VIOMUNDO
O VIOMUNDO só é possível também através de anunciantes, e detectamos que você utiliza um AdBlock, bloqueador de anúncios.
Por favor considere ajudar o VIOMUNDO desativando o bloqueador para este site.

MP: Investigação de Capez será feita por força-tarefa de promotores e procuradores; mulher do deputado não atuará

28 de janeiro de 2016 às 16h56

Captura de Tela 2016-01-26 às 23.06.27

Luísa Alcalde, da Assessoria de Imprensa do Ministério Público Estadual

Por gentileza, segue resposta para publicação no site Viomundo, sobre a reportagem “Procurador que vai investigar Capez tem como assessora esposa de Capez”, republicada de postagem no facebook de Ricardo Alvarez:

“É absolutamente inadequada a associação das condições funcionais de terceiros ao trabalho de investigação realizado pelo Ministério Público do Estado de São Paulo envolvendo o deputado estadual e presidente da Assembleia Legislativa Fernando Capez em atribuídas ilegalidades em licitações para a compra de itens da merenda escolar.

Em razão do foro por prerrogativa de função, o presidente da Assembleia Legislativa somente pode ser investigado pelo procurador-geral de Justiça, que foi cientificado no dia 19 de janeiro da investigação, tendo constituído grupo de trabalho específico para a continuidade dos trabalhos, aguardando o compartilhamento das provas obtidas para a adoção das medidas necessárias.

A Dra. Valeria Palermo Capez, que é promotora de Justiça, não tem atribuição para atuação em matérias de atribuição exclusiva do procurador-geral, atuando somente nos limites do artigo 600 do Código de Processo Penal.

A investigação será conduzida pelo procurador-geral, que designará os mesmos promotores de Justiça que já conduzem as investigações, além dos Procuradores de Justiça Nilo Spínola Salgado Filho e Nelson Gonzaga de Oliveira.

A Dra. Carla Maria R. Elias Rosa, é procuradora do Estado desde  1987 e atua desde o início dos anos 90 na área da Consultoria Jurídica da Procuradoria Geral do Estado, sem qualquer subordinação hierárquica, funcional ou política ao Governo do Estado ou a qualquer Secretaria de Estado. A atuação da Consultoria Jurídica é limitada aos procedimentos de interesse da Procuradoria Geral do Estado e respeita a suas atribuições.

Por óbvio, a divulgação dessas circunstâncias desacompanhada de esclarecimentos quanto à real condição funcional da Dra. Valéria Palermo Capez e da Dra. Carla Maria Rossa Elias Rosa somente se prestam a ilações que são fruto de especulação imotivada, ofensiva e injusta.”

Márcio Fernando Elias Rosa

Procurador-Geral de Justiça

Leia também:

A íntegra dos depoimentos que comprometem o tucano Capez e outros no escândalo da merenda em SP

 

5 Comentários escrever comentário »

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Marat

28/01/2016 - 23h01

O Capez pode até ser inocente, mas que a justiça de SP (assim como o PIG) é totalmente amiguinha do PSDB, isso é verdade!

Responder

FrancoAtirador

28/01/2016 - 21h24

.
.
GLOBO PUBLICOU MANCHETE MENTIROSA SOBRE SERVIDORES
.
E SÓ DESMENTIU DEPOIS DE UMA SEMANA DE RECLAMAÇÕES
.
(http://imgur.com/78FeoPF)
.
(http://www.fenajufe.org.br/index.php/imprensa/ultimas-noticias/fenajufe/3826-globo-mente-ao-apontar-servidores-como-beneficiarios-de-auxilio-moradia)
.
(http://g1.globo.com/politica/noticia/2016/01/dilma-libera-r-419-mi-para-orgaos-do-legislativo-e-do-judiciario.html)
.
Francisco Medeiros
HÁ 7 DIAS
Informo aos leitores e jornalistas que este auxílio moradia é para juízes, procuradores e defensores! Que desde 2015 recebem R $ 4377,00 sem desconto de IR . Basta ler a Mp . Por favor divulgar a devida correção.
.
Luiz Souza
HÁ 7 DIAS
Só pode ser muita má-fé e/ou incompetência do “jornalismo” da Globo! Para a ciência dos ignorantes, quem recebe auxílio-moradia neste país são os procuradores, promotores e juízes!!! Aos servidores, verdadeiros trabalhadores, não se reconhece nem o direito à reposição de perdas inflacionárias.
.
Cléber Aguiar
HÁ 8 DIAS
G1, não minta para a população, os servidores não recebem auxilio-moradia, mas sim os juízes e procuradores. Aliás, os servidores estão sem reajuste há dez anos.
.
Edenia Costa
HÁ 8 DIAS
ERRATA: QUAIS, INCLUSAS. SERVIDORES DO JUDICIÁRIO HÁ 10 ANOS SEM REPOSIÇÃO DE PERDAS INFLACIONÁRIAS. JORNALISTAS DO G1, DETALHEM, POR FAVOR, COM INFORMAÇÕES PRECISAS, CLARAS E CORRETAS, QUAIS SÃO AS CLASSES DO JUDICIÁRIO E DO LEGISLATIVO, QUE ESTÃO INCLUSOS NA MP DE LIBERAÇÃO DE 491 MILHÕES PARA AUXILIO MORADIA. “O POVO PRECISA SABER” ATT. EDÊNIA
.
Samuel Teixeira
HÁ 8 DIAS
não seja ignorante enganado pelo globo, os servidores do judiciário não recebem auxílio moradia
.
Samuel Teixeira
HÁ 8 DIAS
que recebe são os juizes! não os servidores que estão 10 anos sem reajuste
.
Roberto
HÁ 8 DIAS
Ô Globo… Por que não falam que essa MANOBRA é para custear aumentos indiretos aos MAGISTRADOS e PROCURADORES? Os Servidores estão há quase 10 anos sem ver um centavo a mais nos seus salários. Lamentável a falta de compromisso com a verdade. Ou será intencional?
.
Marcelo Cruvinel
HÁ 9 DIAS
Pessoal do G1, FAVOR CORRIGIR a notícia: não são os servidores do judiciário que irão receber o auxílio moradia e sim os magistrados. Existe uma grande diferença e a população precisa ser informada corretamente.
.
Marcelo Cruvinel
HÁ 9 DIAS
Pessoal do G1, por favor corrijam a notícia: não são os servidores do judiciário que irão receber o auxílio moradia e sim os magistrados. Existe uma grande diferença e a população precisa ser informada corretamente.
.
.

Responder

FrancoAtirador

28/01/2016 - 20h20

.
.
Em se tratando de Aparelhamento do Estado,
.
quem nasceu pra PT jamais chegará a PSDB.
.
.

Responder

Tulio

28/01/2016 - 19h52

é o tal do espírito de porco….quer dizer de corpo

Responder

Deixe uma resposta