VIOMUNDO
O VIOMUNDO só é possível também através de anunciantes, e detectamos que você utiliza um AdBlock, bloqueador de anúncios.
Por favor considere ajudar o VIOMUNDO desativando o bloqueador para este site.
Cartas de Minas

Depois de Paulinho da Força votar pelo impeachment em defesa do emprego, Força Sindical experimenta o golpe; veja os vídeos

29 de abril de 2017 às 15h03

Da Redação

O deputado Paulinho da Força prometeu “ir até o fim” com Eduardo Cunha. Denunciou o PT como o “partido da Boquinha” e, ao votar pela abertura do processo contra Dilma Rousseff, falou em defesa do emprego e dos aposentados.

Agora, a entidade sindical fundada por Paulinho da Força denuncia a política econômica do governo Temer e, na greve geral, levou gás da PM de Geraldo Alckmin ao bloquear a avenida 23 de Maio, diante do aeroporto de Congonhas, como registrou Caio Castor.

Vejam, no vídeo abaixo, como há um fosso entre o discurso de Paulinho antes e o discurso de líderes da Força Sindical agora.

 

6 Comentários escrever comentário »

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Nilton dos santos Silva

18/05/2017 - 10h09

Sindicato são todos corruptos ai ta a prova quando viram politicos a coisa fica pior lula e suas máfias ele não crio um partido criou mafiosos

Responder

Lcarlos

01/05/2017 - 11h58

A verdade sempre vem a tona. …Aí p vcs que apoiaram o golpe parlamentar. Estamos afundando com este velho safado e seus ministros ladroes

Responder

a.ali

30/04/2017 - 22h55

Pelegao safado… gosta é de “surfar” ao sabor do vento e ganhar muitos $$ furando greve… tem a mão da FARSA SINDICAL no golpe e na situação, atual, do país!

Responder

Malconn

29/04/2017 - 22h03

Esse é pelegão . Tá fazendo só jogo de cena.
Quem fica do lado de bandido é bandido. Cunha é bandido e desde os anos 80 sempre foi.
Se ferrou pq pensou que ia ser ministro do Trabalho.
Podem ter certeza que o Paulinho tá levando algum do governo por baixo da mesa.

Responder

João Lourenço

29/04/2017 - 15h35

Pesquisem melhor seu Google que tem varias fotos do Paulinho abraçadinho com Lula e Dilma .Abraços

Responder

    cristina

    30/04/2017 - 09h40

    Pena que na hora que o Brasil mais precisava, no dia do golpe, ele tenha se manifestado do lado errado.

Deixe uma resposta