "lados", de diversidade de "cores " de colunistas, liberdade para suas livres opiniões, responsabilidade legal pelos dados e informações publicados, direito de resposta, legítimo interesse pelo país e seus habitantes, etc.
    O que vemos é um cartel monopolista, dominado por um oligopólio de meia dúzia de "famiglias", ferrenhamente opositores do atual governo e em campanha deslavada por um candidato, que chegam ao ridículo de, em uníssono, exaltarem ou abafarem os mesmos temas e publicarem frequentemente a mesma manchete!… (continua)

    Edv

    09/06/2010 - 11h46

    Concordo, Arnoldo, parte 2): Os grandes temas relevantes são postos de lado e a discussão dos mesmos não se faz, desaparece. Só fica: dossiê pra cá, presidente índio criminoso pra lá, foto da artista, filha "bastarda" horas antes da votação, tc. Esta é a nossa grande mídia golpista. Quando estão na situação, dá-se o inverso: por ex: venderam criminosamente dezenas de bancos e empresas públicas gigantes, a maoria luvrativa e detentoras de patrimônios e conhecimentos estratégicos a preços aviltados e por lellões de envelopes fechados ao invés de ações em bolsa, como na Inglaterra. Aí o PIG se presta para justificar, defender, abafar, incriminar os opositores, etc.
    Seria ridículo, se não fosse patético!…

    Werner_Piana

    09/06/2010 - 20h31

    são criminosos mesmo, em especial os de rádio e tv, que usam do espectro eletromagnético, concessões públicas – e não sesmarias! – para fazer o que fazem estes moleques do PiG que se intitulam 'jornalistas' e/ou 'comentaristas'. A canalha impressa lê quem quer e acredita no produto de seu partidarismo quem for trouxa… e se não for sustentada pelos governos tucanodemos… encolherão impiedosamente.

Gerson Carneiro

09/06/2010 - 11h02

O PIG não revelou mas consultou o chinês Xi Shun, de 2,36 de altura, o homem mais alto do mundo, e realmente ele confirmou que "crescer muito não é bom".
[youtube oqXOARbJUUY http://www.youtube.com/watch?v=oqXOARbJUUY youtube]

Responder

    Milton Hayek

    09/06/2010 - 13h27

    Você tá aprendendo o non sense,Gerson!!!
    KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

    Gerson Carneiro

    09/06/2010 - 23h11

    E o mais barato é que no final do vídeo o PIBão coloca o PIGuinho no colo.

Alex

09/06/2010 - 11h00

"O PIB vai te pegar!" ficou ótimo…hahahaha…olha, tamanha desfaçatez nunca antes na história desse país se viu…

Responder

Angelo

09/06/2010 - 13h59

Os analistas do PIG estão esbravejando que assim não pode assim não dá
o FHC está em cena com sua frase, Ahhh se fosse no Desgoverno dele!!!!!

Responder

Tweets that mention PIB de 9%: “Surto” demonstra que economia do Brasil está doente | Viomundo - O que você não vê na mídia -- Topsy.com

09/06/2010 - 10h56

[…] This post was mentioned on Twitter by VIOMUNDO, Chico Zé, Bruno Pavan , Glauco Faria, Juliana Oliveira and others. Juliana Oliveira said: Alguém precisa salvar o Carlos Alberto Sardenberg: http://migre.me/MZYa […]

Responder

Ivonete

09/06/2010 - 13h54

Posto que o PIG afirma que o PAC não existe, logo, eles não podem exergar as obras de infra-estrutura que estão sendo construída. Posto que o PIG acusa o governo de gastar com programas sociais, eles não podem dizer que a qualificação profissional do povo brasileiro está ganhando folêgo com criação de novas escolas técnicas, pró-UNI, novos campi universitários e criação de novos cursos para formação de engenheiros. O PIG só pode apontar o dedu sujo para os problemas, mas não pode informar que as soluções estão em marcha.

Responder

Jerffesson

09/06/2010 - 13h53

Ué, se faltam estradas, portos e aeroportos, basta construir. Bom, já temos boas notícias na industria naval!
Pena que a oposição preocupa-se apenas em atacar o executivo ao invés de mostrar ao eleitorado um plano de governo digno.

Responder

    Jairo_Beraldo

    09/06/2010 - 12h13

    Mas o plano que eles tem, é de acabar de "doar" o espólio brasileiro!

voxetopinio

09/06/2010 - 13h50

Poxa Azenha, mas é o PIG. É realmente para diversão, só se for. O Sardenberg não ouviu falar no PAC ainda. o_O Nem no potencial que o estado-nação tem, na teoria/prática economica, de criar situações favoráveis e desfavoráveis ao desenvolvimento. Nesse ponto, vai assumir a presidência uma mulher que tem total domínio técnico do assunto. O perigo não é faltar, o perigo é o brasil virar um canteiro de obras que possa gerar um pais de PEDRA, sem vida, poluído. Se ele fosse por essa linha de raciocinio ao menos era plausível. Mas… É o PIG, Azenha. Hahaha.

Responder

Jairo_Beraldo

09/06/2010 - 13h38

Mas o duro mesmo, é o país crescer e começar a faltar dinheiro público para abastecer a grande mídia. Isso incomoda muito mais que 10 elefantes!

Responder

    Rodrigo Prado

    09/06/2010 - 13h50

    Falou tudo, Jairo. Eles não se conformam do dinheiro rolando por aí e não sobrar nenhum teco para eles.
    Será que a mídia aguenta mais 4 (ou 8) anos dessa seca??
    Não será para sempre que eles ficarão dependendo do Estado e a cidade de São Paulo para ficar abastecendo seus cofres com pacotes de assinaturas para órgãos públicos. Uma hora seca toda a fonte…

Deixe uma resposta